Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Albertina Xavier da Rosa Corrêa

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • mulheres nas ciências exatas e engenharias: um despertar de competências para soluções ecológicas e sustentáveis
  • O lançamento de poluentes nos cursos hídricos é uma das principais causas de degradação dos ecossistemas naturais, e diretamente associado à veiculação de doenças. No Brasil, 40% da população não possui esgotamento sanitário, e grande parte que possui encontra-se na região sudeste. Ainda assim, apenas 45% do esgoto coletado é tratado adequadamente, agravando problemas urbanos, saúde pública e qualidade de vida. Nos últimos anos, profissionais das ciências exatas e engenharias vêm pesquisando tecnologias alternativas que solucionem ou minimizem os impactos gerados pela falta de saneamento básico. Apesar do número de mulheres cursando engenharia ter crescido 67,8% nos últimos 20 anos, ainda em 2018 as ciências exatas e engenharias são vistas como áreas predominantemente masculinas. Desta forma, o presente projeto tem como objetivo despertar a vocação profissional das alunas de escolas públicas, para as áreas de engenharias e ciências exatas, fortalecendo o aprendizado entre mulheres na resolução de questões socioambientais, com foco em saneamento básico. Para alcançar os resultados esperados serão realizadas ações junto às alunas e professoras de três escolas básicas dos municípios de Bombinhas (EEB Prefeito Leopoldo José Guerreiro), Camboriú (E.E.B. Terezinha Garcia) e Itajaí (E.E.B. Raul Bayer Laus), para a projeção de sistemas de tratamentos de efluentes utilizando técnicas de fitorremediação, ou seja, jardins flutuantes. Serão beneficiados, diretamente, mais de 1000 pessoas, entre alunos, professores e funcionários, e indiretamente toda a comunidade inserida no contexto das escolas. Em cada escola serão selecionadas as alunas que farão parte da equipe do projeto. Posteriormente, serão realizadas atividades teóricas e práticas, que proporcionem às alunas conhecimento científico sobre sistemas de tratamento de efluentes (fossa filtro, rede coletora e tratamento ecológico); parâmetros físicos da água e dos efluentes; jardins filtrantes; e vegetação aplicada às técnicas de fitorremediação. Serão também oportunizadas ações que permitam às alunas desenvolver técnicas de projeto nos softwares SketchUp e AutoCAD; construir os protótipos dos jardins flutuantes em ‘bancada’ manual – maquete, de acordo com a realidade de cada escola; e em impressora 3D. Durante o processo, serão ainda trabalhadas as competências acadêmicas das alunas por meio da elaboração de artigos científicos e apresentação dos resultados do projeto para a comunidade onde as escolas estão inseridas, bem como à comunidade acadêmica. As ações contemplarão atividades na Universidade, que propiciem a iniciação à pesquisa; atividades de divulgação das ações desenvolvidas no âmbito do projeto tanto nas escolas, quando para a comunidade acadêmica e por meio de redes sociais. Espera-se que, ao final do período de execução do projeto, as alunas das escolas estaduais contempladas, compreendam que possuem capacidade e competência para atuar nas ciências exatas e engenharias, utilizando o conhecimento científico no auxílio da resolução de problemas sócio ambientais causados pela própria ação humana. Além disso, espera-se que estas escolas sejam o início de ações locais para resolução de problemas que afetam toda a população, uma vez que as mesmas constituem espaços para a construção de soluções, aproximando a gestão pública e privada no comprometimento mútuo da resolução dos problemas ambientais e sociais.
  • Universidade do Vale do Itajaí - SC - Brasil
  • 22/03/2021-30/09/2022
Foto de perfil

