Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Danilo Santos Souza

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • semana territorial de ciência e tecnologia alto sertão sergipano - stct 2020
  • A proposta apresentada é referente à realização da Semana Territorial de Ciência e Tecnologia do Alto Sertão Sergipano, que ampliará as discussões propostas pelo Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação - MCTIC da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que em 2020 trabalhará o tema “INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: A NOVA FRONTEIRA DA CIÊNCIA BRASILEIRA” em todo Território Nacional. Nessa edição, o evento proposto, envolverá os 7 municípios do Território Alto Sertão Sergipano, por meio de atividades interdisciplinar ou transdisciplinar, integrando instituições e profissionais em ações que visam contribuir com as mais diversas alternativas para diminuição das desigualdades, consumo e produção sustentável de alimentos saudáveis nas esferas locais, territoriais e mundiais e utilização de Tecnologias Convergentes e Habilitadoras, em particular, nas áreas de Nanotecnologia, Fotônica, Materiais Avançados e Tecnologias para a Manufatura Avançada. Será ainda, realizado um destaque as tecnologias inovadoras relacionadas com a principal cadeia de valor do Território do Alto Sertão Sergipano, a CADEIA “LEITE/PRODUTOS LACTEOS”. Será abordada a utilização de inteligência artificial para melhoria da qualidade de vida e produção campo, levando em consideração as cadeias produtivas presente no Território do Alto Sertão Sergipano. Para viabilizar as ações do projeto as atividades planejadas pela equipe executora e parceiros serão realizadas pontualmente, nos municípios sede que fazem parte do Alto Sertão Sergipano, que foram escolhidas utilizando o recorte de cinco municípios correspondente à Microrregião Sergipana do Sertão do São Francisco, escolhidos de forma estratégica considerando as informações de IDHM (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal), de acordo com dados do Censo Demográfico 2010 (IBGE). O envolvimento dos 7 municípios do Território em questão e seus distritos serão: MUNICÍPIO 1 – Nossa Senhora da Glória/Se, MUNICÍPIO 2 – Monte Alegre de Sergipe/Se, MUNICÍPIO 3 – Porto da Folha/Se, MUNICÍPIO 4 – Poço Redondo/Se e MUNICÍPIO 5 – Gararu/Se, MUNICÍPIO 6 – Canindé dE São Francisco/Se, MUNICÍPIO 7 – Nossa Senhora de Loudes/Se. Durante o evento STCT 2020 serão realizadas ações de comunicação e popularização da Ciência e Tecnologia nos municípios do Território Alto Sertão Sergipano, de forma interdisciplinar ou transdisciplinar, integrando atividades que discutirão temas atuais (Inteligência Artificial, Tecnologias sociais voltadas para preservação ambiental; Tecnologias de segurança alimentar e nutricionais; Agroecologia; Armazenamento, reaproveitamento e uso racional de água; Geração de energia limpa; Tecnologias poupadoras de mão de obra para desenvolvimento da agricultura familiar; Produção Agrícola saudável e sustentável utilizando biocompostos naturais; Alternativas de produção sustentável com foco na diminuição das desigualdades sociais; Preservação das abelhas e biodiversidade territorial; Pesquisa, desenvolvimento e inovação aliadas as práticas de produção limpa e sustentável; Alternativas de aproveitamento de resíduos Agroindustriais; Utilização de metodologias ativas de ensino e aprendizagem para compreensão dos eixos da Inteligência Artificial e Tecnologias Convergentes e Habilitadoras; Jogos interativos adaptados; Análise para geração de conflitos urbanos e rurais entre outros) envolvendo profissionais das instituições parceiras, que de forma lúdica e aplicada envolverão o público-alvo em discussões sobre o tema “Inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira” e, também, por meio de ferramentas capazes de atrair a atenção e interesse dos participantes para uma reflexão sobre os diferentes tipos de desigualdade (gênero, raça, etnia, alimentares, de moradia, de formação, por apresentar deficiência, emprego, transporte, cultural, na saúde, ensino, saneamento básico entre outros). Enfim, os debates serão constantes nos eventos que acontecerão nos 7 Municípios, na tentativa de nivelar, ampliar e popularizar os conhecimentos acerca do Tema Proposto pelo MCTIC para 2020 e, assim, de fato, promover a participação de todos os setores sociais, frente aos problemas gerados pelas desigualdades no Território Alto Sertão Sergipano.
  • Universidade Federal de Sergipe - SE - Brasil
  • 22/10/2020-30/04/2021
Foto de perfil

Danilo Seithi Kato

Ciências Humanas

Educação
  • educação para a biodiversidade na formação inicial de professores: a comparação entre seis estudos de casos em universidades brasileiras
  • O presente projeto de pesquisa propõe-se a constituir uma rede de pesquisadores dispostos a investigar aspectos teóricos e metodológicos da formação de professores de Ciências e Biologia e sua relação com a educação para a biodiversidade. A proposta tem como ponto de partida a investigação sobre as relações entre as propostas pedagógicas das Instituições de Ensino Superior (IES) selecionadas, e as reflexões sobre aspectos sócio científicos controversos, locais e globais, que envolvem o conceito científico de biodiversidade. Trata-se de uma pesquisa qualitativa em Educação do tipo estudo de caso, em que seis professores formadores, bem como as instituições em que trabalham, foram selecionados para subsidiar a investigação dos processos formativos e seus desdobramentos nas propostas de ensino produzidas por licenciandos em Ciências/Biologia. As seis IES estão localizadas em diferentes regiões do país, assim o estudo poderá fornecer informações relevantes sobre como o conceito de biodiversidade está inserido na formação de professores em diferentes biomas brasileiros. Espera-se ainda, como resultado, a elaboração de intervenções de ensino envolvendo questões da biodiversidade local, no formato de sequências didáticas para ensino Fundamental e Médio, que incluam os diálogos entre os saberes populares locais e o conceito científico em questão. A pesquisa está fundamentada nos pressupostos teóricos que discutem a interculturalidade no ensino de ciência, bem como nas representações dos sujeitos sobre as relações entre Ciências, Sociedade, Tecnologia e Ambiente. Assim, busca-se discutir o uso dos temas controversos sociocientíficos e a exploração de sua dimensão transversal e interdisciplinar como dispositivo metodológico de ensino e aprendizagem do conceito de biodiversidade. Essa pesquisa tem como foco a busca das seguintes perguntas: Como o conceito de biodiversidade é abordado na formação de professores das seis IES escolhidas? Quais as percepções dos licenciandos em Ciências e Biologia, que atuam em diferentes biomas brasileiros, sobre a importância dos aspectos culturais locais para o ensino do conceito de biodiversidade? Quais contradições, controvérsias e embates sócio-políticos das diferentes regiões/biomas brasileiros são possíveis de ser desvelados a partir das narrativas produzidas pelos licenciandos e quais as relações destes aspectos com o ensino do conceito de biodiversidade?
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro - MG - Brasil
  • 01/06/2020-31/05/2021
Foto de perfil

