Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Edson Luiz Padoin

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • paralelismo, portabilidade e eficiência de aplicações sísmicas em sistemas com arquitetura de larga escala
  • A modelagem geofísica continua sendo fundamental para atender a demanda por recursos energéticos. Nesse contexto, as indústrias de petróleo e gás usam cada vez mais com softwares de HPC como uma maneira economicamente viável de reduzir os riscos em suas pesquisas. Os algoritmos de propagação de ondas são usados rotineiramente na indústria de petróleo e gás e em análises de movimento de sons na sismologia. O Método de Diferença Finita (FDM) é utilizado na resolução deste problema a atualmente está no centro de muitas simulações numéricos em outros campos. A grande maioria dos cálculos de aplicações sísmicas baseados em estêncil que são atualmente paralelizados demandam de recursos de HPC. Em suas simulações, no processamento são definidos padrões que replicam o mesmo cálculo em todo o domínio de dados. Nestes cálculos, o FDM é utilizado para discretizar as Equações Diferenciais Parciais (PDE) para avaliar o ponto atual da grade cartesiana 3D. Estas simulações demandas muito poder de processamento, uma vez que o algoritmo é aplicado em todos os pontos até completar toda a grade espacial. Para atender às grandes demandas de processamento, diferentes arquiteturas paralelas têm sido projetadas e construídas empregando processadores compostos de múltiplas unidades de processamento. No entanto, percebe-se que algumas aplicações científicas, quando paralelizadas, geram tarefas com diferentes cargas computacionais o que resulta em desbalanceamento de carga entre os nodos de processamento. Para enfrentar tal característica, abordagens de mapeamento e migração de tarefas são aplicadas almejando melhorar a distribuição de carga entre os recursos de processamento disponíveis reduzindo o desbalanceamento de carga e o tempo de execução das aplicações. No entanto, a maioria das aplicações de sísmica apresentam comportamento dinâmico, que geram desbalanceamento de cargas, ou excessiva comunicação entre os processos, dificultando uma eficiente utilização dos sistemas de computação. As aplicações de sísmicas buscam usam um grande volume de dados, apresentam elevada complexidade e demandam um grande poder de processamento computacional. Um problema comumente enfrentado quando aplicações sísmicas são executadas em sistemas computacionais de alto desempenho é o gerenciamento da execução das tarefas com diferentes cargas computacionais. Tal característica gera um desbalanceamento de carga entre os nodos de processamento durante a execução das aplicações paralelas, impedindo a utilização de todo o potencial das arquiteturas paralelas. A grande motivação para o desenvolvimento de pesquisas na área de balanceamento de carga surge da necessidade de melhoria nas atuais estratégias que utilizam diferentes abordagens e levam em consideração a carga das tarefas em seus algoritmos. Tais pesquisas têm sido aplicadas conjuntamente com pesquisas na linha de eficiência energética, onde percebe-se que a grande maioria das aplicações que são executadas em sistemas de HPC utilizam grandes volumes de dados, o que pode torna-se um gargalo de desempenho podendo resultar em desperdícios de energia. Nesse contexto, o desenvolvimento de pesquisas em busca de alternativas para aumentar a eficiência através do emprego de arquiteturas de baixa potência, alimentadas por processadores ARM é de suma importância. Alguns abordagens têm sido propostas para aumentar o desempenho de sistemas computacionais. Entretanto a grande maioria delas possui foco principal no balanceamento de carga, utilizando apenas informações de carga, comunicação entre as tarefas ou organização do sistema computacional, ignorando informações de demanda de potência dos nodos de processamento na tomada de decisões. Nesse contexto, este projeto busca a portabilidade, a otimização de aplicações de sísmicas em ambientes paralelos de larga escala empregadas em pesquisas de petróleo por meio de melhorias nos Modelos Numéricos de stencil para Aplicações Sísmicas, otimização das estratégias de Balanceamento de Carga e Operações de Entrada e Saída e redução do Consumo de Energia.
  • Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Luiz Silva

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • co-digestão de glicerol bruto e vinhaça de cana-de-açúcar em reatores anaeróbios de leito fluidificado termofílicos operando como sistemas de tratamento de dois estágios para produção de hidrogênio e metano
  • A produção de hidrogênio e metano a partir da digestão anaeróbia de um único substrato é dificuldada desbalanceamento nutricional. Para sanar este inconveniente há a aplicação de um ou mais substratos no pocesso de digestão, denominada co-digestão anaeróbia. Além de promover balanço nutricional do processo, a co-digestão ainda melhora a estabilização do sistema. Esse processo ocasiona em efeitos sinérgicos nos microrganismos, na diluição de substâncias inibitórias e no aumento da biodegradabilidade da matéria orgânica. Ademais, a utilização de plantas de co-digestão permitem o tratamento de duas ou mais águas residuárias com um mesmo aparato. A vinhaça e o glicerol bruto são águas residuárias, oriundas do processo de produção de etanol e biodiesel, respectivamente. Apesar de serem avaliadas individualmente para produção de hidrogênio e metano, ainda não foram objeto de estudos de sistemas de co-digestão. A digestão simultânea das duas águas residuárias consiste no aproveitamento do elevado teor de carbono do glicerol (0,9 a 1,6 kgDQO/L) aliado ao suprimento de nutrientes contidos na vinhaça (nitrogênio, fósforo, potássio e íons sulfato). Deste modo, este projeto de pesquisa propõe a avaliação da co-digestão termofílica (55 ± 1°C) de glicerol bruto e vinhaça de cana-de-açúcar na produção de hidrogênio, metano e compostos de alto valor agregado. O período experimental será dividido em três etapas, em todos os reatores anaeróbios de leito fluidificado (RALF) a temperatura e a concentração afluente total permanecerão fixos em 55 °C e 15 gDQO.L-1, respectivamente. Com o objetivo de investigar a melhor proporção dos co-substratos (glicerol bruto + vinhaça) nas relações: (3,75 + 11,25 gDQO.L-1), (7,50 + 7,50 gDQO.L-1) e (11,25 + 3,75 gDQO.L-1) e o melhor material suporte (argila expandida, poliestireno e pneu triturado) serão operados seis RALF, três acidogênicos (TDH = 2 H) e três metanogênicos (TDH = 36 H). Para avaliar o efeito do tempo de detenção hidráulica (TDH), serão operados um RALF acidogênico (TDH de 8 a 0,5 h) e outro metanogênico (TDH de 48 a 12 h), com os materiais suporte e proporções que apresentarem os melhores resultados na etapa anterior. Para analisar a produção de metano a partir do efluente do reator acidogênico (produção sequencial de hidrogênio e metano), um reator metanogênico sequencial será operado com TDH decrescendo de 36 a 6 h. As eficiências da produção de metano e de redução do potencial poluidor do reator metanogênico sequencial, serão comparadas com as eficiências de um reator metanogênico individual operado sob suas mesmas condições.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Pinheiro de Lima

Engenharias

Engenharia de Produção
  • desenvolvimento de modelo de analytics para o desempenho de operações produtivas
  • A complexidade e dinâmica atuais do ambiente econômico têm um efeito direto no desempenho dos processos de produção das empresas, e vêm desafiando os modelos adotados para o gerenciamento de suas operações. Neste contexto, se destacam: a complexidade dos fatores que definem o desempenho das operações; a dinâmica de comportamento interno e externo das variáveis que definem e delimitam o sistema de gestão das operações; as trajetórias de desenvolvimento e evolução que interconectam as perspectivas de longo e curto prazos da estratégia de operações; e o uso cada vez mais intensivo da abordagem baseada em recursos (RBV) para o projeto e especificação da estratégia de operações. Esta proposta de pesquisa se pauta no desenvolvimento de um processo analítico, baseado em técnicas de big data, para estudar as causalidades entre fatores que determinam as políticas e os objetivos de desempenho de um sistema de produção, os quais se encontram também representados nos indicadores de desempenho. Os resultados são definidos pelo modelo que descreve o conteúdo da análise e o processo para organizar e estudar os dados e informações de desempenho das operações de produção.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Porto da Silva

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • processamento avançado de sinais para sistemas de comunicações ópticas de alta capacidade
  • Esta proposta de pesquisa contribuirá para o desenvolvimento de técnicas avançadas de processamento de sinais para comunicações ópticas. Para execução deste projeto é considerada a participação de alunos da graduação do curso de Engenharia Elétrica da Unidade Acadêmica de Engenharia Elétrica (UAEE) do Centro de Engenharia Elétrica e Informática (CEEI) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), alunos do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica da UFCG (COPELE) e colaboração de pesquisadores da Technical University of Denmark (DTU). Com uso dos recursos solicitados neste projeto, objetiva-se promover melhorias na infraestrutura para desenvolvimento de pesquisas em comunicações ópticas. Este projeto trata de questões fundamentais em sistemas ópticos de alta capacidade e contribui ainda para o desenvolvimento científico e tecnológico em uma área estratégica para o desenvolvimento nacional: Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).
  • Universidade Federal de Campina Grande - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Ronaldo Guarido Filho

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • legitimidade e organizações da justiça: análise do contexto brasileiro
  • O presente projeto de pesquisa tem como objetivo analisar o problema da legitimidade no âmbito das organizações da Justiça no contexto brasileiro, defendendo a orientação processual do fenômeno em nível organizacional. O enfoque teórico adotado é de base institucionalista, articulando a perspectiva do institucionalismo organizacional com a sociolegal. O recorte sobre as organizações da Justiça, deu-se em função da sua importância na estruturação social e no arcabouço institucional do Estado e da sociedade brasileira. A medida que este projeto se preocupa com a legitimidade das organizações da Justiça, ele procura dar atenção aos aspectos que são tomados como base para sua avaliação social e justificação. Três são os eixos orientadores deste projeto com o intuito de alcançar o objetivo geral: (1) o problema das organizações institucionalizadas, como é o caso de algumas organizações do sistema de Justiça, aqui delimitado pela preocupação em aprofundar o conhecimento acerca de como essas organizações são avaliadas socialmente, ainda que fortemente institucionalizadas na estrutura do Estado e do Direito; (2) o problema da legitimidade, neste projeto delimitado pela preocupação em (a) distinguir analiticamente instituições e organizações como objeto de legitimidade, bem como sua mútua influência no contexto empírico do sistema de justiça, (b) explorar a dinâmica negociada e contestada da legitimidade organizacional e, (c) avançar sobre a possibilidade de operacionalizar a legitimidade de organizações da justiça face à sua multidimensionalidade e; (3) o problema da administração da Justiça, aqui delimitado como expressão do interesse em compreender como aspectos organizacionais, interorganizacionais e institucionais influenciam o impacto sobre o provimento de justiça no contexto brasileiro. Foram traçados cinco objetivos específicos de pesquisa no curso do presente projeto: (i) caracterizar a literatura acerca do tema da legitimidade no âmbito das organizações institucionalizadas (e, em específico, das organizações da justiça); (ii) descrever a natureza multidimensional da legitimidade organizacional no contexto do sistema de justiça brasileiro; (iii) analisar a natureza contenciosa dos processos de legitimação e os esforços discursivos empreendidos por diferentes atores interessados na legitimidade de organizações da justiça no contexto brasileiro; (iv) analisar a influência do alinhamento entre expectativas institucionais e a efetividade das atividades rotineiras sobre a legitimidade de organizações da justiça; (v) elaborar instrumento analítico acessório para a apreensão de aspectos relacionados à legitimidade de organizações da justiça no contexto brasileiro. Como espaços empíricos da pesquisa, pretende-se analisar, em primeiro lugar, a multidimensionalidade da legitimidade, entre outras formas, por meio da análise de situação específica envolvendo a discussão em torno da reforma dos Tribunais de Contas brasileiros. A segunda situação terá como objeto de análise a relação entre legitimidade institucional e organizacional, a fim de capturar o componente processual (contestado e negociado) da legitimidade em casos associados à dinâmicas de organizações como o Tribunal Superior Eleitoral, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal. A terceira situação visa elaborar instrumento analítico de pesquisa com vistas à análise da legitimidade de organizações da Justiça atuantes no contexto brasileiro. Todas as situações tomam como foco a relação entre legitimidade organizacional e institucional de organizações da Justiça no contexto brasileiro. Como resultado, entre outros aspectos, espera-se melhorar a compreensão da distinção e interação da legitimidade institucional e organizacional, refletindo acerca das implicações sociais decorrentes do modo como a ação rotineira de organizações da justiça reforçam ou diminuem a convergência com expectativas de ordem institucional; ampliar os estudos de administração em organizações da justiça, sobretudo pelo viés da análise institucional, por meio da atenção às dimensões discursivas e processuais da legitimidade de organizações institucionalizadas, como os tribunais e; subsidiar a criação do Observatório da Legitimidade de Organizações da Justiça, em plano para operar a partir de 2021, tomando como base os empreendimentos acumulados de pesquisa sobre o tema.
  • Centro de Pesquisa da Universidade Positivo - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Edson Zambon Monte

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • inter-relações (co-movimentos) nos mercados financeiros: análises para (e entre) os mercados internacionais e o mercado nacional
  • Ao longo das últimas duas décadas os debates sobre a integração financeira têm se intensificado, especialmente quando da ocorrência de crises econômicas mundiais. De acordo com Billio et al. (2010), mensurar a integração financeira e sua evolução ao longo do tempo é de suma importância, uma vez que tal integração tende a nortear os agentes econômicos (políticos e investidores) quanto às suas decisões futuras. Este trabalho, a priori, tem duas principais pretensões: i) examinar o padrão de inter-relação (co-movimentos) dos mercados financeiros internacionais; e, ii) examinar o padrão de inter-relação (co-movimentos) dos preços de ações das empresas que compõem o índice IBOVESPA, da Bolsa de Valores de São Paulo (BOVESPA). Para tanto, serão utilizadas as seguintes técnicas estatísticas econométricas: i) análise de componentes principais, aplicada aos resíduos do modelo VAR-GARCH (vetorial autoregressivo/heteroscedasticidade condicional autorregressiva generalizada); ii) modelo vetorial autorregressivo (VAR); iii) teste de cointegração de Johansen; e, iv) modelo multivariado GARCH-BEKK. A pesquisa compreenderá, inicialmente, o período de janeiro de 1997 a dezembro de 2018, utilizando dados diários. Caso seja possível, as análises serão segmentadas da seguinte forma: i) período pré-crise do subprime (iniciada em meados do ano de 2007, nos Estados unidos), compreendendo o período de janeiro 1997 a julho 2007; ii) período de crise, entre agosto 2007 e dezembro 2009; e, iii) período pós-crise, considerado aqui como o período de janeiro de 2010 a dezembro de 2018. Como principais resultados, espera-se que: i) no período da crise do subprime, existiu uma substancial correlação entre os mercados financeiros dos países, em termos de co-movimentos dos índices financeiros (“efeito contágio”), especialmente para aos países desenvolvidos; e, ii) o mercado de ações do Brasil é fortemente afetado por fatores externos (internacionais), especialmente por crises como a do subprime.
  • Universidade Federal do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduarda Ângela Pessoa Cesse

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • avaliação do acesso à saúde de pessoas com obesidade mórbida na rede sus em pernambuco
  • A obesidade tem se destacado mundialmente como um evento de proporções globais e prevalência crescente. Sua prevalência entre adultos e crianças dobrou em 73 países no período de 1980 a 2015, e mostrou um aumento contínuo na maioria dos outros países. A obesidade tem sido relacionada a várias doenças cardiovasculares e circulatórias, diabetes tipo 2, hipertensão arterial, doenças renais, e até alguns tipos de cânceres. No Brasil, dados atuais apontam que mais da metade da população está acima do peso recomendado e 18,9% dos brasileiros estão obesos. Estes números indicam um incremento substantivo de 26% no número de pessoas com sobrepeso e de 60% no número de obesos em dez anos. Estudo sobre a prevalência da obesidade mórbida, também denominada obesidade grave ou grau III, no país revelou que entre os anos de 1974 e 2003, a condição apresentou um crescimento de 255%, passando de 0,18% para 0,64%, respectivamente. O Nordeste foi a região que apresentou a evolução mais rápida do problema, aumentando em 760% no período analisado. Pessoas com obesidade grau III, definida pelo IMC maior ou igual a 40 kg/m2, que não obtiveram resposta após todos os planos de tratamento conservadores devem ser avaliados quanto à necessidade da cirurgia bariátrica. O tratamento cirúrgico é indicado em decorrência da ineficácia do tratamento não cirúrgico e pelo elevado risco de morte de uma obesidade clinicamente severa não tratada. Em 2016, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, as cirurgias bariátricas realizadas na rede pública de Pernambuco representaram apenas 14% do total daquelas realizadas no Estado. Filas de espera para realização do procedimento nos serviços públicos são cada vez mais comuns, demonstrando dificuldades no acesso à saúde por esses pacientes. A prevenção do sobrepeso/obesidade requer ações multifacetadas com vistas à implantação de políticas públicas capazes de reverter esse panorama de saúde. Nesse sentido, um amplo debate acerca das Redes de Atenção à Saúde (RAS) tem permeado o mundo, e no Brasil, desde 2010 existe um movimento para redirecionamento das práticas e serviços de saúde e implantação dessas. A sua implantação tem como objetivos intermediários o acesso à atenção à saúde, a continuidade assistencial e a coordenação assistencial, e seus objetivos finais são a equidade de acesso, eficiência dos serviços de saúde e melhoraria na qualidade da atenção. O acesso desempenha papel fundamental na prestação de uma atenção equânime e integral à saúde, e possui caráter multidimensional, em que cada dimensão expressa um conjunto de características da oferta que atua aumentando ou diminuindo a capacidade dos indivíduos de utilizarem serviços de saúde É oportuno esclarecer que o acesso aqui tratado supera a simples disponibilidade de um serviço. Compreende dimensões políticas, econômico-social, técnicas, organizativas e simbólicas, buscando-se compreender as políticas formuladas e sua execução, envolvendo a gestão com tomada de decisão e participação da sociedade, além das práticas operadas no dia a dia dos serviços de saúde e as subjetividades dos usuários. Passadas três décadas da implantação e implementação do SUS, entretanto, ainda se observam diversos problemas no acesso da população brasileira aos serviços de saúde apesar dos esforços e do arcabouço institucional e aparato jurídico-legal existentes. Como consequência, observam-se limitações para a concretização da integralidade e universalidade da atenção à saúde no país, e isto se torna ainda mais evidente quando colocado na perspectiva do acesso de obesos mórbidos aos serviços de saúde. Assim, o objetivo desta pesquisa é avaliar o acesso de pessoas com obesidade mórbida em Pernambuco. Trata-se de uma pesquisa avaliativa, pautada pela abordagem qualitativa e quantitativa, visto que a utilização dos métodos em conjunto possibilita uma maior aproximação da realidade observada e compreensão de sua complexidade. A pesquisa será realizada nos quatro hospitais do estado de Pernambuco que prestam serviços públicos e são habilitados para realização da cirurgia de gastroplastia. Participarão pessoas com obesidade mórbida usuárias dos hospitais citados, e informantes-chave capazes de contribuir com a construção da história, caracterização da Linha de Cuidado à obesidade mórbida. A “obesidade mórbida” será adotada como evento sentinela, e será utilizado o Itinerário Terapêutico como ferramenta estratégica para alcance dos objetivos propostos. Assim, far-se-á a coleta de dados quantitativos e qualitativos a partir de levantamento documental e de prontuários dos pacientes, observação participante, questionário estruturado e entrevistas semi-estruturadas. Os dados quantitativos serão analisados estatisticamente, e os dados qualitativos por análise de conteúdo temática. Ao final, para dar maior robustez a pesquisa, os dados coletados serão triangulados para revelar os pontos de estrangulamento e as alternativas e inovações encontradas na atenção à saúde da obesidade mórbida em Pernambuco. Todos os preceitos éticos serão respeitados, conforme resolução Nº 466/12, preconizada pelo Conselho Nacional de Saúde para a pesquisa envolvendo seres humanos. Espera-se que os achados deste estudo possam ser utilizados para o norteamento de políticas públicas de enfrentamento à obesidade mórbida no Estado de Pernambuco, podendo extrapolar para outras esferas de governo. Espera-se ainda, que possa contribuir para o conhecimento científico, impactando positivamente no enfrentamento do sobrepeso/obesidade e agravos relacionados.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Eduardo Adilio Pelinson Alchieri

