Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Clóvis Eduardo Malinverni da Silveira

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • patrimônio genético e conhecimentos tradicionais associados: análise da percepção dos pesquisadores de universidades gaúchas públicas e comunitárias sobre as novas exigências legais de acesso e repartição de benefícios
  • Com a ratificação da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) o Brasil assumiu o compromisso de, por meio de marcos regulatórios e políticas públicas, para concretizar três objetivos: conservação da biodiversidade, uso sustentável e repartição justa e equitativa dos benefícios provenientes do uso dos recursos genéticos (RG) e conhecimentos tradicionais associados (CTA). Trata-se de tema fundamental para o Brasil, Estado Nacional que conta com maior biodiversidade mundial e imenso potencial de desenvolvimento via cooperação. Universidades e institutos de pesquisa, enquanto usuários dos recursos genéticos, possuem um papel central de pesquisa e desenvolvimento (P&D) em áreas política e economicamente estratégicas, tais como biotecnologia, engenharia genética, indústria farmacêutica, cosmética, química verde e novos materiais. A primeira legislação brasileira sobre o tema foi a MP 2.052/2000, seguida da MP 2.186/2001, amplamente criticada e reeditada dezesseis vezes. Após 15 anos, foi sancionada a Lei nº 13.123/2015, regulamentada pelo Decreto Nº 8.772/2016, que visava desburocratizar a P&D sobre PG e CTA, porém trazia críticas de setores importantes da sociedade civil, comunidades tradicionais e academia. O Sistema Nacional de Gestão do Patrimônio Genético e do Conhecimento Tradicional Associado (SisGen) possui uma plataforma digital pública de cadastramento de atividades desde 06/11/2017, vista por uns como um importante avanço para a pesquisa e por outros como obrigação infundada e desnecessária imposta pelo Estado. Os deveres SisGen estão envoltos em um ambiente de informações escassas e imprecisas, por vezes equivocadas e contraditórias, o que gera insegurança quanto às responsabilidades, descrédito quanto a resultados positivos e mesmo abandono de pesquisas. Isso dificulta o cumprimento dos termos legais, tanto para evitar infrações como para garantir a segurança jurídica dos negócios pautados na inovação tecnológica resultante do acesso aos RGs e CTAs. Além da difusão de informações corretas sobre a Lei é importante traçar um panorama de como os pesquisadores percebem e se posicionam frente às obrigações legais. Este projeto se propõe a analisar a percepção dos pesquisadores que exercem atividades abrangidas pela Lei 13.123/2015, a fim de subsidiar ações voltadas ao adequado cumprimento das obrigações estabelecidas, evitando infrações e promovendo um ambiente favorável à pesquisa e à proteção da biodiversidade. A metodologia pauta-se na pesquisa aplicada quanto à finalidade, exploratória em relação aos objetivos e na abordagem mista (quanti-qualitativa) quanto aos procedimentos. Primeiramente, será descrito o cenário legal nacional e internacional que envolve o acesso aos recursos genéticos e CTAs por meio de pesquisa bibliográfica e documental, acadêmica e institucional. A revisão documental visa o levantamento e sistematização das principais críticas dos pesquisadores e das exigências estabelecidas pelas normas em vigor. Tais procedimentos servirão de subsídio para a elaboração dos questionários a serem aplicados com pesquisadores e gestores. No segundo momento, serão realizadas entrevistas e aplicados questionários com gestores e pesquisadores das Universidades Federais e Comunitárias do estado do RS, no intuito de aferir sua percepção quanto às obrigações estabelecidas nas normas de gestão dos RGs e acesso ao CTAs, bem como avaliar em que medida as críticas e resistências encontram respaldo legal. Isso contribuirá com a sensibilização e facilitará prestação de apoio jurídico na compreensão e cumprimento da legislação. Serão aplicados questionários online para mapeamento de percepções e posicionamentos quanto às obrigações estabelecidas, no intuito de encontrar ruídos de comunicação e impasses quanto aos objetivos e conteúdo do marco regulatório. O questionário online, construído a partir do levantamento bibliográfico e documental, será enviado via e-mail aos participantes, com instruções para resposta. As entrevistas em profundida serão baseadas em roteiro semiestruturado e realizadas com gestores e profissionais diretamente envolvidos com as obrigações legais. Os dados quantitativos serão analisados a partir do método da estatística descritiva, utilizando-se do programa SPSS, no qual se buscará a percentagem de ocorrência e as relações entre as variáveis. Os dados qualitativos oriundo da pesquisa bibliográfica e documental, das entrevistas e das questões abertas do questionário online serão analisados a partir do método de análise de conteúdo. Em relação aos principais impactos, espera-se que, ao publicar artigos e apresentar os resultados da pesquisa documental sobre o cenário legal nacional e internacional, sejam difundidas informações abalizadas por textos oficiais e de referência acadêmica, servindo de consulta para o conhecimento de profissionais e estudiosos de distintas áreas, com vistas a esclarecer polêmicas e distorções. Partindo-se do pressuposto de que as normas analisadas poderão ser interpretadas e aplicadas a partir de perspectivas diferentes (pesquisadores, gestores das instituições de pesquisa, empresas e poder público), espera-se que as entrevistas e questionários possibilitem a elaboração de um panorama a partir da análise quantitativa e qualitativa de dados. Como impacto da pesquisa documental, aliada à aplicação dos questionários e entrevistas, espera-se aprimorar o entendimento das normas, qualificar o debate e promover um ambiente mais favorável à pesquisa na área. É de suma importância que gestores públicos, universidades, empresas e outras instituições envolvidas tenham um panorama de percepção pautado em método científico para dirimir dúvidas, diminuir “ruídos” de comunicação e resistências infundadas ao SisGeN, porém conservando a salutar crítica e autonomia dos pesquisados. Além dos dados levantados, a metodologia pode servir de substrato para preparar formas de governança mais eficazes em órgãos públicos e universidades de outros Estados.
  • Universidade de Caxias do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Conrado Ramos Moreira Afonso

