Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Olival Freire Junior

Ciências da Saúde

Medicina
  • nucleação de programas de pós-graduação da ufba para formação de recursos humanos em áreas estratégicas
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 12/01/2020-12/01/2025
Foto de perfil

Olival Freire Junior

Ciências Humanas

História
  • colosso com pés de barro: uma história da controvérsia sobre as interpretações e os fundamentos da física quântica
  • A existência de uma longa e inconclusa controvérsia sobre a interpretação e os fundamentos da teoria quântica é um canteiro privilegiado para a atividade do historiador da física do século XX. A controvérsia se arrasta desde a criação da teoria entre 1925 e 1927 e a compreensão do seu desenrolar demanda a mobilização de variados fatores, a exemplo de problemas conceituais, experimentos relevantes e desenvolvimento técnicos, mas também componentes relacionados a compromissos filosóficos, ideológicos e políticos. Do mesmo modo, têm influenciado este desenvolvimento tanto contextos intrínsecos ao campo profissional dos físicos quanto contextos como a República de Weimar, a Guerra Fria e a contestação política e cultural dos anos 1960 e 1970. Trata-se de temática que já exploramos anteriormente. O presente projeto visa como resultado maiores um estudos sistemático desta história na forma de uma obra coletiva (um Handbook, com publicação já contratada com a Oxford University Press), uma biografia (David Bohm, em fase adiantada de escrita e publicação já contratada com a Springer) e um reflexão histórica, com implicações filosóficas, sobre a própria existência de uma controvérsia longa e inconclusa nos fundamentos da física do século XX.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Oliveiro Caetano de Freitas Neto

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • desenvolvimento de uma coluna de afinidade para recuperação de salmonella enterica de ambientes complexos para fins de estudos de proteômica e transcritômica
  • Sorovares de Salmonella denominados paratíficos para aves, colonizam muito bem o trato digestório, podendo ou não provocar o paratifo aviário e, por meio de produtos de origem avícola, podem ainda causar infecção alimentar em seres humanos. Salmonella Enteritidis, S.Typhimurium e S. Heidelberg estão entre os mais prevalentes causadores de infecção alimentar, destacando-se que nos últimos anos S. Heidelberg tem sido frequente encontrado em frangos de corte, sendo um dos principais responsáveis por recusa de produtos avícolas pela comunidade europeia. Para desenvolvimento de novas estratégias de controle das infecções paratíficas em aves e, consequentemente, reduzir a contaminação de produtos de origem avícola, é necessário conhecer em detalhes a regulação dos genes e também de seus produtos durante a infecção. Até o presente momento, avanços nos estudos de transcriptômica (análise dos conjuntos de transcritos) e proteômica de sorovares paratíficos durante a infecção intestinal têm sido limitados pela presença da microbiota intestinal, a qual certamente interferiria nesses tipos de análises. Alternativas como a análise do cultivo bacteriano puro em meios mínimos ou durante a infecção de células epiteliais, não representam necessariamente a condição complexa do lúmen intestinal. Alternativamente, propõe-se, no presente projeto de pesquisa, a elaboração de uma coluna de imunoafinidade utilizando-se sepharose 4B sensibilizada com anticorpos anti-antígenos de Salmonella para recuperação de sorovares paratíficos do conteúdo intestinal de aves experimentalmente infectadas.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Oliver Lorscheid

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • teoria de esquemas tropicais e outros tópicos
  • Meu plano de estudos é dividido em quatro tópicos, que são: teoria dos esquemas tropicais, teoria de representações de matroides, períodos de formas automórficas e teoria K algébrica. O primeiro tópico é um programa que visa um número grande de projetos, em parte em colaboração com Matthew Baker (Georgia Tech), Martin Ulirsch (Frankfurt) e os alunos de doutorado Emilio Peixoto e Alexander Agudelo Velez no IMPA. Possivelmente haverá mais envolvimentos de colaboradores e alunos de doutorado. Em seguida, vou dar um resumo desse programa em poucas palavras. Nos últimos anos, resultados da geometria F1 foram usados para definir esquemas tropicais. Foi mostrado que tal esquemas são objetos que contenham suficientes informações sobre a variedade tropical como um espaço topológico, inclusive a condição de balanceamento e outros invariantes como o polinômio de Hilbert. Nosso plano é resolver alguns perguntas fundamentais sobre esquemas tropicais, entender a teoria de esquemas tropicais para espaços de Berkovich, desenvolver métodos de cohomologia e investigar os interações com aritmética. O segundo tópico é um resultado de uma colaboração com Matthew Baker em quais construímos o espaço de moduli de matroides. No primeiro lugar, esse trabalho é uma contribuição para a teoria de esquemas tropicais. Mas de fato também é uma ferramenta útil para estudar representações de matroides. Ja conseguimos dar novas provas conceituais para vários resultados clássicos sobre a representatividade de matroides. O objetivo deste projeto junto com Nathan Bowler (Hamburg) e Rudi Pendavingh (Eindhoven) é explorar esse método novo que usa o espaço de moduli de matroides. O terceiro tópico concentra-se na investigação de períodos de formas automórficas e suas conexões com valores centrais de series L. Isso e bem entendido para GL(2). Neste projeto pretendemos generalizar isso para outros grupos algébricos, começando com períodos de series de Eisenstein. O quarto tópico é um projeto junto com Asher Auel (Yale). Buscamos uma prova de lei de reciprocidade quadrático em termos de uma sequencia longa exata para a teoria K para a compactificacão hipotética de Spec Z. Isso será uma prova em analogia com a prova da reciprocidade de Weil.
  • Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Olivia Maria Gomes da Cunha