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • segurança e privacidade em replicação máquina de estados
  • A Replicação Máquina de Estados (RME) é uma abordagem muito utilizada na implementação de sistemas tolerantes a falhas. O modelo de execução e as garantias definidas na RME simplificam o trabalho dos desenvolvedores, que devem apenas se preocupar com a lógica de suas aplicações enquanto que a alta disponibilidade é garantida pelos protocolos da RME. Porém, uma limitação para uma utilização ainda maior desta abordagem está relacionada com suas propriedades de segurança e privacidade, pois não existem protocolos que integram estas propriedade neste modelo. Além do mais, replicar dados torna mais complexa a garantia de suas privacidades. Neste contexto, este projeto visa introduzir novas técnicas e protocolos que garantam propriedades de segurança e de privacidade para aplicações replicadas através de RME.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alberto Cusce Nobre

Ciências Sociais Aplicadas

Planejamento Urbano e Regional
  • limites e possibilidades da aplicação dos instrumentos urbanísticos: avaliação e prospecção
  • O presente projeto de pesquisa procura analisar os limites e as possibilidades da aplicação dos instrumentos urbanísticos implementados pelo Plano Diretor Estratégico (PDE) do Município de São Paulo de 2002, assim como prospectar as possibilidades implícitas na sua revisão em 2014, considerando os princípios que os regem, a saber: Função Social da Cidade e da Propriedade Urbana; a Equidade e Inclusão Sócio-territorial; a Gestão Democrática; e o Direito à Cidade. Para tanto será realizada uma avaliação da aplicação dos instrumentos, com ênfase naqueles de acesso à terra urbanizada para fins de habitação de interesse social (ZEIS, PEUC, e Cota de Solidariedade) e de financiamento a projetos de intervenção urbana (OODC, OUC, PIU e TDC). Posteriormente será realizada uma pesquisa de experiências referenciais nacionais e internacionais de enfrentamento dos mesmos problemas urbanos, por meio da utilização de instrumentos semelhantes. Por fim, será analisada a proposição de novos instrumentos e a reformulação dos antigos face às análises e pesquisas realizadas, para posterior prospecção da simulação da sua aplicação a partir de cenários propostos. Logicamente que a revisão dos instrumentos por si só não resolvem o problema da organização da produção espacial e muito menos resolvem os conflitos inerentes a esse processo. Contudo a compreensão dos seus limites e as possibilidades de revisão são contribuições de extrema importância para o Poder Público Municipal. Esse projeto complementará outro projeto regular FAPESP, processo número 2017/15.256-1.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves

Ciências Agrárias

Agronomia
  • caracterização filogenética e morfológica de alternaria alternata patótipo tangerina e da resistência do patógeno à estrobilurinas
  • Alternaria alternata patótipo tangerina causa a mancha-marrom-de-alternária (MMA) em tangerinas e seus híbridos, sendo uma das principais doenças fúngicas no Brasil e em várias partes do mundo. Apesar de sua importância, pouco é conhecido a respeito de sua filogeografia no Brasil. Assim, o primeiro objetivo deste projeto é realizar a caracterização filogenética, morfológica e de patogenicidade de A. alternata patótipo tangerina de diferentes regiões do país, de modo a estudar sua evolução no agro-ecossistema brasileiro assim como verificar se os estudos filogenéticos mostrarão ou não alinhamento dos isolados obtidos com alguma ou algumas das linhagens conhecidas, americanas, chinesas ou europeias. Serão feitos estudos filogenéticos com sequencias de endoPG, OPA1-3 e OPA2-1, e isolados representativos serão caracterizados morfologicamente utilizando microscopia de campo claro com DIC e eletrônica de varredura (MEV), além de testes de patogenicidade com tangerina, tangelo, tangor, e controles negativos com limão e laranja. Outro objetivo proposto é caracterizar a resistência A. alternata patótipo tangerina a fungicidas estrobilurinas (QoI), diante do recorrente insucesso do uso destas moléculas no manejo para o controle da MMA e alta frequência de aplicações. Ensaios in vitro serão realizados com diferentes doses de azoxystrobin e piraclostrobin para classificar os isolados como resistentes ou sensíveis. Estudos de mutações nos sítios de ação de QoIs serão feitos com o gene citocromo b. Para estudar o custo adaptativo da mutação G143A serão feitos estudos de fenotipagem de isolados representantes resistentes e sensíveis. Para isso serão feitas avaliações de germinação, crescimento in vitro, e processo infeccioso no hospedeiro, utilizando microscopia de luz e MEV; estudos de estresse oxidativo utilizando Microscopia laser confocal marcando espécies reativas de oxigênio, e estudando morte celular; Microscopia eletrônica de transmissão (MET) será utilizada para avaliar a ultra-morfologia de mitocôndrias de isolados resistentes e sensíveis a QoIs.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves de Almeida

Ciências Biológicas

Ecologia
  • alterações bioquímicas em girinos de rã touro expostos a herbicidas da cana-de-açúcar sob diferentes temperaturas.
  • Poluentes ambientais podem causar uma série de alterações em processos bioquímicos nos animais expostos, levando a prejuízos em seu status fisiológico, muitas vezes podendo comprometer seu desenvolvimento, reprodução e sobrevivência. Deste modo, avaliar os efeitos que diferentes poluentes exercem sobre a biota sob diferentes cenários ambientais é de grande relevância para a compreensão dos impactos causados pelos mesmos aos ecossistemas, gerando informações referenciais para o adequado manejo do ambiente. Muitos poluentes ainda não têm sua toxicologia totalmente conhecida, e mesmo quando se tem informações precisas dos mecanismos de ação tóxica, estes podem ser muito variáveis de acordo com a situação ambiental em que o organismo se encontra (por ex. variações na temperatura ou pH da água), seu status fisiológico, ou mesmo podem variar entre diferentes organismos de uma mesma espécie. Esse cenário torna o estudo ecotoxicológico complexo, o que requer amplo espectro de estudos para melhor caracterizar os prejuízos que os poluentes podem causar aos animais. Desta forma, o presente projeto tem como principal foco elucidar os efeitos toxicológicos de herbicidas usados no cultivo da cana-de-açúcar, associado à variação da temperatura da água. Nesse sentido, pretende-se avaliar as respostas toxicológicas em larvas de girinos de rã touro (Lithobates catesbeianus), após exposições controladas a herbicidas comumente encontrados em ambientes aquáticos próximos a cultivo de cana-de-açúcar, sob diferentes temperaturas. Serão avaliados parâmetros relacionados ao estresse oxidativo, enzimas de biotransformação, metabolismo de hormônios sexuais, e desenvolvimento das gônadas, e metabolismo de hormônios da tireóide, essenciais no processo de desenvolvimento e metamorfose desses animais até a fase adulta.
  • Fundação Universidade Regional de Blumenau - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Alves Portela Santos

Engenharias

Engenharia de Produção
  • estudo de técnicas para manutenção preditiva e prescritiva de sistemas cyber-físicos
  • A gestão de sistemas industriais tem contribuído para alta competitividade e desempenho a baixos custos, aumentando a relevância da Gestão da Manutenção e da análise de confiabilidade dos processos produtivos, que impactam na melhoria da disponibilidade, da eficiência, na qualidade dos produtos e nos requisitos de segurança e meio ambiente . Considerando a necessidade da disponibilidade e confiabilidade de ativos como questões críticas, aumenta a importância estratégica da Função Manutenção. Além disso, é também bem conhecido a partir de teorias de gestão de produção e estudos empíricos que uma manutenção eficiente e efetiva é parte integrante da estratégia de produção, e torna-se cada vez mais um fator crítico para a estabilidade geral do sistema de produção. A gestão da manutenção tem tido ainda um maior reconhecimento em função do rápido avanço tecnológico e do novo paradigma surgido recentemente: a Indústria 4.0 e os Sistemas Cyber-Físicos. A Indústria 4.0 refere-se aos últimos avanços tecnológicos na produção industrial, e caracteriza a transição global para a mais nova revolução industrial conhecida como a “quarta revolução industrial”. O governo alemão primeiro cunhou o termo, quando uma iniciativa denominada “Industrie 4.0” foi anunciada em 2011, por uma associação de representantes setores comercial, político e científico da Alemanha). O objetivo da associação era reforçar a competitividade da indústria transformadora alemã. Embora a Alemanha ainda lidera iniciativas voltadas a esse tema, hoje, empresas de todo o mundo vêm contribuindo para entregar plataformas da indústria 4.0. Neste contexto, a Indústria 4.0 é uma tendência atual no domínio da fabricação, baseada no conceito de "fábrica inteligente". Entre outros serviços organizacionais, a Indústria 4.0 requer um serviço de manutenção rápido e inteligente, a fim de garantir que as empresas implementem um sistema de produção eficiente. Os Sistemas Cyber-Físicos (do inglês Cyber-Physical Systems) (SCF), considerados como uma tecnologia emergente da Indústria 4.0, estão gradualmente permitindo desencadear uma mudança de paradigma da manutenção tradicionalmente preventiva e/ou preditiva para uma manutenção prescritiva. Em particular, abordagens de gerenciamento de manutenção hoje em dia são cada vez mais voltadas a um procedimento prescritivo automatizado e com sistemas de suporte à decisão. O sucesso de uma abordagem prescritiva depende basicamente de dois fatores: i) processar eficientemente uma grande quantidade de dados heterogêneos coletados de fontes de dados de chão de fábrica e de sistemas corporativos (por exemplo, MES, ERP) e ii) efetivamente gerar recomendações para melhorar e otimizar a gestão da manutenção e seus respectivos planejamentos em determinado horizonte de tempo. A gestão da manutenção, aplicada a Sistemas Cyber-Físicos e no contexto da Indústria 4.0, utiliza uma variedade de métodos, incluindo estatística avançada, modelos estocásticos, computação em tempo real, algoritmos de aprendizado de máquina, baseados em regras estáticas ou dinâmicas, dentre outros. O presente projeto de pesquisa encontra-se nesse contexto, uma vez que propõe uma ferramenta computacional para o suporte aos gestores da manutenção nas duas atividades típicas no chão de fábrica. Propõe-se para esse projeto o uso de diversas técnicas para criar o mecanismo a ser implementado na ferramenta proposta, como mineração de processos, modelos probabilísticos (Redes Bayesianas) e modelos preditivos.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Andrade Botelho de Almeida

Ciências Biológicas

Zoologia
  • consolidação da e-infraestrutura de dados abertos sobre a diversidade das abelhas nativas do brasil
  • Neste projeto, propomos o uso de meios reconhecidamente funcionais de expandir e atualizar grandes bancos de dados que darão acesso público e aberto a informações científicas básicas sobre a taxonomia e a distribuição geográfica das abelhas nativas do Brasil. Somente com tais conhecimentos bem estabelecidos, podemos subsidiar as tomadas de decisão por parte dos órgãos ambientais, as políticas públicas para a conservação de abelhas nativas e o desenvolvimento científico em taxonomia e quaisquer ações favorecidas pelo conhecimento da distribuição geográfica das abelhas do Brasil. O projeto prevê o aumento na quantidade e qualidade dos dados disponíveis online e o desenvolvimento de sistemas abertos e em formato útil e utilizável. As ações têm como premissa o trabalho cooperativo e em rede, que hoje já é oferecido por 12 coleções científicas de abelhas do país de oito estados da União e será expandido de modo a incluir quatro novas instituições aos bancos de dados e ainda aumentar o número de registros das instituições previamente participantes. Em termos da abrangência geográfica institucional, a rede passará a contar com 16 coleções nacionais de 12 estados da União, com coleções de cada região do país. Nossa meta é de aumentar o número de registros disponíveis online atualmente de 250.000 para ao menos 450.000 registros, além de disponibilizar mais de 7.000 fotografias de abelhas nativas. O principal resultado do componente taxonômico do projeto será a atualização do Catálogo de Abelhas Moure, a obra principal de referência compilando o conhecimento sobre a diversidade de abelhas da Região Neotropical. Desde sua publicação, há pouco mais de uma década, o Catálogo Moure representou um enorme avanço por trazer dados atualizados referentes ao número de espécies por país, em particular para o Brasil que passou a ter uma estimativa atualizada de sua riqueza de espécies de abelhas. Finalmente, mas não menos relevante, destaca-se o desenvolvimento de um sistema para identificar lacunas de dados taxonômicos e geográficos das abelhas nativas do Brasil. O sistema Lacunas de conhecimento das abelhas nativas do Brasil será desenvolvido seguindo o mesmo conceito utilizado para o sistema Lacunas de conhecimento da Flora e Fungos do Brasil. Esse sistema produzirá um relatório do status dos dados para cada espécie citada no Catálogo de Abelhas Moure, indicando o número de registros online e possíveis lacunas geográficas desses dados. As lacunas geográficas indicarão os Estados do Brasil cuja ocorrência da espécie é citada no catálogo, mas que não dispõem de dados de coleta daquela espécie naquele estado na rede speciesLink. Trata-se de uma ferramenta importante no estabelecimento de prioridades na digitação de dados, na integração de novos acervos à rede e na realização de novas coletas.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 03/07/2018-31/07/2021
Foto de perfil

Eduardo Andrade Botelho de Almeida

Ciências Biológicas

Zoologia
  • sistemática e biogeografia das abelhas eucerini (hymenoptera: apidae)
  • A Linhagem Eucerini é composta por seis tribos de Apidae: Ancylaini, Emphorini, Eucerini, Exomalopsini, Tapinotaspidini e Teratognathini. A monofilia dessa linhagem vem sendo confirmada por estudos utilizando caracteres da morfologia, dados genéticos e genômicos. Apesar de as abelhas Eucerini e grupos proximamente relacionados serem elementos importantes e conspícuos da fauna de abelhas, especialmente do Novo Mundo, muitos de seus táxons permanecem pouco (ou nunca) estudados no que tange suas relações filogenéticas e sua história biogeográfica. Isso é particularmente evidente no caso dos componentes neotropicais de Eucerini, que têm sua posição filogenética desconhecida e nada se sabe sobre sua história biogeográfica. Propõe-se aqui um estudo filogenético da tribo Eucerini e das tribos proximamente relacionadas com uma ênfase nos táxons neotropicais. Para isto serão usados dados de elementos genômicos ultraconservados (UCEs), obtidos por meio de sequenciamento de nova geração. O interesse pelo uso desses marcadores tem crescido consideravelmente, pois são extremamente eficientes para pesquisas filogenômicas. Com o arcabouço filogenético resultante, será possível estimar os tempos de divergência entre os grupos que compõem a Linhagem Eucerini e avançar na interpretação da história biogeográfica de Eucerini e táxons proximamente relacionados, considerando-se eventos geoclimáticos durante o Cenozoico que podem ter afetado a diversificação dessas abelhas.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Antônio Donadi

Ciências Biológicas

Imunologia
  • complicações neurológicas pós-infecção pelo vírus zika: contribuição de moléculas/genes de histocompatibilidade, receptores leucocitários, citocinas e fatores pós-transcricionais
  • Diversas complicações neurológicas graves têm sido descritas após infecção pelo vírus emergente ZIKA (ZIKV), particularmente, no Nordeste do Brasil. Essas observações aliadas às outras como a microcefalia indicam o neurotropismo do ZIKV. Casos de polineuropatia aguda flácida, diagnosticadas como síndrome de Guillain-Barré, aumentaram cinco vezes na população exposta ao vírus. O estado de Pernambuco foi o que apresentou o maior número de casos de complicações neurológicas do país. Também foram descritos casos de miosite, neurite óptica, mielite, encefalite e ADEM na mesma população. A gravidade dos casos levou a Organização Mundial de Saúde, em fevereiro de 2016, a decretar estado de "emergência de saúde pública de preocupação internacional" pelo aparecimento de sintomas neurológicos associados à infecção pelo ZIKV. Considerando que: i) a resposta imunológica frente aos vírus necessita apresentação de peptídeos virais às células TCD4+ por intermédio das moléculas de histocompatibilidade de classe II (HLA-DR, DQ e DP), ii) as células infectadas apresentam peptídeos virais, no contexto das moléculas clássicas de histocompatibilidade de classe I (HLA-A, B e C), para as células citotóxicas T CD8+, iii) as moléculas não clássicas de histocompatibilidade classe I (HLA-E, F e G, sendo o HLA-G a mais bem estudada) modulam a resposta imune via interação com receptores leucocitários ILT-2, ILT-4 em monócitos e em linfócitos CD4+ e CD8+ e, também, com receptores de linfócitos natural Killer, iv) as citocinas dos padrões de polarização Th1, Th2, Th17 e Treg (regulatórias) influenciam a resposta imune e a expressão de moléculas de histocompatibilidade, particularmente, as imunomodulatórias, como HLA-G, v) conhecimento dos peptídeos virais associados com a apresentação de antígenos (moléculas clássicas HLA de classe I e II) pode ajudar no desenvolvimento de vacinais antivirais, vi) o conhecimento de sítios de ligação das moléculas não clássicas com seus respectivos receptores pode contribuir para o entendimento dos mecanismos de modulação das células do sistema imune, vii) os microRNAs que agem nas regiões 3’ não traduzidas dos genes de histocompatibilidade modulam as expressões desses genes, e ainda, podem servir como marcadores biológicos das complicações neurológicas; neste estudo, propomos investigar: a) os perfis dos genes de histocompatibilidade de classe I (clássicos e não clássico) e de classe II, b) os perfis de genes que codificam os receptores para os genes não clássicos de classe I, c) os perfis de citocinas dos padrões Th1, Th2, Th17 e Treg e suas relações com a molécula HLA-G solúvel, d) microRNAs diferencialmente expressos em pacientes infectados pelo ZIKV apresentando ou não complicações neurológicas e sua relação com a expressão da molécula imunorregulatória HLA-G, e) validação dos microRNAs diferencialmente expressos em estudos funcionais e f) os alelos HLA apresentando frequências diferenciais entre pacientes com ou sem complicações neurológicas serão avaliados, por estudos in silico, para discriminar peptídeos alvo para vacinas e, também, para identificar peptídeos imunomoduladores, com base na interação da molécula HLA-G com os seus receptores. Os perfis genéticos e os pós-transcricionais (microRNAs) serão avaliados por sequenciamento de nova geração (next generation sequencing). As citocinas e as moléculas HLA-G solúveis serão avaliadas no plasma usando ELISA e ainda, avaliação de moléculas de histocompatibilidade em exossomos plasmáticos, usando ultracentrifugação, seguida de discriminação por Western-Blot. A validação funcional de microRNAs será realizada por ensaio luciferase. As análises computacionais e de bioinformática estrutural serão realizadas enfocando modelagem estrutural de alelos de histocompatibilidade por homologia e ab initio, além de ensaios de dinâmica molecular, docking peptídeo ZIKV/proteína de histocompatibilidade e docking proteína-proteína (HLA-G e seus receptores). Com o uso dessas estratégias, aliadas à descrição do genoma do ZIKV (relatada na literatura), as perspectivas de contribuição deste estudo incluem: i) determinação os perfis genéticos associados com susceptibilidade/proteção ao desenvolvimento de complicações neurológicas pós-infecção pelo ZIKV, ii) entendimento de alguns mecanismos patogênicos associados com as complicações causadas pela infecção pelo ZIKV, iii) identificação de peptídeos candidatos para o desenvolvimento de vacinas, iv) identificação de microRNAs associados com controle pós-transcricional da resposta imune, ou ainda, microRNAs que posam sirvam como marcadores de complicações neurológicas, v) continuação doas pesquisas em rede, com contribuição de investigadores nacionais e internacionais, cujas parcerias já estão implementadas, vi) publicação dos resultados em revistas de seleta política editorial e formação de recursos humanos qualificados, priorizando os níveis de doutorado e pós-doutorado com a qualificação de médicos neurologistas já atuantes no ensino na Universidade de Pernambuco. A equipe engloba médicos neurologistas da região Nordeste do Brasil que foram pioneiros na identificação e divulgação das complicações neurológicas pós-infecção por ZIKV (dois deles farão doutorado na USP, versando sobre o tema), pesquisadores nacionais e internacionais com experiência em estudos imunogenéticos e em estudos de bioinformática. Os componentes da equipe têm experiência em estudos em rede nacionais e internacionais.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 03/10/2016-31/10/2020
Foto de perfil