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • estudo ligas beta de titânio de alta entropia multicomponentes com baixo módulo de elasticidade
  • O uso como biomaterial da liga Ti-6Al-4V é mais conveniente dentre as ligas de Ti, pois é a liga produzida em maior escala devido as aplicações aeronáuticas mundo afora. Mas sabe-se que a liga Ti-6Al-4V pode ser prejudicial a saúde do paciente (pela toxicidade do Al e do V) e não possui as propriedades mais adequadas. O aumento na expectativa de vida torna necessário o desenvolvimento científico e tecnológico dos biomateriais, principalmente aqueles com aplicação em ortopedia. As ligas metálicas utilizadas atualmente no Brasil possuem módulo de elasticidade (E) muito maior que o do osso humano (E = 10 a 30 GPa): Aço (200 GPa), Ligas Co-Cr (220 GPa), Ti-6Al-4V (110 GPa) e a busca por ligas com melhor biocompatibilidade mecânica e química é necessária. As ligas Beta-Ti (ccc) apresentam a melhor biocompatibilidade mecânica (módulo de elasticidade, E na faixa de 55 a 80 GPa) e química (melhor resistência à corrosão, adesão celular e osseointegração). Apesar de mais caras pela adição de elementos nobres ao Ti, o implante em si não é mais caro em uma cirugia, e quando se trata da saúde do paciente, o preço de um material não deveria ser um ponto de discussão, mas sim se utilizar sempre o melhor material possível. No presente projeto são propostas ligas multicomponentes Beta de Ti de alta entropia (equimássicas) dos sistemas Ti-25Nb-25Zr-25Ta, Ti-20Nb-20Zr-20Ta-20Mo (%peso), além de ligas do sistema Ti-Zr-Nb com altas frações de Zr e baseadas em parâmetros eletrônicos Bo e Md buscando o menor valor de módulo de elasticidade (entre 40 e 50 GPa). Serão compararadas ligas β-Ti com diferentes teores de elementos Beta-estabilizadores, e possivelmente, formando diferentes combinações de fases (Beta, alfa”, omega, alfa’ e alfa) microestrutura resultante. Buscar-se-á uma combinação mais favorável de microestrutura e propriedades, objetivando o módulo de elasticidade E (GPa) reduzido. O objetivo deste trabalho é avaliar novas ligas Beta-Ti multicomponentes de alta entropia (HEA) equimássicas (mesma %peso) e ligas Ti-Nb-Zr e a influênca de teores de elementos Beta-estabilizadores na microestrutura e propriedades, como o módulo de elasticidade, E (GPa), em relação às ligas fundidas em forno à arco voltaico. Os efeitos das mudanças estruturais propostas para implantes biomédicos sobre as propriedades e rigidez da peça de acordo com a grande variedade de composições de ligas Beta-Ti em diferentes frações de elementos Beta-estabilizadores típicos (Nb, Mo e Ta) e do Zr (supostamente neutro) e seu efeito combinado.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Constança Clara Gayoso Simões Barbosa

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • validação de modelos de risco para transmissão e endemização da esquistossomose: 20 anos de estudo em porto de galinhas - pe.
  • A esquistossomose há décadas é considerada uma endemia em Pernambuco, especificamente na zona rural do estado. No entanto, desde a década de 90 vem se observado a expansão desta doença para áreas urbanas e litorâneas, onde a transmissão se dá pelo contato acidental de indivíduos com criadouros do molusco vetor nas ruas das cidades, principalmente nos períodos de chuva. Dentro deste cenário, Porto de Galinhas/ Ipojuca – PE ganhou destaque no ano 2000 ao registrar o maior surto de casos agudos da doença no Brasil. Em 2010 o processo de transmissão e manutenção da doença na população já estava completamente instalado nesta localidade que passa a ser considerada uma nova área endêmica. Ao longo de quase duas décadas vários estudos foram ali realizados, registrando alguns fatores determinantes e condicionantes relacionados à ocorrência da esquistossomose em Porto de Galinhas, incluindo a construção de modelos de risco, no entanto, tais modelos precisam ser validados, o que só será possível através da execução deste projeto. O objetivo finalístico deste projeto é validar modelos matemáticos e espaciais preditivos para ocorrência e manutenção da esquistossomose que vêm sendo construídos ao longo de 20 anos de estudos parasitológicos, malacológicos e ambientais na localidade de Porto de Galinhas – PE. Para tanto, será realizado (1) inquérito parasitológico censitário para o diagnóstico dos casos e classificação da forma clínica da esquistossomose na população; (2) inquérito malacológico com coletas mensais de caramujos, dados abióticos e ambientais dos criadouros durante 1 ano; (3) levantamento sócio ambiental para determinar fatores de risco envolvidos na transmissão; (4) mapeamento das alterações ambientais através de técnicas de sensoriamento remoto para identificar a influência da ocupação desordenada do espaço sobre a ocorrência da doença. Com base nesses dados e naqueles de dois inquéritos precedentes (2000/ 2010), será construído um BD georeferrenciado que possibilitará a análise espaço-temporal dos dados e a construção de informações para a validação de modelos preditivos para ocorrência da doença em áreas litorâneas e turísticas, onde vem ocorrendo este novo modelo de transmissão. Tais modelos poderão auxiliar os serviços de saúde no diagnóstico ambiental de risco, no planejamento de estratégias para intervenção, na implementação e avaliação das medidas para o controle da esquistossomose no litoral de Pernambuco.
  • Fundação Oswaldo Cruz - PE - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Consuelo Alves da Frota

Engenharias

Engenharia Civil
  • comportamento mecânico de misturas asfálticas com resíduos bio-carbonizados e nanomateriais, sob flexão a quatro pontos.
  • A aplicação dos materiais bio-carbonizados e da nanotecnologia na Engenharia de Pavimentos descreve ainda um inovador caminho, e que, portanto, exige mais estudos para consolidar a sua aplicação. Aliado a soluções que minimizem a utilização do asfalto e o aproveitamento de resíduos, seja decorrente das limitações cada vez maiores das reservas do petróleo bruto ou da preservação ambiental, constitui a motivação da presente investigação. Nessa perspectiva, analisar-se-ão composições usuais, do tipo concreto asfáltico (CA referência), e baseadas nessas formulações, misturas asfálticas com a participação de resíduos de biomassa bio-carbonizados e nanomateriais (CA alternativo), segundo o ensaio de flexão dinâmica a quatro pontos. Serão determinados o módulo dinâmico e a ângulo de fase de corpos de prova no formato de vigas, a temperatura de referência (25ºC) e a 55ºC representativa da condição mais desfavorável dos pavimentos regionais.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cosme Damiao Cruz

