Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Aline Chaves Intorne

Outra

Ciências Ambientais
  • identificação da comunidade microbiana associada à macrófitas aquáticas e seu potencial biotecnológico na promoção do crescimento vegetal e biorremediação
  • Diversos microrganismos têm sido descritos como benéficos na associação com plantas. Essas associações podem resultar em contribuições únicas para processos biotecnológicos. Entre as interações benéficas que têm sido estudadas, estão aquelas em que as bactérias estabelecem simbiose com a planta. As interações simbióticas podem causar diversos efeitos benéficos na planta, como promoção do crescimento vegetal e resistência à compostos do ambiente. Dentro desse contexto, esse projeto tem como objetivo a identificação da comunidade microbiana associada à macrófitas aquáticas e seu potencial biotecnológico na promoção do crescimento vegetal e biorremediação. As plantas utilizadas nesse estudo serão as macrófitas aquáticas Pistia stratiotes e Salvinia auriculata. Inicialmente, a microbiota associada às plantas será identificada por metagenômica e seguido pelo isolamento em meio de cultura. Esses microrganismos serão caracterizados quanto à sua fisiologia como solubilização de nutriente, fixação de nitrogênio atmosférico, produção de compostos indólicos e utilização de substratos preferenciais. Os microrganismos também serão testados quanto à sua resistência a metais pesados (Cd e Cu) através de ensaios de concentração inibitória mínima. As bactérias isoladas serão identificadas por sequenciamento de DNA e sua diversidade analisada pela técnica de DGGE. As bactérias selecionadas serão inoculadas nas macrófitas aquáticas para avaliar seu efeito na promoção do crescimento vegetal e fitorremediação. As enzimas envolvidas no metabolismo de metais e promoção do crescimento vegetal serão quantificadas por PCR em tempo real. As bactérias selecionadas nesse estudo poderão ser utilizadas no desenvolvimento de estratégias de promoção de crescimento vegetal, biorremediação de áreas contaminadas com metais, sendo assim de grande potencial biotecnológico.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021
Foto de perfil

