Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alvaro Meneguzzi

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • eletrodeposição de filmes de silanos como pré-tratamento para pintura
  • O custo ambiental de tratamentos de superfícies metálicas a base de cromatos, em função da toxicidade dos íons Cr+6, estimula a busca por alternativas igualmente eficientes e mais ambientalmente amigáveis. Neste contexto, revestimentos a base de silanos são uma possibilidade promissora, uma vez que sua eficiência como pré-tratamento para pintura sobre diversos substratos metálicos já foi verificada. A técnica mais comumente utilizada para a produção de tais revestimentos é, atualmente, a imersão em solução hidroalcoólica de silano, a qual pode resultar em filmes não uniformes, enfraquecendo sua capacidade como barreira para proteção contra a corrosão. Tal dificuldade pode ser superada com o uso da eletrodeposição de silano, que atua como uma ativação da superfície metálica, criando mais sítios para o estabelecimento de ligação entre o silano e o metal. Este estudo visa avaliar a eficiência desta técnica para proteção contra a corrosão e promoção de aderência de revestimentos orgânicos em diversos substratos metálicos, como aço carbono, aço galvanizado, aço inoxidável e alumínio, com o uso de ensaios de polarização potenciodinâmica, espectroscopia de impedância eletroquímica, medida de aderência de revestimento, flexão, resistência ao impacto, corrosão acelerada em névoa salina e microscopia eletrônica de varredura. O aprimoramento dos revestimentos a base de silanos, para o qual esta pesquisa pretende contribuir, pode resultar em impactos ambiental e econômico positivos, decorrentes da substituição da cromatização no tratamento de superfície de metais.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Álvaro Nunes Larangeira

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • a gênese do jornalismo operário feminino no brasil
  • O projeto, tendo por base a exposição da exiguidade de estudos acerca das publicações operárias pela historiografia jornalística no período nascente do gênero, correspondente aos anos 1880-1920, reivindica um lugar próprio dentro da literatura da imprensa operária para o protagonismo feminino. A atividade jornalística desempenhada por mulheres é subalterna inclusive nos raros compêndios do periodismo operário-sindical e eventualmente representada em trabalhos biográficos em áreas afins ao jornalismo, corroborando com o propósito da presente pesquisa de cristalizar, no âmbito do campo da comunicação, uma memória da gênese da participação feminina na imprensa operária brasileira.
  • Universidade Tuiuti do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Álvaro Reischak de Oliveira

Ciências da Saúde

Educação Física
  • efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade e/ou de força sobre parâmetros inflamatórios, de estresse oxidativo e metabolismo glicêmico em diabéticos tipo 1
  • O diabetes mellitus tipo 1 (DM1) é caracterizado pela destruição das células pancreáticas produtoras de insulina por um processo auto-imune, estando associado com condições pró-oxidantes, pró-inflamatórias e um maior risco cardiovascular. Infelizmente, a maioria das pessoas com DM1 não atinge os níveis recomendados de atividade física devido a preocupação com episódios hipoglicêmicos e a falta de tempo. Dessa forma, intervenções com sessões mais curtas e que propiciem um menor risco hipoglicêmico e diversos benefícios sobre a saúde devem ser estimuladas. O objetivo do presente estudo é comparar os efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT), do treinamento de força (TF) e da combinação destes (TF+HIIT), sobre parâmetros sanguíneos inflamatórios, de estresse oxidativo e metabolismo glicêmico em diabéticos tipo 1. Serão recrutados para a realização do ensaio clínico randomizado, 27 homens sedentários com DM1 e idade entre 18 e 30 anos. Inicialmente, os indivíduos participarão de um período controle com duração de quatro semanas, no qual serão orientados a manter o nível habitual de atividade física e o padrão alimentar usual. Após, os participantes serão randomizados em três grupos: HIIT, TF ou TF+HIIT, com duração de oito semanas cada, com sessões realizadas três vezes por semana em cicloergômetros e/ou aparelhos de musculação. Antes do período controle e antes e após as intervenções, serão realizadas a análise da composição corporal, teste de repetições máximas e teste cardiorrespiratório, aplicação do registro alimentar de três dias e coletas de sangue (para análise de parâmetros relacionados ao estresse oxidativo, inflamação, metabolismo da glicose, perfil lipídico e renal). Na quarta semana das intervenções, também será realizada coleta de sangue para análise de variáveis sanguíneas, bem como a execução do teste de repetições máximas e do teste progressivo no cicloergômetro para ajustes de cargas. Para comparações antes e após o período controle, será utilizado o teste t pareado de Student ou o teste de Wilcoxon. Será utilizada a análise de variância (ANOVA) de modelo misto (três protocolos vs. três momentos) para comparações entre os protocolos de treinamentos nos diferentes momentos, com a utilização do teste Post Hoc de Bonferroni quando apropriado. Será adotado um nível de significância de 5%.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Álvaro Silva Lima