Ciências Humanas

Antropologia
  • corpos e movimentos: perspectivas etnográficas
  • Modos de habitar e transformar a costa leste do Suriname - bem como cidades e localidades situadas na vizinha Guiana Francesa - associados ao uso da língua nativa, às intervenções corporais e aos processos recentes de territorialização, vêm sendo mobilizados pelos Cottica Ndyuka [também Okanisi, Cottica Businengee ou Cottica Ndyukanengee]. Trata-se da reconfiguração das relações com as aldeias tradicionais marcadas pela conversão ao cristianismo e ao pentecostalismo, mas, também, pelo contato frequente com outros maroons (também businengee] nengees e bakaas - respectivamente Afro-Surinameses e brancos). Tais transformações vêm sendo produzidas desde que os Ndyuka migraram para a região e são, em grande parte, efeitos dos modos de reterritorialização e conversão dos Cottica Ndyuka à diversas modalidades de cristianismo desde que as primeiras ações missionárias católica e moraviana tiveram início nas aldeias por volta de 1840. Ao observar múltiplos agenciamentos promovidos pelos Cottica Ndyuka ao longo de quase dois séculos de presença na região do Cottica, o propósito da pesquisa é compreender a reconfiguração de diferentes espaços existenciais, lugares-memória produzidos, habitados, construídos, ocupados e significados pela presença de corpos maroons após o conflito armado que os tornou vítimas do exército da República do Suriname na chamada Guerra do Interior (Binnelandse Oorlog) entre 1986-1992. Para compreender o lugar dos corpos maroon Ndyuka nesses movimentos de (re)ocupação do Cottica, é necessário observar como as pessoas, as famílias e as ideias que elas produzem sobre as suas vidas, memórias, interesses e formas de lá viver estão articuladas a certos lugares e concepções sobre os mundos que habitam, sobre as relações que neles criam e ativam, e sobre os seres com os quais dialogam. Em particular, interessa-nos investigar o trânsito dos homens, das mulheres e das crianças Cottica Ndyuka pelo povoado de Moengo - antiga sede da presença da multinacional ALCOA (Aluminium of America) na região - e na aldeias Ndyuka existentes no Cottica. A primeira referência, Moengo, delimita novas formas de viver fora das aldeias, num enclave urbano-rural (ou ‘rurbano’), cuja ocupação nos anos 90, tornou a experiência de co-existência entre clãs, matrisegmentos e famílias Ndyuka – mas também com pessoas e comunidades não-maroons, como é o caso dos Javaneses (descendentes de imigrantes indonésios que chegaram a ex-colônia holandesa para trabalhar nas plantations no pós-emancipação) – ao mesmo tempo possível e urbana. O êxodo e o movimento intermitente entre as aldeias e Moengo, Paramaribo e Saint Laurent du Maroni (Guiana Francesa) impõem não só novas formas de viver junto (libi makandi), mas, sobretudo, de produzir e inscrever diferença nos corpos. Corpo e movimento são, deste modo, dois temas interligados e que nos permitem conhecer os modos de territorialização dos Cottica Ndyuka por meio a atenção às distintas práticas que marcam, instituem e lembram modos de existir e se fazer presentes. Ofoco em temas como corpo, movimento e ransformação inscreve a proposta em um projeto mais amplo e coletivo, em torno do qual se articulam pesquisas desenvolvidas pelos colaboradores estrangeiros, Stephan Palmié (University of Chicago) e Rivke Jaffe (University of Amsterdam), sobre, respectivamente, os lugares da produção, e os sentidos conferidos aos termos ‘afro’ e ‘negro’ a partir de uma perspectiva Atlântica; e as relações entre cachorros, comunidades Rastafari e as armas em Kingston, Jamaica. A presente proposta também compreende subprojetos de pesquisa realizados por alunos de pós-graduação do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social do Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Embora relacionados a outros contextos, todos os subprojetos descritos nessa proposta estão interessados em explorar ferramentas analíticas para compreender diferentes articulações entre modos de fabricação de corpos e lugares, seus efeitos em processos de transformação social. Com base nos subprojetos que têm como foco: os significados e os usos dos quintais nas casas de baixa renda da Baixada Fluminense; sobre a prática do boxe praticado por mulheres negras moradoras da Favela da Maré e de Havana; os grupos e redes de ativismo envolvendo mulheres negras alvo de violência policial; sobre a organização grupos de candombe e coletivos afro-uruguaios moradores em bairros periféricos em Assunção (Paraguai); as práticas corporais dos povos maroon Cottica Ndyuka (Suriname) e Aluku (Guiana Francesa); os significados da comida, do dinheiro e dos mercados entre os homens Bobo Shanti Rastafari em Kingston; a produção de memórias de guerra entre ex-combatentes brasileiros e afro-dominicanos (Santo Domingo, República Dominicana). Embora realizados no Caribe e na América do Sul, os subprojetos de pesquisa listados não configuram conjuntos separados e organizados sob orientações de “estudos de área”. Ao contrário, a proposta e projeto coletivo em torno qual orbitam busca explorar perspectivas interligadas sobre as relações entre a constituição dos corpos e distintos processos de transformação social.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Omar Paranaiba Vilela Neto

