Relatório de pesquisa

Com o objetivo de atender ao princípio da transparência do uso dos recursos públicos pelo Governo Federal, o CNPq disponibiliza os relatórios de pesquisa apoiados com recursos financeiros por meio de suas chamadas públicas.

Trata-se, por um lado, de uma prestação de contas à sociedade dos recursos envolvidos no desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação e, por outro, da divulgação dos resultados das pesquisas desenvolvidas pelos cientistas apoiados pelo CNPq.

Os resumos disponibilizados neste espaço foram redigidos pelos pesquisadores, por solicitação do CNPq, em uma linguagem cidadã, ou seja, em linguagem que possa ser entendida por aqueles que não são cientistas.

O texto contido nos resumos dos projetos é de inteira responsabilidade do pesquisador e envolve um esforço de popularizar a ciência para o público leigo.

A busca poderá ser realizada de várias formas e fica a critério do interessado utilizar palavra-chave, área do conhecimento, por título da pesquisa, por área do conhecimento, Unidade da Federação, nome do pesquisador, entre outras.

  • I Ciclo de Seminários Paraíba INOVA: Indústria e Instituições de C&T&I em Prol da Inovação e o Desenvolvimento Sustentável

    Coordenador: Cláudia Maria de Figueiredo Lopes Maia
    Currículo
    Área:Tecnologia e Inovação

    Período de 17/07/2012 a 16/07/2013

    O I º Ciclo de Seminários PARAÍBA INOVA foi realizado no mês de abril nos municípios de Campina Grande, Patos, Souza e Cajazeiras. O ciclo de eventos teve por objetivo a disseminação de informações e a troca de experiências no campo da inovação e competitividade imbricados com o desenvolvimento sustentável possibilitando a interação ente representantes da indústria, das Instituições de Educação Superior, Empresas de serviços, Escolas Técnicas e alunos dos cursos do Sistema Indústria. Para tanto, as temáticas desenvolvidas foram de acordo com as principais vocações regionais, contextualizando assim, a teoria com a prática. O projeto propiciou levar a disseminação de conceitos de inovação e competitividade por meio de palestra ministrada em todos os municípios da região do sertão da Paraíba como forma de alavancar os processos inovativos no interior do Estado. Já no município da Campina Grande, o evento foi realizado em dois dias inclusive, com a realização do Workshop " Inovação: um desafio sustentável" cuja palestrante principal foi a profº Elaine Cristina do Centro Internacional de Inovação- C2I do estado do Paraná. Nele, foi possível discutir mais amiúde a importância de algumas ferramentas de gestão para a inovação, a exemplo de Plano de Negócios. Destaca-se que em todos os eventos integrantes do Lº Ciclo de Seminários PARAÍBA INOVA, houve convite para que os parceiros do projeto demonstrassem seus produtos e serviços. Houve a possibilidade também de expor alguns projetos inovadores de acôrdo com a área em questão a exemplo de Campina Grande, Patos e Souza que contaram com expositores de instituições explicando os resultados alcançados com projetos inovadores. A visualização poderá ser feita na coleção de fotos disponibilizadas em forma de vídeo para uma melhor compreensão da grandiosidade e alcance do projeto. Os resultados advindos de ações como esta poderão ser mensuradas em ocasiões como submissão de projetos inovadores em editais de fomento, etc.

  • Consolidação do Museu Virtual de Ciências Léa Fagundes

    Coordenador: José Claudio Del Pino
    Currículo
    Área:Tópicos Específicos de Educação

    Período de 26/08/2010 a 25/08/2013

    Neste projeto buscamos produzir um museu virtual de ciências, apresentando um projeto digital inovador e exibições virtuais de temas de ciências e de tecnologia que podem ser de interesse para a educação científica em nível escolar.

    museologia informática educativa ensino de ciências popularização das ciências didática das ciências
  • Desenvolvimento de uma Máquina Térmica Utilizando o Ciclo de Stirling para Produção de Energia Elétrica Utilizando Energia Solar como Fonte de Calor.

