Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Edgar Marcelino de Carvalho Filho

Ciências da Saúde

Medicina
  • inct de doenças tropicais
  • O Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Doenças Tropicais (INCT-DT) é formado por pesquisadores de reconhecida competência no estudo das doenças tropicais pertencentes a 4 diferentes Universidades e 3 Centros de pesquisa de 4 estados brasileiros. O INCT-DT é coordenado pelo Prof. Edgar Marcelino de Carvalho e o seu núcleo é o Serviço de Imunologia do Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos da Universidade Federal da Bahia. As doenças tropicais tem alta prevalência no Brasil, comprometem a qualidade de vida da população e fazem-se necessárias novas propostas que reduzam a morbidade e atenuem os prejuízos causados por estas doenças. A ênfase deste projeto de pesquisa é de identificar preditores de gravidade de doença de Chagas, leishmaniose e hanseníase e propor novos métodos de controle ou de tratamento destas doenças. Dando prosseguimento a observações feitas durante a vigência do INCT-DT, duas metas específicas estão relacionadas com a esquistossomose e a co-infecção HTLV-1 e tuberculose. As metas a curto prazo são: 1) Determinar fatores do hospedeiro relacionados com susceptibilidade ou proteção da infecção causada por Leishmania braziliensis; 2) Identificar pessoas com risco de desenvolver hanseníase e reações hansênicas; 3) Determinar o papel da resposta imune na patogênese da co-infecção HTLV-1 e tuberculose; 4) Determinar fatores do hospedeiro associados com resistência a infecção pelo S.mansoni. As metas a médio prazo são: 1) Identificar com emprego da glicômica pacientes com risco de desenvolver miocardiopatia chagásica; 2) Utilizar peptídeos do GP63 como alvo potencial para uma vacina contra as leishmanioses; 3) Avaliar in vitro novos fármacos com atividade leishmanicida e 4) Identificar as novas formas de terapia para a reação hansênica. As metas a longo prazo visam testar novas formas de terapia para as doenças tropicais e avaliar a eficácia de uma vacina contra a leishmaniose visceral canina. São 4 metas a longo prazo: 1) Avaliar a eficácia do fluconazol no tratamento da leishmaniose cutânea; 2) Avaliar a eficácia da aspirina em prevenir acidente vascular encefálico na doença de Chagas; 3) Avaliar a capacidade de agentes biológicos bloqueadores de TNF em reduzir a morbidade associada ao eritema nodoso hansênico; 4) Avaliar a eficácia da vacina LbSAP em prevenir cães para desenvolver leishmaniose visceral. São metas também do NCT-DT: 1) Transferir conhecimento para a sociedade; 2) Incrementar a participação de empresas nos projetos do INCT-DT; 3) Repassar os resultados obtidos para órgãos competentes, fornecendo subsídios para que o conhecimento gerado nas pesquisas seja utilizado em políticas públicas de saúde. Para realização dos nossos estudos temos a vantagem de termos coortes estabelecidas com grande número de indivíduos expostos, mas sem doença e facilidades de recrutar pacientes com doenças tropicais, considerando que já trabalhamos em áreas endêmicas por mais 10 anos e temos estabelecido clínicas de acompanhamento destes pacientes em ambulatórios em centros urbanos. A abordagem técnica será multidisciplinar com análise de rearranjos gênicos, glicômica, proteômica, estudos genéticos e imunológicos que definirão genes, moléculas e respostas imunes como fatores preditores de susceptibilidade, proteção e gravidade da doença. Identificaremos in vitro com testes de sensibilidade em promastigotes e amastigotas de diferentes espécies de leishmania novos fármacos com atividade leishmanicida. Para a meta relacionada com a identificação de indivíduos sob risco para o desenvolvimento de hanseníase e reações hansênicas coortes de indivíduos expostos e de pacientes com hanseníase serão estabelecidas. A identificação de indivíduos expostos ao M. leprae será feita em 4000 indivíduos residentes em área endêmica pela detecção de anticorpos anti PGL, sendo estes os indivíduos acompanhados com testes imunológicos e avaliações clínicas para a detecção precoce da hanseníase. Anualmente cerca de 100 casos novos de hanseníase virgem de tratamento são atendidos nos nossos ambulatórios e baseado em aspectos clínicos, estudos imunológicos e genéticos, identificaremos indivíduos com grande risco de desenvolver reações hansênicas. Na doença de Chagas utilizaremos a glicômica para identificar chagásicos com risco de desenvolver miocardiopatia permitindo a utilização de drogas tripanossomicidas nestes pacientes. Iremos produzir peptídeos de GP63 e testar a capacidade destas moléculas de induzir resposta imune capaz de impedir a leishmania de penetrar em células humanas. Será testada em um estudo envolvendo 4000 cães a vacina LbSAP comparada com placebo em um estudo randomizado e cego. Em um ensaio clínico aberto como prova de conceito iremos avaliar a eficácia do adalimumab comparado a pulsoterapia com prednisolona no eritema nodoso hansênico. Também em um estudo randomizado e controlado será comparada a eficácia do antimonial com a do fluconazol na dose de 6,5 a 8 mg/Kg de peso por 28 dias em pacientes com leishmaniose cutânea. Os conhecimentos alcançados pelo INCT-DT têm sido transferidos para a população e continuaremos a usar métodos já demonstrados eficazes e introduzir novos métodos para transferir conhecimento para a população afetada. Novas formas de terapia vêm sendo testadas por muitos dos pesquisadores deste instituto para tratamento das doenças tropicais e estamos propondo testar novas drogas e vacinas no próximo quinquênio. A transferência destes conhecimentos e trabalhos em parceria com o Ministério de Saúde e as Secretarias Estaduais de Saúde permitirão que estes conhecimentos se transformem em projetos públicos que atenuem as doenças tropicais.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 23/11/2016-30/11/2022
Foto de perfil

Edgar Odebrecht

Engenharias

Engenharia Civil
  • desempenho de estacas escavadas de grande diâmetro em solo arenoso sob carregamento vertical a partir de ensaios de campo
  • O crescimento das cidades, resultante do crescimento demográfico e econômico, é demonstrado pela expansão das áreas urbanas, as quais exigem obras com portes cada vez maiores e, consequentemente, uma maior necessidade de transmissão de cargas ao solo. Segundo Brochero (2014), o aumento das cargas transmitidas ao solo exige o desenvolvimento de ferramentas que proporcionem a construção de obras cada vez mais seguras, econômicas, eficientes e principalmente de menor impacto ambiental. Uma das ferramentas utilizadas a fim de compensar essas grandes cargas são as estacas escavadas de grande diâmetro, as quais necessitam no seu processo executivo a estabilização das paredes da escavação. Esta estabilização vem sendo realizada com o uso de lama Bentonítica o que gera um volume representativo de resíduo a ser descartado elevando os custos e muitas vezes gerando impactos ambientais indesejados. Recentemente a introdução do uso de polímeros como material estabilizante da escavação da estaca reduziu drasticamente esta geração de resíduo já que o mesmo, após tratamento químico adequado in loco, pode ser descartado livremente na natureza sem a geração de impacto ambiental. A previsão do desempenho de estacas escavadas já foi motivo de diversos estudos na engenharia geotécnica e de fundações. Contudo, estes estudos foram geralmente conduzidos em solos argilosos e siltosos deixando uma enorme lacuna de conhecimento quando se trata de solos com perfil predominantemente arenoso e principalmente no que se refere ao resultado de desempenho com o uso de distintos fluidos estabilizantes (CAVALCANTE, 2006). O Campo Experimental de Araquari, sediado no município de mesmo nome, localizado norte do estado de Santa Catarina, foi idealizado e projetado para promover o avanço do conhecimento nesta área específica (http://www.ufrgs.br/araquari-ets/). Neste local já foi executada uma vasta campanha de investigação geotécnica que constou de sondagens SPT, CPTU, SDMT além de ensaios de caracterização do solo em laboratório. Também já foram executadas estacas escavadas com uso de bentoníta e com uso de polímero, possuindo 1 metro de diâmetro, 24 metros de comprimento, 8 níveis de instrumentação e distintos tipos de ensaios de integridade. Esta ação foi efetuada com o apoio da indústria e parceira entre as instituições de ensino e pesquisa envolvidas (NIENOV 2016 e BROCHERO 2014). Esta pesquisa pretende dar continuidade a este trabalho com a realização de mais uma prova de carga e novos ensaios de campo com interpretação dos resultados e comparação com os resultados das provas de carga já realizadas. Pata tanto conta-se novamente com o apoio da indústria da construção, em especial as empresas Brasfond, Fugro, Geoforma e com a parceria entre as universidades envolvidas no projeto, a saber: UFRGS, UDESC, UFSC e UFPR.
  • Universidade do Estado de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edgard Almeida Pimentel

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • regularidade geométrica para equações diferenciais parciais
  • Nosso objetivo é o estudo da teoria de regularidade para equações diferenciais parciais (não-lineares). Através de métodos geométricos, espera-se examinar ganhos de regularidade em problemas importantes da teoria, como: processos de difusão descontinuamente degenerados/singulares, equações de meios porosos, operadores não-convexos e problemas não-locais. Os métodos utilizados são intrinsicamente geométricos, e utilizam técnicas de aproximação diversas. Nossos resultados esperados tencionam avançar o estado da arte na área ao atacar problemas relevantes.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edgard Henrique Oliveira Dias

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • utilização de bacteriófagos como indicadores da contaminação de esgotos domésticos por patógenos virais
  • Apesar de o reúso de águas residuárias apresentar benefícios ambientais e econômicos, a presença organismos patogênicos em efluentes domésticos, principalmente de vírus entéricos humanos, colocam em risco a saúde humana. Tradicionalmente projetadas para remover matéria orgânica e sólidos dos efluentes, as Estações de Tratamento de Esgoto (ETE) também contribuem para certa remoção de patógenos. Porém, estudos relatam que as ETE removem bactérias de maneira mais eficiente do que vírus. Além disso, as concentrações e as eficiências de remoção de bactérias patogênicas indicadoras tradicionalmente utilizada no monitoramento (ex: coliformes e enterococos) aparentam não correlacionar com às de vírus patogênicos. Desta forma, é necessário investigar a utilização de indicadores de contaminação viral alternativos, sendo os bacteriófagos potenciais indicadores. Bacteriófagos (fagos) são vírus capazes de infectar bactérias, e são considerados melhores indicadores da presença, sobrevivência, persistência e comportamento de vírus patogênicos em ambientes aquáticos do que bactérias devido às similaridades em termos de composição, morfologia, estrutura, tamanho e forma de replicação, além de serem analisados em laboratório através de técnica simples, rápida e de baixo custo. Nesse sentido, propõe-se o monitoramento das diversas etapa de tratamento (esgoto bruto, tratamento primário e tratamento secundário) de diferentes ETEs no município de Juiz de Fora / MG, englobando tratamento biológico de lodos ativados (sistema aeróbio) e reatores UASB (sistema anaeróbio). Além disso, propõe-se a realização de experimentos de desinfecção em escala de bancada (ex: cloração, filtração e processos físico-químicos) de efluentes provenientes de tratamento secundário. O Objetivo principal do trabalho é, portanto, avaliar as concentrações de fagos (colifagos somáticos e F-específicos) e bactérias indicadoras (coliformes e enterococos), com o intuito de identificar relações entre concentrações e eficiências de remoção destes organismos a nível de tratamento primário, secundário e terciário. Como resultado desta pesquisa, espera-se contribuir para o conhecimento sobre a remoção de vírus e bactérias patogênicas em ETEs em municípios brasileiros de médio porte, visando o reúso seguro de efluentes tratados. Desta forma, o projeto de pesquisa proposto irá propiciar o avanço do conhecimento sobre a remoção de vírus e bactérias em sistemas de tratamento de efluentes, com grandes expectativas de produção científica a nível nacional e internacional. De maneira mais específica, será possível obter informação sobre o nível de contaminação do esgoto doméstico do município de Juiz de Fora em termos de bactérias e vírus bem como suas eficiências de remoção destes em diferentes ETEs, e o aporte destes micro-organismos no Rio Paraibuna, principal corpo hídrico da região. Além disso, cabe citar a potencial formação de recursos humanos, pois prevê-se a participação de alunos de graduação, e potencialmente um aluno de mestrado, no projeto. Por fim, é importante salientar que os avanços nos métodos analíticos para a detecção e enumeração de fagos e bactérias indicadoras deixarão um legado para o Laboratório de Qualidade Ambiental (LAQUA) e os alunos de Engenharia Ambiental e Sanitária e outros cursos da UFJF.
  • Universidade Federal de Juiz de Fora - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edilberto Rocha Silveira

Ciências da Saúde

Farmácia
  • desenvolvimento de fitoterápico simples a partir do óleo-resina de copaifera langsdorffii desf.: creme de barreira contra úlcera de pressão e outras lesões cutâneas
  • DESENVOLVIMENTO DE FITOTERÁPICO SIMPLES A PARTIR DA ÓLEO-RESINA DE COPAIFERA LANGSDORFII DESF.: CREME DE BARREIRA PARA USO TÓPICO CONTRA ÚLCERA DE PRESSÃO E OUTRAS LESÕES CUTÂNEAS. Projeto integrado e multidisciplinar, envolvendo o Laboratório de Fitoquímica de Plantas Medicinais (LAFIPLAM) e o Laboratório de Polímeros e Inovação de Materiais de Química, do Depto. de Química Orgânica e Inorgânica, do Centro de Ciências, o Setor de Produção de Medicamentos e Cosméticos do Depto. de Farmácia, da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, o Depto. de Farmacologia, do Centro de Ciências da Saúde, e Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos, da Escola de Medicina, da Universidade Federal do Ceará, além do Laboratório Multiusuário de Química de Produtos Naturais da EMBRAPA Agroindústria Tropical - CE, e o Depto. de Antibióticos, da Universidade Federal de Pernambuco, visando o desenvolvimento, elaboração, preparação, e produção de um produto tradicional fitoterápico simples, à base de óleo-resina de Copaifera langsdorffii Desf., para utilização em úlcera por pressão e outras lesões cutâneas. Escaras, ou úlceras por pressão, representam uma condição grave, e incômoda, que ocorre com pacientes, hospitalizados ou não, atingindo principalmente pessoas com problemas de mobilidade física e/ou idosos, tratando-se de um problema recorrente, principalmente para usuários do Sistema Único de Saúde de baixa renda. As lesões por pressão estão relacionadas a efeitos marcantes na qualidade de vida, morbidade e mortalidade associadas a pacientes críticos, e vêm se tornando um problema crescente no mundo inteiro devido, principalmente, ao envelhecimento da população. No Brasil não há um registro atual sobre os gastos anuais com o tratamento de lesão por pressão, porém há um relato de que o custo com material para tratamento em torno de R$36.629,95 por paciente/mês e de R$ 445.664,38 anuais, para uma instituição hospitalar localizada em Minas Gerais. Outro problema detectado em usuários do SUS, são as lesões cutâneas ocasionadas pela desidratação da pele, muito comum em pessoas idosas, e os consequentes ferimentos causados pelo hábito de coçar. Acresça-se a isto, outros tipos de lesões cutâneas causadas por queimaduras e/ou ferimentos involuntários em pessoas de qualquer idade. Copaifera langsdorffii Desf., uma das quatro espécies de Copaífera listadas na Chamada CNPq/MS-SCTIE-Decit no. 19/2018 - Fitoterápicos, é a mais abundante, a mais dispersa, e a mais estudada, do ponto de vista fitoquímico e farmacológico, das espécies de Copaifera brasileiras. O óleo-resina de espécimes de C. langsdorffii, que ocorrem no Ceará, principalmente nas chapadas da Ibiapaba (Norte) e do Cariri (Sul), já foram sujeitos de estudos fitoquímicos e farmacológicos pelos grupos de pesquisa da UFC, que comprovaram a atividade cicatrizante e anti-inflamatória tanto do óleo-resina como de metabólitos secundários isolados a partir dos mesmos, corroborando com os resultados de outros grupos de pesquisa espalhados pelo mundo, o que justifica a escolha da espécie como material de estudo para o projeto em epígrafe. Existem mais de 70 espécies de Copaifera no mundo, mas o Brasil, com 26 espécies e 8 variedades, é o que possui a maior diversidade. Embora sendo um gênero extensivamente estudado taxonomicamente, ainda existem dificuldades na identificação de algumas espécies de Copaifera. O óleo-resina de copaíba é constituído por uma fração não-volátil composta por ácidos diterpênicos e uma fração volátil (extraída por vapor d'água) composta por hidrocarbonetos sesquiterpênicos e diterpênicos, cujo perfil químico pode variar com a espécie, características sazonais e climáticas do ambiente, composição e tipo de solo, e índice pluviométrico. O referido óleo é obtido diretamente das árvores e, frequentemente, os óleos comercializados, de diferentes espécimes, podem ser misturados resultando num obstáculo adicional para a identidade botânica das plantas das quais foram obtidos. Além disso, não existem parâmetros, para caracterizar o óleo, que permitam realizar o controle de qualidade da droga botânica a ser usada numa formulação farmacêutica, constituindo-se num obstáculo para o registro de produtos contendo óleo de copaíba, que garanta um uso seguro e eficaz deste tipo de fitomedicamento. Desta forma, a presente proposta, submetida por uma equipe interdisciplinar, interinstitucional, de pesquisadores com diferentes expertises, e comprovada experiência no estudo fitoquímico-farmacológico do óleo de C. langsdorffii, propõe a produção de um produto tradicional fitoterápico simples, à base de óleo-resina de Copaifera langsdorffii Desf., desde a etapa de caracterização do perfil químico do óleo, por técnicas quimiométricas por ressonância magnética nuclear e espectrometria de massa de alta resolução acoplada a HPLC, para a padronização da matéria prima, a descoberta da concentração ideal de droga vegetal, com máxima efetividade farmacológica, preparação de cremes de barreiras por formulações diferentes, inclusive pelo uso de microencapsulamento da droga, e a realização de testes pré-clínicos in vitro, e in vivo, como cicatrizante e anti-inflamatório, inclusive os testes clínicos do produto final elaborado. O sucesso desta proposição com certeza acrescentaria benefícios sociais e, principalmente, de saúde pública, através da produção de um fitomedicamento de baixo custo, e acessível à população de baixa renda, para aplicação em hospitais e postos de saúde do SUS.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 02/01/2019-31/01/2022
Foto de perfil

Edilberto Rocha Silveira

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • estudo multidisciplinar (agronômico-químico-farmacológico) de plantas do nordeste com uso etnofarmacológico como anti-inflamatório e cicatrizante visando o desenvolvimento de creme de barreira para uso tópico contra úlceras por pressaõ e outras lesões c
  • Projeto integrado e multidisciplinar, envolvendo o Laboratório de Fitoquímica de Plantas Medicinais (LAFIPLAM) e o Laboratório de Polímeros e Inovação de Materiais de Química, do Depto. de Química Orgânica e Inorgânica, do Centro de Ciências, o Setor de Produção de Medicamentos e Cosméticos do Depto. de Farmácia, da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, o Depto. de Farmacologia, do Centro de Ciências da Saúde, e Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos, da Escola de Medicina, da Universidade Federal do Ceará, além do Laboratório Multiusuário de Química de Produtos Naturais da EMBRAPA Agroindústria Tropical - CE, e o Depto. de Antibióticos, da Universidade Federal de Pernambuco, visando a realização de atividades que possam levar, no futuro ao desenvolvimento, elaboração, preparação, e produção de um produto tradicional fitoterápico simples, à base de extratos vegetais, ou frações provenientes dos mesmos,.a a partir de plantas da flora nordestina que apresentem uso etnofarmacológico como anti-inflamatorio e cicatrizante [Myracrodruon urundeuva (aroeira-do-sertão), Astronium fraxinifolium (gonçalo alves), Schinopsis brasiliensis (braúna), Sideroxylon obtusifolius (quixaba)]. O referido medicamento poderia ser utilizado no tratamento de úlcera por pressão e outras lesões cutâneas. Escaras, ou úlceras por pressão, representam uma condição grave, e incômoda, que ocorre com pacientes, hospitalizados ou não, atingindo principalmente pessoas com dificuldade na mobilidade física e/ou idosos, tratando-se de um problema recorrente, principalmente para usuários do Sistema Único de Saúde de baixa renda. As lesões por pressão estão relacionadas a efeitos marcantes na qualidade de vida, morbidade e mortalidade associadas a pacientes críticos, e vêm se tornando um problema crescente no mundo inteiro devido, principalmente, ao envelhecimento da população. Outro problema detectado em usuários do SUS, são as lesões cutâneas ocasionadas pela desidratação da pele, muito comum em pessoas idosas, e os consequentes ferimentos causados pelo hábito de coçar. Acresça-se a isto, outros tipos de lesões cutâneas causadas por queimaduras e/ou ferimentos involuntários em pessoas de qualquer idade. As espécies vegetais citadas anteriormente, todas mencionadas na literatura etnobotânica como anti-inflamatória e cicatrizante, já foram sujeitos de estudos fitoquímicos e farmacológicos pelos grupos de pesquisa da UFC, que comprovaram parcialmente as atividade cicatrizante e anti-inflamatória das mesmas, o que justifica a escolha da espécies como material de estudo para o projeto em epígrafe, visando o desenvolvimernto de um produto fitoterápico que pudesse ser utilizado no tratamento de úlcera por pressão e outras enfermidades cutâneas. Desta forma, a presente proposta, submetida por uma equipe interdisciplinar, interinstitucional, de pesquisadores com diferentes expertises, e comprovada experiência no estudo fitoquímico-farmacológico de plantas, propõe a produção de um produto tradicional fitoterápico simples, à base de extratos vegetais, ou frações provenientes destes, desde a etapa de caracterização do perfil químico, por técnicas quimiométricas por ressonância magnética nuclear e espectrometria de massa de alta resolução acoplada a HPLC, para a padronização da matéria prima, até a descoberta da concentração ideal de droga vegetal, com máxima efetividade farmacológica, preparação de cremes de barreiras por formulações diferentes, inclusive pelo uso de microencapsulamento da droga, e a realização de testes pré-clínicos in vitro, e in vivo, como cicatrizante e anti-inflamatório dos mesmos. O sucesso desta proposição contribuiria com o desenvolvimento científico focado na obtenção de um produto útil, e com certeza acrescentaria benefícios sociais e, principalmente de saúde pública, através da produção de um fitomedicamento de baixo custo, e acessível à população de baixa renda, para aplicação em hospitais e postos de saúde do SUS.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edilene Maria Queiroz Araújo