Danniel Ferreira de Oliveira

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • ligas cu-al-mn com memória de forma ferromagnética: obtenção e propriedades
  • As ligas com efeito de memória de forma (EMF) são uma família de materiais metálicos que, mesmo após serem deformados pseudoplasticamente, demonstram a habilidade de retornar a uma forma previamente definida, desde que submetidos a um processo termomecânico apropriado. Dentro do grupo de ligas que apresentam a habilidade para recuperar a forma, estão às ligas Heusler com memória de forma magnética. As ligas Heusler com composição estequiométrica X2YZ apresentam características como a capacidade de se tornarem ferromagnéticas quando submetidas a uma fonte de calor, mesmo sendo compostas de elementos não magnéticos, apresentam também um efeito magnetoestrictivo gigante (transição estrutural devido à influência de um campo magnético), elasticidade e um efeito de memória de forma, entre outros. Suas propriedades dependem diretamente dos elementos constituintes, bem como da composição e dos tratamentos térmicos a que são submetidas. Esses sistemas são atraentes por causa da considerável mudança em suas propriedades magnéticas, tais mudanças podem ser feitas alterando a ordem química, substituindo um ou mais componentes por outros átomos, realizando tratamento mecânico, dentre outros. As ligas com memória de forma ferromagnética (LMFF) que podem ser controladas por campo magnético têm atraído consideravelmente o interesse para aplicações como atuadores magnéticos. O efeito memória de forma nas ligas ferromagnéticas ocorre de forma reversível, quer pelo rearranjo de variantes de martensita, quer pela indução da transformação de fase austenita-martensita sob um campo magnético aplicado. Materiais que podem mudar reversivelmente sua dimensão quando na aplicação de campos externos, como é o caso de campos magnéticos, estão sendo requeridos para uso como atuadores ou sensores, transdutores e materiais funcionais em muitas aplicações. Diversos estudos são encontrados nesta área a fim de conhecer as propriedades magnéticas de ligas ferromagnéticas e o efeito memória de forma a partir da aplicação do campo magnético, dentre as mais comumente encontradas e que é foco de análise no presente projeto, temos as ligas do sistema CuAlMn. O comportamento ferromagnético destas ligas, provavelmente, ocorre devido às interações dos átomos Mn-Mn. Diz-se que o comportamento magnético dessas ligas são extremamente sensíveis à distância entre os átomos de Mn. As vantagens da liga com EMF baseada em Cu incluem entre outras características, alta temperatura de transformação, baixo custo de produção, facilidade nos processos de fabricação e capacidade de variar as propriedades alcançadas através de modificações na liga e no processamento. As ligas à base de cobre com EMF produzidas por fundição convencional são bastante frágeis. Esta fragilidade está relacionada com sua grande anisotropia elástica, tamanho de grão grande e forte dependência da deformação de transformação com a orientação. Para contornar essa limitação, as ligas à base de cobre são modificação com adição de refinadores de grão para melhorar a ductilidade destas ligas. Alguns estudos realizados em ligas com EMF à base de cobre descobriram que o refinamento de grãos pode melhorar até certo ponto a ductilidade e a resistência à fadiga destas ligas. Mas após o refinamento de grãos, o movimento da interface entre a martensita e a austenita torna-se difícil e, a quantidade reversível de martensita diminui e a histerese de transformação aumenta o que torna uma degradação das propriedades de memória de forma das ligas. Estudos recentes relacionados à obtenção de estruturas de grãos colunares via solidificação unidirecional, tem contornado essa limitação das propriedades mecânicas das ligas à base de cobre. As ligas com EMF obtidas por solidificação apresentam excelentes propriedades de memória de forma, alta plasticidade e superelasticidade. Neste sentido, o presente projeto tem como objetivo estudar a influência da solidificação unidirecional nas propriedades termomecânicas e magnéticas de ligas Cu-Al-Mn e Cu-Al-Mn-Ti-B com memória de forma ferromagnética.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Danton Diego Ferreira

