Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

José Martim Costa Junior

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • síntese de biodiesel utilizando microrreatores com recuperação de calor rejeitado
  • 1.1 MOTIVAÇÃO E OBJETIVOS A crescente preocupação com meio ambiente, principalmente no que diz respeito as mudanças climáticas e a emissão de gases nocivos a camada de ozônio, motivam o estudo e desenvolvimento de energias limpas e renováveis. Um dos responsáveis pelo aumento da poluição ambiental é o uso descontrolado do combustível fóssil. Além disso, existe uma preocupação com escassez das reservas de petróleo, bem como com o alto custo desse produto. Uma alternativa ao uso desses combustíveis não renováveis é o uso de fonte alternativas de combustíveis como, por exemplo, o biodiesel. O biodiesel é comumente produzido em reatores à batelada, entretanto, a reação de transesterificação nesses reatores utiliza tempos de residência elevados (de uma hora a várias horas) e altas temperaturas. Uma outra maneira de melhorar a eficiência da produção de biodiesel é através do desenvolvimento de microrreatores, que são reatores compostos por microcanais. Esses microrreatores alcançam rápidas taxas de reação por apresentarem uma razão área superficial/volume elevada, que melhora a transferência de calor e massa, e uma curta distância de difusão. No presente trabalho propõe-se o estudo teórico e experimental da síntese de biodiesel em microrreatores de processo continuo. A análise teórica dos mecanismos de reação envolvidos na síntese de biodiesel em microrreatores será realizada por meio de modelos matemáticos, que é fundamental para uma melhor compreensão e consequente determinação de parâmetros adequados para projeto, além de possibilitar a obtenção prévia das condições adequadas para otimizar a produção de biodiesel e consequentemente maximizar a eficiência de produção. A análise experimental será realizada em um dispositivo contendo múltiplos microrreatores e microtrocadores de calor utilizando, para aquecimento da reação, calor rejeitado de um algum processo secundário onde a rejeição de calor é elevada. O presente trabalho está inserido em um contexto regional, apresentando para a sustentabilidade, ao considerar o aproveitamento da biomassa na produção de combustível e utilizando calor rejeitado de processos e/ou fontes de energia renováveis (solar) 1.2 METAS O estudo da produção de biodiesel em microrreatores tem se mostrado bastante promissor na busca por tecnologias para produção eficiente de biocombustíveis. Desta forma, a análise dos mecanismos de reação envolvidos na síntese de biodiesel em microrreatores passou a requerer um grande esforço para a obtenção de resultados experimentais e para o desenvolvimento de modelos físicos e métodos matemáticos adequados. Dessa forma, no presente projeto terão como metas. i) Estudo de modelos matemáticos de transferência de massa não linear aplicados a síntese de biodiesel em microrreatores de modo a permitir uma análise teórica com custos computacionais reduzidos; ii) Análise experimental de microrreatores acoplados a microtrocadores de calor de modo a permitir a utilização de calor rejeitado em um processo secundário para o aumento da temperatura de reação e consequentemente aumento nas taxas de conversão do triglicerídeo em biodiesel; iii) Proposição do uso de dados experimentais reais para a estimativa das constantes cinéticas da presente reação de transesterificação, usando para isso a inferência bayesiana através do Método de Monte Carlos via Cadeia de Markov, adicionando o erro de modelos. Além disso, o Cálculo Bayesiano Aproximado (ABC) será utilizado para selecionar dentre os modelos concorrentes aquele que melhor explica os dados relacionados a síntese de biodiesel. 1.3 IMPACTOS SÓCIOECONÔMICOS ESPERADOS A realização do presente projeto disponibilizará no IFSertão-PE uma estrutura para produzir experimentalmente biodiesel na microescala. Com a operação desse experimento, conseguiremos alcançar as metas descritas acima de cunho científico e fundamental, além de disso o projeto possui um marcante contexto regional e forte apelo em sustentabilidade, ao considerar o aproveitamento da biomassa na produção de combustível e empregando calor rejeitado de processos e/ou fontes de energia renováveis (solar)
  • Instituto Federal do Sertão Pernambucano - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Maurício da Cunha

Outra

Ciências Ambientais
  • aporte e decomposição da serapilheira e produção de biomassa radicular em campo limpo, campo sujo, cerrado, cerradão e floresta no sul do amazonas
  • O Bioma Amazônico é caracterizado por ser uma região bastante extensa, apresentando elevada diversidade geológicas, geomorfológicas, edáficas, climáticas e de vegetação. Contudo, a composição e as características funcionais de espécies vegetais apresentam grandes efeitos na dinâmica dos ecossistemas florestais. Assim, com o intuito de obter maior conhecimento da dinâmica dos nutrientes em áreas de recuperação florestal e manutenção da produtividade em sítios degradados, propomos como esse estudo avaliar a deposição e decomposição da serapilheira e a produção de biomassa radicular em áreas de campo limpo, campo sujo, cerrado, cerradão e floresta, localizadas na região Sul do Amazonas, afim de obter informações relevantes para melhor compreender os funcionamentos desses ecossistemas. Para interceptação da serapilheira serão instaladas em cada ambiente dez coletores cônicos. As coletas serão realizadas mensalmente no período de março de 2019 a fevereiro de 2020. Após cada coleta, será feita a triagem das frações folhas, ramos, material reprodutivo (flores e frutos) e outros e em seguida as amostras serão secas em estufa de circulação de ar forçada a 65 °C, até obter massa constante. A avaliação da biomassa radicular em dois períodos (chuvoso e seco), amostrando-se pelo método do monólito, em 0-10, 10-20 e 20-30 cm, com dez repetições por profundidade. O conjunto de dados obtidos da análise de cada um dos parâmetros será inicialmente testado quanto à normalidade da distribuição dos erros (teste de Lillifors) e homogeneidade de suas variâncias (testes de Cochran e Bartlett), para verificar os requisitos mínimos para o emprego da análise de variância (ANOVA) e estatística paramétrica.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Messias Bastos

