Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Monica Alonso Cotta

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • nanofios semicondutores como ferramentas para a investigação em sistemas biológicos
  • Neste projeto, planejamos estudar a síntese de nanofios semicondutores do grupo III-V e aplicações destes nanomateriais na investigação de propriedades de sistemas biológicos. Para isso, pretendemos estudar a síntese de nanofios planares para possíveis aplicações em biossensores e de nanofios de GaP/InGaP com luminescência na região do espectro visível para utilização como ferramenta para medida de força de adesão. Ao mesmo tempo, pretendemos desenvolver estratégias para explorar de forma controlada processos bacterianos e entender seus mecanismos fundamentais. Utilizaremos substratos com potenciais de superfície controlados e arrays de nanofios semicondutores para o crescimento de biofilmes e análise dos efeitos de agentes antimicrobianos; em particular objetivamos entender o papel do N-acetilcisteína (NAC) no controle da patogenicidade da bactéria Xylella fastidiosa.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Cavalcanti Sá de Abreu

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • construção de cenários para adaptação às mudanças climáticas e transição para economia circular
  • Este projeto se propõe a construir uma agenda de pesquisa em torno da compreensão das tensões na sustentabilidade corporativa, decorrentes da necessidade de integração simultânea das dimensões econômica, ambiental e social sem, a priori, enfatizar uma sobre qualquer outra. A visão integrativa pressupõe que as empresas precisam aceitar tensões e buscar diferentes aspectos de sustentabilidade simultaneamente, mesmo que pareçam se contradizer. A estrutura teórica proposta neste projeto vai além da tríade tradicional das dimensões econômica, ambiental e social, e argumenta que as tensões na sustentabilidade corporativa ocorrem entre diferentes níveis (e.g. individual, firma e sistema), em processos de mudança e dentro de um contexto temporal e espacial. A visão integrativa traz à tona a questão o paradoxo das estratégias que as empresas podem usar para incorporar as tensões e atender simultaneamente aspectos conflitantes de sustentabilidade. No planejamento desse estudo, serão abordadas estratégias de adaptação às mudanças climáticas e de transição para economia circular, adotadas por empresas no Brasil, Canadá, Dinamarca e Inglaterra. A pesquisa pode contribuir de três maneiras diferentes para a conceituação de respostas corporativas à sustentabilidade. Em primeiro lugar, esclarece a natureza das várias tensões, relacionando-as aos diferentes níveis, aos processos de mudança, e ao contexto espacial e temporal em que ocorrem. Em segundo lugar, através desta lente sistemática, as fontes e a lógica subjacente dessas tensões podem ser identificadas. Em terceiro lugar, fornece insights sobre diferentes tipos de estratégias de aceitação e resolução que as empresas podem usar para gerenciar essas tensões sem descartá-las, através da construção de cenários futuros de transição. No geral, aceitar tensões baseadas em uma lógica integrativa deve resultar em contribuições corporativas significativas para a sustentabilidade.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Cidele da Cruz

Lingüística, Letras e Artes

Lingüística
  • fonologia das línguas nambikwara – subgrupos mamaindê, negarotê, kithaulu, wakalitesu, manairisu, hahaintesu e wasusu
  • O objetivo deste projeto é descrever e documentar aspectos da fonologia da língua Nambikwara, à luz dos pressupostos das fonologias não lineares, especificamente, a Geometria de Traços. De acordo com Rodrigues (1986), a família linguística Nambikwara é considerada uma das menores famílias linguísticas localizadas ao sul da Amazônia brasileira. O foco deste projeto são os subgrupos Nambikwara do Vale (Mamaindê e Negarotê), Nambikwara do Cerrado (Kithaulu e Wakalitesu) e Nambikwara do Guaporé (Alantesu, Hahaintesu e Wasusu). As línguas desses subgrupos ainda são faladas com bastante vitalidade e as suas comunidades de fala permanecem como grupos autônomos. Sabemos que, mesmo com o avanço dos estudos de documentação das línguas indígenas, uma grande parte delas já foram extintas e outras correm sério risco de extinção, principalmente, por serem línguas sem escrita alfabética e, devido à necessidade de seus falantes comunicarem-se em português para interagirem com a sociedade envolvente, essas línguas correm risco de perderem sua função social sem serem repassadas às gerações mais jovens. As línguas indígenas, além de guardarem toda a tradição e cultura de seus respectivos povos indígenas, são importantíssimas para a área da Linguística, por isso, extremamente relevantes para a ciência da Linguagem. Nesse sentido, a descrição e documentação das línguas indígenas têm um papel fundamental, em se tratando da preservação da cultura e dos conhecimentos tradicionais dos povos indígenas e, embora, as pesquisas na área de língua indígenas tenham crescido bastante nos últimos anos, ainda são poucos os estudos e os linguistas que se propõem a tal tarefa. Por isso, é extremamente necessária e urgente pesquisa nessa área, pois as línguas indígenas estão desaparecendo numa velocidade cada vez maior. Nesse contexto, estão as línguas nambikwara que carecem de estudo, principalmente, enquanto há falantes e a língua ainda exerce plena função comunicativa entre eles. Dessa forma, entendemos que o registro linguístico é o último recurso para um amplo conhecimento e preservação de aspectos fonológicos da língua materna, bem como, para a cultura nambikwara. Para tanto, os estudos das fonologias não-lineares é um caminho fundamental para a compreensão do componente global fonológico da língua desses dois subgrupos, uma vez que elementos desse campo teórico é que fornecerão subsídios para analisar e descrever os aspectos suprassegmentais da fonologia dessa língua. Além dos mais, consideramos esta proposta como um passo importantíssimo para a documentação e o registro dessa língua que, dentre muitas, corre um sério risco de desaparecer. No mais, irá fornecer elementos linguísticos e base para outros estudos tanto para a mesma língua ou para línguas do mesmo tronco genético ou de outras que, porventura, apresentarem semelhanças fonológicas em número expressivo. Sendo assim, a relevância desta pesquisa se respalda, pelo menos, em razões de duas naturezas: 1. Social, que diz respeito à relevância de qualquer língua para a sociedade e ao direito de preservá-la, previsto na Constituição de 1988 e 2. Linguística, que se refere à contribuição potencial que o conhecimento de línguas ágrafas ou ainda pouco documentadas podem dar para a construção da teoria linguística e para a linguagem de modo geral.
  • Universidade do Estado de Mato Grosso - MT - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Corrêa Ledur