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • processamento estatístico de sinais aplicado a smart grids
  • A presente proposta tem como principal objetivo desenvolver metodologias para a aplicação de processamento estatístico de sinais (PES) a Smart Grids. Dentre as ferramentas de processamento estatístico de sinais, serão exploradas na presente proposta as técnicas Análise de Componentes Principais (PCA – Principal Component Analysis), Análise de Componentes Independentes (ICA – Independent Component Analysis) e Estatísticas de Ordem Superior (HOS – Higher-order Statistics). Estas ferramentas tem em comum a boa capacidade de: (i) lidar com dados de alta dimensão; (ii) extrair informações relevantes (geralmente escondidas) de sinais elétricos; (iii) decompor sinais em componentes isolados; (iv) estimar parâmetros e (v) projetar filtros adaptativos. As metodologias a serem desenvolvidas terão foco de aplicação nas tão faladas redes inteligentes, ou “Smart Grids”, num contexto de geração distribuída (GD). As redes inteligentes devem possuir um conjunto de funções básicas que permitam a modernização da infra-estrutura elétrica, dentre as quais destacam-se: (1) capacidade de auto-reconfiguração; (2) ser tolerante a falhas, resistindo a ataques de hackers; (3) permitir a integração de todas as opções de fontes de energia e de armazenamento; (4) permitir a otimização dinâmica da operação da rede; (5) permitir a participação ativa dos consumidores; e (6) melhoria da confiabilidade, qualidade de energia, segurança e eficiência do sistema de energia. Algumas destas funções, não são evidentemente novas, pois a infraestrutura de energia sempre contou com tecnologias inteligentes para a sua operação, controle e proteção, etc., porém neste novo cenário de grande penetração de geração distribuída e dispersa, será necessário envidar esforços em pesquisas e no desenvolvimento de novas tecnologias para a solução dos problemas que já começam a aparecer nas redes. Neste contexto, as principais contribuições do presente projeto são: (i) o desenvolvimento de um sistema de classificação de causas de afundamentos de tensão; (ii) desenvolvimento de um sistema de detecção de ilhamento; (iii) desenvolvimento de um método de extração de componentes harmônicos, sub-harmônicos e inter-harmônicos e (iv) a proposta de uma metodologia para compressão de sinais.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Danusa Munford

Ciências Humanas

Educação
  • argumentação e a construção de oportunidades de aprendizagem em aulas de ciências dos anos finais do ensino fundamental: relações entre dimensões espaço-temporais em turmas com diferentes trajetórias
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do ABC - SP - Brasil
  • 12/08/2019-30/11/2021
Foto de perfil

Dany Flávio Tonelli

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • inovação colaborativa no setor público: diretrizes de um modelo de avaliação de impacto
  • A inovação colaborativa constrói-se como síntese de discussões realizadas de inovação no setor público, governança colaborativa e cocriação. É com o intuito de dar sequência ao que foi iniciado por meio de esforços de investigações anteriores que se pretende preencher uma lacuna, a qual se refere à necessidade por tornar o conhecimento teórico em métodos viáveis de avaliação de impacto e de difusão da cultura da inovação colaborativa junto a tomadores de decisão no âmbito público. O problema foi formulado com base na seguinte pergunta norteadora: como avaliar o impacto nos resultados de experiências de inovação colaborativa na administração pública federal por meio de um modelo que possa ser útil para gestores públicos na condução das iniciativas inovadoras? Para responder a essa questão, o principal objetivo é identificar e investigar experiências de inovação colaborativa no âmbito da Administração Pública federal, propondo diretrizes gerais para avaliação dessas experiências quanto ao impacto em termos de melhoria da capacidade de entrega de valor público e de eficiência administrativa. O estudo envolve abordagens teórica, qualitativa e quantitativa. Na abordagem teórica uma possibilidade para elaboração do modelo de análise prévia, previsto no primeiro objetivo específico, se dá por meio da aplicação de metanálise. Os resultados desse estudo teórico nortearão a coleta de dados de campo, a qual será realizada a partir da identificação de casos de inovação colaborativa na administração pública federal que estejam acessíveis à investigação qualitativa e ao levantamento de dados quantitativos. Isso vai permitir a investigação acerca do impacto produzido por tais iniciativas sobre a eficiência. Por fim, o estudo pretende produzir um material que possa auxiliar gestores públicos a realizarem avaliações do impacto da adoção de inovações colaborativas no meio público, contribuindo para a difusão de práticas de gestão mais eficazes.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Dany Rogers Silva

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • estratégia-aplicativo: insights comportamentais para poupar
  • Infelizmente, de maneira geral, os conhecimentos sobre educação financeira dos indivíduos não são bons, e mesmo que fossem estes não são suficientes para que ele tenha uma vida financeira saudável, longe de endividamentos e com boas reservas financeiras. A literatura mostra que é preciso mais do que simplesmente ter o conhecimento e as habilidades para administrar o dinheiro para o indivíduo ser, realmente, educado financeiramente. Diante disso, este projeto propõe apresentar um desenho de uma intervenção de natureza educacional, informada por insights comportamentais, por meio de um aplicativo que incentive a poupança. Entende-se que uma intervenção educacional por meio de smartphones se mostra como opção atraente devido ao seu: (i) amplo potencial de disseminação, dada a alta penetração de celulares no país, a crescente popularização de acesso à Internet por este meio e o baixo custo de distribuição; (ii) maior facilidade de adoção e incorporação na rotina diária do participante de um programa educacional. É importante destacar que essa proposta buscará também testar por meio do próprio aplicativo possíveis alternativas por meio de estudos controlados aleatorizados (Randomized Controlled Trials ou RCTs) para avaliar, assim, o impacto dos resultados encontrados, proporcionando dessa forma um desenho específico de um framework a ser utilizado para a implementação de políticas públicas que tenham como objetivo a melhoria da educação financeira da população. Esta proposta nasce de um convênio firmado em 2017 entre o Núcleo de Educação Financeira (NEF) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Nesta parceria, destaca-se o desenvolvimento de uma iniciativa educacional por meio da rede social WhatsApp, em que os participantes recebem mensagens elaboradas com a aplicação de conceitos comportamentais como enquadramento e aversão à perda. Como fruto desta primeira tentativa (e já com alguns resultados preliminares satisfatórios) de “intervenção” nos hábitos financeiros dos indivíduos, resolvemos avançar e estamos propondo a criação de um aplicativo que permita a utilização de insights comportamentais. Este desenvolvimento do aplicativo já teve sua primeira fonte de recurso que será oriunda do Edital Nº 5/2018 – Chamada Pública Enap – Seleção de Candidatos para o Programa Cátedras Brasil, porém, acreditamos ser insuficiente para uma proposição mais abrangente da inicialmente desejada pelo NEF e CVM, a qual seria o desenvolvimento do aplicativo, a definição de um framework mais propício para implementação de políticas públicas de alcance nacional e a avaliação dos impactos dos resultados em um período de tempo maior. Espera-se que o aplicativo desenvolvido no escopo deste projeto possibilite uma nova perspectiva de educação financeira no Brasil, no que diz respeito à formação de poupança e tomada de decisões financeiras familiares. A intenção é que os resultados da pesquisa, seja a discussão da literatura ou as evidências empíricas oriundas do presente estudo, sirvam de suporte para reestruturar o conteúdo didático da educação financeira no Brasil, principalmente por meio de elucidações sobre a importância de investir e poupar. Não estamos propondo no presente projeto a realização de campanhas educativas a fim de esclarecer a população sobre a importância de poupar e ter uma boa educação financeira, mas sim a busca de evidências para formar o conteúdo pedagógico de campanhas educativas sobre finanças pessoais e poupança.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Dânya Bandeira Lima