Ciências da Saúde

Nutrição
  • avaliação da efetividade da alimentação cardioprotetora brasileira na redução da pressão arterial e seus fatores de riscos associados em hipertensos usuários de ubs em salvador/bahia: um ensaio clínico randomizado
  • Introdução: As Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) apresentam-se como desafio ao sistema público de saúde, pela sua alta prevalência e custos atribuídos a assistência prestada aos sujeitos. Entre essas DCNT, destaca-se a hipertensão arterial sistêmica (HAS), definida como uma condição clínica multifatorial caracterizada por níveis elevados e sustentados da pressão arterial (PA) sistólica ≥ 140 e/ou PA diastólica ≥ 90 mmHg. Dados do estudo de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por inquérito telefônicos (VIGITEL) de 2019 apontam que a prevalência de HAS tem aumentado a cada ano, atingindo 24,5% da população. Salvador é a segunda capital do Brasil e a primeira do Nordeste com maior frequência de HAS no sexo feminino (30%). Diante disso, a atenção básica à saúde tem atuado como ordenadora da Rede de Atenção à Saúde, coordenando o cuidado e, sendo constituída por uma equipe multiprofissional, auxiliando no estabelecimento de vínculos entre os profissionais de saúde e seus usuários. A qualificação cada vez maior de profissionais da atenção básica é um esforço contínuo que requer perseverança. Nesse sentido, o Ministério da Saúde vem elaborando e divulgando uma série de materiais e guias de orientação para organização das linhas de cuidado para as DCNT. Entre esses, em 2018, foi lançado o Guia de orientação para a Alimentação Cardioprotetora Brasileira. A intervenção, visa minimizar as dificuldades de adesão, baseando-se em três eixos, gastronomia e regionalidade, com alimentos e receitas do Brasil, culturalmente aceitos, prescrição dietética facilitada, com a criação de escore para classificação dos alimentos em grupo, e estratégia lúdica, que facilita o aconselhamento alimentar e a adesão às orientações. O manual está alinhado às preconizações do Guia Alimentar para População Brasileira de 2014 e considera a importância da situação socioeconômica e outros fatores de risco para doenças crônicas (inclusive a HAS), como tabagismo e sedentarismo, reforçando que esses pilares sejam avaliados pelos profissionais atuantes na Atenção Básica à Saúde. Assim, o objetivo deste projeto, é verificar se a intervenção dietoterápica com a Alimentação Cardioprotetora será efetiva na redução da pressão arterial de hipertensos usuários acompanhados em UBS, em Salvador/Bahia. Para tanto, o método escolhido será o experimental, do tipo ensaio clínico randomizado, com homens e mulheres hipertensos controlados (pressão sanguínea sistólica ≥ 140 mmHg e/ou pressão diastólica ≥ 90 mmHg), com diagnóstico comprovado, adultos, maiores que 20 anos, que não seguem dieta há 6 meses. A pesquisa será realizada no município de Salvador-BA, após o sorteio de 10 UBS´s, que dispõem de nutricionista na equipe, entre as 45 unidades existentes. Os usuários também serão randomizados, 300 seguirão a Alimentação Cardioprotetora e 300 seguirão a orientação tradicional das UBS´s, após sorteio, ou seja, 60 usuários serão acompanhados em cada UBS. Este n foi calculado, baseado em teste piloto anterior existente (poder do teste = 80% e p< 0,05). Os usuários serão acompanhados durante 17 meses e terão como desfechos primários os valores da pressão sistólica e diastólica e os desfechos secundários, Índice de Massa Corporal (IMC), circunferência da cintura (CC), colesterol total (CT), lipoproteína de baixa densidade–colesterol (LDL-c), triglicerídeos (TGL), lipoproteína de alta densidade–colesterol (HDL-c), hemoglobina glicada e glicemia de jejum. Além dos desfechos primários e secundários apresentados, serão investigados fatores de riscos associados à hipertensão, tais como, diabetes mellitus, obesidade, dislipidemias e Síndrome Metabólica (SM). Além disso, será verificado o impacto da Alimentação Cardioprotetora sobre essas alterações metabólicas. Adicionalmente, será também realizada formação da equipe, workshop de 16 horas, que atuará diretamente nos atendimentos e coleta dos dados da pesquisa, com o objetivo de apresentação entre as pessoas do projeto e os participantes das unidades, da proposta da pesquisa, seus procedimentos e da abordagem da alimentação cardioprotetora. Acontecerão ainda mais dois encontros, no decorrer da pesquisa (momento 2 e momento 3), para avaliação do desenvolvimento da pesquisa pelos profissionais, em um formato de avaliação participativa. Para a análise estatística dos dados, as informações obtidas pela aplicação do questionário, dados antropométricos, exames laboratoriais e intervenções dietéticas serão tabuladas em Microsoft Excel e analisadas com auxílio do software estatístico Statistical Package for Social Sciences for Windows versão 21.0. Serão utilizados o teste T de Student com ajustes de Welch ou análise variância. Variáveis não-paramétricas serão analisadas com o teste de Mann-Whitney e a diferença entre as intervenções dietéticas será obtida para cada paciente por meio da subtração dos valores de cada variável antes e após a intervenção. Os dados serão comparados inter e intra grupos e uma análise de regressão será utilizada para estimar Odds Ratio. Será considerado nível de significância de 5%. Resultados esperados: reconhecer a efetividade da alimentação cardioprotetora em desfechos positivos nos usuários acompanhados na atenção básica à saúde. Que a implementação da proposta permita que os profissionais participantes, mais especificamente os nutricionistas, possam compreender a alimentação cardioprotetora como estratégia de cuidado efetiva, incorporá-la em sua rotina e tornar essa alimentação, que está alinhada com o guia alimentar para a população brasileira, mais acessível aos usuários do sistema único de saúde.
  • Universidade do Estado da Bahia - BA - Brasil
  • 02/12/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Edilson Dantas da Silva Junior

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • o epidídimo como alvo dos efeitos anti-fertilidade de fármacos antidepressivos, analgésicos não-opioides e anti-inflamatórios não-esteroides
  • Evidências têm demonstrado que medicamentos, incluindo os de venda livre, podem prejudicar a fertilidade masculina. Os fármacos podem afetar a fertilidade masculina por mecanismos diversos e, muitas vezes, múltiplos alvos podem estar envolvidos. No entanto, um importante e pouco estudado alvo para os efeitos anti-fertilidade de diversos fármacos é o epidídimo. É durante o transporte de espermatozoides por este tecido que o gameta passa por um processo de maturação, o qual é responsável por torna-lo apto para fecundação. Desta forma, qualquer alteração no trânsito epididimário de espermatozoides pode reduzir a qualidade e a quantidade destas células no ejaculado, reduzindo, portanto, a fertilidade masculina. Fármacos amplamente usados pela população masculina e que merecem destaque quanto aos seus efeitos anti-fertilidade são os antidepressivos (fluoxetina sertralina ou agomelatina), analgésicos não-opioides (dipirona) ou anti-inflamatórios não-esteroides (AINEs) (ácido acetilsalicílico, nimesulida). É descrito que tais agentes são capazes de reduzir a qualidade e a quantidade dos espermatozoides no ejaculado. Neste projeto, conjecturamos que parte dos efeitos anti-fertilidade dos fármacos citados anteriormente se deva a efeitos diretos sobre o epidídimo, alterando a contração deste tecido e, consequentemente, parâmetros espermáticos como transito epididimário ou concentração de espermatozoides em diferentes partes do epidídimo. Desta forma, este trabalho tem como objetivo geral avaliar os efeitos da fluoxetina, sertralina, agomelatina, dipirona, ácido acetilsalicílico ou nimesulida sobre parâmetros espermáticos e na contração da cauda distal do epidídimo. Para alcançar esse objetivo, utilizaremos ratos Wistar, os quais serão tratados in vivo com os antidepressivos e analgésicos/AINEs. Com o fim do tratamento, os animais serão sacrificados e o sangue e órgão reprodutores coletados. O sangue coletado será usado na dosagem do hormônio testosterona. Os órgãos reprodutores serão usados para a determinação de parâmetros como: produção diária de espermatozoides, trânsito epididimário de espermatozoides, concentração de espermatozoides no epidídimo, estresse oxidativo nos espermatozoides. Experimentos funcionais em banho de órgão isolado também serão realizados em segmentos do epidídimo para estudar os efeitos do tratamento in vivo ou in vitro dos antidepressivos e analgésicos/AINEs. Espera-se, com este trabalho, preencher lacunas no conhecimento sobre os efeitos anti-fertilidade de tais agentes, direcionando o planejamento racional da terapia antidepressiva com mínimos efeitos sobre a função reprodutiva masculina. Além disso, este projeto pretende contribuir com a formação do pessoal de nível superior ao permitir a inserção do aluno de graduação em um projeto de pesquisa e a formação de pós-graduandos capacitados para atuar na área de farmacologia.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edilson dos Santos Silva

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • a contribuição da educação financeira para o ensino médio: o “retrato” das escolas públicas e privadas em maceió-al (2019-2020).
  • Nos últimos anos, os programas de educação financeira têm crescido bastante, contudo ainda há uma maior concentração de cursos voltados mais para adultos, do que para a educação financeira de jovens. Entretanto, é necessário um plano de ação para ampliar o conhecimento nesta área de conhecimento, ações como treinar professores; a implementação da educação financeira nos currículos; a verificar dos impactos comportamentais; a ampliação da expertise e a contribuição disciplinar. Portanto, educar a população em idade escolar é educar por uma vida inteira de tomada de decisão e segurança, em um mercado tremendamente complexo (MCCORMICK, 2009). Neste contexto, a Medida Provisória n° 746/2016 aparece num momento importante, por propor a tentativa de flexibilizar o curriculum do ensino médio, pautadas em competências e objetivos de aprendizagem de quatro áreas do conhecimento: linguagens, matemática, ciências da natureza, e, ciências humanas e sociais aplicadas (CONGRESSO NACIONAL, 2016). Contudo, o país apresenta limitações econômicas que acabam impactando nas mais diversas áreas, em especial em educação (a base de todas as profissões). Assim, os desafios são inúmeros, mas a educação apresenta-se como um dos fatores de desenvolvimento socioeconômico essencial neste processo. No Estado de Alagoas, a realidade econômica não difere daquela observada no país, pois a Fecomercio-Alagoas (2018) relata que Alagoas ocupa a quarta posição entre os Estados Nordestinos que mais fecham empresas. Ademais, os consumidores alagoanos apresentam um percentual de endividamento de 62,4%, cujo endividamento familiar é oriundo de fatores como o cartão de crédito (81% do total de endividamento); carnês (9,4%); crédito pessoal (4,7%); financiamento da casa (6,3%); e financiamento do carro (4,7%) (ALAGOAS, 2018). Nesta conjuntura, Cole, Paulson e Shastry (2012) afirmam que as decisões financeiras domésticas são importantes tanto para as famílias quanto para a economia como um todo. No entanto, nossa compreensão do processo de tomada de decisão financeira ainda é limitada. Assim, dada à importância do atual contexto socioeconômico e cultural do Brasil, e da educação financeira no seio familiar, o presente estudo tem como objetivo: verificar quais são as ações de educação financeira que as escolas públicas e/ou privadas estão implantando como projetos com foco em educação financeira para desenvolver o perfil empreendedor e/ou ser gerenciador de suas finanças pessoais.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edilson Paulo

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • relação entre as informações contábeis das companhias abertas e fechadas, ciclos econômicos e crescimento econômico no brasil e na europa
  • A literatura macroeconômica tem se concentrado na busca dos determinantes do crescimento econômico. As flutuações do nível de atividade econômica de uma nação, ou seja, os ciclos econômicos, são frutos dos movimentos das decisões de investir e produzir, sendo que para Keynes (1936), o investimento é um causador preponderante de tais flutuações; sendo que Kothari, Lewellen e Warner (2017) afirmam que os investimentos feitos pelas firmas são essenciais tanto para o crescimento macroeconômico de longo prazo quanto para a variação de curto prazo nos ciclos econômicos de um país. Este aspecto possibilita averiguar como as informações disponibilizadas em nível empresa (micro) podem influenciar o ambiente econômico (macro). Considerando que, o produto das decisões pelos agentes econômicos (a nível micro) são observados a partir das demonstrações financeiras das firmas e que, a dinâmica macroeconômica é vista pela ótica da demanda agregada, ou seja, os aspectos macroeconômicos são decorrentes do conjunto de decisões tomadas ao nível microeconômico, torna-se possível a análise das decisões com base nas expectativas dos agentes envolvidos (as firmas) a partir dos dados contábeis e sua influência na mensuração de variáveis macroeconômicas, além de seu comportamento nos ciclos econômicos. Diante do exposto, objetivo geral desta pesquisa é analisar a relação entre as informações contábeis reportadas pelas companhias abertas e fechadas e o crescimento econômico do Brasil e da Europa nas diferentes fases dos ciclos econômicos. Para atingir o objetivo geral, têm-se os seguintes objetivos específicos: 1) Identificar a relação entre os indicadores contábeis das empresas brasileiras e europeias, tais como rentabilidade, liquidez e endividamento, e o crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB); 2) Avaliar os possíveis comportamentos distintos da relação entre indicadores contábeis e PIB nas companhias abertas e fechadas brasileiras e europeias; e 3) Analisar a influência dos ciclos econômicos no relacionamento entre a informação contábil e o PIB. Esta pesquisa torna-se relevante, primeiramente, pois busca verificar a relação direta entre as informações contábeis reportadas pelas firmas e o crescimento econômico, como descrito na literatura corrente. Em segundo lugar, há poucas pesquisas que visam analisar a relação entre as informações financeiras agregadas das empresas e as variáveis macroeconômicas, de maneira a investigar o poder informacional das demonstrações financeiras em prever o crescimento econômico de um país, representando pelo PIB. Ademais, os estudos, em maioria, estão voltados para a relação de como as condições macroeconômicas afetam o desempenho empresarial ou o comportamento dos agentes econômicos (investidores, stakeholders, entre outros), incorporando uma visão "macro para micro", enquanto que esta pesquisa tem a perspectiva do “micro para macro”. Outro ponto relevante, é a oportunidade de verificar como as informações contábeis podem contribuir com a previsão do crescimento econômico de diversos países, sendo que esta pesquisa inclui Brasil e países europeus, podendo assim verificar como as características institucionais e organizacionais desses países afetam a relação entre informação contábeis e dados macroeconômicos. Por fim, esta pesquisa analisa, conjuntamente, as empresas de capital aberto e fechado, pois ambos os tipos de sociedade têm grande importância para o desenvolvimento econômico do país. A amostra inicial deste estudo será composta pelas sociedades anônimas, de capital aberto e de capital fechado, brasileiras e europeias, sendo excluídas as empresas financeiras, pois elas apresentam estrutura e procedimentos contábeis específicos ao seu setor e possuem um nível alto de alavancagem, podendo distorcer os resultados das análises posteriores. Com o propósito de analisar o desempenho econômico-financeiro das empresas e seu impacto no crescimento real do PIB, este estudo utilizará de indicadores de rentabilidade, liquidez e estrutura de capital e, além de utilizar o método DuPont para cálculo do Retorno sobre Ativo (ROA). Esta pesquisa irá utilizar a metodologia de datação dos ciclos econômicos preconizado por Schumpeter (1939), que define essas flutuações em quatro fases: expansão (boom ou pico), recessão, contração (depressão ou vale) e recuperação. Na análise quantitativa, serão estimados modelos de regressões em séries temporais, sendo o crescimento do PIB real subsequente como variável dependente, e os indicadores financeiros das firmas e o estágio do ciclo de vida são as variáveis independentes, seguindo a metodologia utilizada por Konchitchki e Patatoukas (2013). Para a adequada adoção da modelagem econométrica, o estudo irá utilizar os testes de verificação de presença de raiz unitária Augmented Dickey-Fuller (ADF), Phillips-Perron (PP) e Kwiatkowski-Phillips-Schmidt-Shin (KPSS).
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edilson Valmir Benvenutti

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento de metodologias para obtenção de ouro na forma atômica em superfícies de matrizes inorgânicas
  • O presente Projeto visa desenvolver materiais que possam ser aplicados como catalisadores heterogêneos contendo ouro altamente disperso, na forma atômica (single atom). Para alcançar tal grau de dispersão com estabilidade, pretende-se usar como estratégias a imobilização de ouro em baixas concentrações, via processo de troca-iônica, usando cloroaurato como precursor. Serão usados como suportes, óxidos inorgânicos redutíveis, como titânia, nióbia, zircônia e céria, previamente revestidos com silsesquioxanos iônicos. Após a adsorção de cloroaurato, será feita a redução em altas temperaturas visando reduzir o ouro e, ao mesmo tempo, produzir o efeito conhecido como forte interação metal-suporte (SMSI, Strong Metal-Support Interaction). Espera-se que essa interação se revele suficientemente forte para evitar a mobilidade dos átomos de ouro e, portanto, sua agregação. Serão utilizadas técnicas que permitem identificar ouro atômico e, complementarmente, o desempenho catalítico desses materiais será avaliado usando-se diversas reações orgânicas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edinêis de Brito Guirardello

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • estudo da relação entre ambiente da prática de enfermagem, satisfação profissional, clima de segurança, exaustão emocional e eventos relacionados à assistência em saúde
  • Objetivo: Investigar a relação dos fatores do ambiente da prática, características do trabalho e exaustão emocional nos resultados do trabalho dos profissionais de enfermagem (satisfação e intenção de permanecer no trabalho), clima de segurança, qualidade do cuidado e eventos relacionados à assistência à saúde. Método: Estudo transversal correlacional-causal, de abordagem quantitativa, a ser realizado em cinco hospitais do Estado de São Paulo e, segundo o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde, são as instituições com maior número de leitos de unidades de terapia intensiva. Estimou-se a população considerando no mínimo um enfermeiro e cinco técnicos de enfermagem para cada 10 leitos de unidades de terapia intensiva para cada turno de trabalho, conforme estabelecido pela Resolução da Diretoria Colegiada (RDC n° 26, de 11 de maio de 2012), que corresponde a 1023 sujeitos e o tamanho amostral estimado foi de 523 sujeitos. Para a participação no estudo serão considerados os seguintes critérios de inclusão: a) prestar cuidados diretamente aos pacientes ou exercer atividades de gestão e b) tempo de experiência na unidade atual igual ou superior a seis meses. Serão excluídos do estudo os profissionais que relatarem estar em período de férias ou licença. A coleta de dados se realizará mediante a utilização de ficha de caracterização pessoal (idade, sexo) e profissional (tempo de experiência de trabalho na unidade de trabalho, intenção de permanecer no trabalho nos próximos 12 meses e número de profissionais para a prestação da assistência); além da versão brasileira do Practice Environment Scale, a subescala exaustão emocional do Inventário de Burnout de Maslach e as subescalas de satisfação no trabalho e clima de trabalho do Safety Attitudes Questionnaire. Prevê-se a análise descritiva da amostra e das variáveis em estudo, assim como a análise correlacional entre as variáveis do instrumento para a melhor compreensão do impacto dos fatores no ambiente da prática em enfermagem.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edison Pignaton de Freitas

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • framework para sistemas cognitivos de exploração autônoma com múltiplos robôs
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edithe da Silva Pereira

Ciências Humanas

Arqueologia
  • a ocupação pré-colonial de monte alegre, pará
  • Resumo O projeto aqui proposto constitui-se em uma segunda etapa de investigações arqueológicas e multidisciplinares no município de Monte Alegre, Pará, visando reconstruir a longa história de ocupação humana em uma região que apresenta uma das sequências mais longas e complexas da bacia amazônica. É portanto um desdobramento de pesquisas realizadas desde 2012 e que, a partir das pesquisas de décadas da Dra. Edithe Pereira em arte rupestre na área, se propôs a entender as dinâmicas de ocupação humana ao longo do tempo investigando uma área de grande concentração de sítios arqueológicos em sua totalidade, correspondendo à área do Parque Estadual de Monte Alegre. Assim, nesta primeira etapa, através da prospecção regional, documentação e escavação de alguns sítios em contextos distintos, e análises dos materiais líticos, cerâmicos, pedológicos e botânicos coletados, foi possível construir um primeiro panorama geral, que documenta a ocupação humana de ao menos 12.000 anos atrás até as antigas aldeias indígenas existentes à época da conquista europeia. Este panorama é marcado por uma enorme diversidade de uso do espaço, dos recursos e de tecnologias e estilos empregados na cultura material além do aparecimento precoce de alguns elementos, como uma indústria lítica de alto grau de controle técnico aos 12.000 AP anos e o surgimento da cerâmica por volta de 4.000 AP. Contudo, apesar da riqueza de resultados obtidos, restam questões importantes ainda pouco exploradas, além do caráter bastante pontual de alguns dados que precisam agora ser verificados ou melhor trabalhados em área com características distintas à investigada. Nesse sentido, propõe-se dar continuidade ao projeto atuando-se em duas frentes: 1) a documentação mais detalhada de um dos sítios arqueológicos já escavados e mais importantes da região, a Caverna da Pedra Pintada, de forma a complementar os dados da escavação e referentes sobretudo à sua topografia, pinturas rupestre e elementos botânicos de seu entorno; 2) a investigação de uma nova área, que denominamos complexo do Cauçu, onde já foram identificadas inúmeras pinturas rupestres em extensas e complexas formações rochosas, na qual procederemos a uma prospecção sistemática para a escolha de um sítio a ser escavado e documentado em detalhes. Nesta segunda etapa, pretendemos também avançar nas análises paleoambientais, uma vez que se faz necessário entender as mudanças da paisagem que possam ter afetado a dinâmica cronológica de ocupação da região, com possíveis hiatos e/ou períodos de menor ou maior densidade de lugares ocupados. Trata-se de um projeto que conta com a coordenação da Dra. Edithe Pereira, e com a participação de pesquisadores especializados em distintas áreas da arqueologia (com especialistas em tecnologia lítica, análise de cerâmica, arte rupestre, paleobotânica, e reconstrução de páleoambientes) em colaboração entre o Museu Paraense Emílio Goeldi, a Universidade Federal do Oeste do Pará, a Universidade Federal de Minas Gerais e a Universidade de São Paulo. Além da expertise dos pesquisadores, o projeto conta com o apoio institucional, infraestrutura e equipamentos destas instituições para a realização da pesquisa. O cronograma de pesquisa é de dois anos de duração, com distintas etapas de campo e laboratório. As metodologias de campo e laboratório seguem protocolos utilizados anteriormente garantindo os estudos comparativos entre as os sítios e materiais já estudados e novos que serão documentados neste projeto.
  • Museu Paraense Emílio Goeldi - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Edivanio Rodrigues de Araujo