Engenharias

Engenharia Química
  • utilização de líquidos iônicos na remoção e identificação de pesticidas contidos em matrizes vegetais alimentares
  • O presente projeto visa a utilização de líquidos iônicos de toxicidade desprezível (baseados em colinas) no processo de remoção de pesticidas de matrizes alimentares vegetais (MAV) como alface, tomate e uva, bem como o emprego de líquidos iônicos baseados em glicina-betaína na remoção de pesticidas de soluções extratoras convencionais de eliminação destes compostos de MAV e por fim seu emprego na melhoria da detecção de pesticidas em alimentos. Para tanto serão sintetizados líquidos iônicos a base de colina e avaliados quanto a citotoxicidade, além de sintetizar líquidos iônicos a base de glicina-betaína. Os líquidos iônicos assim obtidos serão empregados nos processos de extração. Serão também estudados a adsorção dos pesticidas utilizando suportes formados por resíduos agroindustriais como casca de camarão (quintina) e sabugo de milho (material lignocelulósico). Todos os processos baseiam-se em alternativas amigáveis com o meio ambiente. O projeto é uma parceria de um conjunto de pesquisadores do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (incluso alunos de doutorado e iniciação científica) com universidades nacionais (Universidade de Sorocaba) e internacionais (Universitet Reims, Franca e Universidade de Aveiro, Portugal).
  • Instituto de Tecnologia e Pesquisa - SE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Álvaro Vilela de Resende

Ciências Agrárias

Agronomia
  • fertilidade do solo, plantio direto e intensificação ecológica para uso eficiente de nutrientes e maior resiliência na produção de grãos
  • Em Minas Gerais, observam-se muitas áreas agrícolas mal manejadas, limitando o potencial produtivo das culturas. Além de ainda persistir grande proporção de lavouras sob preparo convencional do solo, mesmo os agricultores com maior capacidade de investimento tecnológico acabam deixando de lado os preceitos de rotação de culturas, equilíbrio nutricional e conservação da capacidade produtiva do solo. A situação agrava-se no caso de produtores que não podem contar com assistência técnica. Essa fragilização do setor é acentuada pela ocorrência de veranicos e pluviosidade abaixo da média histórica, prejudicando a produção de sequeiro e afetando as reservas de água para a agricultura irrigada. Portanto, é preciso desenvolver e difundir práticas agronômicas que permitam o uso mais eficiente dos fatores de produção, em especial de nutrientes e água. Nesse sentido, o sistema plantio direto com diversificação de espécies (intensificação ecológica) e maior produção de palhada, associado a um manejo de solo que favoreça o aprofundamento radicular, constitui importante estratégia para convivência com as inconstâncias climáticas e otimização do retorno aos investimentos na lavoura. O objetivo do presente projeto é comparar sistemas de produção de grãos em plantio direto com níveis variados de investimento tecnológico, em condições de sequeiro e sob pivô central, a partir de parcelas/faixas de grandes dimensões já implantadas em área experimental da Embrapa Milho e Sorgo na safra 2014/2015. Os sistemas de produção, plausíveis para as condições edafoclimáticas da região Central de Minas Gerais, envolvem a soja e o milho em rotação, combinados com a inclusão de braquiária para produção de palhada e com níveis de investimento tecnológico em adubação e outros tratos culturais utilizados por agricultores tecnificados, além dos sistemas em monocultivos (tratamentos controles). Os diferentes sistemas serão monitorados ao longo do tempo para aquisição de dados de desempenho técnico e econômico, produção de palhada, evolução de atributos químicos, físicos e biológicos do solo, eficiência de uso de nutrientes e produtividade da água, para comprovação de benefícios em médio e longo prazos. Os resultados deste projeto permitirão validar e difundir alternativas de sistemas de culturas e práticas de manejo que proporcionem maior eficiência de uso de insumos e melhor aproveitamento de água, conferindo maior sustentabilidade de cultivos em sequeiro e sob irrigação frente às inconstâncias climáticas.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Alyne Toscano Martins

Engenharias

Engenharia de Produção
  • estudo do problema de dimensionamento e sequenciamento de lotes com limpezas temporais
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alysson André Régis Oliveira