Outra

Microeletrônica
  • nmlr: computação além do silícioprojeto e simulação de circuitosde lógica nanomagnética com reversibilidade
  • O objetivo deste projeto de pesquisa é investigar e estudar alternativas tecnológicas que possam ser capazes de substituir os transistores de silício convencionalmente usados na computação. Mais especificamente, focaremos no projeto e simulação de circuitos de Lógica Nanomagnética (NML), uma destas alternativas, que não utilizam transistores e nem corrente elétrica. Além disso, dado ao baixíssimo consumo energético desta tecnologia, podemos nos preocupar com os limites físicos fundamentais da computação, indo em direção ao projeto de sistemas computacionais reversíveis. Não há dúvidas que um dos fatos mais marcantes da história da computação ocorreu quando o primeiro transistor foi apresentado em 1947, um ano após a construção do primeiro computador digital eletrônico, o ENIAC. Naquela época, os dispositivos eletrônicos básicos dos computadores eram as válvulas termiônicas. Tais computadores eram imensos, chegando a ocupar prédios inteiros e limitando o uso de tais equipamentos. Desde então, nestes quase 70 anos, os transistores passaram a ser os dispositivos básicos do computadores e, o mais importante, a sua contínua miniaturização levou a um desenvolvimento tecnológico sem precedentes na história da humanidade. Hoje em dia, podemos encontrar transistores com 14 nanômetros de largura de canal, possibilitando o desenvolvimento de uma gama de diferentes processadores aplicados em distintos dispositivos, tais como os computadores convencionais, placas gráficas, telefones móveis, eletroeletrônicos, carros, aviões, etc. Obviamente, todo este desenvolvimento levou ao aprimoramento das organizações e arquiteturas dos computadores e, consequentemente, ao imenso mercado de soluções de TI em seus mais diferente nichos, desde a computação científica até as soluções de web. Este avanço no desempenho dos processadores, possibilitado pela contínua miniaturização, é conhecida como Lei de Moore. Contudo, recentes estudos têm mostrado que os transistores convencionais de silício estão próximos do seu limite físico de miniaturização. Nas escalas atuais, os efeitos quânticos passam a predominar e os transistores começam a apresentar problemas ainda não observados, tal como a fuga de corrente por tunelamento quântico. Desta forma, novas alternativas tecnológicas que venham a substituir o silício em futuros computadores começam a ser estudados. A esta linha de pesquisa e instigação tem-se dado o nome de “Computação Além do Silício”. Várias alternativas têm sido propostas e muitos pesquisadores expoentes acreditam que no futuro teremos computadores híbridos, utilizando diferentes tecnologias. Acredita-se que a representação binária a partir da corrente elétrica usada hoje não seja o caminho adequado para o futuro. Desta forma, outras possibilidades de representação devem ser investigadas. Além disso, algumas formas de representação podem levar a uma computação de multi-níveis (mais de 2), o que pode causar um grande impacto inclusive nos níveis mais alto de abstração (softwares). Este projeto de pesquisa se concentrará no paradigma NML, que tem sido visto como um potencial substituto das tecnologias convencionais, trazendo vantagens tais como: baixo consumo de energia e alta densidade espacial, dentre outros. O projeto de circuitos de NML eficiente é uma área de pesquisa que tem atraído a atenção de diversos pesquisadores ao redor mundo. Além disso, por ser uma tecnologia nova e ainda em fase de formação, as possibilidades são muitas e em todos os níveis, desde a síntese e fabricação até a modelagem e projeto de circuitos e dispositivos. O proponente deste projeto vem atuando nas áreas de Nanocomputação e Nanotecnologia Computacional há mais dez anos. Ele tem realizado pesquisas na área e publicado artigos a respeito de NML, computação reversível e temas relacionados em importantes jornais e conferências nacionais e internacionais. Além disso, estas novas áreas de pesquisa têm sido temas de ensino no Departamento de Ciência da Computação (DCC) da UFMG tanto em nível de graduação como também de pós-graduação. É importante ressaltar que o Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação do DCC-UFMG é nível 7 na Capes e as pesquisas em áreas multidisciplinares, inovadoras e na fronteira do conhecimento demonstram o interesse do DCC em se alinhar com os mais importantes Departamentos de Ciência da Computação no mundo.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Onildo Nunes de Jesus

Ciências Agrárias

Agronomia
  • recursos genéticos de passiflora: identificação de genótipos resistentes à fusariose e virose do endurecimento (cabmv) e avaliação de híbridos interespecíficos para resistência
  • O cultivo do maracujá amarelo (Passiflora edulis Sims) em escala comercial no Brasil é considerado uma atividade recente e expandiu rapidamente para a maioria dos estados, permitindo que o país se tornasse o principal produtor e consumidor mundial de maracujá amarelo. No entanto, a cultura tem sido severamente limitada por problemas fitossanitários, em especial a da virose do endurecimento dos frutos (Cowpea aphid-borne mosaic virus, CABMV) e fusariose - Fop (Fusarium oxysporum f. sp. passiflorae). Essas duas doenças vêm ocorrendo com frequência em diversas regiões produtoras reduzindo a produtividade e a longevidade dos pomares que apresenta uma vida útil de ano, pois essas doenças são de difíceis controles e até o momento não há cultivar de maracujá amarelo resistente. O desenvolvimento de variedades resistentes é tido como a principal estratégia de produção nos polos afetados pelas doenças. Para tanto, a identificação de fontes de resistência, dentre a grande diversidade de espécies do gênero Passiflora, seja em condições de campo ou em casa de vegetação por meio de inoculações controladas, permite selecionar genótipos candidatos à incorporação em programa de melhoramento para a introgressão de genes de resistência à fusariose e recuperação das características do doador recorrente (maracujá comercial) por meio de sucessivos ciclos de retrocruzamentos, culminado na obtenção de indivíduos geneticamente superiores com genes de resistência. Além disso, o uso de híbridos interespecíficos resistentes ao Fop como porta-enxertos configura-se como uma das alternativas de convívio com a fusariose, haja vista que a aplicação de defensivos químicos não tem sido eficiente e o desenvolvimento de variedades resistentes é uma ação de médio a longo prazo. Assim, a presente proposta visa realizar uma caracterização completa dos acessos Banco Ativo de Germoplasma de Maracujá da Embrapa Mandioca e Fruticultura visando identificar acessos com resistência ao Fop e CABMV e associado com caracteres de agronômicos de interesse. Serão também realizadas ainda análises histoquímica e histopatológicas com espécies de Passiflora consideradas suscetíveis e resistentes as doenças, para identificação de estruturas constitutivas ou induzidas mediante infecção do patógeno e assim inferir quanto aos mecanismos de resistência nas espécies. Algumas progênies, tanto para tolerância/resistência ao CABMV (retrocruzamentos – geração RC3) e para resistência a Fop (híbridos interespecíficos), obtidas pelo Programa de Melhoramento de Passiflora (PMGP) também serão avaliadas. Considerando as diversas ações deste projeto, haverá o envolvimento de estudantes de pós-doutorados, iniciação cientifica, além de estudantes de mestrado, doutorado cujos projetos são partes das ações previstas na proposta. Por fim, as informações geradas servirão de subsidio para identificação e seleção dos indivíduos mais promissores que serão utilizados no PMGP para obtenção e avaliação de progênies segregantes de cruzamentos intraespecíficos e interespecíficos para resistência à fusariose e ao CABMV, além da avaliação do potencial desses híbridos como porta-enxerto. Após concretização das ações, espera-se identificar genótipos com características promissoras que culminará como o desenvolvimento das primeiras cultivares com resistências a essas duas doenças limitantes nos principais polos de maracujá do país.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Orangel Antonio Aguilera Socorro