Ciências Agrárias

Agronomia
  • prospecção por indutores de resistência ao míldio e à queima das pontas da cebola
  • A cebola é a terceira hortaliça em importância econômica no Brasil. Em Santa Catarina, maior produtor nacional de cebola, o míldio (Peronospora destructor) e a queima das pontas (Botrytis squamosa) são as doenças foliares que demandam os maiores volumes e custos com pulverizações de defensivos. Aliado a isso, poucas moléculas têm apresentado elevada eficiência no controle dessas doenças, limitando a oferta de mercado, bem como potencializando o risco de aparecimento de estirpes resistentes. A equipe de pesquisa em Fitopatologia da Epagri-Estação Experimental de Ituporanga vem realizando estudos de manejo para ambas as doenças. Contudo, até o presente momento, os produtos avaliados (fosfitos de cálcio e potássio, acibenzolar-Smetil, silício) não tem demonstrado controle satisfatório desses problemas fitossanitários. Diante disso, é importante a continuidade na busca por moléculas alternativas, e menos tóxicas ao homem e ambiente, que possam integrar o manejo e racionalizar o uso de defensivos. Este projeto objetiva investigar a ação de potenciais indutores de resistência (fosfitos de: cobre, manganês, magnésio e zinco; ácido jasmônico; ácido salicílico; e etileno) no manejo do míldio e da queima das pontas em cultivares e populações avançadas de cebola, a campo. No primeiro ano de ensaio os produtos serão avaliados de forma isolada, e nas duas safras seguintes serão combinados com fungicidas. Para a queima das pontas da cebola será avaliada a severidade final da doença. Para o míldio, a área abaixo da curva de progresso da doença e a produtividade comercial serão quantificadas. A partir dos resultados obtidos neste projeto, almeja-se propor novas práticas e/ou processos agropecuários para o manejo das duas principais doenças foliares da cultura na região Sul do país. Os processos gerados no presente projeto têm o intuito de realizar um manejo mais racionalizado e sustentável do míldio e da queima das pontas da cebola.
  • Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edla Hoffmann

Ciências Sociais Aplicadas

Serviço Social
  • as implicações do ajuste fiscal na efetivação das políticas sociais, no agravamento da pobreza e na desigualdade social
  • O atual período é marcado pela hegemonia do capital financeiro e dos setores a ele ligados, os quais mobilizam estratégias econômicas e políticas para implementar contrarreformas que atendam as necessidades de reprodução do capital. No Brasil, o ajuste fiscal é uma das estratégias utilizadas pelo grande capital em período de crises. Este processo tem início ainda nos anos de 1980 e vem se consolidando nos anos de 1990 e 2000. Uma das implicações do ajuste fiscal é o agravamento da questão social, expressa através da exclusão de amplos setores do mercado formal de trabalho, da frágil cobertura assistencial aos direitos sociais e trabalhistas, do desemprego de caráter estrutural, da falta de acesso à saúde e demais políticas sociais públicas, dentre outros fatores presentes, principalmente na vida da classe trabalhadora. Considerando que a maioria da população que integra as classes populares é usuária das políticas sociais públicas, sofre diretamente os rebatimentos das políticas de ajuste, expressas nos serviços que acessa. Em face do exposto, o presente estudo pretende investigar em que medida as políticas de ajuste fiscal incidem na efetivação das políticas sociais, no agravamento da pobreza, na desigualdade social. Tem como lócus de estudo os estados do Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, considerando para tanto o período de 2014 a 2018. Do ponto de vista metodológico exige fazer algumas aproximações acerca do fenômeno da pobreza considerada como resultante da desigualdade social. Requer também estabelecer as mediações necessárias entre o ajuste fiscal e suas implicações no âmbito das políticas sociais públicas eleitas para o presente estudo: saúde, educação, assistência social, reforma agrária, trabalho e renda. Pobreza e desigualdade social são partes integrantes de um contexto mais amplo e que compõe a totalidade social, por essa razão é necessário estabelecer as relações das partes com esse todo, que mutuamente se influenciam e compõem o mesmo processo. Trata-se de um estudo que faz opção pelo enfoque misto, pois relaciona qualidade e quantidade na perspectiva de complementariedade, pela articulação de dados quanti-qualitativos. Será desenvolvido através de coleta dados secundários, disponíveis em portais administrativos, em sítios de institutos de pesquisa que disponibilizam bancos de dados e documentos como planos estaduais das políticas, relatórios de gestão, planos plurianuais, dentre outros. O crescimento do mercado de trabalho do(a) assistente social no âmbito de tais políticas sociais exige da universidade a produção de conhecimento crítico sobre esta questão a fim de apreendê-la do ponto de vista histórico e teórico, com informações que qualifiquem o ensino de graduação e de pós-graduação. A pesquisa tem relevância visto que pode contribuir com subsídios para aperfeiçoamento nos processos de formulação, avaliação e gestão de políticas sociais públicas. Além de obter informações que qualifiquem o ensino de graduação e de pós-graduação no serviço social e áreas afins.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edlley Max Pessoa da Silva

Ciências Biológicas

Botânica
  • estudos integrados em sistemática de orchidaceae no estado do maranhão, brasil.
  • É um consenso que a unidade central da sistemática é a espécie, no entanto a delimitação a esse nível nem sempre é uma tarefa fácil. Complexos de espécies são uma questão problemática para taxonomia, já que são definidos como um grupo de espécies (linhagens, ou metapopulações) com delimitação difícil, sendo o principal objeto para estudos integrados. A taxonomia integrativa tem como objetivo aprimorar a delimitação de espécies usando uma metodologia que busca concordância de diferentes fontes de evidências. Nesse quesito a família Orchidaceae se apresenta como um bom modelo, visto que apresenta vários complexos de espécies com ampla variação na distribuição geográfica e ecologia. No estado do Maranhão são conhecidas 121 espécies da família, estudos com orquídeas no estado são escassos, o conhecimento sobre o grupo é restrito a levantamentos florísticos e a uma lista preliminar. Esse número é considerado baixo quando comparado com outros estados da região Nordeste. O Maranhão está situado numa região de transição entre o bioma amazônico e o Cerrado, e esta posição geográfica possibilita a coexistência de espécies de ambos os biomas, sendo esperado um número de táxons muito superior ao atualmente registrado. A presença de inúmeras espécies com identidade duvidosa por estarem incluídas em complexos de espécies na flora do Maranhão são uma rica fonte de estudos envolvendo taxonomia integrativa, com destaque para os gêneros Catasetum e Epidendrum. Desta forma este projeto tem como objetivos desenvolver estudos integrados na área de taxonomia tendo como modelo as espécies da família Orchidaceae do estado do Maranhão, com ênfase nos gêneros supracitados, além da formação de recursos humanos no estado. Tendo como objetivos específicos apresentar um checklist atualizado das espécies de Orchidaceae ocorrentes no Maranhão, e desenvolver estudos morfológicos, morfométricos e filogenéticos visando resolver problemas de delimitação em complexos de espécies da família que incluam táxons com distribuição no estado. Expedições serão conduzidas por todo o estado do Maranhão, dando preferência a áreas de fácil acesso e unidades de conservação. Folhas serão coletadas e armazenadas em sílica gel para extração de DNA e as flores serão mantidas em álcool (70%) para estudos morfométricos. Para produção da lista de espécies será necessário que as principais coleções botânicas do Brasil que tenham espécimes oriundos do Maranhão sejam visitadas, além dos herbários locais. As análises filogenéticas serão realizadas no Laboratório de genética e Biologia Molecular (GENBIMOL) da UEMA, parte integrante da equipe desse projeto. Espera-se analisar sequencias de seis marcadores moleculares, o nuclear ITS, e os plastidiais matK, rpl32-trnL, rps16-trnK, trnQ-rps16 e ycf1, que vem se mostrando úteis para delimitação de espécies principalmente dos gêneros Epidendrum e Catasetum. Para morfometria o perianto das flores será montado em papel branco e fotografado junto com uma escala. Posteriormente a forma das partes do perianto será quantificada usando análise de Landmarks implementada no software MorphoJ (morfometria geométrica). Espera-se como produtos finais desse projeto, a orientação de dois alunos do programa de pós-graduação em Biodiversidade, Ambiente e Saúde da UEMA, integrando-os ao projeto, e produção de manuscritos referentes à possíveis espécies novas a ser encontradas, lista das espécies de Orchidaceae do Maranhão, e estudos de taxonomia integrativa de complexos de espécies dos gêneros Epidendrum e Catasetum.
  • Universidade Federal de Mato Grosso - MT - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edmar Vinícius de Carvalho

Outra

Divulgação Científica
  • 12ª jornada de iniciação científica e extensão do ifto – jice 2021 “a transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”
  • A Jornada de Iniciação Científica e Extensão (JICE) é uma evento estadual realizado anualmente pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO), o qual envolve todas as suas 11 unidades, distribuídas de norte a sul do Estado do Tocantins, a Reitoria, seus 34 polos de educação a distância e também outras instituições parceiras. O evento tem o intuito de despertar a vocação científica e incentivar novos talentos entre os estudantes por meio de projetos de pesquisa, extensão e inovação, bem como oportunizar a troca de experiências entre pesquisadores e extensionistas de áreas afins, estudantes dos diversos níveis de formação da rede pública e particular, além dos setores produtivos e da comunidade externa interessada no evento. Para tanto, proporciona um espaço de divulgação e desenvolvimento do pensamento técnico-científico, bem como de produção e discussão dos trabalhos resultantes dos projetos de pesquisa, de extensão e de inovação dos servidores e estudantes do Instituto Federal do Tocantins, das demais instituições parceiras e comunidade interessada.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins - TO - Brasil
  • 05/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Edmar Zanoteli

Ciências da Saúde

Medicina
  • caracterização fenotípica e genética nas miopatias congênitas estruturais
  • Introdução: As miopatias incluem um grupo amplo de doenças geneticamente determinadas ou adquiridas durante a vida causadas por anormalidades na fibra muscular. Os principais subtipos de causa genética incluem as miopatias congênitas, as distrofias musculares, as miopatias metabólicas e as canalopatias. As miopatias congênitas estruturais se manifestam já nos primeiros meses de vida com fraqueza, atraso motor e hipotonia e tendem a evoluir de forma estável ou lentamente progressiva. Dependendo dos achados histológicos, são classificadas em diferentes subtipos: nemalínica, central-core, minicore, centronuclear, desproporção congênita de fibras, entre outras mais raras. Mais de 30 genes já foram identificados nesta forma de miopatia, o que torna o diagnóstico molecular difícil e demorado, limitando o conhecimento adequado da história natural da doença. Objetivo: avaliação clínica e funcional motora, bem como análise molecular, em pacientes com miopatias congênitas estruturais, em um grande centro médico de referência nacional, buscando um diagnóstico precoce e específico. Espera-se correlacionar os aspectos clínicos com as variantes encontradas, determinar a frequência dos principais subtipos, e caracterizar a sua história natural. Metodologia: avaliação clínica e funcional motora (escalas MFM-Motor Function Measurement e MRC-Medical Research Council) e análise molecular através de sequenciamento de nova geração (SNG) usando painel de genes relacionados com miopatias congênitas. Relevância: o diagnóstico precoce e específico das miopatias congênitas estruturais possibilitará uma abordagem multidisciplinar específica, aconselhamento genético adequado, inclusão de pacientes em futuros estudos clínicos, e conhecimento mais detalhado da história natural.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edna Maria Camelo Chaves

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • potencial anti-inflamatório dos polissacarídeos das folhas de genipa americana no modelo de epilepsia (kindling) induzida por pentilenotetrazol em camundongo
  • Distúrbios neurocomportamentais estão presentes em várias desordens neurológicas, destacando-se epilepsia que acomete 1% da população mundial. Atualmente existe um grande interesse no estudo fisiofarmacológico de plantas e seus efeitos no sistema nervoso central. Da Genipa americana L., tem se isolado o Extrato Rico em Polissacarídeos (ERP), que apresentam propriedades farmacológicas, tais como, as atividades anti-inflamatória, neuroprotetora, analgésica, anticoagulante e antiplaquetária. O objetivo do projeto será investigar o efeito anti-inflamatório dos polissacarídeos das folhas de Genipa americana em camundongos no modelo de epilepsia (Kindling) induzida por pentilenotetrazol. Serão utilizados camundongos Swiss machos, para indução da convulsão com PTZ (40 mg/kg; i.p) a cada 48 horas, durante 30 dias. Em dias alternados os animais receberão o ERP (1, 3, 9, 27 mg/kg; i.p). Será utilizada a escala de Racine para determinação do grau de severidade da crise convulsiva. Um grupo será tratado com vitamina C e outro com diazepam. Serão realizados as dosagens de citocinas, atividade da mieloperoxidase, determinação do estresse oxidativo e análise morfológica do hipocampo. Os resultados serão expressos em gráficos e/ou tabelas, com média ± erro padrão da média (EPM). Será utilizado ANOVA seguido do teste de Newman-Keuls, O nível de significância será fixado em p<0,05 para todas as análises. Para realização dos testes estatísticos será utlizado o software Prism versão 5.03 da GraphPad Software.
  • Universidade Estadual do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edna Teruko Kimura

Ciências da Saúde

Medicina
  • inter-relação de rna codificantes e não-codificantes na tumorigênese da glândula tiroide
  • Vide projeto anexo
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ednailza Miranda Carvalho Aboboreira

Ciências Humanas

Filosofia
  • ciência com(n)vida: feira de ciência e inovação do cmlem
  • O projeto CIÊNCIA COM(N)VIDA visa a promoção e a consolidação de um espaço de experimentação interdisciplinar entre as Áreas de Ciências da Natureza, Ciências Humanas e Linguagens para a interação com escolas de Ensino Fundamental, Ensino Médio e Graduandos de cursos de Licenciatura do município de Itabuna, Bahia. O projeto prevê a organização de mostras em escolas de ensino fundamental e feira científica no Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães onde todos os trabalhos científicos pré-selecionados serão apresentados por categorias, com posterior premiação. O projeto contará com a participação de professores de todas as áreas do conhecimento do Colégio Modelo de Itabuna, docentes e discentes de escolas de ensino fundamental e médio, professores e graduandos de Universidades públicas (UFSB, UESC), professores do programa Residência Pedagógica – UFSB, Professores e graduandos de Universidades particulares (FTC, UNIME), além do grupo do Projeto de Extensão "Conhecer Economia"/UESC, Caminhão Com Ciência/UESC. O projeto pretende divulgar a ciência e a tecnologia tornando-as acessíveis à comunidade escolar e a comunidade de modo geral de modo simples e aprazível, além de complementar as aprendizagens anteriores daqueles que tiveram uma iniciação científica na escola. A divulgação e popularização da ciência envolverá, principalmente, a interação com escolas do ensino fundamental e ensino médio do município de Itabuna, buscando estimular a curiosidade, criatividade e a investigação científica, oportunizando uma troca de saberes entre os envolvidos, a construção do conhecimento, a divulgação do saber científico e a popularização da ciência. Trata-se de uma proposta que fomenta o interesse, as competências e as habilidades de jovens de escolas de ensino fundamental e médio em Ciência, Tecnologia, Inovação e Matemática, desafiando gestores, coordenadores, professores e estudantes a mostrarem como o conhecimento científico pode ser utilizado na busca de soluções inovadoras para problemas reais do cotidiano.
  • Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães - BA - Brasil
  • 19/03/2021-31/03/2023
Foto de perfil

Ednaldo Aparecido Ribeiro

Ciências Humanas

Ciência Política
  • atitudes e comportamentos políticos: investigando as relações entre tolerância política e modalidades eleitorais e contestatórias de engajamento cívico.
  • Tolerância e ativismo político são dois componentes fundamentais para a efetividade e qualidade dos regimes democráticos contemporâneos. Essa forma de governo pressupõe a existência de canais através dos quais os cidadãos comunicam suas experiências, necessidades e preferências para os operadores do sistema político. Esses canais podem ser acessados de forma individual, como no caso do voto, mas também por atores coletivos como os movimentos sociais e organizações de classe. Podem ainda se materializar em envolvimento indireto, como ocorre em instituições representativas, mas também de forma direta, nas inovações da democracia participativa. Sejam quais forem esses canais e as formas da participação, ela deve ser acompanhada de grau significativo de tolerância, uma vez que o direito de agir politicamente deve ser inclusivo aos grupos e indivíduos que divergem da chamada maioria. É a existência da tolerância que torna viável a pluralidade que caracteriza a democracia. Todavia, o recente contexto político nacional, marcado por forte polarização e eventos de intolerância política, mostra que essa relação entre ativismo e tolerância nem sempre é tranquila. Dialogando com uma longa tradição de estudos norte-americanos e europeus, esse projeto de pesquisa procura, de maneira inédita, identificar o nível de tolerância política manifesto pelos cidadãos brasileiros, os principais alvos de intolerância e seus prováveis condicionantes de nível individual. Estabelecido esse quadro, pretendemos analisar quais as relações entre as posturas tolerantes e intolerantes e padrões específicos de comportamento participativo.
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ednilton Santos de Oliveira

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • propriedades de espalhamento de buracos negros em dimensões extras
  • O presente projeto busca recursos para o desenvolvimento de pesquisas na área de Gravitação, mais especificamente no cálculo das propriedades de espalhamento de buracos negros no contexto de modelos de mundos brana. Estes modelos buscam explicar a natureza propondo a existência de dimensões extras, nas quais apenas partículas mediadoras da gravitação podem penetrar, enquanto demais partículas estão restritas ao nosso espaço tridimensional usual, a brana. Ao estudar o comportamento de ondas e partículas considerando tais modelos, espera-se contribuir com a compreensão das consequências de dimensões extras em fenômenos tridimensionais. De uma forma mais geral, os recursos do projeto devem ser aplicados na melhora da estrutura do Grupo de Pesquisa Física Computacional Aplicada à Gravitação, iniciado há um ano, contribuindo para a formação de recursos humanos junto ao jovem Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal do Pará. Com isto, espera-se o estabelecimento de um polo de pesquisas na área de modelos de mundos brana na região amazônica, contribuindo, mesmo que modestamente, com a diminuição da desigualdade regional tão acentuada no Brasil.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Antonio da Silva

Engenharias

Engenharia Química
  • avaliação de diferentes métodos de extração do óleo essencial das folhas de cravo da índia e estudo da purificação do extrato
  • O Cravo da índia (Syzygium Aromaticum) é uma árvore pertencente à família Myrtaceae, muito utilizada como especiaria e também na extração de óleo essencial que tem várias propriedades farmacêuticas, que tem como componente majoritário o Eugenol. Este composto é muito utilizado como anestésico pelos dentistas. A maioria das indústrias obtém este óleo a partir da extração por arraste a vapor a partir dos botões de florais secos e das folhas do cravo da Índia. Este método de extração possui algumas desvantagens, dentre elas: tempos elevados de extração e requerem etapas para separação do solvente do extrato. Desta forma, é importante buscar alternativas para extração do óleo de cravo da índia com elevados rendimentos, tempos de extração reduzidos e obtenção de um extrato de alta qualidade. Dentro deste contexto, o presente projeto de pesquisa tem como objetivos principais: avaliação de diferentes métodos de extração não convencionais: extração com solventes assistida com ultrassom, CO2 supercrítico puro e com adição de co-solventes e a combinação destes métodos na extração do óleo de folhas de cravo da índia e numa segunda etapa avaliar o processo de purificação do extrato pelo processo de adsorção com o intuito de purificação do extrato com elevados teores de eugenol. Na extração com solventes assistida com ultrassom serão realizados testes preliminares com os solventes de diferentes polaridades: água, etanol, acetato de etila e hexano. A partir destes resultados será selecionado um solvente em função do rendimento e do teor eugenol para realizar um planejamento experimental completo com ponto central, considerando como variáveis: efeito da potência de irradiação do ultrassom, tempo de extração e razão massa por volume no rendimento e como variável resposta o rendimento do óleo. Serão realizados testes com dióxido de carbono supercrítico puro e com adição de co-solventes (etanol e acetato de etila) em batelada e de forma contínua. Na extração com dióxido de carbono puro como solvente será realizado um planejamento experimental completo tendo como variáveis independentes, temperatura e pressão. Na condição de extração ótima com CO2 supercrítico serão realizados novos testes variando a composição co-solvente na mistura (CO2 + co-solvente). Serão realizados testes utilizando o processo combinado de extração com solvente assistida por ultrassom das folhas de cravo da Índia seguida da extração supercrítica. A caracterização química do óleo de cravo da Índia será realizada por meio de cromatografia gasosa com espectrômetro de massa e o teor de eugenol nos extratos será determinado por cromatografia líquida. A modelagem matemática da cinética de extração será realizada empregando os modelos de Sovová e da cinética empírica de segunda ordem. Na etapa de purificação, uma coluna de leito fixo preenchida com adsorvente será acoplada na saída da corrente do extrator. Nestes ensaios as condições de temperatura e pressão de operação (extração/adsorção) serão definidas a partir da análise dos resultados dos ensaios de adsorção, em termos de rendimento e teor de eugenol. Espera-se que a partir dos resultados obtidos neste projeto obter um processo combinado de extração/adsorção que propicie obter óleo de cravo da índia com elevado rendimento e com alto grau de pureza do composto eugenol.
  • Universidade Estadual do Oeste do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Antonio Ticianelli

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • processos eletrocatalíticos em eletrodos bifuncionais de hidrogênio e oxigênio e de eletro-redução de dióxido de carbono
  • O armazenamento de energia solar/eólica em combustíveis transportadores de energia é um desafio científico e tecnológico a ser enfrentado que engloba, primeiro os processos de conversão de energia solar/eólica para elétrica e depois de elétrica para a química. Nesse sentido, uma maneira limpa e sustentável de armazenar energia elétrica envolve a produção de hidrogênio por eletrólise da água, através da qual a molécula de H2O se divide em H2 (pela reação de evolução do hidrogênio, HER) e em O2 (pela reação da evolução do oxigênio, OER). Da mesma forma, estas reações podem ser revertidas para produzir eletricidade, preferencialmente trabalhando-se com os mesmos eletrodos em um sistema integrado de eletrólise/célula a combustível, o qual deve ser capaz de promover também as reações de oxidação de hidrogênio (HOR) e de redução de oxigênio (ORR). Por outro lado, a redução eletroquímica do CO2 também pode ser usada para armazenar energia elétrica, com a produção de uma série de produtos de interesse em energia, como por exemplo, monóxido de carbono, metano, ácido fórmico, metanol, etanol, etc. A produção seletiva do syngas (monóxido de carbono e hidrogênio) via redução de CO2 é também considerada fundamental para geração de combustíveis de cadeia longa, como por exemplo, pela síntese de Fischer-Tropsch (SFT) que é empregada na produção de hidrocarbonetos líquidos, olefinas e produtos oxigenados. Neste projeto, serão realizadas pesquisas na área de eletrólise da água/células a combustível que focalizarão os aspectos fundamentais da eletrocatálise da HOR, HER, ORR e OER em ambientes ácidos e alcalinos, tendo como objetivo descobrir novos eletrocatalisadores, preferencialmente não nobres, para estas reações, de modo a obter sistemas mais ativos e duráveis. Por outro lado, para a redução de CO2 pretende-se desenvolver eletrocatalisadores formados por carbono/metais nitretados (para produção de syngas) em reatores de baixas temperaturas e formados por óxidos ativos e seletivos para a produção de metano em reatores de altas temperaturas, entre 525 a 700 oC.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Assunção Mareco