Ciências Agrárias

Agronomia
  • aplicações da inteligência computacional, com ênfase em dados de análise de infravermelho próximo (nir), no melhoramento florestal
  • O Brasil ocupa a segunda posição mundial na produção de celulose e a oitava em relação a produção de papel. O Brasil é um país com grande extensão territorial e também variações climáticas. Este fato desafia os melhoristas que precisam selecionar o melhor genótipo para diferentes localidades ou regiões e utilizando bons critérios de seleção. Assim, em programas de melhoramento, estudos de predição são importantes para identificar indivíduos ou progênies de bom desempenho e que possibilitam a obtenção de ganhos de seleção em populações segregantes tendo-se a expectativa de aparecimento de transgressivos nestas gerações. O trabalho do melhorista é ainda dificultado quando se objetiva melhoramento para qualidade da madeira tendo em vista que a sua caracterização é laboriosa e requer vários dias para ser determinada em laboratório. É um processo caro e aplicado em um número restrito de indivíduos e, muitas das vezes, demanda a perda total do indivíduo amostrado, que o caracteriza como método destrutivo. Métodos que contornem esses problemas, sem redução da acurácia na seleção, são fundamentais para o sucesso do programa de melhoramento florestal. Neste contexto, a espectroscopia de infravermelho próximo (Near Infrared Spectroscopy – NIR’s) é uma técnica que tem sido utilizada em outras áreas e com grande potencial no melhoramento florestal. NIRS é uma técnica não destrutiva, rápida que demora até no máximo 1 minuto para realizar a mensuração de uma amostra. Essa técnica pode ser aplicada a qualquer tipo de material biológico, demandando pouca ou nenhuma preparação das amostras. Ferramentas de análise multivariada foram amplamente utilizadas na análise de dados espectroscópicos (análise componente principal (PCA) e mínimos quadrados parciais (PLS)). Entretanto, estas técnicas apresentam baixa acurácia, principalmente por serem utilizados modelos estatísticos lineares. Há a necessidade de avaliar a aplicação de novas técnicas não lineares, como as Redes Neurais Artificiais, a fim de buscar técnicas para esses tipos de análises proporcionando critério alternativo e eficaz para fins de melhoramento genético. Neste projeto daremos contribuições para o melhoramento genético por meio da investigação fundamenta em três subprojetos: (a) Predição de ganhos de seleção direta e indireta por abordagens biométricas convencionais utilizando-se informações de ganhos diretos, indiretos e simultâneos em características silviculturas com ênfase na qualidade de madeira; (b) incorporação da informação de espectros de infravermelho em análises biométricas para auxiliar o melhoramento florestal. Aspectos da obtenção de dados, pré-processamento e calibração serão considerados; e (c) proposição de uma arquitetura de rede neural, com entradas associadas ao padrão NIR, para predição de valores genéticos de características importantes no melhoramento florestal. Todos os procedimentos biométricos desenvolvidos, aprimorados ou adaptados serão disponibilizados, para uso no melhoramento de outras espécies vegetais, no aplicativo computacional gratuito “Programa Genes”.
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Crisnicaw Veríssimo

Ciências da Saúde

Odontologia
  • biomecânica de protetores bucais personalizados convencionais, laminados e pré-fabricados de etileno-vinil-acetato (eva)
  • A prática de esportes de contato apresenta-se como um dos principais fatores causadores de injúrias dentoalveolares e podem ser prevenidos com utilização de protetores bucais. Os objetivos da presente proposta são: (1) desenvolver um dispositivo de aplicação de impacto horizontal para testes de protetores bucais de etileno-vinil-acetato (EVA); (2) Avaliar a deformação (S); capacidade de absorção de choques (%) de protetores bucais personalizados convencionais, laminados com diferentes posições de inserção rígida e pré-fabricados, antes e após ciclagem térmica, por meio de teste de impacto e ensaio de extensometria; (3) Caracterizar o módulo de elasticidade dos materiais utilizados para confecção de protetores bucais personalizados convencionais, laminados e pré-fabricados por meio de teste de tração antes e após ciclagem térmica; (4) Avaliar a tensão (MPa) e deformação (S); capacidade de absorção de choques (%) de protetores bucais personalizados convencionais, laminados com diferentes posições de inserção rígida e pré-fabricados, antes e após ciclagem térmica, através de análise não-linear de impacto por elementos finitos tridimensional. Um dispositivo de aplicação de impacto horizontal será desenvolvido para realização do teste de impacto e extensometria. Modelos de resina acrílica de uma maxila serão confeccionados (n=60). Extensômetros elétricos serão fixados na superfície palatina dos dentes anteriores do modelo de resina e então conectados ao sistema de aquisição de dados. Serão realizados impactos nos modelos de resina sem e com presença dos protetores bucais (1- Personalizado convencional de EVA (3mm); (2) Personalizado laminado de EVA (3mm) – Inserção rígida na porção média; (3) Personalizado laminado de EVA (3mm) – Inserção rígida na porção externa; (4) Pré-fabricado (Everlast e Pretorian). A deformação no pico de impacto será coletada e a capacidade de absorção (%) de choques calculada. Os protetores bucais serão então submetidos à ciclagem térmica e os testes de impacto realizados novamente. Amostras dos materiais utilizados para confecção dos protetores bucais serão submetidas ao teste de tração uniaxial em máquina de ensaio universal antes e após a ciclagem térmica para cálculo do módulo de elasticidade. Modelos computacionais tridimensionais serão criados de acordo com os ensaios experimentais de impacto para simulação do impacto pelo método de elementos finitos. Serão avaliadas as tensões, deformações, e capacidade de absorção de choques dos protetores para validação experimental.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristhiane Favero de Aguiar

Ciências Biológicas

Imunologia
  • estudo do metabolismo das células inkt na obesidade e síndrome metabólica
  • A obesidade tem sido considerada uma epidemia global, afetando milhões de indivíduos no mundo todo. As consequências do aumento patológico de peso podem afetar os diversos sistemas, como o cardiovascular, endócrino e também o sistema imune. O estudo do metabolismo das células do sistema imune na obesidade tem sido alvo de diversas pesquisas. Atualmente, as vias metabólicas são consideradas importantes mediadoras destas interações nas diversas doenças inflamatórias. Dentro desse contexto, os linfócitos têm sido estudados quanto ao seu perfil de resposta e seu metabolismo. No entanto, pouco se sabe sobre o metabolismo de uma população distinta de linfócitos T, as células NKT. As células NKT constituem um subtipo de linfócitos T, encontradas em baixa frequência no organismo e caracterizadas por sua reatividade a glicolipídios apresentados pela molécula CD1d. Essas células podem ser encontradas no tecido adiposo de camundongos e humanos e possuem um perfil regulatório nesse tecido, sendo capazes de produzir IL-10 e IL-2 e de influenciar na polarização de macrófagos M2. Sabe-se também que as células NKT são importantes no contexto da obesidade, síndrome metabólica e no diabetes. Porém, os estudos ainda são controversos em relação às formas de ativação dessas células e sua consequência na melhora ou piora da inflamação no tecido adiposo. Nossa hipótese é de que as células NKT possuem um perfil metabólico diferente dos demais linfócitos e também que o microambiente do tecido adiposo seja capaz de influenciar o metabolismo dessas células e causar impacto no desenvolvimento da obesidade e da síndrome metabólica. O nosso objetivo é estudar o metabolismo das células NKT no tecido adiposo e sua importância na obesidade e síndrome metabólica. Esperamos contribuir com a descrição de novos mecanismos imunometabólicos que poderão servir como base para o desenvolvimento de novos alvos farmacológicos.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiana Brasil de Almeida Rebouças

