Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Marcelo Miranda Viana da Silva

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • sistemas dinâmicos e teoria ergódica
  • Este projeto tem como objetivo o desenvolvimento da teoria matemática dos sistemas dinâmicos com comportamento caótico, nas suas vertentes geométrica, analítica, probabilística, algébrica e topológica. Esta área de Sistemas Dinâmicos está entre as mais ativas e bem sucedidas nas áreas de pesquisa no Brasil e no estado do Rio de Janeiro. O coordenador, seus colaboradores e toda a equipe que integra este projeto vêm realizando pesquisa central nessa área, combinando pesquisadores seniores de destaque com jovens muito talentosos, alguns dos quais já alcançaram também destacada projeção internacional. Ela está formada por pesquisadores seniores (bolsistas 1A ou 1SR do CNPq) e jovens pesquisadores, a maioria dos quais está formada por bolsistas 2 do CNPq. Os seus trabalhos são publicados regularmente nas melhores revistas da área, tais como Annals of Mathematics, Publications Mathématiques de l'IHÉS, Acta Mathematica ou Inventiones Mathematicae.
  • Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada - RJ - Brasil
  • 18/04/2022-30/04/2025
Foto de perfil

Marcelo Müller dos Santos

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • aplicação de circuitos genéticos sintéticos para o monitoramento e remediação de bifenilas policloradas (pcbs) por bactérias
  • Os poluentes orgânicos são em sua ampla maioria compostos tóxicos para os seres humanos e outros animais. Muitos poluentes são persistentes em solos, fontes de água e na atmosfera devido a baixa degradabilidade no ambiente, como por exemplo bifenilas policloradas (PCBs). As emissões de poluentes orgânicos têm aumentado nas últimas décadas devido à atividade industrial, e mesmo aqueles que já foram banidos, como por exemplo os PCBs, ainda encontram-se em concentrações tóxicas nos diversos ecossistemas da Terra. Portanto, novas tecnologias para um rápido e preciso monitoramento ambiental e degradação de poluentes são necessárias para melhor gestão dos ecossistemas e ampliação de medidas de biossegurança. Contudo, essas tecnologias devem estar alinhadas com critérios sustentáveis, evitando a emissão de poluentes ao meio ambiente como efeito colateral do seu uso, sendo desejável que os componentes sejam totalmente biodegradáveis. O emprego de biossensores de células inteiras (whole cell biosensors) pode potencialmente resolver ambos os problemas. Como uma tecnologia de base biológica, os biossensores de células inteiras são totalmente biodegradáveis no ambiente ou sob condições controladas, resultando em baixo ou nenhum risco ambiental. Além disso, esses biossensores são economicamente viáveis, uma vez que têm um baixo custo de produção por processos fermentativos já estabelecidos industrialmente e podem ser facilmente manuseados ou transportados para áreas remotas de estudo. Sendo assim, neste projeto propõe-se a aplicação de princípios de biologia sintética para se desenvolver biossensores baseados em bactérias para detectar PCBs em amostras ambientais e degradá-los. As bactérias serão equipadas com circuitos genéticos construídos com genes que expressam enzimas de degradação de PCBs e reguladores transcricionais que respondem a PCBs ou aos seus produtos de degradação. Como resposta, os circuitos construídos expressarão na presença de PCBs repórteres para emissão de fluorescência, luminescência ou gás orgânico volátil (etileno ou metil haleto). A possibilidade de rastrear a absorção de PCBs pelas raízes de plantas cultivadas em solos contaminados é extremamente inovadora e representa um avanço significativo para a área de biosegurança, tendo em vista que a quantificação de PCBs em plantas pelos métodos tradicionais (extração com solventes e análise por cromatografia gasosa) ainda é um método laborioso, demorado, custoso e que exige a coleta de várias plantas para a extração. O método a ser desenvolvido nesse projeto permitirá a análise de absorção de PCBs individualizada. O sucesso desse projeto poderá ser estendido para outros compostos poluentes que já tenham reguladores transcricionais caracterizados e ativados pelos poluentes em questão.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 21/12/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Marcelo Nicolás Muscará

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • investigação dos efeitos de doadores de sulfeto de hidrogênio (h2s) de natureza química diversa sobre células endoteliais e musculares lisas vasculares em cultura, e sobre a pressão de perfusão do leito mesentérico de camundongos "in vitro"
  • Os efeitos vasorelaxantes do gasotransmissor endógeno sulfeto de hidrogênio (H2S), assim como os dos compostos doadores deste mediador, tem sido estudados em alguns leitos vasculares. No nosso laboratório observamos que o composto AP39 (um doador de H2S seletivo para a mitocôndria) e o doador inorgânico espontâneo de H2S – NaHS – relaxam anéis de artéria mesentérica de camundongo in vitro. Porém, existem diferenças substanciais nos mecanismos de ação destes compostos, e assim, surgem questões relativas 1) às células vasculares envolvidas nestas respostas ao H2S (i.e., endotélio e/ou células musculares lisas?), 2) aos componentes celulares que medeiam esta resposta (i.e., mitocôndria, canais iónicos de membrana, etc.) e 3) às características químicas dos compostos doadores que determinam diferentes velocidades de liberação de H2S. Assim, o objetivo geral do presente projeto é investigar os mecanismos de sinalização envolvidos nos efeitos vasorelaxantes de doadores de H2S de natureza química diversa utilizando culturas de células endoteliais e musculares lisas vasculares. Para tanto, serão investigados os efeitos destes compostos sobre a produção endotelial de NO (pela sua interferência com mecanismos de fosforilação de eNOS via AKt, mobilização de Ca2+ e síntese do cofator tetrahidrobiopterina - BH4), a participação de canais iónicos de membrana (TRPs, K+, Ca2+, etc.), assim como o envolvimento de enzimas antioxidantes endógenas e a função mitocondrial (a ser avaliada como consumo de oxigênio e produção de ATP). Ainda, e a fim de complementar os resultados obtidos com vasos isolados, serão avaliados os efeitos destes compostos sobre a pressão de perfusão in vitro de leito mesentérico de camundongos. Espera-se que estas informações permitam elucidar os mecanismos vasorelaxantes dos diversos doadores de H2S com vistas ao desenvolvimento de futuras estratégias terapêuticas que possam ajudar a atenuar o grande impacto das doenças vasculares na saúde pública.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcelo Perim Baldo

