Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sonia Barbosa dos Santos

Ciências Biológicas

Zoologia
  • sistemática integrativa, distribuição e conservação de moluscos de água doce, com ênfase em ancylinae (gastropoda: hygrophila: planorbidae) e hyriidae (bivalvia: unionida)
  • Os moluscos de água doce estão entre os grupos mais ameaçados de extinção. A deterioração ambiental e a introdução de espécies invasoras têm sido as principais causas de ameaça. Este panorama tem sido observado para espécies de moluscos em todo o mundo; contudo, aqui no Brasil a falta de dados sobre diversas espécies é um sério entrave. Informações sobre a taxonomia, sistemática, biologia reprodutiva, crescimento, distribuição, são essenciais para o conhecimento das espécies e seus status de conservação. Na última avaliação das espécies ameaçadas de extinção do Brasil, grande número de moluscos continentais foi classificado como DD (data deficient) ou NT (near threatened), categorias onde o conhecimento é insuficiente para avaliação apropriada. Reconhecendo a necessidade de se reverter esta situação, o Ministério do Meio Ambiente estimula a geração de conhecimento sobre estas espécies no âmbito da Portaria 43/2014. Assim, o presente projeto visa diminuir a falta de conhecimento sobre alguns grupos de moluscos de água doce, especialmente Ancylinae (Gastropoda) e Hyriidae (Bivalvia), tendo em vista a conservação das espécies. Para alcançar tal objetivo são propostas expedições de campo para obtenção de material com partes moles que permitam análises da concha, morfologia interna e biologia molecular. Além disto, vamos inventariar todos os moluscos ocorrentes nas localidades de coleta, permitindo aprimorar os mapas de distribuição e co-ocorrência das demais espécies. Estes também poderão ser utilizados em futuros estudos taxonômicos e sistemáticos. Em síntese, pretendemos aprimorar o conhecimento básico sobre os moluscos de água doce, não apenas subsidiando a sistemática, taxonomia e distribuição, mas também obtendo dados para melhores avaliações do estado de conservação destas espécies. Assim, estamos desenhando expedições com multipropósitos visando abordar diversas questões, porém relacionadas, de forma a maximizar os recursos empregados.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022