Eduardo Antonio Ferraz Coelho

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • desenvolvimento de uma nova plataforma de diagnóstico rápido para a leishmaniose visceral no brasil empregando antígenos recombinantes de parasitos incorporados a sistemas point-of-care desenvolvidos por tecnologia de microfluidos
  • A leishmaniose visceral (LV) vem expandindo sua presença em várias áreas urbanas em nosso país. Neste projeto, pretende-se desenvolver e validar um teste rápido para o diagnóstico da LV humana empregando antígenos recombinantes previamente identificados por nosso grupo de pesquisa por meio de análises imunoproteômicas e phage display utilizando, para tal, uma plataforma de imunocromatografia de fluxo lateral desenvolvida pelo grupo coordenador pelos professores Myron Christodoulides e Collin Sones, da University of Southampton, Reino Unido. Tal kit deverá apresentar facilidade de produção, baixo custo e facilidade de uso por pessoas e profissionais sem formação específica na área. Os dispositivos portáteis pilotos serão testados em soroteca dos laboratórios e em centros de atendimento participantes do projeto, além da população de Araçuaí/MG e região, como prova de conceito do teste. As investigações propostas são de natureza interdisciplinar e envolvem diversos grupos e instituições de pesquisa e/ou de assistência médica com experiência no atendimento e estudo das leishmanioses, tanto no Brasil quanto no exterior (Reino Unido). Procuraremos abranger o conceito de saúde Pública e de apoio ao Sistema Único de Saúde (SUS) por meio de parceria de nosso centro de pesquisa com uma Universidade estrangeira de renome internacional e a assistência à Saúde em uma região endêmica de LV carente de investimentos e recursos humanos voltados para a área, podendo também ser expandida para outras regiões do Brasil. Há a necessidade da integração entre polos com diferentes graus de desenvolvimento no país, a fim de possibilitarmos o desenvolvimento tecnológico aplicado para a resolução de problemas de Saúde Pública com vistas à redução da incidência de casos de LV e na melhoria das condições de vida de nossa população. A expectativa é de que o conjunto desses estudos viabilize a adoção de condutas terapêuticas específicas, efetivas, precoces e menos danosas ao paciente, visando prevenir ou retardar a evolução clínica desfavorável desta doença, além de permitir a posterior utilização de tais dispositivos diagnósticos pelo SUS em outras áreas e regiões do Brasil onde a doença é endêmica. A adoção deste dispositivo seria importante em detrimento aos testes comerciais existentes e adotados pelo Ministério da Saúde, uma vez que ainda há necessidade de um teste diagnóstico mais acurado, com menor custo e que possa atender à população de nosso país.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Antonio Guimaraes Tavares

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • avaliação e modelagem de sistemas computacionais para armazenamento de dados
  • Serviços computacionais atuais (ex: redes sociais) guardam, produzem e disponibilizam uma imensa quantidade de dados, necessitando de infraestruturas apropriadas para lidarem com a grande demanda por armazenamento e processamento. Como consequência, pesquisas têm sido realizadas para aprimorar o dispositivo de hardware de armazenamento, o software de gerenciamento e as técnicas de redundância de dados. As melhorias precisam ser avaliadas e as investigações podem envolver diversas combinações de fatores, de tal forma que pode ser custoso (e.g., tempo e recurso financeiro) experimentações somente em sistemas em produção ou protótipos. Assim, métodos formais são de grande importância, pois permitem descrições matemáticas para representação do comportamento do sistema e a possibilidade de verificação e análise de propriedades quantitativas/qualitativas. As respectivas extensões estocásticas adicionam o poder das técnicas de estatística e probabilidade na avaliação dos modelos. Esta proposta contempla a concepção de técnicas, construção de modelos estocásticos e desenvolvimento de ferramentas para avaliação de desempenho, confiabilidade e disponibilidade de sistemas computacionais de armazenamento de dados. Ademais, esta pesquisa engloba a investigação de dispositivos de hardware, software, mecanismos de redundância e infraestrutura de comunicação.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Araújo de Oliveira

Ciências da Saúde

Medicina
  • anomalias congênitas do trato urinário: estudo de biomarcadores de injúria renal crônica
  • As anomalias congênitas do trato urinário são reconhecidas como uma família de doenças com um diverso espectro anatômico. Essas anomalias são denominadas CAKUT, acrônimo para “congenital anomalies of the kidney and urinary tract”. Apesar dos recentes avanços no diagnóstico pré-natal e do tratamento precoce, essas anomalias persistem como a principal causa de doença renal crônica (DRC) na infância. Em uma série de estudos, demonstramos o impacto do diagnóstico fetal das CAKUT na abordagem dessas crianças. Entretanto, faltam marcadores de maior acurácia para a DRC nesta população. Este estudo de coorte prospectivo, no qual estão sendo acompanhadas mais de 900 crianças com CAKUT, tem como objetivo o desenvolvimento, a validação de testes diagnósticos e de biomarcadores em pacientes seguidos na Unidade de Nefrologia Pediátrica (HCUFMG). Deverão ser avaliados potenciais biomarcadores imuno-inflamatórios e de fibrose (quimiocinas, citocinas, uromodulina, entre outros) em nossa coorte pacientes com CAKUT. Os objetivos e metas do projeto poderão ser alcançados devido à metodologia de um estudo longitudinal, no qual está incluída uma grande coorte de pacientes portadores de CAKUT. Além disso, destaca-se a viabilidade do projeto, pois se trata um estudo colaborativo envolvendo diversos setores com experiência no tema proposto. Conta ainda com a participação de laboratórios de pesquisa da Faculdade de Medicina (UFMG): o Laboratório de Medicina Molecular e o Laboratório Interdisciplinar de Investigação Médica. A principal contribuição do estudo, em nosso ponto de vista, será a identificação de um modelo preditivo da evolução clínica, incorporando marcadores clínicos e biomarcadores, possibilitando identificar fatores associados ao desfecho e, consequentemente, uma abordagem mais racional. Finalmente, é importante ressaltar que este estudo poderá gerar conhecimentos que poderão trazer subsídios para a formulação de ações públicas no âmbito do Sistema Único de Saúde
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Augusto Caldas Batista

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • extração de compostos fenólicos de resíduos da produção do azeite de oliva com líquidos iônicos e deep eutectic solvents e purificação com sc-co2
  • As indústrias de alimentos geram resíduos que são descartados no meio ambiente, mas que poderiam ser reaproveitados. Alguns desses resíduos são fontes de nutrientes valiosos e, ao serem recuperados, podem apresentar potencial de aplicação em diferentes áreas, como na própria indústria de alimentos, farmacêutica ou cosmética. A produção de azeite de oliva gera alguns resíduos, como bagaço de azeitona e folhas das oliveiras, os quais são ricos em compostos fenólicos que propiciam diversos benefícios à saúde. A extração de compostos fenólicos da matriz vegetal usa geralmente solventes orgânicos que, em sua grande maioria, não são ambientalmente amigáveis. Pesquisas têm buscado possíveis substitutos desses solventes que se enquadrem dentro do âmbito da química verde, como os líquidos iônicos e os deep eutectic solvents. O uso desses solventes vem crescendo e se mostrando uma alternativa favorável devido às suas propriedades físicas e químicas bastante atraentes. Nesse contexto, esse projeto tem como objetivo avaliar o uso de líquidos iônicos e deep eutectic solvents na extração de compostos fenólicos do bagaço de azeitona e das folhas de oliveira, resíduos provenientes da produção do azeite de oliva. Além disso, objetiva-se avaliar a purificação do extrato obtido com uso dióxido de carbono supercrítico. A quantificação dos compostos fenólicos extraídos será realizada por meio de cromatografia líquida de ultra eficiência.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Bedê Barros

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • transporte eletrônico em materiais bi-dimensionais investigados na nanoescala
  • O estudo do transporte eletrônico através de nanomateriais bidimensionais e de heteroestruturas formadas a partir deles, tem avançado fortemente nos últimos anos, já que eles formam estruturas com interfaces atomicamente definidas, dimensões ultrafinas, alta flexibilidade e com efeitos óticos relevantes. Uma das principais questões envolvendo os dispositivos formados a partir de heteroestruturas bidimensionais verticais é o mecanismo de transporte eletrônico entre os diferentes planos atômicos. Nesse sentido, a microscopia de varredura por sonda, especialmente no modo CAFM, tem sido aplicado para aprofundar o conhecimento do comportamento desses sistemas. A compreensão do comportamento desses sistemas pode ser melhorado com a simulação das suas propriedades eletrônicas e de transporte usando cálculos teóricos baseados em Tight-binding e em modelos de primeiros princípios. Foram estudadas recentemente amostras de poucas (1-5) camadas de MoS2 usando a técnica de CAFM. Nesses experimentos, uma sonda condutora de AFM é posta em contato com as amostras de MoS2 depositadas em um substrato de Si/SiO2 contendo um contato elétrico de ouro microfabricado. A corrente entre o contato de ouro e a sonda de AFM é medida em função da voltagem e da força aplicadas. Esses experimentos mostraram que para forças superiores a algumas centenas de nanonewtons a condutividade elétrica cresce abruptamente. Para uma melhor compreensão da mudança abrupta na condutividade vertical desses sistemas, se faz necessário caracterizá-los em regimes de alta condutividade. Além disso, é importante investigar se os efeitos observados para o MoS2 pode ser reproduzidos em outras estruturas semicondutoras bi-dimensionais, inclusive em heteroestruturas compostas pelo empilhamento de diferentes materiais, e quais os fatores determinantes que afetam esse mecanismo. É importante salientar que o conhecimento e domínio desse efeito pode abrir caminho para o desenvolvimento de sensores de pressão ultra-sensíveis, aplicáveis em diversas áreas tecnológicas, como por exemplo, em telas sensíveis ao toque (touchscreen). Nesse projeto propõe-se a pesquisa das propriedades eletrônicas e de transporte de dispositivos a base de materiais bidimensionais através da técnica de CAFM e de estudos teóricos de primeiros princípios. Com isso, objetiva-se uma melhor compreensão e controle das propriedades de transporte desses materiais de modo a permitir possíveis aplicações dos mesmos em nanodispositivos e nanosensores.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Bento Pereira

Ciências Humanas

Educação
  • letramento científico por meio da robótica educacional e metodologias ativas: ensino e aprendizagem de física, matemática e biologia
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de São João Del-Rei - MG - Brasil
  • 12/08/2019-30/11/2021
Foto de perfil

Eduardo Bessa Pereira da Silva

Ciências Biológicas

Ecologia
  • efeitos do ecoturismo sobre a aptidão de peixes marinhos
  • Apesar do turismo ser uma atividade rentável, ele se tornou um grande problema ambiental. Num estudo recente, nosso grupo propôs que o contato entre turistas e animais pode tornar as presas mais ousadas em relação aos predadores devido a uma transferência de habituação ou à exaustão do eixo do estresse. Também há evidências de que peixes alimentados por turistas tornem-se mais férteis. Neste projeto pretendemos testar ambas as ideias comparando respostas comportamentais, endócrinas e metabólicas de peixes costeiros expostos a um predador. Também iremos avaliar a fecundidade e reprodução de peixes recebendo comida de turistas.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Botti Abbade

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • histórico e projeção do impacto econômico da obesidade e suas consequentes doenças crônicas não transmissíveis (dcnt) no sistema único de saúde
  • Esta proposta de pesquisa tem como objetivo geral analisar a evolução histórica e a projeção e curto/médio/longo prazos do impacto econômico da Obesidade e suas principais consequentes Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) nos Hospitais Públicos do Sistema Único de Saúde, considerando atendimento ambulatorial e internações hospitalares, além de custos com benefícios de aposentadorias por invalidez concedidos em virtude da DCNTs relacionadas à obesidade, em nível nacional e das UFs do Brasil. Para tanto, o estudo será desenvolvido ao longo de 2 (dois) anos subdividido em 3 (três) etapas. Na primeira etapa pretende-se analisar o histórico e tendência da prevalência da obesidade e DCNTs no Brasil; e analisar a relação entre a prevalência de obesidade e atendimentos relacionados às principais DCNTs no âmbito do SUS. Na segunda etapa objetiva-se estimar a evolução histórica e a projeção dos custos diretos da obesidade por meio da análise dos custos dos atendimentos ambulatoriais e internações hospitalares realizados no âmbito do SUS reaizados sob diagnósticos de DCNTs relacionadas à obesidade; e estimar a evolução histórica e a projeção dos custos indiretos da obesidade por meio da análise dos custos dos benefícios de aposentadorias por invalidez concedidos em razão de DCNTs relacionadas à obesidade no Brasil e UFs. Por fim, na terceira etapa almeja-se estimar a potencial economia a ser gerada a partir da redução da prevalência de obesidade para o Brasil e para as UFs. O estudo de caráter transversal será desenvolvido por meio de obtenção, compilação e análise de dados oriundos de bases de dados oficiais como o estudo VIGITEL, o SIH/SUS (Sistema de Informações Hospitalares do SUS), o SIA/SUS (Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS), pesquisas específicas do IBGE (Pesquisa Nacional de Saúde e Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar) e dados do DATAPREV referentes aos benefícios de aposentadorias concedidos por invalidez. Os dados de séries temporais serão analisados por meio de técnicas e procedimentos estatísticos de análises e projeção de tendências e modelos de previsão específicos (modelagem ARIMA, análise de tendências, análises de regressão linear múltipla e ajustamentos e análises de modelos não-lineares). Como resultado, pretende-se apresentar estudos técnicos e publicações científicas com evidências que tenham potencial de contribuir com o processo de planejamento e execução de políticas públicas e definições orçamentárias em nível nacional e regiona no que tange às ações relacionadas ao SUS e gestão da saúde pública.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 06/01/2020-31/01/2022
Foto de perfil

Eduardo Caetano Brandão Ferreira da Silva

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • filarioses humanas ocorrentes no brasil: desenvolvimento e validação de novas ferramentas diagnósticas baseadas em antígenos recombinantes utilizados para captura de anticorpos antifilariais.
  • A filariose é um grupo de doenças causadas por helmintos nematoides (filarias) que afetam humanos e animais. De mais de cem espécies descritas, somente oito causam infecções em humanos. Mais de 150 milhões de pessoas possuem alguma espécie de infecção filarial. Dentre estas parasitoses, algumas merecem especial atenção devido a sua alta prevalência ou as complicações clínicas que podem causar. No Brasil, duas espécies são de importância do ponto de vista de saúde pública: a Wuchereria bancrofti e a Mansonella ozzardi. Destas parasitoses, a FL tem sido a mais estudada. A Organização Mundial da Saúde criou em 1997 o Plano Global de Eliminação da FL no mundo (PGEFL). Esse plano tem como pilares a administração de drogas antifilariais em massa, nas áreas de alta prevalência, tratamento e acompanhamento dos casos mórbidos e o desenvolvimento de novas ferramentas diagnósticas capazes de avaliar e monitorar área sob impacto do PGEFL. O Brasil é signatário ao plano global e através das ações de eliminação e controle realizados nas últimas décadas, a prevalência da doença reduziu significativamente entrando em um status de reavaliação e vigilância epidemiológica. Com respeito a mansonelose, essa tem sido alvo de estudos isolados e sua patogenia não está muito claramente elucidada. Diante do exposto, o objetivo deste projeto é desenvolver e avaliar testes de captura de anticorpos para o diagnóstico das principais filarioses humanas de ocorrência no país. A princípio será realizada a identificação de genes e regiões antigênicas dos patógenos selecionados (Wuchereria bancrofti e Mansonella ozzardi), posteriormente os genes quiméricos serão construídos com otimização das sequências para expressão em sistemas procarióticos. Então, será realizada a clonagem dos genes e purificação das proteínas heterólogas recombinantes. De posse dos antígenos recombinantes, serão realizados ensaios imunoenzimaticos indireto (ELISA) in house. A partir desses resultados, os antígenos mais promissores serão selecionados para confecção e avaliação dos protótipos de testes rápidos e ELISA. O desenvolvimento e avaliação de kits diagnósticos capazes de detectar a infecção filarial com rapidez e eficácia, apresentando potencial aplicação dentro do Sistema Único de Saúde brasileiro (SUS) a um baixo custo, permitirá aos órgãos de saúde ampliar a sua capacidade de análise e intervenção, através de inquéritos seguros para o direcionamento de ações epidemiológicas, além de diminuição de gastos com importação e melhora na reprodutibilidade dos testes.
  • Fundação Oswaldo Cruz - PE - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Eduardo Caldas Costa

Ciências da Saúde

Educação Física
  • efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade e treinamento contínuo de moderada intensidade sobre desfechos cardíacos, autonômicos, vasculares e cerebrais em idosos hipertensos: um ensaio clínico randomizado
  • Objetivos: Analisar os efeitos do treinamento intervalado de alta intensidade (TIAI) comparado ao treinamento contínuo de moderada intensidade (TCMI) sobre a pressão arterial ambulatorial e desfechos cardiovasculares, autonômicos e cerebrais em idosos hipertensos. Desenho: Ensaio clínico randomizado, grupo-paralelo, com dois braços. Ambiente: Campus Universitário. Participantes: Setenta idosos hipertensos: TIAI (n = 35) e TCMI (n = 35). Intervenção: Ambos os grupos serão submetidos a 12 semanas treinamento, três vezes por semana. O TIAI será composto por intervalos de um minuto em intensidade vigorosa (percepção subjetiva de esforço [PSE] 7–8, escala 0-10), intercalados com recuperação em intensidade leve de um minuto (PSE 3–4). Tempo gasto por sessão: 17-31 minutos. O TCMI será composto por exercício contínuo de moderada intensidade (PSE 5–6). Tempo gasto por sessão: 34-62 minutos. Desfechos primários: Pressão arterial ambulatorial, função endotelial e capacidade cardiorrespiratória (consumo de oxigênio de pico; VO2pico). Desfechos secundários: Pressão arterial central, rigidez arterial, atividade autonômica cardíaca, morfologia e função cardíaca, espessura da camada íntima-média da carótida, hemodinâmica cerebral, desempenho cognitivo, perfil bioquímico, composição corporal e qualidade de vida. A taxa de comparecimento às sessões de exercício e aderência às intervenções também serão desfechos secundários. Respostas psicológicas serão avaliadas durante e ao final de cada sessão de exercício. Plano de análise estatística: A hipótese, o cálculo amostral e o plano de análise estatística (por intenção de tratar), baseiam-se na expectativa de superioridade do TIAI em comparação com o TCMI, especialmente para os desfechos primários. Resultados e impactos esperados: Espera-se que este estudo produza evidências de alto mérito científico e repercussão mundial, com grande potencial de translação para prática clínica no tocante ao tratamento não farmacológico de idosos hipertensos. Equipe e execução do projeto: O presente projeto de pesquisa foi desenhado e será conduzido por equipe multidisciplinar, seguindo aspectos éticos e protocolos metodológicos recomendados em ensaios clínicos. Além disso, conta com colaboração interinstitucional, no Brasil e Canadá.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Calil de Oliveira

Ciências Humanas

Educação
  • atividades metalinguísticas no ensino de gramática e na produção textual estudo luso-brasileiro sobre o modo como professores e alunos do 4º ano do ensino fundamental enunciam conteúdos gramaticais em duas situações didáticas
  • A partir da perspectiva teórico-metodológica situada no campo da Genética Textual, dentro de uma abordagem enunciativa e interdisciplinar (Psicologia Cognitiva e Didática da Escrita), este estudo tem por objetivo caracterizar e analisar as atividades metalinguísticas enunciadas por professores e alunos do 4º ano do Ensino Fundamental do Brasil e de Portugal, considerando a relação entre conhecimentos linguísticos ensinados e o manuscrito escolar em construção. Os materiais relativos aos alunos de Portugal, que permitirão a comparação com os alunos brasileiros, já foram coletados. O projeto M-GRATEX refere-se à execução do estudo em uma escola brasileira. Para isso, coletaremos dados audiovisuais em situações didáticas de dois eixos de ensino: 1. Eixo de ensino “conhecimento linguístico e gramatical”; 2. Eixo de ensino “Produção Textual”. Essa coleta de dados será realizada em dois diferentes momentos. No 1º momento de coleta de dados pretende-se registrar, em vídeo, 6 aulas de ensino de gramática, ministradas pelo professor aos seus alunos e, 4 dias após cada uma dessas aulas, será solicitada aos alunos, em duplas, a escrita de uma narrativa ficcional inventada (1ª versão textual). No 2º momento, pretende-se registrar também em vídeo propostas de revisão textual coletiva sobre histórias inventadas por alunos. Nessa situação didática, o professor destacará, junto com seus alunos, problemas gramaticais da primeira versão de uma história inventada e, 4 dias após cada uma dessas aulas, será proposta a reescrita (2ª versão textual) das narrativas ficcionais inventadas no 1º momento. As propostas de produção textual (1ª e 2ª versão) serão registradas através do Sistema Ramos (sistema de captura multimodal do texto em curso). Serão eleitas como categoria de análise as enunciações caracterizadas como atividades metalinguísticas do professor e dos alunos, durante as situações didáticas envolvendo esses dois eixos de ensino. Em relação aos processos de escritura a dois, consideraremos as “rasuras orais comentadas” como subcategoria para a análise das atividades metalinguísticas dos alunos escreventes. Essa caracterização visa a compreender as relações entre os conteúdos gramaticais destacados pelo professor e o modo como os alunos se apropriam desses conteúdos gramaticais durante o texto em construção. Espera-se, com isso, poder contribuir para uma melhor articulação entre esses dois eixos de ensino e, consequentemente, para a proposição de situações de aprendizagem mais eficazes e produtivas.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Carvalho Lira