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • dinâmica da pressão arterial e de sua regulação diante da sobrecarga com sódio ou frutose: abordagem epidemiológica e de intervenção controlada
  • As recentes modificações das dietas e a grande disponibilidade de sódio e frutose levaram ao aumento exponencial no consumo desses dois nutrientes. Em adultos, o consumo de sódio é o dobro em relação às atuais recomendações, enquanto que o consumo de frutose atinge valores acima de 50 g por dia. Isso contribuiu diretamente para o avanço dos níveis pressóricos observados na população nas últimas décadas. De fato, as respostas da pressão arterial às alterações no sódio ou na frutose variam amplamente. O consumo excessivo de sódio eleva em média 4 a 5 mmHg da pressão sistólica, assim como ocorre redução da pressão arterial sistólica em aproximadamente 5 mmHg quando o sódio é reduzido. Não obstante, o excesso de frutose na dieta de indivíduos sadios eleva a pressão arterial em menos de duas horas, permanecendo alterada por pelo menos 2 semanas. Porém, embora haja interesse em estudar a fisiopatologia das alterações pressóricas ao sódio e à frutose, há menos interesse em sua avaliação clínica de rotina e nas alterações do complexo controle pressórico ativadas por esses fatores. Assim, a questão abordada por essa proposta será: “Quais as alterações pressóricas e do seu controle autonômico, renal e hormonal diante de uma sobrecarga de sódio ou frutose?”. Para responder a questão supracitada, realizaremos 3 protocolos com desenhos distintos, e que nos permitirão alcançar algumas respostas importantes para a evolução do conhecimento na área através do monitoramento dos parâmetros hormonais, renais e neurais do controle pressórico. Assim, a execução dessa proposta permitirá correlacionar o consumo de sódio e de frutose com as alterações circadianas da pressão arterial, da variabilidade da pressão arterial e da frequência cardíaca, e dos hormônios envolvidos no controle pressórico, e também avaliar a dinâmica das alterações da pressão arterial diante da sobrecarga controlada de sódio e de frutose para entender as alterações no controle pressórico diante dessas intervenções.
  • Universidade Estadual de Montes Claros - MG - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Marcelo Rodrigues da Silva Pelissari

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • o uso de células fotoeletroquímicas como uma ferramenta metodológica de baixo custo e elevada eficiência na conversão de energia renovável, remediação ambiental e sensores clínicos
  • Este projeto propõe a utilização de células fotoeletroquímicas como estratégia metodológica que apresenta, em suas arquiteturas, configurações simples, baixo custo de operação e elevada eficiência na conversão de energia limpa, remediação ambiental e na área da saúde em análises clínicas como sensores. A questão energética sempre foi um dos assuntos de destaque dentro das políticas públicas e no contexto atual de mundo globalizado o consumo energético cresce de maneira acelerada, necessitando de estratégias que possam suprir esta demanda. A preservação ambiental também é preocupante, com a crescente degradação do meio ambiente, oriunda das mais variadas formas, poluição atmosférica, contaminação de solos e sistemas aquáticos. Na saúde, um dos gargalos é a realização de exames clínicos, onde apresentam elevado custo e longo tempo de análise pelas metodologias empregadas. Então, a busca por estratégias que consigam utilizar determinados dispositivos e abranger as três situações problemas mencionadas, se torna interessante e surge como desafio a ser suplantado. Células fotoeletroquímicas emergem como propostas de elevado valor agregado, pois em suas configurações arquitetônicas apresentam simplicidade na utilização, baixo custo de operação e elevado desempenho na: conversão de energia limpa, implicando em geração de gás hidrogênio pela fotoeletrooxidação da água; remediação ambiental, na fotoeletrodegradação de diversos poluentes orgânicos em sistemas aquáticos; e saúde, mais especificamente em análises clínicas como sensores fotoeletroquímicos para detecção e quantificação de glicose, ácido ascórbico, entre outras moléculas de interesse clínico. Materiais semicondutores como vanadatos de bismuto e ferro (BiVO4, FeVO4 e Fe2V4O13) e oxihalogenetos de bismuto (BiOX, onde X = Cl, Br e I) serão utilizados como potenciais materiais de eletrodo para proporcionar alta performance nas células fotoeletroquímicas frente as situações problemas elencadas.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Marcelo Rodrigues Gonçalves

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • aplicação do guia brasileiro de alimentação saudável por teleatendimento para pacientes obesos da atenção primária: um ensaio clínico randomizado.
  • Introdução: Novas tecnologias nas áreas de saúde e nutrição, visando diminuir o fardo das doenças crônicas não-transmissíveis, vêm sendo propostas como alternativas ao atendimento presencial. Em indivíduos com obesidade, intervenções em telessaúde mostram-se efetivas em aumentar a qualidade de vida e alterar a ingestão dietética de indivíduos, sendo factíveis e com boa custo-efetividade. Objetivos: Avaliar o impacto de intervenção nutricional à distância baseada no Guia Alimentar para a População Brasileira, associada a psicoeducação de orientação cognitivo-comportamental por vídeos e treinamento da equipe multiprofissional da atenção primária na perda de peso, hábitos alimentares e qualidade de vida de adultos com obesidade em curto (8 semanas) e longo prazo (24 e 48 semanas). Métodos: Propõe-se ensaio clínico randomizado pragmático, aberto e multicêntrico, a ser realizado em unidades de saúde da atenção primária de Porto Alegre, com enfoque multiprofissional. Os participantes serão divididos em dois grupos: 1) Intervenção, que receberá teleatendimento em nutrição e materiais de apoio; e 2) Controle, que manterá seguimento com profissionais da sua unidade de saúde que receberão materiais informativos. Desfechos: Perda de peso (kg); alteração na pontuação no questionário de avaliação da qualidade de vida Short Form Health Survey 36 (SF-36); alterações no recordatório alimentar de 24h; satisfação com a intervenção recebida (Net Promoter Scale). Resultados esperados: 1. Identificar intervenção dietética efetiva e de fácil implementação em larga escala na atenção primária para pessoas com obesidade; 2. Publicação de 3 artigos científicos; 3. Divulgação na internet acompanhado de material utilizado para realização da intervenção, de modo que profissionais da área possam acessar e reproduzir os aprendizados na sua prática diária.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 02/12/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Marcelo Schramm Mielke

