Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Andressa Antunes Bortoti

Engenharias

Engenharia Civil
  • aproveitamento de água de chuva de cobertura em edificações: estudo da potabilidade e empregabilidade para fins não potáveis
  • O aproveitamento de água de chuvas é uma forma de uso racional e econômico de água, principalmente na substituição da água potável em situações em que a qualidade desta não é necessária, como na rega de plantas, limpeza de pisos e entre outros. Para isso, é necessário contar com um sistema de captação dessas águas adequado ao qual consiste basicamente de coberturas de edificações, calhas e condutos, sendo direcionado para um reservatório. Assim, o objetivo deste projeto é estudar o aproveitamento da água de chuvas de coberturas de edificações de maneira a averiguar a potabilidade e empregabilidade para fins não potáveis dessas águas, de forma a incentivar alunas da educação básica e superior a aplicar conceitos práticos em sua comunidade. Com isso, este projeto engloba 5 escolas públicas de educação básica. Sendo duas delas situadas na cidade de Mafra-SC, uma na cidade de Canoinhas-SC, outra em União da Vitória-PR e a última na cidade de Doutor Pedrinho-SC. Ambas contam com docentes que atuam simultaneamente na Universidade do Contestado e por isso foram escolhidas para o desenvolvimento do projeto.
  • Universidade do Contestado - SC - Brasil
  • 22/03/2021-30/09/2022
Foto de perfil

Andressa Cristina Zamboni Machado

Ciências Agrárias

Agronomia
  • padronização de metodologias para experimentação em nematologia agrícola
  • A pesquisa nematológica, especialmente aquela desenvolvida em ambiente controlado, seja para testes de reação de hospedabilidade de plantas a nematoides, seja para testes de produtos nematicidas, tem crescido no Brasil nos últimos anos. De maneira diversa, as abordagens metodológicas utilizadas na experimentação não têm sofrido revisões e revalidações, tendo em vista não só os avanços técnicos e novos conhecimentos, mas, especialmente, os avanços na área computacional e estatística, com a possibilidade de novas abordagens aos conjuntos de dados obtidos. Apesar dos trabalhos abordando questões referentes às melhores condições para realização de experimentos nematológicos no Brasil nos últimos anos, não há um trabalho integrado, envolvendo instituições de diferentes regiões do país, que estabelecesse um processo para a definição da avaliação dos métodos e modelos estudados. Entender o comportamento do crescimento populacional de nematoides em grandes culturas, como milho, algodão e soja, em condições controladas, ao longo do ciclo da cultura, e, com base nesse comportamento, estabelecer, além do momento adequado para as avaliações para testes de hospedabilidade de nematoides nessas culturas, as densidades iniciais de inóculo mais adequadas a essa finalidade, é um importante passo que colaborará de maneira definitiva para o estabelecimento de padrões confiáveis e replicáveis para a experimentação nematológica nas condições brasileiras. Assim, um projeto integrado, que envolva instituições públicas e privadas das principais regiões produtoras de milho, algodão e soja do Brasil, que contemple as diferentes condições ambientais, sob um mesmo protocolo experimental e cujos resultados sejam submetidos a análises estatísticas robustas, nos levará à proposição de modelos que nos permitam maior assertividade nos trabalhos futuros, dando um passo definitivo para a melhoria da experimentação nematológica no Brasil.
  • Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - PR - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Andressa Esteves de Souza dos Santos

Ciências Humanas

Educação
  • um museu científico como ferramenta para a transversalidade do ensino, pesquisa e extensão
  • A educação pode ser acompanhada de reflexões relacionadas às questões sociais, através de uma aprendizagem transversal, de maneira que envolva os alunos em diálogos e debates. Temas transversais podem ser orientados pelas situações que alunos e educadores vivem em sociedade, com conteúdos inseridos de diferentes maneiras como se “atravessassem” os campos de conhecimento. Promovendo desta forma, a educadores e alunos o direito de se posicionar como cidadãos na sociedade em que vivem. O projeto aqui proposto pretende contribuir para agregar, catalogar, unir, inventariar e montar um museu presencial e online, construindo assim a história da trajetória de criação do Instituto de Química da UFRRJ. A criação do Museu promoverá mais uma atividade Extensão Universitária da UFRRJ para que crianças e jovens possam conhecer, se interessar e participar da Universidade. O Museu da Química é um dos primeiros projetos de extensão universitária do recém-criado Instituto de Química da UFRRJ, inserindo-se dentro de um grande esforço da Unidade em desenvolver suas linhas de extensão, aproximando suas realizações e capacidades com a sociedade brasileira. O nome escolhido para o Museu é uma homenagem à professora do Departamento de Química Orgânica, Aparecida Cayoco Ikuhara Ponzoni, que tanto contribui para o Ensino de Química com trabalhos no programa PIBID e o famoso “Show da Química”, que atrai diversos estudantes de Licenciatura e estimula a divulgação científica em espaços extramuros à universidade.
  • Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 13/12/2021-31/12/2023
Foto de perfil