Ciências Biológicas

Zoologia
  • paleodiversidade nos carbonatos biogênicos do neógeno da plataforma equatorial do brasil: formação pirabas e contexto paleoecológico
  • A Formação Pirabas (Oligoceno-Mioceno) da porção onshore da Plataforma Bragantina, Norte do Brasil, é caracterizada por ser uma plataforma carbonática de origem biogênica com um arcabouço fossilífero expressivo em termos de preservação, paleodiversidade e abundância de macro e microfósseis marinhos. Os paleoambientes interpretados para esta unidade são costeiros de baixa profundidade, contornado por lagoas marginais sujeitas a variação das macro marés e eventualmente a ação de tormentas tropicas. A unidade destaca-se por ser o único registro de plataforma do Neógeno marinho que aflora na margem Atlântica da América do Sul, e antecede o estabelecimento do delta do Rio Amazonas. Os restos de macrofósseis de algas calcárias, moluscos, crustáceos, equinodermos, briozoários, corais e peixes, assim como dos microfósseis de foraminíferos, ostrácodes e nanoplâncton calcário formam o arcabouço biogênico responsável pela porosidade e permeabilidade das rochas carbonáticas em seus diferentes graus de diagênese. As rochas carbonáticas representam 42,5% dos reservatórios petrolíferos das bacias produtoras brasileiras e existe a necessidade de se verificar o maior número possível de exemplos que possam ser analisados como modelos análogos. A caracterização estratigráfica, paleontológica, paleoecológica e petrofísica da Formação Pirabas, assim como avaliar os aspectos diagenéticos da sucessão carbonática em afloramento, serão à linha base de referencia para as interpretações em subsuperfície por testemunhos de sondagem cedidos por empresas da região nordeste do Pará. Esta proposta pretende ampliar o conhecimento sobre as rochas carbonáticas do Neógeno, contribuindo na formação de recursos humanos e integrando profissionais de diferentes instituições em paleontologia e geologia do Petróleo. A execução do projeto possibilitará a implementação de novas técnicas para serem utilizadas com empreendimentos que visem a exploração de bacias petrolíferas brasileiras.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Orestes Vicente Forlenza

Ciências da Saúde

Medicina
  • biomarcadores do envelhecimento celular e da doença de alzheimer em indivíduos adultos e idosos com síndrome de down
  • Justificativa: Uma parcela significativa dos indivíduos com síndrome de Down (SD) desenvolve demência na maturidade. O início pré-senil e o acúmulo maciço de amilóide cerebral são características comuns à demência na SD e na doença de Alzheimer (DA), particularmente nas formas familiais desta. A trissomia do cromossomo 21 determina anormalidades na expressão dos genes que codificam a proteína precursora do amiloide (APP) e a enzima superóxido dismutase dependente de cobre e zinco (SOD-1). A superexpressão da APP altera o seu metabolismo proteolítico, favorecendo a clivagem amiloidogênica; e a disfunção da SOD-1 eleva o estresse oxidativo, causando dano mitocondrial e ao DNA. Hipotetizamos que a interação entre estes dois mecanismos na SD leva ao envelhecimento prematuro e acelera o processo patogênico da demência. Objetivos e métodos: Pretendemos investigar marcadores biológicos do envelhecimento e da DA em amostras de sangue periférico de indivíduos adultos e idosos com SD, a partir de uma casuística de 30 indivíduos com SD e 30 com cariótipo normal, estratificados por idade (20-34; 35-49; e ≥50 anos) e desempenho cognitivo. Os seguintes biomarcadores da DA serão determinados em plaquetas: (i) ‘razão de APP’, i.e., proporção entre os peptídeos secretados de 130- e 110kDA (sAPP); (ii) expressão proteica das APP-secretases alfa (ADAM-10), beta (BACE-1) e gama (PSEN-1). Os marcadores do envelhecimento serão determinados em leucócitos: (iii) comprimento telomérico; (iv) expressão de componentes de vias apoptóticas (BAX, Bcl-2 e bad); e (v) expressão de genes de conservação de genoma (p53, CDK1, 2 e 5). Já a análise de marcadores de estresse oxidativo se dará por meio dos marcadores Glutathione Peroxidase, Superoxide Dismutase, Catalase e TBARS no plasma e em eritrócitos. Resultados esperados: A identificação de biomarcadores do processo patogênico da DA fornecerá subsídios ao diagnóstico da demência na SD, com possíveis aplicações clínicas e de pesquisa. Indivíduos com SD apresentarão sinais biológicos de envelhecimento prematuro. Haverá correlação entre os marcadores do envelhecimento e os biomarcadores da DA.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Orlando Fatibello Filho

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento e aplicação de sensores fotoeletroquímicos para a determinação de contaminantes emergentes em amostras de águas naturais
  • No presente projeto propõe-se desenvolver e aplicar sensores fotoeletroquímicos para a determinação de contaminantes emergentes em águas naturais de rio e lago, efluentes industriais e água de captação de estações de tratamento. O funcionamento do sistema é baseado em um mecanismo de eletro-oxidação ou eletro-redução mediada por semicondutores. Os nanomateriais compósitos como o dióxido de titânio, vanadato de bismuto, quantum dots de carbono serão sintetizados, caracterizados e aplicados em eletroanálise. Também serão construídos sensores baseados no sinergismo entre óxido de grafeno reduzido e quantum dots de carbono, constituintes de um nanomaterial compósito, interessante para o desenvolvimento de sensores fotoeletroquímicos. A existência de alta velocidade de transferência de carga e a baixa taxa de recombinação, características do sistema grafeno/semicondutor, proporciona o aumento significativo da sensibilidade do sensor. Ademais, o somatório das energias eletroquímica e luminosa, promove a quantificação dos poluentes com baixos limites de detecção. Os compostos a serem monitorados serão fármacos e agrotóxicos, considerados como potenciais contaminantes emergentes. Nestas condições, o desenvolvimento de um sistema eletrocatalítico permitirá o desenvolvimento de um método sensível, preciso, com potencial de miniaturização e de baixo custo para a determinação de contaminantes emergentes em matrizes ambientais com aplicação em tempo real e in situ.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Orleans Silva Martins