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • eventos climáticos extremos, estresse ambiente e fisiologia foliar de plantas lenhosas tropicais
  • As florestas tropicais contêm mais de dois terços da biomassa total das plantas terrestres vivas e apresentam grande importância para a preservação da cultura de comunidades tradicionais, para a manutenção dos recursos hídricos e para a atenuação das mudanças climáticas globais. Apesar disso, as florestas tropicais têm sido impactadas negativamente pela expansão das atividades humanas em todo o mundo. Além do desmatamento e das mudanças do uso da terra, efeitos antrópicos indiretos, causados pelas mudanças climáticas globais, podem ocasionar alterações na composição de espécies e na manutenção dos processos ecológicos em florestas cada vez mais fragmentadas. O aumento da temperatura média na superfície da Terra já vem ocasionando o aumento da ocorrência de eventos climáticos extremos, como ondas de calor, secas ocasionais severas ou enchentes. Esse projeto tem como objetivo investigar as respostas de folhas de plantas lenhosas tropicais submetidas a desidratação severa e altas temperaturas, visando auxiliar na compreensão dos efeitos de eventos climáticos extremos e suas interações com fatores de estresse ambiente na performance fisiológica dessas espécies. O plano de trabalho é constituído por sete ações de pesquisa que visam preencher lacunas acerca das possíveis respostas fisiológicas de plantas jovens de espécies lenhosas da Mata Atlântica em relação ao aumento da ocorrência de eventos climáticos extremos, abordando ainda aspectos da poluição ambiental e o uso de agentes mitigadores do estresse ambiente. As ações de pesquisa são sete experimentos que têm como eixo metodológico comum a desidratação foliar letal e,ou a termotolerância foliar. O desenvolvimento dessas ações de pesquisa deverá ampliar os conhecimentos acerca dos impactos de secas severas e ondas de calor na fisiologia foliar e, consequentemente, na sobrevivência e no crescimento de plantas jovens de espécies lenhosas tropicais.
  • Universidade Estadual de Santa Cruz - BA - Brasil
  • 20/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcelo Sobral da Silva