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • identificação de genes associados à síndrome da torção do mesentério em suínos
  • Na indústria suinícola, a síndrome da torção do mesentério (TM) é a causa mais comum de morte súbita em suínos nas fases de crescimento e terminação. Esta patologia acomete animais saudáveis, com elevado potencial produtivo e geralmente no final do ciclo produtivo, elevando os prejuízos econômicos. Além das perdas mensuráveis, a torção do mesentério também impacta negativamente no bem estar animal. Apesar de ser uma anomalia multifatorial, tem-se pouco entendimento sobre a influência de fatores genéticos associados a esse problema, o que torna esse tema altamente inovador. Dessa forma, objetiva-se nessa proposta identificar regiões genômicas envolvidas na manifestação da torção do mesentério por meio do estudo de associação global do genoma (GWAS) e assim evidenciar os mecanismos genéticos envolvidos nessa patologia. Para isso, será utilizada a metodologia de GWAS em delineamento caso-controle envolvendo a TM. Será utilizada uma linhagem pura materna pertencente ao Programa de Melhoramento Genético da BRF S.A. (BRF). A linhagem será monitorada para a determinação da frequência de TM, sendo que os animais que morrerem com os sintomas serão necropsiados para confirmação da patologia. Serão considerados dois grupos de animais, sendo 150 animais afetados (que morrerem devido a TM) e 300 animais controle que não apresentarem essa anomalia no período de avaliação e provenientes de famílias que não apresentaram este problema na geração atual e anterior. As amostras para a extração de DNA serão provenientes do Banco de Tecidos já implementado para essa linhagem. As genotipagens em grande escala serão realizadas com o painel de 50K SNPs da Illumina®. Para os estudos de associação global do genoma serão utilizadas metodologias de marcadores únicos e múltiplos para identificação dos SNPs associados com a anomalia. As regiões de interesse serão investigadas a partir das bases de dados públicas disponíveis, visando identificar os genes responsáveis pelos efeitos observados. Além disso, utilizando os dados de genotipagem, regiões de CNVs serão prospectadas entre os grupos normais e afetados com torção do mesentério. Dessa forma, espera-se identificar mecanismos moleculares envolvidos com a TM, juntamente com marcadores que possam ser utilizados na seleção assistida para reduzir a ocorrência desta anomalia no sistema produtivo. Esta proposta será desenvolvida por uma equipe multidisciplinar, envolvendo a parceria entre a Embrapa Suínos e Aves e a empresa privada BRF, abordando um problema de grande impacto para a suinocultura nacional. Nesta proposta, objetiva-se também a continuidade da linha de pesquisa de apoio aos Programas Nacionais de Melhoramento de Suínos, onde se busca o fortalecimento da integração entre o setor privado e empresas públicas de pesquisa nacional em prol do desenvolvimento científico e tecnológico no Brasil e consequente manutenção da competitividade do setor.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Cristina de Moura

Ciências Sociais Aplicadas

Desenho Industrial
  • design contemporâneo e inovação social aplicados no desenvolvimento de produtos gráficos educativos para pessoas com deficiência visual
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica da Costa Pereira Lavalle Heilbron

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • reconstituindo o orógeno riaciano desmembrado na faixa ribeira central, se do brasil: uma abordagem multidisciplinar dos complexos do embasamento pré 1,7 ga.
  • A proposta global de pesquisa pretende reconstituir o Orógeno Riaciano na Região Sudeste Brasileira, integrando dados da borda cratônica com as faixas Móveis e propor correlações com o segmento norte do CSF, onde este orógeno está muito bem exposto. Estas correlações permitirão ainda comparar a evolução Paleoproterozóica deste segmento da plataforma sul-americana com os modelos de supercontinentes globais em discussão no presente momento na literatura internacional. A proposta de pesquisa é multidisciplinar e agrega pesquisadores da UERJ, UFRJ, USP, CETEM e CPRM, além de inúmeros parceiros no Brasil e no exterior. O regime acrescionário preponderante no Paleoproterozóico teve papel fundamental na evolução da crosta terrestre, refletindo na convecção e ascensão mantélica associada à subducção da litosfera oceânica, proporcionando em escala global a dispersão e aglutinação de massas continentais nos chamados ciclos supercontinentais. Esses ciclos,por sua vez, conduzem ao desaparecimento de oceanos por conta da geração sucessiva de arcos intra-oceânicos, os quais são paulatinamente amalgamados à arcos continentais, culminando com a construção de grandes massas continentais ao longo do tempo geológico. Em cenários geológicos policíclicos, como o caso do embasamento cristalino da região sudeste brasileira, a abordagem mais adequada combina a cartografia geológica de detalhe e qualidade, com a obtenção de dados de geoquímica elementar e isotópica, bem como de idades U-Pb precisas, seja nas rochas ígneas e meta-ígneas ou nas unidades supracrustais coevas. Em adição, a interpretação integrada dos dados geológicos nesses orógenos peculiares é essencial para a caracterização da evolução crustal e dos processos petrogenéticos e modelos tectônicos envolvidos no Paleoproterozóico. Correlações regionais com a porção norte do Cráton do São Francisco para o melhor entendimento do orógeno Riaciano neste segmento do embasamento cristalino brasileiro integram o escopo principal da proposta.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica da Silva Nunes