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • relação da qualidade do ambiente informacional dos países emergentes com a assimetria e a qualidade de informação das empresas
  • Este projeto de pesquisa está fundamentado na hipótese de que um melhor nível de qualidade de informação contábil contribui para a redução da assimetria de informação em ambientes informacionais com menor proteção legal aos investidores, pois minimiza as práticas oportunísticas de negociação com informações privadas. Seu objetivo principal é analisar a relação entre a assimetria de informação e a qualidade das informações contábeis das empresas nos diferentes ambientes informacionais dos países emergentes. A partir da Hipótese dos Mercados Eficientes e da Teoria da Agência será investigada a existência de assimetria de informação nas empresas, a qual será relacionada à qualidade das informações contábeis por meio de proxies usualmente identificadas na literatura. Em seguida, tal relação será analisada sob diferentes ambientes informacionais nos países emergentes, sob a hipótese de que o enforcement do país é determinante da informatividade das empresas, assim como da qualidade de sua contabilidade. Para isso serão coletados os dados das empresas que negociarem suas ações nas principais bolsas de valores dos países emergentes durante o período de 2000 a 2016. Com o auxílio de modelos empíricos serão estimadas as referidas proxies e por meio de modelos de regressão com dados em painel e análises hierárquicas serão analisados os determinantes dessas relações. Em seus resultados, espera-se que sejam identificados os principais determinantes dessas relações, assim como os diferentes efeitos que a variação da qualidade do ambiente informacional de cada país exerce sobre a informatividade e a contabilidade das empresas. Assim, destaca-se sua originalidade e potencial de contribuição à academia e ao mercado, pois, até onde sabemos, não há evidências nas literaturas internacional e nacional acerca da relação entre a assimetria de informação das empresas e a qualidade de sua contabilidade, especialmente sob a influência de diferentes ambientes informacionais em países emergentes.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Orzenil Bonfim da Silva Junior

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • descoberta e genotipagem de variantes arbitrariamente complexas de dna por análise de algoritmo em grafo usando execução de cloud containers em serviços aws: estudo de caso aplicado à pesquisa em agricultura para apoio à geração de novos cultivares
  • Este projeto propõe o uso de algoritmos de compressão de dados para a representação de sequências de DNA em grafo para a descoberta de variantes estruturais arbitrariamente complexas entre múltiplos genomas, visando desenvolver catálogo exaustivo de marcadores moleculares potencialmente informativos para estudos de fenótipos de interesse agrícola. As informações obtidas nesse catálogo serão úteis para a seleção de genótipos superiores do programa de melhoramento genético de arroz da EMBRAPA, que objetiva o desenvolvimento de cultivares produtivos e tolerantes a estresses bióticos e abióticos. Apesar de avanços recentes da bioinformática no desenvolvimento de metodologias de detecção de variações no genoma e dos saltos biotecnológicos que culminaram no desenvovimento de novos métodos de genotipagem utilizando chips de DNA, a extensão das variações genômicas capturadas e, por conseguinte, a detecção de associação dessas variações com fenótipos de interesse, ainda se encontra em estado embrionário. Via de regra, o polimorfismo de DNA útil detectado por esta estratégia limita-se à análise de mutações de base única de nucleotídeo (SNP) ou inserções/exclusões (InDels) de extensão inferior a 50 bases nucleotídicas, como os microssatélites. Isso ocorre porque a busca de variantes de DNA é feita em estrutura linear do genoma de um único indivíduo da espécie (genoma referência), limitando a identificação de variantes maiores e mais complexas se os genomas analisados diferirem substancialmente no sítio de DNA analisado. Estudos recentes demonstram que o emprego de uma população de genomas representativos de um organismo ou "pangenoma" utilizando algoritmos em grafo aumenta o potencial de detectar e de descrever as variações genéticas. O uso de grafo ainda facilita a resolução de tarefas de rotina de bioinformática como é o caso do mapeamento de sequências de leitura curta (reads curtos), que é a base de análises de experimentos de ressequenciamento. Em tese, grafos de sequências biológicas podem incluir todos os tipos de variantes estruturais presentes em uma população de genomas de um organismo. Isso inclui heterogeneidades genéticas surgidas no processo evolutivo, como expansões e contrações de famílias específicas de elementos (genes, pseudogenes, elementos transponíveis), mutações cromossômicas estruturais (duplicações, exclusões, translocações e inversões), além de variações de conteúdo repetitivo e heterozigosidade. Uma abordagem prática nessa área descreve o pangenoma como um grafo cujos nodos são ordenados linearmente, porém contendo estruturas latentes para representar diferenças alélicas localizadas em regiões mais complexas dos genomas. A disseminação de avanços nessa área, no entanto, esbarra na complexidade computacional requerida pelos programas de algoritmos em grafo, tipicamente exigindo milhares de horas de CPU em plataformas x86_64, dependendo do tamanho e do número de genomas formando o grafo. O problema é de difícil paralelização e tem baixo desempenho em sistemas tradicionais de grid computing (GridEngine, SLURM etc). Soluções de software que desenvolvem algoritmos para a construção e a manipulação de pangenoma começam a incluir o uso de sistemas distribuídos autoescaláveis de dados, como estabelecidos em plataformas de computação como Amazon AWS. Buscando fomentar o uso da abordagem de pangenoma no desenvolvimento de marcadores moleculares para o melhoramento genético e à descoberta de novas fontes de variação alélica para a exploração de recursos genéticos vegetais pela biotecnologia, nossa proposta se baseia no uso de sistemas de provisionamento de cluster nos serviços AWS EC2 e S3 para a análise de múltiplos genomas de arroz (Oryza sativa) visando a construção de grafo. Utilizando esta capacidade computacional, nosso objetivo é construir o pangenoma de arroz com base em sequências de 10 genomas de espécies cultivadas e silvestres que compõem o genoma AA de Oryza, publicamente disponíveis na base de dados NCBI e de espécies outgroup. Todas as montagens estão disponíveis em escala de cromossomo (12 cromossomos por genoma), e incluem quatro acessos de arroz cultivado (Oryza sativa japonica cv. Nipponbare, indica cv IR 8, aus cv N22; e Oryza glaberrima) e seis acessos de espécies silvestres (O. nivara, O. rufipogon, O. barthii, O. glumaepatula, O. meridionalis e O. longistaminata). Uma vez obtido o pangenoma em grafo de sequências, reads curtos serão mapeados na estrutura de dados visando a extração de informação de variantes estruturais complexas e de genotipagem. Para isso, dados de ressequenciamento e de fenotipagem para componentes de produtividade de uma população composta por 132 linhagens puras recombinantes de arroz (RIL), depositados no NCBI, foram selecionados um estudo de caso. Esta população RIL é derivada do cruzamento biparental O. sativa sp. indica cv 93-11 x PA64s, genitores do superhíbrido Lian-You-Pei-Jiu, uma da cultivares de arroz mais plantadas e mais produtivas da China. O projeto propõe desenvolver catálogos extensivos de variantes estruturais de DNA a partir do mapeamento de reads curtos de DNA sobre grafo e mapeamento de regiões do genomas associadas com produtividade de grãos de arroz. Os resultados, incluindo dados, algoritmo e metodologia de análise vão aumentar a atual capacidade de genotipar variantes de DNA arbitrariamente complexas que envolvem aninhamentos e sobreposições de sequências. Esses recursos serão úteis para uso direto em populações experimentais do programa de melhoramento genético de arroz da EMBRAPA. Futuras análises com o ressequenciamento de indivíduos dessas populações poderão confirmar a transferabilidade de marcadores moleculares úteis e informativos para a descoberta de novos genes/alelos por metodologias de mapeamento genético ou de associação genômica, contribuindo para aumentar a eficiência de desenvolvimento de cultivares melhorados de plantas.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 22/10/2020-31/10/2022
Foto de perfil