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • avaliação da atividade antibacteriana de dinoponeratoxinas sobre staphylococcus aureus
  • Um grande desafio da atualidade é tratar quadros infecciosos, devido ao aumento considerável dos perfis de resistência das bactérias de interesse médico, além disso, algumas cepas possuem a propriedade de formação de biofilmes bacterianos, que os permitem resistirem a níveis elevados de antibióticos. Assim torna-se necessário o desenvolvimento de novos antimicrobianos e as substâncias bioativas de origem animal são fontes de modelos para novos fármacos na terapêutica. Recentemente, demonstramos que o veneno total da Dinoponera quadriceps possui ação antimicrobiana sobre cepas de Staphylococcus aureus sensíveis e resistentes à meticilina. Em seguida, identificamos no transcriptoma da glândula de veneno, as dinoponeratoxinas (DNTXs) como componentes majoritários, que possuem homologia com peptídeos antimicrobianos. O presente projeto tem como objetivos estudar a ação das DNTXs sobre cepas de S. aureus meticilina resistente e produtoras de biofilme. Serão utilizadas nos testes cepas de S. aureus ATCC 6538P e S. aureus ATCC 14458 produtoras de biofilme e duas cepas meticilina resistente S. aureus ATCC 33591 e S. aureus CCBH 5330. Na avaliação dos efeitos sobre Staphylococcus aureus será determinada a concentração inibitória mínima (CIM) e letal mínima (CLM) de todas as cepas e a concentração inibitória mínima de formação do biofilme (CMIB) e concentração mínima de erradicação do biofilme (CMEB) das cepas produtoras de biofilme. Será também determinado o efeito das DNTXs em diferentes estágios de metabolismo microbiano. Na elucidação do mecanismo de ação serão realizados os ensaios de captação do cristal violeta, detecção de liberação de ácidos nucleicos e finalmente serão investigadas as alterações na morfologia das cepas de S. aureus expostos a DNTXs por microscopia de força atômica. A toxicidade será avaliada in vitro nos macrófagos RAW 264.7, sendo a viabilidade avaliada através de ensaios com MTT. Os resultados serão expressos em média ± E.P.M e analisados utilizando ANOVA com Dunett’s post-test no programa GraphPad Prism 5.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Danyel Elias da Cruz Perez

Ciências da Saúde

Odontologia
  • avaliação comparativa dos efeitos do citrato de sildenafila nanoencapsulado, laserterapia de baixa potência e hidrogel com alfa-tocoferol em um modelo experimental de mucosite oral induzida por 5-fluorouracil
  • Os efeitos colaterais, sequelas e consequências da mucosite oral quimioinduzida incluem dor e ardência bucal, disfagia, disgeusia, perda de peso, internações prolongadas e interrupções do tratamento do paciente. O manejo ou tratamento da mucosite oral quimioinduzida ainda não é plenamente consolidado e uma pluralidade de abordagens terapêuticas tem sido usada. Fármacos como citrato de sildenafila e alfa-tocoferol tem apresentado bom potencial anti-inflamatório e citoproteção. Formas terapêuticas nanoestruturadas e de distribuição controlada são alternativas interessantes para a distribuição tópica desses produtos. A literatura também tem apontado o efeito benéfico do laser de baixa potência nessas lesões. O objetivo desse trabalho será investigar os efeitos comparativos do citrato de sildenafila nanoencapsulado, do laser de baixa potencia e do hidrogel de alfa-tocoferol em modelo animal de mucosite oral induzida por 5-Fluorouracil.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darcy Mitiko Mori Hanashiro

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • atitudes etaristas sobre trabalhadores mais velhos nas organizações: um estudo sobre seus antecedentes e consequentes
  • Em face do rápido envelhecimento populacional brasileiro as organizações enfrentam o crescente desafio de contratar e manter trabalhadores mais velhos. Pesquisas têm evidenciado a prevalência de preconceitos e discriminação etária nas organizações, fenômeno social conhecido como etarismo. O etarismo impacta a sociedade, as organizações e os indivíduos, o que o torna uma questão social e econômica relevante a ser investigada. Apesar de sua importância, há carência de estudos que expliquem a forma pelo qual ocorre o etarismo no contexto organizacional. Visando preencher esta lacuna o objetivo do projeto é propor e testar um modelo sobre as atitudes etaristas em relação ao trabalhador mais velho. O modelo proposto é constituído por variáveis preditoras (contato intergeracional, aprendizagem intergeracional, contexto organizacional e normas de idade) e consequentes (intenção de saída e intenção de trabalhar com pessoas mais velhas) das atitudes etaristas. O projeto é constituído por duas pesquisas: 1) Pesquisa qualitativa que visa entender o fenômeno do etarismo e gerar itens para construção de três escalas: a) atitudes etaristas sob a perspectiva do modelo tripartite de atitudes (componente cognitivo, afetivo e intenção comportamental); b) aprendizagem intergeracional; c) normas de idade. 2) Pesquisa quantitativa com foco na validação das escalas e testagem de um modelo estrutural. Os resultados contribuirão para o desenvolvimento de uma teoria para explicar o fenômeno do etarismo no contexto organizacional. O projeto é inovador em dois aspectos: na proposição de um modelo, inexistente na literatura de estudos organizacionais, e no desenvolvimento de escalas na perspectiva emic, ou seja, criadas com base na realidade sócio cultural brasileira. Para uma sociedade que está envelhecendo muito rapidamente, os resultados podem ser relevantes para subsidiar política de gestão de idade e intergeracional nas organizações. Outra contribuição para as organizações é propiciar um instrumento de diagnóstico inovador com base na realidade brasileira para mensurar o etarismo no local de trabalho. Finalmente, os resultados do projeto podem subsidiar a criação de políticas públicas para redução do etarismo e inserção e permanência de trabalhadores mais velhos nas organizações. No campo da extensão social, os resultados podem contribuir para o desenvolvimento de programas de aprendizagem intergeracional para redução de estereótipos e preconceitos em relação às pessoas mais velhas.
  • Universidade Presbiteriana Mackenzie - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Dária Gorete Jaremtchuk