Ciências da Saúde

Medicina
  • sintomas e diagnósticos homeopáticos em pacientes com doença de alzheimer: estudo piloto no município de rio branco, acre.
  • O envelhecimento populacional tem sido uma das grandes conquistas da humanidade, mas também um de seus maiores desafios. Se uma maior expectativa de vida traz benefícios a sociedade, também faz com que aumente a população de idosos, e com eles, as doenças da longevidade. Nas últimas décadas, as demências têm aumentando de prevalência, em parte por esse fenômeno de aumento da sobrevida, e também por outras causas. A prevalência de demência no mundo é de 50 milhões de pessoas, com cerca de 10 milhões de casos novos todo ano. A Doença de Alzheimer (DA), é hoje a principal forma de demência, contribuindo com 60 a 70 % dos casos de demência no mundo. A prevalência de demência na população brasileira com mais dos 65 anos e \de 7,1%, sendo que a DA foi responsável por 55% dos casos. Considerando a prevalência de demência no Brasil e a população de idosos de aproximadamente 15 milhões de pessoas, a estimativa para demência é de 1,1 milhão de pessoas no Brasil. Em 2013, o Ministério da Saúde lançou um protocolo para diagnóstico e tratamento da Doença de Alzheimer no SUS, revisado em 2017. Esse protocolo prevê o uso de drogas anticolinesterasicas e de Memantina nos casos de DA leve, moderada e grave. Apesar dessas drogas serem eficientes em retardar a progressão da Doença, não há cura, e o paciente inexoravelmente progride para os estágios avançados da demência, com comprometimento cognitivo e funcional, dependendo da família para uma série de atividades as quais não consegue mais executar sozinho. Além disso, as alterações de humor, labilidades emocionais, depressão e outras comorbidades comuns no idoso sobrecarregam não só o paciente, mas a família e o sistema de saúde. Em 2006 o Ministério da Saúde lançou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, entre elas a Homeopatia. A Homeopatia usa a Lei dos Semelhantes, criada por Hipócrates e aprofundada por Hahneman, o fundador da Homeopatia. Por essa lei, ao usar um medicamento que causa um determinado sintoma, o sintoma causado pelo remédio ira se sobrepor ao sintoma existente no paciente, desde que sejam similares, e ira enfraquece—lo até o seu desaparecimento. O tratamento homeopático costuma ser feito em doses mínimas e em potencias suaves, para não haver efeitos colaterais. O objetivo deste projeto e: a) identificar os sintomas mentais e dos demais órgãos presentes em paciente com Doença de Alzheimer tratados no SUS de Rio Branco, no Acre; b) efetuar os diagnósticos medicamentosos em Homeopatia e correlaciona-los com o estágio da doença; c) efetuar um estudo piloto de tratamento complementar homeopático para esses pacientes, em conjunto com a medicação proposta pelo Ministério da Saúde e adotada no SUS; d) Estruturar um ambulatório de atendimento homeopático a pacientes com Demência na Universidade Federal do Acre.
  • Universidade Federal do Acre - AC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica de Andrade Nascimento

Ciências da Saúde

Medicina
  • prevalência de distúrbios psíquicos menores e transtornos mentais em feira de santana, bahia.
  • O reconhecimento dos distúrbios psíquicos menores (DPM) e dos transtornos mentais (TM) como problema relevante de saúde na população adulta de Feira de Santana, Bahia, município onde se desenvolvem Práticas de Integração Ensino-Serviço-Comunidade (PIESC), do Departamento de Saúde da Universidade Estadual de Feira de Santana (DSAU/UEFS), resultou em implementação de práticas voltadas à detecção, prevenção e controle de agravos psiquiátricos,articulando estudantes de medicina, professores do DSAU/UEFS, profissionais de saúde das Unidades de Saúde da Família (USF) e lideranças comunitárias do município. Um estudo epidemiológico de corte transversal será conduzido para estimar a prevalência dos Distúrbios Psíquicos Menores (DPM) e dos Transtornos Mentais (TM) em Feira de Santana, Bahia. Uma amostra aleatória composta de 880 sujeitos com idade igual ou superior a 18 anos, residentes e cadastrados na Estratégia de Saúde da Família (ESF) do município, responderão a um questionário estruturado, após a leitura e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). A coleta de dados será realizada por meio de visitas domiciliares por estudantes do curso de Medicina e bolsistas da Sala de Situação e Análise Epidemiológica e Estatística (SSAEE) do DSAU/UEFS. Serão considerados portadores de DPM os indivíduos positivos ao Self Report Questionnaire (SRQ-20) e estes serão cadastrados e encaminhados para avaliação com médico de família que utilizará o Mini International Neuropsychiatric Interview (MINI). Um médico psiquiatra reavaliará estes sujeitos em um prazo máximo de 72 horas, para diagnosticar os portadores de transtornos mentais e para validar o MINI em atenção primária. Os dados coletados serão processados e analisados no programa SPSS for Windows 9.0.
  • Universidade Estadual de Feira de Santana - BA - Brasil
  • 01/06/2017-31/12/2021
Foto de perfil