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • avaliação da atividade antidiabética, hipolipemiante e antioxidante do extrato etanólico bruto das folhas de bauhinia cheilantha em ratos
  • O diabetes mellitus (DM) é um dos principais distúrbios metabólicos que afeta, atualmente, 425 milhões de pessoas no mundo, com perspectiva deste número atingir cerca de 629 milhões em 2045. A progressão do DM é complexa e envolve diferentes fatores, como a inflamação e o intenso estresse oxidativo, que estão diretamente associados ao aumento das comorbidades diabéticas e alta mortalidade dos pacientes. A hiperglicemia crônica modula diretamente diferentes vias intracelulares envolvidas na inflamação, intenso estresse oxidativo e morte celular, eventos relacionados à instalação das comorbidades diabéticas, como a dislipidemia, a retinopatia, nefropatia, neuropatia e as doenças cardiovasculares. A regulação do estado redox celular depende de sistemas antioxidantes enzimáticos que envolve as proteínas superóxido dismutase, catalase e glutationa peroxidase e não enzimáticos, cujo principal representante é a glutationa reduzida. Diferentes mecanismos têm sido propostos para geração de radicais livres no DM, dentre eles a autoxidação da glicose como a principal fonte de ROS, a formação, através da reação de Maillard, dos produtos finais de glicação avaçada (AGEs), os quais, através de seus receptores (RAGEs) celulares, modificam e inativam enzimas, estimulam a produção de ROS bem como eleva a atividade transcricional do fator de transcrição kappa b (NFkB), uma via classicamente inflamatória. A glicemia cronicamente elevada gera intenso estresse oxidativo pela redução das defesas antioxidantes e/ou a produção excessiva de espécies reativas de oxigênio (ROS) e nitrogênio (RNS), o que compromete funcionalmente proteínas celulares, fosfolipídios de membrana (peroxidação lipídica e formação de molandialdeído), ácidos nucleicos, além de estimular a produção de citocinas pro-inflamatórias como o fator de necrose tumoral (TNF). A hiperglicemia também eleva o risco para dislipidemia diabética (DD), isto é, a elevação dos níveis séricos de triacilglicerol (TG), colesterol total (CT) e redução dos níveis de lipoproteínas de alta densidade (HDL-C), condição clinicamente associada ao maior risco de doenças cardiovasculares (DCV). A DD é causada por mecanismos que podem envolver não somente o estresse oxidativo, mas a ausência da ação insulínica no controle do metabolismo lipídico fígado que a torna essencial para o desenvolvimento do perfil aterogênico e maior incidência de DCV, o que eleva o risco de mortalidade dos pacientes diabéticos. Neste sentido, o controle glicêmico é essencial para prevenção das comorbidades diabéticas, sobretudo pela melhora do estado redox celular, produção e/ou responsividade à insulina. Embora, as terapias farmacológicas e não farmacológicas sejam utilizadas há 50 anos para o controle glicêmico, este uso é limitado por seus efeitos adversos como a hipoglicemia, ganho ponderal ou distúrbios gastrintestinais, além da baixa adesão ao tratamento pelos pacientes. Por essas razões, busca-se o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticos para a prevenção e/ou tratamento do diabetes. Neste contexto, o uso de plantas medicinais como fonte para obtenção de novas moléculas terapêuticas para o combate ao DM e suas comorbidades é estratégico, sobretudo em países em desenvolvimento. Ainda que se tenha uma política nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, o Brasil ainda consome esses produtos desenvolvidos nos Estados Unidos e na Europa, sobretudo pela escassez de estudos que avaliem o potencial terapêutico e validem o uso popular de espécies pertencentes à nossa exuberante biodiversidade vegetal. Dentre estas, a Bauhinia cheilantha (Bong) Steud, popularmente conhecida como mororó, unha-de-anta ou pata-de-vaca, é uma leguminosa típica da Caatinga pertencente à família Febacea. O gênero Bauhinia reúne aproximadamente 300 espécies que tem ampla distribuição em regiões tropicais e popularmente utilizadas no tratamento de diversas patologias, dentre elas DM, dor, infecções e inflamações. Os efeitos biológicos e a constituição fitoquímica de Bauhinia spp. têm sido amplamente estudados através de ensaios in vivo e in vitro, os quais usualmente confirmam o uso popular destas espécies, sobretudo pela presença de flavonoides, moléculas reconhecidamente antioxidantes, mas também terpenos, ácidos aromáticos, alcaloides, entre outros. Por estas razões, esta proposta busca avaliar o efeito antidiabético, hipolipemiante e antioxidante do extrato etanólico bruto das folhas Bauhinia cheilantha (Bong) Steud (EEBBc). Será realizada a avaliação fitoquímica para identificar as principais classes de constituintes químicos do EEBBc, assim como analisar o perfil químico dos metabólitos secundários através de métodos cromatográficos como CLAE-DAD, CLAE-DAD-EM e CLAE-DAD-EM/EM e identificar a estrutura dos principiais constituintes químicos por infravermelho, espectroscopia de massa e ressonância magnética nuclear. Os ratos controle (normoglicêmicos) e diabéticos induzidos por estreptozotocina (STZ, 45mg/kg, i.v.) serão tratados com EEBBc (200 e 400mg/dia, v.o.) durante 14 dias. Ao término do tratamento, será avaliada a glicemia capilar, a tolerância oral à glicose e a tolerância à insulina, assim como os níveis hepáticos de glicogênio, perfil lipídico plasmático e o perfil antioxidante. Além disso, serão investigados os mecanismos moleculares envolvidos na ação antidiabética do EEBBc através da expressão de enzimas regulatórias de rotas metabólicas importantes para o controle do metabolismo glicídico (Akt, AMPK e PEPCK) através do Western blot. A obtenção desses resultados contribuirá para validação da utilização de plantas nativas da Caatinga no controle do DM e suas comorbidades, assim como permitirá uma melhor compreensão dos principais constituintes químicos do EEBBc e seus mecanismos moleculares envolvidos nas ações biológicas, como alvo para intervenções terapêuticas e o desenvolvimento de novos fármacos para o controle glicêmico e a prevenção das comorbidades diabéticas.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Cassel

Engenharias

Engenharia Química
  • utilização dos resíduos do processamento da acácia negra (flores e folhas) como matéria-prima para a obtenção de extratos e compostos puros de alto valor agregado
  • A acácia negra (Acacia mearnsii), apesar de ser amplamente cultivada e utilizada industrialmente, não tem o potencial de suas folhas e flores explorado. Considerando a disponibilidade de folhas e flores, resíduos do processamento da acácia negra para a produção de taninos, e o crescente interesse por produtos naturais, esse trabalho visa o obtenção de extratos e/ou compostos puros, a investigação sobre as composições e as ações bioquímicas dos extratos e a proposição de aplicações dos produtos extraídos e fracionados em diferentes setores como a perfumaria, a alimentação animal, a metalúrgica e a farmacêutica. A pesquisa compreenderá, primeiramente, o estudo sobre o processo de extração do óleo essencial e a obtenção do extrato aquoso de resíduos, flores e folhas, da Acacia mearnsii via destilação por arraste a vapor: otimização das variáveis de processo e modelagem matemática. Utilizando a mesma matéria-prima, folhas e flores pré-processadas por arraste a vapor, e empregando o processo de extração com fluido supercrítico (CO2 + cossolventes), obter-se-á extratos não voláteis em diferentes condições de processo. Os óleos essenciais serão analisados por GC-MS e GC/O, enquanto que os extratos aquosos serão analisados por HPLC e HPLC-MS, assim como será avaliada a atividade anticorrosiva. Os extratos obtidos via extração supercrítica serão fracionados em coluna cromatográfica e os extratos e as frações isoladas serão analisados por HPLC-MS, atividade antioxidante, atividade antineoplásica e outras. Os rendimentos das extrações serão otimizados, utilizando planejamento fatorial, e os parâmetros dos modelos da transferência de massa serão obtidos a partir dos dados experimentais das curvas de extração rendimento versus tempo.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Cerqueira Batitucci

Ciências Humanas

Sociologia
  • avaliação da institucionalização das políticas públicas de prevenção social à criminalidade no brasil – estudo de caso em minas gerais.
  • A consolidação e constituição histórica do campo da Segurança Pública e Justiça Criminal no Brasil teve a sua origem completamente desvinculada da discussão da promoção e garantia de direitos sociais e individuais. Para nós, o mandato da polícia por exemplo, e desde a sua origem, tende a ser demasiadamente amplo e mal definido, o exercício cotidiano da autoridade policial frequentemente ultrapassa os limites estatutários que formalmente a definem, as ligações entre policiais e militares das forças armadas permanecem como um forte elemento cultural e institucional a orientar parte do campo policial e as preocupações sociais com a técnica, os valores e os limites da atividade policial, ou dizendo de outro modo, o seu compromisso com os valores democráticos, encontram baixa ressonância social. Estas dimensões produzem efeitos visíveis para a consolidação do campo da segurança pública (e, portanto, da Justiça Criminal) na lógica do espaço público brasileiro, seja na baixa capacidade de interlocução institucional, no alto nível de complexidade organizacional e conflito sistêmico nas suas dimensões institucionais e operativas, seja na vinculação histórica à uma perspectiva de defesa do estado contra a sociedade, resultando, portanto, em baixa profissionalização, reconhecimento e legitimidade social. Neste sentido, o atual modelo de provimento de Segurança Pública e de Justiça na sociedade Brasileira se mostra, portanto, um modelo falido – as ações e políticas de cunho tradicional desenvolvidas por este sistema vêm provando-se ineficazes, incapazes de reduzir a violência endêmica brasileira, especialmente aquela de natureza letal. Entretanto, um novo conjunto de perspectivas surgiu na América Latina, nas últimas décadas, para se contrapor a estes problemas. Durante o processo de transição para a democracia nestes países, uma narrativa alternativa aos modelos tradicionais de provimento de segurança pública introduziu, a partir do final dos anos 1990, tensões no campo da segurança pública, que potencializou o debate sobre um modelo de ordem pública baseado na proteção dos direitos da cidadania e no acesso à justiça. Uma série de programas e políticas surgiu no espaço público brasileiro no sentido de promover desenhos de política pública a partir dos pressupostos da segurança cidadã, as Políticas de Prevenção Social à Criminalidade e Violência. A segurança cidadã deveria resultar, além da redução dos índices de criminalidade, em uma política de estratégia integral, que buscasse melhorar a qualidade de vida dos cidadãos, com ações comunitárias para prevenção dos delitos, políticas educacionais baseadas em valores de convivência pacífica, valorizando a coesão social, dentre outras dimensões. Entretanto, a despeito (ou em virtude) do seu caráter inovador, as políticas de prevenção social à criminalidade vêm sofrendo com um conjunto de problemas associados à sua implementação e mesmo à sua institucionalização na ótica da administração pública. As análises chamam a atenção para o fato de que muitas das iniciativas nesta direção, a despeito das tensões que produziram nas políticas tradicionais, não ultrapassaram o nível de programas, não se enraizando como ações permanentes e, neste sentido, não se mostrando capazes de remodelar as práticas e culturas organizacionais das instituições tradicionais do campo da segurança, tais como as Polícias e o Judiciário. A reflexão sobre a institucionalização das Políticas de Prevenção Social à Criminalidade constitui-se, então, como uma necessidade inadiável em virtude da contribuição que elas podem oferecer ao campo da segurança pública no Brasil. Para Minas Gerais essa avaliação se torna ainda mais crítica, dado que o estado institucionalizou um conjunto de programas como política pública estatal, contando já com uma trajetória de 15 anos. Esta reflexão constitui o objetivo primordial desta proposta.
  • Fundação João Pinheiro - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Costa de Figueiredo

Ciências da Saúde

Farmácia
  • nanomateriais de acesso restrito: síntese, caracterização e aplicação na depleção de proteínas de alta abundância em estudos proteômicos
  • A análise do proteoma do soro sanguíneo humano é uma das grandes tendências em ciências da saúde, principalmente no que tange à busca por novos biomarcadores, utilizados tanto para diagnóstico de doenças como para avaliação da sua progressão no organismo. Um dos grandes desafios nestas análises é a supressão do sinal analítico causado pela grande quantidade de proteínas de alta abundância do sangue (PAAs), como albumina, imunoglobunina G, tranferrina, α2-macroglobunina, α1-antripsina e α1-glicoproteina ácida humanas), em comparação com alguns biomarcadores proteicos, cujas concentrações plasmáticas são muito baixas. Desse modo, a remoção dessas PAAs é fundamental para garantir a sensibilidade e seletividade das análises. Diversas técnicas têm sido utilizadas na remoção de PAAs de sangue, no entanto, normalmente estas técnicas exigem uma série de procedimentos dispendiosos, que demandam tempo e recursos especializados, além do alto custo e da possibilidade de remoção concomitante de proteínas de baixa concentração. Tal situação abre caminho para o desenvolvimento de novos métodos seletivos, simples, rápidos, eficientes e economicamente viáveis para depleção das PAAs. Diante disso, as nanopartículas magnéticas (MNPs) apresentam elevado potencial de aplicação e vêm se destacado na ciência de separações, pois apresentam características atrativas como elevada área superficial, protocolos de síntese já bem estabelecidos, propriedades magnéticas que permitem a sua recuperação de modo simples, possibilidade de variadas funcionalizações em sua superfície, expandindo seu campo de aplicação. Em paralelo, nosso grupo tem trabalhado com materiais de acesso restrito obtido por meio da formação de uma cápsula proteica ao redor de nanomateriais, capa esta que pode se carregar (+ ou -) ou se manter com carga resultante zero, dependendo do pH do meio, favorecendo ou não a ligação de proteínas livres no meio. Entendemos que é então possível dosar a seletividade de retenção de proteínas nestes materiais, pelo controle das condições do meio e da espessura da cápsula proteica entrecruzada quimicamente. Desse modo, este trabalho se enquadra dentro do campo da nanomedicina, e propõe a síntese e caracterização de nanopartículas magnéticas de acesso restrito (RAMNPs) a base de Fe3O4 revestido com uma cápsula de albumina de soro bovino, bem como sua inédita aplicação na depleção de PAAs (albumina, imunoglobunina G, tranferrina, α2-macroglobunina, α1-antripsina e α1-glicoproteina ácida humanas) de soro sanguíneo humano para fins de estudos proteômicos.
  • Universidade Federal de Alfenas - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Costa Girão

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e transporte de materiais nanoestruturados.
  • O desenvolvimento de novos materiais é um pilar fundamental para a ciência e tecnologia de qualquer sociedade que tenha um plano sólido de desenvolvimento. Este tema oferece diversos desafios e consequentemente diversas vertentes de trabalho. Uma delas é o desenvolvimento de novos materiais para eletrônica. Enquanto o silício atualmente é o paradigma para a tecnologia atual, o mesmo tem se aproximado do seu limite de miniaturização e performance. Isso porque para além do atual nível de miniaturização, defeitos, tunelamento quântico e outros problemas associados à baixa dimensionalidade são impeditivo para a continuação do desenvolvimento tecnológico baseado neste elemento. Entre as diferentes possibilidades abordadas pela ciência, materiais de carbono tem emergido como potenciais candidatos a formarem os futuros blocos básicos da nanoeletrônica. A família de alótropos de carbono se expandiu rapidamente nas últimas décadas, com membros mostrando uma vasta coleção de propriedades físicas com potencial para a construção de dispositivos de dimensões nanoscópicas. Sistemas de carbono possuem níveis eletrônicos apresentando uma forte dependência com detalhes estruturais, relação esta que é amplamente caracterizada tanto por resultados experimentais, como por modelos teóricos. Estas propriedades físicas abrem, inclusive, avenidas para o desenvolvimento de novas tecnologias, como a spintrônica, na qual tira-se vantagem da utilização do grau de liberdade do spin para construir chaves lógicas e outros dispositivos, por exemplo. Ao mesmo tempo, materiais como dicalcogenóides de metais de transição e fosforeno são outros materiais que vem sendo objeto de intenso estudo por parte da comunidade científica. Ao passo que estudos experimentais constituem a principal ponte para a transformação de ciência em tecnologia, cálculos teóricos desempenham um importante papel neste binômio. Isso porque cálculos podem atuar não só como ferramentas de predições hipotéticas, mas também guiar experimentos controlados (excluindo possibilidades fáceis de serem demonstradas infrutíferas por meio de simulações), assim como atuar como importante ferramenta de interpretação de resultados experimentais. Neste contexto, o estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e do transporte eletrônico de nanomateriais é fundamental e serve de trampolim para o desenvolvimento de estudos experimentais envolvendo técnicas espectroscópicas, medidas elétricas e rotas de síntese. Neste projeto, propomos o estudo teórico-computacional da estrutura eletrônica e transporte em diferentes nanomateriais, com ênfase no carbono. Nossos cálculos de estrutura eletrônica serão baseados no modelo tight-binding (incluindo um Hamiltoniano de Hubbard para descrever a influência do spin sobre os estados eletrônicos) assim também como na teoria do funcional da densidade. As propriedades de transporte eletrônico serão calculadas utilizando o formalismo de Landauer e o método de funções de Green para determinar a transmitância quântica em sistemas em nanoescala. Parte destes cálculos serão realizados com pacotes computacionais já desenvolvidos pelo coordenador deste projeto.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo de Freitas Rocha Loures

Engenharias

Engenharia de Produção
  • proposta de um modelo de avaliação de interoperabilidade organizacional para empresas do setor público e industrial
  • Pelo menos nos últimos vinte anos, as organizações enfrentam um mercado competitivo e, de forma a sobreviverem, as mesmas devem desenvolver parcerias e redes colaborativas, não sendo suficiente sua participação individual frente à seus competidores. Como a necessidade de ‘inter - operação’ é real, a interoperabilidade torna-se um fator de sucesso para empresas inseridas em ambientes de mercado colaborativos e cooperativos, característico de uma economia globalizada, dinâmica e sem fronteiras. A interoperabilidade pode ser definida como a habilidade dos sistemas de tecnologia de informação e comunicação (TIC), assim como dos processos de negócio que suportam, permitir a troca e o compartilhamento de informação e conhecimento no uso dos dados (EIF, 2004). A interoperabilidade leva em conta diferentes perspectivas, barreiras, níveis de maturidade e tipos de avaliação. A avaliação conjunta de todos estes elementos e visões, permite auxiliar no diagnóstico e aumento do grau e qualidade da colaboração, interação e transação entre organizações do setor público e privado, assim como suas entidades funcionais internas. Este cenário impõe não apenas o desenvolvimento de interfaces externas mas também no aprimoramento de seu ambiente organizacional interno nas perspectivas de sua governança, seus processos de negócio, base de conhecimento e sistemas TIC. Portanto, é importante um foco complementar e granular nos aspectos internos, potenciais à empresa, permitindo melhor identificar e ressaltar a habilidade da organização em interoperar. Isto implica na necessidade de medir e avaliar o grau de relação entre entidades humana, tecnológica e organizacional (p.ex. recursos humanos, sistemas, softwares, departamentos) em torno dos conceitos de interoperabilidade. Da constatação da relevância do conhecimento relacional entre as diferentes entidades organizacionais para diagnóstico e aumento de competitividade da empresa, importantes questões emergem: - Como medir e avaliar a interoperabilidade? Qual modelo e orientações procedurais utilizar? Como definir níveis de maturidade? Quais dimensões levar em consideração, priorizando ações de melhoria do desempenho operacional? Quais são os impactos (financeiro, operacional, estratégico, legal e político) do não atendimento dos atributos de interoperabilidade?
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Di Mauro