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • avaliação de tecnologias educativas para o cuidado de enfermagem à criança com doença crônica
  • O cuidado da criança com doença crônica com ou sem malformaçãogera dificuldade e insegurança na família. A doença crônica, nos dias atuais, é considerada um fator epidêmico, sendo um sério problema de saúde pública mundial, principalmente entre os países em desenvolvimento pela dificuldade de garantir políticas públicas favoráveis, que promovam a saúde desses usuários de forma efetiva. Salienta-se que a educação em saúde é uma das formas de promover a saúde, com ênfase no uso das tecnologias, em que o enfermeiro pode criar diversas estratégias no seu ambiente de trabalho como forma de dinamizar a assistência de enfermagem. Neste sentido, entende-se que as Tecnologias Educacionais em Saúde devem ser utilizadas com a finalidade de subsidiar com eficiência o desenvolvimento das atividades de Educação em Saúde, tornando o processo de aprendizagem mais efetivo. Estudos que comprovam a efetividade e eficácia das práticas na assistência à saúde conseguem atingir um efeito esperado quando realizado com programas e intervenções adequadas às necessidades individuais do público-alvo. Portanto, este projeto visa avaliar os efeitos de três cartilhas educativas impressas já construídas. A primeira cartilha versa sobre os cuidados no transplante cardíaco pediátrico; a outra aborda os cuidados com a criança asmática e a última trata sobre o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). O transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) é uma doença neuropsiquiátrica crônica, que se inicia na infância, mas que pode acompanhar o indivíduo ao longo de seu desenvolvimento. Objetiva-se, portanto, avaliar a efetividade de tecnologias educativas impressas para promoção do cuidado em saúde de crianças com doenças crônicas. Estudo quase experimental, do tipo antes e depois, porque visa conhecer os efeitos de uma intervenção em saúde capaz de causar algum tipo de mudança. Para tanto, as cartilhas educativas serão aplicadas, como estratégia educativa em saúde, para verificação do conhecimento, atitude e prática das mães acerca dos cuidados pós-transplante cardíaco pediátrico; cuidados com a criança asmática e cuidados com a criança com TDAH. O estudo será realizado no período de Janeiro/2019 a Dezembro/2020. Terá como local de aplicação da cartilha educativa os hospitais da rede pública terciária do Estado do Ceará, pertencente à Secretaria Executiva Regional VI (SERVI) e Centros de Atenção Psicossocial infantil (CAPSi).A população do estudo será composta por especialistas para avaliação dos instrumentos pré-teste e pós-teste e pelas mães de crianças com as referidas doenças crônicas para aplicação da intervenção educativa. Para a validação do instrumento com os especialistas será entregue: convite formal; termo de concordância e questionário de julgamento para validação do conteúdo do Inquérito CAP. A população do estudo também será composta por mães de crianças que estão vivenciando os cuidados com a criança com as doenças crônicas delimitadas neste projeto.Para a coleta de dados, será utilizado um instrumento dividido em duas partes. Parte I: caracterização sociodemográfica das mães (nome, sexo, idade, religião, escolaridade, estado civil, cidade, profissão, renda familiar e história de doenças cardiovasculares). Parte II: Inquérito CAP- Cuidados no transplante cardíaco pediátrico; ou cuidados à criança com asma; ou cuidados à criança com TDAH, a depender de cada público e formulário reduzido para o roteiro de perguntas ao telefone. O inquérito CAP pode ser utilizado para avaliar a efetividade e eficácia das informações fornecidas, facilidade de compreensão, além de ser utilizado como diagnóstico situacional do público-alvo, verificação de mudança de comportamento quanto ao conhecimento, atitude e prática. Coleta de dados ocorrerá em três etapas. Primeira etapa: Após o recrutamento das mães a partir dos critérios de elegibilidade, estas serão convidadas a participar do estudo e assinarão Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Após concordância das mães em participar do estudo será aplicado o instrumento CAP antes da intervenção. As entrevistas utilizando os formulários e o pré-teste com o inquérito CAP serão realizadas nos dias destinados à consulta de enfermagem de rotina conforme protocolo ambulatorial, individualmente, em salas reservadas com duração média de 20 minutos. Segunda etapa:Após aplicação dos formulários e pré-teste com inquérito CAP, as mães deverão participar da intervenção educativa. Primeiramente, as mães receberão um exemplar da cartilha educativa, para acompanhamento durante a apresentação para expor o conteúdo da cartilha educativa através do data show (projeção da cartilha educativa). Terceira etapa: O pós-teste será realizado por meio de telefonemas e pela pesquisadora principal, no 60o dia, após aplicação da intervenção, através do inquérito CAP. A análise dos dados será realizada por meio de testes estatísticos. Para as comparações do conhecimento, atitude e prática pré e pós-teste, serão utilizados os testes de McNemar e Wilcoxon (variáveis categóricas) e o teste t de Student para dados emparelhados, Mann-Whitney e Friedman. Para se analisar a associação entre o nível de conhecimento, atitude e prática das mães será aplicado os testes de Qui-Quadrado (χ2) e de razão de verossimilhança. Será aplicado o teste de Kolmogorov-Sminorv para verificação da normalidade entre os escores do inquérito CAP, tanto para traçar os percentis, como para a realização dos testes paramétricos ou não paramétricos. Para as análises inferenciais serão consideradas como estatisticamente significantes aquelas com p<0,05.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiana Fernandes De Muylder

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • inovação e consumo online: pesquisa e desenvolvimento de modelo envolvendo tecnologia social crm em três países
  • A partir da experiência de outros projetos de pesquisa financiados com o tema inovação (Projeto APQ-01938-1: Inteligência e Inovação na área da saúde e Projeto CNPq N º 12/2017 Bolsa de Produtividade em Pesquisa aprovada em 2018: Internet effects purchases of compulsive buyers comparing also some cultural and income characteristics, desenvolvido no Texas como parte de programa de Visiting Researcher), esta proposta avança no estudo sobre inovação e consumidor online e inclui tecnologia inovadora com base na Alemanha. O objetivo da pesquisa é desenvolver instrumento de pesquisa que avalie os diferentes comportamentos, características sociais e econômicas do consumidor online incluindo a tecnologia de Social Customer Relationship Management (Social CRM), com comparação em três países. Trata-se de estudo exploratório, descritivo de natureza quantitativa, a ser realizado entre diferentes países com análise de informações em ambiente universitário. Propõem-se como resultados, do ponto de vista de inovação: geração de modelo de mensuração do consumo online com análise de variáveis culturais, comportamentais e financeiras em diferentes países, elaboração de modelo de Social CRM e criação de base aberta para divulgação dos resultados.
  • Universidade FUMEC - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiana Ferreira Alves de Brito

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira aplicada à saúde humana
  • A proposta intitulada “Inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira aplicada à saúde humana” propõe a execução de duas atividades, um seminário conceitual para apresentar aos estudantes os princípios por trás da Inteligência artificial (IA), e identificar no nosso dia-a-dia a presença da IA, especialmente para a saúde humana. Pretende-se instigar a visão crítica e as responsabilidades e os questionamentos éticos que cercam essa potente tecnologia nos estudantes estimulando-os para o ingresso na carreira científica e em cursos da área da saúde. O objetivo final é reforçar a importância da ciência para o desenvolvimento tecnológico do país, para se alcançar um projeto de nação mais justa e equânime.
  • Fundação Oswaldo Cruz - MG - Brasil
  • 23/10/2020-30/04/2021
Foto de perfil