Mônica de Carvalho Magalhães Kassar

Ciências Humanas

Educação
  • projeto interinstitucional tecnologia de informação e comunicação (tic) e inovação nos processos de escolarização na educação inclusiva: diferentes contextos no brasil e na espanha
  • O domínio do uso da língua materna, em suas diferentes formas, tem papel estruturante na organização do pensamento e na aquisição dos demais conhecimentos escolares, o que o torna imprescindível e prioritário no processo de escolarização. Um dos problemas da educação brasileira hoje consiste justamente no insucesso do cumprimento da meta de se alfabetizar todos os alunos até os oito anos de idade, em contextos de diversidade. Com atenção a essa demanda, este projeto de investigação tem o objetivo de analisar propostas de modificações na relação de ensino-aprendizagem, implantadas em diferentes espaços de escolarização para fomento de ações criativas e inovadoras na escolarização de crianças em situações de diversidade, a partir do uso cotidiano de tecnologias de informação e comunicação (TIC). Em específico, objetiva-se: 1. Avaliar possíveis desdobramentos do uso cotidiano de TIC em salas de aula no desenvolvimento escolar dos alunos, em especial nos processos de leitura e escrita; 2. Investigar possíveis mudanças decorrentes de ações de formação continuada para uso das TIC para professores da educação básica, nos processos de criação de procedimentos para a escolarização; 3. Analisar possíveis implicações do intercâmbio de professores sobre suas práticas pedagógicas, que envolvem o uso dessas tecnologias e materiais educacionais, com foco na diversidade, em escolas no Brasil e na Espanha; 4. Analisar possíveis contribuições que o intercâmbio de informações entre alunos de diferentes localidades envolvidos nesta pesquisa possa favorecer ao processo de escolarização dessa população. Para o desenvolvimento deste trabalho, realizar-se-á uma pesquisa-ação, com ações de formação de professores sobre temas levantados por essa população e sobre utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) e, ainda, com desenvolvimento de atividades de sala de aula com os alunos, em diferentes contextos educacionais. O campo empírico constitui-se em salas de aulas públicas sediadas nas cidades de Belém (PA), Rio de Janeiro (RJ), Duque de Caxias (RJ), Dourados (MS) e Corumbá (MS) no Brasil e Guadalajara (C-LM, Espanha) e Alcalá de Henares (CM, Espanha) na Espanha. A proposta se articula de forma multidisciplinar, envolvendo conhecimentos produzidos por grupos de pesquisadores que já empreendem trabalhos conjuntos há alguns anos. Esta proposta justifica-se por ser uma tentativa de promover uma articulação qualificada entre a universidade e escolas da educação básica, como forma de contribuir para que ocorram mudanças nessa realidade.
  • Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica de Fatima Bianco

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • a produção de competências profissionais sobre relações entre saúde mental e trabalho em unidades de saúde de vitória/es
  • O objetivo da presente pesquisa é investigar a mobilização de competências e seu contexto organizacional de produção sobre as relações entre transtorno mental e trabalho, bem como as representações sociais e as práticas de profissionais de saúde da Atenção Básica do Município de Vitória-ES em torno dessas relações. Trata-se de uma pesquisa com abordagem qualitativa e uso de multimétodos, tais como levantamento documental, entrevistas, observações, autoconfrontação e grupos focais, para a produção de dados individuais e coletivos. Abordagens teóricas da representação social, da clínica da atividade, da ergologia, dentre outras, são base para as reflexões analíticas, uma vez que se entende como adequado para o estudo do trabalho, com foco nas práticas, o uso desse enfoque multidisciplinar. Os participantes serão de diferentes categorias, ocupantes de cargo de gestão e profissionais da saúde principalmente, e estes serão convidados a participar nas diferentes etapas previstas do projeto, após obter-se o consentimento livre e esclarecido de cada participante. Este projeto será executado em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde do município, pelo interesse na temática e pelo o entendimento de que os resultados da pesquisa poderão subsidiar futuramente a concepção de políticas públicas para o diagnóstico do adoecimento mental vinculado ao trabalho. Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Dias Martins