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • cirandas formativas: criação e aprimoramento de empreendimentos econômicos solidários
  • A capacidade de se agrupar é a condição de luta pela sobrevivência que, desde os primórdios da civilização, acompanha a evolução humana, dando origem às relações cada vez mais complexas de caráter amistoso ou conflituoso, o que gera conhecimentos de diferentes dimensões e natureza (MORIN,1999). Considerando esse pressuposto, e tendo como premissa projetos sociais que intencionam atuar no fortalecimento e desenvolvimento de grupos a fim de promover crescimento individual e coletivo, a proposta do projeto social focaliza as concepções e procedimentos relacionados à construção do conhecimento, abordagem em que é fundamental a garantia de que as concepções de aprendizagem englobem ações, conhecimentos e afetos, permitindo a edificação de uma relação de segurança e cumplicidade entre o grupo e os profissionais, como forma de criar um ambiente propício para a busca dos resultados almejados. Neste sentido, entende-se que Incubar é o processo de prover assistência necessária para que algo possa vir a nascer e sobreviver, muito utilizado na conceituação de Incubadoras de Empresas no mercado tradicional. Incubação deve ser entendida como processo prático educativo de organização e acompanhamento sistêmico a grupos de pessoas interessadas na formação de Empreendimentos Econômicos Solidários - EES (UNITRABALHO, 2006). Assim, o objetivo central deste projeto será promover a criação e a consolidação de empreendimentos econômicos solidários por meio de uma formação econômica, política e cultural, que não priorize o lucro, mas que tenha o ser humano e o meio ambiente como centro da metodologia de incubação. A metodologia adotada, neste projeto, para o assessoramento, também denominado de processo de incubação dos grupos produtivos, será constituída de três etapas: a) pré-incubação - fase de conhecimento do grupo e construção coletiva do negócio que se pretende formar. Este momento será constituído, no caso do projeto proposto, por dois movimentos: um movimento inicial de aglutinação de um grupo ainda inexistente para voltar-se à ocupação e renda. E, um segundo movimento a partir de um conjunto de grupos já existentes, ou seja, que já estão vivenciando processos de produção; b) incubação - se traduz como produto de síntese das abstrações levantadas no momento anterior (pré-incubação). Esta é a caminhada para um plano de negócio que seja sustentável econômico, político, social, local, ambiental e culturalmente. Desta forma, este momento corresponde ao planejamento, a estruturação e a implantação do negócio, respeitando e valorizando a realidade local; e c) desincubação - se configura num movimento de constatação de que o empreendimento está sedimentado e com condições de independência suficiente de vida própria. Um movimento que não significa uma separação total da equipe de incubadora e os mesmos dos empreendimentos. Uma convivência tênue conduzida por meros desejos futuros de apoio às necessidades surgentes nesse novo caminho. A trajetória a ser percorrida nos momentos que se configuram a metodologia de incubação expressada anteriormente será banhada por procedimentos a serem utilizados que centram-se na atividade reflexiva e interativa dos envolvidos nos EES e no processo formativo, resgatando suas concepções (saberes, representações, vivências, experiências) sobre o objetivo do conhecimento. O método dialógico da autonomia/dependência e de inserção do sujeito que conhece no conhecimento estará sempre em realce em nossas trilhas formativas. Desta forma, em todas as fases, a metodologia ora proposta e que dará sustentabilidade de realização concreta ao projeto prima-se por uma relação participativa e dialógica entre todos os atores sociais envolvidos no processo, tendo como esteio um forte aporte técnico de constituintes de educação popular. A proposta abrangerá empreendimentos que já possuem vivências nas produções, mas necessitam, de alguma forma, de formação, aconselhamento e/ou assessoria em seu sistema produtivo (formação contínua). Alguns desses grupos produtivos (Mulheres Produtoras de Sabão Ecológico e Águia de Pedras de Fogos) já estão sendo acompanhados pela INCUTES. Outros grupos (Semestes da Terra, Mulheres da Beira da Linha e Cocada na Kenga) estão em produção, mas não se encontram acompanhados pelas ações da incubadora. Caso o projeto venha a ser aprovado, estes passarão a ser acompanhados pela incubadora, de forma especial, em sua extensão, ou seja, por meio do trabalho sistêmico realizado no campus João Pessoa. Além dos empreendimentos envolvidos na vertente de aprimoramento a serem trabalhados em nosso projeto, teremos também, um empreendimento que iremos envolver em nossa proposta na vertente da criação. Tal empreendimento será uma padaria comunitária na comunidade da Ilha do Bispo, localizada na cidade de João Pessoa-PB. Os resultados dos primeiros meses da ação serão elementos motivadores e orientadores da proposta a ser continuada funcionando como índices de referência para identificar os principais avanços a serem potencializados e as maiores dificuldades a serem enfrentadas. Assim, podemos elencar, como desejo de alcance e concretude desta proposta: (a) Formação de discentes/docentes/técnicos administrativos em economia solidária; (b) Criação e Consolidação dos empreendimentos solidários envolvidos nesta proposta; (c) Ampliação e fortalecimento de alternativas econômicas para os participantes dos EES de forma organizada, solidária, integrada e sustentável, permitindo-lhes permanecer e constituir-se em lideranças com qualificação que revitalizem a vida econômica, política, social e cultural nos territórios; (d) Fortalecimento institucional e relações de parcerias sociais (articulação em rede); (e) Mudança no nível de participação popular no controle e proposição de políticas públicas de combate à pobreza e aos seus efeitos; e (e) Elaboração de um produto coletivo.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba - PB - Brasil
  • 24/11/2017-31/10/2019
Foto de perfil

Alysson Luiz Stege

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • os efeitos do capital humano no crescimento da agropecuária nas microrregiões brasileiras entre os anos de 1980 a 2017
  • O crescimento econômico é perseguido tanto por países desenvolvidos quanto por países em desenvolvimento. Pode-se dividir em três os fatores que levam ao crescimento econômico: estoque de capital, estoque de capital humano e as mudanças tecnológicas. Existe uma lacuna na literatura nacional de trabalhos que analisam o papel do capital humano no crescimento econômico para setores específicos, em especial para setor agropecuário brasileiro. Neste contexto, a presente pesquisa analisa a contribuição do capital humano no crescimento da agropecuária brasileira para as microrregiões brasileiras entre os anos de 1980 a 2017, considerando o espaço na análise, isto é, utilizando modelos econométricos de dados em painel espacial.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Álysson Raniere Seidel