Cristiana Ferreira Alves de Brito

Ciências Biológicas

Parasitologia
  • caracterização biológica e genética de parasitos da malária zoonótica em primatas não-humanos brasileiros
  • No Brasil, a maioria dos casos humanos de malária ocorre na Amazônia legal. Entretanto, casos autóctones ocorrem ocasionalmente nas regiões de Mata Atlântica no Sul e Sudeste do Brasil. Nós e outros pesquisadores, demonstramos recentemente que esses casos são o resultado da transmissão zoonótica de Plasmodium simium infectando primatas não-humanos (PNHs). Duas espécies de parasitos da malária são capazes de infectar PNHs na Mata Atlântica, P. brasilianum e P. simium, estreitamente relacionados aos parasitos causadores da malária humana, P. malariae e P. vivax, respectivamente. Plasmodium brasilianum tem uma ampla distribuição geográfica, sendo identificado desde a América Central até o norte da Argentina. Além disso, este parasito possui uma grande gama de hospedeiros, sendo capaz de infectar espécies de todas as famílias de primatas Platyrrhini. Em contraste, P. simium é restrito à Mata Atlântica do Sul e Sudeste do Brasil. Este parasito é capaz de infectar um número restrito de espécies de PNHs, somente das famílias Atelidae, Cebidae e Pithecidae. Apesar da importância destes parasitos devido ao seu potencial zoonótico se conhece relativamente pouco sobre a prevalência de infecção, história evolutiva, como se adaptaram aos hospedeiros e seu potencial em causar doença no homem. A proximidade genética entre P. brasilianum / P. malariae e P. simium / P. vivax sugere que esses pares de espécies tenham divergido recentemente, apesar da direção da troca de hospedeiros ao longo da evolução, ou seja do homem para os PNHs ou dos PNHs para o Homem, ainda não esteja completamente esclarecida. Além disso, a prevalência destes parasitos entre as diversas espécies de PNHs e em diferentes regiões da Mata Atlântica permanece desconhecida, tornando pouco claro a real ameaça destes parasitos para a saúde humana. Assim, nós conhecemos relativamente pouco sobre os hospedeiros destes parasitos, as adaptações que estes sofreram para permitir que sejam capazes de parasitar hospedeiros e vetores específicos ou o próprio efeito da infecção para a saúde dos hospedeiros. O Objetivo deste projeto é responder a todas essas questões através da análise genômica de parasitos isolados de PNHs naturalmente infectados. Inicialmente para alcançarmos este objetivo será necessário o diagnóstico diferencial da infecção por P. simium, para isso usaremos duas metodologias, uma Nested/PCR RFLP e uma PCR em tempo Real. A primeira metodologia já foi padronizada e a segunda, que permitirá a execução em larga escala e a correlação com a parasitemia dos animais está sendo padronizada. Além isso, outro aspecto importante para a vigilância da malária zoonótica é a definição das espécies de PNHs potenciais reservatórios da infecção. Assim, após identificarmos a infecção através do diagnóstico diferencial será importante verificarmos a presença da forma infectante do parasito, os gametócitos. Desta forma será possível esclarecermos a evolução e adaptação destes parasitos nas Américas e contribuirmos para a definição de políticas públicas de prevenção e controle da malária extra-Amazônica.
  • Fundação Oswaldo Cruz - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiana Libardi Miranda Furtado

Ciências Biológicas

Genética
  • reprogramação epigenética de células tronco hematopoiéticas em indivíduos com exposição ocupacional a defensivos agrícolas e susceptibilidade doenças hematológicas.
  • As células-tronco hematopoiéticas (CTHs) são um grupo de células-tronco, com capacidade de auto-renovação, proliferação e diferenciação em todos os tipos células sanguíneas. Durante o processo de diferenciação celular, a medula óssea está exposta à uma série de fatores ocasionar alterações genéticas e epigenéticas, alterando o seu fenótipo. Os efeitos nocivos à saúde ocupacional resultantes do contato com agrotóxicos, tem sido constantemente associado a diversos agravos a saúde humana, em especial o desenvolvimento de neoplasias. A reprogramação aberrante do genoma devido a estímulos externos, estão diretamente associadas a falhas no processo de diferenciação celular, que podem levar a uma reprogramação aberrante das CTHs, principalmente durante o processo de diferenciação mielóide e linfoide e consequentemente a doenças hematológicas, como a síndrome mielodisplásica e leucemias. Neste contexto o presente projeto propõe investigar o efeito da exposição ocupacional a defensivos agrícolas na reprogramação epigenética de CTHs, bem como a caracaterização citogenética e molecular dos indivíduos expostos, e relacionar com fatores prognósticos e susceptibilidade a doenças hematológicas. Os resultados gerados podem auxiliar prevenção de doenças como o câncer, bem como sugerir novas formas de tratamento e intervenções apropriadas que proporcionem melhor prognóstico das doenças e qualidade de vida para os participantes.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiana Maria Toscano

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • modelagem da dinâmica de transmissão do sars-cov-2 no brasil: ciência em tempo real para subsidiar gestores na tomada de decisão baseada em evidências
  • No atual cenário global da pandemia causada pelo novo coronavirus (SARS-CoV 2), medidas de saúde pública são fundamentais para se retardar a transmissão e a propagação do virus e mitigar seus impactos. As medidas de distanciamento social têm o potencial de reduzir o número de eventos em determinado periodo de tempo, e ao reduzir o pico epidêmico da doença, permite ao sistema de saúde absorver a demanda esperada dos serviços de saúde incluindo na atenção primária, secundária e terciária. Estimativas geradas por modelagem dinâmica de transmissão do SARS-CoV-2, realizadas em tempo real e considerando dados e realidades locais são fundamentais para subsidiar gestores nas tomadas de decisão de saúde baseadas em evidências durante a pandemia de COVID-19. Trabalhando em rede com um grupo multidisciplinar de pequisadores que já atuam em contato estreito com gestores de saúde, e incluindo a participação de pesquisadores atualmente atuando no alto nível de gestão de saúde pública do nível municipal e estadual, este projeto propõe o desenvolvimento de modelos compartimentais clássicos da classe SIR, modelo de simulação baseado no indivíduo (Individual-Based Model; IBM), e modelo metapopulacional, para avaliar a expansão da Covid-19 e os impactos estimados no sistema de saúde, em UFs selecionadas e no Brasil como um todo. Serão considerados compartimentos específicos para número de indivíduos hospitalizados em leitos convencionais e em leitos de UTI utilizados a cada momento do tempo. As projeções serão realizadas em diversos momentos ao longo do tempo, considerando as particularidades de cada local quanto às caracterizações epidemiológicas e implementação das medidas de distanciamento social. Serão considerados o curto (30 dias) e longo (90 dias) prazo. Serão mapeadas as diferentes medidas não-farmacológicas de distanciamento social adotadas pelas diferentes unidades federativas do Brasil assim como a oportunidade temporal da implementação das mesmas. Para a projeção e estimativas de casos no futuro, serão considerados diversos cenários, considerando a implementação e possíveis alternativas de flexibilização das medidas de distanciamento social, ao longo do tempo, por UF, considerando grupos etários, setores da economia, entre outras possíveis categorias. Considerando uma gama ampla de modelos de diferentes complexidades, considerando sua estrutura e dados epidemiológicos requeridos para sua parametrização, o desenvolvimento de modelos complementares de diferentes complexidades e sua aplicação por uma rede de pesquisadores atuando em modelagem e com contato próximo aos gestores de saúde será fundamental para as tomadas de decisão em saúde nos próximos meses. Objetivo geral: Estimar a transmissão do SARS-COV-2 na população considerando diferentes tipos de modelos e modelar cenários alternativos ao longo do tempo, afim de subsidiar gestores de saúde para a tomada de decisão baseada em evidências
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 16/07/2020-15/09/2022
Foto de perfil