Ciências Humanas

Ciência Política
  • literaturas, nacionalidades e colonialismos: cartografia social das comunidades imaginadas entre brasil, cabo verde e guiné-bissau
  • Esta proposta aprofunda e expande o projeto do Observatório das Nacionalidades (ON), grupo certificado pelo CNPq e sediado na UECE, iniciado em 2015 com o tema “A Defesa do Atlântico Sul no contexto da cooperação Brasil-África”. O enfoque principal era a reflexão sobre um conceito multidimensional de defesa que levasse em conta aspectos ambientais, socioeconômicos, políticos e culturais provenientes de reinvindicações de setores sociais organizados e suas lutas por preservação da natureza, bem viver e valores democráticos. A abordagem renovada do conceito pode ser encontrada nas duas publicações que resultaram da pesquisa: o número temático da revista Tensões Mundiais (V.12, N. 12, 2016), editada pelo ON, e a coletânea intitulada a Defesa dos Povos do Atlântico Sul. No entanto, a expressão “comunidade sul-atlântica”, inspirada principalmente na obra Comunidades Imaginadas, de Benedict Anderson, não foi suficientemente trabalhada, sem maior atenção para a pluridiversidade que caracteriza os povos da região banhada pelo Atlântico Sul. O intenso debate acadêmico entre pesquisadores brasileiros e africanos, em particular ao tratar de narrativas e casos específicos de conflitos de diversas naturezas, revelou a necessidade de estudos das comunidades nacionais que não puderam ser desenvolvidos no curto período de um ano. Daí a importância de dar continuidade às atividades de investigação. O presente projeto, portanto, irá examinar em perspectiva transdisciplinar os processos nunca concluídos de construção das nacionalidades, tendo como campo empírico Brasil, Cabo Verde e Guiné-Bissau. A intenção de delimitar o escopo da pesquisa a três países deve-se ao fato de que o problema a ser investigado é, sobretudo, de caráter teórico-conceitual e diz respeito às interrelações entre nacionalidades e campo artístico, com destaque para as literaturas oral e escrita com expressão em língua portuguesa, seja como língua oficial seja como língua de comunidades de diáspora. Desse modo, busca-se concentrar esforços na elaboração de procedimentos metodológicos que tenham como ponto de partida os conceitos-chave de “comunidade imaginada”, de Benedict Anderson, e “cartografia social”, de Gilles Deleuze e Félix Guattari. Há indícios a serem aprofundados, no decorrer da pesquisa, de confluências e afinidades entre os autores, ainda pouco percebidas na academia. Trata-se de um caminho alternativo para pensar as mudanças advindas na ideia de nação, sendo imprescindível diferenciar o Estado da nação. Este é um campo de conhecimento complexo, que exige ter em conta as acepções de colonialismo, nacionalismo e imperialismo, muitas vezes usadas pela corrente epistemológica dominante na área de Relações Internacionais para “subalternizar” os povos dos continentes africano e latino-americano, os quais persistem como espaços de disputas globais no século XXI. Devido à grande quantidade de referências a serem abordadas, a equipe interinstitucional de pesquisadores provenientes da Universidade Estadual do Ceará (UECE) e da Universidade de Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB) irá organizar um grupo de estudos e um curso de extensão, para debater os textos selecionados e analisar as realidades brasileira, cabo-verdiana e bissau-guineense. Cabe ressaltar o diálogo em curso entre o corpo docente e discente da UECE e da UNILAB, sendo os estudantes bissau-guineenses o segundo maior contingente populacional daquela instituição, atrás apenas dos brasileiros. A difusão dos resultados da pesquisa será feita tanto mediante informações sistemáticas no site do ON, como num número especial da revista Tensões Mundiais. A expectativa mais ampla é de que esta pesquisa possa contribuir para desenvolver processos e instrumentos metodológicos próprios e adequados a situações singulares, sem a pretensão de elaborar uma teoria que apague diferenças nem de assumir a abordagem eurocêntrica como perspectiva universal das relações sociais.
  • Universidade Estadual do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Feijo Naccache

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • reologia de suspensões de óxido de grafeno
  • O grafeno foi isolado e caracterizado pela primeira vez em 2004. Desde então os nanomateriais bidimensionais (2D) têm sido objeto de estudo. Estes materiais têm revelado possuírem excelentes propriedades mecânica, térmica e elétrica, podendo levar a nanocompósitos poliméricos com características superiores aos encontrados com outros tipos de nanopartículas. Suas aplicações são bastante vastas, indo desde a área de embalagens de alimentos, indústria do petróleo, produtos têxteis até produtos aeronáuticos e de revestimentos. No presente Projeto de pesquisa propõe-se o estudo do comportamento reológico de suspensões poliméricas com óxido de grafeno, a fim de avaliar o efeito destas nanopartículas no comportamento mecânico dos nanofluidos compósitos resultantes.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Felts de La Roca Soares

Ciências da Saúde

Farmácia
  • desenvolvimento de uma cadeia produtiva, a base da goma do cajueiro em prol do desenvolvimento socioeconômico e agroecológico da agricultura familiar no sertão pernambucano.
  • O cerne deste projeto é a difusão tecnológica do processo de obtenção da goma do cajueiro às famílias rurais associadas à Associação Rural de Umbuzeiro e Leitão, comunidade quilombola, do Sertão de Pernambuco, conjuntamente com o estabelecimento formal de usos comerciais da goma. A aplicação da biotecnologia permite o beneficiamento da resina oriunda do exsudato do caule da árvore Cajueiro (Anarcadium occidentale L.), e o seu estabelecimento como insumo alimentar, cosmético e farmacêutico, tendo como objetivo o consumo familiar como alimento e a venda do mesmo, complementando renda às famílias. O estímulo à renda familiar irá se estabelecer inicialmente mediante o subsídio deste projeto até que a segurança de consumo seja documentada, passando estão a ser estabelecida por meio da venda deste produto para a merenda escolar do município de Afogados da Ingazeira. A prefeitura do município já firmou parceria com este projeto para garantir a compra do produto como merenda escolar por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) que contempla no mínimo 30% dos seus recursos aos produtos da agricultura familiar e empreendedor familiar rural (Lei no 11.947, de 16 de junho de 2009). A safra do fruto do cajueiro possuí duração de 3-4 meses ao ano, restando de 8-9 meses de ociosidade da região. A cooperativa soma 200 hectares plantados de cajucultura que são ociosos durante 70-75% do ano e que tem apresentado queda anual da produtividade de caju devido a seca e falta de aplicação de técnicas agrícolas sustentáveis, ecológicas, que englobem a biodiversidade, biossegurança e regeneração do solo. Este projeto também conta com a otimização do processo industrial de beneficiamento do exsudato do cajueiro em goma do cajueiro visando escala produtiva, segurança operacional, qualidade e custo do produto final. A biotecnologia sozinha, como área de conhecimento predominante, não viabiliza o reconhecimento popular deste produto, não define a sua segurança alimentar, cosmética e farmacêutica e não estabelece técnica de manejo sustentável das áreas de cajucultura, não se apropria dos índices econômicos desta atividade, em outras palavras não viabiliza a sua introdução ao mercado comercial. Com base nas premissas apresentadas este projeto correlaciona diferentes áreas do conhecimento como biotecnologia, agricultura familiar, manejo sustentável, economia e educação, sendo através desta pluralidade a proposta de mudança social do Sertão Pernambucano.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 01/12/2018-30/05/2021
Foto de perfil