Ciências da Saúde

Farmácia
  • instituto nacional de ciência tecnologia – rede norte nordeste de fitoprodutos (inct–rennofito)
  • O mercado de fitoterápicos está estimado em cerca de 22 bilhões de dólares, correspondendo a 3,7% do mercado global da indústria farmacêutica. No Brasil, mesmo com o baixo acesso aos medicamentos, o mercado de fitoterápicos é estimado em 2 bilhões de dólares por ano, com grande potencial de crescimento, dada também pela grande diversidade biológica do país. As Regiões Nordeste e Norte apresentam a maior diversidade de plantas medicinais do Brasil e a singularidade das espécies de plantas medicinais das regiões que podem ser trabalhadas como Insumo Farmacêutico Ativo Vegetal e/ou Adjuvantes tecnológicos, seja como matéria-prima ativa vegetal, seja como base para síntese de outros produtos farmacêuticos com atividade potencializada, impõe a construção de um grande acervo de informações e socialização deste conhecimento, fundamentais para o aproveitamento deste potencial. Nesse sentido a Universidade Federal da Paraíba criou, em 1978, o primeiro Curso de Mestrado no Brasil em Farmacologia e Química de Produtos Naturais para formar recursos humanos com os conhecimentos simultâneos de química e farmacologia nos estudos de plantas medicinais. O referido programa de pós-graduação é responsável pela nucleação da maioria dos grupos de pesquisa em produtos naturais do Norte e Nordeste do Brasil. A evolução desta concepção levou à proposição do INCT-RENNOFITO, que tem como Núcleo Sede o Instituto de Pesquisa em Fármacos e Medicamentos da UFPB, onde se desenvolvem as pesquisas do Núcleo Sede e as atividades do Programa de Pós-Graduação em Produtos Naturais e Sintéticos Bioativos, nível 6 na CAPES, único da região Norte e Nordeste, e que será disponibilizado em rede às instituições associadas neste INCT. As 24 Instituições representando 6 estados da região norte (AC, AM, AP, PA, RO,TO) e nove estados do nordeste (AL, BA, CE, MA, PE, PI, PB, RN e SE compõem a RENNOFITO, cada uma com um pesquisador Líder. Objetivo Geral - O INCT-RENNOFITO se propõe a integrar os conhecimentos científicos, tecnológicos e inovadores na área de fitoprodutos envolvendo o uso sustentável da biodiversidade para produção de insumos farmacêuticos ativos vegetais e os respectivos fitomedicamentos, fitocosméticos e fitonutracêuticos em uma rede de abrangência nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. Objetivos Específicos – 1. organizar uma rede de pesquisadores em fitoquímica, farmacologia, toxicologia, tecnologia farmacêutica e pesquisa clínica atuantes em instituições do Norte e Nordeste. 2. ampliar e estimular a interação de pesquisadores em rede com grupos de pesquisadores internacionais consolidados; 3. desenvolver modelos analíticos e tecnológicos, viabilizando a padronização química-biológica e a produção dos insumos farmacêuticos ativos vegetais e derivados sintéticos para validar a qualidade das drogas vegetais constantes na relação da Lista de Plantas Medicinais do Sistema Único de Saúde do Brasil e outras das duas regiões que possam ser introduzidas no SUS; 4. desenvolver formulações para os fitoprodutos nas formas farmacêuticas sólidas, líquidas e semissólidas nos níveis de bancada e industrial; 5. ampliar o quantitativo de recursos humanos em níveis de mestrado e doutorado nas regiões Norte/Nordeste qualificando-os para atuar na cadeia produtiva farmacêutica dos fitoprodutos; 6. promover o desenvolvimento e consolidação de grupos de pesquisa em instituições emergentes e campi universitários em desenvolvimento; 7. promover a transferência dos conhecimentos gerados com os estudos das drogas vegetais medicinais através de oficinas de trabalho para o Sistema Único de Saúde; 8. promover, junto a agricultores familiares, a prática de cultivo e adensamento de plantas medicinais validadas; 9. interagir com indústrias, públicas ou privadas, produtoras de fitomedicamentos, fitocosméticos e fitonutracêuticos desenvolvendo produtos para o mercado; Metas – 1. Pesquisa – desenvolvimento de conhecimentos integrados da fitoquímica, farmacologia e toxicologia não clínica, tecnologia farmacêutica e pesquisa clínica para chegar aos fitoprodutos. 2. Formação de Recursos Humanos - nucleação de grupos emergentes, com ofertas de turmas pós-graduação stricto sensu do núcleo sede nas instituições associadas, além oferta de cursos de pós-graduação lato sensu nas temáticas relacionadas À Rede. 3. Transferência de Conhecimentos para a Sociedade - formação de recursos humanos através dos Cursos de Pós-Graduação lato sensu, tendo como público alvo as estruturas de saúde dos governos estaduais/municipais com vistas ao fortalecimento da cadeia produtiva do Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos. 4. Transferência de Conhecimentos para o Setor Empresarial e/ou Setor Público – transferência dos conhecimentos obtidos para as indústrias de medicamentos fitoterápicos, cosméticos e de alimentos com propriedades de saúde, instaladas ou a serem instaladas em incubadoras, além de socialização das informações com as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde, que receberão formação sobre a utilização das drogas vegetais padronizadas e seus respectivos usos, assim como os agricultores familiares das regiões de abrangência do projeto serão treinados para cultivo e comercialização de plantas medicinais validadas. 5. Internacionalização – troca de experiências tecnológicas com diversas instituições estrangeiras, com implementação de estrutura profissional, com atenção a mercados antes emergentes e agora estruturados. Participam desta proposta 138 pesquisadores brasileiros, de 24 Instituições do Norte e Nordeste, além de 21 pesquisadores estrangeiros e 12 Empresas privadas, interessadas nos resultados deste projeto. Perspectivas: A curto prazo será reunido e integrado as equipes de pesquisa e os conhecimentos já existentes; a médio prazo serão incrementadas as pesquisas originando os fitoprodutos e a longo prazo a consolidação da rede com a formação de recursos humanos (mestres, doutores e pós doutores) de elevada capacitação.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 28/11/2016-30/11/2024
Foto de perfil

Marcelo Tabarelli

Ciências Biológicas

Ecologia
  • perturbações antrópicas, mudanças climáticas e a biota futura da caatinga: implicações para a sustentabilidade (peld-catimbau) fase iii
  • De forma sucinta, a presente proposta objetiva examinar como perturbações antrópicas e mudanças no regime de precipitação afetam a biota da Caatinga em diferentes níveis de organização ecológica e quais são as implicações para a sustentabilidade de um sistema baseado na agricultura/pecuária de subsistência e no extrativismo florestal. Para alcançar esse objetivo geral, nós adotamos uma abordagem socioecológica com nove objetivos específicos, os quais constituem os módulos de execução do projeto: (1) natureza das perturbações antrópicas, (2) repostas das populações nativas, (3) padrões de diversidade das comunidades biológicas, (4) processos estruturadores das comunidades, (5) interações planta-animal, (6) produtividade florestal e ciclagem de nutrientes, (7) uso da terra e regeneração natural, (8) sistema de informação geográfica e (9) capacitação e transferência de informação (ações transversais). A execução do projeto e o alcance de seus objetivos baseiam-se no: (1) estabelecimento e manutenção de 117 parcelas permanentes no mosaico de uso da terra, (2) inventários multitaxa periódicos e estudos ecológicos de caso, (3) monitoramento contínuo de variáveis ambientais e antrópicas, (4) consolidação das informações biológicas, ambientais e de uso da terra em uma base do tipo SIG, e (5) disseminação/transferência das informações para a sociedade, através de um conjunto amplo de instrumentos. O projeto está sendo desenvolvido no Parque Nacional do Catimbau (Pernambuco) desde 2012, um polígono de ca. 70.000 ha, e uma das mais importantes unidades de conservação da Caatinga. O PARNA Catimbau apresenta vocação para estudos ecológicos dessa natureza, pois: (1) constitui um Sítio PELD-CNPq devotado a pesquisas ecológicas de longa duração, (2) reúne um patrimônio biológico, arqueológico e paisagístico de valor inestimável, (3) abriga áreas com diferentes históricos de uso da terra e de pressão antrópica sobre a vegetação de Caatinga, (4) inclui iniciativas de pesquisa e formação de recursos humanos em curso e (5) possui gestão, logística e infraestrutura favoráveis às iniciativas de longa duração. A presente proposta está sendo executada, atualmente, por uma rede composta por 20 pesquisadores e seus estudantes de graduação e pós-graduação (mestrado e doutorado), os quais estão vinculados a várias instituições nacionais e estrangeiras. O núcleo de operação desta proposta constitui-se dos PPGs de Biologia Vegetal e de Biologia Animal da Universidade Federal de Pernambuco. Neste momento, 63 estudos estão em execução (16 IC, 13 MS, 34 DR e 3 Posdocs). Entre os produtos esperados desta proposta podemos citar: (1) a publicação de 40 artigos científicos, (2) a formação de, pelo menos, 50 mestres e doutores em ecologia e biologia da conservação, além do treinamento de estudantes, gestores de UCs e moradores de comunidades locais, (3) estabelecimento de protocolos de boas práticas, (4) a ampliação de parcerias científicas, consolidação de grupos de pesquisa e formação de um grupo de pensamento estratégico, no que se refere às questões que envolvem a biota da Caatinga e florestas secas, (5) consolidação do PARNA Catimbau como Sitio PELD, ampliando oportunidades para geração de conhecimento científico, formação de recursos humanos e transferência de informação para a sociedade que vão além daquelas já contidas nesta proposta, e (6) transferência contínua de informação para a sociedade através de um conjunto amplo de instrumentos, os quais atingirão desde comunidades locais até tomadores de decisão em escala federal. Em síntese, esta proposta é capaz de ampliar a massa crítica e o conhecimento sobre como as biotas secas respondem às mudanças de uso da terra e de precipitação (cenários futuros), com todas as implicações que estas respostas podem ter para a gestão da biodiversidade e para o alcance do desenvolvimento sustentável em regiões semiáridas, incluindo a Caatinga. Como proposta integradora/ampliadora de iniciativas já em curso (e.g. PRONEX, PELD, PROBRAL, Humboldt) a mesma tem sua viabilidade e continuidade enormemente facilitada. Desta forma, esta iniciativa preenche todos os requisitos e ambições do Programa PELD-CNPq.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 03/12/2020-31/12/2024
Foto de perfil

