Relatório de pesquisa

Com o objetivo de atender ao princípio da transparência do uso dos recursos públicos pelo Governo Federal, o CNPq disponibiliza os relatórios de pesquisa apoiados com recursos financeiros por meio de suas chamadas públicas.

Trata-se, por um lado, de uma prestação de contas à sociedade dos recursos envolvidos no desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação e, por outro, da divulgação dos resultados das pesquisas desenvolvidas pelos cientistas apoiados pelo CNPq.

Os resumos disponibilizados neste espaço foram redigidos pelos pesquisadores, por solicitação do CNPq, em uma linguagem cidadã, ou seja, em linguagem que possa ser entendida por aqueles que não são cientistas.

O texto contido nos resumos dos projetos é de inteira responsabilidade do pesquisador e envolve um esforço de popularizar a ciência para o público leigo.

A busca poderá ser realizada de várias formas e fica a critério do interessado utilizar palavra-chave, área do conhecimento, por título da pesquisa, por área do conhecimento, Unidade da Federação, nome do pesquisador, entre outras.

  • Kanaxywe e o mundo das coisas Karajá Patrimônios, museus e estudo etnográfico da coleção William Lipkind do Museu Nacional, (RJ).

    Coordenador: Manuel Ferreira Lima Filho
    Currículo
    Área:Teoria Antropológica

    Período de 30/10/2013 a 31/10/2016

    No anos de 1938-1939 um pesquisador norte-americano chamado William Lipkind fez uma longa pesquisa de campo entre os Karajá, um grupo indígena brasileiro que vive nas margens do rio Araguaia na região central do Brasil. Na oportunidade, ele fez estudo da língua do grupo, dos seus costumes e modo de pensar, além de fazer uma coleção de artefatos totalizando 527 objetos entre enfeites plumários, bonecas de cerâmica, armas, flechas, objetos rituais, remos e cestarias. Todo esse material está sob a guarda do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O projeto de pesquisa, financiado pelo CNPq possibilitou a localização, a organização e um melhor acondicionamento desse material importante para os Karajá e para a história da antropologia e do Brasil. Os Karajá já tiveram contato com a coleção por meio das atividades do projeto que estão à disposição deles para o regate do modo de fazer de antigos artefatos, de dados linguísticos do grupo e fazer da coleção fonte permanente de memória étnica.

    Museu Nacional Patrimônio cultural Karajá coleção
  • HISTÓRIA E MEMÓRIA DA ENFERMAGEM EM SITUAÇÕES DE GUERRAS, REVOLUÇÕES, CONFLITOS CIVIS E DESASTRES: CRIAÇÃO, DIFUSÃO E USOS HISTORIOGRÁFICOS DE FONTES FÍLMICAS

    Coordenador: Alexandre Barbosa de Oliveira
    Currículo
    Área:Enfermagem em Saúde Coletiva

    Período de 12/11/2013 a 30/11/2016

    Ao longo de sua história, em diferentes tempos, lugares e circunstâncias, a Enfermagem quase sempre esteve direta, pública e simbolicamente envolvida com as situações de guerras e desastres. Nesses momentos de caos, por vezes decisivos e importantes da história da humanidade, inúmeros são os exemplos em que mulheres e homens se alinharam à prática de Enfermagem, o que serviu de argumento irrefutável para o reconhecimento do valor e necessidade desta profissão no campo social.Com efeito, o envolvimento da Enfermagem nessas situações extremas e caóticas é marcante na história da profissão, o que bem explicita e justifica sua mobilização, necessidade de capacitação e intervenção em tais condições, ontem e hoje. Ademais, as guerras são importantes vetores da profissionalização da Enfermagem a nível global.Sob essa perspectiva é que foi desenvolvido o projeto de pesquisa HISTÓRIA E MEMÓRIA DA ENFERMAGEM EM SITUAÇÕES DE GUERRAS, REVOLUÇÕES, CONFLITOS CIVIS E DESASTRES: CRIAÇÃO, DIFUSÃO E USOS HISTORIOGRÁFICOS DE FONTES FÍLMICAS.Dentre as atividades desenvolvidas destacamos a produção de filmes documentários, trabalhos de conclusão de curso e material bibliográfico sobre o tema, desenvolvimento de matrizes de análise fílmica, formação de alunos de iniciação científica, residência e mestrado, páginas em redes sociais sobre o assunto, plataforma virtual em redução de riscos de desastres, discussões em sessões acadêmicas e eventos científicos sobre potencialidades do uso historiográfico de fontes fílmicas no ensino e pesquisa em Enfermagem, conferências, palestras, cursos, treinamentos e aulas em diversas instituições sobre a temática, integração e trabalho em grupo em redes nacionais e internacionais sobre desastres, além da criação do Grupo de Ensino, Pesquisa e Extensão de Saúde em Desastres no âmbito da Universidade Federal do Rio de Janeiro, que foi cadastrado no CNPq, o que foi especialmente motivado pelo desenvolvimento deste projeto de pesquisa.