Ciências Agrárias

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
  • uma abordagem ômica na identificação de variações genéticas relacionadas as diferentes padrões de crescimento em peixes
  • A identificação e caracterização de marcadores genéticos podem reduzir em poucos anos o período de seleção de espécies mais adaptadas ao ambiente de cultivo. Assim sendo, o presente projeto tem como objetivo a utilização de técnicas avançadas de sequenciamento genético para a identificação de marcadores genéticos de animais com diferentes taxas de crescimento. Além disso, a partir dos resultados obtidos, relacionaremos os achados com outras espécies de peixes (ex. pacu, Piaracutus mesopotamicus). Devido à facilidade de manuseio e manipulação, realizaremos os cruzamentos em uma população não selecionada de lambari-do-rabo-amarelo. Os cruzamentos serão conduzidos até a 4ª geração - Grupo1 (25% maior), Grupo2 (25% menor), e Grupo3 (não selecionado). Em seguida, iniciaremos análises de identificação de variações/alterações genéticas, utilizando a técnica de sequenciamento de fragmentos obtidos por reação enzima (ddRADseq). Desta forma, espera-se obter um conjunto de marcadores exclusivos para animais de acordo com sua taxa de crescimento. Com base em tais marcadores, espera-se iniciar um programa de melhoramento genético baseado em um maior ganho de massa corporal. Assim sendo, com a implementação de técnicas moleculares mais avançadas, espera-se ser possível reduzir o tempo de seleção.
  • Universidade do Oeste Paulista - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson dos Anjos dos Santos

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • biorremediação de aminas aromáticas tóxicas por fungos filamentosos
  • As aminas aromáticas (AA) são uma das classes de compostos mais utilizados pela indústria, na fabricação de vários produtos, e estão entre os poluentes mais encontrados tanto no solo quanto na água. Muitas dessas AA são consideradas tóxicas por possuírem efeitos citotóxicos, fitotóxicos, genotóxicos e carcinogênicos. A maioria dos poluentes desta classe é derivada de corantes e agrotóxicos. Os corantes são encontrados com grande frequência em águas residuais provenientes de várias indústrias, principalmente as de produção de artefatos de couro e de têxteis. Os agrotóxicos são os principais poluentes encontrados em áreas agrícolas, se estendendo até rios e bacias hídricas, causando sérios danos ao meio ambiente. O Brasil é um dos líderes mundiais na produção agrícola e também no uso de agrotóxicos. Em sua maioria as AA tóxicas são resíduos de herbicidas e estão entre os maiores contaminantes ambientais, sendo persistentes em solos e águas subterrâneas. A atrazina (ATZ) e o diuron pertencem a esta classe e estão entre os dez ingredientes ativos mais comercializados no país. Uma das alternativas para a descontaminação de solos e águas contendo AA tóxicas é a biorremediação, técnica que utiliza plantas, microrganismos ou suas enzimas para tratar os locais poluídos e recuperar a sua condição original, sendo capazes de modificar ou decompor determinados poluentes, transformando-os então, em substâncias menos tóxicas ou inertes. As tecnologias de biorremediação contam, comumente, com a atividade das bactérias para descontaminar ambientes poluídos. Entretanto, existem poucos estudos utilizando fungos filamentosos em processos de biorremediação de AA. Mas, as poucas avaliações da atividade de fungos em escala laboratorial mostraram que os mesmos apresentam um grande potencial para biorremediar AA e outros poluentes. A N-acetilação das AA é um processo enzimático catalisado pela enzima arilamina N-acetiltransferase (NAT) encontrada em fungos (e em outros organismos) e é utilizada como ferramenta para a biorremediação de AA tóxicas. O Cerrado e Pantanal sul-matogrossense são importantes biomas brasileiros e possuem uma diversidade de fungos ainda pouco estudada. Assim, esses fungos podem representar uma ferramenta promissora para a biorremediação de AA tóxicas, principalmente, derivadas de agrotóxicos. O estudo de novos fungos com potencial para biotransformação de AA através de reações de N-acetilação catalisadas por NATs torna-se relevante, tendo em vista a escassez de trabalhos na literatura e a importância deste processo na biorremediação de contaminantes. Assim, o presente projeto visa avaliar a capacidade de fungos filamentosos da micobiota do Pantanal e Cerrado em realizar a biorremediação de AA, através de processos de biotransformação, envolvendo reações enzimáticas de N-acetilação, bem como estudos de tolerância dos fungos às AA tóxicas derivadas de agrotóxicos ou provenientes da indústria na produção de insumos que contenham AA em sua estrutura.
  • Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Eyji Sano

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • análise da possibilidade de mapear áreas agrícolas abandonadas no cerrado por meio da plataforma google earth engine
  • O Cerrado ocupa uma área de 203,9 milhões de hectares na porção central do país e corresponde a um bioma estratégico para o Brasil em termos de conservação da biodiversidade, conservação de recursos hídricos superficiais e subterrâneos, produção de alimentos de origem animal (carne bovina) e vegetal (grãos) e produção de energia (biocombustíveis). Aproximadamente 50% do bioma são cobertos por remanescentes de vegetação natural do Cerrado, enquanto os restantes 50% apresentam algum tipo de cobertura antrópica. Segundo o mapeamento de uso e cobertura de terras do projeto TerraClass Cerrado de 2013, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, existem cerca de 17,4 milhões de hectares de agricultura anual e cerca de 60,0 milhões de hectares de pastagens cultivadas no Cerrado. Parte dessas áreas encontra-se abandonada, decorrente principalmente das dificuldades financeiras que alguns agricultores e pecuaristas passam de tempos em tempos. Até o momento, não existe nenhum estudo detalhado de estimativa ou mapeamento preciso dessas áreas agrícolas abandonadas. O objetivo dessa proposta de pesquisa é analisar a possibilidade de mapear as áreas agrícolas abandonadas no Cerrado a partir de análise de séries históricas de imagens de satélite e algoritmos de processamento de imagens disponíveis na plataforma Google Earth Engine. Inicialmente, serão selecionadas áreas-teste nos estados da Bahia, Goiás, Minas Gerais, Maranhão/Piauí, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins onde a proposta metodológica será calibrada. Essas áreas deverão apresentar áreas que estavam cobertas por culturas anuais e por pastagens cultivadas e que atualmente estão abandonadas e cuja vegetação nativa encontra-se em processo de regeneração. Assinaturas espectro-temporais baseadas em séries históricas de imagens do satélite Landsat e do sensor Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer (MODIS) a bordo da plataforma Terra, disponíveis na plataforma Google Earth Engine, serão obtidas em cada uma dessas áreas. Essas assinaturas espectrais serão utilizadas como parâmetros de entrada do classificador supervisionado Random Forest, disponível na plataforma Google Earth Engine, para identificar quais polígonos correspondentes a culturas anuais e pastagens cultivadas mapeadas pelo projeto TerraClass Cerrado 2013 estão atualmente abandonadas. A última etapa da abordagem metodológica é a validação em campo das áreas mapeadas como áreas agrícolas abandonadas. Esta proposta de pesquisa tornou-se factível de ser conduzida somente após a disponibilização de acesso e processamento nas nuvens de um grande volume de dados por parte de grandes empresas como Google e Amazon. Por exemplo, para processar uma série histórica de 10 anos de imagens do satélite Landsat do Cerrado utilizando plataformas convencionais do tipo desktop, seria necessário efetuar download de 27.830 cenas. Nesta proposta, pretende-se utilizar a plataforma Google Earth Engine, uma vez que toda a série histórica de imagens dos satélites Landsat e do Terra/MODIS encontra-se disponível nessa plataforma. Além disso, parte da equipe do projeto já possui experiência adquirida de três anos nessa plataforma, fruto do desenvolvimento do projeto MapBiomas cujo objetivo é gerar mapas anuais de uso e cobertura de terras de todo o território nacional. O principal resultado esperado desse projeto é o mapeamento de áreas agrícolas abandonadas do Cerrado por meio da plataforma Google Earth Engine.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Irineu Müller

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • determinação de espécies salinas presentes em petróleos da camada do pré-sal utilizando a microscopia eletrônica de varredura, cromatografia de íons com espectrometria de massas e demais técnicas analíticas
  • A descoberta das reservas de petróleo da camada pré-sal é considerada um marco na história do Brasil permitindo uma série de novas oportunidades para os diferentes setores da indústria e da academia do nosso país. Contudo, em função das características físico-químicas diferenciadas destes reservatórios surgem novos problemas e desafios, que vão desde a caracterização até o refino do petróleo. Uma das diferenças dos reservatórios do pré-sal, quando comparados aos reservatórios da camada pós-sal, dizem respeito à presença de novas espécies salinas no petróleo. Sais constituídos de Ca, Sr e Mg, que não eram muito comuns nos petróleos do pós-sal, são encontrados em maior concentração nos novos reservatórios. Aliado a isto, é importante destacar que tem se observado um aumento dos problemas de corrosão nas refinarias, atribuídos ao elevado teor e a composição diferenciada dos sais presentes no petróleo da campada do pré-sal. Um número crescente de refinarias tem reportado problemas de corrosão que estão associados aos chamados sais “não extraíveis” que são aquelas espécies que não são extraídas nos processos de dessalinização, normalmente utilizados na refinaria. De acordo com a literatura, os cloretos de metais alcalinos e alcalinoterrosos estão entre os principais responsáveis por problemas relacionados à corrosão, em decorrência da hidrólise destes sais com a produção de HCl. Desta forma, faz-se necessária a utilização de técnicas analíticas seletivas, sensíveis e robustas para a identificação destas espécies salinas presentes no petróleo. Uma dificuldade na escolha da técnica analítica adequada está relacionada com a complexidade da matriz do petróleo, cuja composição geralmente apresenta elevada concentração de cloreto e resíduos de compostos orgânicos na fração aquosa separada do petróleo. Neste trabalho serão identificadas as espécies salinas presentes no petróleo da camada pré-sal, bem como na fração aquosa separada destes petróleos. As técnicas analíticas que serão validadas e utilizadas na identificação destas espécies salinas são a microscopia eletrônica de varredura (SEM) com detector por espectrometria de raios-X por energia dispersiva (EDS) e espectrometria de emissão óptica com plasma indutivamente acoplado (ICP OES). Estratégias analíticas que empregam a extração em fase sólida (SPE) com adsorventes diferenciados e a cromatografia de íons bidimensional (2D-IC) serão empregadas para minimizar as interferências produzidas pela matriz do petróleo. O trabalho será desenvolvido de forma multidisciplinar envolvendo os pesquisadores do Centro de Pesquisas Leopoldo Américo Miguez de Mello (CENPES/PETROBRAS) e do CEPETRO/UFSM.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Edson José Wartha

Ciências Humanas

Educação
  • relação entre a dimensão epistemologogica e pedagógica no ensino de química: a pesquisa como processo de formação de professores
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de Sergipe - SE - Brasil
  • 12/08/2019-31/10/2022
Foto de perfil

Edson Lucas dos Santos

Ciências da Saúde

Farmácia
  • identificação química e caracterização da atividade anticancerígena in vitro e in vivo do extrato e frações da raiz de senna velutina
  • O câncer está entre as principais causas de mortalidade em escala mundial, considerado como um grave problema de saúde pública. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, estima-se que cerca de 27 milhões de novos casos para 2030 e uma projeção de 17 milhões de mortes relacionada ao câncer. No Brasil, as neoplasias ganham grande destaque no perfil de mortalidade, ocupando os primeiros lugares de causa de óbito. Para o biênio 2016-2017 há uma previsão de cerca de 600 mil novos casos de câncer apontado pelo Instituto Nacional do Câncer. Desta forma, é de extrema importância prospectar compostos e/ou novas moléculas que possam ser utilizadas no tratamento e/ou como coadjuvantes as terapias já disponíveis. As plantas medicinais vêm se destacando no tratamento de diversas doenças e se tornando importante fonte de substâncias terapêuticas e/ou base para o desenvolvimento de medicamentos sintéticos. Atualmente, metade das moléculas aprovadas para o tratamento do câncer são derivadas de plantas, o que torna o Brasil com sua vasta biodiversidade e diferentes Biomas, uma possível e importante fonte de novos fármacos. Neste contexto, baseados em dados preliminares do nosso grupo de pesquisa, o objetivo deste estudo é determinar a composição química e investigar a atividade anticancerígena in vitro e in vivo do extrato e frações das raízes da Senna velutina, bem como, determinar os mecanismos de ação responsáveis por estes efeitos. Para isto, as raízes serão coletadas no Cerrado Sul-Mato-Grossense, sanitizadas e secas, pulverizadas e maceradas com etanol 95%, rotoevaporada e liofilizada. A identificação dos constituintes químicos e obtenção das frações serão realizadas através de cromatografia gasosa acoplada ao espectro de massas. Nos ensaios in vitro, a viabilidade celular será avaliada pelo método colorimétrico utilizando MTT. O perfil de morte celular, potencial de membrana mitocondrial e parada no ciclo celular será por citometria de fluxo. As vias de sinalização de morte celular serão identificadas e caracterizadas com auxilio de inibidores específicos, estudo de expressão gênica por PCR em tempo real e protéica por western blot. Nos ensaios in vivo, serão realizados ensaios de toxicidade aguda/subcrônicas, progressão do tumor subcutâneo e redução da metástase pulmonar após o tratamento com extrato e frações das raízes de Senna velutina. Adicionalmente, vale ressaltar que este projeto é fundamentado em resultados prévios obtidos pelo nosso grupo de pesquisa, em que observamos da ação antitumoral desta planta, as técnicas propostas são desenvolvidas pelo coordenador e demais pesquisadores desta proposta.
  • Universidade Federal da Grande Dourados - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Luiz Lopes Baldin

Ciências Agrárias

Agronomia
  • resistência de genótipos de soja a anticarsia gemmatalis (lepidoptera: erebidae), caracterização de movimentação larval e interação intraguilda com chrysodeixis includens (lepidoptera: noctuidae)
  • A soja [Glycine max L. (Merril)] é considerada uma commodity, com elevada produtividade e forte participação nas exportações brasileiras. No entanto, o ataque de pragas compromete uma parcela significativa do volume produzido, com destaque para Anticarsia gemmatalis (Hübner, 1818) (Lepidoptera: Erebidae) que se apresenta como um dos mais importantes insetos desfolhadores da cultura em todo o mundo. Nos últimos anos, devido às mudanças no sistema produtivo da soja, Chrysodeixis includens (Walker, 1858) (Lepidoptera: Noctuidae), também tem se tornado um sério problema fitossanitário no Brasil. Diante do exposto, torna-se importante buscar fontes de resistência eficientes no controle de A. gemmatalis, além de compreender melhor a dinâmica de movimentação dessa espécie e a interação com C. includens, a fim de fundamentar a escolha das estratégias mais adequadas dentro dos preceitos do MIP. Assim, propõe-se avaliar possíveis fontes de resistência a A. gemmatalis, caracterizar o movimento larval dessa espécie em plantas de soja e avaliar as interações intraguilda envolvendo A. gemmatalis e C. includens. O trabalho foi dividido em três etapas: na primeira, serão realizados ensaios de antixenose e antibiose a fim de buscar fontes de resistência a partir de 30 genótipos de soja. Na segunda etapa, serão realizados ensaios (na FCA/UNESP e possivelmente na Universidade de Nebraska – Lincoln), a fim de caracterizar o movimento larval de A. gemmatalis “na planta” e “entre plantas” de soja. Na última fase, serão realizados ensaios de interação intraguilda envolvendo as espécies A. gemmatalis e C. includens, a fim de documentar aspectos comportamentais (Ethovision) em diferentes cenários de competição. Serão elaborados cenários de interação (intra e interespecíficos), envolvendo lagartas de 5º instar das espécies. Da mesma forma, serão caracterizados os movimentos de ataque e defesa de lagartas de 4º, 5º e 6º instares em diferentes cenários.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Luiz Padoin

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • paralelismo, portabilidade e eficiência de aplicações sísmicas em sistemas com arquitetura de larga escala
  • A modelagem geofísica continua sendo fundamental para atender a demanda por recursos energéticos. Nesse contexto, as indústrias de petróleo e gás usam cada vez mais com softwares de HPC como uma maneira economicamente viável de reduzir os riscos em suas pesquisas. Os algoritmos de propagação de ondas são usados rotineiramente na indústria de petróleo e gás e em análises de movimento de sons na sismologia. O Método de Diferença Finita (FDM) é utilizado na resolução deste problema a atualmente está no centro de muitas simulações numéricos em outros campos. A grande maioria dos cálculos de aplicações sísmicas baseados em estêncil que são atualmente paralelizados demandam de recursos de HPC. Em suas simulações, no processamento são definidos padrões que replicam o mesmo cálculo em todo o domínio de dados. Nestes cálculos, o FDM é utilizado para discretizar as Equações Diferenciais Parciais (PDE) para avaliar o ponto atual da grade cartesiana 3D. Estas simulações demandas muito poder de processamento, uma vez que o algoritmo é aplicado em todos os pontos até completar toda a grade espacial. Para atender às grandes demandas de processamento, diferentes arquiteturas paralelas têm sido projetadas e construídas empregando processadores compostos de múltiplas unidades de processamento. No entanto, percebe-se que algumas aplicações científicas, quando paralelizadas, geram tarefas com diferentes cargas computacionais o que resulta em desbalanceamento de carga entre os nodos de processamento. Para enfrentar tal característica, abordagens de mapeamento e migração de tarefas são aplicadas almejando melhorar a distribuição de carga entre os recursos de processamento disponíveis reduzindo o desbalanceamento de carga e o tempo de execução das aplicações. No entanto, a maioria das aplicações de sísmica apresentam comportamento dinâmico, que geram desbalanceamento de cargas, ou excessiva comunicação entre os processos, dificultando uma eficiente utilização dos sistemas de computação. As aplicações de sísmicas buscam usam um grande volume de dados, apresentam elevada complexidade e demandam um grande poder de processamento computacional. Um problema comumente enfrentado quando aplicações sísmicas são executadas em sistemas computacionais de alto desempenho é o gerenciamento da execução das tarefas com diferentes cargas computacionais. Tal característica gera um desbalanceamento de carga entre os nodos de processamento durante a execução das aplicações paralelas, impedindo a utilização de todo o potencial das arquiteturas paralelas. A grande motivação para o desenvolvimento de pesquisas na área de balanceamento de carga surge da necessidade de melhoria nas atuais estratégias que utilizam diferentes abordagens e levam em consideração a carga das tarefas em seus algoritmos. Tais pesquisas têm sido aplicadas conjuntamente com pesquisas na linha de eficiência energética, onde percebe-se que a grande maioria das aplicações que são executadas em sistemas de HPC utilizam grandes volumes de dados, o que pode torna-se um gargalo de desempenho podendo resultar em desperdícios de energia. Nesse contexto, o desenvolvimento de pesquisas em busca de alternativas para aumentar a eficiência através do emprego de arquiteturas de baixa potência, alimentadas por processadores ARM é de suma importância. Alguns abordagens têm sido propostas para aumentar o desempenho de sistemas computacionais. Entretanto a grande maioria delas possui foco principal no balanceamento de carga, utilizando apenas informações de carga, comunicação entre as tarefas ou organização do sistema computacional, ignorando informações de demanda de potência dos nodos de processamento na tomada de decisões. Nesse contexto, este projeto busca a portabilidade, a otimização de aplicações de sísmicas em ambientes paralelos de larga escala empregadas em pesquisas de petróleo por meio de melhorias nos Modelos Numéricos de stencil para Aplicações Sísmicas, otimização das estratégias de Balanceamento de Carga e Operações de Entrada e Saída e redução do Consumo de Energia.
  • Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Luiz Silva

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • co-digestão de glicerol bruto e vinhaça de cana-de-açúcar em reatores anaeróbios de leito fluidificado termofílicos operando como sistemas de tratamento de dois estágios para produção de hidrogênio e metano
  • A produção de hidrogênio e metano a partir da digestão anaeróbia de um único substrato é dificuldada desbalanceamento nutricional. Para sanar este inconveniente há a aplicação de um ou mais substratos no pocesso de digestão, denominada co-digestão anaeróbia. Além de promover balanço nutricional do processo, a co-digestão ainda melhora a estabilização do sistema. Esse processo ocasiona em efeitos sinérgicos nos microrganismos, na diluição de substâncias inibitórias e no aumento da biodegradabilidade da matéria orgânica. Ademais, a utilização de plantas de co-digestão permitem o tratamento de duas ou mais águas residuárias com um mesmo aparato. A vinhaça e o glicerol bruto são águas residuárias, oriundas do processo de produção de etanol e biodiesel, respectivamente. Apesar de serem avaliadas individualmente para produção de hidrogênio e metano, ainda não foram objeto de estudos de sistemas de co-digestão. A digestão simultânea das duas águas residuárias consiste no aproveitamento do elevado teor de carbono do glicerol (0,9 a 1,6 kgDQO/L) aliado ao suprimento de nutrientes contidos na vinhaça (nitrogênio, fósforo, potássio e íons sulfato). Deste modo, este projeto de pesquisa propõe a avaliação da co-digestão termofílica (55 ± 1°C) de glicerol bruto e vinhaça de cana-de-açúcar na produção de hidrogênio, metano e compostos de alto valor agregado. O período experimental será dividido em três etapas, em todos os reatores anaeróbios de leito fluidificado (RALF) a temperatura e a concentração afluente total permanecerão fixos em 55 °C e 15 gDQO.L-1, respectivamente. Com o objetivo de investigar a melhor proporção dos co-substratos (glicerol bruto + vinhaça) nas relações: (3,75 + 11,25 gDQO.L-1), (7,50 + 7,50 gDQO.L-1) e (11,25 + 3,75 gDQO.L-1) e o melhor material suporte (argila expandida, poliestireno e pneu triturado) serão operados seis RALF, três acidogênicos (TDH = 2 H) e três metanogênicos (TDH = 36 H). Para avaliar o efeito do tempo de detenção hidráulica (TDH), serão operados um RALF acidogênico (TDH de 8 a 0,5 h) e outro metanogênico (TDH de 48 a 12 h), com os materiais suporte e proporções que apresentarem os melhores resultados na etapa anterior. Para analisar a produção de metano a partir do efluente do reator acidogênico (produção sequencial de hidrogênio e metano), um reator metanogênico sequencial será operado com TDH decrescendo de 36 a 6 h. As eficiências da produção de metano e de redução do potencial poluidor do reator metanogênico sequencial, serão comparadas com as eficiências de um reator metanogênico individual operado sob suas mesmas condições.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Pinheiro de Lima