Ciências Humanas

Geografia
  • sistema portuário brasileiro: desenvolvimento, entraves logisticos e modernizações pontuais
  • Os portos são fenômenos eminentemente geográficos com a particularidade de serem complexos, e assim foram vistos por P. Monbeig (1908-1987) nos anos 1940-1950. Entretanto, após este rico período, tal temática praticamente desaparece dos estudos da geografia brasileira. Atualmente os portos são responsáveis pela movimentação de 95% dos manufaturados produzidos no mundo e no Brasil participa com mais de 90% no transporte do seu comércio exterior demonstrando assim a importância de analisar este modal no território nacional. Neste sentido é indispensável estudar a revolução tecnológica que vem sofrendo os meios de transporte no mundo atual a começar pela intermodalidade consagrada pelo uso cada vez maior dos contêineres. Na verdade, tal inovação constitui-se um dos tentáculos da terceira revolução industrial em andamento ao exigir tanto, o grande salto no tamanho das embarcações e no comprimento e a profundidades dos cais para atracagem nos portos, como também exige a renovação dos equipamentos e maquinários dos navios e dos terminais portuários que foram tecnicamente projetados para realizar com rapidez e eficiência a movimentação de volume sem precedente no embarque e desembarque de cargas. No Brasil, os portos sempre desempenharam papel estratégico pelo caráter agroexportador de sua economia periférica e, assim, deu origem a inúmeros centros urbanos portuários distribuídos ao longo de sua extensa costa atlântica. Via de regra, cidades-porto-empório localizadas na foz dos principais rios, lagunas e baias. A partir da Revolução de 30 o pacto de poder nacional-desenvolvimentista instrumentalizou o Estado brasileiro a não só coordenar e participar ativamente do processo de substituição industrial de importações, como também integrar as várias grandes regiões do território nacional via transporte rodoviário. A escolha do modal rodoviário justificava-se pela sua flexibilidade e pelos baixos custos iniciais de sua implantação, uma vez que o caminhão, rebelde ao planejamento, fazia seu caminho ao caminhar. Os crescentes investimentos estatais e privados no modal rodoviário praticamente aniquilou com o transporte hidroviário de cabotagem e, por sua vez as cidades portuárias em grande parte perderam dinamismo e permaneceram estagnadas até data recente. Os acontecimentos ocorrido nos anos 80 tornaram-se verdadeiros divisores de água na trajetória do transporte de carga no Brasil dominado pelo modal rodoviário. Primeiro pela chamada “crise do petróleo” ao encarecer o preço dos combustíveis fósseis internacionalmente, segundo pela considerável robustez alcançada pela estrutura produtiva industrial, agrícola e extrativista de milhões de toneladas e por último pelo vertiginoso crescimento mercado consumidor urbano doméstico, um dos maiores do mundo hoje. Acrescenta-se ainda que a contrarrevolução neoliberal dos anos 90 com as políticas de sobrevalorização cambial do Real, com taxas de juros das mais elevadas do mundo e abertura comercial unilateral das importações de produtos industrializados contribuiu, assim, para o agravamento das infraestruturas de transporte nacionais que começaram a ser enfrentadas de forma incipiente nos anos 2000 com as novas parecerias público-privado. Assim, com base no método histórico-geográfico, constata-se a necessidade de maciços investimentos nos setores sub capitalizados da economia nacional que aliás requerem a emergência de um novo pacto de poder alicerçado estrategicamente num projeto nacional de desenvolvimento, unindo esforços do poder público e setor privado nacional, para superar as referidas adversidades da infraestrutura de transportes. Logo, urge a retomada do debate e das pesquisas para subsidiar a nação sobre as potencialidades técnicas, humanas e naturais diante do decano estrangulamento social e econômico vivido pela nação.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Miguel Reichert

Ciências Agrárias

Agronomia
  • estrutura e funcionalidade de solos mal e bem drenados, em sistemas de producão com grãos, pastagem e floresta
  • Sistemas de produção, independentemente da sua natureza, tem sua produtividade e sustentabilidade dependentes das condições ambientais e de manejo adotado. Os objetivos gerais do projeto são: (i) Compreender o comportamento mecânico do solo e o efeito de tensões normais e cisalhantes na permeabilidade e espaço poroso de diferentes classes de solo do Planalto do Rio Grande do Sul, mediante utilização de ensaios de cisalhamento, compressibilidade, condutividade hidráulica, permeabilidade do solo ao ar e testes de varredura da amplitude. (ii) Investigar o efeito da diversificação da produção, bem como a adoção de sistemas integrados de produção agropecuária, nas propriedades estruturais e funcionais do solo em ambiente de terras baixas, e (iii) Avaliar o efeito de 7 sistemas de preparo do solo, que envolvem técnicas de subsolagem e de coveamento, sobre o crescimento e a produtividade do Eucalyptus saligna e sobre a dinâmica das propriedades estruturais e funcionais de Argissolos, Neossolos, Cambissolos e Planossolos. O projeto engloba três estudos que são conduzidos em regiões fisiográficas diferentes do Estado do Rio Grande do Sul. O estudo 1 apresenta três diferentes classes de solos sob usos diferentes, e que possuem características que permitem estudar as propriedades funcionais (permeabilidade do solo ao ar e água) e o comportamento mecânico do solo avaliados na micro (reometria) e mesoescala (compressibilidade e cisalhamento). O objetivo do estudo é compreender o comportamento mecânico do solo e o efeito de tensões normais e cisalhantes na permeabilidade e espaço poroso de diferentes classes de solo do Planalto do Rio Grande do Sul. O estudo 2 é conduzido em Planossolo Háplico eutrófico típico, com com quatro sistemas de manejo do solo: Sistema 1 consiste do cultivo de arroz, com pousio invernal, seguido do cultivo de arroz, preparo convencional do solo. Os sistemas 2, 3 e 4 são utilizados sob sistema plantio direto e com pastejo animal no inverno. O Sistema 2 é cultivado com arroz, com azevém (Lolium multiflorum) no inverno, com posterior cultivo de arroz no verão. O sistema 3 tem as sequência de cultivos arroz - azevém - soja (Glycine max) - azevém - arroz. O sistema 4 tem azevém + trevo branco (Trifolium repens) - capim sudão (Sorghum sudanense) – azevém + trevo branco – soja – azevém + trevo branco – milho (Zea mays) – azevém + trevo branco – arroz. O Sistema 5 têm a seuencia de cultivos: azevém + trevo branco + cornichão (Lotus corniculatus L.) – campo de sucessão - azevém + trevo branco + cornichão – campo de sucessão - azevém + trevo branco + cornichão – campo de sucessão azevém + trevo branco + cornichão – campo de sucessão – arroz. Nesse estudo serão estudadas as propriedades funcionais do solo e o crescimento radicular das espécies presentes no momento da coleta das amostras. O estudo 3 contempla quatro classes de solos, já classificados como Planossolo Háplico Eutrófico gleissólico (SXe,), Nitossolo Vermelho Distrófico típico (NVd), Neossolo Regolítico Eutroúmbrico típico (RReh) e Cambissolo Distrófico Húmico Distrófico, todos localizados em áreas de floresta comercial de eucalipto, cultivados em ciclos de corte de curta rotação. Em cada uma das três primeiras classes de solos foram implantados sistemas distintos de preparo do solo definidos como subsolagem a 50 cm de profundidade mais enxada rotativa (S50), subsolagem a 70 cm de profundidade mais enxada rotativa (S70) e subsolagem a 50 cm de profundidade mais camalhão (S50C), enquanto na área restante, com Cambissolo, implementou-se os sistemas de subsolagem convencional (SC), subsolagem em nível (SN), subsolagem com subsolador, mais camalhão (SS) e coveamento mecânico com (CR). O estudo tem por objetivo avaliar o efeito dos sistemas de preparo do solo sobre a produtividade da floresta e sobre a dinâmica das propriedades estruturais e funcionais do solo, dentro e entre as distintas classes de solos avaliadas.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Jose Nazareno Vieira Gomes