    Pesquisa em Enfermagem História da Enfermagem Ensino em Enfermagem Enfermagem Enfermagem de Catástrofes
  • Novas estratégias para tratamentos quimioterápicos utilizando complexos de DNA - proteínas

    Coordenador: Marcelo Lobato Martins
    Currículo
    Área:Áreas Clássicas de Fenomenologia e suas Aplicações

    Período de 09/07/2014 a 30/06/2018

    Apesar do progresso realizado no diagnóstico e tratamento do câncer, as taxas de sobrevivência dos pacientes com tumores metastáticos, recorrentes, ou em regiões que não permitem a excisão cirúrgica, ainda são muito baixas. Na busca por alternativas terapêuticas, a nanotecnologia surge como uma rota central e promissora para o desenvolvimento de novos agentes anticancer. Neste projeto investigamos a possibilidade de alcançar alta seletividade e eficiência na liberação de agentes terapêuticos em células tumorais por meio de carreadores de fármacos do tipo "vírus artificiais auto-montados". Basicamente, estes carreadores consistem em moléculas de DNA contendo o fármaco intercalado em suas bases, recobertas por proteínas artificiais desenvolvidas na Holanda, que garantem o caráter seletivo do carreador. Caracterizamos o processo de montagem e a físico-química das interações envolvidas no carreador, testamos sua eficiência em células tumorais em cultura. Estes são os primeiros passos fundamentais para que o carreador possa em breve ter sua eficiência posta à prova in vivo.

    DNA cultura de células quimioterapia capsídeos artificiais
  • Sistemas Complexos e Espalhamento de Ondas Eletromagnéticas por Metamateriais

    Coordenador: Alexandre Souto Martinez
    Currículo
    Área:Física Estatística e Termodinâmica

    Período de 01/11/2013 a 31/10/2016

    Neste projeto de pesquisa visamos compreender aspectos fundamentais de sistemas por elementos simples, mas que o comportamento coletivo não pode ser compreendido ou previstos somente no conhecimento dos elementos de base. As interações entre esses elementos é de fundamental importância. Consideremos vários sistemas com essas características como os modelos epidemiológicos, onde os elementos são agentes que podem transmitir ou não uma determinada doença a outros agentes. Neste sistemas criamos métodos analíticos e numéricos novos para poder descrever a transmissão de uma doença de modo realista em especial damos importância a primeira etapa da transmissão visando seu controle. Outro sistema que consideramos são regiões semi-áridas, onde cada partição pode estar ou não coberta por vegetação. Por meio de dados coletados in loco e por imagens de satélites propomos um mecanismo mais geral para descrever os estágios de tais sistemas. Esse mecanismo permite estabelecer mais precisamente quando regiões semi-áridas podem ser regeneradas. Também estudamos novos materiais, mais especificamente os meta-materiais, onde consideramos sistemas com um núcleo e casca (core-shell) tanto na forma esférica quanto cilíndrica que interagem com a radiação eletromagnética. Tais sistemas apresentam propriedades não convencionais e são de interesse na industria. Prevemos a existência de ressonâncias que podem ter interesse prático.

    Modelos Baseados em Agentes Meios Desordenados Teoria dos Jogos Redes Complexas Caminhadas Aleatórias e Deterministas Modelos Epidemiológicos.
  • Testes Ótimos em Modelos Não Regulares, Finanças e Teoria da Decisão

    Coordenador: Caio Ibsen Rodrigues de Almeida
    Currículo
    Área:Métodos e Modelos Matemáticos, Econométricos e Estatísticos

    Período de 30/10/2013 a 31/10/2016

    Realizamos estudos em três subáreas acadêmicas que se encontram na interseção entre teoria econômica, econometria, e estatistica, sendo elas: Testes estatísticos ótimos, mecanismos robustos de compra e venda, e análise de estimadores de verossimilhança empírica. Os resultados obtidos foram diversos e podem ser aplicados a problemas de previsão de séries temporais, de desenho de novos mercados, de apreçamento de derivativos, e de análise de risco sistêmico em mercados financeiros.

    testes similares testes de hipóteses ótimos max-min testes mecanismos robustos estimadores de verossimilhança empírica.
  • Narrativa visual no fotojornalismo contemporâneo