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • investigação do desempenho de sistemas eletrônicos com funcionalidades especiais para o acionamento de diodos emissores de luz (leds)
  • Nesse projeto, pretende-se desenvolver sistemas eletrônicos de iluminação artificial baseados em LEDs, com alto fator de potência, elevado rendimento e longa vida útil, considerando operação com alimentação universal, e com controle da intensidade luminosa dos LEDs. A prolongada vida útil dos LEDs, maior do que 60.000 horas [1] justifica uma análise do sistema eletrônico (driver) utilizado para o acionamento destes, considerando sua confiabilidade e consequentemente sua vida útil. Visto que os semicondutores de potência e capacitores eletrolíticos, presentes no driver, são os componentes mais vulneráveis a falhas e dado que, a maioria dos drivers não apresentam redundância [2], passa a ser necessário implementar alterações no driver com objetivo de aumentar sua a confiabilidade. Dessa forma, propõe-se reduzir/eliminar capacitores eletrolíticos, os quais em geral apresentam vida útil entre 6.000 e 12.000 horas em condições extremas de operação, bem menor que a dos LEDs e tornam-se um dos fatores limitantes na vida útil dos drivers [1], [2]-[6]. Além disso, por outro lado, serão investigados os efeitos da redução da capacitância que podem proporcionar aumento ou decréscimo de esforços nos semicondutores associados a topologia do conversor empregado em cada estágio de conversão. Assim, sendo possível comparar o desempenho da topologia operando com capacitância nominal e capacitância reduzida. Ainda, pretende-se avaliar os parâmetros de projeto e suas relações com os indicies de desempenho da topologia. Uma vez avaliados os índices de desempenho do driver, e sua relação com os parâmetros de projeto, pretende-se e justificar a escolha de parâmetros de projeto que conduzem o driver a operar de forma otimizada (otimizar os índices de desempenho em função dos parâmetros de projeto). Parâmetros de projeto como: tensão média de barramento, ondulação da tensão de barramento, mínima capacitância de barramento, método de controle de fluxo luminoso, tipo de compensadores e modos de condução de corrente para fins de PFC, e demais parâmetros que são função da topologia empregada. Por fim, através destas investigações, pretende-se inicialmente concluir qual a real influência sobre o driver a operação com reduzidas capacitâncias. Além disso, pretende-se definir/concluir a influência de cada parâmetro de projeto sobre o desempenho do driver. Desta forma, com base nos índices de desempenho, será justificado quais são os parâmetros de projeto e seus respectivos valores, para se obter o melhor desempenho de determinada topologia.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Alysson Roncally Silva Carvalho

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • qali – quantitative assessment lung image: implementação de um software para rastreamento de câncer de pulmão em tomografia computadorizada de tórax com baixa dosagem
  • A tomografia computadorizada (CT) com baixa dose de RX vem sendo utilizada para o acompanhamento de pacientes com risco de câncer de pulmão. Neste projeto pretendemos desenvolver um software (QALI, do inglês Quantitative Assessment of Lung Image) para detecção e caracterização de áreas de enfisema pulmonar e nódulos pulmonares baseado na segmentação semiautomática de regiões de baixa e alta densidade em imagens de CT do parênquima pulmonar. Para tal, propomos a utilização da estimativa de massa pulmonar em valores extremos da distribuição cumulativa da massa pulmonar (percentil 15 e 97, respectivamente). Após a identificação do nódulo, serão caracterizados tanto os aspectos geométricos (área, volume e excentricidade) quanto os relacionados à sua constituição (densidade, histograma de densidade e grau de homogeneidade). O QALI será então avaliado em imagens de CT de baixa dose em 790 pacientes tabagistas com risco de câncer de pulmão que participara do estudo intitulado “ESTUDO DA UTILIDADE DA TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DE TÓRAX COM BAIXA DOSAGEM PARA RASTREAMENTO DO CÂNCER DE PULMÃO NO BRASIL” realizado no período de Janeiro de 2013 à Julho de 2014 no Hospital Israelita Albert Einstein em São Paulo, Brasil. Neste estudo, todos os pacientes foram acompanhados de acordo com as recomendações clínicas e todos possuem laudos radiológicos fornecidos pelo Departamento de Radiologia do Hospital Israelita Albert Einstein. Correlações entre a os achados radiológicos e anatomopatológicos serão realizados nos casos em que a biópsia do nódulo foi indicada e realizada.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Alysson Wagner Fernandes Duarte

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • antártica e caatinga: diversidade microbiana e bioprospecção de enzimas e pigmentos
  • Em ambientes com características restritivas como o continente Antártico e o bioma Caatinga, os ciclos biogeoquímicos e as cadeias alimentares, muitas vezes, chegam a ser formados principalmente por microrganismos, os quais possuem um papel fundamental no transporte de energia, reciclagem da matéria orgânica e mineralização de nutrientes. A Antártica é o continente mais remoto e inóspito, possuindo o clima mais frio e seco conhecido da Terra, sendo conhecido como deserto frio. Por outro lado, a Caatinga é caracterizada por apresentar temperaturas elevadas, alta radiação solar, além do déficit hídrico. Além disto, a Caatinga é um bioma exclusivamente brasileiro, e seu patrimônio biológico não é encontrado em outro lugar do planeta. Esses ambientes são caracterizados por diferentes fatores limitantes ao desenvolvimento de qualquer forma de vida, inclusive microbiana. O entendimento da diversidade microbiana associada a estes ambientes “extremos” está em início de descoberta e pode representar um avanço no campo científico e tecnológico. Nesse sentido, o objetivo do projeto é avaliar a diversidade microbiana associada a liquens coletados do ambiente Antártico e na Caatinga de Alagoas, além da prospecção de enzimas e pigmentos microbianos. Os isolados positivos serão identificados por taxonomia polifásica, com análise macro e microscópica e sequenciamento das regiões: D1/D2 do gene 26S (leveduras) e 16S (bactérias). Adicionalmente, será avaliada a diversidade filogenética, além da prospecção de enzimas como protease com atividade fibrinolítica, além da triagem de microrganismos solubilizadores de fosfato e pigmentos microbianos. Em relação à prospecção de enzimas, inicialmente os isolados serão submetidos a triagem de protease, seguido de avaliação da ação de hidrólise de fibrina. Para triagem dos microrganismos solubilizadores de fosfatos, será utilizado o meio de cultura NBRIP, com Ca3(PO4)2 como fonte de P. Espera-se também obter a produção de pigmentos microbianos, bem como a caracterização e avaliação da atividade antimicrobiana, antioxidante e fotoprotetora. Os resultados deste projeto permitirão ampliar a compreensão da diversidade microbiana relacionada às amostras do ambiente Antártico e da Caatinga, bem como auxiliar na descoberta de enzimas e pigmentos microbianos com diferencial aplicação biotecnológica. Por fim, os microrganismos isolados no âmbito do projeto constituirão um acervo que será preservado e depositado na Universidade Federal de Alagoas, Campus Arapiraca.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alzir Azevedo Batista