Andressa Suelly Saturnino de Oliveira

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • avaliação da efetividade de intervenções de suporte ao isolamento domiciliar de casos suspeitos de covid-19 identificados na atenção básica
  • Esta proposta de pesquisa pretende contribuir para o enfrentamento da COVID-19 e aprimoramento da Atenção Básica no contexto da Pandemia, por meio de testagem da efetividade de três intervenções de suporte aos casos suspeitos que iniciam o isolamento domiciliar, a saber: ligação telefônica; envio de mensagens de texto para o telefone móvel do paciente; e leitura/explicação e entrega de material impresso com listagem dos cuidados domiciliares, extraídos de Protocolo elaborado pelo Ministério da Saúde. A hipótese a ser testada é de que pelo menos uma dessas intervenções é eficaz para melhorar a adesão às práticas de cuidados domésticos de pessoas com diagnóstico de Síndrome Gripal (suspeitas de COVID-19 - casos leves) com indicação de isolamento domiciliar, em comparação àquelas que não recebem tal suporte. Objetiva-se avaliar a efetividade de três intervenções de suporte ao isolamento domiciliar de casos suspeitos de COVID-19, identificados na Atenção Básica, em relação às condutas de rotina implementadas pelas equipes de Saúde da Família. Trata-se de proposta de estudo quantitativo, prospectivo e experimental (de intervenção), a ser realizado em 24 meses, em Unidades Básicas de Saúde de Fortaleza - Ceará. A amostra será de 195 pessoas: 49 participantes para cada um dos três grupos de intervenção e 48 a serem recrutados para o grupo controle, conforme critérios de elegibilidade. Os grupos de alocação serão: participantes que receberão ligação telefônica (grupo 1), que receberão mensagens de texto (grupo 2) e que participarão de leitura/explicação/entrega de material impresso (grupo 3), além daqueles que participarão exclusivamente de condutas de rotina da atenção básica para casos suspeitos de COVID-19 (grupo controle). A coleta de dados se dará entre novembro de 2020 e janeiro de 2021. Cada participante responderá a um formulário para coleta de dados sociodemográficos, clínicos e de condutas domiciliares após aparecimento de sintomas indicativos de Síndrome Gripal (baseline). Estes serão considerados para avaliação do desfecho. O participante será alocado (de modo aleatório) em um dos quatro grupos propostos e, no 7º e 14º dia após comparecimento à Unidade Básica de Saúde, receberá ligação telefônica para novo preenchimento do formulário (apenas os itens de avaliação do desfecho). Não haverá possibilidade de cegamento simples dos participantes quanto ao fato de receber a intervenção ou não. O desfecho considerado para este estudo será a adesão às medidas de isolamento domiciliar e cuidados domésticos implementados por pacientes com Síndrome Gripal (suspeitos de COVID-19 - casos leves), o qual será medido por meio de instrumento a ser elaborado e validado. Os dados serão analisados utilizando-se o IBM SPSS Statistics versão 24. A análise descritiva e inferência serão executadas. Esta pesquisa será submetida à apreciação de Comitê de Ética em Pesquisa. Seguirá as instruções contidas no guia internacional Consolidated Standards of Reporting Trials para intervenções não farmacológicas e será inscrita no Registro Brasileiro de Ensaios Clínicos. Serão seguidas as salvaguardas preconizadas na Resolução Nº 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde.
  • Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira - CE - Brasil
  • 16/07/2020-15/08/2022
Foto de perfil

Andrey Chaves

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • abordagem multi-escala para propriedades óticas, eletrônicas e de transporte em semicondutores bidimensionais e suas heteroestruturas
  • Materiais bidimensionais (2D) são um tópico de pesquisa recente e com enorme interesse internacional e nacional, estando na categoria de materiais avançados estratégicos, possuindo a potencialidade de gerar novos produtos e processos inovadores de elevado valor tecnológico e econômico (Portaria MCTI Nº 4.964 e Decreto nº 10. 746). Além disso, o Brasil é detentor de grandes reservas de minerais lamelares como grafite, matéria-prima para a síntese de materiais 2D. Esse projeto de pesquisa trata do estudo de propriedades de estrutura eletrônica, transporte e óptica de novos materiais 2D e suas heteroestruturas. Em específico, iremos usar uma abordagem multiescala, indo da escala atômica até a macroscópica, para tratar desses sistemas, utilizando para isso diferentes abordagens computacionais já bem estabelecidas e eficientes, as quais foram desenvolvidas ao longo dos anos para lidar com os fenômenos relevantes em cada escala diferente. Desta forma, partindo de cálculos ab-initio (DFT), obteremos uma Hamiltoniana tight-binding pelo método de Wannierização, e por fim serão obtidas propriedades de transporte, utilizando métodos por evolução temporal de função de onda (split-operator method), e utilizando o método k.p, serão construídos modelos contínuos para a obtenção de propriedades ópticas incluindo interação de poucos corpos (éxcitons e tríons) e estudo de óptica não-linear. Esse trabalho se insere em um projeto de colaboração institucional iniciado em 2020 entre ITA e UFC, e uma orientação pontual iniciada por uma colaboração UFC-ITA-UFMT em 2021. Esse projeto também visa a formação de recursos humanos, estando associados seis alunos de doutorado em coorientações entre as instituições, além de quatro alunos de mestrado.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 04/04/2022-30/04/2025