Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sergio Azevedo Fonseca

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • corredor verde agroflorestal: tecnologia social para o plantio e a produção de alimentos saudáveis, com geração de renda, recuperação de manancial urbano e educação socioambiental em área de alta vulnerabilidade social no município de araraquara (sp)
  • O projeto irá integrar duas frentes de intervenção, passíveis de serem qualificadas como dois pólos de aplicação de tecnologias sociais, a serem integradas e articuladas de forma sistêmica ao longo das atividades do projeto: a primeira dessas frentes será a recuperação de um manancial urbano, em elevado estado de degradação, localizado na área de abrangência do projeto que se trata do Residencial Valle Verde. A segunda frente será representada pela criação de uma horta comunitária urbana, a ser instalada em terreno público de 6.230,87 m2, localizado na Rua José Pio,no bairro Valle Verde. A integração e a articulação entre essas duas frentes se dará por meio de um canal verde de irrigação, que irá conectar o manancial objeto da recuperação e a horta. Ademais dessas frentes de ação, o projeto terá um braço de educação ambiental, pela previsão de atuar na sensibilização e conscientização da população residente no entorno territorial do projeto, com vistas ao manejo adequado dos resíduos domiciliares, sobretudo os orgânicos passíveis de serem convertidos em compostos.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 01/12/2018-30/05/2021
Foto de perfil

Sérgio Britto Garcia

Ciências da Saúde

Medicina
  • efeitos da detoxificação tecidual e sistema imune sobre a carcinogenese de cólon: modulações da iniciação/promoção como determinantes da manifestação tumoral
  • Os mecanismos de detoxificação tecidual e o sistema imune modulam o processo neoplásico colônico, porém as interações entre estes elementos não estão claras. As etapas iniciais do processo oncogênico são determinantes para a aquisição de um fenótipo maligno no tecido, o que determinaria a sua progressão até a fase tumoral. Assim, entender de que maneira esses componentes atuam durante as modificações pré-neoplásicas torna-se essencial para a busca de novos alvos terapêuticos. Diante disso, objetiva-se investigar essas interações através de modelos experimentais de carcinogênese química em camundongos, normais e imunossuprimidos. O material coletado será analisado para quantificações de lesões pré-neoplásicas, mastócitos, detoxificação tecidual, dano de DNA, e dosagens de citocinas pró- e anti-inflamatórias.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022