Oscar Aurelio Mendoza Reales

Engenharias

Engenharia Civil
  • avaliação de parâmetros reológicos de matrizes de cimento para uso em técnicas de construção digital
  • A necessidade de uma maior produtividade nas obras civis tem impulsionado a busca por avanços tecnológicos nos métodos construtivos. A automatização da construção com uso de mecanismos assistidos por computador, notabilizada recentemente por avanços na impressão 3D em concreto, é um campo promissor que precisa do desenvolvimento de matrizes de cimento com um comportamento adequado para ser aplicadas em processos de extrusão e corte em estado fresco. Diante deste contexto, se faz necessário aprofundar no entendimento do comportamento reológico de pastas, argamassas e concretos de cimento Portland, visando os requisitos técnicos específicos da aplicação de tais matrizes em técnicas de construção digital. Este trabalho propõe estudar os parâmetros reológicos que governam o desempenho de pastas e concretos de cimento Portland em processos de impressão 3D e corte em estado fresco, assim como avaliar o uso de nanoparticulas e aditivos minerais como agentes de melhora de tais parâmetros. A proposta está dividida em duas grandes fases de estudo reológico, a primeira focada em pastas de cimento, e a segunda focada em micro concretos. Os parâmetros reológicos que serão avaliados são limite de escoamento e velocidade de ganho de limite de escoamento, os quais serão medidos utilizando um reômetro equipado com uma haste tipo Vane. Os objetivos e metodologias de cada fase são os seguintes: (i) Na fase 1 serão produzidas pastas compostas de cimento Portland de relação agua/cimento fixa, contendo nanosilica, microsilica, metakaolin e nanoargila como agentes modificadores do limite de escoamento e da velocidade de ganho de limite de escoamento no tempo. O critério de dosagem será o comportamento reológico adequado para o uso das pastas em impressão 3D. O desempenho das pastas desenvolvidas será avaliado por meio da impressão elementos em pequena em uma impressora 3D de materiais pastosos. (ii) Na fase 2 serão produzidos micro concretos contendo sílica ativa, cinza volante, filler, areia natural e superpalstificante, variando a relação agua/cimento e o conteúdo de superplastificante. O critério de dosagem será o comportamento reológico adequado para o uso dos micro concretos em um processo de corte em estado fresco. O desempenho dos concretos desenvolvidos será avaliado por meio do corte de placas de concreto em estado fresco em pequena escala, utilizando um sistema de controle por computador tipo CNC. No final do projeto espera-se avançar no entendimento dos requisitos reológicos básicos necessários para a dosagem de matrizes de cimento Portland, visando aplicações de impressão 3D e corte em estado fresco, assim como a identificar os pontos críticos a serem considerados em futuros desenvolvimentos de tais técnicas de construção digital em media e larga escala.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Oscar de Oliveira Santos Júnior

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento de metodologias rápidas e de baixo custo para determinação direta de ácidos graxos em frutas e amostras biologicas.
  • Nas análises qualitativas ou quantitativas de ácidos graxos em qualquer matriz as etapas normalmente seguidas são: a extração dos lipídios totais, a metilação dos lipídios e a injeção dos ésteres metílicos formados em um cromatógrafo a gás acoplado ao detector de ionização em chama. No entanto, tais etapas, tem um gasto despendiozo com o tempo (várias etapas), reagentes tóxicos e demandam grande quantidade de amostra (aproximadamente 100 g de amostra por replicata), nesta última, na dependência da matriz, pode ser um fator limitante para amostras pequenas, e em amostras que utilizam maiores quantidades produzirá elevada quantidade de rejeitos no final. Desta forma, métodos analíticos que utilizem pequenas quantidades de amostra, sejam rápidos, que utilizem reagentes menos tóxicos, mais baratos e com maior precisão e exatidão, são requisitos fundamentais na contextualização da química analítica. Neste sentido, foi elaborado o presente projeto, que tem como objetivo desenvolver e otimizar metodologias analíticas, tendo como suporte, o uso de técnicas quimiométricas para otimização da metilação de ácidos graxos em matrizes alimentícias e biológicas, utilizando as técnicas de cromatografia em fase gasosa com detector de ionização em chama e a espectrometria de massas com ionização por eletrospray.
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Oscar Rafael Carmo Araújo