Monica Ferreira da Costa

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • mercúrio em compartimentos ambientais de estuários tropicais
  • A biodisponibilidade do mercúrio, em suas diversas formas químicas, para a biota de estuários tropicais varia com as condições físico-químicas dominantes. Uma vez incorporado à teia trófica estuarina e costeira o mercúrio circula, se espalhando para todos os organismos. Ao vencer os níveis tróficos o mercúrio passa dos consumidores primários e filtradores até o topo da cadeia, podendo chegar às populações humanas que consomem produtos da pesca. No estuário do rio Goiana, há alguns anos já se estua a contaminação ambiental por mercúrio. Já foram abordadas espécies de peixes como o Trichiurus lepturus (peixe-espada, marine straggler, predador de topo de cadeia) e o Cathorops spixii (bagre amarelo, espécie demersal bentófaga, dominante em termos de densidade e biomassa serve de alimento para níveis tróficos superiores). Para ambos os casos se detectou uma variação da concentração de mercúrio fortemente relacionada às condições ambientais (estação seca x chuvosa) e habitats do estuário (alto, médio e baixo). Neste projeto pretende-se abordar outras espécies de alto valor nutritivo e comercial exploradas intensamente pelas comunidades locais. Os clupeideos (ex. Rhinosardinia bahiensis) e engraulideos (ex. Anchovia clupeoides) são peixes que se alimentam de plâncton, ocorrem em grandes cardumes e representam uma importante fonte de alimento para espécies maiores, como os scianideos (ex. Cynoscion acoupa) e centropomideos (ex. Centropomus undecimalis), predadores de topo de cadeia e com alto valor comercial. Como representantes de níveis tróficos intermediários, serão utilizados os gerreideos (ex. Eugerres brasilianus, Eucinostomus melanopterus) que são bentófagos, se alimentam de invertebrados bentônicos e também já tem sua ecologia relativamente bem estudada para o local de interesse deste projeto. As amostras de peixes desses grupos coletadas no estuário do rio Goiana durante diversos projetos do grupo desde 2005 até 2015. Foram preservadas em freezer e estão sendo triadas e preservadas. Mais de 500 indivíduos de peixes de diversos níveis tróficos, capturados em diferentes estações do ano e em diferentes habitats do estuário já foram analisados para mercúrio total e isótopos estáveis de C e N. Este projeto visa possibilitar a finalização da triagem e análise de mais 350 amostras e o estudo da distribuição trófica do mercúrio total no estuário e sua região costeira adjacente. Os recursos solicitados servirão unicamente para cobrir os custos da contratação dessas análises junto a instituições parceiras e a manutenção periódica da estação meteorológica/maregráfica instalada pelo grupo no estuário e cujos dados são utilizados nas análises das variáveis ecológicas e físico-químicas, inclusive de poluentes como o mercúrio.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 01/06/2017-31/07/2021
Foto de perfil

Mônica Freire Belian

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • materiais inorgânicos aplicados à eliminação das larvas do aedes aegypti
  • O Aedes Aegypti, principal mosquito vetor das arboviroses de maior importância no mundo, é o responsável por 2,5 bilhões de pessoas viverem em uma área de alto risco de contágios e pelo contágio de mais de 50 milhões de pessoas anualmente, sendo muitas delas, crianças. Na ausência de vacinas eficazes para a prevenção da dengue, chikungunya e zika; o único meio de controle é o combate às larvas do mosquito. A cloração das águas era um dos principais meios de erradicação das larvas do mosquito, porém a utilização do hipoclorito de sódio (NaClO), por se tratar de um produto de baixo custo de produção e alta eficiência da desinfecção, tornou-se um problema pois gera subprodutos cancerígenos, os trihalometanos (THMs). Ciente deste problema, o presente trabalho prevê o uso dos processos oxidativos avançados (POAs) no combate à eliminação do mosquito vetor.
  • Universidade Federal Rural de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Grazieli Corrêa