Marcelo Yudi Icimoto

Ciências Biológicas

Morfologia
  • regulação celular dos receptores de cininas e angiotensinas: implicações na evolução de pacientes com covid-19.
  • O desbalanço dos Sistemas Renina-Angiotensina e Calicreína-Cininas é relevante na evolução no quadro clínico de pacientes com COVID-19. Como principal ator, a ECA2 é uma proteína humana que atua como receptor para a infecção do vírus na célula hospedeira. Além disso, a ECA2 é uma peptidase essencial no controle dos peptídeos vasoativos derivados de Bradicinina (BK) e Angiotensina I (Ang I), e atua no controle da pressão arterial, coagulação sanguínea e inflamação. Como consequência destas ações locais, a depleção de ECA2, causada pela infecção do SARS-CoV-2, pode ser também responsável pela intensificação de sintomas da COVID-19, diretamente relacionada com a tríade se sintomas (inflamação, resposta imunológica prejudicada e distúrbios de coagulação), que podem culminar na injuria renal. O desafio a ser alcançado por nosso grupo, e hipotetizado aqui, concerne no entendimento do papel do balanço e da relação dos peptídeos, derivados de BK (DBK e BK1-7) e de Ang 1 (Ang II, Ang 1-7, Ang 1-9 e Ang 1-5), entre si, e a modulação dos seus receptores, uma vez que, dentro do mesmo sistema, podem atuar de formas sinérgicas e/ou antagônicas. Para tal, a fim de complementar as metodologias de detecção e ensaios biológicos já utilizados pelo grupo, pretendemos desenvolver ensaios funcionais de vias celulares com os receptores de ambos sistemas (AT1, AT2, Mas, B2R e B1R). A resposta será analisada a partir na inoculação dos peptídeos derivados de BK e Ang I, purificados de modelos animais: nocaute para ACE2, nocaute para os receptores, e animais tratados com antagonistas dos receptores. Metodologias já bem estabelecidas por nosso grupo serão também utilizadas, tais como imunoensaio, clonagem, cromatografia líquida e espectrometria de massas. Como perspectivas, frente à superação do nosso desafio, pretendemos estender tal metodologia de estudo funcional para ensaios de infecção viral in vitro e analises de amostras de pacientes com diferentes graus de evolução de COVID-19.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcia Aguiar

Ciências Humanas

Educação
  • raciocínio matemático na escola básica: investigando a aprendizagem profissional do professor de matemática
  • Desvelar e compreender o conhecimento matemático dos professores para o ensino constitui um importante campo de pesquisa na formação de professores, em especial, quando se considera a prática letiva como ponto de partida. No estudo, pretendemos compreender as oportunidades de aprendizagem profissional do professor (APP) para o desenvolvimento do conhecimento matemático para o ensino acerca de processos de raciocínio como conjecturar, generalizar e justificar, sendo o raciocínio matemático uma competência básica na aprendizagem. Assim, assumimos que processos formativos que consideram a prática letiva do professor e as discussões coletivas como cernes na APP podem contribuir para a (re)construção do conhecimento matemático para o ensino. Com o objetivo de compreender como ocorre a (re)construção de conhecimentos matemáticos de professores para o ensino na escola básica acerca dos processos de conjecturar, generalizar, justificar presentes na matemática escolar, queremos responder: Como as tarefas de aprendizagem profissional (TAP), as discussões coletivas e o papel e as ações do formador realizadas em processos formativos podem contribuir na (re)construção do conhecimento matemático para o ensino acerca dos processos de raciocínio matemático? A produção de dados será realizada em dois ciclos de um processo formativo para professores de matemática, por meio do uso de TAP. Essas TAPs serão construídas a partir de registros de práticas dos professores, e estruturadas para promover discussões matemáticas e didáticas a respeito dos processos de raciocínio matemático na escola básica. A metodologia se insere em uma perspectiva qualitativa-interpretativa, por meio do Design-Based Reseach (DBR) e visa oportunizar a professores, por meio de um trabalho colaborativo, aprendizagens a respeito dos processos do raciocínio matemático. Assim pretendemos contribuir para a implementação de novas práticas e a elaboração de materiais curriculares para a formação de professores.
  • Universidade Federal do ABC - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Márcia Alves da Silva