Aline Cristine Souza Lopes

Ciências da Saúde

Nutrição
  • avaliação da efetividade de intervenção coletiva para o manejo da obesidade em usuários da atenção primária com indicação de cirurgia bariátrica
  • A obesidade é um problema de saúde de pública crescente no mundo. No Brasil, atinge um quinto da população, com taxas crescentes em adultos. A obesidade se associa a outras morbidades, refletindo em maiores taxas de mortalidade e custos para os serviços de saúde, sobretudo nas suas formas mais graves. A demanda por tratamento cirúrgico é superior à capacidade do sistema de saúde, refletindo em grandes períodos de espera, e os serviços de saúde ainda carecem de estratégias efetivas para o tratamento longitudinal exigido de dois anos. Dessa forma, torna-se indispensável delinear ações específicas para indivíduos com indicação para cirurgia bariátrica, contribuindo para a maior efetividade do tratamento. O Brasil tem trabalhado para o fortalecimento da Rede de Atenção à Saúde e para ampliar a resolutividade do cuidado de pessoas com obesidade. Materiais baseados em evidências científicas, como o “Instrutivo de Abordagem Coletiva para Manejo da Obesidade no Sistema Únivo de Saúde” (no prelo), elaborado pelo GIN/UFMG (Grupo de Pesquisa de Intervenções em Nutrição da Universidade Federal de Minas Gerais) em parceria com o Ministério da Saúde, têm sido elaborados para auxiliar no cuidado e qualificar os profissionais de saúde. Este Instrutivo oferece ferramentas teórico-práticas para condução de ações coletivas com usários com obesidade, e constituirá a base da intervenção proposta nesta pesquisa. Suas ações foram pautadas no Modelo Transteórico, com elementos da Terapia Cognitivo-Comportamental, a partir da abordagem crítico-reflexiva visando assim, ofertar intervenções inovadoras, que promovam o empoderamento e a autornomia dos usuários para o autocuidado da saúde. Para isto, propõe intervenção diferenciada segundo a prontidão de mudança para redução do peso e busca contribuir para a superação das respostas emocionais negativas frente à obesidade. Considerando este contexto, esta pesquisa objetiva desenvolver e avaliar a efetividade de intervenção coletiva voltada para o manejo da obesidade em amostra representativa de usuários com indicação de tratamento cirurgico participantes do Programa Academia da Saúde (PAS) de Belo Horizonte-MG. O PAS foi escolhido como cenário de pesquisa devido os resultados positivos para promoção e cuidado da saúde, e por promover adesão satisfatória às ações de saúde. Será conduzido Ensaio Comunitário Controlado Randomizado pautado em intervenção coletiva proposta no “Instrutivo de Abordagem Coletiva para Manejo da Obesidade no SUS”, denominada Grupo Terapêutico 2 (GT2). A amostragem será guiada de forma a alcançar a representatividade do PAS no município, garantindo seleção de, pelo menos, duas unidades por região com similaridade de Índice de Vulnerabilidade à Saúde (IVS). Na sequência, será realizado sorteio para determinar a alocação em Grupo intervenção (GI) ou Grupo controle (GC). Nas unidades do PAS sorteadas serão incluídos na pesquisa: usuários com 20 anos ou mais, com obesidade e que atendem aos critérios para realização de cirurgia bariátrica, que querem e possuem disponibilidade de tempo para participar de grupos com duração de seis meses ou mais, e que possuem prontidão de mudança para redução do peso segundo o Modelo Transteórico (estágios de mudança de “preparação com alta autoeficácia”, “ação” ou “manutenção”). A Triagem para participação na pesquisa incluirá informações sociodemográficas; antropométricas (peso, altura e circunferência da cintura); estágios de mudança, grau de autoeficácia e equilíbrio de decisões para redução do peso; e questões para verificar indicação de cirurgia bariátrica. A partir da seleção dos elegíveis, será conduzida a Linha de Base e a Reavaliação, com informações sobre: condições e comportamentos de saúde; letramento em saúde; histórico e atitudes frente ao peso corporal; escolhas alimentares; habilidades culinárias; e comportamento e consumo alimentar segundo a classificação NOVA de alimentos utilizada no Guia Alimentar da População Brasileira. Serão realizados treinamento dos entrevistadores e supervisores de campo, controle contínuo da coleta de dados e análises de consistência visando garantir a qualidade dos dados obtidos na pesquisa. Participantes dos GC e GI participarão das atividades habituais ofertadas pelo PAS de Belo Horizonte, ou seja, prática de exercícios físicos três vezes por semana segundo as necessidades do usuário. Ações de alimentação e nutrição desenvolvidas durante a pesquisa serão monitoradas para inclusão nas análises. Adicionalmente, participantes das unidades PAS alocadas como GI participarão, durante 9 meses, de intervenção nutricional proposta para o GT2, ou seja, específica para usuários com indicação de tratamento cirúrgico da obesidade, conduzida pela equipe do GIN/UFMG, incluindo atividades presenciais (oficinas e ações no ambiente), não presenciais (mensagens motivacionais por aplicativo ou ligações telefônicas, e via cartão postal) e automonitoramento do peso. A efetividade da intervenção nutricional será avaliada pelo modelo lógico elaborado para esta pesquisa, tendo como desfechos principais: redução do peso e da circunferência da cintura; e como desfechos intermediários: estágios de mudança, grau de autoeficácia, equilíbrio de decisões para redução do peso; habilidades culinárias; automonitoramento do peso; e consumo alimentar segundo a classificação NOVA. As análises estatísticas constarão de testes de diferença de médias ou proporções, equações estimadas generalizadas e regressão logística. Espera-se que os resultados contribuam para aprimorar o cuidado ofertado no SUS aos usuários com indicação de tratamento cirúrgico da obesidade, parcela da população que possui poucas alternativas terapêuticas, apesar dos altos custos emocionais, sociais e financeiros envolvidos. Ademais, espera-se obter evidências quanto à efetividade e aplicabilidade da abordagem coletiva proposta pelo GT2, de forma a reforçar a relevância da Política Nacional de Alimentação e Nutrição, e do PAS.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 02/12/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Aline de Figueirôa Silva