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • consolidação da pesquisa em geometria diferencial no amazonas
  • Dois objetivos do Programa de Doutorado em Matemática em Associação Ampla entre a Universidade Federal do Pará e a Universidade Federal do Amazonas, e do Programa de Pós-Graduação em Matemática da UFAM, são: trabalhar em pesquisas científicas contemporâneas e capacitar recursos humanos para o avanço da Matemática e Indústria brasileiras. Do ponto de vista regional, essas atividades são de suma importância, não apenas devido ao tamanho do estado do Amazonas, mas também, pelo fato que, existe uma próspera indústria de engenharia em Manaus. Sem dúvida, Manaus é um centro líder na região Norte do Brasil que exige os desenvolvimentos acima mencionados. A contribuição do grupo de "Geometria Diferencial no Amazonas" representa uma parte muito significativa desse processo. Até o momento, já formamos 12 doutores em Geometria Diferencial e o número de mestres formados já atingiu a marca de 114, sendo a maioria deles também em Geometria Diferencial. Isso tem sido feito através de novas nomeações acadêmicas e intercâmbio científico, aliado aos ciclos de palestras em tópicos relevantes na pesquisa científica atual. Evidentemente, nosso grupo de pesquisa já está ganhando um bom ímpeto, sendo este último justificado tanto pelo aumento quantitativo quanto pelo qualitativo dos nossos resultados. Ressaltamos a necessidade de que nossa pesquisa seja feita com discussões científicas não apenas entre os professores vinculados aos nossos programas de pós-graduação, mas também, com a colaboração de pesquisadores externos à UFAM.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Jose Neuman de Souza

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • cuida: confiabilidade e segurança na coleta, armazenamento e análise de dados médicos em ambientes computacionais
  • A sociedade mundial passa por uma transformação expressiva na forma de realizar suas atividades mais simples do cotidiano, tais como os cuidados com a saúde. A tecnologia, como um facilitador do acesso à saúde para todos os cidadãos e suas aplicações em gestão pública, colabora com a democratização da saúde. A Internet das Coisas (IoT), a Internet de Todas as Coisas (IoE) e as diferentes tecnologias de comunicação sem fio e móveis desempenham um papel fundamental nessa transformação através dos dispositivos vestíveis e embarcados para monitoramento contínuo de sinais vitais e das diferentes redes de comunicação sem fio. Diferente da concepção inicial da Internet, que despreza a importância da grande escala/volume de dados, dos processos envolvidos e das relações interpessoais, a nova era de redes de acesso e da Internet precisa garantir a confiabilidade dos serviços, a segurança e a privacidade dos dados coletados diante da importância e criticidade que estes representam. Nesse contexto, esta proposta de projeto visa contribuir através da instrumentação de um sistema completo para prover segurança, confiabilidade e eficiência na coleta de dados relacionados à saúde das pessoas (dados médicos), na transmissão desses dados coletados através de dois tipos de redes de acesso, uma fixa (rede local sem fio – WLAN) e uma móvel (rede veicular – VANET), no tratamento, análise e fusão dos dados na névoa (fog computing) e no armazenamento seguro e análise dos dados na nuvem. Especificamente, o projeto CUIDA conta com quatro linhas de pesquisa principais: (i) sensores vestíveis e sistemas embarcados; (ii) transmissão segura de dados e redes de acesso; (iii) tratamento e análise dos dados na névoa; e (iv) armazenamento seguro dos dados na nuvem através de blockchain. O projeto visa contribuir significativamente, através da pesquisa, extensão e inovação, com o desenvolvimento e o uso seguro e robusto dos serviços de saúde môvel (e-health) no Brasil, e a formação de recursos humanos nesse tema. Além disso, o projeto busca promover a integração entre grupos de pesquisa de diferentes regiões do Brasil e com conhecimentos complementares, e gerar impactos positivos em direção à melhoria, eficiência e a redução de custos nos serviços de saúde pública do país.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Nilson França de Holanda

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • processamento e caracterização de cerâmicas de niobato de cálcio usando resíduos sólidos como fontes de carbonato de cálcio sustentáveis
  • O setor produtivo nacional gera enormes quantidades resíduos sólidos poluentes, incluindo resíduo de lama de cal (indústria de celulose), resíduo de pó de mármore (indústria de rochas ornamentais) e resíduo de conchas marinhas (indústria extrativa da maricultura). Tais resíduos sólidos geralmente apresentam dificuldades técnicas e econômicas para disposição final de forma ambientalmente correta. Isto tem levado a uma crescente preocupação das empresas com a gestão dos resíduos sólidos produzidos. A busca de novas alternativas tecnológicas para valorização destes resíduos sólidos pode trazer benefícios ambientais e econômicos à sociedade. Uma metodologia já consolidada no mundo todo para valorização de resíduos sólidos é o reuso deles como matérias-primas alternativas de baixo custo no processamento de materiais cerâmicos. Neste contexto, o presente projeto de pesquisa tem como objetivo principal o processamento e caracterização de novas cerâmicas dielétricas de niobato de cálcio usando resíduos sólidos poluentes (resíduo de lama de cal, resíduo de pó de mármore e resíduo de conchas marinhas) gerados no setor produtivo nacional como fontes de carbonato de cálcio alternativa e sustentável via método de reação de estado sólido. É importante destacar que as cerâmicas dielétricas de niobato de cálcio apresentam excelentes propriedades elétricas, dielétricas e térmicas e um enorme potencial de aplicação na região de micro-ondas, principalmente em comunicação sem fio, eletrônica flexível e eletrônica impressa. Portanto, o projeto de pesquisa no tema proposto é de alta relevância científica, tecnológica e ambiental. O projeto também contribuirá para a formação de recursos humanos qualificados de pós-graduação e graduação.
  • Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Jose Osmar Medina de Abreu Pestana