Lingüística, Letras e Artes

Artes
  • as representações dos estados unidos nas bienais de são paulo: de 1951 a 1979
  • O objetivo deste projeto é analisar as participações dos Estados Unidos na Bienal de São Paulo durante os anos de 1951 a 1979. Muitas dessas representações, sobretudo as realizadas entre 1963 e 1967, estiveram diretamente relacionadas às posições políticas oficiais do governo norte-americano com o objetivo de aumentar a sua influência no campo cultural e artístico brasileiro. A hipótese a ser investigada é de que essas mostras se conectam às disputas político-ideológicas e se tornaram ferramentas significativas para a construção da imagem dos Estados Unidos como lócus por excelência da arte contemporânea e da livre criação. Desse modo, a pesquisa aqui proposta analisará documentos coletados em arquivos nos Estados Unidos durante estágio de pós-doutoramento realizado na Georgetown University, em 2018. Em uma primeira aproximação com este material, pode-se dizer que as mostras preparadas e enviadas ao Brasil contaram com interferências de setores do governo estadunidense, que variaram desde a ‘sugestão’ do tipo de obras a serem remetidas ao Brasil, como também a aprovação dos nomes dos comissários e das instituições responsáveis pelas exposições. Cabe ressaltar que este projeto se conecta a uma trajetória mais ampla de pesquisa que busca compreender as relações artísticas e culturais entre Brasil e Estados Unidos nas décadas de 1960 e 1970. Em uma primeira fase de trabalho já realizado, foram analisadas as trajetórias de artistas que viveram um ‘exílio artístico’ nos Estados Unidos e que lá conheceram um fracasso profissional. Desde então, foram elaboradas premissas teóricas, como ‘políticas de atração’, que possibilitaram a compreensão do fluxo de artistas brasileiros para além de uma perspectiva biográfica. O atual projeto é um desdobramento dentro desse percurso que pretende observar estratégias específicas desenhadas para as representações estadunidenses nas edições das Bienais de São Paulo entre 1951 a 1979. Como resultado deste trabalho, pretende-se: apresentar uma publicação sobre o tema; organizar, a partir das fontes pesquisadas, um banco de imagens com as mostras organizadas pelos Estados Unidos; realizar um evento internacional com o tema “A Bienal de São Paulo e a Diplomacia Cultural”. Igualmente é necessário dizer que nesta pesquisa convergem assuntos de variadas áreas, como História e Crítica de Arte, Diplomacia Cultural, História da América Latina e da Guerra Fria Cultural. Consciente dos riscos dessa amplitude, espera-se que o trabalho final possa contribuir para o fortalecimento de uma História da Arte em que os aspectos políticos, sociais e históricos sejam também relevantes.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Dariano Krummenauer

Ciências Agrárias

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
  • produção de camarões em sistemas de bioflocos: analise da formação e contribuição dos agregados microbianos
  • Recentemente, a aquicultura mundial vem sendo questionada quanto a sua sustentabilidade, sobretudo por parte dos órgãos de proteção ambiental, devido aos impactos causados ao meio ambiente, como: aceleração do processo de eutrofização de corpos hídricos pela liberação de efluentes, entre outros. Neste sentido, os cultivos de camarão em meio aos bioflocos (BFT) se caracterizam por melhorar os parametros de qualidade da água removendo os compostos nitrogenados sem a necessidade de emissão de efluentes e também são suplementos alimentares devido a sua composição nutricional. O presente projeto tem como objetivo determinar a melhor forma de produzir os agregados microbianos (Bioflocos) e também caracterizar as bactérias responsáveis pela manutenção dos parâmetros de qualidade da água no sistema. Para cumprir estes objetivos serão realizadas pesquisas para (1) Avaliar o efeito dos sistemas de injeção de ar no processo de preparação da água para o cultivo, formação dos agregados microbianos e desempenho zootécnico dos camarões durante a fase de berçário e engorda; (2) Avaliar a influência das diferentes intensidades de aeração no processo de nitrificação; (3) Identificar os principais grupos de bactérias nitrificantes (AOB e NOB) presentes no biofilme através da técnica de Hibridização in situ fluorescente – FISH; (4) Avaliar o crescimento, conversão alimentar e sobrevivência a fim de determinar qual das diferentes intensidades de aeração apresenta melhores resultados de desempenho zootécnico de Litopenaeus vannamei no sistema BFT; e (5) A partir dos melhores resultados dos experimentos propostos, realizar ciclos de engorda em escala comercial em sistemas super intensivos. Espera-se que com os resultados obtidos no presente projeto se atinja um eficaz pacote tecnológico para a produção de camarões em sistemas BFT, gerando um sistema que seja economicamente e ecologicamente sustentável.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darlan Alexandria Fernandes