Alberto de Barros Aguirre

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • carne orgânica: uma análise da cadeia de suprimento, seus custos e comercialização por valor justo
  • A busca para melhorar os meios de produção e agregar valor a um produto tem se tornado um importante diferencial e é meta organizacional de muitos produtores. Neste contexto está inserida a carne orgânica, a qual tenta sair do status de uma commodity e aspira um nicho de mercado com um poder aquisitivo maior do que a carne convencional. Este fenômeno, que o presente projeto almeja estudar, está dividido em quatro partes. A primeira envolve a análise da cadeia de suprimento para a carne orgânica, tratando esta parte como um estudo documental tendo como base a construção teórica de autores anteriores. Junto com esta, a segunda parte envolve em descrever os custos da cadeia de suprimentos deste produto final, tratando assim de um estudo de caso com natureza descritiva e exploratória do tipo qualitativa e quantitativa, envolvendo entrevista aberta com os agentes envolvidos nesta cadeia de produção. A terceira parte diz respeito a uma análise dos custos produtivos (a qual, será estudada a partir da etapa anterior). E a quarta e última etapa, a qual, envolverá as etapas anteriores e buscará procurar o valor justo de comercialização desse produto, o qual, este trabalho almeja estudar. Assim, este trabalho agregará contribuições efetivas para os produtores que trabalham na produção de carne, seja esta orgânica ou convencional, visando assim um melhor desempenho destes agentes envolvidos. Os futuros frutos deste trabalho implicarão em uma incrementação dos produtores brasileiros no cenário mundial de carne.
  • Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alberto Ferreira da Rocha Junior

Lingüística, Letras e Artes

Artes
  • diversidade sexual e teatro no brasil: visibilidade, minoritarismo e representação
  • Esta pesquisa tem como objetivo principal investigar, no âmbito da cena teatral produzida no Brasil, três noções caras aos estudos sobre diversidade sexual: a da visibilidade, a do minoritarismo e a da representação, de modo a permitir uma reflexão histórica e historiográfica sobre o teatro produzido no Brasil em suas relações com a diversidade sexual. Essas três noções são atualmente encontradas com bastante frequência em práticas discursivas (incluídos aqui textos militantes, midiáticos e teóricos, sendo ‘texto’ entendido aqui no sentido lato da palavra, incluindo debates orais, entrevistas, espetáculos teatrais, filmes, críticas etc.) e com elas têm se defrontado todas/todos aquelas/aqueles que trabalham com questões relativas aos direitos humanos em geral. Não se trata de discussão restrita às questões de diversidade sexual e de diversidade de gênero, mas uma discussão que pode ser ampliada para as discussões relativas ao racismo e ao capacitismo dentre outras. Nossa proposta é investigar as relações entre teatro no Brasil e diversidade sexual a partir das seguintes obras: O patinho torto, de Coelho Neto; Greta Garbo, quem diria, acabou no Irajá, de Fernando Melo; Blue Jeans, de Wanderley Aguiar Bragança e Zeno Wilde; e A ópera do malandro, de Chico Buarque. Do ponto de vista dos direitos humanos, utilizaremos as noções de visibilidade, minoritarismo e representação, do ponto de vista teatral, pretendemos investigar a cena a partir dos tensionamentos entre: comicidade e seriedade (compreendidos frequentemente como opostos nas discussões sobre teatro e direitos humanos); personagem e estereótipo (bastante presente e muitas vezes criticado na caracterização de personagens LGBT – Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros). Ao longo da pesquisa, pretendemos produzir comunicações, pôsteres, capítulos de livros e artigos científicos e um momento laboratorial cênico; pretendemos também continuar propondo projetos em nível de Iniciação Científica com recortes específicos dentro da presente proposta, e estimular a elaboração e o desenvolvimento de projetos em nível de Mestrado Acadêmico dentro da linha de pesquisa “Cultura, Política e Memória” no Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da UFSJ. É nossa intenção desenvolver ações extensionistas pontuais voltadas para a educação básica. No caso desta proposta, nossa intenção é enfatizar as ações de trabalhos com arquivos teatrais, fontes primárias e produção documental.
  • Universidade Federal de São João Del-Rei - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alberto Gustavo Paashaus Junior