Cristiane Alves Villela Nogueira

Ciências da Saúde

Medicina
  • avaliação da prevalência de doença hepática gordurosa não alcoólica (dhgna) em pacientes portadores de psoríase e o impacto dos polimorfismos genéticos dos genes pnpla3 e tm6sf2 no risco cardiovascular e na presença de formas mais graves da dhgna nesta
  • A doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA), além de relacionada a fatores metabólicos como obesidade e resistência à insulina, vem ganhando destaque em várias doenças sistêmicas. A combinação entre diabetes mellitus, fator de risco associado a formas mais graves da DHGNA tem sido amplamente estudado no que se refere à fibrose hepática, risco cardiovascular e desenvolvimento de carcinoma hepatocelular, no entanto, outras doenças tem sido também associadas com maior prevalência de DHGNA. Entre essas, destaca-se a Psoríase. Pacientes diabéticos, sabidamente, apresentam-se com elevada prevalência de DHGNA e maior risco de formas de pior prognóstico por motivos ainda desconhecidos(1, 2). Em pacientes com Psoríase, o tratamento com metotrexato (MTX) foi durante muitas décadas, implicado como o principal fator associado à presença de fibrose hepática, mas atualmente seu papel como causa isolada de doença hepática nestes pacientes tem sido questionada. Tem sido descrita uma elevada prevalência de DHGNA na Psoríase bem como um maior risco cardiovascular. Não é claramente estabelecido até o momento se esta maior prevalência de DHGNA estaria relacionada ao uso do MTX ou às características inflamatórias crônicas da doença. Sabe-se que a fisiopatogenia da DHGNA é multifatorial. A avaliação não invasiva por elastografia hepática transitória (EHT) tem sido utilizada e validada na população de pacientes com DHGNA por tratar-se de um método simples e de fácil realização com a possibilidade de se estabelecer tanto o grau de esteatose como o estágio de fibrose da população avaliada a partir da obtenção da rigidez hepática pela elastografia. Recentemente, foram identificados dois polimorfismos genéticos implicados no metabolismo lipídico com potencial associação com esteatose hepática e graus mais avançados de fibrose em pacientes com DHGNA e com resultados ainda polêmicos no que se refere a seu valor prognóstico de risco cardiovascular (3-5). O polimorfismo de um único nucleotídeo do gene da adiponutrina, PNPLA3, está relacionado à esteatose e fibrose hepática em indivíduos obesos e em portadores de DHGNA(6, 7). No entanto, até o presente momento, nenhum estudo avaliou o seu papel como prognóstico em pacientes com Psoríase. O polimorfismo do gene TM6SF2, inicialmente relacionado a maior risco cardiovascular também não foi ainda estudado em uma população exclusiva de pacientes com Psoríase. Desta forma, é relevante avaliar a prevalência de DHGNA por elastografia hepática transitória (EHT) em pacientes com Psoríase, e os respectivos fatores associados a presença de esteatose e fibrose avançadas bem como o risco cardiovascular nesta população, incluindo como variáveis os polimorfismos genéticos PNPLA3, TM6SF2 para que se conheça o seu impacto neste cenário.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiane Aparecida Martins

Engenharias

Engenharia Aeroespacial
  • túnel hipersônico: termometria por rayleigh filtrado
  • Técnicas experimentais são classificadas como intrusivas, parcialmente intrusivas e não intrusivas. Desenvolver e aplicar qualquer técnica experimental em dispositivos reais exige trabalho árduo, pois é necessário considerar condições de contorno nem sempre favoráveis. Escoamentos no interior de túneis de vento hipersônicos demandam alta resolução espacial e temporal. Para tal, faz-se necessário o uso de técnicas não intrusivas e de alta resolução. Este projeto tem como objetivo principal o desenvolvimento e a aplicação da técnica de Rayleigh filtrado para a obtenção da temperatura em escoamentos em túnel de vento hipersônico. A qualidade de um túnel aerodinâmico está atrelada ao rigor com que se obtêm as características do escoamento experimental. Este projeto ocorrerá em uma parceria ITA-IEAv. Será utilizado o túnel de vento hipersônico instalado no Instituto de Estudos Avançados (IEAv). A experiência adquirida pelo IEAv permitiu estudos que incluem a propulsão a laser; redução de arrasto a partir da adição de energia por laser; e desenvolvimento do demonstrador tecnológico 14-X, que baseia-se nos conceitos de "waverider" e "SCRAMJET". Este último destaca-se por colocar o Brasil numa posição privilegiada no que diz respeito à tecnologia espacial. Como resultado final teremos a implementação de uma técnica experimental versátil, confiável e com alta resolução espacial e temporal para o monitoramento do escoamento no interior do túnel hipersônico. A análise dos dados permitirá o uso de dados precisos em projetos espaciais.
  • Instituto Tecnológico de Aeronáutica - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiane Aparecida Menezes de Pádua