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudo de minerais, rochas, óleos vegetais e petróleo com o uso de técnicas espectroscópicas
  • Os recursos terrestres, costeiros e marítimos, bem como o meio ambiente e os seres vivos, vêm sofrendo um processo acelerado de degradação em muitos lugares do planeta. O gerenciamento destes recursos precisa alcançar o desenvolvimento sustentável: conservação dos recursos naturais em benefício de suas populações. Sucessivos vazamentos e derrames de petróleo ou derivados, acidentais ou devido às operações de rotina, revelam a necessidade de se avaliar os danos reais causados ao meio ambiente, os quais afetam a qualidade da água e do solo, à fauna e flora das áreas atingidas. O presente estudo consiste em: 1) Determinar, no Estado do Paraná, as regiões com maior potencial de serem atingidas ou estarem contaminadas por resíduos de poluentes fósseis, no sentido de mapear os pontos mais adequados para efetuar a coleta de amostras para análise. 2) Identificar, utilizando métodos de análise, a presença de compostos característicos das frações de petróleo em minerais e rochas, e avaliar a toxicidade dos possíveis contaminantes para o homem e outros seres vivos que habitem este ecossistema, assim como o tempo de permanência destes no ambiente. 3) Caracterizar minerais e rochas com uso de técnicas espectroscópicas, além de óleos vegetais, uma vez que estes também podem estar contaminados por resíduos de poluentes fósseis e outros resíduos. Entre as técnicas de análise, utilizaremos a espectroscopia de Ressonância Paramagnética Eletrônica (RPE) na tentativa de identificar espécies paramagnéticas típicas da fração asfaltênica de petróleo, incluídas como contaminantes nos minerais, rochas e outros sedimentos. Outras técnicas de espectroscopia como RMN, espectroscopia infravermelho, espectroscopia UV-Vis, Raman, magnetômetria, Mössbauer e a difractometria de raios-X serão também utilizadas, uma vez que estas técnicas forneceram resultados muito esclarecedores no estudo de espécies minerais presentes no solo. Além disso, algumas destas técnicas, também podem fornecer resultados interessantes a respeito do material orgânico adsorvido nos sedimentos. As espécies paramagnéticas serão analisadas a partir dos cálculos de suas estruturas eletrônicas, o que vai nos permitir avaliar os resultados experimentais obtidos.
  • Universidade Estadual de Londrina - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Dickie de Castilhos

Ciências da Saúde

Odontologia
  • acesso ao cuidado em saúde bucal e principais necessidades de saúde dos idosos em instituições de longa permanência
  • O objetivo dessa pesquisa será analisar a ocorrência de assistência odontológica de idosos em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), o tipo de acesso, assim como caracterizar a incidência das principais alterações de saúde bucal em idosos a partir dos dados de estudo de base realizado em 2017. Trata-se de uma pesquisa longitudinal analítica de campo. A partir da listagem dos participantes de estudo de linha de base, será aplicado um questionário aos idosos (sexo, idade, escolaridade, tempo de moradia na ILPI, capacidade de realizar as atividades de vida diária, tabagismo e autopercepção da saúde bucal, GOHAI - Geriatric Oral Health Assessment Index, WHOQOL-Bref., MEEM - Mini Exame do Estado Mental, Geriatric Depression Scale - GDS) moradores das instituições de longa permanência participantes. Também será realizado um exame epidemiológico nos residentes das instituições para coletar os dados sobre as principais necessidades odontológicas (CPOD). Os dados serão digitados com o uso do programa EpiData Entry. Será realizada estatística descritiva e analítica com o uso do programa Stata 15.0.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Fermino Carlos

Ciências Humanas

Educação
  • engenharia genética em porta-enxertos de citros visando tolerância ao estresse hídrico
  • Vide projeto anexo
  • Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná - PR - Brasil
  • 29/11/2019-30/11/2022
Foto de perfil

Eduardo Fleury Mortimer

Ciências Humanas

Educação
  • promovendo mudanças na prática de professores do ensino superior e da educação básica: multimodalidade e teoria dos códigos de legitimação
  • Este projeto tem por objetivo analisar as mudanças nas práticas pedagógicas de professores de Ensino Superior e de Educação Básica que passaram por processos de formação continuada. Para tanto, serão desenvolvidos cursos de formação continuada, baseados nos materiais que vamos desenvolver e que se apoiam em resultados de projetos anteriores. A partir dos cursos de formação continuada serão desenvolvidos planejamentos de unidades temáticas (no caso do Ensino Superior) e Sequências Didáticas Investigativas (no caso da Educação Básica), que serão aplicadas pelos professores e filmadas por nós. Após essa primeira intervenção, serão analisados os vídeos tendo por referenciais a Multimodalidade e a Teoria dos Códigos de Legitimação na sua vertente semântica. Essas análises serão compartilhadas com os professores. Após a análise, os professores repetirão as aulas em outras turmas e filmaremos novamente as aulas, de modo a permitir uma análise comparativa, que também será compartilhada com os professores. Os resultados serão disseminados via a produção de artigos, de sequências didáticas investigativas e de planejamentos de aulas de ensino superior, além do próprio site que dará suporte aos cursos de formação continuada.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo França Castro

Indefinido

Indefinido
  • feira de ciências, tecnologia, educação e cultura (fecitec/ufv): talentos para as ciências e a sociedade
  • Vivemos em uma sociedade científica e tecnológica, onde mudanças e inovações são constantes e exigem que o trabalho dos professores seja focado nas habilidades e competências dos estudantes. É uma mudança de paradigmas, que demanda ações entre instituições. Nesse sentido, a Universidade Federal de Viçosa (UFV) Campus Florestal (CAF) se destaca e propõe o projeto FECITEC/UFV, que irá incentivar e promover o ensino e a aprendizagem das ciências por investigação e projetos, em escolas da educação básica do município de Florestal, Minas Gerais. Para isso serão realizadas várias ações, que vão da formação inicial e continuada de professores ao apoio e incentivo de projetos de ciências de estudantes da educação básica. Estes projetos, mais de 50, serão apresentados na Feira de Ciências, Tecnologia, Educação e Cultura (FECITEC/UFV). É importante destacar que a FECITEC/UFV tornou-se um evento institucional, capaz de mobilizar muitas pessoas da comunidade universitária e do município. Contudo, o projeto FECITEC/UFV consolida várias áreas de educação científica e de divulgação e popularização das ciências da UFV/CAF com a Educação Básica, contribuindo para a disseminação do uso do conhecimento científico como mecanismo de empoderamento e transformação social, assim como no aprimoramento do conhecimento pelos estudantes e na promoção da melhoria da qualidade de ensino das Escolas de Florestal, despertando vocações científicas-tecnológicas e identificação de jovens talentosos.
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 07/01/2020-31/01/2021
Foto de perfil

Eduardo Garcia Vilela

Ciências da Saúde

Medicina
  • caracterização genotípica e fenotípica de estirpes potencialmente hipervirulentas de clostridium difficile isoladas de pacientes do hospital das clínicas da ufmg
  • Clostridium difficile é atualmente o principal causador de colite pseudomembranosa em seres humanos. A infecção por C. difficile (ICD) é resultado da colonização do intestino por estirpes do microrganismo e concomitante produção das toxinas A, B e/ou binária, capazes de causar lesões no trato gastrointestinal dos hospedeiros. No início da década de 2000, houve a emergência de estirpes hipervirulentas em diversos países, responsáveis por surtos de ICD com altos índices de mortalidade. Tais estirpes possuem características genotípicas e fenotípicas particulares, que facilitam a sua disseminação no ambiente e favorecem a infecção. Geneticamente, estas estirpes possuem o gene responsável pela produção da toxina binária (cdtB), forma mutada do gene regulador negativo das toxinas A e B (tcdC), que promove maior produção destas toxinas e se relaciona a síntese de genes capazes de atribuir resistência a antimicrobianos. Fenotipicamente, as estirpes hipervirulentas produzem maior quantidade de esporos e toxinas que as estirpes endêmicas e são capazes de induzir quadro clínico mais grave em humanos e animais. Estudos epidemiológicos realizados no Brasil não foram capazes de identificar estirpes classicamente hipervirulentas, no entanto, vários novos ribotipos do patógeno foram encontrados, alguns deles apresentando o gene cdtB. Tais estudos apontam para uma epidemiologia particular da doença no país e para a possibilidade da presença de estirpes hipervirulentas diferentes daquelas descritas em outras regiões geográficas. Para confirmar tal hipótese seria essencial realizar técnicas moleculares e fenotípicas para avaliar o potencial de hipervirulência das novas estirpes encontradas. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é avaliar genotipicamente e fenotipicamente estirpes de C. difficile isoladas no Brasil quanto a características relacionadas a hipervirulência. Para tal, serão usados 120 isolados pertencentes a bacterioteca do Laboratório de Anaeróbios da UFMG, todos provenientes de pacientes do Hospital das Clínicas da UFMG com diagnóstico de ICD entre 2012 e 2018. As estirpes serão cultivadas em ambiente de anaerobiose em agar Müller-Hinton suplementado com sangue ovino e taurocolate. Uma colônia de cada isolado será submetida a extração de DNA com posterior confirmação de identidade e toxigenicidade através da técnica de PCR multiplex. As estirpes também serão submetidas para identificação dos genes cdtB e tcdC, incluindo sua forma mutada. Será realizada tipificação por Multilocus Sequencing Typing (MLST) de todos isolados, sendo selecionados para as próximas etapas do projeto aqueles pertencentes aos clados 2 e 5, os quais albergam estirpes potencialmente hipervirulentas. Será avaliada a presença de genes de resistência a antimicrobianos através de PCRs monoplex previamente padronizadas para os genes gyrA, gyrB, rpoB, ermB, catD, tetM e cfr. O perfil de resistência a antimicrobianos será obtido através do teste de concentração inibitória mínima (CIM) frente aos antimicrobianos enrofloxacina, ciprofloxacina, rifampicina, eritromicina, clindamicina, linezolida, penicilina, florfenicol, oxitetraciclina, vancomicina, metronidazol e fidaxomicina. Para avalição da produção de toxinas in vitro, as estirpes serão submetidas a crescimento em caldo BHI por 120 horas, em condições de anaerobiose. O sobrenadante do cultivo será avaliado por soroneutralização celular. A produção de esporos será avaliada através de plaqueamento do cultivo obtido em ágar AST após tratamento térmico prévio (70 ºC/ 20 min). Os títulos e as contagens obtidos serão submetidos a transformação logarítmica e analisados pelos testes de ANOVA e t de Student em um nível de significância de 95%. As estirpes potencialmente hipervirulentas serão ainda avaliadas quanto a letalidade em modelo experimental em hamsters (Mesocricetus auratus). Para tal, serão utilizados cinco animais por grupo, os quais receberão uma dose clindamicina (30 mg/kg) no momento 0 seguido de 107 esporos/mL da estirpe a ser testada ou solução salina estéril após 48 horas. Os animais serão observados por 30 dias quanto a ocorrência de diarreia e morte, sendo coletados fragmentos do cólon e ceco para avaliação histopatológica no momento do óbito ou ao fim do experimento. Para avaliação de letalidade induzida pelas estirpes, serão construídos gráficos de sobrevivência de Kaplan-Meier e as curvas serão avaliadas pelo teste de Mantel-Cox. Os resultados in vivo e in vitro serão então cruzados com o histórico clínico dos pacientes (mortalidade, recorrência e tempo de tratamento até remissão dos sinais clínicos) para determinação das estirpes potencialmente hipervirulentas.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Gonçalves

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • tipologia e papel dos agentes nas redes de invenção brasileiras
  • A literatura de redes classifica os agentes em “nós isolados”, “estrela interna”, “estrela externa" ou "gatekeepers". Com base nisso, esse projeto tem como um dos objetivos analisar cada uma dessas classificações porque há uma escassez de trabalhos que investiguem as características dos tipos de agentes nas redes de invenção brasileira. O outro objetivo da pesquisa é explorar as relações existentes entre as características dos inventores. Dessa forma, é possível destacar quais características são mais predominantes em cada tipo de agente na rede de inovação brasileira. E, consequentemente, pode-se avaliar se há características a serem mais exploradas, a fim de que um agente possa se tornar central em uma rede, i.e., um gatekeeper. Para isso, pretende-se abordar o uso de métodos de análise multivariada que permitem verificar tanto a acurácia das classificações e se estas incorrem em menores taxas de erro quanto à associação entre as respostas de variáveis características dos agentes.
  • Universidade Federal de Juiz de Fora - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Gonçalves Rocha

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • direito à biodiversidade, à alimentação e revolução verde na américa do sul. uma análise dos riscos, dos danos e das responsabilidades nas políticas de sementes do brasil, da argentina e da bolívia
  • A pesquisa tem como propósito investigar a política de sementes do Brasil, da Argentina e da Bolívia. O desenvolvimento, o patenteamento e a apropriação privada das sementes estão no centro do atual momento da Revolução Verde. Progressivamente, o domínio do melhoramento das sementes é retirado dos camponeses, das comunidades tradicionais e dos produtores rurais e vem se concentrando em um número cada vez menor de empresas. Por exemplo, uma única empresa - Bayer/Monsanto - controla 60% do abastecimento mundial de sementes (VIDAL, 2018). No Brasil, em 2015, 80% do milho e 90% da soja plantados eram transgênicos, sendo que Bayer/Monsanto detinha mais de 60% das sementes modificadas comercializadas nacionalmente (MIOTO, 2015). O Direito cumpre um papel ambíguo e central nesse processo de concentração. Por um lado, favorece a apropriação privada. A lei brasileira de mudas e sementes, Lei nº 10.711/03, é uma expressão disso, ao estabelecer como regra, em seu art. 8º, que toda semente comercializada no Brasil deve possuir certificação. Por outro lado, a biodiversidade e a segurança alimentar são direitos fundamentais constitucionalmente e internacionalmente assegurados, que devem ser protegidos. Procura-se, assim, compreender o papel complexo que o Direito vem cumprindo em relação às sementes na América do Sul, por meio do estudo de caso de três países: Brasil, Argentina e Bolívia. A escolha da Argentina deve-se ao fato dela estar vivenciando o processo parlamentar de votação de sua lei de sementes, e a da Bolívia por possuir uma Constituição que tem no seu centro a proteção da natureza, da cultura andina e do bem-viver. Por meio do estudo desses casos será possível compreender a relação ambígua entre o Direito e as políticas de sementes na América do Sul. Indo ao coração da Revolução Verde será possível entender como ela é um fenômeno político, epistêmico e também jurídico complexo, em que há, ao mesmo tempo, resistências e subserviências. Os autores decoloniais latino-americanos serão o referencial teórico deste estudo. O problema que se coloca é: como as políticas de sementes do Brasil, da Argentina e da Bolívia tem contribuído para a garantia ou não dos Direitos à biodiversidade e alimentação adequada?
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Granado Monteiro da Silva

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estrutura/dinâmica de redes cristalinas/magnéticas/orbitais em sistemas de elétrons fortemente correlacionados
  • Efeitos coletivos notáveis na Física da Matéria Condensada, como a supercondutividade e a magnetorresistência colossal, entre outros, ocorrem em sistemas de elétrons fortemente correlacionados, em que há frequentemente um acoplamento dos graus de liberdade eletrônicos (spin, orbital e carga) entre si e com a rede cristalina. Nesses casos, não só os estados fundamentais eletrônicos e estruturais, mas também as excitações correspondentes (fônons, mágnons, órbitons, etc) podem, em princípio, também estar acoplados e ter caráter misto. Neste projeto iremos investigar estados fundamentais e excitações em tais sistemas empregando espectroscopia Raman, complementada por outras técnicas como espalhamento inelástico ressonante de raios-X (RIXS), difração e espalhamento elástico e inelástico de nêutrons, absorção de raios-X (XANES, EXAFS, XMCD, etc), difração de raios-X de alta resolução, e difração ressonante de raios-X, entre outras, explorando sempre que pertinente o acoplamento entre os diferentes graus de liberdade envolvidos. O presente projeto Universal será possivelmente complementado por um projeto regular de pesquisa a ser submetido brevemente à Fapesp. Entretanto, é importante enfatizar que, devido aos limites de valores atualmente impostos aos projetos regulares da Fapesp, em qualquer cenário o esperado aporte federal advindo desta Chamada Universal do CNPq será de fundamental importância para o bom funcionamento de nosso laboratório Raman nos próximos anos.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Gross

Ciências Agrárias

Agronomia
  • manutenção do centro vocacional tecnológico de agroecologia e produção orgânica (cvt) da uesc
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Estadual de Santa Cruz - BA - Brasil
  • 01/12/2017-31/10/2020
Foto de perfil

Eduardo Guilherme Satolo

Engenharias

Engenharia de Produção
  • lean supply chain management (lscm) como ferramenta para análise e geração de ações de melhoria da cadeia produtiva leiteira na região de tupã/sp
  • A Gestão da Cadeia de Suprimentos (SCM) promove o alinhamento entre os elos da cadeia de suprimentos em tempos que a autonomia empresarial cede lugar ao trabalho colaborativo, englobando as empresas de maneira sistêmica e integrada, facilitando o fluxo de negócios e informações, ocasionando ganhos factíveis na rede de relacionamentos. O agronegócio e sua importância econômica e social para o país só podem ser melhorados com um alto nível de trabalho integrado entre os elos. No entanto, nota-se na literatura a escassez de estudos em setores do agronegócio que apresentam um alto impacto regional, como é o caso do setor leiteiro, em específico na região de Tupã/SP. Nesta região, ao menos 150 produtores sofreram o impacto da redução das atividades de uma cooperativa leiteira e a presença de um único laticínio têm trazido aos produtores a necessidade de readequação de suas relações ao longo de sua cadeia de suprimentos. Deste modo este projeto de pesquisa objetiva propor ações de melhorias para os gargalos identificados nos elos da cadeia produtiva leiteira da região de Tupã/SP sob a ótica Lean Supply Chain Management. A Lean Supply Chain Management (LSCM), é um modelo que resulta das implementações técnicas, práticas e procedimentos do Lean Production nas atividades dos elos da cadeia. A partir de uma Revisão Bibliográfica Sistemática, será definida a abordagem teórica e os pilares que compõem a LSCM. A análise da cadeia ocorrerá por meio de estudos de caso junto aos três elos principais da cadeia (produtores, laticínio e cooperativa) de modo a identificar os gargalos destas relações e elaborar proposições para a superação destes entre os elos. Os dados coletados a partir dos protocolos, visitas in loco e análise de documentos, serão analisados pela perspectiva qualitativa, baseada na análise de correspondência, e da quantitativa, para o estabelecimento das relações entre as variáveis de pesquisa. Os resultados da pesquisa contribuirão para além da divulgação científica, ao propor ações que superem os gargalos identificados, o qual serão alvo da segunda fase da pesquisa, cooperando para a melhoria de aspectos social, ambiental e econômico da cadeia e seus elos.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Henrique Diniz

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • uso de blockchain no rastreamento de emissões de gases de efeito estufa associadas a geração e consumo de energia elétrica
  • Esta pesquisa irá investigar uma solução baseada em Distributed Ledger Technologies (DLT) – que usam protocolo blockchain – para rastrear as emissões de gases de efeito estufa associadas à geração e ao consumo de energia elétrica. As tecnologias DLT, mais conhecidas pela aplicação em criptomoedas (como o Bitcoin), têm sido sugeridas pela UNFCCC (United Nations Framework-Convention on Climate Change) como de grande facilitador para a viabilização de soluções de rastreamento de carbono. Em essência, será desenvolvido conceitualmente um sistema que viabilize técnica e economicamente a identificação de cada MWh (megawatt-hora) consumido por uma organização, de acordo com a quantidade de Gases Efeito Estufa (GEE) emitidos para sua geração. Com isso, agregam-se novas informações relacionada a este atributo ambiental da energia elétrica transacionada, permitindo com que a empresa consumidora possa escolher pela fonte com maior ou menor carbono associado com agilidade, segurança e baixo custo. Este mecanismo pode impulsionar, futuramente, o desenvolvimento de um mercado real de comercialização de energia elétrica num ambiente de economia de baixo carbono. A preocupação com o meio ambiente tem pressionado as empresas a se preocuparem com o gerenciamento de suas emissões de GEE. Na ausência de um sistema de rastreamento de emissões de GEE, torna-se mais difícil e custosa para as organizações gerenciar tais informações e, consequentemente, optar por alternativas menos impactantes ao ambiente. Tal dinamização, do ponto de vista da demanda, é importante também para incentivo à produção de energias mais limpas, segmento em que o Brasil possui grande vocação e ainda muito potencial a ser explorado – principalmente no campo da energia eólica e solar. Este é um desafio crítico num momento em que ainda há pouco conhecimento empírico sobre como concretizar aplicações baseadas em DLT, tanto no Brasil quanto no mundo, em especial frente às peculiaridades dos diferentes contextos institucionais e setores técnico-econômicos. Esta situação abre uma janela de oportunidade para que nosso país se posicione na vanguarda da adoção de uma tecnologia potencialmente transformadora, em um momento no qual não há lideranças estabelecidas globalmente. Por meio deste projeto espera-se obter o domínio de tais tecnologias, gerando aprendizados úteis para a expansão de aplicações análogas em outras áreas, ampliando o potencial de atuação da Brasil nesse campo. O sistema conceitual a ser desenvolvido neste projeto de pesquisa e o conjunto de orientações teóricas e práticas a ser produzido sobre a aplicabilidade das tecnologias DLT, contribuirão para ampliar seu uso, em benefício do mercado nacional, além de gerar conhecimentos para futura aplicação em outros campos.
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Hiromitsu Tanabe