Ciências da Saúde

Odontologia
  • avaliação clínica, radiográfica, microbiológica e do perfil de biomarcadores locais do impacto da plataforma switching na reabilitação dental de pacientes diabéticos tipo 2 por meio de overdentures retidas sobre implantes
  • O diabetes mellitus (DM) tem sido associado a elevados índices de perda dental e a reabilitação de pacientes diabéticos totalmente edêntulos por meio de overdentures sobre implantes dentais poderia ser considerada uma alternativa terapêutica interessante. Porém, o DM é considerado um fator que pode interferir negativamente no reparo ósseo peri-implantar e elevar a propensão à alterações inflamatórias nos tecidos peri-implantares. O objetivo do presente estudo será avaliar a performance da plataforma switching, reconhecida por ter potencial em minimizar a reabsorção da crista óssea peri-implantar, nos parâmetros clínicos, radiográficos, microbiológicos e imunoenzimáticos, na reabilitação de dendentados totais por meio de overdentures implantorretidas em pacientes portadores de DM tipo 2. Serão selecionados 20 diabéticos tipo 2 com mandíbula edêntula e indicação para colocação de implantes dentais para reabilitação com overdentures. Cada paciente receberá 2 implantes dentais - um deles receberá intermediário seguindo o conceito da plataforma switching (teste: intermediário de diâmetro inferior ao da plataforma do implante) e o outro receberá intermediário de forma convencional (controle: intermediário de diâmetro igual ao da plataforma do implante). No baseline (imediatamente após a instalação da overdenture) e após 6 e 12 meses, serão realizadas coletas do fluido peri-implantar para avaliação dos níveis de citocinas pró-inflamatórias [interleucina (IL)-1β, IL-6, IL-17, IL-23, interferon (IFN)-γ e fator de necrose tumoral (TNF)-α], anti-inflamatórias [IL-4, IL-10] e de marcadores de osteogênese/clasia [osteocalcina (OC), osteopontina (OPN),osteoprotegerina (OPG) e Receptor ativador do fator nuclear fkappa-B ligante (RANKL)], por meio de plataforma Luminex/Magpix. Nestes mesmos períodos, será coletado biofilme subgengival para a detecção e quantificação, por PCR em tempo real, A. actinomycetemcomitans, Tannerella fosythia e Porphyromonas gingivalis. As avaliações clínicas serão feitas nos mesmos períodos e serão avaliados os seguintes parâmetros: Profundidade de sondagem peri-implantar, Posição relativa da margem peri-implantar, Nível de Inserção Clínico Relativo, Índice de Placa/Sangramento Modificado. A avaliação radiográfica linear da altura da crista óssea marginal peri-implantar será realizada nas imagens obtidas no baseline e após 12 meses. Os resultados serão comparados estatisticamente de acordo com o grau de normalidade (ANOVA ou Kruskal Wallis), em nível de significância de 5%.
  • Universidade Paulista - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Herz

Ciências Humanas

Ciência Política
  • a circulação de armas na américa latina
  • O presente projeto visa estudar a circulação de armas na América Latina entre 1990 e 2018. As formas de circulação legais e ilegais, nacionais, regionais e internacionais serão consideradas. Estas formas de circulação serão estudadas a partir da sua relação com ideias e práticas de normatização da circulação, produção e uso de armas, a militarização das relações sociais e a definição de ameaças por elites nacionais e outros atores sociais.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Mônica Lopes Aguiar

Engenharias

Engenharia Química
  • produção e caracterização de meios filtrantes a partir de nanofibras eletrofiadas com efeito biocida aplicados na filtração de ar.
  • O processo de filtração utilizando meios filtrantes fibrosos é bastante utilizado para a remoção de material particulado de uma corrente de ar porque estes possuem simplicidade de uso, reduzido custo e conseguem atingir altas eficiências de coleta, porém, o estudo é escasso quando se refere à filtração de nanopartículas. Para se alcançar altas eficiências de coleta de partículas com baixas quedas de pressão novas tecnologias de fabricação de meios filtrantes têm surgido, como, por exemplo, os filtros com nanofibras. A aplicação das nanofibras na filtração de ar é uma tecnologia relativamente atual e, ainda não implementada pelos fabricantes de meios filtrantes nacionais. O processo de electrospinning é o mais utilizado para fabricação de meios filtrantes com nanofibras e se distingue dos processos convencionais de produção pela versatilidade em processar diferentes polímeros, habilidade em controlar diâmetro, morfologia, orientação e estrutura das fibras e grande potencial para a produção em larga escala. É um método que utiliza força eletrostática para a obtenção de fibras com superfície de contato muito maior do que as produzidas por outros métodos. Um dos desafios deste processo de produção é o ajuste e controle dos vários parâmetros que influenciam a produção das nanofibras como a concentração do polímero, a proporção de solvente, o tempo de deposição das nanofibras no substrato, a distância da agulha até o coletor e a voltagem aplicada. Por esse motivo, o domínio do conhecimento da técnica de produção de nanofibras tornaria possível sua otimização. No presente projeto de pesquisa, propõem-se a construção e montagem do equipamento de eletrofiação, assim como a determinação de seus parâmetros operacionais em relação à produção e caracterização de nanofibras. Para tal finalidade serão produzidos meios filtrantes constituídos de nanofibras com caráter biocida empregando a técnica de electrospinning para remover nanopartículas presentes no meio ambiente. Após a produção dos meios filtrantes fibrosos, eles serão caracterizados fisicamente e posteriormente serão obtidas as eficiências de coleta para partículas na faixa nanométrica com a finalidade de avaliar como as propriedades das nanofibras influenciam a eficiência de coleta de nanopartículas associada à baixa queda de pressão. Como resultado, espera-se o domínio do conhecimento da técnica bem como a produção otimizada de nanofibras com baixo consumo energético para uso como meio filtrante na retenção de material particulado com elevada eficiência de filtração e elevado fator de qualidade, o que constitui o grande desafio da filtração.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Lopes Folena Araújo