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • estratégias para aumentar a testagem para hiv entre homens que fazem sexo com homens e travestis e mulheres trans: uma revisão integrativa
  • A realização periódica do teste para diagnóstico do HIV tem papel de destaque como estratégia de prevenção em resposta à epidemia de HIV/aids, especialmente entre homens que fazem sexo com homens (HSH) e tranvestis e mulheres trans, desproporcionalmente afetadas pela infecção. Estratégias para ampliar a testagem são direcionadas principalmente às populações-chave, que devem ser captadas a partir de locais de sociabilidade e redes de interação sexual, domicílios e organizações não-governamentais. Dessa forma, o teste rápido consiste em tecnologia promissora para ser utilizada por pessoas com maior vulnerabilidade ao risco de contrair HIV. Apesar do crescente número de publicações sobre o emprego de diferentes estratégias de testagem, faz-se necessária a realização de estudos que avaliem de forma crítica e abrangente as evidências disponíveis na literatura, visando selecionar aquelas mais eficazes/efetivas que melhor se adequem à realidade brasileira. Neste contexto, o presente estudo propõe uma revisão integrativa para responder a pergunta “Quais são as estratégias de intervenção mais eficazes/efetivas para aumentar a realização de teste rápido e convencional para HIV entre travestis e mulheres transexuais e entre HSH?”. O evento primário será definido como o aumento do percentual de testagem rápida e/ou convencional para HIV após estratégia(s) de intervenção(s). Serão considerados eventos secundários a regularidade da testagem convencional / rápida; a busca ou retorno aos serviços de saúde para confirmação do diagnóstico (resultado reagente); positividade para o HIV.Serão utilizadas bases de dados relevantes na área e a estratégia de busca será elaborada de forma a permitir uma busca com elevada sensibilidade (combinação de termos livres e indexados, sem restrição de idioma ou período de publicação). Estudos clínicos randomizados, ensaios clínicos controlados não randomizados, estudos quasi-experimentais (do tipo "antes" e "depois") e estudos longitudinais observacionais serão considerados. Instrumentos para coleta de dados serão construídos e previamente testados em estudo piloto. As etapas de seleção dos estudos e extração dos dados dos estudos elegíveis serão realizadas de forma independente por dois pesquisadores treinados e as discordâncias serão avaliadas por um terceiro pesquisador. O grau de concordância entre os dois pesquisadores, será mensurado por meio do Coeficiente Kappa, com intervalo de confiança de 95% e as discordâncias serão resolvidas por consenso. Softwares especializados serão utilizados para o manejo e análise de resultados. Os resultados serão descritos de forma narrativa e compilados em tabelas. Se aplicável, as mensurações dos eventos primário e secundários serão estratificadas de acordo com o desenho dos estudos, a população estudada e o tipo de teste realizado. Espera-se que este estudo deverá trazer importantes contribuições para o planejamento de novas políticas públicas buscando ampliar a testagem rotineira e periódica para o HIV e outras infecções sexualmente transmissíveis nessas populações. Os produtos do trabalho serão divulgados por meio de publicações em periódicos científicos, apresentações de trabalhos em congressos, combinados a estratégias diversas de difusão de conhecimento, desenvolvidas por meio da parceria entre os membros da equipe.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 02/12/2019-31/12/2022
Foto de perfil

Cristiane Assumpção Henriques

Engenharias

Engenharia Química
  • estudo da oligomerização de olefinas leves catalisada por zeólitas com diferentes topologias
  • A oligomerização de olefinas leves catalisada por zeólitas é uma alternativa promissora para a produção de gasolina (C6-C10) e, principalmente, de destilados médios (C10-C20), particularmente em refinarias que possuam correntes excedentes oriundas de processos de conversão de frações pesadas (FCC e coqueamento retardado). O presente projeto contempla um estudo fundamental sobre a oligomerização de olefinas leves (C3=, C4=) catalisada por zeólitas com diferentes características ácidas, texturais e topológicas visando à produção de gasolina e destilados (querosene de aviação e diesel). A hierarquização da estrutura via geração pós-síntese de mesoporosidade será também investigada visando identificar seus efeitos sobre a atividade, a estabilidade, a seletividade e as características das frações formadas na oligomerização. Os testes de avaliação catalítica serão conduzidos em reator de aço inox em escala de bancada, buscando-se melhor compreender a influência da carga olefínica processada, das condições operacionais e das propriedades das zeólitas sobre o seu desempenho catalítico, o qual será interpretado e discutido à luz das características físico-químicas (composição química, morfologia, propriedades ácidas e texturais) das zeólitas estudadas. Os resultados esperados possuem potencial de contribuição para o setor de petróleo e gás natural, ao ampliar conhecimentos sobre a tecnologia de oligomerização de olefinas leves, visando atender à demanda crescente de gasolina e destilados médios, e proporcionar a melhoria da qualidade dos combustíveis comercializados. A formação de recursos humanos especializados e a produção de combustíveis mais limpos e de melhor qualidade são características do projeto que podem trazer benefícios diretos para a sociedade.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiane Bahi dos Santos Fischer

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • a assinatura sedimentar e paleoecologica das variacoes do nivel do mar preservadas na lagoa mirim desde o pleistoceno tardio ao holoceno: estudos multidisciplinares e integradores
  • O entendimento sobre as mudanças do volume oceânico durante os ciclos glaciais e interglaciais são imprescindíveis para diversas áreas da ciência, podendo auxiliar em estudos paleogeográficos, paleoecológicos, paleoclimáticos, paleontológicos e paleoevolutivos de áreas costeiras e marinhas mundiais. Drásticas mudanças ambientais tem sido relacionadas à extensas inundações de áreas costeiras ao redor do mundo, responsáveis pela modificação dos ecossistemas costeiros ao longo do tempo. Estudos recentes apontam que o afogamento da costa sul-brasileira foi iniciada pela inundação marinha no estágio isotópico marinho (MIS 2), que prolongou-se até o Máximo Transgressivo (MIS 1) durante o Holoceno. O preenchimento de sistemas vales e canais incisos servem de base para correlações regionais e globais das unidades estratigráficas relacionadas as mudanças na sedimentação em resposta as oscilações do nível do mar, representando a chave para as analises de estratigrafia de sequencias. Estima-se que a rápida taxa de deposição de sedimentos no interior de sistemas de vales incisos coincidam com os períodos de aceleração do nível do mar, estando relacionados com os maiores períodos de esfriamento global (documentados em idades aproximadas a 8.2 ka, a partir das análises de testemunhos de gelo na Groelândia e outras áreas da América do Norte). Apesar do fato de que o evento 8.2 ka é relativamente bem definido, os impactos de um período de drásticas mudanças ambientais e climáticas são escassas na costa sul-brasileira. Adicionalmente, tendo em vista a excelente oportunidade e disponibilidade de material, bem como a qualidade de informações levantadas na área de estudo, o objetivo desta proposta é o estudo multidisciplinar integrado aplicado na caracterização das associações de diatomáceas marinhas, estuarinas e dulciaquícolas fósseis depositados em sedimentos costeiros do maior complexo reservatório de água da América do Sul, bem como identificar a magnitude e os impactos da aceleração do nível o mar local e global preservados ao longo do sistema lagunar Patos-Mirim. O estudo será baseado em registros sísmicos de alta resolução de acervo e novos, furos de sondagem, análises geoquímicas, geocronológicos e micropaleontológicas para o conhecimento do ecossistema costeiro, bem como refinar os modelos paleoevolutivos existentes, além de fornecer modelos que possibilitem a utilização de microfósseis, especialmente diatomáceas, como ferramentas paleoecológicas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Cristiane Bauermann Leitão