Ciências Biológicas

Genética
  • identificação de biomarcadores epigenéticos e de proteínas com potencial aplicação como biópsia líquida para diagnóstico precoce de carcinoma hepatocelular e escolha terapêutica em adenocarcinoma colorretal e de pâncreas
  • A emergente identificação de biomarcadores baseados em assinaturas epigenéticas em câncer tem se mostrado uma tecnologia potencialmente disruptiva e pode ter um efeito significativo na redução da mortalidade por câncer nas próximas décadas. O carcinoma hepatocelular é o mais frequente tumor maligno primário de fígado e é o segundo tipo de câncer mais letal do mundo, atrás apenas do câncer de pulmão. O carcinoma colorretal possui alta prevalência e taxa de mortalidade, sendo o terceiro tipo de câncer mais comum no mundo e o quarto em número de mortes. O carcinoma de pâncreas é considerado o sétimo tipo de câncer mais letal no mundo. O acúmulo de alterações genéticas e epigenéticas em genes críticos para o câncer é capaz de modificar vias celulares importantes e promover a carcinogênese. A metilação de DNA é o principal mecanismo epigenético de silenciamento de genes e tem sido observada em diferentes cânceres humanos, como carcinoma hepatocelular, adenocarcinoma colorretal e de pâncreas. No sentido de identificar biomarcadores para aplicação em diagnóstico precoce e para escolha da estratégia terapêutica, é essencial o desenvolvimento de métodos de análise não invasivos. Dessa forma, a identificação de biomarcadores epigenéticos em DNA livre circulante (cfDNA) e em células tumorais circulantes (CTCs) se torna uma linha de pesquisa promissora. O objetivo desse projeto é identificar biomarcadores epigenéticos e de proteínas por análise de cfDNA e CTCs com potencial de aplicação como biópsia líquida para diagnóstico precoce de carcinoma hepatocelular e estratégia terapêutica em adenocarcinoma colorretal e de pâncreas. Para isso, no estudo do carcinoma hepatocelular, foram selecionadas 108 amostras de soro, obtidas de 2011 a 2017, sendo 88 amostras obtidas de pacientes com hepatite crônica em diferentes estágios da doença (27 com hepatite crônica, 38 com cirrose e 23 com CHC) e 20 amostras de soro de indivíduos saudáveis (sem doença hepática). No estudo do adenocarcinoma colorretal e de pâncreas, serão coletados 10 mL de sangue periférico em três momentos durante o tratamento de pacientes com adenocarcinoma colorretal e em quatro momentos durante o tratamento de pacientes com adenocarcinoma de pâncreas. O tamanho amostral total previsto é de 70 amostras (40 com adenocarcinoma colorretal e 30 com adenocarcinoma de pâncreas). Para a identificação de biomarcadores epigenéticos, o perfil de metilação em cfDNA e em CTCs será determinado para cada gene por meio de pirosequenciamento convencional, enquanto a identificação de biomarcadores de proteínas, será realizada por meio de imunocitoquímica de CTCs. Esperamos observar diferentes assinaturas epigenéticas em cfDNA nos diferentes graus da doença hepática e dessa forma identificar, de forma independente ou combinada, potenciais biomarcadores de progressão da doença hepática para aplicação em diagnóstico precoce para o carcinoma hepatocelular. Além disso, esperamos identificar biomarcadores epigenéticos e de proteínas em CTCs, presentes antes do tratamento, que podem ser utilizados para a escolha da melhor estratégia terapêutica para o adenocarcinoma colorretal e de pâncreas. A identificação de biomarcadores não invasivos com potencial uso para biópsia líquida, permitirá o estabelecimento de modelos de risco e a identificação de assinaturas epigenéticas, que devem ter implicações importantes no diagnóstico precoce, seguimento, prognóstico e tratamento do carcinoma hepatocelular, adenocarcinoma colorretal e de pâncreas.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Oscar Rubem Klegues Montedo

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • formação de doutores em áreas estratégicas
  • Vide projeto anexo
  • Universidade do Extremo Sul Catarinense - SC - Brasil
  • 08/01/2020-07/01/2025
Foto de perfil

Osmando Ferreira Lopes

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • desenvolvimento de semicondutores com potencial de aplicação em processos fotocatalíticos/eletrocatalíticos: oxidação de poluentes orgânicos e redução de co2
  • O desenvolvimento de tecnologias para remediação de problemas ambientais como a contaminação de efluentes e a emissão de CO2 na atmosfera é altamente requerido. Neste sentido, surge os processos de fotocatálise e eletrocatálise, que podem ser aplicados tanto na oxidação de poluentes orgânicos para tratamento de efluentes contaminados como na redução de CO2 em produtos de valor agregado. A redução do CO2 além do impacto ambiental positivo, é promissora pois pode ser utilizado como estratégia de armazenamento de energia de fontes intermitentes e sazonais pela conversão do CO2 em um combustível armazenável (e.g. HCOOH, CH3OH). Apesar do grande potencial de aplicação da fotocatálise e eletrocatálise, vários desafios ainda precisam ser superados para que estes processos possam ser aplicados em larga escala tais como: baixo desempenho catalítico, baixa seletividade e baixa estabilidade dos catalisadores, além da falta de compreensão dos mecanismos reacionais e do efeito da natureza de diferentes eletrólitos no processo. Portanto, este projeto tem como principal objetivo realizar um estudo prospectivo de semicondutores ainda pouco explorados pela literatura e das condições reacionais adequadas na oxidação de poluentes orgânicos e na redução de CO2. Ainda, pretende-se: i) realizar um estudo detalhado sobre a formação de heteroestruturas ativas sob radiação visível tais como: (BiVO4/CuO, BiVO4/SnO2, Bi2O3/Bi2O2CO3); ii) Avaliar a atividade eletrocatalítica de compostos de bismuto e estanho na reação de redução de CO2 em ácido fórmico e desenvolver estratégias para reduzir os valores de sobrepotencial e controlar a seletividade desta reação. Esses materiais serão caracterizados por técnicas avançadas e o desempenho catalítico será avaliado na oxidação de poluentes e/ou redução de CO2. Ainda, a influência dos parâmetros operacionais de reação, como a temperatura, pH, a massa inicial do catalisador, potencial aplicado e outros serão avaliados. As técnicas de cromatografia líquida e gasosa serão empregadas para determinar os produtos da reação de redução de CO2. Análises químicas também serão realizadas para melhor entendimento do mecanismo de degradação dos contaminantes orgânicos.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Osmar Abílio de Carvalho Junior