    Coordenador: Antonio José Silva Oliveira
    Currículo
    Área:Divulgação Científica

    Período de 12/11/2010 a 11/11/2013

    Este projeto: Desenvolvimento de uma Máquina Térmica Utilizando o Ciclo de Stirling para Produção Energia Elétrica que Utiliza a Energia Solar como Fonte de Calor, é um dos produtos oriundos da pesquisa desenvolvida pelo Laboratório de Divulgação Científica Ilha da Ciência (LDC Ilha da Ciência / http://www.ilhadaciencia.ufma.br) da Universidade Federal do Maranhão ? UFMA, que é um espaço interativo permanente de ciência e tecnologia, usado para formação de pessoas, pesquisa, popularização e difusão científica no Estado do Maranhão. Neste trabalho, desenvolvemos um protótipo de uma máquina térmica, que utiliza o ciclo do motor Stirling como base de seu princípio físico de funcionamento. Nela, uma fonte de calor decorrente da queima de biocombustíveis ou de energia solar, é suficiente para o seu completo funcionamento. Por ser uma máquina térmica que diferentemente dos motores de combustão interna como a de um automóvel, por exemplo, funciona apenas com a expansão e contração do ar contido em suas câmeras internas, gerando dessa forma uma poluição mínima para o meio ambiente. Sem contarmos o uso alternativo de uma matriz energética renovável (energia solar), como fonte de energia primária para o seu funcionamento. Este dispositivo é uma alternativa viável diante da crise energética vivenciada nos últimos anos. Pois, poderá ser usado para a produção de energia elétrica em comunidades isoladas, promovendo dessa forma, o desenvolvimento sustentável das atividades humanas.

  • Projeto Pedagógico do Curso de Pós-graduação lato-sensu: Especialista em manejo sustentável do Semiárido

    Coordenador: Valdi de Lima Júnior
    Currículo
    Área:Nutrição e Alimentação Animal

    Período de 12/11/2010 a 11/11/2013

    A criação do curso de Especialização em manejo sustentável do Semiárido fundamenta-se nas características sociais e do mercado de trabalho. É crescente a preocupação e o desenvolvimento de métodos e técnicas voltados à convivência com o Semiárido. A necessidade de profissionais capacitados nesta área é aquém da demanda dessa região. Dessa forma, o curso busca contribuir para o novo momento social, proporcionando a formação e a capacitação profissional e assim atender as necessidades da sociedade.

    especialização caatinga sustentabilidade animais nativos
  • Semana Potiguar de Ciência e Tecnologia

    Coordenador: Carla Yara Soares de Figueirêdo Castro
    Currículo
    Área:Divulgação Científica

    Período de 10/10/2012 a 09/10/2013

    Os meios de comunicação foram os mais diversos possíveis (impresso, rádio, portais da web e TV), especialmente a veiculação das informações através do site da FAPERN.

    popularização da ciência difusão do conhecimento Conhecimento pesquisa
  • FORMAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE COPAS/PORTA-ENXERTOS DE CITROS SOB ESTRESSE SALINO

    Coordenador: Marcos Eric Barbosa Brito
    Currículo
    Área:Engenharia de Água e Solo

    Período de 15/12/2011 a 14/12/2013

    O projeto "FORMAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE COPAS/PORTA-ENXERTOS DE CITROS SOB ESTRESSE SALINO", tinha como objetivo identificar genótipos de citros que pudessem ser recomendados para a produção de mudas de citros, e compor o sistema de produção, diversificando os pomares e aumentando a produtividade destes, já que os maior parte dos pomares de citros no Brasil são compostos por plantas da combinação limoeiro 'Cravo', como variedade porta-enxerto, e laranja Pera, como variedade copa. Sendo assim, para que o material possa ser tido como potencial, é necessário que apresente várias informações, dentre estas, a tolerância a problemas de origem biológica, como insetos e doenças, assim como os de origem não biológica, como os problemas naturais, a exemplo da seca e de presença de sais nas águas. A respeito da tolerância a salinidade, os citros são considerados sensíveis a salinidade conforme a literatura, porém, com o programa de melhoramento genético de citros, tem-se obtido novos materiais, frutos de cruzamentos potenciais, o que tem permitido identificar genótipos com maior qualidade. A exemplo, com o projeto desenvolvido, foi possível identificar quatro materiais que possuem características interessantes de tolerância a salinidade, o limoeiro 'Cravo Santa Cruz', que é uma derivação do limoeiro Cravo Comum, além dos híbridos LVK x LCR - 010, TSKC x (LCR - TR) - 040 e o TSKC x CTSW - 041. Neste materiais, pode-se usar água com condutividade elétrica de 2,4 dS m-1, que é uma água com teor de sais não recomendado para consumo humano, mas que pode ser usada na produção de mudas de citros sem inviabilizar a produção. Ainda, para pesquisadores, foi possível identificar mecanismos fisiológicos de tolerância, permitindo melhorar as tomadas de decisão em novas pesquisas.