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • vii feira de ciências do ifpb campus picuí (vii fecap-2021)
  • As Feiras de Ciências são eventos nos quais alunos são responsáveis pela comunicação de projetos planejados e executados por eles sob a orientação de um professor. Durante o evento, os alunos apresentam algum artefato tecnológico ou trabalhos que lhes tomaram várias horas de estudo e investigação, em que buscaram informações, reuniram dados e os interpretaram, sistematizando-os para comunicá-los ao público. Eles vivenciam, desse modo, uma Iniciação Científica Junior de forma prática, buscando soluções técnicas e metodológicas para problemas que se empenham em resolver. Assim, esta proposta tem por objetivo a realização de uma Feira de Ciências de abrangência estadual, com no mínimo 80 trabalhos científicos de estudantes do ensino fundamental, ensino médio e técnico, de escolas públicas e privadas de pelo menos 10% dos municípios do Estado da Paraíba, no IFPB Campus Picuí através da construção gradual do método científico junto aos discentes com enfoque nas potencialidades regionais para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia, conforme as regras definidas na Chamada CNPq/MCTIC Nº 17/2020. Para consecução do objetivo proposto, serão desenvolvidas as etapas prévias de formação de equipe técnica qualificada para a execução da proposta; captação de potenciais parceiros (Prefeitura e Estado); escolha do tema relacionado com a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT-2021); realização de um concurso de identidade visual da VII FEACAP; minicursos e oficinas preparatórias com participantes do evento; Divulgação ampla da Feira em todo o estado da Paraíba. A culminância do projeto se dará com a realização da VII Feira de Ciências do IFPB campus Picuí na qual haverá exposições de trabalhos científicos por alunos do ensino fundamental e médio; salas temáticas; oficinas e minicursos; Open Lab IFPB; competições; exibições e premiação dos melhores trabalhos. Espera-se atingir como resultados da proposta representações de pelo menos 28 municípios da Paraíba. Também é esperado pelo menos 700 inscrições de participantes em cem trabalhos, entre projetos, salas temáticas, oficinas e minicursos. Os premiados nas cinco categorias propostas (Mérito Científico, Ciências da Natureza, Matemática e suas tecnologias, Ciências Humanas e suas tecnologias e Trabalho de Nível Fundamental) além do Prêmio Meninas Cientistas, terão, após o evento, a possibilidade de desenvolverem seus projetos por meio do auxílio de bolsas de pesquisa e de apresentar seus trabalhos em feiras, amostras e competições nacionais ou internacionais.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba - IFPB - PB - Brasil
  • 05/01/2021-31/01/2023
Foto de perfil

Alberto Luiz Serpa

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • materiais poroelásticos - investigação e otimização de propriedades acústicas
  • Este projeto visa desenvolver competências na área de Acústica, com ênfase na caracterização e otimização das propriedades acústicas de diferentes tipos de materiais (espumas, fibras, materiais compósitos, blendas, etc). Os métodos de caracterização envolvem experimentos para determinar o coeficiente de absoração e a perda de transmissão sonora, que serão realizados em um tubo de impedância. Está sendo solicitado neste projeto um equipamento que permitirá determinar experimentalmente a resistividade ao fluxo de ar dos materiais, possibilitando a modelagem de problemas de propagação de ondas em materiais porosos/fibrosos. O projeto será desenvolvido no Departamento de Mecânica Computacional (DMC) da Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), que abriga atualmente o Laboratório de Vibroacústica (LVA). Os docentes vinculados ao LVA formam o grupo de pesquisas do CNPq sobre Identificação e Controle de Vibração e Ruído, cujo interesse é investigar diferentes temas relacionados à Acústica e Vibrações de Sistemas Mecânicos, entre eles a modelagem, a otimização, o controle, a caracterização de problemas dinâmicos, vibratórios e acústicos, e mais recentemente, a investigação de materiais/estruturas com propriedades otimizadas conforme algum critério de projeto. Estes materiais/estruturas são denominados Metamateriais e requerem a caracterização experimental de suas propriedades, de modo a possibilitar a melhoria do conforto acústico por exemplo em veículos e ambientes. Isto tem motivado os estudos para caracterização de materiais no LVA. Do ponto de vista dos materiais, pretende-se investigar mantas poliméricas obtidas por eletrofiação, e também materiais porosos considerados clássicos, tais como lã de vidro, lã de rocha e espuma de melamina. Um outro sistema de interesse que se pretende investigar são painéis acústicos perfurados que serão confeccionados a partir de placas eletrônicas provenientes do descarte de lixo eletrônico.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022