Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alcindo Neckel

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • atual situação ambiental dos cemitérios da cidade de passo fundo/rs - brasil
  • Os cemitérios provocam impactos significativos sobre o meio ambiente. Alguns cemitérios no Brasil, estão em sua quinta camada de sepultamentos. Isso pode cada vez mais se tornar um fator contaminante, sendo que, após o falecimento de um indivíduo da espécie humana, a matéria passa a sofrer ações de bactérias e enzimas, destruindo gradualmente os tecidos que se transformam em gases, sais e líquidos. A caracterização da atual situação de contaminação, para possível adequação ambiental será de extrema importância para o município de Passo Fundo (RS) e outras principais cidades do Rio Grande do Sul, é até mesmo para todo o Brasil. Sendo assim, o objetivo geral desta proposta de pesquisa é avaliar a posição geográfica dos cemitérios estudados em relação a sobreposição geográfica dos recursos hídricos, considerando, a degradação arquitetônica sobre o quantitativo dos túmulos, e a possível contaminação do solo por metal pesado nos cemitérios urbanos da cidade de Passo Fundo/RS - Brasil. O Grupo de Pesquisa Sociedade, ambiente e impactos ambientais urbanos, sobre a linha de pesquisa: Impactos Ambientais Urbanos, desenvolverá o diagnóstico da atual situação ambiental de quatro cemitérios urbanos da cidade de Passo Fundo, por meio do mapeamento dos cemitérios urbanos, com a aplicabilidade do Geoprocessamento contemplando o perímetro geral dos cemitérios e verificando as características de conservação dos túmulos para a elaboração de um banco de dados que contenha informações sobre metais pesados, aliada às seguintes variáveis: tempo e tipo de sepultamento, nível de permeabilidade do solo, nível de contaminação por metais pesados e aplicabilidade da geoestatística para análise dos resultados. Os resultados do estudo proporcionarão o uso de novas tecnologias aplicadas ao geoprocessamento e análise de dados geoestatísticos para à avaliação do ambiente; estabelecimento de parcerias com a Secretaria de Meio Ambiente da cidade de Passo Fundo (RS) para consolidação e divulgação do estudo desenvolvido dentro deste projeto do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); desenvolvimento, junto aos alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da IMED, percepções e capacitações para a compreensão da problemática e desenvolvimento do projeto (Atual situação ambiental dos cemitérios da cidade de Passo Fundo/RS - Brasil), criando um diferencial na sua formação acadêmica, guiando este profissional para um mercado de trabalho competitivo, que exige cada vez mais formações multidisciplinares, assim como a proposta deste projeto, que envolve questões ambientais e sociais, dentro do contexto urbano; desenvolvimento de argumentos poderá orientar o desenvolvimento de políticas públicas, reforçando assim, a oportunidade da adequação local baseada no controle ambiental dos cemitérios. A participação em eventos científicos ao longo do projeto, bem como a concepção de trabalhos acadêmico-científicos possibilitará aos discentes e pesquisadores envolvidos o aperfeiçoamento e a estruturação das ideias para concepção de um projeto, preparando o aluno para uma futura carreira acadêmico-científica.
  • Fundação Meridional - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alcineia Conceição Oliveira