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • complexos metálicos: citotoxidade e mecanismo de ação
  • O presente projeto visa a obtenção de compostos de rutênio(II), cobre(I), platina(II) ou paládio(II) contendo como ligantes bifosfinas, diiminas e produtos naturais, ou derivados, aciltioureas mercaptopiridina ou mercaptopirimidinas, Os compostos a serem obtidos serão caracterizados por várias técnicas, tais como análise elementar (C,N,H), espectroscopia de absorção na região do infravermelho e UV/Vis; RMN (1H, 13C e 31P), eletroquímica, e quando for o caso, por difração de raios X. Ensaios objetivando o conhecimento da citotoxidade dos compostos contra células tumorais serão realizados. Para a realização dos ensaios in vitro poderão ser utilizadas diversas linhagens de células tumorais, tais como mama MDA-MB-231 (invasiva) e MCF-7 (não invasiva), a tumoral de próstata DU-145, hepatocarcinoma humano (HEPG-2) e por meio de comparação será utilizada a célula sadia de fibroblasto de camundongo L929. Serão também realizados ensaios para verificar a atividade dos compostos contra doença de Chagas e tuberculose, além do estudo dos complexos como agentes anti-oxidantes. Estudos serão também realizados para que se vislumbre um possível mecanismo de ação dos compostos, nos ensaios biológicos: 1.ENSAIOS DA POSSÍVEL FRAGMENTAÇÃO DO DNA 2.ESTUDO DA INTERAÇÃO COMPLEXO/DNA 3.ESTUDO DA INTERAÇÃO COMPLEXO/HSA ou BSA 4.MEDIDAS DE VISCOSIDADE 5. MEDIDAS DE DICROISMO CIRCULAR 6. DETERMINAÇÃO DA LIPOFILICIDADE (LOG P) 7. ELETROFORESE EM GEL 8. CICLO CELULAR E ENSAIO DE APOPTOSE 9.ANÁLISE MORFOLÓGICA DAS CÉLULAS 10. TESTES IN VIVO (a serem feitos pelos colaboradores, profa. Elisângela Lacerda(UFG) e Denise Crispim - UNIFRAN)
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alzira Maria Paiva de Almeida

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • desenvolvimento e avaliação de antígenos f1 recombinantes de yersinia pestis para o diagnóstico da peste
  • A Yersinia pestis é agente causador da peste, zoonose que afeta humanos e outros mamíferos. Apesar dos avanços tecnológicos e desenvolvimento científico essa doença ainda não pode ser erradicada e representa um sério problema mundialmente. A peste possui a capacidade de causar um impacto significativo na saúde pública e de rápida disseminação podendo gerar uma emergência de saúde pública internacional que exige notificação a OMS segundo o Regulamento Sanitário Internacional vigente. Por isto é necessário uma vigilância constante das áreas focais assim como a disponibilidade de ferramentas de diagnósticos sensíveis, rápidos e eficazes, que facilitem a detecção precoce e o desencadeamento imediato das medidas de tratamento e controle. A maioria das técnicas de diagnóstico da peste emprega o antígeno F1 (fração 1) específico da Y. pestis. A F1 é uma proteína capsular altamente imunogênica para o homem e outros mamíferos. A metodologia atual de produção do F1 é trabalhosa, demorada, com custo elevado e necessita de uma estrutura laboratorial e equipe capacitada para trabalho em NB3. Desta maneira, o desenvolvimento de uma proteína F1 recombinante pode tornar o custo da produção mais baixo, num tempo mais curto, utilizando um laboratório NB1 e um rendimento de produção de proteínas superior. O objetivo do trabalho é desenvolver e otimizar a produção do antígeno F1 recombinante para utilização na metodologia das atividades de diagnóstico, vigilância e controle da peste. Com este intuito o gene estrutural (caf1) da F1 será clonado em vetores plasmidiais e obtidas proteínas F1 recombinantes, purificadas a partir de Escherichia coli. As proteínas recombinantes obtidas serão purificadas utilizando diversas resinas e usadas em ensaios sorológicos ELISA e Hemaglutinação para validação das propriedades diagnósticas do antígeno recombinante. Desta maneira, espera-se que o desenvolvimento da proteína F1 recombinante diminua os custos da produção da proteína nativa atualmente produzida na própria Y. pestis no laboratório NB3, com diminuição do tempo de produção, incremento do rendimento de F1 gerada e utilização de condições de biossegurança mais seguras, visto a produção ser transferida do laboratório NB3 (nativa) para o laboratório NB1 (recombinante)
  • Fundação Oswaldo Cruz - PE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amadeu Moura Bego