Engenharias

Engenharia Química
  • desenvolvimento de nanofibras poliméricas modificadas com extratores na recuperação de metais valiosos de resíduos eletrônicos e de processos industriais.
  • O objetivo do projeto será desenvolver novos materiais manométricos constituídos de nanofibras (nylon, poliacronitrila, poliimida, etc) modificadas com extratores (D2EHPA, cyanex, quelantes, etc) que sejam eficientes e seletivos para recuperação de metais (zinco, índio, neodímio, ouro etc) presentes em resíduos eletrônicos e de processos industriais. A principal vantagem da aplicação das nanofibras modificadas com extratores dentro do processo industrial é a mínima quantidade de solvente orgânico utilizada em relação ao método convencional de extração. Isto torna o método bastante atraente e menos tóxico ao meio ambiente. Para a extração dos metais em soluções lixiviadas, os parâmetros analisados serão o pH, a razão sólido/líquido e o tempo de contato. Na re-extração serão avaliados a concentração de ácido, razão sólido/líquido e o tempo de contato. Por fim, as nanofibras com extratores serão avaliadas em relação ao seu desempenho com o uso e reuso em diversas etapas de extração e re-extração utilizando soluções reais de resíduos eletrônicos e de processos industriais.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Jorge da Silva Fonseca

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • interação da luz complexa em meio não-lineare e fabricação de microestruturas 3d aplicadas à fotônica e a biologia celular
  • O Grupo de Ótica e Nanoscopia (GON: http://www.if.ufal.br/grupopesquisa/gon/) vem atuando em três linhas de ação: i) Estudos das propriedades da Luz (coerência, momento angular orbital, estatística de luz especulada, etc.); ii) Fabricação de microestruturas aplicada a biologia e a fotônica; iii) Investigação de materiais biológicos e nanoestruturados com o sistema de microscopia de varredura por ponta de prova (AFM, TERS, SNOM, Nanoindentação, etc.). Neste projeto pretende-se iniciar novas linhas de pesquisas investigando a interação de luz estruturada em meio não-linear e a construção de micro dispositivos aplicado a fotônica e a biologia. Na primeira parte deste projeto partiremos da expertise adquirida pelo GON referente ao item i) e aplicaremos esses conhecimentos, agora, estudando geração de redes óticas, estatística de “speckles”, vórtice de coerência, etc., em meios que apresentem propriedades não-linear. Na segunda parte, com a aquisição de um sistema de escrita a laser, investigaremos maneiras de construir sistemas óticos integrados, como microdispositivos para gerar com alta eficiência luz com momento angular, guias de onda, feixes não-difratantes, etc., além da construção de arcabouços 3D voltado ao crescimento de células. Esta última proposta, vem de encontro a um projeto institucional junto ao grupo de biologia celular, com pesquisas já bem estabelecidas entre os grupos da física e da biologia.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo José Gaio

Ciências da Saúde

Odontologia
  • identificação e controle de marcadores moleculares inflamatórios por meio de drogas epigenéticas na periodontite induzida em ratos wistar
  • A periodontite é uma das doenças mais comuns em humanos e as formas graves afetam cerca de 10% da população adulta. Muito embora as bactérias sejam consideradas necessárias para o início da doença, elas não são capazes de explicar muitos dos achados clínicos. O conhecimento da epigenética contribui para uma melhor compreensão das interações entre os genes e o meio ambiente e pode fornecer explicações de por que os pacientes com o mesmo fenótipo clínico respondem de maneira diferente ao tratamento. Ser capaz de correlacionar um padrão/marcador epigenético com um fenótipo clínico é de interesse, assim como usar a epigenética como uma ferramenta para identificar pacientes em risco de desenvolver periodontite. Sendo assim, a proposta do presente projeto de pesquisa é avaliar em modelo animal o efeito de drogas epigenéticas sobre os mecanismos e vias de destruição dos tecidos periodontais em modelo de doença induzida por ligadura. Para isso, serão utilizados 60 ratos Wistar machos divididos em 6 grupos experimentais, os quais receberão por um período de 10 dias a colocação de ligadura para indução da perda óssea alveolar. Concomitantemente a isso, os mesmos receberão dois diferentes tipos de drogas epigenéticas, o JQ1 e o Entinostat. Avaliações de diferentes marcadores moleculares epigenéticos e de Espécies Reativas de Oxigênio (ROS) que modulam a inflamação serão estudadas por meio de imunofluorescência e cultura celular. Considerando o impacto significativo sobre a inflamação dessas drogas epigenéticas já demonstrado na literatura, levantamos a hipótese de que o JQ1 e o Entinostat podem prevenir a inflamação e a destruição óssea relacionada a periodontite experimental. O conhecimento dessas vias pode tornar-se essencial para o entendimento e uma possível aplicação clínica no futuro.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Landulfo

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • técnicas de aprendizagem de máquina aplicada às propriedades ópticas de aerossóis na atmosfera de são paulo e natal - preparação para a validação dos satélites adm-aeolus e earthcare - esa.
  • Nesse projeto apresentado será desenvolvido um estudo de climatologia e estatística das propriedades ópticas dos aerossóis em duas diferentes regiões do Brasil, São Paulo como representante do Sudeste e Natal como representante do Nordeste, utiliando para isso diversos instrumentos de sensoriamento remoto instalados em superfície ou a bordo de satílites como o objetivo de determinar uma assinatura e um padrão de comportamento anual e/ou sazonal dos aerossóis e determinar possíveis hipóteses que regem esses padrões. A determinação de tais padrões das das propriedades ópticas dos aerossóis auxiliará no desenvolvimento das metodologias dos processos de validação e calibração dos dados medidas pelos satélites ADM-AEOLUS, lançado em Agosto de 2018 e oEARTHCARE-ESA ao ser lançado em 2020.
  • Comissão Nacional de Energia Nuclear - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Leme Alves da Motta

Ciências da Saúde

Medicina
  • modulação endometrial: método não invasivo para avaliação de moléculas chave na interação embrião-endometrio durante a janela de implantação
  • Acredita-se que a comunicação entre embrião e endométrio seja estabelecida antes e durante o processo de implantação embrionária. Isso ocorre através de uma miríade coordenada de moléculas liberadas pelas células embrionárias e maternas, que conduzem à transição de um endométrio não-receptivo para um endométrio receptivo. Tais mecanismos são pouco compreendidos, embora a síntese e o equilíbrio espacial e temporal de vários fatores, como hormônios, citocinas, quimiocinas, fatores de crescimento e moléculas de adesão sejam considerados essenciais ao estabelecimento de uma gravidez viável. Nossa hipótese é que blastocistos humanos cultivados in vitro, provenientes de tratamento por FIV, podem secretar essas moléculas. A fim de melhor compreender os mecanismos moleculares envolvidos nesta fase-chave da reprodução humana, pretendemos estimular células endometriais humanas obtidas de biópsia e cultivadas in vitro com meio de cultivo condicionado de embriões. A análise do perfil proteico em amostras de meio condicionado de embriões e células endometriais será realizada por citometria de fluxo. Este estudo pretende avançar o conhecimento acerca da remodelação endometrial mediada por moléculas secretadas por embriões, as quais possuem papel chave no processo de implantação. Tem como característica inovadora a perspectiva de recriar in vitro o ambiente endometrial de pacientes submetidas à FIV, e estimular essas células com meio condicionado proveniente do seu próprio embrião transferido. Isto irá proporcionar uma melhor compreensão dos eventos moleculares subjacentes ao sucesso e ao fracasso da implantação embrionária, bem como possibilitará a identificação de potenciais biomarcadores não-invasivos para seleção de embriões anteriormente à transferência.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Luiz Gasnhar Moreira

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • concentração plasmática de colesterol e a atividade da enzima acetilcolinesterase cerebral: implicações em processos cognitivos e na doença de alzheimer.
  • A doença de Alzheimer, principal doença neurodegenerativa relacionada à idade, é a causa mais comum de prejuízos cognitivos em pessoas com mais de 65 anos de idade. Cerca de 36 milhões de pessoas no mundo a manifestam, com estimativa de prevalência global de 115 milhões até 2050, resultante principalmente do aumento da expectativa de vida. O tratamento farmacológico corrente é representado fundamentalmente pelos inibidores da enzima acetilcolinesterase (AChE) (e.g., donepezil e galantamina). Os estudos que avaliaram a eficácia dos inibidores da AChE mostraram, de forma consistente, que a sua administração aos pacientes com doença de Alzheimer leve ou moderada resulta em benefícios discretos, mas significativos, em relação aos grupos não-tratados, sobre a cognição, o comportamento e os aspectos funcionais. Contudo, há uma considerável heterogeneidade na resposta ao tratamento. Por exemplo, a proporção de pacientes com doença de Alzheimer que apresentam melhora cognitiva significativa após o tratamento com donepezil é de cerca de 40%. Neste sentido, um estudo prévio sugeriu que os níveis de colesterol plasmático modulam a eficácia em longo prazo de inibidores da enzima AChE utilizados na doença de Alzheimer. Especificamente, foi demonstrado que níveis elevados de colesterol plasmático (> 220 mg/dl) afetam de forma negativa a eficácia de inibidores da AChE sobre a função cognitiva de pacientes com doença de Alzheimer. Outrossim, em uma publicação oriunda da Tese de Doutorado do proponente, foi demonstrado que mesmo uma leve elevação na concentração de colesterol plasmático é capaz de induzir déficits cognitivos em camundongos. De modo interessante, foi observado aumento significativo na atividade da enzima AChE no córtex pré-frontal e hipocampo dos camundongos expostos à dieta hipercolesterolêmica. Ademais, foi observado ainda que a exposição ao colesterol LDL aumentou de maneira significativa, e dependente da concentração, a atividade da AChE em cultivo celular, sugerindo que alterações causadas pelo colesterol na membrana plasmática possam modular a atividade catalítica da AChE. Assim, pode-se considerar uma relação causal entre tais eventos nomeados, isto é, o aumento na atividade da AChE no córtex pré-frontal e hipocampo pela hipercolesterolemia em camundongos, e a modulação da eficácia de inibidores da AChE pelos níveis de colesterol em pacientes com doença de Alzheimer. Por conseguinte, o projeto em tela tem como objetivos principais (i) a caracterização da modulação da atividade catalítica da enzima AChE cerebral pelos níveis de colesterol plasmático, (ii) o estudo dos mecanismos fisiológicos envolvidos nesta modulação, e (iii) avaliação, em modelo pré-clínico, do potencial terapêutico da associação de fármaco hipolipemiante (e.g., atorvastatina) a fármaco inibidor da enzima AChE (e.g., galantamina), visando o aumento da eficácia terapêutica destas drogas no tratamento sintomático da doença de Alzheimer.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Luiz Rachid Cancado

Ciências da Saúde

Medicina
  • anticorpo anti-sla/lp em pacientes portadores de hepatite autoimune: sua relação com o anticorpo anti-ro (ss-a) e seu comportamento ao longo do tratamento da doença
  • A hepatite autoimune (HAI) é uma doença hepática crônica necroinflamatória imunomediada, com maior prevalência em mulheres jovens. Suas principais características são hipergamaglobulinemia (principalmente aumento dos níveis de IgG), reatividade de autoanticorpos, presença de hepatite de interface, rosetas de hepatócitos e infiltrado plasmocitário portal em biópsia hepática e resposta ao tratamento com corticosteroides e imunossupressores. O perfil de positividade dos auto-anticorpos permite a classificação da HAI em subgrupos com características bioquímicas, clínicas, sorológicas e imunogenéticas mais homogêneas. Dois tipos de HAI são reconhecidos: o tipo 1 com positividade dos anticorpos antinúcleo e/ou antimúsculo liso (anti-ML) e o tipo 2, com positividade para o antimicrossoma de fígado e rim tipo 1 (anti-LKM1) e/ou anticitosol hepático tipo 1. O anticorpo antiantígeno hepático solúvel/fígado-pâncreas (anti-SLA/LP) pode ser encontrado em associação com os marcadores clássicos da doença em freqüência variável, a depender da técnica utilizada para sua detecção; mas sua grande utilidade é nos casos sem os marcadores sorológicos clássicos, em quem sua positividade em cerca de 1/3 dos casos, permite a reclassificação de pacientes com hepatite criptogênica como HAI. O anti-SLA/LP parece ser marcador de formas mais graves, com maiores índices de atividade histológica ao diagnóstico e maior propensão a recidiva após suspensão do tratamento imunossupressor. O anticorpo anti-Ro é classicamente encontrado na Síndrome de Sjogren, sendo também relacionado a complicações fetais perinatais como bloqueio atrioventricular congênito; ele pode ser encontrado em cerca de 40% dos pacientes com HAI. Na literatura é descrita associação entre a positividade do anti-SLA/LP e o anticorpo anti-Ro, especificamente a fração anti-Ro52/SS-A, em 80-98% dos casos, sendo que essa associação não se deve a reação cruzada entre os dois anticorpos. Alguns estudos sugerem que esta associação poderia justificar a implicação do anti-SLA/LP no prognóstico da HAI e no maior risco de complicações gestacionais nas pacientes com positividade para este anticorpo, sendo que portadores de anticorpo anti-Ro52 apresentariam maior risco de evolução para cirrose hepática, óbito e transplante hepático, independentemente da positividade do anticorpo anti-SLA/LP. Não há dados sobre essa associação e sua implicação prognóstica em brasileiros portadores de HAI. Além disso, embora se conheça que durante a evolução da HAI os anticorpos, como o anti-ML e o anti-LKM1, habitualmente estejam negativos ou com baixos títulos na ocasião da remissão histológica, não há dados sobre o comportamento do anti-SLA/LP no curso da HAI. Na prática clínica, alguns estudos sugerem que o anti-SLA/LP mantém-se reagente durante o curso da doença na grande maioria dos pacientes, não guardando correlação com atividade bioquímica ou histológica. Os objetivos principais deste estudo são: 1. Determinar a associação entre o anticorpo anti-SLA/LP e o anticorpo anti-Ro52/SS-A em pacientes portadores de HAI acompanhados no Ambulatório de Hepatite Autoimune do HC-FMUSP; 2. Correlacionar a presença do anti-Ro52/SS-A com características clínicas, laboratoriais e histológicas da HAI, avaliando se há associação com pior prognóstico. Os objetivos secundários do estudo são: 1. Determinar se a presença do anti-Ro52/SS-A nos pacientes com HAI está relacionada à sobreposição com outras doenças autoimunes e com complicações no concepto nas pacientes do sexo feminino que tiveram gestações; 2. Avaliar se o anti-Ro52/SS-A poderia ser utilizado como marcador de positividade para o anti-SLA/LP em pacientes com HAI; 3. Determinar o comportamento de reatividade do anti-SLA/LP ao longo do curso da HAI, correlacionando sua presença e titulação com a atividade da doença. Palavras-chave: hepatite autoimune; autoanticorpos; anticorpo anti-SLA/LP; anticorpo anti-Ro52.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Magalhães Rego

Ciências da Saúde

Medicina
  • avaliação do impacto do gene mll5 na regulacao epigenética de células da leucemia mieloide aguda e sua correlação com o desfecho do tratamento
  • O tratamento da leucemia mieloide aguda (LMA) é uma necessidade médica não atendida. Há uma vasta gama de alterações moleculares nesta doença, que determinam ao menos em parte o fenótipo, as características clínicas e resposta ao tratamento. Neste sentido, dados do nosso grupo e do grupo alemão indicam que o gene MLL5 é importante para a estratificação prognóstica de pacientes com LMA e leucemia promielocitica aguda (um subtipo de LMA). Contudo, nenhum estudo funcional foi conduzido até o momento, visando avaliar o papel do MLL5 no fenótipo das células de LMA. Assim, propomos identificar a participação do MLL5 na modulação fenotípica das células de LMA através da utilização de (a) um modelo in vitro de hiperexpressão e knockout para o MLL5 utilizando diferentes linhagens celulares de LMA, (b) modelo de xenotransplante para avaliação de carga tumoral induzidos pelas diferentes linhagens celulares modificadas para o MLL5 em comparação com células controles, avaliando a resposta às principais terapias utilizadas e (c) investigando a possível aplicabilidade da avaliação dos níveis de expressão do MLL5 na estratificação prognóstica dos pacientes com LMA, correlacionando com a terapêutica utilizada. As linhagens celulares serão avaliadas quanto a capacidade de proliferação, auto renovação e potencial de diferenciação mieloide basal e induzido por drogas utilizadas no contexto clínico. Para tal, iremos avaliar as principais vias epigenéticas reguladas pelo MLL5 que estão envolvidas no processo de diferenciação mieloide induzido em resposta ao tratamento, como os modificadores de histona SETD7/9 e o KMD1A (que codifica a proteína LSD1). Por fim, o presente projeto visa determinar se a utilização dos níveis de MLL5 estão associados ao desfecho clinico de pacientes diagnosticados com LMA de novo.
  • Fundação Hemocentro de Ribeirão Preto - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Marcos Rodrigues dos Passos

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • violação da invariância de lorentz: desenvolvimento teórico e limites fenomenológicos
  • Neste projeto investigaremos os efeitos da violação da invariância de Lorentz através de teorias de campos efetivas regidas por operadores de altas ordens derivativas. Pretendemos efetuar um estudo teórico visando nas consistências e propriedades dos modelos. Além disso, estudar novos limites fenomenológicos para os parâmetros de cada modelo adotando medidas astrofísicas de radiações gama, detecções de ondas gravitacionais e emissões de neutrinos de altas energias.
  • Universidade Federal de Campina Grande - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Marques Martins

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • monitoramento tridimensional da praia da caldeira, florianópolis, santa catarina
  • No segundo semestre de 2017, uma conjunção de fenômenos naturais causaram uma série de fortes ressacas na praia da Armação que culminaram na perda em um curto período de tempo de grande parte do volume de sedimento da praia e, inclusive, da vegetação de restinga contígua à praia. O principal risco foi a possibilidade de desabamento da SC-406 e do rompimento da adutora de água para abastecimento público proveniente da ETA Lagoa do Peri no extremo norte da praia da Armação, setor conhecido como praia da Caldeira. A medida tomada pelos gestores públicos foi prolongar o enrocamento preexistente por aproximadamente 35 m. O objetivo do projeto é monitorar a evolução volumétrica da faixa de praia da praia da Caldeira entre 2019 e 2022 mediante o levantamento de dados de superfície por topografia clássica e por VANT. Espera-se, ao identificar a taxa positiva ou negativa de evolução do volume de sedimentos da faixa de praia, subsidiar o poder público para futuras ações na área.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Mendes da Silva

Ciências Biológicas

Ecologia
  • controle da esponja amorphinopsis atlantica na baía do iguape (bahia, brasil): reduzindo a lacuna pesquisa-prática.
  • A Resex Marinha Baía do Iguape, localizada nos municípios de Maragojipe e Cachoeira, no Recôncavo baiano foi criada sobre uma área de 10.082,45 hectares, com o intuito de conservar o ecossistema estuarino de grande valor ecológico, cultural e econômico. Entretanto, mudanças na estrutura do estuário do rio Paraguaçu, como a construção da represa Pedra do Cavalo na década de 1980 e a operação da usina hidrelétrica a partir de 2005, dentro da zona da maré dinâmica, tem favorecido a presença de Amorphinopsis atlantica uma esponja, exótica invasora, que ocupa a região do infra-litoral. Suas espículas têm sido liberadas na água, e vem sendo apontada pela comunidade local como o principal agente causador da dermatite irritativa aguda que vem afetando 3.600 famílias de pescadores e marisqueiros da região desde o ano de 2009 e impactando substancialmente no exercício de suas atividades laborais implicando na redução de alimentos necessários à subsistência de suas famílias. Dessa forma, o presente projeto objetiva compreender o padrão de distribuição de A. atlantica na baía do Iguape, identificar a prevalência de queixas sugestivas de dermatite de contato irritativa e os fatores ambientais e ocupacionais associados em pescadores artesanais moradores da região e propor medidas de controle para a esponja. Será realizado o mapeamento das áreas de ocorrência de A. atlantica e serão feitas medições da salinidade, temperatura superficial da água, profundidade e tipo de substrato (rígido / arenoso) para compreender como os fatores ambientais influenciam na ocorrência da espécie. Os dados epidemiológicos da população local serão coletados através de um formulário de entrevista, que conterá questões relativas a: características sociodemográficas, histórico de trabalho, característica do trabalho da pesca artesanal, hábitos de vida, atividades domésticas desenvolvidas, comorbidades autorrelatada, queixas dermatológicas relacionadas à agente de contato e exposição e fatores ambientais e ocupacionais associados às queixas de pele. Para que seja possível o controle e manejo de A. atlantica serão realizados dois experimentos: um para testar a influência da salinidade na sobrevivência da espécie e outro para testar se há ressecamento e morte das esponjas após retira-las da água. A partir dos prejuízos socioeconômicos e de saúde pública que a ocorrência de A. atlantica tem causado para as comunidades na baía do Iguape e ao ineditismo de estudo sistemático sobre o tema nessa região, se espera com o presente projeto propor medidas de controle para a espécie nesse ambiente e a redução do número de queixas sugestivas de dermatite de contato irritativa pelos membros das comunidades que utilizam a Resex Marinha baía de Iguape.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 11/12/2017-31/12/2020
Foto de perfil