Ciências Humanas

Educação
  • memórias, discursos e narrativas de mulheres na construção de uma educação decolonial e interseccional
  • A proposta tem caráter interdisciplinar e se ancora, especialmente, na área de educação e nos estudos de gênero. Trata-se de uma experiência acadêmica que procura trazer uma colaboração na construção de uma educação feminista latino-americana de(s)colonial, que problematiza as histórias de vida das mulheres, reconhecendo seus saberes, partindo de uma compreensão crítica sobre os processos de colonialidade do saber e do poder patriarcal. Para isso busca-se: 1) resgatar as histórias de vida de mulheres, através do trabalho de coleta e análise de narrativas (auto)biográficas, a partir de algumas categorias básicas para se pensar a emancipação das mulheres, como família, formação e/ou escolaridade, trabalho, conjugalidade, maternidade entre outras; 2) contribuir para a construção de um pensamento feminista latino-americano, que incorpore os conhecimentos e a cultura das mulheres do sul; 3) contribuir para a construção de um pensamento educacional feminista de(s)colonial, que se alimenta da contribuição advinda da educação popular, dialoga com ela e a reelabora na perspectiva de gênero; 4) contribuir na consolidação do grupo de pesquisa D’Generus: Núcleo de Estudos Feministas e de Gênero, do CNPq, fortalecendo as pesquisas que vêm sendo implementadas pelo grupo; e, ainda, 5) colaborar na construção de conteúdos que reverberem em disciplinas tanto da Graduação como da Pós-Graduação em Educação. Os grupos nos quais estamos trabalhando atualmente são os seguintes: mulheres jovens e idosas ativistas feministas; mulheres professoras e estudantes, mulheres camponesas, mulheres negras universitárias, e mulheres vítimas de violência e em situação de vulnerabilidade. Assim, busca-se contribuir para um processo de emancipação, através do resgate de memórias, que carregam histórias de vida. Esse processo se constitui num momento de formação para as participantes que, através da metodologia empregada podem ressignificar e refazer suas trajetórias, tanto individuais como coletivas.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 09/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Márcia Aparecida Ferreira de Oliveira

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • metodologias de pesquisas populacionais referente à epidemiologia do uso de substâncias psicoativas: uma revisão de escopo
  • O consumo de álcool e outras drogas é um grave problema de saúde pública, o planejamento de programas e políticas públicas deve contemplar grandes parcelas da população o que justifica a necessidade do desenvolvimento de pesquisas que possam utilizar os inquéritos populacionais como subsídios à formulação e avaliação destas políticas. Esta proposta tem por objetivo mapear, descrever e sistematizar inquéritos populacionais em saúde de relevância nacional e internacional na área do uso de álcool e outras drogas. Trata-se de uma pesquisa de revisão elaborada de acordo com metodologia de revisão de escopo recomendada pelo Instituto Joanna Briggs. Para tanto, três questões foram elaboradas: Quais são os inquéritos de relevância nacional e internacional, de base populacional, que abordaram dados sobre o uso de álcool e outras drogas? Quais são as metodologias de pesquisas e as variáveis analisadas nos inquéritos populacionais referentes à epidemiologia do uso de álcool e outras drogas? Como os inquéritos populacionais, que abordaram dados sobre o uso de álcool e outras drogas, coletaram as variáveis sociodemográficas relacionadas às políticas de equidade? Espera-se que os achados dessa revisão de escopo possam subsidiar investigações de amplo domínio sobre o uso de álcool e outras drogas, contribuindo para a formulação de políticas e programas que visem a redução das consequências do uso de álcool e outras drogas no Brasil.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 05/12/2021-31/12/2022
Foto de perfil

Marcia Barbosa Henriques Mantelli

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • novas tecnologias de dissipadores de calor miniaturizados para aplicações em dispositivos eletrônicos compactos
  • O desenvolvimento de equipamentos eletrônicos cada vez mais compactos e de alto desempenho têm elevado a concentração da geração de calor e, consequentemente, ao aumento da temperatura de operação, a principal causa de falha, redução da confiabilidade e diminuição do ciclo de vida destes. Portanto, transferir, espalhar e rejeitar excesso de calor de componentes eletrônicos é a chave para o avanço tecnológico. Mini dissipadores de calor são dispositivos altamente eficientes, que se utilizam da mudança de fase de um fluido de trabalho para transferir calor passivamente, sem consumo de energia. Como exemplo, os mini tubos de calor planos estão entre as tecnologias térmicas mais avançadas e confiáveis para o gerenciamento térmico de eletrônicos, como computadores portáteis, tablets, smartphones, satélites e espaçonaves. A literatura mostra que poucos grupos de pesquisa conseguem fabricar tubos de calor muito finos. Recentemente, a união por difusão tem se apresentado como uma técnica eficiente para a fabricação de destes dispositivos de transferência de calor, pois é capaz de produzir peças monolíticas, preservando a microestrutura e as propriedades do metal base. O LABTUCAL/LEPTEN é o único grupo de pesquisa no Brasil que conta com um forno de união por difusão com capacidade de exploração comercial. O presente trabalho visa estudar teórica e experimentalmente diversas configurações de dispositivos que trabalham com mudança de fase para o transporte de energia térmica. Para isto serão projetados, fabricados e testados experimentalmente dispositivos planos miniaturizados, com espessuras de 0,5 a 2,5 mm, incluindo tubos de calor convencionais, pulsantes (PHP), em circuito (LHP), termossifões convencionais e em circuito. Um dos principais resultados do presente projeto é estabelecer um “mapa de aplicações”, de onde pode-se determinar para quais aplicações uma tecnologia específica é a mais adequada.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Márcia Caruso Bícego