    Citrus spp fisiologia seleção expressão gênica crescimento
  • PERFIL DOS USUÁRIOS DE CRACK EM TRATAMENTO HOSPITALAR NO ESTADO DO CEARÁ

    Coordenador: José Gomes Bezerra Filho
    Currículo
    Área:Epidemiologia

    Período de 22/12/2010 a 09/11/2013

    O propósito de mudança na concepção de internação hospitalar por uso de substâncias psicoativas tem um novo direcionamento de assistência, atuando numa lógica antimanicomial e interdisciplinar. Os objetivos do estudo foram: Analisar o perfil epidemiológico dos pacientes usuários de crack internados em leitos de hospitais gerais, regulados pelos SUS , nas principais macro-regioes do Estado do Ceará, sendo selecionados os municípios de Fortaleza, Sobral e Juazeiro do Norte, no ano de 2010; caracterizar o perfil sociodemográfico e clínico de usuários de crack, estimar a frequência, por tipo de internação psiquiátrica, devido ao uso de crack e descrever características desse atendimento tais como: custos, profissionais envolvidos e assistência. Estudo quantitativo, transversal tomando-se por base, dados de prontuários de pacientes internados. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa e financiado pelo CNPq. Quanto ao perfil dos usuários de crack, eram em sua maioria do sexo masculino, na faixa etária de 25 a 34 anos, com baixa escolaridade, sem ocupação no momento da admissão, com vínculo conjugal, com residência fixa. Relativo a tipologia das internações, mostrou-se estatisticamente significante ((p<0,05) o número de profissionais envolvidos, o valor da internação e o uso de outras drogas associadas ao crack. os fatores de risco para internação involuntária foram o uso abusivo de substâncias e a faixa etária de 25 a 34 anos. Relacionado ao tempo de internação foi observado que a idade dos usuários, o fato de estar desenvolvendo alguma ocupação e o número de profissionais que o assistem tem diferença significante (p < 0,05) na permanência hospitalar dos mesmos, foram descritos aspectos importantes dos usuários com tratamento anterior. A importância do conhecimento do perfil destes pacientes e características de internações nos permite uma reflexão sobre os modelos de atenção e direcionamento de políticas voltadas para este cenário.

    Internação Hospitalar Epidemiologia Cocaína Crack Transtornos relacionados ao uso de Cocaína
  • Impacto do processamento na qualidade do suco de laranja

    Coordenador: Magali Conceição Monteiro da Silva
    Currículo
    Área:Ciência de Alimentos