Eduardo Mendes Nascimento

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • stress docentes na área de ciências contábeis: consequências e estratégias
  • As aulas em Instituições de Ensino Superior (IES) revelam-se legítimos e importantes mecanismos de comunicação, nos quais o compartilhamento de conhecimento, ideias e sentimentos, viabilizado pela condução/mediação do professor, é fundamental para o fim colimado por todos os atores sociais envolvidos nesse processo: a aprendizagem. Por tudo isso, as variáveis que podem afetar o contexto de aprendizagem universitária são sintomáticas, podendo comprometer significativamente a relação entre professor e discente, merecendo, assim, estudo aprofundado. Uma dessas variáveis é o estresse. Acredita-se que o ambiente acadêmico, quando permeado por constantes eventos estressores, pode desencadear reações psicofisiológicas negativas nos docentes, afetando seu desempenho e a sua interação com o ambiente organizacional e, consequentemente, a aprendizagem dos alunos. Portanto, esta proposta de pesquisa buscará evidências para responder à seguinte questão: qual a relação entre estresse autorelatado e fisiológico (medido pelo cortisol salivar), a influência do ambiente organizacional sobre o estresse psicofisiológico e repercussão na qualidade de vida dos docentes de cursos de Ciências Contábeis das Instituições de Ensino Superior do Brasil? O estudo, de natureza descritiva e explicativa, fornecerá um levantamento da situação do estresse entre os professores dos cursos de graduação de Ciências Contábeis e buscará relacionar o grau de estresse psicofisiológico desses profissionais e os estressores ambientais que influenciam esse estado. Serão utilizados como instrumentos de coleta de dados: o questionário, a análise do estresse fisiológico por meio de variáveis que indiquem esse estado clínico (pressão sanguínea, Índice de Massa Corpórea e Cortisol Salivar que serão coletados por profissional da área da saúde, sendo que os dados relacionados ao cortisol salivar serão analisados no Laboratório de Biologia do Estresse ? BEST ? da Unifesp) e a entrevista.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Miranda Dantas

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • avaliação dos efeitos de alcaloides presentes no veneno de formiga-lava-pés solenopsis (insecta, hymenoptera, formicidae) sobre a modulação autônoma da frequência cardíaca em ratos wistar
  • O veneno das formigas (Insecta, Hymenoptera, Formicidae) tem sido uma fonte interessante de moléculas bioativas com propriedades de interesse humano. O veneno das formigas do gênero Solenopsis Westwood, 1840 (Formicidae, Myrmicinae, Solenopsidini), vulgarmente chamadas formiga-lava-pés, é constituído por proteínas hidrossolúveis com propriedades alergênicas, porém, em maior proporção, estão presentes alcaloides, principalmente os do tipo piperidínicos. Nos mamíferos, o veneno pode causar várias alterações fisiológicas complexas. A variabilidade de frequência cardíaca tem sido utilizada para avaliação da modulação autônoma do coração e seus índices alterados representam um importante fator de risco para morbidade e mortalidade em muitas doenças metabólicas e cardiovasculares. Uma vez que os efeitos cardiovasculares do veneno da formiga-de-fogo Solenopsis invicta Buren 1972 foram descritos sobre a pressão arterial, frequência e índices de contratilidade cardíaca em um estudo anterior é possível especular que alterações na modulação autônoma para o coração possam também ser observadas. Portanto, no presente trabalho pretende-se investigar o perfil dos alcaloides presentes no veneno especificamente de uma espécie ainda não estudada de Solenopsis do interior do semiárido nordestino brasileiro (Petrolina, PE), assim como também os efeitos do veneno sobre a modulação autônoma cardíaca em ratos.
  • Universidade Federal do Vale do São Francisco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Moreira da Silva

Ciências Humanas

Ciência Política
  • estado, instituições participativas e confronto político: uma análise comparativa dos repertórios de interação entre estado e sociedade no brasil.
  • O projeto realizará uma análise simultânea da participação dos atores governamentais e da sociedade civil em conselhos e conferências de políticas públicas da área de Direitos Humanos no Estado de Minas Gerais e no Governo Federal. A literatura dos sistemas deliberativos sugere investigar os fóruns deliberativos em suas conexões com as demais partes do sistema político e da sociedade. A despeito dos avanços teóricos propostos pelo modelo sistêmico deliberativo, ainda existem lacunas expressivas relacionadas à construção de técnicas metodológicas capazes de captar as conexões entre as partes dos sistemas deliberativos. De modo complementar, é preciso também avançar na identificação dos mecanismos capazes de promover a transmissão das deliberações realizadas em uma arena deliberativa para as demais. Utilizamos técnicas do campo da Análise de Redes Sociais para descrever as possíveis conexões entre os diferentes espaços deliberativos. Silva e Ribeiro (2016) propõem a perspectiva dos subsistemas, que considera a natureza das arenas deliberativas e investiga a interação entre os conselhos no âmbito municipal e, posteriormente, no nível Estadual e Federal. Retomamos o conceito de subsistema e desenvolvemos um modelo empírico considerando sua dimensão temática. O tema dos Direitos Humanos define o subsistema composto por conselhos e conferências dessa área. Dados preliminares indicaram a presença de subsistemas completamente conectados. Comparativamente às análises anteriores, encontramos no Estado que, além da importância dos atores governamentais enquanto conectores das arenas, os atores da sociedade civil assumem um protagonismo na conexão das arenas que formam o subsistema. O problema dessa pesquisa é verificar se o protagonismo da sociedade verificado no Estado de Minas Gerais pode ser constatado no governo federal? Nossos resultados preliminares dos conselhos nacionais destacam uma acentuação do fenômeno da especialização na função de conectores no sistema deliberativo.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Moreira da Silva

Ciências da Saúde

Odontologia
  • desenvolvimento e caracterização de compósitos restauradores remineralizantes com nanocarreadores mesoporosos de sílica-cálcio (pmsi-ca) carregados com fluoretos
  • O objetivo do presente projeto é o desenvolvimento e a caracterização de compósitos restauradores remineralizantes com nanocarreadores mesoporosos de sílica-cálcio carregados com fluoretos. Inicialmente, serão sintetizadas partículas mesoporosas de Si-Ca (PMSi-Ca) através de um método de síntese inorgânica. Serão produzidos dezesseis compósitos experimentais (E0, E10, E20, E30, Es0, Es10, Es20, Es30, Ef0, Ef10, Ef20, Ef30, Efs0, Efs10, Efs20 e Efs30) com 40 %p/p de matriz orgânica (Bis-GMA/TEGDMA, 70/30 %p/p), onde serão adicionados 0,5 %p/p de canforoquinona e 1 %p/p de etil N,N-dimetil-4aminobenzoato (EDMAB) para atuarem como sistema de fotoiniciação. O sistema de cargas será constituído de 60 %p/p de partículas de bário-boro-silicato (BaBSi) com diâmetro médio de 0,7 µm. Os números das siglas dos compósitos correspondem ao percentual (%p/p) da substituição parcial das partículas de BaBSi por PMSi-Ca. Em oito compósitos (Ef0, Ef10, Ef20, Ef30, Efs0, Efs10, Efs20 e Efs30), as PMSi-Ca serão previamente imersas durante 24 h em solução aquosa de NaF (10 %p/p) e secas durante 7 dias a 40 ˚C. Em seguida, as partículas de oito compósitos (Es0, Es10, Es20, Es30, Efs0, Efs10, Efs20 e Efs30) serão silanizadas com γ-metacriloxipropil-1-trimetoxisilano (MPTS). A análise do potencial remineralizante será feita através de microtomografia computadorizada de alta energia de Raios-X (micro-CT), em margens de esmalte de cavidades previamente submetidas a biofilme cariogênico de S. Mutans, restauradas com os compósitos e submetidos a ciclagem de pH durante 15 dias. Será também avaliada a liberação de íons Ca2+ e F- após 7, 14, 28, 56 e 112 dias de imersão em soluções com pH titulados para 4,0; 5,5 e 7,0. Com o objetivo de analisar a influência das PMSi-Ca no comportamento dos compósitos, serão caracterizadas as seguintes propriedades: grau de conversão, resistência à flexão, módulo de elasticidade, nanodureza, absorção de água, solubilidade e resistência ao desgaste. O nanocompósito comercial Z350 (3M ESPE) será utilizado como controle para a caracterização físico-mecânica. Os dados obtidos serão analisados com os modelos estatísticos adequados à distribuição observada (α = 0,05).
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Mundstock

Ciências Humanas

Educação
  • feira de ciências de canela/rs
  • As feiras e mostras científicas são de extrema importância, servindo de estímulo para a execução e comunicação de projetos de pesquisa entre os estudantes das mais diversas áreas. Além disso, as feiras podem ajudar a desenvolver e aguçar a curiosidade cientifica nos alunos, pois estes estarão envolvidos em atividades próprias do processo científico, como a formulação da pergunta a ser respondida, elaboração da metodologia para respondê-la, análise dos resultados obtidos e comunicação dos resultados.
  • Prefeitura Municipal de Canela/RS - RS - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Eduardo Pacca Luna Mattar

Ciências Agrárias

Agronomia
  • tecnologias agroecológicas de referência, educação profissional para conservação da sociobiodiversidade e formação participativa de recursos humanos para agroecologia na amazônia ocidental - território da cidadania do vale do juruá, acre.
  • O Governo Federal pelo Programa Territórios da Cidadania possui oobjetivo depromover o desenvolvimento econômico e universalizar programas básicos de cidadania por estratégias de desenvolvimento territorial sustentável.O Território da Cidadania do Vale do Juruá abrange cinco municípios onde vivem aproximadamente 120.000 pessoas com 45% residentes no meio rural O território possui 5.230 agricultores familiares, próximo de 6.000 famílias assentadas, com 1.820 famílias de pescadores e 12 terras indígenas. Alinhados a demanda do governo federal, a partir de 2009 o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - INCRA e a Universidade Federal do Acre – UFAC em Cruzeiro do Sul formalizaram parceria com objetivo de desenvolvimento de projetos e atividades voltadas para ações de assistência técnica e extensão rural. O Núcleo de Agroecologia do Vale do Juruá foi criado em 2010 com ações direcionadas para agricultores familiares dos assentamentos do “Território da Cidadania do Vale do Juruᔠcom foco prioritário aos produtores familiares do Projeto de Desenvolvimento Sustentável – PDS Jamil Jereissati, assentamento com aproximadamente 45 mil hectares e com mais de 500 famílias, localizado no município de Cruzeiro do Sul, Amazônia Ocidental.Desde sua criação pelo Edital58/2010, o núcleo de agroecologia vem desenvolvendo projetos em parceria com instituições de ensino, pesquisa e extensão no Brasil e em países da América Latina e Caribe. O projeto está organizado em 10 objetivos específicos e 27 metas com ações de formação profissional os quais contemplam intercâmbios, apoio a eventos e ações nacionais, divulgação de documentos audiovisuais, elaboração de materiais didáticos, valorização da biodiversidade regional, pesquisas participativas, organização social de agricultores e famílias assentadas, além de disponibilização de informações e ações ao longo do projeto. As inovações tecnológicas e sociais geradas pelo projeto objetivam adequar a realidade local do agricultor familiar, visando promover o desenvolvimento sustentável, baseado no planejamento participativo para o uso e manejo da terra com objetivo de uso sustentável dos recursos naturais para melhor bem estar da comunidade rural associados a garantia da soberania alimentar.
  • Universidade Federal do Acre - AC - Brasil
  • 01/01/2018-31/10/2020
Foto de perfil

Eduardo Pacheco Rico

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • a utilização do peixe-zebra como organismo para validação farmacológica no modelo de privação ao binge alcoólico: parâmetros neuroquímicos e comportamentais
  • O consumo excessivo de álcool é considerado um problema de saúde pública de ordem mundial, classificado entre os cinco principais fatores de risco para doenças, incapacidades e mortalidade. Entretanto, é durante períodos de privação ao consumo de álcool que ocorrem os sintomas relacionados à abstinência acarretando na chamada “fissura” acompanhada de sinais como ansiedade e descontrole emocional. Este é considerado um período crítico para o tratamento do alcoolismo, uma vez que é exatamente neste momento em que ocorre o reforço positivo para um próximo consumo e a manutenção de ciclos de consumo que levam à dependência. Para isto, os estudos em modelos animais têm buscado respostas para o entendimento da fisiopatologia consumo abusivo de álcool, mas de forma ainda não totalmente completa. Todo este processo que envolve o consumo excessivo e intermitente de álcool alteração no equilíbrio entre os sistemas inibitório (induzido por GABA) e excitatório (induzido pelo glutamato), fazendo com que o próprio SNC busque o equilíbrio por mudanças compensatórias em substratos neuroquímicos. Este tem sido o momento crítico para a busca de novos fármacos com potencial de atenuar ou reduzir os sintomas comportamentais típicos a privação ao álcool. Neste contexto, o presente projeto tem como objetivo investigar possíveis alterações nos diferentes sistemas de neurotransmissão e comportamentais (ansiedade) no período de privação em peixe-zebra previamente exposto ao modelo de binge alcoólico. Nosso grupo tem como principal linha de pesquisa a caracterização dos diferentes sistemas de neurotransmissão no sistema nervoso central além de diferentes tarefas comportamentais. Desta forma o peixe-zebra tem emergido nesta área da neurociência e farmacologia como uma importante alternativa para estudos translacionais relacionados a fisiopatologias incluindo o consumo abusivo de álcool. Entretanto, o entendimento do cenário neuroquímico e comportamental nesta espécie ainda merecem interesse na área. Neste sentido, a proposta do projeto em avaliar intervenção de fármacos já utilizados na clínica frente ao modelo de privação ao etanol permitirá estabelecer para este organismo um modelo translacional validado farmacologicamente. Uma vez que o peixe-zebra devido sua facilidade de manutenção em laboratório permite a varredura de diversos compostos em larga escala o presente projeto permitirá novas perspectivas não somente para o teste de novas substâncias com potencial neuroprotetor, bem como para o controle de perfil ansioso, tipicamente encontrado em pacientes etilistas.
  • Universidade do Extremo Sul Catarinense - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Pereira

Engenharias

Engenharia Civil
  • estabilização de reações álcali-agregado em estruturas de concreto por geopolimerização
  • Reações álcali-agregado são mecanismos de degradação originados pela interação entre os álcalis do cimento e agregados reativos, contendo principalmente porções de fases de sílica amorfa. Como resultado das reações gera-se um gel expansivo com caráter higroscópico, que tende a provocar no interior do material tensões de tração superiores a capacidade portante do concreto. Por outro lado, sistemas cimentantes álcali-ativados compreendem qualquer sistema aglutinante formado pela reação de uma fonte de metal alcalino com sílica e alumínio, resultando na formação de um aluminossilicato sintético. Esta reação é muito similar as reações pozolânicas amplamente conhecidas na literatura. Sendo resultado intermediário das reações álcali-agregado a formação de um gel viscoso altamente alcalino pretende-se com este projeto de pesquisa atuar na modificação da composição deste gel associando este com fontes de sílica e alumínio para produção de um geopolímeros. Para isto serão avaliadas composições geopoliméricas atuando em solução sintética de gel álcali-agregado e identificar as principais características do produto formado. Pretende-se com isto obter composições capazes de estabilizar o gel formado por meio das reações de RAA. Os produtos serão caracterizados por diversas técnicas a fim de compreender a interação entre os materiais precursores. Como resultado pretende-se obter um produto com capacidade de mitigar ou estabilizar a evolução das reações expansivas oriundas das reações álcali-agregado nocivas para estruturas de concreto.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Pestana de Aguiar

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • desenvolvimento de um protótipo de baixo custo para diagnóstico de falhas em tempo real de ferramentas de corte utilizando sistemas fuzzy evolutivos.
  • O diagnóstico de falhas de máquinas rotativas desempenha um papel significativo para a confiabilidade e segurança de sistemas industriais modernos. Como um campo emergente em aplicações industriais e uma solução eficaz para o reconhecimento de falhas, as técnicas de inteligência computacional têm recebido crescente atenção da academia e da indústria. Conhecendo a relevância da manutenção baseada em condições feita a partir de técnicas de inteligência computacional no contexto prático da engenharia de manutenção e percebendo que a mesma quando realizada em ferramentas de usinagem é majoritariamente baseada em inspeções rotineiras, percebe-se a oportunidade de desenvolver modelos computacionais que tem por objetivo o monitoramento e diagnóstico de ferramentas de corte, evidenciando seu grau de desgaste. Os sistemas fuzzy evolutivos permitem o desenvolvimento de modelos que evoluem dado a característica do fluxo de dados de entrada, além de dispender baixo custo computacional, propiciando assim aplicações em sistemas de tempo real com dinâmica rápida possibilitando, inclusive, implementações em hardware. Desta forma, o objetivo geral deste trabalho é o desenvolvimento de um protótipo de sistema implementado em hardware para monitoramento em tempo real do desgaste das arestas de corte de um sistema de fabricação por usinagem. Este protótipo deverá contar com um sistema de aquisição de fluxo de dados, bem como de um sistema de processamento, em tempo real, do fluxo de dados baseado em sistemas fuzzy evolutivos.
  • Universidade Federal de Juiz de Fora - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Picanço Cruz

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • estudo comparativo do empreendedorismo imigrante das comunidades brasileiras em portugal e no canadá.
  • O empreendedorismo promovido por etnias de mesma origem ou por imigrantes recém-chegados, tem sido identificado como um fator importante na promoção da mobilidade econômica e redução da pobreza entre comunidades estrangeiras. Desde 2012, a UFF vem realizando pesquisas com brasileiros residentes nos EUA, no Japão. e Austrália.Este trabalho identificou textos seminais que sugerem a necessidade de investigar as formas específicas pelas quais cada grupo étnico conseguiu estabelecer um mercado étnico no exterior. De acordo com essa premissa, somente após tais investigações seria possível pensar em um modelo generalista. Nesse sentido, entender as características de outras comunidades brasileiras no exterior deve ser um passo importante para se chegar a um modelo teórico que explique o empreendedorismo étnico entre os imigrantes brasileiros.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Pilad Nóbrega

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • magnetismo, termodinâmica e o efeito magnetocalórico em sistemas magnéticos amorfos e cristalinos
  • O efeito magnetocalórico (EMC) é a variação de temperatura de um material magnético quando este é submetido à aplicação de um campo magnético externo. O estudo do EMC desempenha um importante papel no desenvolvimento da tecnologia de refrigeração magnética e devido ao grande aumento da produção científica mundial desse tema na última década, uma boa parte realizada no Brasil, se constituiu como um dos pilares da linha de pesquisa em magnetismo e materiais magnéticos. Este projeto é de caráter teórico e tem como proposta o estudo das propriedades magnéticas, termodinâmicas e do efeito magnetocalórico em intermetálicos e compostos amorfos com terras raras. Esses sistemas e suas propriedades são bem conhecidos na literatura e o EMC nesses materiais está sendo investigado experimentalmente de uma forma bem consistente. O objetivo deste projeto é estudar, através de simulações computacionais, as propriedades que caracterizam o EMC nos compostos intermetálicos formados com terras raras, fitas e compostos amorfos. As principais metas deste projeto são: a elaboração de modelos teóricos para a descrição microscópica do EMC e a construção de algoritmos computacionais para o cálculo das grandezas magnéticas e termodinâmicas que caracterizam o EMC. Outra finalidade é a formação de recursos humanos de uma forma contínua através da orientação de alunos da graduação e pós-graduação. Este estudo é fundamental para o entendimento dos mecanismos físicos envolvidos no EMC nesses sistemas e para previsões teóricas a respeito dos possíveis candidatos à refrigeração magnética. O projeto será desenvolvido no Departamento de Eletrônica Quântica do Instituto de Física da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Pontual Ribeiro