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • variações paleoceanográficas e paleoclimáticas ao longo do holoceno na margem continental sul do brasil: utilização de marcadores orgânicos moleculares em testemunhos de alta resolução
  • O sedimento presente nas margens continentais é o destino de parte importante do material orgânico autóctone e alóctone nos oceanos. O estudo da matéria orgânica sedimentar permite identificar processos biogeoquímicos ocorridos no passado através das assinaturas por eles deixadas com as mudanças ambientais. O Holoceno apresenta características climáticas vitais para o crescimento e desenvolvimento da sociedade. Compreender os processos que impulsionaram as variações climáticas e encontrar eventos cíclicos no registro geológico durante esse período podem revelar a sensibilidade, frequência e probabilidade de mudanças climáticas no futuro. Os marcadores orgânicos moleculares são caracterizados por apresentarem especificidade de fonte e estabilidade molecular. Em escala geológica, os processos de deposição desses compostos no meio marinho estão relacionados com mudanças nas condições climáticas e oceanográficas da região. O presente projeto visa identificar processos oceanográficos e climáticos por meio da avaliação simultânea em nível elementar, isotópico e molecular da matéria orgânica sedimentar, associado a características texturais do sedimento, em depocentros lamosos localizados na plataforma continental Sul do Brasil. Esses depósitos lamosos fornecem registros sedimentares longos, contínuos e de alta resolução úteis para inferir sobre as variações do clima no continente adjacente, do aporte fluvial, da produtividade marinha, da temperatura de superfície do mar, e da hidrodinâmica da plataforma. Alguns testemunhos já coletados e datados nessa região cobrem período holocênico e são objeto desta proposta. As análises dos compostos orgânicos serão realizadas por cromatografia gasosa com detecção de massas com triplo quadrupolo (GC/MS/MS), um instrumento com altíssima sensibilidade analítica e com potencial para explorar diferentes biomarcadores moleculares considerados proxies climáticos.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 21/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcia Cristina Bernardes Barbosa

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • soluções aquosas: ciência básica e novas tecnologias
  • Os fenômenos de difusão, fluxo e estruturação em sistemas complexos estão intimamente conectados. Na escala nanométrica, a estrutura assumida por fluidos possui um papel fundamental nas propriedades difusivas. Este comportamento apesar, de muitas vezes ser descrito classicamente não é uma expansão trivial da hidrodinâmica clássica, pois a nanoescala opera na interface clássico/quântico, possuindo elementos de ambos. Consequentemente, compreender a nanofluídica e estas relações é um desafio em aberto porque o comportamento de fluidos nanoconfinados e em interfaces difere do esperado e observado no bulk - dependendo muito das propriedades do material confinante. Em paralelo, o entendimento da agregação e cristalização de blocos nanométricos para a formação de macroestruturas é essencial para novas tecnologias construídas a partir das novas propriedades presentes na nanoescala - e o comportamento do solvente, como a água, afeta esta agregação. Então compreender o comportamento da água é compreender este Lego Molecular. Das inúmeras aplicações tecnológicas decorrentes do comportamento de fluidos em nanoescala, pode-se ressaltar a captura e estocagem de gases poluentes, filtros altamente seletivos, sensores, descontaminação do solo e dessalinização e purificação da água. Desta forma, este projeto une uma abordagem computacional de diferentes níveis - de simulação ab-initio até mesoescala - para responder a questão teórica sobre a natureza da dinâmica dos fluidos em nanoescala com esforço experimental no desenvolvimento de novos materiais a partir da compreensão dos processos a nível nanométrico e micrométrico que regem desde a obtenção e funcionalização de um material até sua aplicação para sistemas complexos. Essa abordagem conjunta e em diferentes níveis permitirá compreender os processos básicos e também propôr aplicações tecnológicas como, por exemplo, filtros para dessalinização e esponjas para poluentes com amplo espectro de adsorção ou altamente seletivas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Márcia da Silva

Ciências Humanas

Geografia
  • sobre poder e geografia – “donauschwabens” no sul do brasil: hegemonia regional, inserção internacional e controle social
  • A proposta apresentada tem como abordagem geral analisar o papel hegemônico, exercido nas relações de poder, dos donauschwabens (Suábios do Danúbio), localizados no Sul do Brasil, em Entre Rios/Guarapuava/PR e em Jaraguá do Sul/SC, na dinâmica regional, na inserção econômica internacional e no controle social. Em termos específicos, analisar a participação político-partidária, o empoderamento feminino e a autonomia juvenil no interior dos mesmos. A problemática busca analisar esses dois grupos germânico-alemães originários da Hungria e da Alemanha/Iugoslávia, chegados ao Brasil em 1891 e 1951, respectivamente, em sua atuação na dinâmica regional de seus tempos e espaços e na inserção econômica internacional, bem como ao controle social. A hipótese, então, é a de que os suábios do Danúbio, mesmo em condições de origem, de chegada e de estabelecimento no Brasil (um mais ao rural e outro no urbano) diferenciados, permanecem como hegemônicos, internamente contraditórios (sofridos, lutadores e vencedores) e externamente com hegemonia econômica. As estratégias metodológicas compõem-se de cinco etapas: coleta de dados e informações nas representações diplomáticas da Hungria, Alemanha e Áustria no Brasil; b) coleta de dados no Parlamento húngaro, em Budapeste, e no Parlamento austríaco, em Viena (realizadas em 2015 e 2017); c) coleta de dados em centros de memória/instituições suábias em Entre Rios e Jaraguá do Sul; d) trabalho de campo em Entre Rios e Jaraguá do Sul para reconhecimento das memórias e representações, dos lugares das coletividades, das diferenciações socioeconômicas, dentre outros e; e) entrevistas com membros das comunidades suábias (empresários/as, agricultores/as, mulheres, jovens, políticos/as e outros), de Entre Rios e Jaraguá do Sul. Por fim, importa-nos o desafio de buscar, na realidade, o respaldo para realizar o trânsito dos dados sistematizados, das evidências empíricas, do referencial teórico e do diálogo com interlocutores de pesquisa.
  • Universidade Estadual do Centro-Oeste - PR - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcia de Paula Leite