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • sistemas fotovoltaico e compensador de tensão integrados
  • Este projeto de pesquisa descreve o principal tema que se pretende explorar durante o período de vigência do referido Projeto Universal. Trata-se de um sistema eletrônico de potência que integra as funções de injeção de potência ativa na rede elétrica de um sistema fotovoltaico e compensação dinâmica de tensão na carga, simultaneamente. A utilização de um único inversor de tensão trifásico que atenda estas demandas traz como consequência um conjunto de possibilidades de estudos que podem ser explorados, dentre os quais não existem na literatura especializada, e que, portanto, abrem possibilidades de se construir soluções inéditas para problemas específicos que serão abordados. Os resultados de simulações do sistema proposto corroborados pelos resultados experimentais que serão extraídos irão validar as propostas. Como resultado imediato destas investigações, pretende-se disponibilizar uma bancada experimental completa para o laboratório onde o projeto será desenvolvido, e ainda, publicações em periódicos internacionais contendo os resultados desta pesquisa.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darliane Ribeiro Cunha

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • sustentabilidade e inovação nos portos brasileiros
  • Um dos grandes desafios enfrentados pelas empresas é reduzir os impactos socioambientais e alcançar a sustentabilidade. A inovação é um dos mecanismos que as empresas têm utilizado para introduzir práticas sustentáveis nos seus processos produtivos. As empresas precisam lidar com um cenário cada vez mais competitivo, onde a inovação é considerada como uma necessidade de sobrevivência. As inovações em produtos ou processos podem ser responsáveis pela redução do impacto das atividades empresariais no meio ambiente. O estudo apresenta como objetivo geral analisar as inovações e as práticas de sustentabilidade realizadas pelos portos públicos brasileiros. A população do estudo é os 35 portos públicos brasileiros. Trata-se de uma pesquisa de campo exploratória e descritiva que envolve uma análise quali-quantitiva.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darlisson de Alexandria Santos

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • reaproveitamento de lignina a partir de resíduos lignocelulósicos visando o desenvolvimento de formulações químicas aplicando-se óleos essenciais como compostos bioativos
  • O reaproveitamento de biomassa, sobretudo dos materiais lignocelulósicos, tem sido alvo de diversas pesquisas. Algumas destas linhas de pesquisa visam o desenvolvimento de biotecnologia através do reaproveitamento da lignina – usualmente um resíduo da indústria de papel e polpa celulósica – na produção de novos materiais que podem ter uma vasta gama de aplicações na química fina, na indústria de adesivos e surfactantes ou mesmo na área de saúde e controle de pragas. Alguns trabalhos mais recentes têm focado no desenvolvimento de formulações químicas à base de lignina para aplicação como protetor solar e também para a liberação controlada de compostos bioativos no organismo ou no meio ambiente. No entanto, não há relatos do desenvolvimento de formulações químicas à base de lignina que usem como compostos bioativos os terpenos de óleos essenciais, os quais são conhecidamente responsáveis por apresentar uma grande variedade de atividades biológicas. Também não há relatos do uso de diferentes fontes de lignina e diferentes métodos de extração da mesma para estudo da relação entre a constituição química da lignina e as propriedades físico-químicas das formulações desenvolvidas. Desta forma, este projeto se propõe ao estudo dos efeitos causados pela constituição estrutural da lignina sobre a estabilidade das formulações químicas, baseado no grau de degradação causado pelo método de extração e pela origem da lignina. Também é proposta deste trabalho desenvolver formulações químicas à base de lignina que contenham óleos essenciais de plantas medicinais usadas pela população da região sudeste do Pará, bem como avaliar as atividades biológicas dos óleos essenciais e das formulações químicas que os contenham.
  • Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darlize Teixeira de Mello

Ciências Humanas

Educação
  • a avaliação das habilidades de compreensão leitora de alunos alfabetizandos: provinha brasil e avaliação diagnóstica do programa mais alfabetização e a base nacional comum curricular.
  • A avaliação tem tido uma presença marcante na implantação de diferentes políticas públicas. Articuladas ao Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), a partir do Plano de Metas Compromisso de Todos pela Educação, um conjunto de avaliações foram produzidas, quais sejam: Sistema de Educação Básica (Saeb), Avaliação Nacional do Rendimento Escolar (Prova Brasil), Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA), referentes a avaliações externas, e Provinha Brasil e Avaliação Diagnóstica do Programa mais Alfabetização, refrentes a avaliações externas/diagnósticas. Os instrumentos de avaliação - Provinha Brasil (2008-2016) e Avaliação Diagnóstica do Programa Mais Alfabetização (2018) - objetivam oferecer aos professores e aos gestores das escolas públicas e das redes de ensino um diagnóstico do nível de alfabetização dos alunos, ainda no início do processo de aprendizagem. Permitem, com isso, intervenções com vistas à correção de possíveis insuficiências apresentadas na área da leitura e da escrita. Destinada aos alunos em processo de alfabetização nos primeiros anos do ensino fundamental (1º e 2º anos), a Provinha Brasil é aplicada em alunos matriculados no segundo ano de escolarização do ensino fundamental. Já a outra avaliação, é aplicada em alunos de primeiro e segundo anos do ensino fundamental. A presente pesquisa fará uma análise documental comparativa entre os dois instrumentos avaliativos e a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), buscando problematizar e discutir a concepção de leitura e as habilidades leitoras a serem avaliadas nesses instrumentos e presentes na BNCC. Examinará a relação entre as matrizes de referências: eixos e descritores de cada edição, os testes a serem aplicados nos alunos alfabetizandos e as escalas de níveis de desempenho, comparando os dados com a Base Nacional Comum Curricular. O trabalho apoia-se na perspectiva dos Estudos Culturais em Educação e caracteriza-se como qualitativo com foco descritivo-analítico. Cabe salientar que, na perspectiva de análise discursiva que essa pesquisa se insere, os textos documentais (Provinha Brasil, Avaliação Diagnóstica do Programa Mais Alfabetização e a Base Nacional Comum Curricular) serão analisados como resultado de um processo de construção social, artefatos culturais, uma vez que produzem identidades e subjetividades no contexto das relações de poder numa arena de significados sobre o processo de leitura do aluno alfabetizando.
  • Universidade Luterana do Brasil - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Darren Norris