Ciências da Saúde

Medicina
  • teste quantiferon-tb gold plus (qtf-plus) para diagnóstico de infecção latente por tuberculose em receptores de transplante renal com doador vivo
  • A tuberculose (TB) representa um problema de saúde de importância global. O Brasil é um dos 22 países priorizados pela OMS, para o controle da TB. A incidência de TB entre receptores de transplante renal é de 1,2% a 6,4% e pode chegar a 15% em países de alta endemicidade. A incidência desta doença é 20 a 74 vezes maior que na população geral e é proporcional à incidência de TB nesses países. No Hospital do Rim a incidência cumulativa de tuberculose de 1,32% ao longo de 16 anos de acompanhamento. A mortalidade geral desta coorte foi de 25%, com uma mortalidade atribuída à tuberculose de 19%. Até recentemente, o teste cutâneo tuberculínico (TST) era o único método capaz de avaliar a infecção latente por tuberculose. Os IGRAs são os testes diagnósticos mais recentes utilizados para identificar indivíduos com infecção latente por tuberculose (ILTB). Os testes IGRA são um reflexo da resposta imune das células T CD4 + e/ou T CD8 após exposição a um antígeno com a vantagem em comparação com o TST de maior especificidade. Não há dados na literatura sobre a comparação entre o QTF-Plus e o teste cutâneo, para o diagnóstico de ILTB, em uma população de receptores de transplante renal em um país com incidência moderada de tuberculose. O objetivo primário desse estudo é comparar o teste Quantiferon-TB Gold Plus com o teste tuberculínico na identificação de pacientes com ILTB antes do transplante renal. Esse é um estudo aberto, prospectivo, de centro único, com tempo de seguimento de três anos. A população estudada será constituida por 320 receptores de transplante renal com doadores vivos, avaliados consecutivamente. Além dos testes diagnósticos realziados antes do transplante renal, todos os pacientes serão avaliados clinciamente quanto aos fatores de risco para tuberculose latente. Aqueles com confirmação quanto de risco para tuberculose receberão 300 mg de isoniazida por dia durante seis meses. Todos os pacientes incluídos no estudo serão acompanhados por 36 meses.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Otávio Carréra Silva Júnior

Ciências da Saúde

Farmácia
  • desenvolvimento de um fitoterápico inovador a base de momordica charantia l. para uso tópico no tratamento de dermatites e escabiose
  • Nas últimas duas décadas a Fitoterapia vem se estabelecendo no Brasil como Prática Integrativa e Complementar ensejando o estabelecimento de políticas e seus instrumentos de regulação e de aplicação, como o Formulário de Fitoterápicos em 2011, e o Memento Fitoterápico, em 2016, que dão suporte para a manipulação e a prescrição, conferindo efetividade e segurança a medicamentos e produtos tradicionais fitoterápicos. A Escabiose tem ocorrência universal, pode ou não estar vinculada a hábitos de higiene e geralmente, ocorre sob a forma de surtos em comunidades fechadas ou em grupos familiares. A doença pode ser tratada com Ivermectina, Permetrina ou Enxofre, esta terapia pode apresentar problemas de segurança e baixa efetividade, o que abre a perspectiva de se inovar no tratamento desta parasitose aproveitando a prática popular de uso do melão de São Caetano. A proposta apresentada se baseia nas monografias sobre Momordica charantia L. (Curcubitaceae) publicadas pela Organização Mundial de Saúde-OMS e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária-ANVISA e no fato de a espécie ser utilizada na fitoterapia popular das Américas Central e do Sul para tratar escabiose e dermatites, visando aproveitar este uso na atenção básica em saúde no Brasil. Neste projeto, se propõe incorporar o extrato seco obtido a partir das partes aéreas, nano ou microencapsulado, numa base farmacêutica e assim, melhorar a aplicação do produto e a disponibilidade das substâncias ativas. O grupo proponente dispõe de habilidades e competências para desenvolver as etapas previstas para o desenvolvimento do fitoterápico e os laboratórios possuem equipamentos adequados e prontos para realizar os experimentos necessários. No caso de etapas que envolvam a avaliação biológica do material vegetal, intermediários e produtos finais, o grupo tem uma rede de colaboração que pode realizar os experimentos necessários.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 01/01/2019-31/12/2021
Foto de perfil

José Rafael Bordin

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • difusão e estruturação em sistemas nano e micrométricos: uma abordagem computacional
  • Os fenômenos de difusão e estruturação em sistemas complexos estão intimamente conectados. Principalmente na escala nanométrica, a estrutura assumida pelo fluido possui um papel fundamental nas propriedades difusivas. Compreender a nanofluídica e estas relações ainda é um desafio em aberto, pois o comportamento de fluidos nanoconfinados e em interfaces difere do esperado e observado no bulk. Das inúmeras aplicações tecnológicas decorrentes deste maior entendimento, pode-se ressaltar a captura e estocagem de gases poluentes, filtros altamente seletivos e dessanilização e purificação da água. Igualmente, o entendimento da agregação e cristalização de partículas nanométricas para a formação de macroestruturas é essencial para novas tecnologias. As estruturas obtidas a partir deste Lego Molecular possuem aplicações em várias áreas da medicina, engenharia e indústria, e o controle da montagem é um desafio que se impõe. Ainda, a difusão e agregação em meios complexos é essencial para entendermos processos a nível celular em sistemas biológicos, como o movimento das organelas e macromoléculas dentro e fora das células, ou mesmo a difusão de células cancerígenas no meio extra-celular. Desta forma, este projeto busca compreender processos a nível nanométrico e micrométrico que envolvam uma relação direta entre a estrutura do sistema complexo e suas propriedades dinâmicas. Para tal, iremos utilizar uma abordagem baseada em modelagem molecular e um contato direto com experimentais, buscando não somente a compreensão dos processos básicos mas também propôr aplicações tecnológicas baseadas em nossos resultados.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Raimundo de Araújo Carvalho Júnior