Ciências Humanas

Educação
  • o processo ear de validação de sequências didáticas fundamentadas no modelo topológico de ensino na formação de professores de química
  • A formação inicial e continuada de professores no âmbito do modelo da racionalidade prática deve possibilitar um saber-fazer prático-racional e fundamentado para agir em situações intrinsecamente complexas de ensino. Para tanto, essa formação deve primar pela constante dialética entre a experiência concreta nas salas de aula e a pesquisa, tomando o educar pela pesquisa como tempo, modo e espaço de desenvolvimento da competência profissional docente e de formação do professor-pesquisador de sua própria prática. O planejamento didático-pedagógico fundamentado em pesquisas da área de Ensino de Ciências e na realidade objetiva das unidades escolares, materializado em planos de ensino estruturados, é um dos elementos fundamentais para a formação de professores de Química de acordo com essa perspectiva teórica. Entretanto, atualmente, não há referenciais consensuais e consolidados na literatura acadêmico-científica da área de Ensino de Ciências que norteiem a elaboração e a análise de planos de ensino teórica e metodologicamente fundamentados. O presente projeto de pesquisa pretende, de modo geral, contribuir para a compreensão da influência do processo de elaboração, aplicação e reelaboração (EAR) de validação de Sequências Didáticas (SDs) na formação inicial e continuada de professores de Química e para a produção de SDs inovadoras para o ensino de Química na Educação Básica. No que se refere à formação de professores, o projeto prevê a validação de SDs no âmbito de atuação do subprojeto do PIBID-Química desenvolvido no Instituto de Química da Unesp, campus de Araraquara (IQ/CAr). As SDs, fundamentadas do Modelo Topológico de Ensino (MTE), serão validadas por meio do processo EAR, desenvolvido por pesquisas recentes do Laboratório de Pesquisa em Ensino de Química e Tecnologias Educativas (LAPEQ), coordenadas pelo professor Marcelo Giordan. No que tange ao registro e armazenamento de aulas de Química em situações de desenvolvimento de SDs serão utilizados os princípios técnicos e metodológicos para digitalização, transcrição e armazenamento de cenas para organização de banco de dados correlacionados propostos por Giordan. Por fim, a análise dos dados será realizada por meio dos procedimentos da Análise de Conteúdo e da Triangulação.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amália de Fátima Lucena

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • efeito do laser de baixa potência no tratamento de úlceras venosas avaliada pela nursing outcomes classification - noc: ensaio clínico randomizado
  • Ensaio clínico randomizado com o objetivo geral de comparar o efeito do tratamento adjuvante de terapia de laser de baixa potência com o tratamento convencional na reparação tecidual de úlcera venosa em pacientes em consulta de enfermagem ambulatorial. O estudo será realizado no ambulatório do Hospital de Clínicas de Porto Alegre da Universidade Federal do Rio Grande do Sul/UFRGS. Os pacientes serão captados de acordo com os critérios de inclusão e alocados em dois diferentes grupos; os do Grupo Controle serão submetidos ao tratamento convencional e os Grupo Intervenção receberão a terapia de laser de baixa potência como tratamento adjuvante. Os dados serão coletados em instrumentos construídos pelos pesquisadores. A avaliação do processo de reparação tecidual será pelos indicadores dos resultados da Nursing Outcomes Classification denominados Cicatrização de feridas: segunda intenção e Integridade tissular: pele e mucosas. O banco de dados será organizado no programa Excel for Windows e analisado pelo Statistical Package for Social Sciences (SPSS) 18.0. Projeto de pesquisa submetido à aprovação da Comissão de Pesquisa da Escola de Enfermagem e Plataforma Brasil/Comitê de Ética.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amália Moreno

Ciências da Saúde

Odontologia
  • avaliação da eficiência mastigatória e qualidade de vida em portadores de deformação adquirida por neoplasia reabilitados com prótese total obturadora de palato e/ou faringeana.
  • A prótese para as grandes perdas da maxila visa reparar a mutilação cirúrgica ou traumática que ocorre no esqueleto facial, e nas estruturas correspondentes, capaz de estabelecer ampla comunicação da cavidade bucal com as regiões vizinhas. Existem poucos estudos que avaliam a capacidade mastigatória e qualidade de vida em usuários reabilitados com próteses maxilofaciais. O objetivo deste estudo será avaliar a atividade elétrica muscular, força de mordida, halitose, qualidade de vida e satisfação de indivíduos portadores de deformação adquirida por neoplasia com necessidade de reabilitação com prótese total (PT) obturadora. Para isso, serão selecionados de uma população alvo de indivíduos portadores de deformação adquirida por neoplasia, e indicados para reabilitação com PT obturadora reparadora de palato e/ou faringeana. Estes indivíduos serão examinados e dados demográficos serão coletados, incluindo uma questão sobre satisfação (sim, não ou não sei). As próteses dentárias serão confeccionadas durante 60 dias, e avaliações de eletromiografia, força de mordida, halitometria, sialometria; e questionários de qualidade de vida e satisfação serão aplicados antes, imediatamente após a instalação da prótese dentária, e após os períodos de 60, 120 e 180 dias. Os registros de eletromiografia serão realizados nos músculos masseter, temporal e bucinador, de ambos os lados; e músculo orbicular superior e inferior, durante repouso, mastigação e fala. A força máxima de mordida será registrada na região de incisivos centrais e primeiro molar, de ambos os lados. A aferição do hálito dos indivíduos participantes será por meio de aparelho medidor de enxofre, e a medida do fluxo salivar será coletada em repouso. Todos os participantes deverão responder a dois questionários: University of Washington (UWQOL), que avalia a qualidade de vida relacionada as atividades diárias; e escala Obturator Funcional Scale (OFS), que verifica a satisfação em relação a funcionalidade do obturador. Os dados obtidos serão submetidos à análise estatística e avaliação de acordo com teste apropriado.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amanda Abati Aguiar