Outra

Ciências Ambientais
  • tracajás como espécie bandeira para conservação de biodiversidade ao longo rios amazônicas no estado do amapá.
  • A liberação de mercúrio está relacionada fortemente com à expansão hidrelétrica e à exploração do ouro. Assim sendo, é urgente aumentar a vigilância e reduzir os níveis de mercúrio no meio ambiente e, consequentemente, seus efeitos sobre a população humana. O desenvolvimento socioeconômico e o bem-estar humano estão intimamente ligados aos serviços de apoio (reciclagem de nutrientes), abastecimento (água potável, energia), regulação (sequestro de carbono) e cultural (espiritual, histórico, recreativo) fornecidos por rios e vias aquáticos navegáveis. Portanto, conservar a biodiversidade e mitigar os impactos socioeconômicos resultantes dos usos múltiplos de rios é, portanto, uma prioridade para o desenvolvimento sustentável e a conservação da biodiversidade. Compromissos nacionais para remover a pobreza significam que a expansão hidrelétrica deve continuar na Amazônia brasileira. Apesar da geração de energia renovável, as mudanças ambientais e socioeconômicas causadas por projetos hidrelétricos interferem nos regimes hidrológicos e no equilíbrio dos e também influenciam a saúde e a subsistência das comunidades locais. Para permitir o engajamento de várias partes interessadas (de crianças a proprietários de terras locais a empresas de eletricidade), optamos por concentrar ações em torno da conservação do tracajá (Podocnemis unifilis) em um cenário de desenvolvimento socioeconômico único (Estado do Amapá). Tracajás representam serviços ecossistêmicos de abastecimento (comida, fonte de renda) e serviços culturais para as populações da Amazônia. Além disso, tracajás dependem dos ambientes terrestres (nidificação) e aquático (alimentação / reprodução), representando uma ligação entre ambientes terrestres e aquáticos. Tracajás também sofrem bioacumulação de mercúrio e, portanto representem uma fonte potencial de mercúrio orgânico afetando saúde humano em ambientes ribeirinhos. Portanto, as pesquisas propostas focados em tracajás oferecem múltiplas oportunidades para atingir objetivos de engajamento, pesquisa e conservação da biodiversidade. Assim, gerando informações necessárias para Brasil em relação os compromissos assumidos na Convenção de Minamata.
  • Universidade Federal do Amapá - AP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Davi de Carvalho Diniz Melo

Engenharias

Engenharia Civil
  • disponibilidade hídrica em eventos extremos nas bacias hidrográficas do rio paraná e são francisco: da seca meteorológica aos impactos na produção agrícola
  • Desastres naturais (secas, enchentes, etc) têm resultado em perdas humanas e grandes prejuízos financeiros em diversos lugares do mundo. Os recentes períodos de seca ocorridos na região nordeste e sudeste do Brasil mostraram a importância de se dispor de estratégias de mitigação dos efeitos decorrentes desses eventos extremos. Um pré-requisito para prever impactos desses eventos no futuro, é compreender como os mesmos ocorreram no passado, caracterizando-os espacial e temporalmente. Diante do exposto, o objetivo desta proposta é quantificar os impactos de secas na disponibilidade hídrica e produtividade agrícola nas bacias hidrográficas dos rios Paraná e São Francisco. Para isso, faz-se necessário (i) compreender como a seca meteorológica é traduzida em termos de seca agrícola e hidrológica; (ii) quantificar os impactos das secas na produtividade agrícola e(iii) sobre os processos hidrológicos. Como resultados da pesquisa, espera-se obter informações espaço-temporais dos impactos das secas na umidade do solo; identificar as áreas mais vulneráveis às secas hidrológicas e agrícolas; e gerar informações que auxiliem no processo de gerenciamento espacial dos recursos hídricos superficiais. De maneira resumida, espera-se poder responder o seguinte questionamento: Em situação de seca, qual a disponibilidade de água no solo e mananciais superficiais e onde ela ocorre nas bacias dos rios Paraná e São Francisco?
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Davi do Socorro Barros Brasil