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • heterogeneidade e distribuição de tamanho e produtividade das firmas: mensuração e fatores relevantes
  • Essa pesquisa tem três objetivos interrelacionados. O primeiro é a mensuração da produtividade total do fatores no nível das empresas para vários setores da economia. Essa mensuração será realizada com a aplicação e aprimoramento de distintas metodologias propostas na literatura internacional e contará com a riqueza informações disponíveis nos microdados das pesquisas setoriais do IBGE (PIA, PAS, PAC, PAIC). O segundo objetivo é estimar as distribuições de produtividade e de tamanho (medido pelo número de empregados) das empresas para os diversos setores de atividade e ao longo do tempo. Para tanto, diferentes parametrizações dessas distribuições serão operacionalizadas tomando como base a literatura internacional que já se debruçou sobre o tema. Os resultados da estimação dos parâmetros dessas distribuições servirão de insumo para informar modelos teóricos em diferentes áreas da economia, assim como para atingir o terceiro objetivo da pesquisa, que é o de analisar a influência de distintos determinantes setoriais da distribuição de tamanho das empresas. Essa análise será realizada com base nos microdados da RAIS/Mtb e das pesquisas setoriais do IBGE, que permitem computar um conjunto amplo de indicadores econômicos setoriais ao longo do tempo.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Resende Secchi

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • estudos de longa duração para avaliação de impactos naturais e antrópicos no estuário da lagoa dos patos e costa marinha adjacente
  • O Estuário da Lagoa dos Patos e Costa Marinha Adjacente (ELPA; Sítio 8 do PELD; aprox. 1.000 km2 ), localizado no extremo sul da Lagoa dos Patos (32° 00’ S, 52° 05’ O), apresenta uma alta produtividade biológica, complexidade ecológica e uma grande importância econômica devido às atividades portuárias e industriais na região. A análise de séries temporais históricas de dados de descarga fluvial, intensidade e direção dos ventos, nível e salinidade da água permite concluir que os principais fatores que influenciam na hidrologia no ELPA, nas escalas sazonal, interanual e em períodos mais longos, são o regime de pluviosidade e ventos, ressaltando-se o grande impacto do fenômeno El Niño Oscilação Sul na hidrodinâmica desse ambiente. Em períodos de El Niño, as fortes chuvas na Região Sul do Brasil e o aumento da descarga fluvial repercutem de forma extrema em todos os componentes bióticos, desde as marismas, vegetação submersa, macrofauna bentônica, organismos do plâncton (fito, zoo e ictioplâncton) e do necton (peixes, aves aquáticas e mamíferos marinhos). Os impactos antrópicos — como a construção dos Molhes da Barra da Lagoa dos Patos, a dragagem dos canais de navegação, a pesca artesanal e industrial e a entrada de despejos domésticos e industriais — levaram a modificações profundas no ELPA, como a expansão de espécies sensíveis à alta salinidade. Além disso, mudanças nos padrões de composição, distribuição e de recrutamento de moluscos, crustáceos, ovos e larvas de peixes estão diretamente relacionadas com a mudança na hidrologia na região, bioinvasão e sobre-explotação de recursos pesqueiros. O estudo de longa duração no Estuário da Lagoa dos Patos tem se mostrado fundamental para a compreensão de sua complexidade e das respostas ambientais face aos impactos naturais e antrópicos. Esse conhecimento é necessário para a sustentabilidade e manutenção desse ecossistema, bem como para a melhoria das condições socioeconômicas das comunidades que vivem e dependem do ambiente estuarino. Portanto, nesta proposta, pretendemos responder as seguintes questões cientificas: 1) Como e em que escalas temporais a biota responde às mudanças no ambiente abiótico no estuário da Lagoa dos Patos e região costeira adjacente?; 2) Quais fatores controlam o balanço de sal neste ambiente; 3) Existem, no ELP, áreas relevantes para múltiplos grupos da biota que possam ser consideradas áreas de significância biológica e ecológica (EBSAs)?; 4) Quais são as principais atividades antrópicas que afetam a biodiversidade, como afetam e como podemos separar dos efeitos naturais? O principal resultado esperado deste projeto é a produção de um conjunto abrangente de dados coletados sequencial- e ininterruptamente, de tal forma que permitam um maior e mais profundo conhecimento dos mecanismos de longo prazo que atuam nas variações de parâmetros ambientais hidrológicos e físico-químicos os quais, por sua vez, afetam a composição e abundância da biota e seu recrutamento na região do ELPA. O conhecimento dessas variações e seus padrões de frequência, são fundamentais na compreensão dos efeitos de mudanças climáticas em especial a variabilidade no fenômeno El Niño Oscilação Sul (ENSO), e aqueles oriundos de impactos antrópicos no ecossistema do ELPA. Sendo assim, estas informações poderão subsidiar estratégias de gerenciamento costeiro e conservação dos ecossistemas do estuário da Lagoa dos Patos e região costeira adjacente. A proposta integra 14 grupos de trabalho em uma abordagem multidisciplinar de longo prazo para avançar no conhecimento deste ecossistema e comprometido na formação de recursos humanos qualificados.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 01/01/2017-31/12/2020
Foto de perfil

Eduardo Resende Secchi

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • respostas do ecossistema pelágico às mudanças climáticas no oceano austral – ecopelagos
  • O último relatório Intergovernamental sobre alterações climáticas foi contundente em concluir que "o aquecimento do sistema climático é inequívoco...". A Península Antártica Ocidental (PAO) é uma das regiões do Planeta onde se registra o mais rápido aquecimento dos últimos 50 anos. A temperatura do ar superficial aumentou 2oC na média anual e 6oC na média do inverno. A temperatura da água superficial também aumentou mais de 1oC no mesmo período e cerca de 87% das geleiras da PAO estão em retração. A extensão do gelo marinho reduziu e sua duração média encurtou cerca de 90 dias, sendo o gelo perene não mais uma característica deste ambiente. Este padrão contrasta com as demais regiões da Antártica, inclusive com locais próximos, como a região leste da Península Antártica (Mar de Weddell), a qual é mais estável e não apresenta evidência óbvia dos efeitos do aquecimento global. As muitas espécies que vivem em áreas aquecidas e inalteradas oferecem uma oportunidade ímpar para comparar a resiliência de todos os níveis de organização biológica. Tais “condições experimentais naturais” existem em muitos poucos lugares na Terra, fazendo do ambiente marinho antártico um excelente “laboratório” para que aprendamos sobre as vulnerabilidades às quais está submetido e onde estão os pontos de inflexão para que possamos informar e contribuir cientificamente para uma política global que vise minimizar os efeitos das mudanças climáticas ao longo dos próximos anos, especialmente no que se refere à perda de biodiversidade. Além disso, a complexidade biológica e as histórias evolutivas do planeta sugerem que as tensões na função de ecossistemas polares podem ser fundamentalmente diferentes daqueles de regiões de latitudes mais baixas. Portanto, o entendimento de processos ecossistêmicos polares é fundamental para um debate ecológico amplo sobre a natureza da estabilidade e as possíveis alterações observadas e/ou esperadas em toda a biosfera em função das mudanças climáticas. As mudanças no clima Antártico e na dinâmica do gelo marinho afetam todos os níveis da cadeia alimentar, desde comunidades microbianas, produtores primários (fitoplâncton), krill e outros organismos zooplanctônicos, e peixes até predadores de topo, cujas histórias de vida apresentam diferentes graus de afinidade com o gelo. Dentro deste contexto, o Grupo de Oceanografia de Altas Latitudes (GOAL), sedeado na Universidade Federal do Rio Grande (FURG), tem desenvolvido estudos, desde 2002, na porção norte da Península Antártica. Essa região é composta por um conjunto de ambientes únicos do ponto de vista oceanográfico, e engloba o Estreito de Bransfield, o Estreito de Gerlache, a porção noroeste do Mar de Weddell e a porção sul do Estreito de Drake. Vários destes ambientes têm se mostrado sensíveis do ponto de vista climático e, recentemente, vêm apresentando diversas alterações nas suas características físicas e biogeoquímicas, e na sua biota associada. Embora avanços significativos tenham sido alcançados nos últimos anos, os domínios biológicos e ecológicos do ambiente marinho Antártico permanecem, em grande parte, inexplorados. Os pesquisadores das ciências da vida antártica se dedicam ao entendimento sobre a evolução e a diversidade da vida marinha no Oceano Austral para determinar como esses processos produziram ecossistemas singulares. Porém, como o Oceano Austral é vasto e remoto, a coleta de dados físicos e biológicos in situ torna-se um enorme desafio. Informações provenientes de sensoriamento remoto, flutuadores e/ou fundeios oceanográficos, fornecem informações sinóticas sobre o ambiente físico do Oceano Austral que podem ser integradas em modelos numéricos ou estatísticos, e validados com dados in situ. Esta é uma abordagem eficaz para maximizar a utilidade de dados biológicos esparsos. Desta forma, o projeto EcoPelagos avança, em relação às pesquisas pretéritas do grupo, na qualidade, e diversidade de dados oceanográficos, por meio da ampliação espacial e temporal da coleta utilizando métodos tradicionais e contemporâneos (como a genômica e proteômica). Sua execução permitirá gerar informações fundamentais sobre a relação entre a biota e as variáveis físico-químicas do ecossistema Antártico. Fundamentalmente, permitirá expandir o entendimento sobre a estrutura e função biológica, desde o nível molecular ao ecossistêmico, projetar possíveis respostas e avaliar a capacidade de resiliência dos ecossistemas pelágicos antárticos perante as alterações climáticas. A pesquisa permitirá a detecção e projeção de suas respostas a futuras mudanças a partir da percepção de eventuais alterações nos processos biológicos, que estejam ocorrendo em regiões sob diferentes impactos das mudanças climáticas. Para tal, uma série de objetivos específicos são propostos, com enfoque inter e multidisciplinar, combinando abordagens observacionais, experimentais e in silico (modelagem). Essa abordagem multidisciplinar inovadora e de liderança, somada às parcerias internacionais estabelecidas, fortalecerá e qualificará as pesquisas na área de ciências da vida marinha, globalmente importantes, dentro do Programa Antártico Brasileiro. Este será um projeto ecossistêmico, que levará em consideração as interações entre os principais componentes da teia trófica pelágica, bem como a interação pelágico-bentônica, objetivando compreender como diferentes condições físico-químicas do ambiente, desencadeadas pelas mudanças climáticas, determinam os padrões de diversidade biológica, incluindo da plastisfera, as principais vias de fluxo de energia entre seus componentes e a saúde geral do ambiente marinho da PAO. A proposta está em sintonia com os novos programas de pesquisa da área de ciências da vida do Comitê Científico de Pesquisas Antárticas (SCAR). Além da contribuição científica e da formação de recursos humanos, o sucesso desta proposta ampliará a contribuição e o protagonismos da comunidade científica brasileira no cenário internacional das pesquisas polares.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 25/12/2018-31/12/2022
Foto de perfil

Eduardo Resende Secchi

Ciências Agrárias

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
  • manejo pesqueiro integrado para a conservação de espécies ameaçadas e seu ecossistema no extremo sul do brasil.
  • O Projeto tem como objetivo geral “Avaliar a distribuição espaço-temporal da captura acidental de espécies ameaçadas da megafauna marinha em pescarias costeiras no Rio Grande do Sul (RS), com ênfase na toninha (Pontoporia blainvillei) e propor medidas de ordenamento pesqueiro integrado”. O Laboratório de Ecologia e Conservação da Megafauna Marinha-EcoMega-FURG conta com uma longa série temporal (20 anos) de dados de captura acidental de toninhas e outras espécies ameaçadas em redes de pesca, de desembarque pesqueiro e de encalhes de toninhas (e outras espécies) na costa do Rio Grande do Sul (40 anos). Estes dados pretéritos, somados às informações obtidas ao longo da execução da presente proposta, permitirão avaliar as tendências temporais nas taxas de captura acidental na pesca e nas taxas de encalhe de toninhas (e outras espécies ameaçadas), na costa do RS, abrangendo períodos anteriores e posteriores à implementação da Instrução Normativa Interministerial - INI 12/2012 para ordenamento da pesca de emalhe. Estes dados permitirão ainda refinar a identificação das áreas de maior risco de captura de espécies ameaçadas, valorando-as com a agregação de informações que definem sua significância biológica e ecológica. Também será determinado qual o percentual da frota que está cumprindo com as normas propostas na INI 12/2012 e o quão efetiva elas estão sendo para a redução da mortalidade de toninhas e outras espécies ameaçadas de extinção no RS. Os resultados deste Projeto serão apresentados e discutidos com os atores sociais envolvidos com a gestão da pesca costeira, visando, em se provando necessária, a proposição de novas medidas de ordenamento participativo no RS, incluindo unidades de conservação ou redução espacial e temporal do esforço de pesca. Espera-se, fundamentalmente, conciliar os interesses socioeconômicos da atividade pesqueira com a conservação das espécies ameaçadas e dos seus ecossistemas no sul do Brasil.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Rigon Zimmer

Ciências Biológicas

Bioquímica
  • avaliação longitudinal de biomarcadores de imagem e mecanismos neurodegenerativos associados aos oligômeros de beta-amiloide em camundongos
  • Introdução: O aumento da expectativa de vida aumenta a incidência de doenças neurodegenerativas como a doença de Alzheimer (DA). Em termos fisiopatológicos, a DA é caracterizada pela disfunção do metabolismo da proteína beta-amiloide (Aβ), que evolui para uma cascata neurodegenerativa, clinicamente manifestada com perda de memória, declínio cognitivo e demência. A disfunção do metabolismo desta proteína envolve a formação de espécies intermediárias de Aβ variando de monômeros, oligômeros até às características placas insolúveis de Aβ. Neste sentido, acredita-se que os oligômeros solúveis de Aβ (AβOs) sejam a conformação mais tóxica da proteína Aβ, porém os efeitos dos AβOs e suas interações com outros mecanismos fisiopatológicos na DA ainda não foram precisamente elucidados. Neste sentido, estudos experimentais longitudinais e multimodais envolvendo neuroquímica, comportamento e neuroimagem oferecem oportunidades sem precedentes para avançar no entendimento dos efeitos dos AβOs na DA e podem ser utilizados como plataformas experimentais para o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas. Objetivo: Esta proposta objetiva investigar in vivo e longitudinalmente o impacto da administração dos AβOs em camundongos utilizando uma plataforma experimental envolvendo em parâmetros neuroquímicos e comportamentais acoplados a neuroimagem por micro-tomografia de emissão de pósitrons (microPET). Metodologia: Serão desenvolvidos estudos experimentais com camundongos antes e após infusão intracerebral de AβOs. Estes animais serão submetidos a exames de neuroimagem por microPET com multitraçadores (4 radiofármacos: [[11C]PIB, [11C]PK11195, [11C]ABP688 e [18F]FDG) e testes comportamentais. Além disso, uma série de ensaios neuroquímicos serão realizados com tecido cerebral e fluídos (líquido cefalorraquiano e plasma). Resultados esperados: Espera-se avançar na compreensão dos mecanismos fisiopatológicos induzidos pelos AβOs e na inter-relação entre os  os biomarcadores analisados (comportamentais, neuroquímicos e de neuroimagem). Também espera-se validar este desenho experimental como uma plataforma experimental para o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas e ensaios clínicos na DA. Finalmente, este projeto contribuirá para alavancar o desenvolvimento de técnicas de neuroimagem em estudos experimentais que ainda são muito pouco exploradas em território Brasileiro.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Santana de Almeida

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • uma investigação sobre o projeto e evolução de arquiteturas de linhas de produto de software
  • O objetivo deste projeto é investigar o projeto e a evolução de arquiteturas de linhas de produto de software com base em estudos quantitativos e qualitativos visando a identificação de um conjunto de evidências para auxiliar arquitetos de software no projeto arquitetural.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Sidinei Chaves

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • espécies potencialmente tóxicas em resíduos oleosos: alternativas para extração e determinação de metais, metaloides e ânions por técnicas espectrométricas e cromatográficas
  • Resumo A presença de compostos orgânicos e de metais, metaloides e ânions em resíduos oleosos, devido ao potencial tóxico de muitas destas espécies, merecem atenção especial no que se refere ao gerenciamento de resíduos e/ou reabilitação de áreas contaminadas. Neste contexto, o presente projeto propõe procedimentos alternativos para extração e determinação das concentrações de As, Cd, Cr, Hg, Ni, Pb, V, Cl-, Br-, SO42- e F- em resíduos oleosos provenientes do setor de óleo e gás. Além disso, o encapsulamento da borra oleosa com diferentes polímeros será também avaliado e a concentração dos de metais, metaloides e ânions determinada nas diferentes frações (polimérica aquosa e oleosa). Os procedimentos de extração serão propostos de modo a proporcionar uma redução na quantidade de reagentes e resíduos gerados, buscando atender os conceitos da química verde. Técnicas de extração assistida por vórtex, ultrassom e/ou micro-ondas serão avaliadas para a extração dos analitos, sendo os respectivos procedimentos devidamente otimizados. As determinações dos metais e metaloides serão realizadas por técnicas espectrométricas e os ânions serão determinados por cromatografia iônica. A exatidão das metodologias propostas será devidamente avaliada de modo a garantir a confiabilidade dos resultados. Ressalta-se que as etapas de extração dos analitos das amostras são ainda o “calcanhar de Aquiles” de muitos procedimentos analíticos, estas etapas se tornam ainda mais complicadas quando a amostra é de natureza orgânica e de alta complexidade como o resíduo oleoso. Nesse sentido, existe a necessidade de se estabelecer metodologias analíticas simples, sensíveis e precisas que permitam a extração e determinação de espécies com potencial toxidade em resíduos oleosos. O projeto proposto possui uma amplitude que, certamente enquadra-se em projetos de iniciação científica (IC), trabalhos de conclusão de curso (TCC), dissertações de mestrado e teses de doutorado. Assim, além da significativa contribuição científica com a publicação de artigos em revistas especializadas, a presente proposta tem potencial para contribuir com uma expressiva formação de recursos humanos. Ressalta-se ainda, que este projeto é uma oportunidade impar para o proponente, recém-admitido, desenvolver sua pesquisa e contribuir com o Departamento de Química e com o Programa de Pós-Graduação em Química da UFSC.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Siegle

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • correntes de retorno em praias: ocorrência e processos controladores
  • Correntes de retorno são estreitas correntes que fluem em direção oceânica a partir da zona de surfe até a linha de início de quebra das ondas. As correntes de retorno são feições comuns em praias e muitas vezes representam perigo aos banhistas. O principal objetivo deste projeto de pesquisa é a melhor compreensão da distribuição e ocorrência de correntes de retorno em uma praia intermediária, abordando os processos que as controlam. Nesse projeto, abordaremos principalmente as correntes de retorno do tipo controlado pela batimetria, localizadas em canais formados entre bancos arenosos, na praia de Maresias (SP). A praia de Maresias localizada no litoral norte do estado de São Paulo tem sido o tema de diversos estudos devido a seus aspectos morfodinâmicos e a importância que tem para o turismo da região. Para tanto, serão utilizadas imagens aéreas de alta frequência, coletadas com um Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) e experimentos de campo para a medição de diferentes variáveis físicas na zona de arrebentação e ao largo, complementadas pela aplicação de um modelo numérico hidrodinâmico e morfodinâmico.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Eduardo Simões Lopes Gastal

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • remapeamento espectral para amostragem e reconstrução de dados multidimensionais
  • A representação discreta digital de fenômenos naturais contínuos é imprescindível para solucionarmos problemas reais através da Computação. A teoria da aproximação determina as propriedades necessárias dos espaços de representação para que dados digitais possam efetivamente ser utilizados para reconstrução (aproximada) da origem contínua de cada fenômeno. Através do processamento dos dados digitais, estamos de fato alterando a reconstrução que será obtida. Uma classe de processamento imprescindível atualmente são aqueles que reduzem o número de coeficientes digitais necessários para representação, por consequência reduzindo o impacto em memória de grandes volumes de dados. Em dados multidimensionais densos, tal processo é comumente representado como uma operação de sub-amostragem (downsampling), a qual é computada por métodos clássicos através dos preceitos delineados por Claude Shannon em 1949. Para tanto, os dados são expandidos em uma base Fourier de ondas complexas, e os coeficientes das ondas de alta frequência são descartados. Esse processo visa evitar artefatos de aliasing, mas acaba resultando na perda de informações importantes. A preservação de detalhes de alta frequência, mesmo após a sub-amostragem, é um dos grandes problemas da área de processamento de sinais e teoria da amostragem. Este projeto visa avançar o estado-da-arte em métodos de remapeamento espectral, recentemente desenvolvidos na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, os quais atacam este problema através do remapeamento dos coeficientes de alta frequência para dentro da região representável do espectro de Fourier. Pretende-se portanto explorar pesquisa básica na área da Teoria da Amostragem, com o potencial de viabilizar aplicações inovadoras, impactando atividades diversas que vão desde publicidade até o processamento de imagens médicas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022