    Coordenador: Greice Schneider
    Currículo
    Área:Comunicação Visual

    Período de 30/10/2013 a 31/10/2016

    A pesquisa Narrativa Visual no Fotojornalismo Contemporâneo propõe uma abordagem plural da fotografia no contexto mais abrangente de um jornalismo visual que explore o potencial narrativo em reportagens multimodais. Tal movimento se faz necessário diante do recorrente discurso de crise que as mudanc¿as tecnolo¿gicas te¿m trazido ao pacto de confiança do fotojornalismo enquanto meio testemunhal e uma consequente insistência no uso limitado da fotografia jornalística enquanto imagem u¿nica de um instante decisivo mitológico. Algumas das alternativas para essa crise encontram-se justamente na abordagem plural da fotografia, em especial, no agenciamento narrativo entre fotos de fontes diversas.Em um primeiro momento, foi feito o diagnóstico da exploração do potencial narrativo das fotografias nas galerias de grandes portais jornalísticos nacionais e estrangeiros durante dois grandes eventos ? a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Foram avaliados critérios como análise do formato de galeria e navegabilidade (limitações do template, sentido de leitura), fonte (agências, assessoria, leitor), articulação com as legendas (regimes de redundância ou complementaridade) e com as fotos no entorno (critério sequencial ou aleatório). Notou-se, de maneira geral, um excesso de redundância na composição das legendas, um alto nível de aleatoriedade na ordenação das fotografias e a pouca exploração das possibilidades de concatenação narrativa e construção de discurso. Além disso, ressaltam-se também restrições técnicas dos templates das galerias e limitações econômicas que poderiam impedir a incorporação de um editor de imagens.Em um segundo momento, a pesquisa debruçou-se estudos de caso que explorassem de maneira significativa uma série de tensões oriundas da narratologia multimodal já presentes nos estudos de narrativas gráficas, tais como as tensões entre o verbal e o visual, entre simultaneidade e sequencialidade, entre a presença da imagem única e imagens em série

    narratologia fotojornalismo comunicação visual
  • O Problema do Erro em Descartes e Espinosa

    Coordenador: Marcos André Gleizer
    Currículo
    Área:História da Filosofia

    Período de 01/11/2013 a 31/10/2016

    O projeto investiga o problema do erro em dois dos maiores filósofos do período moderno: René Descartes e Baruch Espinosa. Seu objetivo é esclarecer algumas das principais dificuldades envolvidas nas soluções propostas por estes dois expoentes do racionalismo para os problemas que surgem quando buscamos compreender a natureza do erro, determinar suas causas e explicar a possibilidade de sua ocorrência em um mundo cuja origem se encontraria em um ser absolutamente perfeito, ou seja, em Deus. Que este Deus seja pensado como transcendente e criador, como ocorre em Descartes, ou como imanente à Natureza, como defende Espinosa, em ambos os casos se trata de um ser perfeitíssimo. Como então compreender que ele cause um ser capaz de errar? Não será o erro - tanto no plano dos juízos falsos quanto no plano moral da conduta da vida - uma prova de nossa imperfeição? Como compatibilizá-lo com a perfeição de nossa causa primeira? Estas questões remetem a um problema clássico da filosofia conhecido como "problema da Teodiceia". Tanto sua eventual solução (como propõe Descartes) quanto sua eventual dissolução (como propõe Espinosa) repousam sobre o esclarecimento de diversos tópicos metafísicos e epistemológicos. A pesquisa examina alguns destes tópicos e mostra como, de Descartes a Espinosa, passamos de uma concepção do erro como uma falta imputável ao sujeito a uma concepção do erro como ilusão necessária decorrente de causas naturais.O projeto contém três partes. A primeira é dedicada a Descartes. Seu objetivo é elucidar as dificuldades envolvidas em sua teoria voluntarista do juízo e na tese da perfeição intrínseca do entendimento defendidas em sua teodiceia epistêmica. A segunda é dedicada à análise da exposição espinosista da solução cartesiana do problema do erro e à reconstrução de sua crítica radical desta solução. A terceira examina as principais dificuldades contidas na concepção espinosista do erro como privação de conhecimento envolvida nas ideias da imaginação.

    juízo Espinosa verdade erro privação Descartes
  • Consolidação do NIT do Sistema de Ciência e Tecnologia do Exército (NIT/DCT)