Ciências Humanas

Sociologia
  • saindo da crise: as novas configurações dos trabalhos de cuidado
  • Este projeto tem como objetivo analisar as características dos trabalhos de cuidado no Brasil nos anos 2022 a 2024. Esse tipo de trabalho é historicamente exercido pelas mulheres, em atividades de enfermagem desenvolvidas em clínicas, casas de repouso, hospitais e à domicílio, bem como em atividades domésticas, no cuidado de crianças, idosos e enfermos. Tais atividades vêm crescendo devido tanto ao envelhecimento da população e à falta de equipamentos públicos voltados ao atendimento de idosos e incapacitados, como pela entrada maciça das mulheres no mercado de trabalho desde os anos 1970, ao lado da escassez de creches e escolas públicas de tempo integral. Esse processo gerou: diversificação dos vínculos de trabalho; surgimento de novas configurações, como o trabalho plataformizado; recrudescimento de outras, como o terceirizado, por conta própria e informal; bem como a diferenciação das condições de trabalho. Adicione-se o fato de que muitas cuidadoras foram instadas a não mais deixar o local de trabalho a partir da pandemia para evitar a contaminação, configurando verdadeiras situações de cárcere privado. Para cobrir esse conjunto de situações, a pesquisa se desdobrará em: 1) estudos sobre o mercado de trabalho que nos permitam identificar quem são essas trabalhadoras, quais seus vínculos de trabalho, remuneração, gênero e raça; 2) levantamento de trabalhadores por plataforma 3) análise sobre como as instituições públicas do trabalho se têm posicionado frente às demandas propostas e aos problemas enfrentados pelas trabalhadoras; 4) levantamento e análise de dados primários por meio de entrevistas realizadas com lideranças sindicais e de movimentos sociais do setor; 5) levantamento e análise de dados fornecidos mediante realização de grupos focais de trabalhadoras de base do setor. O projeto propõe que os dados secundários sejam levantados para o espaço nacional e que a pesquisa de campo se concentre nos Estados de São Paulo, Santa Catarina e Bahia.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcia dos Santos Machado Vieira

Lingüística, Letras e Artes

Lingüística
  • portal digital de estados de coisas em português e em línguas românicas a variar e ensinar
  • Vide projeto anexo Propõe-se pesquisa socioconstrucionista sobre tipos de construções de predicação verbal em corpora escritos de variedades nacionais do Português, bem como deles em comparação com corpora escritos de variedades das línguas românicas francês e espanhol, perspectivando ciência da estabilização e variação e ensino de Português em espaços de língua materna e não materna. A meta é construção e curadoria de um portal digital de corpora escritos, usos e descrições de predicação verbal. A proposta integra o plano de interesses científicos e ações em linguística teórica, descritivo-comparativa e aplicada do projeto franco-brasileiro VariaR – Variação nas línguas românicas (https://variar.wixsite.com/variar). A diretiva é resolver o problema de acesso a dados e descrições qualificadas de expressão de estados de coisas via predicações verbais em línguas românicas, especialmente em espaços de trabalho com Português língua (não-)materna. Hipotetiza-se que há usos e convergências e divergências a detectar com base na comparação entre línguas e variedades de línguas românicas que podem alimentar bases de trabalho nacionais e internacionais relativas a certas práticas comunicativas no mundo hiperconectado, como ensino, tradução, interpretação, dublagem. A plausibilidade dessa hipótese está evidente no fato de, no Brasil, ser cada vez mais crescente o recurso a plataformas digitais de dados estrangeiras (Corpus do Português, SketchEngine, por exemplo) e no fato de muitas construções de predicação ainda não serem perspectivadas em práticas e materiais de ensino de Português (entre elas, construções com verbo suporte). A estratégia metodológica pauta-se nas orientações de análise empírica de usos/corpora de Sociolinguística e de Gramática de Construções em que pesam uma rede de fatores formais e funcionais (nestes, semânticos, discursivos, pragmáticos, cognitivos e socioculturais). E o fim é entregar à comunidade científica e não-cientifica o portal digital.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Marcia Dutra de Barcellos

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • identidade, conflitos e a transição para sistemas alimentares sustentáveis
  • O setor de alimentos é um dos principais responsáveis pela perda de biodiversidade e emissão global de um terço dos gases de efeito estufa. A produção e consumo de produtos de origem animal estão no centro desta discussão, e há uma pressão crescente para redução no consumo de proteínas de origem animal e substituição por alimentos à base de plantas, por exemplo. Para a transformação dos sistemas alimentares globais é necessária uma reflexão sobre o padrão de consumo atual e o redesign da produção. A Economia Circular oferece ferramentas para essa transição, pois o conceito é restaurador por design e visa otimizar ativamente os sistemas (Ellen MacArthur Foundation, 2021). No entanto, a mudança nos padrões de produção e consumo de alimentos é desafiadora pela complexidade do fenômeno. De forma paradigmática, grandes players do setor de carnes global criam linhas de produtos à base de plantas, churrascarias surgem com posicionamento vegano e os investimentos em food-tech startups são crescentes. Os consumidores sinalizam a aceitação e intenção de aumentar o consumo de produtos alternativos, tanto na Europa quanto no Brasil, apesar de o consumo de proteínas animais ser a norma social dominante nas culturas ocidentais. Assim, este projeto visa explorar como as identidades dos consumidores e das empresas estão se transformando em direção a um mercado de alimentos eco-inovadores, à base de proteínas alternativas. Objetiva-se identificar conflitos e paradoxos emergentes. Por meio de estudos multi-métodos retro e prospectivos sobre o consumidor e as empresas, viabilizados através das parcerias internacionais, objetiva-se compreender a transição de identidade e os seus impactos corporativos e comportamentais. O projeto visa contribuir com recomendações concretas de políticas públicas, comunicação e gestão empresarial para apoiar uma transformação bem-sucedida e acelerada rumo à produção e consumo mais sustentáveis, contribuindo assim para os ODS das Nações Unidas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 07/02/2022-28/02/2025