Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alex Sander Souza do Carmo

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • os efeitos da internet no comércio internacional brasileiro: uma análise para produtos homogêneos e diferenciados
  • a partir dos anos noventa, com a popularização dos computadores pessoais, e mais recentemente, com a chegada dos smartphones, tablets, entre outras tecnologias de comunicação, a internet se popularizou no Brasil e no mundo, alterando profundamente a maneira com que as pessoas trocam mensagens, adquirem conhecimento, fazem amizades ou realizam as suas compras de produtos ou serviços. Apesar da internet fazer cada vez mais parte do cotidiano das pessoas e das empresas, praticamente, não existem estudos que analisam os efeitos da internet na economia brasileira, em especial, sobre o comércio internacional. Dessa forma, tendo como meta preencher essa lacuna, o presente projeto de pesquisa se propõe a analisar os efeitos da internet sobre o comércio internacional brasileiro, de produtos homogênes e diferenciados. A partir de um modelo gravitacional de comércio.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alex Sandro Campos Maia

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • viabilidade econômica e ambiental de estruturas de sombreamento com painéis fotovoltaicos para vacas leiteiras
  • A maior parte das 12 milhões de vacas leiteiras do rebanho brasileiro, que produzem 34 bilhões de litros de leite por ano, são manejadas a piquetes ou em confinamentos, enfrentando ao longo do ano condições de temperaturas do ar acima de 30°C e radiação solar superior a 800 W m-2 que causam estresse térmico, principalmente em animais de origem europeia e seus cruzamentos. O fornecimento de sombreamento artificial minimiza o estresse térmico melhorando o conforto térmico e o bem-estar dos animais, conforme mostraram vários trabalhos. No entanto, os custos de implantação de estruturas de sombreamento artificial tem sido a principal barreira para sua adoção. Inovar pode ser o caminho, gerando energia elétrica e sombreamento ao mesmo tempo para os animais utilizando painéis fotovoltaicos, pois o cenário é favorável. O preço dos módulos solares fotovoltaicos sofreu uma redução de aproximadamente 90% entre 2006 e 2016; a previsão futura indica uma queda anual por volta de 5,9%. Esse cenário torna a energia fotovoltaica viável e competitiva, além de ter as vantagens de ser renovável e não ter passivos ambientais. Assim, esse projeto quantificará (a) o impacto do sombreamento artificial utilizando painéis fotovoltaicos sobre o equilíbrio térmico de bovinos de leite (Holandês), (b) estimará a geração de energia elétrica dos painéis e (c) determinará a viabilidade econômica e os benefícios ambientais em se utilizar painéis fotovoltaicos para fornecer sombreamento artificial para a bovinocultura de leite brasileira. O impacto esperado desse projeto de pesquisa é em fornecer ao setor produtivo uma nova opção de estrutura de sombreamento artificial que produz energia limpa e renovável, enquanto melhora o conforto térmico e o bem-estar de vacas leiteiras e aumenta a receita financeira da propriedade.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alex Silva Ribeiro

Ciências da Saúde

Educação Física
  • efeitos de diferentes circuitos de treinamento com pesos sobre indicadores de síndrome da obesidade osteosarcopenica e saúde celular em mulheres idosas: um ensaio clinico controlado e aleatorizado
  • Introdução: O envelhecimento biológico vem acompanhado de modificações morfológicas, neuromusculares, dentre as quais podemos destacar aumento da gordura corporal, a redução de força e massa muscular que acarretam em prejuízos à saúde e qualidade de vida da população idosa. Neste sentido, o treinamento com pesos é uma estratégia recomendada para atenuar os processos deletérios induzidos pelo envelhecimento e promover melhora na saúde dessa população. Objetivo: Verificar o efeito de diferentes circuitos de treinamento com pesos sobre indicadores da síndrome da obesidade osteosarcopenica e saúde celular em mulheres idosas. Métodos: Mulheres idosas (≥ 60 anos), fisicamente independentes serão aleatoriamente separadas em três grupos, a saber: grupo treinamento em circuito com carga moderada, treinamento em circuito com carga leve e um grupo controle. O programa de treinamento com pesos irá ser realizado por um período de 12 semanas, com frequência de três sessões semanais, consistindo de oito exercícios. A força muscular será determinada utilizando o teste de uma repetição máxima, enquanto densidade mineral óssea, gordura corporal e massa muscular serão estimadas por densitometria radiológica de dupla energia, e o ângulo de fase será determinado por bioimpedância. Espera-se que as informações produzidas contribuam para um melhor entendimento sobre os benefícios proporcionados pela prática do treinamento com pesos, além de fornecer elementos sobre a prescrição adequada de treinamento com pesos para mulheres idosas.
  • Universidade Norte do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexander Birbrair

Ciências Biológicas

Morfologia
  • a função das células gliais no desenvolvimento tumoral
  • A invasão perineural, descrita como um processo em que as células tumorais crescem e migram ao longo de fibras nervosas, está relacionada com o crescimento e propagação do tumor (Ayala et al., 2008; Villers, McNeal, Redwine, Freiha, & Stamey, 1989). Trabalhos mais recentes, entretanto, descobriram um fenômeno diferente, onde o tumor em si é infiltrado por uma rede de projeções nervosas recém-desenvolvidas que regulam a iniciação e progressão do câncer (Magnon et al., 2013). Esses dados elevam, assim, o conceito inovador de que, alvejando o sistema nervoso periférico no tumor, será possível obter uma nova abordagem para tratar o câncer. Por outro lado, pouco se sabe sobre as células estromais associadas aos nervos periféricos no microambiente tumoral. As células de Schwann mantêm a integridade dos nervos periféricos e formam a bainha de mielina, que permite a condução dos potenciais de ação. Após a lesão do nervo periférico, as células de Schwann podem assumir um estado reativo e começar a desdiferenciar, proliferar e mediar a regeneração do axônio (Scholz e Woolf, 2007). Nossos dados preliminares sugerem a presença de células que expressam a proteína ácida fibrilar glial (GFAP), um marcador de células de Schwann, no microambiente do tumor. Além disso, foi demonstrado que a depleção das células GFAP+ em proliferação aumenta o crescimento do tumor. Sendo assim, o presente projeto foi elaborado com o objetivo de elucidar os mecanismos pelos quais as células de Schwann são capazes de regular a progressão tumoral. A investigação de caminhos inovadores pelos quais as células que envolvem as fibras nervosas alteram o comportamento do câncer pode levar a uma abordagem terapêutica inovadora para tratar o câncer.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-12/12/2021