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • um piloto-rct (random control trial) para avaliar o impacto da “conscientização de gênero” e “treinamento profissional” no poder de barganha das mulheres e na violência entre parceiros íntimos
  • Globalmente, 30% das mulheres sofreram violência física ou sexual (Devries et al., 2013). A violência contra as mulheres pode ter consequências severas para as mulheres, para seus filhos e para a sociedade. Muitas vezes esse tipo de violência causa sequelas, algumas das quais são fatais. O trauma físico e psicológico pode levar a problemas de saúde mental e controle sexual e reprodutivo limitado sobre escolhas sexuais, reprodutivas, pessoais, familiares e de mercado de trabalho. Diversos estudos documentam impactos intergeracionais adversos da violência do parceiro na sobrevivência, saúde e educação de crianças de mulheres vitimizadas. O custo estimado da violência doméstica (DV) em todo o mundo é de 4,3 bilhões de dólares (Fearon & Hoeffler, 2014). Embora o Brasil tenha uma das maiores prevalências de violência doméstica no mundo (tem a 5ª maior taxa de VD do mundo), parece não haver avaliação metodológica rigorosa de programas para ajudar a diminuir esse tipo de violência no país. Nosso projeto avaliará o desenho e o resultado de um RCT (Randomized Control Trial) piloto para entender o impacto causal de programas específicos de educação e de relações de gênero na VD dentro de um experimento aleatório randomizado de dois braços com o objetivo de identificar políticas que possam ser adotadas em uma escala maior, ou seja, subnacional ou nacional. Embora nosso esforço atual se proponha a implementar e analisar um RCT piloto, esta é uma etapa metodológica necessária para oferecer “insights” e sustentar cientificamente um RCT mais complexo e maior, em um futuro próximo. Nosso piloto avaliará dois programas: 1) Um programa de treinamento voltado para o emprego de mulheres, projetado para aumentar sua empregabilidade e, assim, aumentar seu poder de barganha e bem-estar dentro do lar; e 2) Um programa de conscientização de gênero direcionado às mulheres, estruturado para mudar as normas sociais relacionadas à aceitabilidade da VD. Para isso, utilizamos como base empírica a PCSVDFMulher (Pesquisa de Condições Socioeconômicas e de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher). O Prof. José Raimundo Carvalho (PI, Brasil) já desenhou e realizou esse levantamento de VD no Brasil, com uma amostra de mais de 10 mil mulheres entrevistadas em duas ondas (longitudinais) para os anos de 2016 e 2017, algo que nos coloca em um ponto de partida empírico privilegiado. Essa base de dados fornece informações sobre características demográficas, condições socioeconômicas e ocorrência de violência doméstica para uma grande e representativa amostra de mulheres. O Prof. Carvalho irá colaborar com o Dr. Joseph Vecci (Universidade de Gotemburgo, Suécia), Prof. Sonia Bhalotra (PI, Universidade de Essex, Reino Unido), Prof. Pietro Biroli (Universidade de Zurique, Suíça), Doutor Victor Hugo Oliveira (Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará, Brasil) e representantes do Instituto Maria da Penha (IMP, Brasil) para implementar intervenções randomizadas nesta amostra de mulheres.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Raniere Ferreira de Santana

Ciências Agrárias

Agronomia
  • micropropagação e conservação in vitro de duas bromélias endêmicas da chapada diamantina– ba: aspectos fisiológicos, anatômicos e moleculares
  • Neoregelia mucugensis Leme e Orthophytum mucugense Wand. e Conceição são bromélias endêmicas da Chapada Diamantina-Ba, que apresentam grande potencial ornamental e estão vulneráveis a extinção devido ao extrativismo predatório e à sua ocorrência restrita. O objetivo deste trabalho é estudar a propagação in vitro de ambas as espécies pelos métodos de organogênese e embriogênese somática, avaliando seus aspectos fisiológicos, anatômicos, a estabilidade genética das plantas produzidas in vitro; e avaliar a eficiência do crescimento mínimo como estratégia para a conservação ex situ das duas espécies. Para tanto, nos experimentos de multiplicação in vitro explantes foliares, caulinares e radiculares serão submetidos a diversos tratamentos contendo diferentes concentrações de reguladores vegetais, auxinas e/ou citocininas, afim de induzir a formação de calos, embriões somáticos e brotos. A regeneração será acompanhada por análise histológica e as microplantas obtidas serão enraizadas e aclimatizadas. Para avaliar a fidelidade genética das plantas produzidas in vitro serão realizados estudos com marcadores moleculares. Na conservação in vitro serão utilizados agentes osmóticos e trimestralmente serão feitas análises do teor de clorofila e da capacidade regenerativa das plantas conservadas até 18 meses. Espera-se com este estudo contribuir para o uso sustentável e conservação destes importantes recursos genéticos.
  • Universidade Estadual de Feira de Santana - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Realino de Paula

Ciências da Saúde

Farmácia
  • desenvolvimento de extrato seco padronizado com aplicação ansiolítica a partir de hydrocotyle umbellata l. (araliaceae)
  • A espécie Hydrocotyle umbellata L. é uma planta nativa do continente Americano e encontrada em todo o território brasileiro com grande de potencial de cultivo, manejo e domesticação. Na medicina indiana é indicada nos casos de ansiedade, estresse, insônia, dificuldade de memorização e concentração. A projeção da espécie H. umbellata para o desenvolvimento de produtos com aplicação como ansiolíticos é fundamentada em estudos científicos promissores do presente grupo de pesquisa na Universidade Federal de Goiás. Os estudos iniciais permitiram a caracterização farmacognóstica da espécie, a avaliação dos efeitos ansiolítico, analgésico e anti-inflamatório do extrato das partes subterrâneas, a atribuição destas atividades ao composto hibalactona e o desenvolvimento de método analítico para quantificação do composto ativo hibalactona na espécie. Portanto, o objetivo do trabalho consiste em desenvolver um extrato seco padronizado com aplicação ansiolítica a partir de H. umbellata. Para isso o projeto consistirá nas seguintes etapas: cultivo de H. umbellata, obtenção do material vegetal, droga vegetal, extrato líquido, extrato seco e realização do controle de qualidade; co-validação de método analítico para quantificação da hibalactona na droga vegetal e nos extratos obtidos; avaliação das alterações comportamentais induzidas pelo tratamento com o extrato seco buscando caracterizar efeitos ansiolíticos, através de métodos farmacológicos; avaliação dos possíveis mecanismos de ação envolvidos nas atividades farmacológicas observadas, com o uso de antagonistas específicos de receptores e de vias neuroquímicas envolvidas. Portanto, com a realização deste projeto, pretende-se desenvolver um extrato padronizado que possa ser utilizado na preparação de um fitoterápico de H. umbellata como nova opção terapêutica para o tratamento da ansiedade.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Reck Júnior

