Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Wallace do Couto Boaventura

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • aplicações de processamento de sinais em sistemas de energia: sistemas de medição e monitoramento distribuído e simulação de transitórios
  • As aplicações de técnicas de processamento de sinais têm propiciado desenvolvimentos importantes na área da engenharia elétrica. A área de Sistemas de Energia tem se beneficiado enormemente dos avanços nos sistemas de medição e aquisição de dados e da aplicação de técnicas de processamento de sinais. Este projeto tem por objetivo básico atuar na pesquisa científica tecnológica desenvolvendo aplicações de processamento de sinais em tópicos da área de sistemas de energia. Especificamente, são abordadas as áreas de sistemas de medição e monitoramento distribuído (voltados para o monitoramento da qualidade da energia e de parâmetros meteorológicos), simulação de transitórios em tempo-real e simulação de transitórios eletromagnéticos de grandes sistemas por meio de computação distribuída. Os recursos do projeto serão aportados no laboratório de pesquisa do Departamento de Engenharia Elétrica da UFMG, o LAPIS – Laboratório de Aplicações de Processamento de Informação e Sinais, consolidando sua infraestrutura, possibilitando o desenvolvimento de pesquisas multidisciplinares. A equipe de alunos do LAPIS atualmente conta com cinco alunos de doutorado (pelo menos três alunos atuarão diretamente neste projeto), quatro alunos de mestrado (um aluno atuará no projeto) e quatro alunos de graduação, além de alunos voluntários. Os resultados esperados para o projeto incluem teses de doutorado, dissertações de mestrado e a publicação de artigos técnicos em periódicos e congressos nacionais e internacionais.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Wallace Patrick Santos de Farias Souza

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • prêmio salarial para trabalhadores de empresas exportadoras: o que explica esse diferencial?
  • Este estudo tem como objetivo decompor o diferencial de salário dos trabalhadores de empresas exportadoras e não exportadoras, observando ainda a contribuição de cada característica dos grupos nesse diferencial. Dentre as características, será observado se o matching entre trabalhadores e firmas é melhor nas empresas exportadoras e se nestas a desigualdade salarial por gênero é menor. Pra isso, utilizou-se um painel de dados empregador-empregado do Brasil para os anos de 2003 a 2013, fornecidos pela Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) no qual contém informações sobre trabalhadores e firmas, além do status de exportação da firma (variável de interesse) oriundo da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). Para a decomposição, foi utilizado o método desenvolvido por Firpo et al (2007) enquanto para a desigualdade salarial será utilizado o método desenvolvido por Guimarães e Portugal (2010). Há indícios de que a diferença pode ser maior nos estratos superiores da distribuição de salários e que os atributos pessoais são mais importantes para esse diferencial.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Wallans Torres Pio dos Santos

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento de sensores eletroquímicos simples e rápidos para determinação de drogas em saliva humana e amostras apreendidas: aplicação em análise forense e controle de doping
  • O presente projeto apresenta um plano de trabalho para realizar estudos avançados no desenvolvimento e caraterização de sensores eletroquímicos portáteis e sensíveis para aplicação no controle de doping e análises forenses. A aplicação dos sensores no controle doping será baseada na determinação direta das drogas em amostras de saliva humana, buscando uma detecção simples e rápida de drogas lícitas e ilícitas, que são consideradas como estimulantes e, consequentemente, proibidas no exame antidoping de atletas. Os sensores eletroquímicos desenvolvidos também serão aplicados para a identificação preliminar de novas substâncias psicoativas (NPS) em amostras apreendidas pela Policia Civil do Distrito Federal e do Estado de Minas Gerais. Neste contexto, o plano de trabalho inclui o desenvolvimento de sensores eletroquímicos baseados em eletrodos impressos simples ou modificados com nanopartículas de carbono (ou metálicas). As nanopartículas serão estudadas e caraterizadas por experimentos de nano-impacto. Considerando as perspectivas de sucesso desse projeto, a determinação dessas drogas estimulantes em amostras de saliva, na forma inalterada ou de seus respectivos metabolitos, pode viabilizar uma análise portátil e rápida para os exames antidoping, bem como auxiliar na comparação dos resultados obtidos em amostras de urina. Além disso, a determinação de drogas ilícitas em saliva pode ser uma proposta de um sensor simples, não invasivo e de baixo custo para detectar uso de drogas, como por exemplo, cocaína e tetraidrocanabinol, em condutores automotivos ou de supostos criminosos presos em flagrante. O sucesso dos resultados pode também proporcionar uma aplicação na identificação preliminar de NPS, que é de extrema importância na área forense, em especial, para lavratura de auto de prisão em flagrante delito, pois em muitos casos ainda não existem métodos simples e rápidos para identificação dessas drogas.
  • Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022