Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Ademir de Jesus Martins Júnior

Ciências Biológicas

Parasitologia
  • culex quinquefasciatus no brasil: resistência a inseticidas e mecanismos relacionados, variabilidade genética e diversidade de wolbachia pipientis
  • A principal forma de controle de mosquitos deveria estar baseada em melhorias na infra-estrutura de saneamento nas cidades e na educação da população para se evitar a proliferação de criadouros de larvas em rios e coleções naturais de água contaminados com lixo e esgoto. Contudo, estas medidas dependem sumariamente de decisões políticas. Atualmente, o uso de inseticidas ainda é um componente importante no controle de mosquitos vetores. Estratégias alternativas como o uso de mosquitos geneticamente modificados ou ainda de bactérias endossimbiontes que diminuem a capacidade vetorial do inseto, já em testes para o vetor de dengue, devem ainda demorar a ser uma realidade para o Culex. Ainda assim, o uso daquelas ferramentas será uma medida complementar. Os inseticidas, notadamente piretroides, devem continuar a desempenhar papel importante, principalmente nos períodos de explosão populacional, tão comum no verão. Desta forma, o monitoramento da resistência a inseticidas, o estudo dos mecanismos selecionados e seus efeitos na capacidade vetorial do inseto são essenciais para o funcionamento efetivo desta estratégia de controle, bem como para o estudo de aspectos evolutivos em insetos. Culex quinquefasciatus, conhecido por pernilongo, está distribuído por todo o país, sendo vetor de filariose linfática em algumas regiões e na iminência de transmitir importantes arboviroses. Apesar de suas larvas terem criadouros preferenciais distintos as do Aedes aegypti, os adultos são bastante antropofílicos e, portanto, compartilham o mesmo ambiente no domicílio e peridomicílio. Desta forma, o controle contra o vetor dengue também atua sobre Cx. quinquefasciatus. Além da necessidade do conhecimento de um perfil preciso dos perfis de resistência a inseticidas deste vetor em distintas localidades, é preciso também conhecer a dinâmica de suas populações naturais, ou seja, aspectos relacionados à estruturação genética e fluxo gênico. Informações sobre a ocorrência de distintas linhagens de Wolbachia pode também contribuir para estratégias alternativas de substituição de populações de vetores baseadas no fenômeno de incompatibilidade citoplasmática. As propostas deste projeto são, portanto, a determinação do perfil de susceptibilidade de populações naturais de Cx. quinquefasciatus aos principais inseticidas utilizados, bem como distribuição de genes sabidamente relacionados à resistência aos inseticidas. Adicionalmente, pretendemos avaliar a estruturação genética destas populações relacionada a aspectos ambientais e fenótipos de resistência. Paralelamente, investigaremos as variantes de Wolbachia encontradas em nossa amostragem, com perspectivas a contribuir com o estudo do controle de doenças transmitidas por mosquitos vetores, baseado na estratégia de substituição de populações. Os objetivos aqui abordados contribuirão significativamente para os estudos de biologia básica em Entomologia, bem como diretamente aplicados ao controle de Cx. quinquefasciatus, vetor negligenciado no país.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Ademir José Zattera

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • desenvolvimento de espumas e filmes de poli(etileno-co-acetato de vinila) com estruturas carbonosas para aplicação em supercapacitores e baterias
  • O crescimento exponencial do consumo de energia global vem causando impactos ambientais de recursos energéticos tradicionais levaram ao aumento de pesquisas sobre fontes de energia limpas e renováveis nos últimos anos. Devido à limitação das fontes de energia eólica, solar e hídrica, se faz necessário o desenvolvimento de sistemas eficientes de armazenamento dessa energia, como supercapacitores. Os supercapacitores podem ser utilizados em diversos segmentos, tais como: fontes para arranque de motores; substitutos das baterias; armazenamento de energia na travagem de veículos; em carros híbridos; fonte de energia de backup em sistemas elétricos e eletrônicos; no armazenamento de energia solar através da utilização de painéis fotovoltaicos. Os supercapacitores e as baterias possuem eletrodos, os quais são determinantes para eficiência destes dispositivos de energia, bem como o separador no caso dos supercapacitores de dupla camada. Neste trabalho, serão desenvolvidos filmes e espumas de EVA como estrutura de eletrodo e separador pelos métodos de evaporação de solvente e fusão a quente. Para conferir as propriedades de condutor e dielétrico para o eletrodo e separador, respectivamente, serão adicionadas estruturas carbonosas na matriz polimérica e na superfície do polímero. As cargas utilizadas serão: grafeno; óxido de grafeno; óxido de grafeno reduzido; óxido de grafite; e óxido de grafite reduzido; as quais serão obtidas por métodos top-down a partir de grafite em flocos e micronizado. A partir dos materiais obtidos neste projeto , será produzido um supercapacitor flexível constituído por EVA e estruturas carbonosas com densidade inferior, capacidade de armazenamento superior e com maior vida útil em relação aos supercapacitores comerciais atuais.
  • Universidade de Caxias do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ademir Neves

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • efeitos da segunda-esfera de coordenação na reatividade de novas metalohidrolases e catecolases sintéticas bioinspiradas. aplicações em biotecnologia
  • Considerando a importância do tema de pesquisas até então desenvolvido no nosso grupo de pesquisas no contexto da química bioinorgânica a nível nacional e internacional e a sua continuidade, no presente projeto, pretende-se utilizar novas hidrolases/catecolases sintéticas e algumas outras já bem caracterizadas em outros trabalhos do grupo, ancoradas de forma covalente em diaminas protonadas as quais tem sido utilizadas como o esqueleto suporte de enzimas artificiais, mimetizando por exemplo, grupamentos lisinas das cadeias polipeptídicas dos sítios ativos de metaloenzimas. Além disso, pretende-se realizar modificações químicas nas diaminas com a introdução de novos grupos funcionais do tipo pireno e naftaleno que nos permitam estudar os efeitos secundários de grupamentos não coordenantes (2ª. Esfera de coordenação com efeitos eletrostáticos, interações de ligações e hidrogênio e efeitos hidrofóbicos e intercalantes) dos complexos binucleares. Finalmente, o ancoramento de resíduos moleculares em compostos de coordenação capazes de intercalar pares de bases do DNA (A-T and G-C) de forma específica e eficiente (elevados Kass) serão investigados através da intercalantes derivados do pireno, naftaleno e bipiridina, na busca de possíveis de novos agentes anti-tumorais. O primeiro exemplo bem sucedido foi recentemente por nós publicado no Inorg. Chem. 2018, 57,187-203.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ademir Pastor Ferreira

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • ondas não lineares e dinâmica das equações dispersivas
  • O presente projeto se insere no esforço de estudar propriedades qualitativas de algumas equações e sistemas não lineares do tipo dispersivos. Acreditamos que o projeto se enquadra na âmbito de pesquisa atual e contribui na direção do melhor entendimento da dinâmica de alguns modelos de evolução dispersivas. As ferramentas empregadas vão da análise clássica às técnicas recentemente desenvolvidas nas teorias de análise harmônica e estabilidade orbital.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020