Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Ana Maria Dubeux Gervais

Ciências Humanas

Sociologia
  • groecologia e economia solidária: construindo redes e tecnologias sociais em pernambuco
  • O presente projeto tem como proponente a Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares da Universidade Federal Rural de Pernambuco – (INCUBACOOP/UFRPE), fundada em 1999 atuando desde 2004 na perspectiva de incubação de territórios urbanos, na área de reciclagem de resíduos sólidos, e rurais, no acompanhamento de processos de transição agroecológica e economia solidária. Articulam-se à incubadora na presente proposta o Núcleo de Agroecologia e Campesinato (NAC), o grupo de pesquisas Curupiras: colonialidades e outras epistemologias e o Grupo de pesquisa em Agroecologia. A centralidade da proposta está no processo de construção de redes envolvendo as temáticas da agroecologia e da economia solidária e da educação ambiental. A proposta se insere em três territórios delimitados, quais sejam, a Região Metropolitana Norte (RMN) do Recife, o município de Bonito e o terceiro, para o qual convergem os dois outros : na UFRPE. O objetivo geral da proposta, que se concretizará em 18 meses, é aperfeiçoar os processos de incubação de redes de empreendimentos econômicos solidários de catadores de materiais recicláveis, de agricultura familiar e de consumo consciente, a partir de uma ótica territorial, articulando os diferentes atores que nele se encontram (poder público, sociedade civil, movimentos sociais, iniciativa privada), buscando uma melhor qualidade de vida para seus membros e a população que com eles se relacionam na perspectiva do desenvolvimento territorial sustentável, visando a redução das desigualdades sociais e melhoria da renda e qualidade de vida, em sintonia com os objetivos do milênio (Agenda 2030). A metodologia é participativa e tem as comunidades como protagonistas de seus próprios processos emancipatórios, visando fortalecer processos de tomada de consciência quanto à reciclagem de resíduos sólidos e ao consumo de alimentos saudáveis. O projeto visa atingir cerca de 6 000 pessoas nos três territórios, sistematizando a experiência para posterior multiplicação.
  • Universidade Federal Rural de Pernambuco - PE - Brasil
  • 01/12/2018-30/11/2021
Foto de perfil

Ana Maria Gonçalves Duarte

Engenharias

Engenharia Civil
  • misturas asfálticas produzidas com ligante modificado por lignossulfonatos
  • A pavimentação asfáltica brasileira, assim como de outros países, necessita constantemente de avaliação e renovação devido à deterioração dos pavimentos, notadamente dos pavimentos asfálticos. As patologias existentes são originárias do mau uso da via devido a grandes solicitações para as quais o pavimento não foi projetado, de deficiências na execução do processo construtivo, do emprego de materiais com propriedades insuficientes para atender à necessidade, e ainda das condições climáticas atuantes, entre outras causas. O revestimento do pavimento, camada que é responsável pela transferência de cargas de roda para camadas inferiores (base, sub-base e subleito), é uma parte crítica da estrutura das rodovias por receber as solicitações do tráfego e está submetida diretamente aos fatores ambientais. Assim, a modificação de ligantes asfálticos visa melhorar o comportamento mecânico e em consequência, o desempenho funcional dos pavimentos, superando algumas desvantagens do ligante puro. Dessa forma, aliado à busca por modificadores de ligantes asfálticos surge em paralelo o conceito de sustentabilidade e isso vem abrindo espaço para tecnologias com a utilização de modificadores naturais e reaproveitados de processos industriais. A lignina é uma macromolécula heterogênea, tridimensional, com alto teor de carbono, presente em quase todos os vegetais, e, é um subproduto da indústria de papel e celulose, sendo obtida em maior escala com geração de milhões de toneladas a cada ano, podendo ser utilizada como modificador de ligantes asfálticos. Este projeto objetiva estudar as propriedades físicas, químicas e reológicas de ligantes asfálticos e o desempenho de misturas asfálticas produzidas com o ligante modificado por adição de lignosulfonato (lignina) proveniente de três espécies vegetais nos teores de 3%, 6% e 9%. Para atingir o objetivo proposto serão realizados ensaios de caracterização física, dentre eles, ponto de amolecimento, penetração, viscosidade; caracterização química podendo destacar o FTIR e a cromatografia em coluna; cracaterização reológica com os ensaios de MSC, Pg, Pg contínuo e o Las e ensaios de caracterização mecânica da mistura asfáltica, a saber: Resitência à Tração, Módulo de Resiliência, Lottman Modificado. Estes ensaios serão realizados na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), na Associação Técnico Cientifica Ernesto Luis de Oliveira Júnior (ATECEL) bem como em outras universidades parceiras. Os resultados obtidos provavelmente terão destaque no âmbito nacional e internacional, à vista da relativa escassez de grupos de pesquisa que atuam nas áreas de abrangência do projeto proposto. Os resultados permitirão publicações em periódicos indexados e congressos. Além disso, o projeto contribuirá para formação de recursos humanos nesta área específica, uma vez que envolve alunos de graduação e pós-graduação dos cursos de Engenharia Civil da UFCG.
  • Universidade Federal de Campina Grande - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Maria Jansen Franken