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • óxidos ternários nanoestruturados a base d e ce e fe aplicados a oxidação seletiva de hidrocarboneto
  • O projeto propõe a busca de catalisadores para a geração de valiosos produtos usados em química fina, via reações oxidação seletiva dos hidrocarbonetos. Tal proposta insere-se no contexto de síntese, caracterização e avaliação de catalisadores para conversão de hidrocarbonetos de baixo valor agregado (etilbenzeno, estireno, benzil álcool), em intermediários químicos valiosos para a indústria, através do estudo das reações de oxidação catalítica dos referidos hidrocarbonetos. De acordo com a proposta, pretende-se aumentar a seletividade de catalisadores contendo ferro e cério a benzaldeído, epóxido de estireno e ácido benzóico, bem como melhorar a resistência dos catalisadores à desativação, através de estratégias de síntese. Esta proposta insere-se no contexto do desenvolvimento científico e tecnológico do país, por possibilitar a produção de um material com perspectivas de uso em plantas industriais e fortalecer a cooperação entre pesquisadores e formar recursos humanos na área de química e engenharia química Este fato, associado àquele da equipe já ter realizado testes preliminares com a reação e, portanto, já possuir experiência no tema, permite se esperar a apropriação competitiva dos resultados num prazo de 3 anos. Há poucos trabalhos na literatura aberta que investigaram a aplicação de sólidos nanoestruturados à produção de benzaldeído, epóxido de estireno e ácido benzóico, via transformação catalítica de hidrocarbonetos (etilbenzeno, estireno, benzil álcool), dado ao desenvolvimento recente do processo. A proposta do projeto é viável e a sua execução está assegurada pela necessidade das indústrias petroquímicas em agregar valor aos hidrocarbonetos de baixo valor comercial, bem como a infra-estrutura a ser melhorada na Universidade Federal do Ceará (UFC), com a aquisição dos materiais solicitados no projeto. Adicionalmente, ressalta-se a experiência da equipe no tema do projeto e a participação de pesquisadores externos à UFC.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alcione Aparecida de Almeida Alves

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • reator de leito fixo com energia solar fotovoltaica empregado na remoção de agrotóxicos da água de abastecimento público em área rural
  • Em virtude da detecção de agrotóxicos nas águas utilizadas para o consumo humano e considerando os seus efeitos deletérios à saúde humana, o emprego de tecnologia avançada, como a adsorção em reator de leito fixo (RLF) tem contribuído para a potabilização de água no país. Na atualidade, o RLF tem sido - em alguns raros casos no país - instalado em Estação de Tratamento de Água (ETA), a qual contempla o abastecimento público área urbana, ou seja, a população e os áreas rurais que possuem contato direto com a exposição de agrotóxicos não são contemplados por esta, ou por quaisquer tecnologias capazes de remover agrotóxicos das águas de consumo. Como forma de possibilitar a aplicação da referida tecnologia e maximizar a eficiência energética durante a potabilização de água, a energia solar fotovoltaica torna-se uma alternativa promissora, quando acoplada ao RLF. Nesse contexto, o objetivo deste projeto de pesquisa consiste em construir e avaliar a potencialidade de um RLF com energia solar fotovoltaica (ESF) empregado para a remoção de agrotóxicos da água de abastecimento público em área rural. Assim, essa pesquisa será conduzida em cinco etapas distintas, correspondentes a: (i) analisar águas utilizadas para o abastecimento público rural em municípios (26 ao total) da Região das Missões no Estado do RS, para identificar a contaminação por agrotóxicos e elencar uma propriedade rural cuja a contaminação tenha sido confirmada para a instalação do RLF-ESF; (ii) validar o procedimento analítico de detecção de agrotóxicos em água de abastecimento público, por meio da Cromatografia Líquida de Alta Eficiência acoplada a Espectrofotômetro de Massa, de acordo com as exigências das aplicações analíticas de seletividade, linearidade, intervalo, precisão, exatidão, limite de detecção e limite de quantificação (iii) realizar a caracterização física, química e estrutural de um adsorvente comercial proveniente do epicarpo de babaçu (Orbignya phalerata) em comparação a um adsorvente de baixo custo e de aquisição na propriedade rural (Luffa Cylindrica), para fins de determinação do melhor custo benefício e por fim; (iv) confeccionar e avaliar a performance de um RLF com painel solar fotovoltaico acoplado a controlador e bomba e com capacidade de potabilização de até 2.000 L de água por dia. Com a associação desses resultados, pretende-se indicar parâmetros de dimensionamento de RLF para remoção de agrotóxicos de águas de consumo humano e passível de ser implantado em área rural.
  • Universidade Federal da Fronteira Sul - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022