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • análise da dinâmica do uso e cobertura da terra aplicado ao desenvolvimento agrário e da agricultura familiar
  • O uso da terra é um fator essencial a ser conhecido e previsto no monitoramento, planejamento e gestão territorial e ambiental. A tarefa de gerenciar o uso da terra para minimizar os impactos econômicos e ambientais é um campo de pesquisa em evolução contínua, que se baseia em precisas informações cartográficas do trabalho humano na exploração dos recursos naturais disponíveis. O aumento da disponibilidade de dados de sensoriamento remoto e da capacidade computacional tem levado a novas oportunidades para a pesquisa nas ciências da terra e para o desenvolvimento agrário. A detecção espacial por imagem de satélite das diferentes culturas tanto proveniente do agronegócio como da agricultura familiar é de fundamental importância para o planejamento governamental. As políticas agrícolas dependem de informações seguras para desenvolver estratégias para controlar estoque de alimentos, preços e desenvolvimento social. Neste contexto, o mapeamento da agricultura familiar torna-se um desafio ainda maior por ser formada por pequenos e médios produtores que exploram áreas de até 4 módulos fiscais, normalmente, com associação de diferentes culturas. O presente projeto possui como objetivo desenvolver novas abordagens para a detecção das culturas agrícolas por sensoriamento remoto, descrevendo a sua evolução tanto no setor do agronegócio como na agricultura familiar como auxílio à gestão governamental. Além disso, será realizado uma análise da fragmentação da paisagem de forma a estabelecer estratégias para minimizar os seus impactos. A pesquisa utilizará de diferentes imagens orbitais dentre elas o MODIS, a Sentinel e a Planet. Especificamente, as imagens Planet que são captadas por uma constelação de nanosatélites permite adquirir imagens com alta resolução temporal (atingindo até o final do ano duas imagens diárias) e espacial (3-5 metros) para a detecção acurada e monitoramento contínuo das áreas cultivadas. Diferentes métodos para classificação e detecção de mudança serão avaliados e desenvolvidos dentro de um programa livre que será disponibilizado para a sociedade. Além dos métodos tradicionais de aprendizagem de máquina será avaliado o emprego de métodos baseados em técnicas de aprendizagem profunda (depp learning) como as Redes Neurais Convolucionais para estruturas bidimensionais e Redes Neurais Recorrentes adequados para o tratamento de dados temporais. Desta forma, este projeto traz importantes inovações metodológicas que contribuirão no sistema de dados que subsidiará ações do Governo Federal, através do SEAD, CONAB e Terra Legal. As áreas prioritárias para o mapeamento da agricultura familiar são os municípios do Arco Verde na região Amazônica e do agronegócio o Mato Grosso, Oeste da Bahia e Rio Grande do Sul. O projeto também integra a participação da Universidade de Washington que possui ampla pesquisa em técnicas de processamento digital de sensoriamento remoto. O projeto está direcionado para resolver um problema premente da sociedade brasileira, onde os produtos da pesquisa e de desenvolvimento tecnológico adquirem um caráter de aplicação imediata nas atividades dos técnicos do Governo Federal.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Osmar Malaspina

Ciências Biológicas

Zoologia
  • pode uma espécie exótica representar a biodiversidade de abelhas sociais brasileiras nas avaliações de risco à agrotóxicos?
  • O Brasil é um dos países com maior biodiversidade de abelhas do mundo. Ao mesmo tempo, possui uma agricultura de ponta, importante economicamente, não só para o país, como para o mundo. Uma das características dessa agricultura é o uso de agrotóxicos para o controle de pragas, e que vem sendo apontado como uma das causas da diminuição da diversidade de número de abelhas. Essa diminuição tem impacto na manutenção das áreas nativas, mas também nas áreas cultivadas, principalmente naquelas dependentes de polinização. A proteção dessa biodiversidade e dos serviços de polinização depende diretamente de esquemas de avaliação de risco que sejam protetivos e que garantam a liberação de produtos que apresentem riscos dentro de níveis aceitáveis. No entanto, os esquemas de avaliação de risco adotados no país estão baseados na realização de testes com a espécie modelo Apis mellifera que não é uma espécie nativa. Isso se deve à falta de métodos padronizados para a realização dos testes com abelhas nativas do Brasil. Procurando garantir uma maior protetividade usa-se um fator de segurança da ordem 10, mas a falta de dados sobre a sensibilidade das abelhas nativas também aumenta a incerteza sobre este fator. Desta forma, com o intuito de contribuir com a solução desses problemas, os principais objetivos desse projeto são: desenvolver e padronizar métodos para determinar a toxicidade aguda oral e tópica de ingredientes ativos para abelhas nativas brasileiras adultas e na fase larval, construir curvas de sensibilidade que permitam identificar a validade do fator de segurança e verificar, através de análises do genome e transcriptoma de duas espécies sem ferrão, as semelhanças/diferenças em relação ao sistema de desintoxicação. Os resultados fornecerão subsídios para decisões futuras sobre a capacidade do híbrido Apis mellifera cobrir as rotas de exposição e as diferenças existentes entre as espécies e o delineamento de medidas de proteção mais específicos à biodiversidade brasileira.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 03/07/2018-31/07/2021
Foto de perfil

Osmar Olinto Möller Junior

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • plumas de rios como vetores principais da poluição marinha por plástico (plumplas)
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 22/07/2020-31/07/2023