Engenharias

Engenharia Nuclear
  • utilização do laser no desenvolvimento e fabricação de componentes do elemento combustível do reator do laboratório de geração nucleoelétrica
  • O Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP) tem enfrentado um desafio tecnológico para dominar o desenvolvimento do Elemento Combustível para o reator do projeto LABGENE (Laboratório de Geração de Energia Nucleoelétrica). Muitas são as dificuldades, tendo em vista, os inúmeros componentes para a montagem do Elemento Combustível. Em um desses componentes é necessário a utilização da máquina de Laser “LASAG VEGA 322”. O laser é utilizado tanto para a realização de corte quanto para a realização da solda. Torna-se, portanto, essencial a obtenção de alguns acessórios deste equipamento, uma vez que, todas as atividades e equipamentos são realizadas com todos os critérios de segurança e rastreabilidade para utilização do Elemento Combustível no reator.
  • Centro Tecnológico da Marinha Em Sao Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amanda Dantas de Oliveira

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • influência da adição de argila na dispersão de nanotubos de carbono e na propriedades de nanocompósitos de blendas de pc/abs/mwcnt
  • A incorporação de nanotubos de carbono em matrizes poliméricas tem sido explorada como uma estratégia para obter materiais compósitos com propriedades elétricas e com superiores propriedades mecânicas e térmicas. No entanto, estas cargas são materiais de difícil dispersão em materiais poliméricos. O uso de surfactantes e nanoargilas podem melhorar a dispersão destes materiais e consequentemente aumentar as propriedades mecânicas e elétricas dos nanocompósitos. No caso de nanocompósitos baseados em blendas poliméricas e nanotubos de carbono, poucos estudos na literatura mostram a influência da adição de nanoargilas na dispersão dos nanotubos de carbono. O presente Projeto de Pesquisa tem como objetivo o estudo do efeito da adição de argila (natural e organofílica) na dispersão dos nanotubos de carbono e também o estudo do teor de nanotubos de carbono nas propriedades elétricas, mecânicas e térmicas de nanocompósitos poliméricos com matriz da blenda de policarbonato PC/acrilonitrila-butadieno-estireno (ABS)
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Amanda Posselt Martins