Engenharias

Engenharia de Produção
  • desenvolvimento de modelo de analytics para o desempenho de operações produtivas
  • A complexidade e dinâmica atuais do ambiente econômico têm um efeito direto no desempenho dos processos de produção das empresas, e vêm desafiando os modelos adotados para o gerenciamento de suas operações. Neste contexto, se destacam: a complexidade dos fatores que definem o desempenho das operações; a dinâmica de comportamento interno e externo das variáveis que definem e delimitam o sistema de gestão das operações; as trajetórias de desenvolvimento e evolução que interconectam as perspectivas de longo e curto prazos da estratégia de operações; e o uso cada vez mais intensivo da abordagem baseada em recursos (RBV) para o projeto e especificação da estratégia de operações. Esta proposta de pesquisa se pauta no desenvolvimento de um processo analítico, baseado em técnicas de big data, para estudar as causalidades entre fatores que determinam as políticas e os objetivos de desempenho de um sistema de produção, os quais se encontram também representados nos indicadores de desempenho. Os resultados são definidos pelo modelo que descreve o conteúdo da análise e o processo para organizar e estudar os dados e informações de desempenho das operações de produção.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Edson Porto da Silva

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • processamento avançado de sinais para sistemas de comunicações ópticas de alta capacidade
  • Esta proposta de pesquisa contribuirá para o desenvolvimento de técnicas avançadas de processamento de sinais para comunicações ópticas. Para execução deste projeto é considerada a participação de alunos da graduação do curso de Engenharia Elétrica da Unidade Acadêmica de Engenharia Elétrica (UAEE) do Centro de Engenharia Elétrica e Informática (CEEI) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), alunos do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica da UFCG (COPELE) e colaboração de pesquisadores da Technical University of Denmark (DTU). Com uso dos recursos solicitados neste projeto, objetiva-se promover melhorias na infraestrutura para desenvolvimento de pesquisas em comunicações ópticas. Este projeto trata de questões fundamentais em sistemas ópticos de alta capacidade e contribui ainda para o desenvolvimento científico e tecnológico em uma área estratégica para o desenvolvimento nacional: Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).
  • Universidade Federal de Campina Grande - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Ronaldo Guarido Filho

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • legitimidade e organizações da justiça: análise do contexto brasileiro
  • O presente projeto de pesquisa tem como objetivo analisar o problema da legitimidade no âmbito das organizações da Justiça no contexto brasileiro, defendendo a orientação processual do fenômeno em nível organizacional. O enfoque teórico adotado é de base institucionalista, articulando a perspectiva do institucionalismo organizacional com a sociolegal. O recorte sobre as organizações da Justiça, deu-se em função da sua importância na estruturação social e no arcabouço institucional do Estado e da sociedade brasileira. A medida que este projeto se preocupa com a legitimidade das organizações da Justiça, ele procura dar atenção aos aspectos que são tomados como base para sua avaliação social e justificação. Três são os eixos orientadores deste projeto com o intuito de alcançar o objetivo geral: (1) o problema das organizações institucionalizadas, como é o caso de algumas organizações do sistema de Justiça, aqui delimitado pela preocupação em aprofundar o conhecimento acerca de como essas organizações são avaliadas socialmente, ainda que fortemente institucionalizadas na estrutura do Estado e do Direito; (2) o problema da legitimidade, neste projeto delimitado pela preocupação em (a) distinguir analiticamente instituições e organizações como objeto de legitimidade, bem como sua mútua influência no contexto empírico do sistema de justiça, (b) explorar a dinâmica negociada e contestada da legitimidade organizacional e, (c) avançar sobre a possibilidade de operacionalizar a legitimidade de organizações da justiça face à sua multidimensionalidade e; (3) o problema da administração da Justiça, aqui delimitado como expressão do interesse em compreender como aspectos organizacionais, interorganizacionais e institucionais influenciam o impacto sobre o provimento de justiça no contexto brasileiro. Foram traçados cinco objetivos específicos de pesquisa no curso do presente projeto: (i) caracterizar a literatura acerca do tema da legitimidade no âmbito das organizações institucionalizadas (e, em específico, das organizações da justiça); (ii) descrever a natureza multidimensional da legitimidade organizacional no contexto do sistema de justiça brasileiro; (iii) analisar a natureza contenciosa dos processos de legitimação e os esforços discursivos empreendidos por diferentes atores interessados na legitimidade de organizações da justiça no contexto brasileiro; (iv) analisar a influência do alinhamento entre expectativas institucionais e a efetividade das atividades rotineiras sobre a legitimidade de organizações da justiça; (v) elaborar instrumento analítico acessório para a apreensão de aspectos relacionados à legitimidade de organizações da justiça no contexto brasileiro. Como espaços empíricos da pesquisa, pretende-se analisar, em primeiro lugar, a multidimensionalidade da legitimidade, entre outras formas, por meio da análise de situação específica envolvendo a discussão em torno da reforma dos Tribunais de Contas brasileiros. A segunda situação terá como objeto de análise a relação entre legitimidade institucional e organizacional, a fim de capturar o componente processual (contestado e negociado) da legitimidade em casos associados à dinâmicas de organizações como o Tribunal Superior Eleitoral, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal. A terceira situação visa elaborar instrumento analítico de pesquisa com vistas à análise da legitimidade de organizações da Justiça atuantes no contexto brasileiro. Todas as situações tomam como foco a relação entre legitimidade organizacional e institucional de organizações da Justiça no contexto brasileiro. Como resultado, entre outros aspectos, espera-se melhorar a compreensão da distinção e interação da legitimidade institucional e organizacional, refletindo acerca das implicações sociais decorrentes do modo como a ação rotineira de organizações da justiça reforçam ou diminuem a convergência com expectativas de ordem institucional; ampliar os estudos de administração em organizações da justiça, sobretudo pelo viés da análise institucional, por meio da atenção às dimensões discursivas e processuais da legitimidade de organizações institucionalizadas, como os tribunais e; subsidiar a criação do Observatório da Legitimidade de Organizações da Justiça, em plano para operar a partir de 2021, tomando como base os empreendimentos acumulados de pesquisa sobre o tema.
  • Centro de Pesquisa da Universidade Positivo - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Edson Zambon Monte

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • inter-relações (co-movimentos) nos mercados financeiros: análises para (e entre) os mercados internacionais e o mercado nacional
  • Ao longo das últimas duas décadas os debates sobre a integração financeira têm se intensificado, especialmente quando da ocorrência de crises econômicas mundiais. De acordo com Billio et al. (2010), mensurar a integração financeira e sua evolução ao longo do tempo é de suma importância, uma vez que tal integração tende a nortear os agentes econômicos (políticos e investidores) quanto às suas decisões futuras. Este trabalho, a priori, tem duas principais pretensões: i) examinar o padrão de inter-relação (co-movimentos) dos mercados financeiros internacionais; e, ii) examinar o padrão de inter-relação (co-movimentos) dos preços de ações das empresas que compõem o índice IBOVESPA, da Bolsa de Valores de São Paulo (BOVESPA). Para tanto, serão utilizadas as seguintes técnicas estatísticas econométricas: i) análise de componentes principais, aplicada aos resíduos do modelo VAR-GARCH (vetorial autoregressivo/heteroscedasticidade condicional autorregressiva generalizada); ii) modelo vetorial autorregressivo (VAR); iii) teste de cointegração de Johansen; e, iv) modelo multivariado GARCH-BEKK. A pesquisa compreenderá, inicialmente, o período de janeiro de 1997 a dezembro de 2018, utilizando dados diários. Caso seja possível, as análises serão segmentadas da seguinte forma: i) período pré-crise do subprime (iniciada em meados do ano de 2007, nos Estados unidos), compreendendo o período de janeiro 1997 a julho 2007; ii) período de crise, entre agosto 2007 e dezembro 2009; e, iii) período pós-crise, considerado aqui como o período de janeiro de 2010 a dezembro de 2018. Como principais resultados, espera-se que: i) no período da crise do subprime, existiu uma substancial correlação entre os mercados financeiros dos países, em termos de co-movimentos dos índices financeiros (“efeito contágio”), especialmente para aos países desenvolvidos; e, ii) o mercado de ações do Brasil é fortemente afetado por fatores externos (internacionais), especialmente por crises como a do subprime.
  • Universidade Federal do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduarda Ângela Pessoa Cesse

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • avaliação do acesso à saúde de pessoas com obesidade mórbida na rede sus em pernambuco
  • A obesidade tem se destacado mundialmente como um evento de proporções globais e prevalência crescente. Sua prevalência entre adultos e crianças dobrou em 73 países no período de 1980 a 2015, e mostrou um aumento contínuo na maioria dos outros países. A obesidade tem sido relacionada a várias doenças cardiovasculares e circulatórias, diabetes tipo 2, hipertensão arterial, doenças renais, e até alguns tipos de cânceres. No Brasil, dados atuais apontam que mais da metade da população está acima do peso recomendado e 18,9% dos brasileiros estão obesos. Estes números indicam um incremento substantivo de 26% no número de pessoas com sobrepeso e de 60% no número de obesos em dez anos. Estudo sobre a prevalência da obesidade mórbida, também denominada obesidade grave ou grau III, no país revelou que entre os anos de 1974 e 2003, a condição apresentou um crescimento de 255%, passando de 0,18% para 0,64%, respectivamente. O Nordeste foi a região que apresentou a evolução mais rápida do problema, aumentando em 760% no período analisado. Pessoas com obesidade grau III, definida pelo IMC maior ou igual a 40 kg/m2, que não obtiveram resposta após todos os planos de tratamento conservadores devem ser avaliados quanto à necessidade da cirurgia bariátrica. O tratamento cirúrgico é indicado em decorrência da ineficácia do tratamento não cirúrgico e pelo elevado risco de morte de uma obesidade clinicamente severa não tratada. Em 2016, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, as cirurgias bariátricas realizadas na rede pública de Pernambuco representaram apenas 14% do total daquelas realizadas no Estado. Filas de espera para realização do procedimento nos serviços públicos são cada vez mais comuns, demonstrando dificuldades no acesso à saúde por esses pacientes. A prevenção do sobrepeso/obesidade requer ações multifacetadas com vistas à implantação de políticas públicas capazes de reverter esse panorama de saúde. Nesse sentido, um amplo debate acerca das Redes de Atenção à Saúde (RAS) tem permeado o mundo, e no Brasil, desde 2010 existe um movimento para redirecionamento das práticas e serviços de saúde e implantação dessas. A sua implantação tem como objetivos intermediários o acesso à atenção à saúde, a continuidade assistencial e a coordenação assistencial, e seus objetivos finais são a equidade de acesso, eficiência dos serviços de saúde e melhoraria na qualidade da atenção. O acesso desempenha papel fundamental na prestação de uma atenção equânime e integral à saúde, e possui caráter multidimensional, em que cada dimensão expressa um conjunto de características da oferta que atua aumentando ou diminuindo a capacidade dos indivíduos de utilizarem serviços de saúde É oportuno esclarecer que o acesso aqui tratado supera a simples disponibilidade de um serviço. Compreende dimensões políticas, econômico-social, técnicas, organizativas e simbólicas, buscando-se compreender as políticas formuladas e sua execução, envolvendo a gestão com tomada de decisão e participação da sociedade, além das práticas operadas no dia a dia dos serviços de saúde e as subjetividades dos usuários. Passadas três décadas da implantação e implementação do SUS, entretanto, ainda se observam diversos problemas no acesso da população brasileira aos serviços de saúde apesar dos esforços e do arcabouço institucional e aparato jurídico-legal existentes. Como consequência, observam-se limitações para a concretização da integralidade e universalidade da atenção à saúde no país, e isto se torna ainda mais evidente quando colocado na perspectiva do acesso de obesos mórbidos aos serviços de saúde. Assim, o objetivo desta pesquisa é avaliar o acesso de pessoas com obesidade mórbida em Pernambuco. Trata-se de uma pesquisa avaliativa, pautada pela abordagem qualitativa e quantitativa, visto que a utilização dos métodos em conjunto possibilita uma maior aproximação da realidade observada e compreensão de sua complexidade. A pesquisa será realizada nos quatro hospitais do estado de Pernambuco que prestam serviços públicos e são habilitados para realização da cirurgia de gastroplastia. Participarão pessoas com obesidade mórbida usuárias dos hospitais citados, e informantes-chave capazes de contribuir com a construção da história, caracterização da Linha de Cuidado à obesidade mórbida. A “obesidade mórbida” será adotada como evento sentinela, e será utilizado o Itinerário Terapêutico como ferramenta estratégica para alcance dos objetivos propostos. Assim, far-se-á a coleta de dados quantitativos e qualitativos a partir de levantamento documental e de prontuários dos pacientes, observação participante, questionário estruturado e entrevistas semi-estruturadas. Os dados quantitativos serão analisados estatisticamente, e os dados qualitativos por análise de conteúdo temática. Ao final, para dar maior robustez a pesquisa, os dados coletados serão triangulados para revelar os pontos de estrangulamento e as alternativas e inovações encontradas na atenção à saúde da obesidade mórbida em Pernambuco. Todos os preceitos éticos serão respeitados, conforme resolução Nº 466/12, preconizada pelo Conselho Nacional de Saúde para a pesquisa envolvendo seres humanos. Espera-se que os achados deste estudo possam ser utilizados para o norteamento de políticas públicas de enfrentamento à obesidade mórbida no Estado de Pernambuco, podendo extrapolar para outras esferas de governo. Espera-se ainda, que possa contribuir para o conhecimento científico, impactando positivamente no enfrentamento do sobrepeso/obesidade e agravos relacionados.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Eduardo Adilio Pelinson Alchieri

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • segurança e privacidade em replicação máquina de estados
  • A Replicação Máquina de Estados (RME) é uma abordagem muito utilizada na implementação de sistemas tolerantes a falhas. O modelo de execução e as garantias definidas na RME simplificam o trabalho dos desenvolvedores, que devem apenas se preocupar com a lógica de suas aplicações enquanto que a alta disponibilidade é garantida pelos protocolos da RME. Porém, uma limitação para uma utilização ainda maior desta abordagem está relacionada com suas propriedades de segurança e privacidade, pois não existem protocolos que integram estas propriedade neste modelo. Além do mais, replicar dados torna mais complexa a garantia de suas privacidades. Neste contexto, este projeto visa introduzir novas técnicas e protocolos que garantam propriedades de segurança e de privacidade para aplicações replicadas através de RME.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alberto Cusce Nobre

Ciências Sociais Aplicadas

Planejamento Urbano e Regional
  • limites e possibilidades da aplicação dos instrumentos urbanísticos: avaliação e prospecção
  • O presente projeto de pesquisa procura analisar os limites e as possibilidades da aplicação dos instrumentos urbanísticos implementados pelo Plano Diretor Estratégico (PDE) do Município de São Paulo de 2002, assim como prospectar as possibilidades implícitas na sua revisão em 2014, considerando os princípios que os regem, a saber: Função Social da Cidade e da Propriedade Urbana; a Equidade e Inclusão Sócio-territorial; a Gestão Democrática; e o Direito à Cidade. Para tanto será realizada uma avaliação da aplicação dos instrumentos, com ênfase naqueles de acesso à terra urbanizada para fins de habitação de interesse social (ZEIS, PEUC, e Cota de Solidariedade) e de financiamento a projetos de intervenção urbana (OODC, OUC, PIU e TDC). Posteriormente será realizada uma pesquisa de experiências referenciais nacionais e internacionais de enfrentamento dos mesmos problemas urbanos, por meio da utilização de instrumentos semelhantes. Por fim, será analisada a proposição de novos instrumentos e a reformulação dos antigos face às análises e pesquisas realizadas, para posterior prospecção da simulação da sua aplicação a partir de cenários propostos. Logicamente que a revisão dos instrumentos por si só não resolvem o problema da organização da produção espacial e muito menos resolvem os conflitos inerentes a esse processo. Contudo a compreensão dos seus limites e as possibilidades de revisão são contribuições de extrema importância para o Poder Público Municipal. Esse projeto complementará outro projeto regular FAPESP, processo número 2017/15.256-1.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves

Ciências Agrárias

Agronomia
  • caracterização filogenética e morfológica de alternaria alternata patótipo tangerina e da resistência do patógeno à estrobilurinas
  • Alternaria alternata patótipo tangerina causa a mancha-marrom-de-alternária (MMA) em tangerinas e seus híbridos, sendo uma das principais doenças fúngicas no Brasil e em várias partes do mundo. Apesar de sua importância, pouco é conhecido a respeito de sua filogeografia no Brasil. Assim, o primeiro objetivo deste projeto é realizar a caracterização filogenética, morfológica e de patogenicidade de A. alternata patótipo tangerina de diferentes regiões do país, de modo a estudar sua evolução no agro-ecossistema brasileiro assim como verificar se os estudos filogenéticos mostrarão ou não alinhamento dos isolados obtidos com alguma ou algumas das linhagens conhecidas, americanas, chinesas ou europeias. Serão feitos estudos filogenéticos com sequencias de endoPG, OPA1-3 e OPA2-1, e isolados representativos serão caracterizados morfologicamente utilizando microscopia de campo claro com DIC e eletrônica de varredura (MEV), além de testes de patogenicidade com tangerina, tangelo, tangor, e controles negativos com limão e laranja. Outro objetivo proposto é caracterizar a resistência A. alternata patótipo tangerina a fungicidas estrobilurinas (QoI), diante do recorrente insucesso do uso destas moléculas no manejo para o controle da MMA e alta frequência de aplicações. Ensaios in vitro serão realizados com diferentes doses de azoxystrobin e piraclostrobin para classificar os isolados como resistentes ou sensíveis. Estudos de mutações nos sítios de ação de QoIs serão feitos com o gene citocromo b. Para estudar o custo adaptativo da mutação G143A serão feitos estudos de fenotipagem de isolados representantes resistentes e sensíveis. Para isso serão feitas avaliações de germinação, crescimento in vitro, e processo infeccioso no hospedeiro, utilizando microscopia de luz e MEV; estudos de estresse oxidativo utilizando Microscopia laser confocal marcando espécies reativas de oxigênio, e estudando morte celular; Microscopia eletrônica de transmissão (MET) será utilizada para avaliar a ultra-morfologia de mitocôndrias de isolados resistentes e sensíveis a QoIs.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves de Almeida

Ciências Biológicas

Ecologia
  • alterações bioquímicas em girinos de rã touro expostos a herbicidas da cana-de-açúcar sob diferentes temperaturas.
  • Poluentes ambientais podem causar uma série de alterações em processos bioquímicos nos animais expostos, levando a prejuízos em seu status fisiológico, muitas vezes podendo comprometer seu desenvolvimento, reprodução e sobrevivência. Deste modo, avaliar os efeitos que diferentes poluentes exercem sobre a biota sob diferentes cenários ambientais é de grande relevância para a compreensão dos impactos causados pelos mesmos aos ecossistemas, gerando informações referenciais para o adequado manejo do ambiente. Muitos poluentes ainda não têm sua toxicologia totalmente conhecida, e mesmo quando se tem informações precisas dos mecanismos de ação tóxica, estes podem ser muito variáveis de acordo com a situação ambiental em que o organismo se encontra (por ex. variações na temperatura ou pH da água), seu status fisiológico, ou mesmo podem variar entre diferentes organismos de uma mesma espécie. Esse cenário torna o estudo ecotoxicológico complexo, o que requer amplo espectro de estudos para melhor caracterizar os prejuízos que os poluentes podem causar aos animais. Desta forma, o presente projeto tem como principal foco elucidar os efeitos toxicológicos de herbicidas usados no cultivo da cana-de-açúcar, associado à variação da temperatura da água. Nesse sentido, pretende-se avaliar as respostas toxicológicas em larvas de girinos de rã touro (Lithobates catesbeianus), após exposições controladas a herbicidas comumente encontrados em ambientes aquáticos próximos a cultivo de cana-de-açúcar, sob diferentes temperaturas. Serão avaliados parâmetros relacionados ao estresse oxidativo, enzimas de biotransformação, metabolismo de hormônios sexuais, e desenvolvimento das gônadas, e metabolismo de hormônios da tireóide, essenciais no processo de desenvolvimento e metamorfose desses animais até a fase adulta.
  • Fundação Universidade Regional de Blumenau - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves Portela Santos

