Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Wilson Francisco Britto Wasielesky Junior

Ciências Agrárias

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
  • manejo do processo de nitrificação do cultivo superintensivo de camarões em sistemas de bioflocos (bft – biofloc technology culture system)
  • O sistema de bioflocos (BFT) surgiu como um sistema de cultivo biosseguro e que pode aumentar as produtividades, com diminuição no uso de água, baixas renovações e menor emissão de efluentes para ambiente. Neste sistema de cultivo se trabalha com elevadas densidades de estocagem. Isso se deve basicamente a assimilação dos compostos nitrogenados (amônia, nitrito e nitrato) pela biomassa microbiana formada dentro do ambiente de cultivo, o que também serve como fonte suplementar de alimento, dependendo da habilidade da espécie cultivada em aproveitar a produtividade natural do sistema, como é o caso do camarão branco do Pacífico Litopenaeus vannamei. Apesar das vantagens citadas acima, a elevação das densidades de estocagem podem causar acúmulo de compostos tóxicos como os nitrogenados durante o período de cultivo, principalmente devido à excreção dos organismos cultivados, assim como em função da decomposição da matéria orgânica, proveniente das fezes e dos restos de ração. Como o sistema BFT é realizado com baixas ou nenhuma renovação de água, existe uma tendência de aumento das concentrações dos nitrogenados, e que dependendo do balanço entre os processos de acúmulo e assimilação pelas bactérias (heterotróficas e quimioautotróficas), estes compostos podem alcançar níveis tóxicos ou letais para os organismos cultivados, podendo causar mortalidades e inviabilizar a produção neste tipo de sistema. Sendo assim, é fundamental o conhecimento e aperfeiçoamento de técnicas de manejo que aprimorem os processos de nitrificação durante o cultivo de L. vannamei em sistema de bioflocos (BFT) para evitar problemas nos cultivos. O presente projeto tem como objetivo geral analisar e desenvolver técnicas aplicadas à redução das concentrações dos produtos nitrogenados no cultivo de L. vannamei em sistema de bioflocos, além de analisar comparativamente qual dessas técnicas é mais eficiente na manutenção destes compostos abaixo dos níveis que afetem o desempenho zootécnico dos camarões. Para isto serão realizados cinco experimentos (subprojetos) com L. vannamei em sistema de bioflocos para (1) detectar o efeito da relação C:N (carbono:nitrogênio) na composição bacteriana heterotrófica e nitrificante e no processo de remoção do nitrogênio; (2) avaliar o uso de “bioballs” e reuso de água no processo de nitrificação e composição bacteriana; (3) avaliar o uso simultâneo de substratos artificiais, reuso de água de ciclo anterior e pré-fertilização com sais; (4) analisar o efeito da adição de cloreto de amônio e nitrito de sódio no processo de nitrificação do cultivo de L. vannamei em sistema de bioflocos; e (5) realizar teste piloto em escala comercial utilizando metodologias baseadas nos melhores resultados obtidos nos subprojetos 1, 2, 3 e 4, no cultivo do camarão branco do Pacífico L. vannamei em sistema de bioflocos. Espere-se que resultados deste projeto devem contribuir para definição de variáveis fundamentais para o cultivo de L. vannamei em sistema BFT, principalmente no que se refere aos processos de nitrificação.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022