Ciências Sociais Aplicadas

Arquitetura e Urbanismo
  • jardins públicos de salvador: um estudo sobre os jardins históricos de interesse patrimonial
  • O projeto de pesquisa propõe analisar os jardins públicos construídos entre o final do século XIX e a primeira metade do século XX, em particular as praças ajardinadas, na cidade de Salvador. Busca-se inventariá-los reunindo levantamentos documentais e cotejamentos com sua situação atual, com vistas à sua caracterização como jardins históricos de interesse patrimonial, considerando a escassez de trabalhos sobre o paisagismo local especificamente em relação à história dos jardins e sua preservação cultural. Prevê levantamentos de fontes primárias, escritas, iconográficas e cartográficas e de fontes secundárias nos acervos locais; revisão bibliográfica; visitas de campo; verificações in loco e registros fotográficos das praças; identificação da vegetação das praças ancorada em perspectiva multidisciplinar; e a análise das praças selecionadas na amostra a partir das variáveis definidas com base nas cartas patrimoniais, em particular a Carta de Florença, e textos de especialistas. O projeto visa ressaltar a importância histórica, paisagística e recreativa das praças ajardinadas de Salvador bem como estimular a integração entre as atividades de pesquisa e de ensino em Arquitetura e Urbanismo na UFBA.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aline de Souza Pagnussat