Engenharias

Engenharia de Produção
  • estudo de técnicas para manutenção preditiva e prescritiva de sistemas cyber-físicos
  • A gestão de sistemas industriais tem contribuído para alta competitividade e desempenho a baixos custos, aumentando a relevância da Gestão da Manutenção e da análise de confiabilidade dos processos produtivos, que impactam na melhoria da disponibilidade, da eficiência, na qualidade dos produtos e nos requisitos de segurança e meio ambiente . Considerando a necessidade da disponibilidade e confiabilidade de ativos como questões críticas, aumenta a importância estratégica da Função Manutenção. Além disso, é também bem conhecido a partir de teorias de gestão de produção e estudos empíricos que uma manutenção eficiente e efetiva é parte integrante da estratégia de produção, e torna-se cada vez mais um fator crítico para a estabilidade geral do sistema de produção. A gestão da manutenção tem tido ainda um maior reconhecimento em função do rápido avanço tecnológico e do novo paradigma surgido recentemente: a Indústria 4.0 e os Sistemas Cyber-Físicos. A Indústria 4.0 refere-se aos últimos avanços tecnológicos na produção industrial, e caracteriza a transição global para a mais nova revolução industrial conhecida como a “quarta revolução industrial”. O governo alemão primeiro cunhou o termo, quando uma iniciativa denominada “Industrie 4.0” foi anunciada em 2011, por uma associação de representantes setores comercial, político e científico da Alemanha). O objetivo da associação era reforçar a competitividade da indústria transformadora alemã. Embora a Alemanha ainda lidera iniciativas voltadas a esse tema, hoje, empresas de todo o mundo vêm contribuindo para entregar plataformas da indústria 4.0. Neste contexto, a Indústria 4.0 é uma tendência atual no domínio da fabricação, baseada no conceito de "fábrica inteligente". Entre outros serviços organizacionais, a Indústria 4.0 requer um serviço de manutenção rápido e inteligente, a fim de garantir que as empresas implementem um sistema de produção eficiente. Os Sistemas Cyber-Físicos (do inglês Cyber-Physical Systems) (SCF), considerados como uma tecnologia emergente da Indústria 4.0, estão gradualmente permitindo desencadear uma mudança de paradigma da manutenção tradicionalmente preventiva e/ou preditiva para uma manutenção prescritiva. Em particular, abordagens de gerenciamento de manutenção hoje em dia são cada vez mais voltadas a um procedimento prescritivo automatizado e com sistemas de suporte à decisão. O sucesso de uma abordagem prescritiva depende basicamente de dois fatores: i) processar eficientemente uma grande quantidade de dados heterogêneos coletados de fontes de dados de chão de fábrica e de sistemas corporativos (por exemplo, MES, ERP) e ii) efetivamente gerar recomendações para melhorar e otimizar a gestão da manutenção e seus respectivos planejamentos em determinado horizonte de tempo. A gestão da manutenção, aplicada a Sistemas Cyber-Físicos e no contexto da Indústria 4.0, utiliza uma variedade de métodos, incluindo estatística avançada, modelos estocásticos, computação em tempo real, algoritmos de aprendizado de máquina, baseados em regras estáticas ou dinâmicas, dentre outros. O presente projeto de pesquisa encontra-se nesse contexto, uma vez que propõe uma ferramenta computacional para o suporte aos gestores da manutenção nas duas atividades típicas no chão de fábrica. Propõe-se para esse projeto o uso de diversas técnicas para criar o mecanismo a ser implementado na ferramenta proposta, como mineração de processos, modelos probabilísticos (Redes Bayesianas) e modelos preditivos.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Andrade Botelho de Almeida

Ciências Biológicas

Zoologia
  • sistemática e biogeografia das abelhas eucerini (hymenoptera: apidae)
  • A Linhagem Eucerini é composta por seis tribos de Apidae: Ancylaini, Emphorini, Eucerini, Exomalopsini, Tapinotaspidini e Teratognathini. A monofilia dessa linhagem vem sendo confirmada por estudos utilizando caracteres da morfologia, dados genéticos e genômicos. Apesar de as abelhas Eucerini e grupos proximamente relacionados serem elementos importantes e conspícuos da fauna de abelhas, especialmente do Novo Mundo, muitos de seus táxons permanecem pouco (ou nunca) estudados no que tange suas relações filogenéticas e sua história biogeográfica. Isso é particularmente evidente no caso dos componentes neotropicais de Eucerini, que têm sua posição filogenética desconhecida e nada se sabe sobre sua história biogeográfica. Propõe-se aqui um estudo filogenético da tribo Eucerini e das tribos proximamente relacionadas com uma ênfase nos táxons neotropicais. Para isto serão usados dados de elementos genômicos ultraconservados (UCEs), obtidos por meio de sequenciamento de nova geração. O interesse pelo uso desses marcadores tem crescido consideravelmente, pois são extremamente eficientes para pesquisas filogenômicas. Com o arcabouço filogenético resultante, será possível estimar os tempos de divergência entre os grupos que compõem a Linhagem Eucerini e avançar na interpretação da história biogeográfica de Eucerini e táxons proximamente relacionados, considerando-se eventos geoclimáticos durante o Cenozoico que podem ter afetado a diversificação dessas abelhas.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Antonio Ferraz Coelho

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • desenvolvimento de uma nova plataforma de diagnóstico rápido para a leishmaniose visceral no brasil empregando antígenos recombinantes de parasitos incorporados a sistemas point-of-care desenvolvidos por tecnologia de microfluidos
  • A leishmaniose visceral (LV) vem expandindo sua presença em várias áreas urbanas em nosso país. Neste projeto, pretende-se desenvolver e validar um teste rápido para o diagnóstico da LV humana empregando antígenos recombinantes previamente identificados por nosso grupo de pesquisa por meio de análises imunoproteômicas e phage display utilizando, para tal, uma plataforma de imunocromatografia de fluxo lateral desenvolvida pelo grupo coordenador pelos professores Myron Christodoulides e Collin Sones, da University of Southampton, Reino Unido. Tal kit deverá apresentar facilidade de produção, baixo custo e facilidade de uso por pessoas e profissionais sem formação específica na área. Os dispositivos portáteis pilotos serão testados em soroteca dos laboratórios e em centros de atendimento participantes do projeto, além da população de Araçuaí/MG e região, como prova de conceito do teste. As investigações propostas são de natureza interdisciplinar e envolvem diversos grupos e instituições de pesquisa e/ou de assistência médica com experiência no atendimento e estudo das leishmanioses, tanto no Brasil quanto no exterior (Reino Unido). Procuraremos abranger o conceito de saúde Pública e de apoio ao Sistema Único de Saúde (SUS) por meio de parceria de nosso centro de pesquisa com uma Universidade estrangeira de renome internacional e a assistência à Saúde em uma região endêmica de LV carente de investimentos e recursos humanos voltados para a área, podendo também ser expandida para outras regiões do Brasil. Há a necessidade da integração entre polos com diferentes graus de desenvolvimento no país, a fim de possibilitarmos o desenvolvimento tecnológico aplicado para a resolução de problemas de Saúde Pública com vistas à redução da incidência de casos de LV e na melhoria das condições de vida de nossa população. A expectativa é de que o conjunto desses estudos viabilize a adoção de condutas terapêuticas específicas, efetivas, precoces e menos danosas ao paciente, visando prevenir ou retardar a evolução clínica desfavorável desta doença, além de permitir a posterior utilização de tais dispositivos diagnósticos pelo SUS em outras áreas e regiões do Brasil onde a doença é endêmica. A adoção deste dispositivo seria importante em detrimento aos testes comerciais existentes e adotados pelo Ministério da Saúde, uma vez que ainda há necessidade de um teste diagnóstico mais acurado, com menor custo e que possa atender à população de nosso país.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Antonio Guimaraes Tavares

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • avaliação e modelagem de sistemas computacionais para armazenamento de dados
  • Serviços computacionais atuais (ex: redes sociais) guardam, produzem e disponibilizam uma imensa quantidade de dados, necessitando de infraestruturas apropriadas para lidarem com a grande demanda por armazenamento e processamento. Como consequência, pesquisas têm sido realizadas para aprimorar o dispositivo de hardware de armazenamento, o software de gerenciamento e as técnicas de redundância de dados. As melhorias precisam ser avaliadas e as investigações podem envolver diversas combinações de fatores, de tal forma que pode ser custoso (e.g., tempo e recurso financeiro) experimentações somente em sistemas em produção ou protótipos. Assim, métodos formais são de grande importância, pois permitem descrições matemáticas para representação do comportamento do sistema e a possibilidade de verificação e análise de propriedades quantitativas/qualitativas. As respectivas extensões estocásticas adicionam o poder das técnicas de estatística e probabilidade na avaliação dos modelos. Esta proposta contempla a concepção de técnicas, construção de modelos estocásticos e desenvolvimento de ferramentas para avaliação de desempenho, confiabilidade e disponibilidade de sistemas computacionais de armazenamento de dados. Ademais, esta pesquisa engloba a investigação de dispositivos de hardware, software, mecanismos de redundância e infraestrutura de comunicação.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Araújo de Oliveira

Ciências da Saúde

Medicina
  • anomalias congênitas do trato urinário: estudo de biomarcadores de injúria renal crônica
  • As anomalias congênitas do trato urinário são reconhecidas como uma família de doenças com um diverso espectro anatômico. Essas anomalias são denominadas CAKUT, acrônimo para “congenital anomalies of the kidney and urinary tract”. Apesar dos recentes avanços no diagnóstico pré-natal e do tratamento precoce, essas anomalias persistem como a principal causa de doença renal crônica (DRC) na infância. Em uma série de estudos, demonstramos o impacto do diagnóstico fetal das CAKUT na abordagem dessas crianças. Entretanto, faltam marcadores de maior acurácia para a DRC nesta população. Este estudo de coorte prospectivo, no qual estão sendo acompanhadas mais de 900 crianças com CAKUT, tem como objetivo o desenvolvimento, a validação de testes diagnósticos e de biomarcadores em pacientes seguidos na Unidade de Nefrologia Pediátrica (HCUFMG). Deverão ser avaliados potenciais biomarcadores imuno-inflamatórios e de fibrose (quimiocinas, citocinas, uromodulina, entre outros) em nossa coorte pacientes com CAKUT. Os objetivos e metas do projeto poderão ser alcançados devido à metodologia de um estudo longitudinal, no qual está incluída uma grande coorte de pacientes portadores de CAKUT. Além disso, destaca-se a viabilidade do projeto, pois se trata um estudo colaborativo envolvendo diversos setores com experiência no tema proposto. Conta ainda com a participação de laboratórios de pesquisa da Faculdade de Medicina (UFMG): o Laboratório de Medicina Molecular e o Laboratório Interdisciplinar de Investigação Médica. A principal contribuição do estudo, em nosso ponto de vista, será a identificação de um modelo preditivo da evolução clínica, incorporando marcadores clínicos e biomarcadores, possibilitando identificar fatores associados ao desfecho e, consequentemente, uma abordagem mais racional. Finalmente, é importante ressaltar que este estudo poderá gerar conhecimentos que poderão trazer subsídios para a formulação de ações públicas no âmbito do Sistema Único de Saúde
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Augusto Caldas Batista

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • extração de compostos fenólicos de resíduos da produção do azeite de oliva com líquidos iônicos e deep eutectic solvents e purificação com sc-co2
  • As indústrias de alimentos geram resíduos que são descartados no meio ambiente, mas que poderiam ser reaproveitados. Alguns desses resíduos são fontes de nutrientes valiosos e, ao serem recuperados, podem apresentar potencial de aplicação em diferentes áreas, como na própria indústria de alimentos, farmacêutica ou cosmética. A produção de azeite de oliva gera alguns resíduos, como bagaço de azeitona e folhas das oliveiras, os quais são ricos em compostos fenólicos que propiciam diversos benefícios à saúde. A extração de compostos fenólicos da matriz vegetal usa geralmente solventes orgânicos que, em sua grande maioria, não são ambientalmente amigáveis. Pesquisas têm buscado possíveis substitutos desses solventes que se enquadrem dentro do âmbito da química verde, como os líquidos iônicos e os deep eutectic solvents. O uso desses solventes vem crescendo e se mostrando uma alternativa favorável devido às suas propriedades físicas e químicas bastante atraentes. Nesse contexto, esse projeto tem como objetivo avaliar o uso de líquidos iônicos e deep eutectic solvents na extração de compostos fenólicos do bagaço de azeitona e das folhas de oliveira, resíduos provenientes da produção do azeite de oliva. Além disso, objetiva-se avaliar a purificação do extrato obtido com uso dióxido de carbono supercrítico. A quantificação dos compostos fenólicos extraídos será realizada por meio de cromatografia líquida de ultra eficiência.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Bedê Barros

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • transporte eletrônico em materiais bi-dimensionais investigados na nanoescala
  • O estudo do transporte eletrônico através de nanomateriais bidimensionais e de heteroestruturas formadas a partir deles, tem avançado fortemente nos últimos anos, já que eles formam estruturas com interfaces atomicamente definidas, dimensões ultrafinas, alta flexibilidade e com efeitos óticos relevantes. Uma das principais questões envolvendo os dispositivos formados a partir de heteroestruturas bidimensionais verticais é o mecanismo de transporte eletrônico entre os diferentes planos atômicos. Nesse sentido, a microscopia de varredura por sonda, especialmente no modo CAFM, tem sido aplicado para aprofundar o conhecimento do comportamento desses sistemas. A compreensão do comportamento desses sistemas pode ser melhorado com a simulação das suas propriedades eletrônicas e de transporte usando cálculos teóricos baseados em Tight-binding e em modelos de primeiros princípios. Foram estudadas recentemente amostras de poucas (1-5) camadas de MoS2 usando a técnica de CAFM. Nesses experimentos, uma sonda condutora de AFM é posta em contato com as amostras de MoS2 depositadas em um substrato de Si/SiO2 contendo um contato elétrico de ouro microfabricado. A corrente entre o contato de ouro e a sonda de AFM é medida em função da voltagem e da força aplicadas. Esses experimentos mostraram que para forças superiores a algumas centenas de nanonewtons a condutividade elétrica cresce abruptamente. Para uma melhor compreensão da mudança abrupta na condutividade vertical desses sistemas, se faz necessário caracterizá-los em regimes de alta condutividade. Além disso, é importante investigar se os efeitos observados para o MoS2 pode ser reproduzidos em outras estruturas semicondutoras bi-dimensionais, inclusive em heteroestruturas compostas pelo empilhamento de diferentes materiais, e quais os fatores determinantes que afetam esse mecanismo. É importante salientar que o conhecimento e domínio desse efeito pode abrir caminho para o desenvolvimento de sensores de pressão ultra-sensíveis, aplicáveis em diversas áreas tecnológicas, como por exemplo, em telas sensíveis ao toque (touchscreen). Nesse projeto propõe-se a pesquisa das propriedades eletrônicas e de transporte de dispositivos a base de materiais bidimensionais através da técnica de CAFM e de estudos teóricos de primeiros princípios. Com isso, objetiva-se uma melhor compreensão e controle das propriedades de transporte desses materiais de modo a permitir possíveis aplicações dos mesmos em nanodispositivos e nanosensores.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Bento Pereira

Ciências Humanas

Educação
  • letramento científico por meio da robótica educacional e metodologias ativas: ensino e aprendizagem de física, matemática e biologia
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de São João Del-Rei - MG - Brasil
  • 12/08/2019-30/11/2022
Foto de perfil

Eduardo Bessa Pereira da Silva

Ciências Biológicas

Ecologia
  • efeitos do ecoturismo sobre a aptidão de peixes marinhos
  • Apesar do turismo ser uma atividade rentável, ele se tornou um grande problema ambiental. Num estudo recente, nosso grupo propôs que o contato entre turistas e animais pode tornar as presas mais ousadas em relação aos predadores devido a uma transferência de habituação ou à exaustão do eixo do estresse. Também há evidências de que peixes alimentados por turistas tornem-se mais férteis. Neste projeto pretendemos testar ambas as ideias comparando respostas comportamentais, endócrinas e metabólicas de peixes costeiros expostos a um predador. Também iremos avaliar a fecundidade e reprodução de peixes recebendo comida de turistas.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Botti Abbade

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • histórico e projeção do impacto econômico da obesidade e suas consequentes doenças crônicas não transmissíveis (dcnt) no sistema único de saúde
  • Esta proposta de pesquisa tem como objetivo geral analisar a evolução histórica e a projeção e curto/médio/longo prazos do impacto econômico da Obesidade e suas principais consequentes Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) nos Hospitais Públicos do Sistema Único de Saúde, considerando atendimento ambulatorial e internações hospitalares, além de custos com benefícios de aposentadorias por invalidez concedidos em virtude da DCNTs relacionadas à obesidade, em nível nacional e das UFs do Brasil. Para tanto, o estudo será desenvolvido ao longo de 2 (dois) anos subdividido em 3 (três) etapas. Na primeira etapa pretende-se analisar o histórico e tendência da prevalência da obesidade e DCNTs no Brasil; e analisar a relação entre a prevalência de obesidade e atendimentos relacionados às principais DCNTs no âmbito do SUS. Na segunda etapa objetiva-se estimar a evolução histórica e a projeção dos custos diretos da obesidade por meio da análise dos custos dos atendimentos ambulatoriais e internações hospitalares realizados no âmbito do SUS reaizados sob diagnósticos de DCNTs relacionadas à obesidade; e estimar a evolução histórica e a projeção dos custos indiretos da obesidade por meio da análise dos custos dos benefícios de aposentadorias por invalidez concedidos em razão de DCNTs relacionadas à obesidade no Brasil e UFs. Por fim, na terceira etapa almeja-se estimar a potencial economia a ser gerada a partir da redução da prevalência de obesidade para o Brasil e para as UFs. O estudo de caráter transversal será desenvolvido por meio de obtenção, compilação e análise de dados oriundos de bases de dados oficiais como o estudo VIGITEL, o SIH/SUS (Sistema de Informações Hospitalares do SUS), o SIA/SUS (Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS), pesquisas específicas do IBGE (Pesquisa Nacional de Saúde e Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar) e dados do DATAPREV referentes aos benefícios de aposentadorias concedidos por invalidez. Os dados de séries temporais serão analisados por meio de técnicas e procedimentos estatísticos de análises e projeção de tendências e modelos de previsão específicos (modelagem ARIMA, análise de tendências, análises de regressão linear múltipla e ajustamentos e análises de modelos não-lineares). Como resultado, pretende-se apresentar estudos técnicos e publicações científicas com evidências que tenham potencial de contribuir com o processo de planejamento e execução de políticas públicas e definições orçamentárias em nível nacional e regiona no que tange às ações relacionadas ao SUS e gestão da saúde pública.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 06/01/2020-31/01/2023
Foto de perfil

Eduardo Caetano Brandão Ferreira da Silva

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • filarioses humanas ocorrentes no brasil: desenvolvimento e validação de novas ferramentas diagnósticas baseadas em antígenos recombinantes utilizados para captura de anticorpos antifilariais.
  • A filariose é um grupo de doenças causadas por helmintos nematoides (filarias) que afetam humanos e animais. De mais de cem espécies descritas, somente oito causam infecções em humanos. Mais de 150 milhões de pessoas possuem alguma espécie de infecção filarial. Dentre estas parasitoses, algumas merecem especial atenção devido a sua alta prevalência ou as complicações clínicas que podem causar. No Brasil, duas espécies são de importância do ponto de vista de saúde pública: a Wuchereria bancrofti e a Mansonella ozzardi. Destas parasitoses, a FL tem sido a mais estudada. A Organização Mundial da Saúde criou em 1997 o Plano Global de Eliminação da FL no mundo (PGEFL). Esse plano tem como pilares a administração de drogas antifilariais em massa, nas áreas de alta prevalência, tratamento e acompanhamento dos casos mórbidos e o desenvolvimento de novas ferramentas diagnósticas capazes de avaliar e monitorar área sob impacto do PGEFL. O Brasil é signatário ao plano global e através das ações de eliminação e controle realizados nas últimas décadas, a prevalência da doença reduziu significativamente entrando em um status de reavaliação e vigilância epidemiológica. Com respeito a mansonelose, essa tem sido alvo de estudos isolados e sua patogenia não está muito claramente elucidada. Diante do exposto, o objetivo deste projeto é desenvolver e avaliar testes de captura de anticorpos para o diagnóstico das principais filarioses humanas de ocorrência no país. A princípio será realizada a identificação de genes e regiões antigênicas dos patógenos selecionados (Wuchereria bancrofti e Mansonella ozzardi), posteriormente os genes quiméricos serão construídos com otimização das sequências para expressão em sistemas procarióticos. Então, será realizada a clonagem dos genes e purificação das proteínas heterólogas recombinantes. De posse dos antígenos recombinantes, serão realizados ensaios imunoenzimaticos indireto (ELISA) in house. A partir desses resultados, os antígenos mais promissores serão selecionados para confecção e avaliação dos protótipos de testes rápidos e ELISA. O desenvolvimento e avaliação de kits diagnósticos capazes de detectar a infecção filarial com rapidez e eficácia, apresentando potencial aplicação dentro do Sistema Único de Saúde brasileiro (SUS) a um baixo custo, permitirá aos órgãos de saúde ampliar a sua capacidade de análise e intervenção, através de inquéritos seguros para o direcionamento de ações epidemiológicas, além de diminuição de gastos com importação e melhora na reprodutibilidade dos testes.
  • Fundação Oswaldo Cruz - PE - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Eduardo Caldas Costa

Ciências da Saúde

Educação Física
  • efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade e treinamento contínuo de moderada intensidade sobre desfechos cardíacos, autonômicos, vasculares e cerebrais em idosos hipertensos: um ensaio clínico randomizado
  • Objetivos: Analisar os efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade (TIAI) comparado ao treinamento contínuo de moderada intensidade (TCMI) sobre a pressão arterial ambulatorial e desfechos cardiovasculares, autonômicos e cerebrais em idosos hipertensos. Desenho: Ensaio clínico randomizado, grupo-paralelo, com dois braços. Ambiente: Campus Universitário. Participantes: Setenta idosos hipertensos: TIAI (n = 35) e TCMI (n = 35). Intervenção: Ambos os grupos serão submetidos a 12 semanas treinamento, três vezes por semana. O TIAI será composto por intervalos de um minuto em intensidade vigorosa (percepção subjetiva de esforço [PSE] 7–8, escala 0-10), intercalados com recuperação em intensidade leve de um minuto (PSE 3–4). Tempo gasto por sessão: 17-31 minutos. O TCMI será composto por exercício contínuo de moderada intensidade (PSE 5–6). Tempo gasto por sessão: 34-62 minutos. Desfechos primários: Pressão arterial ambulatorial, função endotelial e capacidade cardiorrespiratória (consumo de oxigênio de pico; VO2pico). Desfechos secundários: Pressão arterial central, rigidez arterial, atividade autonômica cardíaca, morfologia e função cardíaca, espessura da camada íntima-média da carótida, hemodinâmica cerebral, desempenho cognitivo, perfil bioquímico, composição corporal e qualidade de vida. A taxa de comparecimento às sessões de exercício e aderência às intervenções também serão desfechos secundários. Respostas psicológicas serão avaliadas durante e ao final de cada sessão de exercício. Plano de análise estatística: A hipótese, o cálculo amostral e o plano de análise estatística (por intenção de tratar), baseiam-se na expectativa de superioridade do TIAI em comparação com o TCMI, especialmente para os desfechos primários. Resultados e impactos esperados: Espera-se que este estudo produza evidências de alto mérito científico e repercussão mundial, com grande potencial de translação para prática clínica no tocante ao tratamento não farmacológico de idosos hipertensos. Equipe e execução do projeto: O presente projeto de pesquisa foi desenhado e será conduzido por equipe multidisciplinar, seguindo aspectos éticos e protocolos metodológicos recomendados em ensaios clínicos. Além disso, conta com colaboração interinstitucional, no Brasil e Canadá.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Calil de Oliveira