Ciências da Saúde

Medicina
  • associação do diabetes mellitus e anormalidades metabólicas com morbimortalidade relacionada à infecção pelo sars-cov-2 em coortes de pacientes internados em hospitais de referência no estado do rio grande do sul
  • A COVID-19 (Coronavirus Disease-2019), doença causada pelo coronavírus SARS-CoV-2 (Severe Acute Respiratory Syndrome-Coronavirus-2), pode causar desde infecção assintomática até pneumonia viral grave com falência respiratória e morte. Idade mais avançada e a presença de comorbidades como diabetes (DM) e hipertensão arterial sistêmica (HAS) tem sido identificadas como fatores de risco para mortalidade. O DM e a hiperglicemia induzida por estresse causam maior suscetibilidade a infecções por prejuízo da função dos sistemas imunes celular e humoral, com desregulação de citocinas pró-inflamatórias e aumento de mortalidade na UTI. Não é ainda definido se a infecção pelo SARS-CoV-2, associada à fase inflamatória e de tempestade de citocinas, impacta nessa regulação na presença de hiperglicemia. Um modelo de estudo em que se possa acompanhar os pacientes com DM ou hiperglicemia por estresse com quadro grave de COVID-19, caracterizando-os sob o ponto de vista clínico, laboratorial, metabólico (composição corporal, incluindo avaliação de sarcopenia, controle glicêmico, perfil de citocinas e adipocinas), psiquiátrico (escalas de qualidade de vida e depressão), genético (polimorfismos nos genes ACE2 e DPP4), assim como suas complicações cardiovasculares e microvasculares durante a internação e em acompanhamento pós-alta, permitirá um melhor entendimento do impacto da COVID-19 em pacientes com DM. A elaboração de meta-análises consolidará uma melhor compreensão da relação do DM e da obesidade com a morbimortalidade relacionada ao COVID-19, assim como a elaboração de medidas que possam definir estratégias de prevenção e tratamento da doença. De forma geral, o projeto deve contribuir para formação de recursos humanos e auxiliar na definição de políticas públicas para a atenção dos pacientes com DM, hiperglicemia de estresse e obesidade durante o período de internação por SARS-CoV-2 e na reabilitação pós-alta hospitalar. Dessa forma, apresentamos abaixo os objetivos do presente projeto: Objetivo geral: Avaliar o impacto do diabetes mellitus e alterações metabólicas associadas em desfechos clínicos de pacientes com diagnóstico de SARS-CoV-2. Objetivos específicos: Objetivo 1: Avaliar se existe associação entre fatores de risco metabólicos (DM, obesidade, dislipidemia, HAS) e o desenvolvimento de infecção por SARS-CoV-2 e morbimortalidade associada, por meio de uma revisão sistemática com metanálise de estudos de coorte disponíveis. Objetivo 2: Avaliar o impacto do DM e da hiperglicemia induzida pelo estresse em uma coorte de pacientes com SARS-CoV-2 admitidos no HCPA e no HNSC com desfechos de morbimortalidade. Objetivo 3: Avaliar a associação entre polimorfismos nos genes ACE2 e DPP4 de uma coorte de pacientes com SARS-CoV-2 admitidos no HCPA e desfechos relacionados a morbimortalidade. Objetivo 4: Avaliar o impacto do DM e da hiperglicemia induzida pelo estresse em uma coorte de pacientes sobreviventes de infecção pelo SARS-CoV-2 em parâmetros de controle metabólico, composição corporal, complicações crônicas do DM, qualidade de vida e depressão após a alta hospitalar, com plano de reavaliações em 1, 3 e 6 meses. Metodologia Delineamento objetivo 1: Revisão sistemática com metanálise de acordo com recomendações do Preferred Reporting Items for Systematic reviews and Meta-Analyses (PRISMA) e o protocolo será registrado no sítio international prospective register of systematic reviews (PROSPERO). Delineamento demais objetivos: Coorte retrospectiva e prospectiva. Sujeitos da pesquisa: Pacientes adultos admitidos no HCPA e no HNSC, nas unidades de UTI e Internação Hospitalar com diagnóstico confirmado de SARS-CoV-2 por meio de PCR em tempo real de secreção de vias aéreas. Procedimentos: Serão coletados dados de prontuário eletrônico dos pacientes internados (coorte retrospectiva) e os demais serão coletados prospectivamente. Serão analisadas variáveis clínicas, como idade, sexo, motivo da admissão na UTI, controle de glicemia capilar, doses diárias e tipo de insulina utilizada, uso de medicamentos bloqueadores do sistema renina-angiotensina-aldosterona, presença de choque circulatório e necessidade de drogas vasoativas, desenvolvimento de infeção durante a internação e uso de corticosteroides e bloqueadores neuromusculares, insulina e esquemas de dieta. Também serão analisados parâmetros glicêmicos [frequência de hipoglicemia, variabilidade glicêmica e intervalo (gap) glicêmico] na admissão dos pacientes na UTI. As tomografias computadorizadas de tórax serão avaliadas por radiologista especialista em imagem do tórax e definidas como: típica de SARS-CoV-2, indeterminada, atípica para SARS-CoV-2, sem pneumonia. Os exames laboratoriais serão fornecidos pelo biobanco do HCPA (hemograma, creatinina, TGO, TGP, Gama-GT, albumina, ferritina, PCR-US, glicose, TSH, T4 livre, EQU, lactato, fibrinogênio, VSG) que está sendo estruturado para de estudos do SARS-CoV-2. Exames complementares específicos não oferecidos pelo biobanco serão dosados em amostras disponibilizadas pelo biobanco [citocinas plasmáticas (TNF, IL-1B, IL-6, IL-8, IL-10 e IL-17), vitamina D, HbA1c, cortisol e ACTH). Será solicitado ao biobanco uma amostra de DNA para a genotipagem dos polimorfismos de interesse. Considerações éticas: Este projeto será submetido ao Comitê de Ética do HCPA e do HNSC. O Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) será aplicado em pacientes internados na enfermaria e se UTI serão submetidos a TCLE a posteriori . Todos os pesquisadores assinarão o Termo de Compromisso para Uso de Dados.
  • Hospital de Clínicas de Porto Alegre - RS - Brasil
  • 17/08/2020-16/09/2022
Foto de perfil

Cristiane Biazzin

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • big data em compras: estado-da-arte, barreiras e oportunidades para organizações brasileiras
  • Compras pode ser considerada como uma das funções mais complexas dentro de uma organização. Análises complexas e de big data atraem um interesse crescente em estratégias de aquisição devido à possibilidade de diminuir a complexidade, reduzir custos, apoiar processos assertivos de tomada de decisão e evitar fraudes. No entanto, os profissionais de compras parecem ter dificuldade em definir a melhor maneira de implementar análises complexas de dados. O objetivo principal deste estudo é analisar o estado-da-arte da adoção de big data em Compras corporativas (B2B) e analisar as barreiras e oportunidades para organizações brasileiras através de um estudo misto (survey e estudo de caso).
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022