Ciências Biológicas

Parasitologia
  • abordagem fuzzy como ferramenta taxonômica: modelo leishmania (viannia)
  • Nossa proposta busca preencher uma lacuna no sistema taxonômico binomial clássico de trabalho, não mais com o conceito de espécies com limites definidos, mas com graus de pertencimento, adaptando a lógica fuzzy para este propósito. A evolução e consequentemente a especiação é um processo continuo que raramente acontece aos saltos. Leishmania spp constitui um grupo protozoário complexo que ainda apresenta diversas questões taxonômicas sem resposta que o atual sistema taxonômico dicotômico não é capaz de resolver, uma vez que não considera “quase espécies”. Aqui pretendemos aplicar a lógica fuzzy que trabalha com gradientes de similaridade, e com graus de pertencimento e não com a clássica taxonomia binomial discreta, como um sistema taxonômico alternativo. Usaremos como protótipo, L. (Viannia), que infecta uma grande quantidade de vertebrados selvagens e domésticos, incluindo humanos, e que está necessita revisão taxonômica. Temos disponíveis 16 genomas de seis cepas de L. (Viannia) obtidas por meio de sequenciamento profundo bem como um enorme conjunto de dados de seqüências de nucleotídeos, abrangendo regiões distintas do genoma de Leishmania. Assim, nossa proposta é usar dados genômicos completos como referências para mapear todas as sequências de nucleotídeos disponíveis com aprendizado de máquina e aproximação fuzzy. Usaremos todo o genoma do parasita e aumentaremos o número de cepas de WGS de humanos e hospedeiros não humanos. Esperamos contribuir com um sistema taxonômico que inclua também formas intermediárias de organismos vivos que no futuro, possa ser aplicado a outras formas de vida. Além disso, iremos contribuir para o conhecimento da diversidade do táxon. Neste modelo, a inteligência artificial e a análise geoespacial demonstram a possibilidade de utilizar esta nova abordagem para identificar áreas de hotspot, na transmissão de populações parasitas “limítrofes”.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Maria Leal-Zanchet

Ciências Biológicas

Zoologia
  • taxonomia e filogenia de tricladidos límnicos (platyhelminthes) na região neotropical
  • A diversidade taxonômica dos tricladidos límnicos na região Neotropical tem sido considerada baixa em comparação com outras regiões. No entanto, estudos em andamento têm indicado alta diversidade de Dugesiidae e Dimarcusidae em ambientes límnicos, inclusive em ambientes hipógeos. Adicionalmente, o conhecimento das relações filogenéticas dos Dugesiidae e Dimarcusidae neotropicais ainda é incipiente. O projeto possui o objetivo geral de ampliar o conhecimento da diversidade taxonômica de tricladidos límnicos na região Neotropical e realizar análises filogenéticas, com base em dados morfológicos e moleculares. As amostragens serão realizadas de forma direta em ambientes epígeos e hipógeos da região. Para identificação taxonômica, os animais serão analisados quanto à sua morfologia externa e interna. Para determinação das espécies e análise dos dados filogenéticos moleculares, serão utilizadas Máxima Verossimilhança e Inferência Bayesiana com o conjunto dos dados concatenados. Para a análise cladística dos dados morfológicos, serão considerados caracteres morfológicos utilizados para a descrição de espécies na literatura. Os resultados parciais obtidos serão apresentados em eventos científicos e publicados em periódicos científicos e de divulgação. Os resultados finais serão submetidos para publicação em periódicos de circulação internacional e nacional. Com o desenvolvimento do projeto, pretende-se, também, contribuir ao treinamento científico de biólogos, ao nível de Mestrado e Doutorado, e acadêmicos do Curso de Graduação em Biologia para atuarem como futuros pesquisadores e especialistas na identificação da fauna brasileira e na realização de análises filogenéticas, bem como subsidiar a formação de especialistas para ampliação dos grupos de pesquisa em turbelariologia.
  • Universidade do Vale do Rio dos Sinos - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Maria Malik

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • covid-19 e o sistema de saúde brasileiro: análise de respostas em âmbito nacional, estadual e municipal
  • A presente pesquisa tem como objetivo geral analisar a resposta do sistema de saúde brasileiro à pandemia COVID-19. Como objetivos específicos, pretende-se descrever de maneira geral como se caracteriza a resposta nacional do sistema de saúde brasileiro à COVID-19; identificar diferentes modos organização da resposta em âmbito estadual e municipal no Brasil; explorar experiências e práticas inovadoras selecionadas em estados e municípios que tiveram bons resultados no controle da doença e ampliação da resiliência do sistema de saúde.
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 24/07/2020-23/08/2022