Ciências Humanas

Educação
  • atividades metalinguísticas no ensino de gramática e na produção textual estudo luso-brasileiro sobre o modo como professores e alunos do 4º ano do ensino fundamental enunciam conteúdos gramaticais em duas situações didáticas
  • A partir da perspectiva teórico-metodológica situada no campo da Genética Textual, dentro de uma abordagem enunciativa e interdisciplinar (Psicologia Cognitiva e Didática da Escrita), este estudo tem por objetivo caracterizar e analisar as atividades metalinguísticas enunciadas por professores e alunos do 4º ano do Ensino Fundamental do Brasil e de Portugal, considerando a relação entre conhecimentos linguísticos ensinados e o manuscrito escolar em construção. Os materiais relativos aos alunos de Portugal, que permitirão a comparação com os alunos brasileiros, já foram coletados. O projeto M-GRATEX refere-se à execução do estudo em uma escola brasileira. Para isso, coletaremos dados audiovisuais em situações didáticas de dois eixos de ensino: 1. Eixo de ensino “conhecimento linguístico e gramatical”; 2. Eixo de ensino “Produção Textual”. Essa coleta de dados será realizada em dois diferentes momentos. No 1º momento de coleta de dados pretende-se registrar, em vídeo, 6 aulas de ensino de gramática, ministradas pelo professor aos seus alunos e, 4 dias após cada uma dessas aulas, será solicitada aos alunos, em duplas, a escrita de uma narrativa ficcional inventada (1ª versão textual). No 2º momento, pretende-se registrar também em vídeo propostas de revisão textual coletiva sobre histórias inventadas por alunos. Nessa situação didática, o professor destacará, junto com seus alunos, problemas gramaticais da primeira versão de uma história inventada e, 4 dias após cada uma dessas aulas, será proposta a reescrita (2ª versão textual) das narrativas ficcionais inventadas no 1º momento. As propostas de produção textual (1ª e 2ª versão) serão registradas através do Sistema Ramos (sistema de captura multimodal do texto em curso). Serão eleitas como categoria de análise as enunciações caracterizadas como atividades metalinguísticas do professor e dos alunos, durante as situações didáticas envolvendo esses dois eixos de ensino. Em relação aos processos de escritura a dois, consideraremos as “rasuras orais comentadas” como subcategoria para a análise das atividades metalinguísticas dos alunos escreventes. Essa caracterização visa a compreender as relações entre os conteúdos gramaticais destacados pelo professor e o modo como os alunos se apropriam desses conteúdos gramaticais durante o texto em construção. Espera-se, com isso, poder contribuir para uma melhor articulação entre esses dois eixos de ensino e, consequentemente, para a proposição de situações de aprendizagem mais eficazes e produtivas.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-31/12/2022
Foto de perfil

Eduardo Carvalho Lira

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • avaliação da atividade antidiabética, hipolipemiante e antioxidante do extrato etanólico bruto das folhas de bauhinia cheilantha em ratos
  • O diabetes mellitus (DM) é um dos principais distúrbios metabólicos que afeta, atualmente, 425 milhões de pessoas no mundo, com perspectiva deste número atingir cerca de 629 milhões em 2045. A progressão do DM é complexa e envolve diferentes fatores, como a inflamação e o intenso estresse oxidativo, que estão diretamente associados ao aumento das comorbidades diabéticas e alta mortalidade dos pacientes. A hiperglicemia crônica modula diretamente diferentes vias intracelulares envolvidas na inflamação, intenso estresse oxidativo e morte celular, eventos relacionados à instalação das comorbidades diabéticas, como a dislipidemia, a retinopatia, nefropatia, neuropatia e as doenças cardiovasculares. A regulação do estado redox celular depende de sistemas antioxidantes enzimáticos que envolve as proteínas superóxido dismutase, catalase e glutationa peroxidase e não enzimáticos, cujo principal representante é a glutationa reduzida. Diferentes mecanismos têm sido propostos para geração de radicais livres no DM, dentre eles a autoxidação da glicose como a principal fonte de ROS, a formação, através da reação de Maillard, dos produtos finais de glicação avaçada (AGEs), os quais, através de seus receptores (RAGEs) celulares, modificam e inativam enzimas, estimulam a produção de ROS bem como eleva a atividade transcricional do fator de transcrição kappa b (NFkB), uma via classicamente inflamatória. A glicemia cronicamente elevada gera intenso estresse oxidativo pela redução das defesas antioxidantes e/ou a produção excessiva de espécies reativas de oxigênio (ROS) e nitrogênio (RNS), o que compromete funcionalmente proteínas celulares, fosfolipídios de membrana (peroxidação lipídica e formação de molandialdeído), ácidos nucleicos, além de estimular a produção de citocinas pro-inflamatórias como o fator de necrose tumoral (TNF). A hiperglicemia também eleva o risco para dislipidemia diabética (DD), isto é, a elevação dos níveis séricos de triacilglicerol (TG), colesterol total (CT) e redução dos níveis de lipoproteínas de alta densidade (HDL-C), condição clinicamente associada ao maior risco de doenças cardiovasculares (DCV). A DD é causada por mecanismos que podem envolver não somente o estresse oxidativo, mas a ausência da ação insulínica no controle do metabolismo lipídico fígado que a torna essencial para o desenvolvimento do perfil aterogênico e maior incidência de DCV, o que eleva o risco de mortalidade dos pacientes diabéticos. Neste sentido, o controle glicêmico é essencial para prevenção das comorbidades diabéticas, sobretudo pela melhora do estado redox celular, produção e/ou responsividade à insulina. Embora, as terapias farmacológicas e não farmacológicas sejam utilizadas há 50 anos para o controle glicêmico, este uso é limitado por seus efeitos adversos como a hipoglicemia, ganho ponderal ou distúrbios gastrintestinais, além da baixa adesão ao tratamento pelos pacientes. Por essas razões, busca-se o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticos para a prevenção e/ou tratamento do diabetes. Neste contexto, o uso de plantas medicinais como fonte para obtenção de novas moléculas terapêuticas para o combate ao DM e suas comorbidades é estratégico, sobretudo em países em desenvolvimento. Ainda que se tenha uma política nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, o Brasil ainda consome esses produtos desenvolvidos nos Estados Unidos e na Europa, sobretudo pela escassez de estudos que avaliem o potencial terapêutico e validem o uso popular de espécies pertencentes à nossa exuberante biodiversidade vegetal. Dentre estas, a Bauhinia cheilantha (Bong) Steud, popularmente conhecida como mororó, unha-de-anta ou pata-de-vaca, é uma leguminosa típica da Caatinga pertencente à família Febacea. O gênero Bauhinia reúne aproximadamente 300 espécies que tem ampla distribuição em regiões tropicais e popularmente utilizadas no tratamento de diversas patologias, dentre elas DM, dor, infecções e inflamações. Os efeitos biológicos e a constituição fitoquímica de Bauhinia spp. têm sido amplamente estudados através de ensaios in vivo e in vitro, os quais usualmente confirmam o uso popular destas espécies, sobretudo pela presença de flavonoides, moléculas reconhecidamente antioxidantes, mas também terpenos, ácidos aromáticos, alcaloides, entre outros. Por estas razões, esta proposta busca avaliar o efeito antidiabético, hipolipemiante e antioxidante do extrato etanólico bruto das folhas Bauhinia cheilantha (Bong) Steud (EEBBc). Será realizada a avaliação fitoquímica para identificar as principais classes de constituintes químicos do EEBBc, assim como analisar o perfil químico dos metabólitos secundários através de métodos cromatográficos como CLAE-DAD, CLAE-DAD-EM e CLAE-DAD-EM/EM e identificar a estrutura dos principiais constituintes químicos por infravermelho, espectroscopia de massa e ressonância magnética nuclear. Os ratos controle (normoglicêmicos) e diabéticos induzidos por estreptozotocina (STZ, 45mg/kg, i.v.) serão tratados com EEBBc (200 e 400mg/dia, v.o.) durante 14 dias. Ao término do tratamento, será avaliada a glicemia capilar, a tolerância oral à glicose e a tolerância à insulina, assim como os níveis hepáticos de glicogênio, perfil lipídico plasmático e o perfil antioxidante. Além disso, serão investigados os mecanismos moleculares envolvidos na ação antidiabética do EEBBc através da expressão de enzimas regulatórias de rotas metabólicas importantes para o controle do metabolismo glicídico (Akt, AMPK e PEPCK) através do Western blot. A obtenção desses resultados contribuirá para validação da utilização de plantas nativas da Caatinga no controle do DM e suas comorbidades, assim como permitirá uma melhor compreensão dos principais constituintes químicos do EEBBc e seus mecanismos moleculares envolvidos nas ações biológicas, como alvo para intervenções terapêuticas e o desenvolvimento de novos fármacos para o controle glicêmico e a prevenção das comorbidades diabéticas.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Cassel

Engenharias

Engenharia Química
  • utilização dos resíduos do processamento da acácia negra (flores e folhas) como matéria-prima para a obtenção de extratos e compostos puros de alto valor agregado
  • A acácia negra (Acacia mearnsii), apesar de ser amplamente cultivada e utilizada industrialmente, não tem o potencial de suas folhas e flores explorado. Considerando a disponibilidade de folhas e flores, resíduos do processamento da acácia negra para a produção de taninos, e o crescente interesse por produtos naturais, esse trabalho visa o obtenção de extratos e/ou compostos puros, a investigação sobre as composições e as ações bioquímicas dos extratos e a proposição de aplicações dos produtos extraídos e fracionados em diferentes setores como a perfumaria, a alimentação animal, a metalúrgica e a farmacêutica. A pesquisa compreenderá, primeiramente, o estudo sobre o processo de extração do óleo essencial e a obtenção do extrato aquoso de resíduos, flores e folhas, da Acacia mearnsii via destilação por arraste a vapor: otimização das variáveis de processo e modelagem matemática. Utilizando a mesma matéria-prima, folhas e flores pré-processadas por arraste a vapor, e empregando o processo de extração com fluido supercrítico (CO2 + cossolventes), obter-se-á extratos não voláteis em diferentes condições de processo. Os óleos essenciais serão analisados por GC-MS e GC/O, enquanto que os extratos aquosos serão analisados por HPLC e HPLC-MS, assim como será avaliada a atividade anticorrosiva. Os extratos obtidos via extração supercrítica serão fracionados em coluna cromatográfica e os extratos e as frações isoladas serão analisados por HPLC-MS, atividade antioxidante, atividade antineoplásica e outras. Os rendimentos das extrações serão otimizados, utilizando planejamento fatorial, e os parâmetros dos modelos da transferência de massa serão obtidos a partir dos dados experimentais das curvas de extração rendimento versus tempo.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Cerqueira Batitucci

Ciências Humanas

Sociologia
  • avaliação da institucionalização das políticas públicas de prevenção social à criminalidade no brasil – estudo de caso em minas gerais.
  • A consolidação e constituição histórica do campo da Segurança Pública e Justiça Criminal no Brasil teve a sua origem completamente desvinculada da discussão da promoção e garantia de direitos sociais e individuais. Para nós, o mandato da polícia por exemplo, e desde a sua origem, tende a ser demasiadamente amplo e mal definido, o exercício cotidiano da autoridade policial frequentemente ultrapassa os limites estatutários que formalmente a definem, as ligações entre policiais e militares das forças armadas permanecem como um forte elemento cultural e institucional a orientar parte do campo policial e as preocupações sociais com a técnica, os valores e os limites da atividade policial, ou dizendo de outro modo, o seu compromisso com os valores democráticos, encontram baixa ressonância social. Estas dimensões produzem efeitos visíveis para a consolidação do campo da segurança pública (e, portanto, da Justiça Criminal) na lógica do espaço público brasileiro, seja na baixa capacidade de interlocução institucional, no alto nível de complexidade organizacional e conflito sistêmico nas suas dimensões institucionais e operativas, seja na vinculação histórica à uma perspectiva de defesa do estado contra a sociedade, resultando, portanto, em baixa profissionalização, reconhecimento e legitimidade social. Neste sentido, o atual modelo de provimento de Segurança Pública e de Justiça na sociedade Brasileira se mostra, portanto, um modelo falido – as ações e políticas de cunho tradicional desenvolvidas por este sistema vêm provando-se ineficazes, incapazes de reduzir a violência endêmica brasileira, especialmente aquela de natureza letal. Entretanto, um novo conjunto de perspectivas surgiu na América Latina, nas últimas décadas, para se contrapor a estes problemas. Durante o processo de transição para a democracia nestes países, uma narrativa alternativa aos modelos tradicionais de provimento de segurança pública introduziu, a partir do final dos anos 1990, tensões no campo da segurança pública, que potencializou o debate sobre um modelo de ordem pública baseado na proteção dos direitos da cidadania e no acesso à justiça. Uma série de programas e políticas surgiu no espaço público brasileiro no sentido de promover desenhos de política pública a partir dos pressupostos da segurança cidadã, as Políticas de Prevenção Social à Criminalidade e Violência. A segurança cidadã deveria resultar, além da redução dos índices de criminalidade, em uma política de estratégia integral, que buscasse melhorar a qualidade de vida dos cidadãos, com ações comunitárias para prevenção dos delitos, políticas educacionais baseadas em valores de convivência pacífica, valorizando a coesão social, dentre outras dimensões. Entretanto, a despeito (ou em virtude) do seu caráter inovador, as políticas de prevenção social à criminalidade vêm sofrendo com um conjunto de problemas associados à sua implementação e mesmo à sua institucionalização na ótica da administração pública. As análises chamam a atenção para o fato de que muitas das iniciativas nesta direção, a despeito das tensões que produziram nas políticas tradicionais, não ultrapassaram o nível de programas, não se enraizando como ações permanentes e, neste sentido, não se mostrando capazes de remodelar as práticas e culturas organizacionais das instituições tradicionais do campo da segurança, tais como as Polícias e o Judiciário. A reflexão sobre a institucionalização das Políticas de Prevenção Social à Criminalidade constitui-se, então, como uma necessidade inadiável em virtude da contribuição que elas podem oferecer ao campo da segurança pública no Brasil. Para Minas Gerais essa avaliação se torna ainda mais crítica, dado que o estado institucionalizou um conjunto de programas como política pública estatal, contando já com uma trajetória de 15 anos. Esta reflexão constitui o objetivo primordial desta proposta.
  • Fundação João Pinheiro - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Eduardo Costa de Figueiredo

Ciências da Saúde

Farmácia
  • nanomateriais de acesso restrito: síntese, caracterização e aplicação na depleção de proteínas de alta abundância em estudos proteômicos
  • A análise do proteoma do soro sanguíneo humano é uma das grandes tendências em ciências da saúde, principalmente no que tange à busca por novos biomarcadores, utilizados tanto para diagnóstico de doenças como para avaliação da sua progressão no organismo. Um dos grandes desafios nestas análises é a supressão do sinal analítico causado pela grande quantidade de proteínas de alta abundância do sangue (PAAs), como albumina, imunoglobunina G, tranferrina, α2-macroglobunina, α1-antripsina e α1-glicoproteina ácida humanas), em comparação com alguns biomarcadores proteicos, cujas concentrações plasmáticas são muito baixas. Desse modo, a remoção dessas PAAs é fundamental para garantir a sensibilidade e seletividade das análises. Diversas técnicas têm sido utilizadas na remoção de PAAs de sangue, no entanto, normalmente estas técnicas exigem uma série de procedimentos dispendiosos, que demandam tempo e recursos especializados, além do alto custo e da possibilidade de remoção concomitante de proteínas de baixa concentração. Tal situação abre caminho para o desenvolvimento de novos métodos seletivos, simples, rápidos, eficientes e economicamente viáveis para depleção das PAAs. Diante disso, as nanopartículas magnéticas (MNPs) apresentam elevado potencial de aplicação e vêm se destacado na ciência de separações, pois apresentam características atrativas como elevada área superficial, protocolos de síntese já bem estabelecidos, propriedades magnéticas que permitem a sua recuperação de modo simples, possibilidade de variadas funcionalizações em sua superfície, expandindo seu campo de aplicação. Em paralelo, nosso grupo tem trabalhado com materiais de acesso restrito obtido por meio da formação de uma cápsula proteica ao redor de nanomateriais, capa esta que pode se carregar (+ ou -) ou se manter com carga resultante zero, dependendo do pH do meio, favorecendo ou não a ligação de proteínas livres no meio. Entendemos que é então possível dosar a seletividade de retenção de proteínas nestes materiais, pelo controle das condições do meio e da espessura da cápsula proteica entrecruzada quimicamente. Desse modo, este trabalho se enquadra dentro do campo da nanomedicina, e propõe a síntese e caracterização de nanopartículas magnéticas de acesso restrito (RAMNPs) a base de Fe3O4 revestido com uma cápsula de albumina de soro bovino, bem como sua inédita aplicação na depleção de PAAs (albumina, imunoglobunina G, tranferrina, α2-macroglobunina, α1-antripsina e α1-glicoproteina ácida humanas) de soro sanguíneo humano para fins de estudos proteômicos.
  • Universidade Federal de Alfenas - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Costa Girão

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e transporte de materiais nanoestruturados.
  • O desenvolvimento de novos materiais é um pilar fundamental para a ciência e tecnologia de qualquer sociedade que tenha um plano sólido de desenvolvimento. Este tema oferece diversos desafios e consequentemente diversas vertentes de trabalho. Uma delas é o desenvolvimento de novos materiais para eletrônica. Enquanto o silício atualmente é o paradigma para a tecnologia atual, o mesmo tem se aproximado do seu limite de miniaturização e performance. Isso porque para além do atual nível de miniaturização, defeitos, tunelamento quântico e outros problemas associados à baixa dimensionalidade são impeditivo para a continuação do desenvolvimento tecnológico baseado neste elemento. Entre as diferentes possibilidades abordadas pela ciência, materiais de carbono tem emergido como potenciais candidatos a formarem os futuros blocos básicos da nanoeletrônica. A família de alótropos de carbono se expandiu rapidamente nas últimas décadas, com membros mostrando uma vasta coleção de propriedades físicas com potencial para a construção de dispositivos de dimensões nanoscópicas. Sistemas de carbono possuem níveis eletrônicos apresentando uma forte dependência com detalhes estruturais, relação esta que é amplamente caracterizada tanto por resultados experimentais, como por modelos teóricos. Estas propriedades físicas abrem, inclusive, avenidas para o desenvolvimento de novas tecnologias, como a spintrônica, na qual tira-se vantagem da utilização do grau de liberdade do spin para construir chaves lógicas e outros dispositivos, por exemplo. Ao mesmo tempo, materiais como dicalcogenóides de metais de transição e fosforeno são outros materiais que vem sendo objeto de intenso estudo por parte da comunidade científica. Ao passo que estudos experimentais constituem a principal ponte para a transformação de ciência em tecnologia, cálculos teóricos desempenham um importante papel neste binômio. Isso porque cálculos podem atuar não só como ferramentas de predições hipotéticas, mas também guiar experimentos controlados (excluindo possibilidades fáceis de serem demonstradas infrutíferas por meio de simulações), assim como atuar como importante ferramenta de interpretação de resultados experimentais. Neste contexto, o estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e do transporte eletrônico de nanomateriais é fundamental e serve de trampolim para o desenvolvimento de estudos experimentais envolvendo técnicas espectroscópicas, medidas elétricas e rotas de síntese. Neste projeto, propomos o estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e transporte em diferentes nanomateriais, com ênfase no carbono. Nossos cálculos de estrutura eletrônica serão baseados no modelo tight-binding (incluindo um Hamiltoniano de Hubbard para descrever a influência do spin sobre os estados eletrônicos) assim também como na teoria do funcional da densidade. As propriedades de transporte eletrônico serão calculadas utilizando o formalismo de Landauer e o método de funções de Green para determinar a transmitância quântica em sistemas em nanoescala. Parte destes cálculos serão realizados com pacotes computacionais já desenvolvidos pelo coordenador deste projeto.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo de Castro Ferreira

Ciências Biológicas

Ecologia
  • mostra educacional gamer: jogando com a saúde única
  • A MOSTRA EDUCACIONAL GAMER: Jogando com a Saúde Única será um evento de abrangência municipal, em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, onde estudantes do ensino médio (convencional e técnico) apresentarão propostas inéditas de jogos educativos (jogos de tabuleiro ou games) dentro da temática “Saúde Única”. Os jogos didáticos mostram-se como instrumento com grande potencial metodológico no processo de ensino-aprendizagem, sensibilização e divulgação de conceitos, conteúdos, competências e habilidades de forma interdisciplinar, autônoma e colaborativa. Deste modo, ao promover a inovação e criatividade, propondo que estudantes de ensino médio, orientados por seus professores, desenvolvam e apliquem jogos didáticos baseados em dados e evidências científicas, da área de Ciências da Saúde, sobre um tema atual, como a abordagem em Saúde Única (Saúde humana, animal e ambiental), terá como resultado a divulgação e popularização das ciências. Para que construam o jogo, os participantes da Mostra precisam conhecer os conceitos, apropriar-se dos resultados mais recentes e saber a melhor forma de ensinar e divulgar esses resultados. Estudantes de ensino médio costumam não ter acesso aos meios de comunicação científico, cujos vocabulários não atingem toda a população. Por isso, a importância de se buscar meios que levem até essa comunidade o conhecimento produzido pelas ciências. Assim, a gamificação será a estratégia aqui proposta para promover o letramento científico e a investigação científica, possibilitando aos estudantes de ensino médio atuarem com protagonismo, autonomia e potencial investigativo e inventivo na área de Ciências da Saúde e Educação, usando o método científico na identificação e resolução de problemas.
  • Fundação Oswaldo Cruz - MS - Brasil
  • 22/01/2021-31/01/2023
Foto de perfil

Eduardo de Freitas Rocha Loures

Engenharias

Engenharia de Produção
  • proposta de um modelo de avaliação de interoperabilidade organizacional para empresas do setor público e industrial
  • Pelo menos nos últimos vinte anos, as organizações enfrentam um mercado competitivo e, de forma a sobreviverem, as mesmas devem desenvolver parcerias e redes colaborativas, não sendo suficiente sua participação individual frente à seus competidores. Como a necessidade de ‘inter - operação’ é real, a interoperabilidade torna-se um fator de sucesso para empresas inseridas em ambientes de mercado colaborativos e cooperativos, característico de uma economia globalizada, dinâmica e sem fronteiras. A interoperabilidade pode ser definida como a habilidade dos sistemas de tecnologia de informação e comunicação (TIC), assim como dos processos de negócio que suportam, permitir a troca e o compartilhamento de informação e conhecimento no uso dos dados (EIF, 2004). A interoperabilidade leva em conta diferentes perspectivas, barreiras, níveis de maturidade e tipos de avaliação. A avaliação conjunta de todos estes elementos e visões, permite auxiliar no diagnóstico e aumento do grau e qualidade da colaboração, interação e transação entre organizações do setor público e privado, assim como suas entidades funcionais internas. Este cenário impõe não apenas o desenvolvimento de interfaces externas mas também no aprimoramento de seu ambiente organizacional interno nas perspectivas de sua governança, seus processos de negócio, base de conhecimento e sistemas TIC. Portanto, é importante um foco complementar e granular nos aspectos internos, potenciais à empresa, permitindo melhor identificar e ressaltar a habilidade da organização em interoperar. Isto implica na necessidade de medir e avaliar o grau de relação entre entidades humana, tecnológica e organizacional (p.ex. recursos humanos, sistemas, softwares, departamentos) em torno dos conceitos de interoperabilidade. Da constatação da relevância do conhecimento relacional entre as diferentes entidades organizacionais para diagnóstico e aumento de competitividade da empresa, importantes questões emergem: - Como medir e avaliar a interoperabilidade? Qual modelo e orientações procedurais utilizar? Como definir níveis de maturidade? Quais dimensões levar em consideração, priorizando ações de melhoria do desempenho operacional? Quais são os impactos (financeiro, operacional, estratégico, legal e político) do não atendimento dos atributos de interoperabilidade?
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Di Mauro