    Coordenador: Hélio de Assis Pegado
    Currículo
    Área:Defesa

    Período de 28/01/2015 a 31/01/2017

    O projeto em questão tem por finalidade a consolidação do Núcleo de Inovação Tecnológica no âmbito do Departamento de Ciência e Tecnologia (NIT/DCT) com impacto no Sistema de Ciência e Tecnologia do Exército (SCTEx). O SCTEx é constituído pelo Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT) do Exército, órgão de Direção Setorial (ODS),além de nove Organizações Militares subordinadas (OMDS), abrangendo diversas áreas de atuação científico-tecnológica: a)Centro de Desenvolvimento de Sistemas (CDS); b)Diretoria de Serviço Geográfico (DSG); c)Centro Integrado de Telemática do Exército (CITEx); d)Centro de Defesa Cibernética do Exército (CDCIBER); e)Centro de Comunicações e Guerra Eletrônica do Exército (CCOMGEx); f)Centro Tecnológico do Exército (CTEx); g)Instituto Militar de Engenharia (IME); h)Diretoria de Fabricação (DF); e i) Centro de Avaliações do Exército (CAEx). O núcleo de inovação tecnológica do DCT foi criado através da Portaria nº 907-Cmt EB, de 23 NOV 2009, e desde então tem realizado diversas atividades de gerenciamento da política de Propriedade Intelectual do Exército, de elaboração de um arcabouço normativo e de coordenação da implantação das Seções de Inovação Tecnológicas nas organizações militares acima indicadas. O DCT tem apoiado de forma eficaz a capacitação de recursos humanos do SCTEx nas áreas de inovação tecnológica e de propriedade intelectual. Como fruto deste trabalho apresenta-se a criação da Agência de Inovação Tecnológica (AGITEC) e diversos obtidos em instrumentos de parceria com Instituições Federais de Ensino, órgãos públicos e empresas de diversas áreas de atuação. Também são apresentados os resultados iniciais em termos de medidas de proteção da propriedade intelectual e de contratos de licenciamento para os produtos de defesa das organizações do sistema. O NIT/DCT, instalado na AGITEC, com estrutura enxuta e eficiente, visa atender as áreas de propriedade intelectual, prospecção e transferência de tecnologia e inovação.

  • Taxonomia integrativa da Classe Homoscleromorpha (Porifera): diversidade, citologia, reprodução e ecologia dos gêneros Plakina e Oscarella em Cabo Frio, RJ

    Coordenador: Guilherme Ramos da Silva Muricy
    Currículo
    Área:Taxonomia dos Grupos Recentes

    Período de 25/11/2013 a 30/11/2016

    A Classe Homoscleromorpha é um grupo chave para o entendimento da evolução dos animais, por apresentarem semelhanças maiores com os outros animais na organização dos tecidos e em sequências do DNA do que as outras esponjas. Nós analisamos a morfologia, anatomia, ecologia, citologia e sequências de DNA de vários morfotipos de dois gêneros desta Classe, Plakina e Oscarella, encontrados em Cabo Frio. A integração desses dados permitiu descobrir uma grande diversidade de espécies, na maioria novas para a ciência (2 das 3 Plakina e todas as 4 Oscarella) e determinar quais são as características mais úteis para distinguir as espécies em cada gênero: citologia para Oscarella, espículas e DNA para Plakina.

    Porifera Estado do Rio de Janeiro biodiversidade Brasil Homoscleromorpha taxonomia integrativa
  • Coordenador: Jorge Luiz Colodette
    Currículo
    Área:Tecnologia de Celulose e Papel

    Período de 01/02/2016 a 30/11/2016

    As madeiras de pinus e eucalipto são fontes importantes de matérias primas no Brasil para o setor de Celulose e Papel. Ainda no que tange o setor de celulose o nosso país, este possui um papel de destaque sendo o quarto maior produtor mundial de polpa celulósica. Encontrar novas aplicações e usos para a polpa celulósica é de fundamental importância para que o setor Florestal possa se consolidar cada vez mais contribuindo assim para a geração de emprego e renda em nosso país, bem como contribuindo para o crescimento de um segmento industrial de reconhecida sustentabilidade ambiental. Nesse contexto, a obtenção de celulose nanocristalina (CNC) e nanofibrilar (CNF) e suas aplicações em materiais compósitos tem despertado a atenção de pesquisadores e indústrias de base por apresentar-se como material com alta resistência e rigidez, aliado ao fato do baixo peso e disponibilidade no meio ambiente. Devido às características das nanoceluloses, muitos são os exemplos de possíveis aplicações na utilização da CNF e CNC, tais como nas indústrias automobilísticas para a fabricação de chassis, painéis e estofados, bem como pelas indústrias de plásticos, que poderiam obter produtos de maiores resistências mecânicas, aliados ao fato de tornar o processo mais ambientalmente sustentável, pelo uso de um polímero proveniente de uma cadeia de comprovada sustentabilidade ambiental, à de Polpa Celulósica. Além de usos já exemplificados, não podemos deixar de ventilar o uso desses materiais na própria indústria de Celulose e Papel. A obtenção de papéis nanoestruturados de elevadas resistências físico-mecânicas também tem estimulado o setor, e muitas empresas já anunciaram investimentos em plantas pilotos para produção de nanoceluloses. Vale destacar que devido aos grandes volumes de papéis produzidos anualmente em todo o mundo, o uso das nanoceluloses na produção de papéis surge como um dos mais promissores mercados para alavancar as indústrias de nanoceluloses.

    CNF CNC Nanocelulose celulose
  • Mostrando 1 - 10 de 48130 resultado(s).
  • Página: 
  • Primeiro 
  • Anterior 
  • Próximo 
  • Último