Ciências Agrárias

Agronomia
  • compreendendo a dinâmica de nutrientes em sistemas integrados de produção agropecuária em terras baixas para a sustentabilidade da lavoura arrozeira
  • O atual cenário da produção agrícola não é capaz de sustentar as crescentes demandas, onde necessita-se dobrar a produção global de alimentos até 2050. Nesse contexto, o arroz é uma das culturas agrícolas que merece especial atenção, por ser o alimento básico para cerca de 2,4 bilhões de pessoas. No mundo, o Brasil é o maior produtor fora do continente asiático, sendo o Rio Grande do Sul (RS) responsável por 60% dessa produção. No entanto, a produção de arroz irrigado brasileira tem se mostrado frágil do ponto de vista econômico e ambiental, com baixas margens de lucro ao produtor rural e alto uso de insumos. Embasado no monocultivo do arroz e no pousio hibernal, o sistema produtivo do arroz se mostra praticamente insustentável, com forte impacto negativo no solo e alta dependência do uso de fertilizantes para assegurar altas produtividades. Os sistemas integrados de produção agropecuária (SIPA), também conhecidos como integração lavoura-pecuária, surgem como alternativas viáveis para se intensificar a produção de arroz de forma sustentável. Além da diversificação da renda, esses sistemas proporcionam melhorias no solo e possibilitam produzir com maior ecoeficiência. A partir disso, o objetivo do presente projeto de pesquisa é investigar a dinâmica, no sistema solo-planta-animal-atmosfera, dos três principais macronutrientes de plantas (nitrogênio - N, fósforo - P e potássio - K) em diferentes arranjos de sistemas integrados de produção agropecuária, conduzidos em manejo conservacionista do solo (plantio direto) em terras baixas, visando uma maior sustentabilidade da produção de arroz brasileira, através de seis diferentes estudos. Os estudos serão conduzidos em dois experimentos que testam diferentes arranjos de SIPA no contexto da produção de arroz irrigado, do manejo conservacionista do solo (plantio direto) e das terras baixas, em diferentes locais do RS. O Experimento 1 vem sendo conduzido desde abril de 2013 na Fazenda Corticeiras, localizada no município de Cristal/RS; e, o Experimento 2, vem sendo conduzido desde abril de 2018 na Estação Experimental Integrar-Agrinova, localizada no município de Capivari do Sul/RS. A hipótese de ambos porta sobre o impacto da pastagem introduzida nas rotações agrícolas e a diversidade espacial (intensidade) e temporal (duração) dessas rotações, com o adendo de, no Experimento 2, também haver o uso de diferentes níveis de tecnologia na pastagem (manejo da altura do pasto e adubação). Nos estudos propostos, será investigado(a), nos diferentes SIPA: 1) a resposta, em crescimento e rendimento de grãos, das culturas agrícolas; 2) a produção primária e animal; 3) a resposta a diferentes doses de N e a eficiência de uso de N pelo arroz irrigado; 4) a quantidade e a qualidade da matéria orgânica e dos microrganismos do solo, responsáveis pelo fornecimento de N; 5) a dinâmica temporal de P e K disponíveis no solo e absorvidos pelas plantas; e 6) a distribuição de raízes e de formas de K no perfil do solo. A duração prevista do projeto é de março de 2019 a fevereiro de 2022. Essa pesquisa permitirá o aprofundamento, a atualização e a consolidação dos conhecimentos existentes sobre a dinâmica dos nutrientes do solo em SIPA, com um novo ambiente de abordagem com estudos escassos até então, que são as terras baixas. As informações geradas servirão de base para orientação aos produtores na diversificação de suas propriedades para potencializar a utilização dos recursos naturais de forma sustentável e de subsídio para recomendações de adubação diferenciadas para os SIPA. Uma vez consolidados, esses resultados serão transferidos ao setor produtivo com vistas à sua implantação gradativa, ao menos em parte da vasta área das terras baixas do Rio Grande do Sul que apresenta eficiência de utilização e oportunidade de integração. Como contribuição importante tem-se também a formação de recursos humanos que, no curto e médio prazo, estarão realizando a transferência desse conhecimento no campo. Além disso, a equipe envolvida tem tradição em realizar Dias de Campo (junto aos experimentos), que além da participação de produtores, técnicos e estudantes das mais diversas instituições do Mercosul, tem servido como apoio a ações de fomento a Programas como Agricultura de Baixo Carbono (ABC), cuja capacitação vem beneficiando cooperativas, Sistema SENAR/SEBRAE, BRDE, Banco do Brasil e outras instituições que devem aplicar, ou avaliar sistemas de integração com vistas a acesso a crédito pelo referido Programa ABC. A expectativa é de comparecimento de 300 a 400 participantes em cada evento. Do ponto de vista científico, os resultados obtidos deverão permitir a publicação de pelo menos quatro artigos científicos em revistas internacionais de alto fator de impacto e de pelo menos doze resumos em anais de congressos a partir dos resultados obtidos no presente projeto, além do apoio em teses de doutorado, dissertações de mestrado e atividades de iniciação científica vinculadas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Amanda Ribeiro de Oliveira

Ciências Humanas

Psicologia
  • relações entre a catalepsia induzida pela administração intraperitoneal de haloperidol em ratos e estados emocionais de medo/ansiedade
  • Considerável progresso tem sido alcançado com as pesquisas direcionadas para a identificação dos processos subjacentes às respostas a distintos estressores. Menos se sabe, entretanto, sobre a regulação desses processos por neuromoduladores, entendimento este que pode ser útil no tratamento das doenças relacionadas ao medo/ansiedade, assim como outros transtornos psiquiátricos. Com o presente trabalho visamos esclarecer a importância da neurotransmissão dopaminérgica em aspectos comuns subjacentes aos estados de medo/ansiedade, à esquizofrenia e à doença de Parkinson. Nesse sentido, o haloperidol – um antagonista de receptores dopaminérgicos do tipo D2 – é um antipsicótico frequentemente utilizado no tratamento da esquizofrenia podendo, entretanto, levar ao surgimento do parkinsonismo medicamentoso como efeito colateral do tratamento. Da mesma forma, quando administrado sistemicamente em roedores, o haloperidol pode induzir catalepsia – um estado de imobilidade no qual podem ser observados diferentes graus de rigidez muscular e baixa flexibilidade, em um padrão muito semelhante ao observado na doença de Parkinson. Sabendo-se que muitos dos sintomas do Parkinson mostram-se dependentes do estado emocional – já que pacientes imóveis podem ser capazes de responder a gatilhos externos como barulho alto ou sinalização visual repentina – deseja-se no presente estudo dar continuidade à avaliação da existência ou não de um estado emocional aversivo associado à catalepsia induzida pela administração de haloperidol em ratos e, por outro lado, se a exposição a eventos estressores poderia influenciar a duração de tal catalepsia. Uma vez que o impacto social e econômico dos transtornos mentais associados ao estresse é crescente, a investigação das alterações biológicas subjacentes a tais transtornos é de fundamental importância. Nesse sentido, o presente estudo deve contribuir para: um melhor entendimento do modelo de catalepsia (podendo este vir a ser utilizado de forma mais segura como teste para seleção de drogas antipsicóticas ou com validade de face para aspectos da doença de Parkinson), o avanço do conhecimento sobre a participação da dopamina em aspectos comuns subjacentes aos estados de medo/ansiedade, à esquizofrenia e ao Parkinson; o estabelecimento futuro de uma melhor terapêutica para as psicopatologias em questão.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020