    Período de 15/12/2010 a 14/12/2013

    O Brasil é o maior produtor e exportador mundial de suco de laranja. A maior parte da produção brasileira de laranja é destinada à indústria. Mais de 97% do suco de laranja produzido no país é exportado. De cada 5 copos de suco de laranja consumidos no mundo, 3 são produzidos no Brasil, o que enfatiza a liderança brasileira no setor, já que nenhuma outra commodity se mostra tão expressiva no país. Os principais sucos de laranja industrializados produzidos no país são o suco concentrado (FCOJ-frozen concentrated oranje juice) e o suco pasteurizado (NFC-not from concentrate). O FCOJ é considerado o nosso ?carro chefe?. Contudo, como o FCOJ é submetido à temperatura elevada durante o processamento por um período de tempo maior que o NCF ocorrem mudanças drásticas, capazes de afetar o aroma e o sabor do suco, com formação de aroma e sabor estranhos, além de reduzir o aroma e sabor natural característicos. O projeto desenvolvido buscou avaliar o impacto do processamento do FCOJ na aceitação e no perfil sensorial e de voláteis do suco de laranja, visando identificar e quantificar as mudanças do sabor e do aroma relacionadas à perda de qualidade do suco. O conjunto de resultados obtidos indicou que a partir da etapa de concentração, considerada a mais crítica do ponto de vista da qualidade, o suco tem sua aceitação drasticamente reduzida, sendo também degradados os compostos voláteis responsáveis pelo frescor e sabor e aroma naturais e característicos de laranja, indicando a necessidade de ações da indústria no sentido de evitar a perda de qualidade do produto.

    ADQ aroma suco de laranja olfatometria aceitação sensorial composição de voláteis
  • VI SIMPÓSIO NACIONAL DE GEOGRAFIA DA SAÚDE - III FÓRUM INTERNACIONAL DE GEOGRAFIA DA SAÚDE

    Coordenador: Zulimar Márita Ribeiro Rodrigues
    Currículo
    Área:Geografia Humana

    Período de 24/06/2013 a 23/06/2014

    A divulgação inicial do evento ocorreu através do site www.vigeosaude2013.com.br, de cartazes e banners. Posteriormente o eevento também foi divulgado no site oficial da UFMA e nas redes sociais. Ao final a divulgação se deu através dos anais do evento contendo todos os trabalhos completos.

    Vulnerabilidade Qualidade de Vida Geografia Saúde
  • II Mostra Científica do IFRS - Campus Restinga

    Coordenador: Roben Castagna Lunardi
    Currículo
    Área:Sistemas de Informação

    Período de 30/12/2011 a 29/12/2013

    II Mostra Científica do IFRS - Câmpus Restinga: no ano de 2012 realizou-se a segunda Mostra Científica do IFRS - Câmpus Restinga, onde se buscou oportunizar um espaço para exposição, apresentação e discussão de trabalhos, estudos e projetos elaborados por estudantes do IFRS - Câmpus Restinga e das instituições de ensino convidadas.Foram 128 trabalhos expostos nos salões de níveis básico (fundamental e médio), técnico e tecnológico (superior), estimulando jovens cientistas a buscar o espírito crítico, a vontade de conhecer, aprender e incluir.. A II Mostra Científica sediou a I Competição Brasileira de Robótica Educacional (I COBRE), que reuniu participantes dos institutos federais do Rio Grande do Sul (IFRS e IFSul), Goiás (IFG), Rio de Janeiro (IFFluminense) e Bahia (IFBaiano) e da UFRGS. Na Feira das Profissões os Professores dos Cursos Técnicos e Tecnológicos do Câmpus Restinga realizaram esclarecimentos sobre os cursos, o perfil do egresso, as possibilidades de trabalho, e outros aspectos pertinentes aos Cursos de interesse da comunidade visitante. A diversidade e pluralidade cultural foram demonstradas nas mais diversas modalidades de atividades no espaço artístico, desde o cine câmpus com exibição de filmes e debates até grupo tradicionalista, bandas de rock, música clássica, ritmos afros, projetos instrumentais, palestras técnicas, e experimentos radiofônicos. Nosso estímulo ao movimento da economia solidária, com 8 empreendimentos da comunidade, que vem ao encontro do que pensamos para educação e sociedade, geração de renda e prevenção à violência, com educação de uma nova forma de pensar e agir em sociedade, em comunidade, e solidariamente. Foram mais de 30 escolas municipais e estaduais que visitaram o evento com transporte oferecido pelos organizadores e instituições parceiras. Por fim, mais de 3.000 pessoas circularam pelos estandes e participaram da II Mostra Científica do IFRS - Câmpus Restinga no ano de 2012.

    Mostra Científica Sustentabilidade
  • Mostrando 1 - 10 de 45078 resultado(s).
  • Página: 
  • Primeiro 
  • Anterior 
  • Próximo 
  • Último