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudo de minerais, rochas, óleos vegetais e petróleo com o uso de técnicas espectroscópicas
  • Os recursos terrestres, costeiros e marítimos, bem como o meio ambiente e os seres vivos, vêm sofrendo um processo acelerado de degradação em muitos lugares do planeta. O gerenciamento destes recursos precisa alcançar o desenvolvimento sustentável: conservação dos recursos naturais em benefício de suas populações. Sucessivos vazamentos e derrames de petróleo ou derivados, acidentais ou devido às operações de rotina, revelam a necessidade de se avaliar os danos reais causados ao meio ambiente, os quais afetam a qualidade da água e do solo, à fauna e flora das áreas atingidas. O presente estudo consiste em: 1) Determinar, no Estado do Paraná, as regiões com maior potencial de serem atingidas ou estarem contaminadas por resíduos de poluentes fósseis, no sentido de mapear os pontos mais adequados para efetuar a coleta de amostras para análise. 2) Identificar, utilizando métodos de análise, a presença de compostos característicos das frações de petróleo em minerais e rochas, e avaliar a toxicidade dos possíveis contaminantes para o homem e outros seres vivos que habitem este ecossistema, assim como o tempo de permanência destes no ambiente. 3) Caracterizar minerais e rochas com uso de técnicas espectroscópicas, além de óleos vegetais, uma vez que estes também podem estar contaminados por resíduos de poluentes fósseis e outros resíduos. Entre as técnicas de análise, utilizaremos a espectroscopia de Ressonância Paramagnética Eletrônica (RPE) na tentativa de identificar espécies paramagnéticas típicas da fração asfaltênica de petróleo, incluídas como contaminantes nos minerais, rochas e outros sedimentos. Outras técnicas de espectroscopia como RMN, espectroscopia infravermelho, espectroscopia UV-Vis, Raman, magnetômetria, Mössbauer e a difractometria de raios-X serão também utilizadas, uma vez que estas técnicas forneceram resultados muito esclarecedores no estudo de espécies minerais presentes no solo. Além disso, algumas destas técnicas, também podem fornecer resultados interessantes a respeito do material orgânico adsorvido nos sedimentos. As espécies paramagnéticas serão analisadas a partir dos cálculos de suas estruturas eletrônicas, o que vai nos permitir avaliar os resultados experimentais obtidos.
  • Universidade Estadual de Londrina - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Dickie de Castilhos

Ciências da Saúde

Odontologia
  • acesso ao cuidado em saúde bucal e principais necessidades de saúde dos idosos em instituições de longa permanência
  • O objetivo dessa pesquisa será analisar a ocorrência de assistência odontológica de idosos em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), o tipo de acesso, assim como caracterizar a incidência das principais alterações de saúde bucal em idosos a partir dos dados de estudo de base realizado em 2017. Trata-se de uma pesquisa longitudinal analítica de campo. A partir da listagem dos participantes de estudo de linha de base, será aplicado um questionário aos idosos (sexo, idade, escolaridade, tempo de moradia na ILPI, capacidade de realizar as atividades de vida diária, tabagismo e autopercepção da saúde bucal, GOHAI - Geriatric Oral Health Assessment Index, WHOQOL-Bref., MEEM - Mini Exame do Estado Mental, Geriatric Depression Scale - GDS) moradores das instituições de longa permanência participantes. Também será realizado um exame epidemiológico nos residentes das instituições para coletar os dados sobre as principais necessidades odontológicas (CPOD). Os dados serão digitados com o uso do programa EpiData Entry. Será realizada estatística descritiva e analítica com o uso do programa Stata 15.0.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo do Nascimento

Ciências Humanas

Educação
  • rede contestado de educação, ciência e tecnologia: a transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta.
  • A região do Contestado é o território de menor índice desenvolvimento humano do estado de Santa Catarina e de acentuadas desigualdades, devido ao seu processo histórico de formação. Por isso, é fundamental a manutenção dos espaços simbólicos no Contestado e a construção de identidades coletivas locais que compartilhem valores de pertencimento que fortaleçam a auto-organização comunal. Portanto, o objetivo deste projeto é realizar ações educativas, por meio da divulgação científica, tecnológica e cultural, que fortaleçam a identidade coletiva cabocla no Contestado. Serão realizadas exposições, oficinas, mostras audiovisual e intercâmbio entre 15 escolas da região do Contestado, com o objetivo de capacitar associações comunitárias para planejamento e desenvolvimento regional e para popularizar os conhecimentos científicos, tecnológico e culturais no Contestado. Além disso, será produzido um documentário de registro e diagnóstico sobre as crianças e a escola do Contestado. Assim, o público-alvo deste projeto são estudantes e comunidade escolar do ensino básico que estão preferencialmente em locais de maior vulnerabilidade e de menores condições de acesso, como por exemplo, distritos rurais, bairros periféricos e municípios de população muito pequena. A construção da Rede Contestado de Educação, Ciência e Tecnologia é o resultado de ações fomentadas pelo CNPq que duram os últimos 3 anos, o que já caracteriza ações em médio-prazo. Neste momento, planeja-se ampliar o alcance das atividades a longo prazo, na medida em que, com as ações propostas seja possível atingir demandas de maior necessidade da comunidade da educação básica, ao mesmo tempo que, utilizamos deste espaço para fortalecer as linhas de pesquisa e ofertar espaços para o protagonismo discente.
  • Instituto Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 05/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Eduardo Fermino Carlos

Ciências Humanas

Educação
  • engenharia genética em porta-enxertos de citros visando tolerância ao estresse hídrico
  • Vide projeto anexo
  • Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - PR - Brasil
  • 29/11/2019-30/11/2022
Foto de perfil

Eduardo Fleury Mortimer

Ciências Humanas

Educação
  • promovendo mudanças na prática de professores do ensino superior e da educação básica: multimodalidade e teoria dos códigos de legitimação
  • Este projeto tem por objetivo analisar as mudanças nas práticas pedagógicas de professores de Ensino Superior e de Educação Básica que passaram por processos de formação continuada. Para tanto, serão desenvolvidos cursos de formação continuada, baseados nos materiais que vamos desenvolver e que se apoiam em resultados de projetos anteriores. A partir dos cursos de formação continuada serão desenvolvidos planejamentos de unidades temáticas (no caso do Ensino Superior) e Sequências Didáticas Investigativas (no caso da Educação Básica), que serão aplicadas pelos professores e filmadas por nós. Após essa primeira intervenção, serão analisados os vídeos tendo por referenciais a Multimodalidade e a Teoria dos Códigos de Legitimação na sua vertente semântica. Essas análises serão compartilhadas com os professores. Após a análise, os professores repetirão as aulas em outras turmas e filmaremos novamente as aulas, de modo a permitir uma análise comparativa, que também será compartilhada com os professores. Os resultados serão disseminados via a produção de artigos, de sequências didáticas investigativas e de planejamentos de aulas de ensino superior, além do próprio site que dará suporte aos cursos de formação continuada.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Garcia Vilela

Ciências da Saúde

Medicina
  • caracterização genotípica e fenotípica de estirpes potencialmente hipervirulentas de clostridium difficile isoladas de pacientes do hospital das clínicas da ufmg
  • Clostridium difficile é atualmente o principal causador de colite pseudomembranosa em seres humanos. A infecção por C. difficile (ICD) é resultado da colonização do intestino por estirpes do microrganismo e concomitante produção das toxinas A, B e/ou binária, capazes de causar lesões no trato gastrointestinal dos hospedeiros. No início da década de 2000, houve a emergência de estirpes hipervirulentas em diversos países, responsáveis por surtos de ICD com altos índices de mortalidade. Tais estirpes possuem características genotípicas e fenotípicas particulares, que facilitam a sua disseminação no ambiente e favorecem a infecção. Geneticamente, estas estirpes possuem o gene responsável pela produção da toxina binária (cdtB), forma mutada do gene regulador negativo das toxinas A e B (tcdC), que promove maior produção destas toxinas e se relaciona a síntese de genes capazes de atribuir resistência a antimicrobianos. Fenotipicamente, as estirpes hipervirulentas produzem maior quantidade de esporos e toxinas que as estirpes endêmicas e são capazes de induzir quadro clínico mais grave em humanos e animais. Estudos epidemiológicos realizados no Brasil não foram capazes de identificar estirpes classicamente hipervirulentas, no entanto, vários novos ribotipos do patógeno foram encontrados, alguns deles apresentando o gene cdtB. Tais estudos apontam para uma epidemiologia particular da doença no país e para a possibilidade da presença de estirpes hipervirulentas diferentes daquelas descritas em outras regiões geográficas. Para confirmar tal hipótese seria essencial realizar técnicas moleculares e fenotípicas para avaliar o potencial de hipervirulência das novas estirpes encontradas. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é avaliar genotipicamente e fenotipicamente estirpes de C. difficile isoladas no Brasil quanto a características relacionadas a hipervirulência. Para tal, serão usados 120 isolados pertencentes a bacterioteca do Laboratório de Anaeróbios da UFMG, todos provenientes de pacientes do Hospital das Clínicas da UFMG com diagnóstico de ICD entre 2012 e 2018. As estirpes serão cultivadas em ambiente de anaerobiose em agar Müller-Hinton suplementado com sangue ovino e taurocolate. Uma colônia de cada isolado será submetida a extração de DNA com posterior confirmação de identidade e toxigenicidade através da técnica de PCR multiplex. As estirpes também serão submetidas para identificação dos genes cdtB e tcdC, incluindo sua forma mutada. Será realizada tipificação por Multilocus Sequencing Typing (MLST) de todos isolados, sendo selecionados para as próximas etapas do projeto aqueles pertencentes aos clados 2 e 5, os quais albergam estirpes potencialmente hipervirulentas. Será avaliada a presença de genes de resistência a antimicrobianos através de PCRs monoplex previamente padronizadas para os genes gyrA, gyrB, rpoB, ermB, catD, tetM e cfr. O perfil de resistência a antimicrobianos será obtido através do teste de concentração inibitória mínima (CIM) frente aos antimicrobianos enrofloxacina, ciprofloxacina, rifampicina, eritromicina, clindamicina, linezolida, penicilina, florfenicol, oxitetraciclina, vancomicina, metronidazol e fidaxomicina. Para avalição da produção de toxinas in vitro, as estirpes serão submetidas a crescimento em caldo BHI por 120 horas, em condições de anaerobiose. O sobrenadante do cultivo será avaliado por soroneutralização celular. A produção de esporos será avaliada através de plaqueamento do cultivo obtido em ágar AST após tratamento térmico prévio (70 ºC/ 20 min). Os títulos e as contagens obtidos serão submetidos a transformação logarítmica e analisados pelos testes de ANOVA e t de Student em um nível de significância de 95%. As estirpes potencialmente hipervirulentas serão ainda avaliadas quanto a letalidade em modelo experimental em hamsters (Mesocricetus auratus). Para tal, serão utilizados cinco animais por grupo, os quais receberão uma dose clindamicina (30 mg/kg) no momento 0 seguido de 107 esporos/mL da estirpe a ser testada ou solução salina estéril após 48 horas. Os animais serão observados por 30 dias quanto a ocorrência de diarreia e morte, sendo coletados fragmentos do cólon e ceco para avaliação histopatológica no momento do óbito ou ao fim do experimento. Para avaliação de letalidade induzida pelas estirpes, serão construídos gráficos de sobrevivência de Kaplan-Meier e as curvas serão avaliadas pelo teste de Mantel-Cox. Os resultados in vivo e in vitro serão então cruzados com o histórico clínico dos pacientes (mortalidade, recorrência e tempo de tratamento até remissão dos sinais clínicos) para determinação das estirpes potencialmente hipervirulentas.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Gonçalves

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • tipologia e papel dos agentes nas redes de invenção brasileiras
  • A literatura de redes classifica os agentes em “nós isolados”, “estrela interna”, “estrela externa" ou "gatekeepers". Com base nisso, esse projeto tem como um dos objetivos analisar cada uma dessas classificações porque há uma escassez de trabalhos que investiguem as características dos tipos de agentes nas redes de invenção brasileira. O outro objetivo da pesquisa é explorar as relações existentes entre as características dos inventores. Dessa forma, é possível destacar quais características são mais predominantes em cada tipo de agente na rede de inovação brasileira. E, consequentemente, pode-se avaliar se há características a serem mais exploradas, a fim de que um agente possa se tornar central em uma rede, i.e., um gatekeeper. Para isso, pretende-se abordar o uso de métodos de análise multivariada que permitem verificar tanto a acurácia das classificações e se estas incorrem em menores taxas de erro quanto à associação entre as respostas de variáveis características dos agentes.
  • Universidade Federal de Juiz de Fora - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Eduardo Gonçalves Rocha

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • direito à biodiversidade, à alimentação e revolução verde na américa do sul. uma análise dos riscos, dos danos e das responsabilidades nas políticas de sementes do brasil, da argentina e da bolívia
  • A pesquisa tem como propósito investigar a política de sementes do Brasil, da Argentina e da Bolívia. O desenvolvimento, o patenteamento e a apropriação privada das sementes estão no centro do atual momento da Revolução Verde. Progressivamente, o domínio do melhoramento das sementes é retirado dos camponeses, das comunidades tradicionais e dos produtores rurais e vem se concentrando em um número cada vez menor de empresas. Por exemplo, uma única empresa - Bayer/Monsanto - controla 60% do abastecimento mundial de sementes (VIDAL, 2018). No Brasil, em 2015, 80% do milho e 90% da soja plantados eram transgênicos, sendo que Bayer/Monsanto detinha mais de 60% das sementes modificadas comercializadas nacionalmente (MIOTO, 2015). O Direito cumpre um papel ambíguo e central nesse processo de concentração. Por um lado, favorece a apropriação privada. A lei brasileira de mudas e sementes, Lei nº 10.711/03, é uma expressão disso, ao estabelecer como regra, em seu art. 8º, que toda semente comercializada no Brasil deve possuir certificação. Por outro lado, a biodiversidade e a segurança alimentar são direitos fundamentais constitucionalmente e internacionalmente assegurados, que devem ser protegidos. Procura-se, assim, compreender o papel complexo que o Direito vem cumprindo em relação às sementes na América do Sul, por meio do estudo de caso de três países: Brasil, Argentina e Bolívia. A escolha da Argentina deve-se ao fato dela estar vivenciando o processo parlamentar de votação de sua lei de sementes, e a da Bolívia por possuir uma Constituição que tem no seu centro a proteção da natureza, da cultura andina e do bem-viver. Por meio do estudo desses casos será possível compreender a relação ambígua entre o Direito e as políticas de sementes na América do Sul. Indo ao coração da Revolução Verde será possível entender como ela é um fenômeno político, epistêmico e também jurídico complexo, em que há, ao mesmo tempo, resistências e subserviências. Os autores decoloniais latino-americanos serão o referencial teórico deste estudo. O problema que se coloca é: como as políticas de sementes do Brasil, da Argentina e da Bolívia tem contribuído para a garantia ou não dos Direitos à biodiversidade e alimentação adequada?
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Granado Monteiro da Silva

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estrutura/dinâmica de redes cristalinas/magnéticas/orbitais em sistemas de elétrons fortemente correlacionados
  • Efeitos coletivos notáveis na Física da Matéria Condensada, como a supercondutividade e a magnetorresistência colossal, entre outros, ocorrem em sistemas de elétrons fortemente correlacionados, em que há frequentemente um acoplamento dos graus de liberdade eletrônicos (spin, orbital e carga) entre si e com a rede cristalina. Nesses casos, não só os estados fundamentais eletrônicos e estruturais, mas também as excitações correspondentes (fônons, mágnons, órbitons, etc) podem, em princípio, também estar acoplados e ter caráter misto. Neste projeto iremos investigar estados fundamentais e excitações em tais sistemas empregando espectroscopia Raman, complementada por outras técnicas como espalhamento inelástico ressonante de raios-X (RIXS), difração e espalhamento elástico e inelástico de nêutrons, absorção de raios-X (XANES, EXAFS, XMCD, etc), difração de raios-X de alta resolução, e difração ressonante de raios-X, entre outras, explorando sempre que pertinente o acoplamento entre os diferentes graus de liberdade envolvidos. O presente projeto Universal será possivelmente complementado por um projeto regular de pesquisa a ser submetido brevemente à Fapesp. Entretanto, é importante enfatizar que, devido aos limites de valores atualmente impostos aos projetos regulares da Fapesp, em qualquer cenário o esperado aporte federal advindo desta Chamada Universal do CNPq será de fundamental importância para o bom funcionamento de nosso laboratório Raman nos próximos anos.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Guilherme Satolo

Engenharias

Engenharia de Produção
  • lean supply chain management (lscm) como ferramenta para análise e geração de ações de melhoria da cadeia produtiva leiteira na região de tupã/sp
  • A Gestão da Cadeia de Suprimentos (SCM) promove o alinhamento entre os elos da cadeia de suprimentos em tempos que a autonomia empresarial cede lugar ao trabalho colaborativo, englobando as empresas de maneira sistêmica e integrada, facilitando o fluxo de negócios e informações, ocasionando ganhos factíveis na rede de relacionamentos. O agronegócio e sua importância econômica e social para o país só podem ser melhorados com um alto nível de trabalho integrado entre os elos. No entanto, nota-se na literatura a escassez de estudos em setores do agronegócio que apresentam um alto impacto regional, como é o caso do setor leiteiro, em específico na região de Tupã/SP. Nesta região, ao menos 150 produtores sofreram o impacto da redução das atividades de uma cooperativa leiteira e a presença de um único laticínio têm trazido aos produtores a necessidade de readequação de suas relações ao longo de sua cadeia de suprimentos. Deste modo este projeto de pesquisa objetiva propor ações de melhorias para os gargalos identificados nos elos da cadeia produtiva leiteira da região de Tupã/SP sob a ótica Lean Supply Chain Management. A Lean Supply Chain Management (LSCM), é um modelo que resulta das implementações técnicas, práticas e procedimentos do Lean Production nas atividades dos elos da cadeia. A partir de uma Revisão Bibliográfica Sistemática, será definida a abordagem teórica e os pilares que compõem a LSCM. A análise da cadeia ocorrerá por meio de estudos de caso junto aos três elos principais da cadeia (produtores, laticínio e cooperativa) de modo a identificar os gargalos destas relações e elaborar proposições para a superação destes entre os elos. Os dados coletados a partir dos protocolos, visitas in loco e análise de documentos, serão analisados pela perspectiva qualitativa, baseada na análise de correspondência, e da quantitativa, para o estabelecimento das relações entre as variáveis de pesquisa. Os resultados da pesquisa contribuirão para além da divulgação científica, ao propor ações que superem os gargalos identificados, o qual serão alvo da segunda fase da pesquisa, cooperando para a melhoria de aspectos social, ambiental e econômico da cadeia e seus elos.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Henrique Diniz

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • uso de blockchain no rastreamento de emissões de gases de efeito estufa associadas a geração e consumo de energia elétrica
  • Esta pesquisa irá investigar uma solução baseada em Distributed Ledger Technologies (DLT) – que usam protocolo blockchain – para rastrear as emissões de gases de efeito estufa associadas à geração e ao consumo de energia elétrica. As tecnologias DLT, mais conhecidas pela aplicação em criptomoedas (como o Bitcoin), têm sido sugeridas pela UNFCCC (United Nations Framework-Convention on Climate Change) como de grande facilitador para a viabilização de soluções de rastreamento de carbono. Em essência, será desenvolvido conceitualmente um sistema que viabilize técnica e economicamente a identificação de cada MWh (megawatt-hora) consumido por uma organização, de acordo com a quantidade de Gases Efeito Estufa (GEE) emitidos para sua geração. Com isso, agregam-se novas informações relacionada a este atributo ambiental da energia elétrica transacionada, permitindo com que a empresa consumidora possa escolher pela fonte com maior ou menor carbono associado com agilidade, segurança e baixo custo. Este mecanismo pode impulsionar, futuramente, o desenvolvimento de um mercado real de comercialização de energia elétrica num ambiente de economia de baixo carbono. A preocupação com o meio ambiente tem pressionado as empresas a se preocuparem com o gerenciamento de suas emissões de GEE. Na ausência de um sistema de rastreamento de emissões de GEE, torna-se mais difícil e custosa para as organizações gerenciar tais informações e, consequentemente, optar por alternativas menos impactantes ao ambiente. Tal dinamização, do ponto de vista da demanda, é importante também para incentivo à produção de energias mais limpas, segmento em que o Brasil possui grande vocação e ainda muito potencial a ser explorado – principalmente no campo da energia eólica e solar. Este é um desafio crítico num momento em que ainda há pouco conhecimento empírico sobre como concretizar aplicações baseadas em DLT, tanto no Brasil quanto no mundo, em especial frente às peculiaridades dos diferentes contextos institucionais e setores técnico-econômicos. Esta situação abre uma janela de oportunidade para que nosso país se posicione na vanguarda da adoção de uma tecnologia potencialmente transformadora, em um momento no qual não há lideranças estabelecidas globalmente. Por meio deste projeto espera-se obter o domínio de tais tecnologias, gerando aprendizados úteis para a expansão de aplicações análogas em outras áreas, ampliando o potencial de atuação da Brasil nesse campo. O sistema conceitual a ser desenvolvido neste projeto de pesquisa e o conjunto de orientações teóricas e práticas a ser produzido sobre a aplicabilidade das tecnologias DLT, contribuirão para ampliar seu uso, em benefício do mercado nacional, além de gerar conhecimentos para futura aplicação em outros campos.
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022