Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Silvio Luis Pereira Dias

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • preparação, caracterização e aplicação de novos carvões ativados em estudos cinéticos, de adsorção e aplicação na remoção de contaminantes químicos emergentes persistentes e/ou vestigiais em sistemas aquosos ou residuais.
  • Resumo A proposta desse projeto de pesquisa é a de desenvolver novos materiais carbonizados e carvões ativados utilizando resíduos de origem vegetal pulverizados (sementes, cascas e frutos residuais ou descartados de abacate, mamão, uva, tucumã e erva-mate, entre outros) in natura e quimicamente modificados com substâncias contendo elementos químicos da primeira e da segunda fila de metais de transição ainda pouco investigados na literatura (vanádio, manganês, cromo, níquel, ferro e zinco) por carbonização, pirólise para a produção de carvão ativado, produção de compósitos com polisiloxanos e adsorventes sintéticos como sílicas organo-funcionalizadas. Esses novos materiais preparados com propriedades analíticas, eletroquímicas e espectroscópicas mais favoráveis em ordem para melhorar suas performances serão utilizados em diferentes aplicações experimentais como na remoção de compostos emergentes orgânicos persistentes e/ou vestigiais de efluentes aquosos, simulados ou industriais. Nesse contexto, intensa pesquisa tem sido realizada no sentido de desenvolver novos materiais compósitos ou híbridos orgânico-inorgânicos cujas propriedades físicas e químicas possam ser modificadas com a finalidade de torná-los úteis em aplicações tecnológicas em diferentes áreas como a química, biologia, medicina, indústria farmacêutica, entre outras. Visando ter uma compreeensão global das propriedades morfológicas, estruturais, térmicas e químicas dos materiais a serem preparados nesse projeto serão realizadas investigações mediante a utilização de diferentes técnicas e variadas abordagens: (1) espectroscopia de fotoelétrons nas energias de camadas relativamente profundas (XPS) a fim de explorar as propriedades eletrônicas-estruturais; (2) microscopia eletrônica de varredura (SEM) com o intuito de entender aspectos morfológicos; (3) termoanálise no infravermelho para a identificação das espécies presentes e a análise da estabilidade térmica dos compósitos; (4) estudo das propriedades estruturais por difração de raios-X para determinação estrutural e eventual surgimento de fases; (5) estudo das propriedades físico-químicas superficiais, de volume e distribuição de poros através de isotermas de adsorção e dessorção de nitrogênio (método BET e BJH) e pela técnica de CHN. Os materiais preparados nesse projeto podem ainda ser potencialmente úteis para outras aplicações eletroanalíticas e ambientais tais como suportes sólidos de espécies eletroativas mediadoras de elétrons (sensores e biossensores eletroquímicos), trocadores iônicos, adsorventes de gases industriais e adsorventes de cátions metálicos e de corantes de soluções aquosas e não aquosas em efluentes aquáticos utilizando processos de batelada ou pela. técnica de FIA com detecção espectrofotométrica.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022