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • investigação metagenômica de patógenos emergentes e avaliação da resistência aos anti-parasitários em espécies de carrapatos de importância em saúde pública
  • No mundo inteiro, as doenças vetoriais constituem o maior grupo de doenças negligenciadas, associadas principalmente a populações sob alta vulnerabilidade social e em áreas rurais. Carrapatos são os mais diversos vetores de enfermidades de homens e animais, responsáveis pela transmissão de zoonoses como a Febre Maculosa (FM) e as borrelioses, doenças emergentes e negligenciadas, e com altos índices de letalidade. A FM é a doença transmitida por carrapatos mais conhecida, e no Brasil é causada por bactérias do gênero Rickettsia. Os principais vetores de FM são carrapatos do gênero Amblyomma, como Amblyomma sculptum, Amblyomma aureolatum e Amblyomma ovale, e em alguns locais, também o carrapato do cão Rhipicephalus sanguineus. Já as borrelioses são causadas por diversas espécies de bactérias do gênero Borrelia. No Brasil, apesar de centenas de notificações de casos de borrelioses, não há, até o momento identificação dos vetores. Nesse contexto, tem particular destaque carrapatos do gênero Ornithodoros, abundantes em diversas regiões do Brasil, e associados à transmissão de Borrelia em outros países. No Rio Grande do Sul (RS), encontra-se uma espécie de carrapato, Ornithodoros brasiliensis, extremamente agressiva a humanos e responsável por dezenas de casos graves de parasitismo humano todos os anos. Dados dos serviços de saúde, apontam que uma significativa parcela das dezenas de casos humanos anuais de parasitismo por carrapatos demanda atenção médica. Infelizmente, apenas uma pequena parcela destes casos consegue ter um diagnóstico definitivo dos potenciais agentes infecciosos envolvidos, evidenciando que ainda há uma grande falta de conhecimento e capacidade de diagnóstico dos agravos transmitidos por carrapatos. Estudos demonstram que as principais espécies de carrapatos associadas ao parasitismo humano no RS são R. sanguineus, O. brasiliensis, A. aureolatum e A. ovale. Os crescentes índices de parasitismo humano refletem a perda dos habitats naturais, e a cada vez maior adaptação destes parasitos a novos nichos. Cada dia são mais comuns relatos de habitações humanas, mesmo em áreas urbanas, com altas infestações por carrapatos. Nesse sentido, cada vez também é mais frequente o emprego de métodos químicos de controle destes parasitos, nos animais domésticos e no ambiente, inclusive patrocinados por políticas públicas. Estas medidas, por sua vez, são empregadas, usualmente, sem avaliação de sua eficácia e impacto, e podem, em alguns anos levar à seleção de populações destes carrapatos resistentes aos anti-parasitários, fenômeno já amplamente relatado em espécies com importância pecuária, como o carrapato bovino Rhipicephalus microplus. Desse modo, podemos concluir que dois grande problemas são evidentes e altamente negligenciados em relação a carrapatos e saúde pública: a identificação de patógenos vetoriais emergentes e a avaliação de eficácia aos anti-parasitários empregados para seu controle. A crescente adaptação dos carrapatos aos ambientes antropizados, o aumento nos casos de parasitismo humano, o desconhecimento de potenciais patógenos emergentes transmitidos por carrapatos, somado a falta de informação sobre a eficácia de medidas de controle químico, posiciona os carrapatos como grandes riscos à saúde pública. Assim, os objetivos deste projeto são: (i) investigar patógenos emergentes através de análise do metagenoma bacteriano de espécies de carrapatos com impacto em saúde pública no Brasil; e (ii) caracterizar a eficácia/resistência dos principais carrapaticidas frente a espécies de carrapatos com impacto em saúde pública no Brasil. Para tanto, neste projeto serão investigadas quatro espécies de carrapatos: R. sanguineus, carrapato comum do cão, muito associado a parasitismo humano em centros urbanos; O. brasiliensis, espécie endêmica do RS e muito agressiva a humanos; A. aureolatum e A. ovale, espécies vetoras de FM no Brasil. Serão coletadas amostras de carrapatos diretamente do ambiente e em seus hospedeiros naturais em três regiões com características fisiogeográficas distintas do Rio Grande do Sul. Para análise do metagenoma bacteriano (bacterioma), o DNA dos carrapatos será utilizado para amplificação de fragmentos do gene 16S rRNA bacteriano e montagem de bibliotecas para sequenciamento. As bibliotecas de DNA serão submetidas a sequenciamento de nova geração utilizando a plataforma MiSeq, que permite o sequenciamento em larga escala do DNA das bactérias presentes nas amostras. Para identificação dos gêneros/espécies de bactérias nas amostras, será realizado alinhamento com bancos de dados de rRNA de 16S bacteriano e análises in silico. Para análise da eficácia relativa e potencial resistência dos carrapaticidas químicos serão realizados bioensaios com larvas de carrapatos (testes de imersão de larvas, TIL; e teste de pacote de larvas, TPL) expostas a diferentes doses dos principais acaricidas de diferentes classes químicas (piretróides, organofosforados, amidínicos, fenilpirazóis e lactonas macrocíclicas) e a doses discriminátorias (DD) já estabelecidas para outras espécies de carrapatos. Com este projeto espera-se gerar novas informações de vigilância ativa sobre patógenos zoonóticos transmitidas por carrapatos e sobre a situação do controle químicos destes vetores. O Brasil é área de alto risco potencial para introdução, ocorrência e disseminação de zoonoses vetoriais, visto que é uma área onde tradicionalmente o parasitismo humano por carrapatos não é uma preocupação dos profissionais de saúde e onde não há uma rede de vigilância epidemiológica ativa para identificação de novos patógenos, bem como há ausência de estudos sobre medidas de controle dos vetores com impacto em saúde pública. Acreditamos que este projeto tem papel estratégico multidisciplinar para servir para o desenvolvimento de políticas de saúde pública/ambiental, evitando a disseminação destes agentes e lançando bases conceituais de vigilância e controle de vetores no Brasil.
  • Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Renes Pinheiro