Ciências Agrárias

Engenharia Agrícola
  • cadeia produtiva da mandioca açucarada (manihot esculenta crantz) e organização social de produtores de base familiar do estado do pará em sistema de cooperativa: seleção de cultivares, desenvolvimento de produtos, aproveitamento e tratamento de resíduos
  • O objetivo deste projeto é desenvolver atividades de pesquisa, extensão e organização social na cadeia produtiva da mandioca, inserção da mandioca açucarada (Manihot esculenta Crantz) comumente encontrada na Amazônia Brasileira. Alternativas de produção de mandioca e perspectivas de mercado, bem como, capacitação técnica serão propostas aos produtores rurais com o objetivo de fortalecer e desenvolver suas organizações sociais (cooperativas e associações). O projeto será desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal do Pará (FEQ/ITEC/UFPA e FEA/ITEC/UFPA) em parceria com pesquisadores da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) e o apoio da Incubadora Tecnológica de Empreendimentos Solidários (ITES) da UFRA em parceria com a Cooperativa de produtores rurais (COOPSAF) e com a Associação de produtores (APROCAMP), comunidades que estão localizadas no município de Santo Antônio do Tauá, estado do Pará. Portanto, para atingir os objetivos e metas propostos neste projeto serão realizadas ações nos segmentos de melhoria de técnicas agrícolas, processos e produtos e aproveitamento e tratamento de resíduos. No segmento de técnicas agrícolas serão realizados ensaios de competição de cultivares produtoras de amidos especiais (mandioca açucarada); instalação de unidade piloto de sistema de produção, na qual serão utilizadas técnicas mais sustentáveis, como a consorciação de culturas (mandioca+leguminosa) e processo de apropriação tecnológico e organização social. Segmento de processos e produtos – otimização dos parâmetros de processo para produzir concentrado açucarado com características compatíveis com os produtos comerciais, atualmente produzidos no Brasil a partir do milho; fazer a extração do amido e avaliar a sua viabilidade para a aplicação na produção de biofilmes de amido, matéria prima usada na produção de bioplásticos, entre outras aplicações. Segmento de aproveitamento e tratamento de resíduos sólidos e líquidos – processos tecnológicos, bem estabelecidos, na área da engenharia química serão usados: um processo de secagem será empregado no aproveitamento de biomassa, processos de sínteses de bioadsorventes e adsorção para aproveitamento de resíduos sólidos e o efluente líquido, que não possa ser aproveitado será tratado usando um reator anaeróbio-aeróbio, os produtos resultantes do tratamento poderão ser empregados na agricultura sem riscos ambientais para o solo ou recurso hídrico. Os resultados deste projeto devem recomendar novas cultivares para o sistema de produção da mandioca açucarada no estado do Pará, produzir mudanças no atual sistema de produção com a introdução de novos insumos que permitam aos produtores ampliar a área cultivada e recomendar tecnologias para o aproveitamento comercial de mandioca açucarada no estado do Pará.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 08/09/2018-30/09/2021
Foto de perfil

Davi Fernando Back

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • complexos derivados do piridoxal. avaliação das atividades antioxidantes/pró-oxidantes, citotoxicidade, potencial de clivagem do dna e genotoxicidade.
  • As espécies reativas de oxigênio (EROS) podem atuar na fagocitose sendo apontadas como responsáveis por combater agentes agressores, consideradas de extrema importância para auxiliar o sistema imunológico. Contudo, o aumento excessivo na produção de EROs leva ao estresse oxidativo, condição na qual o DNA, as biomoléculas e tecidos circundantes são lesionados, de forma a induzir processos inflamatórios e apoptóticos. Também estão associadas a este tipo de dano patologias como diabetes, alguns tipos de câncer e doenças neurodegenerativas, como Parkinson, Alzheimer e atrofias musculares. A fim de minimizar este tipo de lesões os organismos vivos biossintetizam enzimas antioxidantes como a superóxido dismutase, a catalase, a glutationa peroxidase e tiorredoxina redutase, capazes de converter as EROs em formas oxigenadas menos nocivas. A superóxido dismutase (SOD), por exemplo, corresponde a uma família de metaloenzimas que atuam na conversão dos radicais superóxido em peróxido de hidrogênio e oxigênio molecular. Estas enzimas podem apresentar diferentes centros metálicos em seus sítios ativos, como cobre/zinco, ferro, manganês e níquel. Apesar de apresentarem alta seletividade, a aplicação de metaloenzimas isoladas como medicamentos (pró-fármacos) ou processos industriais torna-se inviável devido à sua onerosa obtenção e purificação tornando o processo final economicamente desfavorável. Entretanto, esta situação estimula a pesquisa da obtenção de miméticos com ação similar ao efeito catalítico dessas metaloenzimas, o que constitui um campo promissor para pesquisas bioinorgânicas em atividade antioxidante. A utilização de moléculas de importância biológica na síntese de antioxidantes é de grande interesse, objetivando a obtenção de compostos biologicamente ativos e compatíveis com as atividades metabólicas do organismo. Para isso, podem ser utilizadas moléculas de baixo peso molecular que apresentam grande importância biológica como o piridoxal, uma das seis variações da vitamina B6. A derivatização da molécula de piridoxal com moléculas ricas em funções fenóis, carbonilas e organocalcogenetos promove a obtenção de novos ligantes que podem apresentar atividade antioxidante. Essa atividade antioxidante pode por sua vez ser acrescida pela presença de um centro metálico. Desta forma, os ligantes, bem como o centro metálico, podem apresentar atividade antioxidante sinérgica e ambos mecanismos antioxidantes podem ocorrer. Para uma avaliação da atividade antioxidante, pretende-se realizar a avaliação dos ligantes e complexos pelos métodos associados ao radical difenil picrilhidrazil (DPPH), pelo método do poder antioxidante de redução do ferro (Ferric Reducing Antioxidant Power – FRAP), além do método de fotorredução do cloreto de azul nitrotetrazólio (NBT). Por outro lado, a atividade pró-oxidante dos complexos também deve ser avaliada, uma vez que inúmeros relatos da literatura afirmam que complexos de baixo peso molecular podem apresentar características “promiscuas”, ou seja, o mesmo complexo pode apresentar uma atividade antioxidante, bem como pró-oxidante, questão essa que dependerá do substrato a ser avaliado. A atividade pró-oxidante será avaliada pelas metodologias de oxidação de fenóis e aminas aromáticas mimetizando as peroxidases. Associado aos resultados das atividades antioxidantes/pró-oxidantes dos complexos, pretende-se avaliar e correlacionar com as suas características de citotoxicidantes, uma vez que inúmeros relatos da literatura apontam que complexos podem apresentar interações com DNA e atividade citotóxica através de formas não convencionais devido as suas características espectrais, eletroquímicas, estrutura tridimensional, característica catiônica e possíveis solubilidades em água. Por exemplo, o desenvolvimento de complexos capazes de se ligarem ao DNA e também de clivar o DNA tornou-se uma área de grande investigação, pois permite o estudo da estrutura e da oxidação de DNA, obtenção de modelos de conformação do DNA e desenvolvimento de compostos antitumorais e antivirais. Em estudos recentes, reportamos que complexos de CuII utilizando base de Schiff derivada de piridoxal e haloanilina apresentaram bom potencial para clivagem do DNA.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022