Ciências Humanas

Educação
  • formação de professores de ciências no âmbito do programa residência pedagógica
  • A formação inicial de professores é tema que, devido a sua relevância, atrai pesquisadores de diversas áreas do conhecimento, dentre elas os da área de ensino de ciências. Do mesmo modo, atrai investimento do poder público, seja através da elaboração de documentos que norteiem o processo formativo nas instituições formadoras de professores, seja na implementação de programas que possam somar esforços ao trabalho realizado pelos professores formadores nas disciplinas pedagógicas, como, por exemplo, os estágios supervisionados. Desde o ano de 2008, foi implementado o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) que vem contribuindo com o processo de formação inicial através da inserção dos licenciandos bolsistas nas escolas campo com atividades de iniciação à docência. E, no corrente ano, foi implementado o Programa Residência Pedagógica (PRP), que visa inserir os licenciandos residentes em atividades que vão da observação à regência, além de induzir a reformulação do estágio supervisionado nos cursos de licenciatura. De imediato, duzentos e quarenta e cinco (245) instituições foram contempladas com bolsas do PRP em todo o Brasil. Diante do exposto, o problema que norteará a presente pesquisa é: Qual o impacto do Programa Residência Pedagógica na formação inicial de professores de Ciências? Logo, o presente projeto tem por objetivo geral: compreender o impacto do Programa Residência Pedagógica na formação inicial de professores de ciências. Especificamente objetivamos: conhecer como o PRP está sendo implantado na formação de professores de ciências, analisar a articulação teoria-prática na formação de professores de ciências e analisar a relação estabelecida entre o PRP e os estágios supervisionados obrigatórios. Para atingirmos os objetivos propostos recorreremos à análise documental das propostas elaboradas pelas instituições formadoras e dos relatórios confeccionados pelos licenciandos residentes; à aplicação e análise de entrevistas realizadas com os coordenadores institucionais, professores orientadores e professores preceptores do PRP e professores dos estágios supervisionados obrigatórios; além de aplicação e análise de questionários dos licenciandos residentes. Adotamos os seguintes critérios para escolha das instituições formadoras em todo o país: ter proposta submetida e aprovada com maior e menor número de bolsas concedidas e ter proposta na área de ensino de ciências (biologia, física ou química).
  • Universidade Federal Rural de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Monica Motta Lino

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • qualificação profissional e de gestores de santa catarina em dcnt
  • O projeto Qualificação Profissional e de Gestores de Santa Catarina em Doenças Crônicas Não-Transmissíveis constitui-se em uma proposta apresentada pela Universidade Federal de Santa Catarina por meio do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e Departamento de Enfermagem, elaborada com equipe interdisciplinar de pesquisadores, professores e gestores em saúde do Estado de Santa Catarina, assim representados: Departamento de Saúde Pública - UFSC, Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC e Secretaria do Estado de Saúde SES-SC. Trata-se de um projeto sustentado na tríade pesquisa, extensão e formação, que inclui em seu bojo a capacitação de profissionais da saúde e gestores para o cuidado à pessoas com Doenças Crônicas Não-Transmissíveis. A proposta contempla uma análise diagnóstica - aqui denominada como avaliação situacional de Santa Catarina, que será fundamental para orientar as ações do projeto, incluindo, a elaboração dos processos formativos. A análise diagnóstica de Santa Catarina tem como componente a caracterização e capacidade instalada na APS e dos trabalhadores/profissionais envolvidos, cujos parâmetros são descritos detalhadamente na contextualização do presente projeto. Essa etapa será desenvolvida entre dezembro de 2020 e maio de 2021. A etapa de formação tem como objetivo desenvolver estratégias efetivas e inovadoras de formação para trabalhadores de saúde de nível superior e gestores da APS, nas temáticas de promoção da saúde no território e na prevenção e cuidado (farmacológico e não farmacológico) das DCNT, a partir da identificação de seus determinantes e análise situacional no território e orientadas por protocolos, guias e outros instrumentos para o cuidado em doenças crônicas, preconizados pelo Ministério da Saúde. Assim, está organizado em três propostas educacionais: um curso de especialização em cuidado às pessoas com DCNT (360h), um Curso de Aperfeiçoamento em DCNT (180h) e um Curso de Capacitação para Gestores (40h). Essa etapa será desenvolvida entre junho de 2021 e dezembro de 2022. Os processos formativos serão permeados por encontros presenciais com vistas a promover estratégias efetivas e inovadoras de promoção à saúde, prevenção e cuidado da DCNT; oficinas com gestores municipais da APS para apoiar a reorganização e aperfeiçoamento dos serviços e redes locais de atenção à saúde, com vistas à qualificação da prevenção e cuidado das DCNT e promoção da saúde no território do cuidado às pessoas com DCNT, em âmbito individual e coletivo/no território. Ainda, haverá a participação efetiva dos autores deste projeto no Congresso Catarinense de Saúde Coletiva, fomentando a temática DCNT e promovendo rodas de diálogo; a ocorrer entre janeiro e junho de 2023. Após seis meses dos processos formativos será desenvolvida uma pesquisa de avaliação de impacto ex post facto sobre as mudanças produzidas na organização dos serviços de saúde e no processo de trabalho das equipes para a atenção às pessoas com DCNT (junho a outubro de 2023). Os parâmetros para a avaliação pós-intervenção incluirão as dimensões: 1) alcance das formações: caracterização do público formado; 2) adesão: caracterização e dimensionamento dos equipamentos públicos participantes (da rede); 3) efetividade: refere-se ao quanto o objetivo proposto para o curso foi alcançado; e 4) análise crítica da implementação das mudanças: refere-se ao quanto a capacitação tornou-se institucionalizada ou se tornou parte das práticas de rotina e políticas organizacionais. Por fim, cabe salientar que transversalmente serão realizadas e promovidas um conjunto de ações de educação, popularização e/ou divulgação científica do conhecimento junto à sociedade, para diferentes tipos de público, do início ao término do projeto, que sejam transversais às suas etapas, tanto em articulação com a comunidade científica; gestores das três esferas de governo; profissionais de saúde, comunidades locais; conselhos de políticas sociais; e grupos e instituições que atuam nas áreas de educação formal e não formal.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 07/12/2020-31/12/2023