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • estudo da estabilidade e projeto de controladores robustos para sistemas formados por conversores estáticos interconectados
  • A necessidade de utilizar fontes de energia renováveis tem impulsionado o uso de sistemas de Geração Distribuída (GD) de energia. Esse tipo de sistema é formado por diversos estágios interconectados que podem ser constituídos por filtros passivos e ativos, conversores CC-CC, inversores, supercapacitores, baterias, entre outros. Esses elementos e subsistemas são tipicamente projetados individualmente para garantir a estabilidade e desempenho. Mas, as interações entre os estágios conectados podem levar o sistema como um todo a instabilidade, que é caracterizada fisicamente por oscilações que surgem nos barramentos de entrada e saída. Na literatura, a maioria dos trabalhos relacionam esse problema ao comportamento de Carga de Potência Constante de conversores operando em malha fechada. Este fato produz um efeito de resistência negativa incremental na entrada dos conversores operando em malha fechada. Além disso, até o presente momento são escassos o número de trabalhos que explicam detalhadamente a origem dessas oscilações. Desse modo este projeto buscará desenvolver uma metodologia para analisar a estabilidade e identificar a gênese das possíveis oscilações desse tipo de sistema. Portanto, como será identificado e demonstrado que o problema de instabilidade em sistemas interconectados está relacionado com as incertezas presentes no modelo nominal que representa a planta, utilizado no projeto quando analisado individualmente. Portanto, será apresentado métodos e técnicas de identificação e representação destes novos modelos para diferentes cenários. Através da representação do problema por meio de incertezas serão apresentadas soluções via controle para o problema de oscilações, como o método de impedância virtual e o projeto de controladores robusto. Todas as análises teóricas propostas serão validadas perante a aplicação de uma plataforma de prototipação rápida (Hardware-in-the-loop), bem como em protótipos que serão desenvolvidos.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Ricardo Bergmann

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • modelamento eletromagnético de antenas omnidirecionais e sensores para a telemetria
  • O projeto será desenvolvido em duas linhas de pesquisa: A.Modelamento de Sensores para Telemetria em Poços de Petróleo Ao longo dos últimos anos, vários sensores eletromagnéticos foram desenvolvidos para prospecção de petróleo. Uma das formas mais bem-sucedidas para a avaliação de reservas de hidrocarbonetos fósseis emprega ferramentas conhecidas como logging-while-drilling (LWD). Estes sensores são instalados próximo ao mandril de perfuração, e permitem estimar a condutividade elétrica da formação geofísicas do solo no mesmo instante que o poço está sendo perfurado. Recentes avanços nas técnicas de perfuração permitiram o controle direcional da direção de perfuração do poço, que combinado com a análise proativa dos dados do LWD permitiram a exploração de poços inclinados e horizontais por meio de ajustes na direção de perfuração para dirigir o poço para uma região alvo. Comparada com a perfuração vertical, a perfuração direcional trouxe uma série de vantagem para a exploração de óleo e gás, pois a produtividade de um campo de petróleo pode ser aumentada usando múltiplos poços perfurados a partir de uma mesma plataforma centralizada. Várias técnicas podem ser usadas para modelar as ferramentas de LWD. Formações geofísicas complexas são predominantes neste tipo de problema, e usualmente podem ser avaliadas utilizando técnicas numéricas de força bruta, como os métodos de diferenças finitas (FD), elementos finitos (FE) e volumes finitos (FV). Contudo, essas técnicas requerem um grande poder computacional em termos de tempo de CPU e memória. Em geral, a formação geofísica dos poços pode ser bem aproximada como um meio com estratificações cilíndricas. Neste caso, métodos pseudoanalíticos são boas alternativas para prover algoritmos mais eficientes e práticos para estimar as propriedades eletromagnéticas do solo ao redor do poço. Outra alternativa para resolver este problema é o numerical mode-matching (NMM), que permite a modelagem de estruturas relativamente complexas, requerendo um tempo computacional menor que o necessário nas técnicas de força bruta. Tipicamente, o NMM combina os métodos de FD ou FE em uma direção do espaço com uma expansão modal de campos nas outras direções. O NMM é muito preciso e flexível o suficiente para modelar não-homogeneidades na formação do solo ao longo das direções radial e axial Neste projeto pretende-se explorar métodos para modelagem eletromagnética em ambientes geofísicos complexos usando técnicas numéricas pouco intensas. Como consequência, vamos desenvolver algoritmos computacionais favoráveis à superação de uma panaceia de problemas acerca da propagação geofísica. B Modelamento de Antenas Ominidirecionais Faixas de freqüência (microondas e ondas milimétricas) estão sendo reservadas para serviços radio difusão do tipo ponto-multiponto fixos (LMDS-Local Multipoint Distribution Service), onde uma Estação Rádio Base (ERB) se comunica simultaneamente com diversos usuários fixos no interior de uma célula. Para evitar o congestionamento espectral, estes sistemas deverão operar em frequências superiores a 26 GHz. Neste cenário, pode ser desejável utilizar uma antena para ERB com uma cobertura omnidirecional no plano azimutal com diagrama no plano vertical conformado para obter a adequada iluminação da célula, evitando a interferência em sistemas adjacentes e, consequentemente, aumentando a eficiência na utilização do espectro de frequência. Este tipo de serviço via rádio oferece um modo de acesso interativo de banda larga que pode ser utilizado para atender ao aumento da demanda pelo acesso a Internet de alta velocidade em residências ou empresas ou na distribuição sinais de TV-Digital, inclusive com o canal de retorno para a TV interativa. Utilizado em uma configuração do tipo “last mile” de uma rede de telecomunicações, este tipo de configuração via rádio (Broadband Wireless Access) oferece rapidez e baixo custo no estabelecimento, na expansão e na manutenção do sistema, quando comparado com outras tecnologias para distribuição do sinal (cabo, fibra ótica,...). A operação em ondas milimétricas torna atrativa a utilização de antenas refletoras compactas que são capazes de operar em banda larga, apresentar alto desempenho, e englobar vários serviços. Para comunicação ponto-multiponto, diagramas omnidirecionais podem ser gerados por antenas formadas por um único refletor ou por duplos-refletores circularmente simétricos obtidos a partir da rotação de geratriz descrita analiticamente ou numericamente através de um conjunto de pontos. Para obter um diagrama verticalmente polarizado, estas antenas refletoras circularmente simétricas podem ser iluminadas por uma corneta coaxial (modo fundamental TEM). Nas etapas anteriores do projeto foram desenvolvidas técnicas de síntese destes refletores onde e o controle do diagrama no plano vertical foi obtido através do modelamento da geratriz dos refletores utilizando técnicas baseadas em ótica Geométrica. Devido à proximidade dos refletores e alimentador, a predição das características da antena requer a utilização de uma técnica da de análise eletromagnética rigorosa que considera os efeitos de acoplamento entre os diversos componentes da antena. Para isto foi implementada técnica de análise baseada na combinação de Método dos Momentos para os refletores e de Casamento de Modos para o interior da corneta que permite determinar o diagrama de radiação e a perda de retorno na porta de entrada da corneta coaxial TEM . Para os diversos tipos de configuração de duplos refletores identificados foram realizados estudos comparativos sobre o desempenho em termos de ganho e do volume das antenas. Neste projet pretende-se desenvolver técnicas de síntese e análise eletromagnética de antenas circularmente simétricas com diagrama omnidirecional com potência aplicação em sistemas de comunicação ponto-multiponto
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Ricardo Gurgel Testa

