Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Aline Bernardes de Souza

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • rastreamento de sinais de alerta do transtorno do espectro autista (tea)
  • O transtorno do espectro autista é caracterizado por promover um comprometimento no neurodesenvolvimento que afeta a comunicação social e, frequentemente, desenvolve comportamentos e interesses restritivos e repetitivos nos indivíduos envolvidos. Estas alterações dificultam a interação do indivíduo com o meio em que vive e seu desenvolvimento global. A identificação precoce deste transtorno possibilita a prática de uma intervenção prévia e específica para as suas necessidades. Portanto, o objetivo deste estudo é identificar alterações no desenvolvimento infantil, no comportamento e no desempenho funcional em crianças de 2 a 3,5 anos, no município de Brusque, que indiquem sinais do transtorno do espectro autista apresentadas pelos familiares ou pelas instituições de atendimento especializado à pessoa com deficiência. Para tal, contará com a participação de 10 crianças, com idades entre 2 a 3,5 anos, que apresentam suspeita de transtorno do espectro autista e que estejam vinculadas a instituições de atendimento especializado a pessoa com deficiência. Utilizar-se-á o Protocolo de Avaliação Comportamental para Crianças com Suspeita de Transtorno do Espectro Autista (Protea ‑R), o SON-R 2 ½ 7, o Inventário da Avaliação Pediátrica da Incapacidade e a Escala de Desenvolvimento Infantil Bayley.
  • Centro Universitário de Brusque - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aline Bertolosi Bombo

Ciências Biológicas

Botânica
  • depois do fogo, de onde rebrotam as plantas? banco de gemas e órgãos subterrâneos do cerrado
  • O fogo é um dos principais fatores que garante a manutenção de fisionomias abertas em ecossistemas inflamáveis, controlando as espécies dominantes e atuando na hierarquia de competição em comunidades vegetais. A vegetação do Cerrado tem sido influenciada pela presença do fogo há pelo menos 4 milhões de anos e sua flora, principalmente a do estrato herbáceo-subarbstivo, é tipicamente pirofítica e adaptada à perda frequente de biomassa aérea; além disso, as plantas possuem atributos que aumentam suas chances de sobrevivência após eventos de fogo, como a alocação da biomassa para órgãos subterrâneos juntamente com acúmulo de reservas, e a capacidade de rebrota através de gemas aéreas ou subterrâneas. A determinação do tipo de órgão subterrâneo em ecossistemas inflamáveis é importante para se entender os padrões de regeneração da vegetação pós-fogo, uma vez que tipos morfológicos diferentes podem possuir estratégias distintas. Dada à importância do Cerrado no Brasil, pois este ocupa 22% do território nacional, e a rápida degradação deste ambiente devido a pressões antrópicas, o entendimento das estratégias adaptativas relacionadas à sobrevivência e persistência das populações nesses ambientes é de suma importância, uma vez que tais estudos podem subsidiar os planos de manejo e conservação em áreas protegidas. Assim sendo, pretende-se avaliar o banco de gemas e a diversidade de órgãos subterrâneos em comunidades vegetais em áreas de Cerrado, sob diferentes regimes de fogo, com a finalidade de levantar atributos funcionais e relacioná-los com as respostas da vegetação após eventos de fogo.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aline Capella de Oliveira

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • formação de intermetálicos à base de ti-al por deposição direta de metal a laser de alumínio sobre ti-6al-4v
  • Intermetálicos à base de Ti-Al apresentam propriedades como resistências à oxidação e à corrosão elevadas, além de dureza e resistência mecânica adequadas para aplicações que exijam bom comportamento mecânico do componente A deposição direta de metal a laser (Laser direct metal deposition – LDMD) é um processamento que desperta grande interesse industrial, uma vez que é capaz de modificar a superfície de materiais sólidos, promovendo melhorias de propriedades na região tratada, sem alteração de suas as propriedades macroscópicas. A capacidade da tecnologia laser em concentrar elevada intensidade de energia em áreas reduzidas permite a modificação seletiva das propriedades do material, a partir do controle preciso dos parâmetros de processo. Além disso, a deposição direta de metal a laser apresenta outras vantagens como: velocidade de processo elevada, modificação da superfície de componentes com geometrias complexas e a possibilidade de se obter gradientes de composição e, consequentemente, um gradiente funcional no produto. Neste contexto, o presente projeto tem como objetivo promover a formação de intermetálicos à base de Ti-Al por deposição direta de metal a laser de pó de alumínio sobre o substrato de liga de titânio, Ti-6Al-4V, visando melhorias na resistência à oxidação da superfície do material. Adicionalmente, e, a partir da obtenção da camada de intermetálicos sobre o substrato, nitretos serão gerados, via implantação iônica por imersão em plasma (3IP), para análise dos efeitos de proteção adicional contra oxidação da superfície metálica. Os resultados obtidos nas diferentes condições analisadas, em relação aos efeitos sobre a oxidação da superfície do material, serão comparados ao desempenho do material base.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aline Carlos de Oliveira

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento de métodos eletroanalíticos para a determinação de pesticidas em água utilizando eletrodo de diamante dopado com boro (ddb) e análise por injeção em batelada (bia) com detecção amperométrica.
  • O uso indiscriminado de pesticidas nas lavouras do estado do Mato Grosso em conseqüência do aumento na produção agrícola vem acarretando em contaminação do meio ambiente, em especial as bacias hidrográficas do estado. Atualmente, o monitoramento de pesticidas em águas superficiais emprega cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC) ou cromatografia gasosa (GC), acopladas ou não a espectrômetro de massa. Essas técnicas apresentam desvantagens relacionadas principalmente, ao alto custo e excessivo tempo de análise. Desta forma, é necessário desenvolver e validar métodos sensíveis, seletivos e rápidos para a determinação de pesticidas em amostras de águas. Os métodos eletroanalíticos preenchem bem todos esses requisitos, pois são métodos de baixo custo e de alta sensibilidade; que podem permitir a determinação direta, rápida, simultânea e precisa de diversos analitos em uma única varredura. A técnica de análise por injeção em batelada (BIA) pode ser facilmente associada a métodos eletroanalíticos para a detecção de pesticidas. A maior vantagem do emprego de sistemas BIA é o reduzido tempo de contato entre o analito e o eletrodo, evitando problemas de envenenamento do eletrodo de trabalho. Entre os detectores utilizados em BIA, o amperométrico é o mais frequentemente empregado, sendo normalmente usado para a determinação de uma única espécie. Contudo, o uso de Amperometria de Múltiplos Pulsos (AMP) possibilita a determinação simultânea de várias espécies. O uso do eletrodo de diamante dopado com boro (DDB) em aplicações eletroanalíticas vem despertando muita atenção nos últimos anos, devido principalmente ao aumento de janela de potencial e de sensibilidade de resposta. Deste modo, esse projeto de pesquisa visa à utilização de eletrodo DDB associado ao sistema BIA com detecção amperométrica convencional e de múltiplos pulsos para o desenvolvimento de métodos de monitoramento de pesticidas em águas superficiais.
  • Universidade Federal de Mato Grosso - MT - Brasil
  • 01/06/2017-30/06/2021