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • estimulação sensorial periférica em indivíduos com doença de parkinson – da mobilidade aos biomarcadores
  • Esta proposta tem por objetivo prosseguir e avançar nos estudos que vêm sendo desenvolvidos desde o ano de 2015 pelo Grupo de Pesquisa em Análise de Movimento e Reabilitação Neuromuscular (GNeR) da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre. No ano de 2015, a partir de convênio formal estabelecido com o Politecnico di Milano, Itália, foram realizados uma série de sete artigos científicos, dentre os quais cinco encontram-se publicados (1, 2, 3, 4) ou aceitos para publicação (5), e dois estão submetidos. A parceria com o Politecnico di Milano ocorreu na tentativa de promover a internacionalização do grupo de pesquisa e do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação. As atividades continuam em execução e ocorrem em parceria com a Prof. Dr. Manuela Galli e a Prof. Dr. Veronica Cimolin. Neste projeto de pesquisa, em específico, a intenção é consolidar a parceria existente com o Politecnico di Milano, mas também desenvolver a colaboração com outro pesquisador estrangeiro, atualmente pesquisador da The Queensland University, Austrália, Prof. Dr. Ewald Hennig. Sabe-se que a doença de Parkinson (DP) é um acometimento altamente prevalente em todo o mundo e que ocasiona distúrbios da locomoção e do equilíbrio, limitando as atividades de vida diária e a participação social dos sujeitos. Pesquisas recentes têm demonstrado que pacientes com DP apresentam redução na sensibilidade periférica (incluindo a região dos pés) e déficits de processamento central da informação sensorial e da integração com eferências motoras relacionadas à locomoção. Nos últimos anos, nosso grupo de pesquisa tem investigado os efeitos de dispositivos de estimulação plantar sobre diversos parâmetros da locomoção e do equilíbrio, nos níveis sanguíneos de biomarcadores relacionados à plasticidade neuronal e nos parâmetros de conectividade encefálica em repouso e em atividade (resting state fMRI and task-based fMRI, respectivamente). É sabido que a prática de atividade física induz uma série de benefícios sobre parâmetros inflamatórios e de plasticidade neuronal e que os déficits de sensibilidade podem prejudicar sua realização em pacientes acometidos pela DP. Nesse sentido, a partir da colaboração com o Prof. Ewald Hennig pretende-se caracterizar, de forma detalhada, os pontos de redução de sensibilidade em todo o pé de indivíduos com DP, incluindo-se a região plantar. A partir dessa caracterização, será desenvolvido produto calçadista de baixo custo que promova estimulação sensorial diferenciada nos pontos específicos de déficit de sensibilidade. Serão investigados os efeitos do uso de longo prazo do produto sobre parâmetros da locomoção, do equilíbrio, e nos níveis de marcadores sanguíneos relacionados à plasticidade neuronal. O presente projeto será subdividido em três etapas sequenciais, as quais terão por objetivo: (1) Determinar detalhadamente a localização e a amplitude do déficit sensorial tátil nas superfícies do pé e do tornozelo de indivíduos com DP, correlacionando esses achados com o estadiamento da doença e com as variáveis espaço-temporais da marcha; (2) Planejar e desenvolver o projeto do produto – Dispositivo Texturizado de Estimulação Sensorial dos Pés (DiTESP) – realizando ensaios e testes dos protótipos e projeto de viabilidade; (3) Investigar os efeitos da utilização de longo-prazo do DiTESP por indivíduos com DP, verificando seus efeitos sobre parâmetros da marcha, controle postural e biomarcadores sanguíneos. O Prof. Ewald Hennig possui estudos anteriores de avaliação sensorial em diferentes populações, além de possuir vasta experiência em indústria calçadista, tendo trabalhado em várias empresas conhecidas internacionalmente pela produção de calçados com alta incorporação tecnológica. Trata-se de uma parceria promissora e que possibilitará subsídios técnicos e tecnológicos para o desenvolvimento em pesquisa e inovação e formação qualificada de recursos humanos pelos Programas de Pós-Graduação envolvidos. 1. Kleiner AFR, Pagnussat AS, Prisco GD, Vagnini A, Stocchi F, De Pandis MF,Galli M. Analyzing gait variability and dual-task interference in patients with Parkinson's disease and freezing by means of the word-color Stroop test. Aging Clin Exp Res. 2017 (Impact Factor: 2.121) 2. Rozin Kleiner AF, Pagnussat AS, Pinto C, Rovido R, Salazar AP, Galli M. Automated Mechanical Peripheral Stimulation Effects on Gait Variability in Individuals with Parkison's Disease and Freezing of Gait: A Double-Blind, Randomized Controlled Trial (Ms. Ref. No.: ARCHIVES-PMR-D-18-00162). Arch Phys Med Rehabil. 2018 Jun 11. pii: S0003-9993(18)30355-1(Impact Factor: Impact Factor: 3.077) 3. Pagnussat AS, Kleiner AFR, Rieder CRM, Frantz A, Ehlers J, Pinto C, Dorneles G, Netto CA, Peres A, Galli M. Plantar stimulation in parkinsonians: From biomarkers to mobility - randomized-controlled trial. Restor Neurol Neurosci.2018;36(2):195-205 (Impact Factor: 2.101) 4. Pinto C, Pagnussat AS, Rozin Kleiner AF, Marchese RR, Salazar AP, Rieder CRM, Galli M. Automated Mechanical Peripheral Stimulation Improves Gait Parameters in Subjects with Parkinson Disease and Freezing of Gait: A Randomized ClinicalTrial. Am J Phys Med Rehabil. 2018 Jun;97(6):383-389 (Impact Factor: 1.843) 5. Kleiner, A. F. R. ; Arcila, D. M. C. ; Pinto, C. ; Salazar, A. P. ; Marchese, R. R. ; Barros, R. M. L. ; Galli, M. ; Pagnussat, A.S. The required coefficient of friction in Parkinson’s disease - People with Freezing of Gait. Functional Neurology (Roma. Testo Stampato), 2018 (Accepted for Publication – Impact factor: 1.855).
  • Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022