Ciências da Saúde

Medicina
  • incidência de herpes vírus na saliva e na lágrima de pacientes com paralisia facial periférica
  • INTRODUÇÃO: A etiologia da paralisia de Bell permanece incerta. Com o advento da técnica de estudo do DNA viral pelo método da reação em cadeia da polimerase (PCR), os vírus da família herpes vêm sendo demonstrados no líquido cefalorraquidiano, no fluido endoneural do nervo facial, na secreção lacrimal ou na saliva de indivíduos com paralisia facial periférica. OBJETIVO: Determinar a incidência dos vírus herpes simples tipo 1 e 2 e varicela zoster na saliva e na lágrima de pacientes com paralisia facial periférica idiopática ou síndrome de Ramsay-Hunt. MÉTODOS: Estudo prospectivo tipo coorte a ser desenvolvido no ambulatório de otorrinolaringologia e no Laboratório de Oftalmologia do Hospital São Paulo. A amostra será composta por pacientes com paralisia facial periférica encaminhados do pronto socorro. A saliva será expelida em recipiente estéril, após lavagem da boca com água. A lágrima será coletada por meio de fita de Schirmer. Ambas serão submetidas à reação de PCR em Tempo Real para detecção dos vírus herpes simples tipo 1 e 2 e varicela zoster. Os pacientes serão também submetidos a anamnese e exame físico.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Ricardo Macedo Pezzopane

Ciências Agrárias

Agronomia
  • consórcio entre pastagem tropical e feijão guandu: influência no microclima, dinâmica de água no solo e oferta de forragem
  • Apesar de o Brasil ser o detentor do maior rebanho bovino comercial do mundo e o país possuir potencial para aumento de produção de carne, boa parte da produção pecuária a pasto ocorre em pastagens degradadas. Varias estratégias podem ser utilizadas para a recuperação de pastagem, entre ela o uso de leguminosas arbustivas, como é o caso do feijão guandu (Cajanus cajan), que pode alterar o ambiente (microclima e consumo de água) e proporcionar alteração no potencial produtivo da pastagem. A presente proposta tem por objetivo avaliar o microclima e a dinâmica de água no solo relacionados as características produtivas da pastagem consorciada de forragem tropical e feijão guandu. O experimento será conduzido em áreas de pastagens de Brachiaria decumbens na Embrapa Pecuária Sudeste, em São Carlos, SP. Os sistemas avaliados serão diferentes sistemas de produção em pastagem, sendo: 1) pastagem degradada (PD); 2) pastagem recuperada (PR) e 3) consorciação de gramíneas e leguminosas (G + L) onde a pastagem será consorciada com o feijão guandu. cv. BRS Mandarim. O estudo de caracterização microclimática envolverá a medição das variáveis: radiação fotossinteticamente ativa (RFA), temperatura do ar, umidade relativa do ar, velocidade do vento e temperatura do globo negro e temperatura do solo. A caracterização microclimática será realizada continuadamente durante o período experimental visando à caracterização em diferentes condições ambientais as quais o experimento estará submetido. Serão avaliadas as características microclimáticas sobre as pastagens de um piquete do sistema recuperado e em um sistema da pastagem consorciada. Será realizada ainda a caracterização da umidade do solo, com monitoramento utilizando sonda capacitiva, que medirá a umidade semanalmente em um total de nove piquetes amostrais, sendo que em cada piquete a umidade sera monitorada em bateria de quatro canos de acesso a sonda. Além do monitoramento ambiental será avaliado o efeito da presença do feijão guandu na capacidade produtiva das pastagens será avaliado o acúmulo de fitomassa, altura, índice de área foliar, composição morfológica e qualidade bromatológica do componente forrageiro.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Jose Ripper Kos

Ciências Sociais Aplicadas

Arquitetura e Urbanismo
  • exploração de dados digitais para a promoção de projetos regenerativos em câmpus universitário
  • A fragmentação dos espaços de pesquisa e aprendizagem do câmpus universitário e seu impacto ambiental são os principais fatores responsáveis pelas intervenções recente mais significativas em câmpus universitários que buscam a inovação através da integração entre as diferentes áreas do conhecimento e da criação de novas oportunidades de relações com a cidade e o meio ambiente. Este trabalho busca avaliar oportunidades de associação das dinâmicas da comunidade acadêmica da Universidade Federal de Santa Catarina e dos bairros vizinhos com as dinâmicas naturais, especialmente das áreas próximas aos córregos dentro do câmpus, através de projetos regenerativos. Estes projetos visam a recuperação de áreas naturais degradadas, criando novas possibilidades para a regeneração dos ecossistemas associada à criação de oportunidades para a renovação do câmpus e da própria universidade. Enquanto a avaliação das dinâmicas naturais possui instrumentos que vêm sendo implementados no câmpus, como por exemplo para monitorar a qualidade dos cursos d’água, não contamos com instrumentos confiáveis para identificar as dinâmicas humanas no câmpus. A pesquisa por instrumentos para esta avaliação, especialmente através das conexões de wi-fi realizadas em centenas de roteadores espalhados pelo câmpus, com registros de mais de dez anos, é o principal objetivo deste projeto de pesquisa. Estes dados brutos possuem grande complexidade e envolvem riscos que devem ser avaliados com cuidado, como por exemplo, a qualidade destes dados, a privacidade e segurança dos usuários que realizam estas conexões, vazamento de dados, etc. Para avaliar a qualidade dos dados, propomos realizar monitoramentos alternativos através de câmeras digitais e drones e uma colaboração com o Laboratório de Segurança em Computação (LABSEC/UFSC) permitirá buscar algoritmos de pesquisa para garantir o anonimato dos dados coletados. Estratégias para o futuro da universidade serão propostas a partir da análise deste conjunto de dados, informações e pesquisas.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

José Roberto de Oliveira

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • utilização de resíduos provenientes da fabricação de aço e fluxantes alternativos na dessulfuração de fero gusa.
  • Vide projeto anexo
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022