Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Patrick Teixeira Campos

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • química supramolecular de compostos aril halogenados
  • A Química Molecular tem, ao longo de muitos anos, desenvolvido uma ampla gama de muitos procedimentos poderosos para a construção de moléculas cada vez mais sofisticadas a partir de átomos ligados por ligações covalentes. Além da química molecular encontra-se a química supramolecular que visa à criação de sistemas químicos altamente complexos a partir de componentes que interagem através de forças intermoleculares não-covalentes. A química supramolecular é um campo altamente interdisciplinar (interseção entre química, biologia e física) da ciência, por exemplo: química de polímeros e ciência dos materiais, a química do estado-sólido e engenharia de cristal, as espécies de óptica não-linear, as interações biológicas e projeto de drogas, sensores e procedimentos de diagnóstico, nanociência e nanotecnologia, etc [1]. A química supramolecular é um campo de química intrinsecamente dinâmico. O design cristalino de moléculas orgânicas tem sido discutido como uma entidade supramolecular e vários pesquisadores têm focado em predizê-los usando dados teóricos, ou baseando seus resultados em dados experimentais de agregados em solução. Enquanto resultados experimentais demonstraram a existência de dímeros, trímeros e até mesmo agregados em solução, os resultados teóricos apresentaram uma tendência de design aplicável apenas a cristais específicos. [2] Para entender melhor como as interações são capazes de determinar a organização cristalina, os pesquisadores introduziram o conceito de “synthon supramolecular”. Atualmente, essa abordagem pode ser insuficiente para explicar as fracas interações, já que o conceito parece estar limitado a distâncias interatômicas com base nos raios de van der Waals. No entanto, se prestarmos atenção aos fatores topológicos associados a esses tipos de interações, pode-se perceber que eles têm um papel decisivo na formação do cristal. Além disso, há uma falta de suporte adequado de dados energéticos e uma falta de preocupação com moléculas desalinhadas, que são fortes limitações da abordagem do synthon. [3] Nos últimos anos Martins e colaboradores [4] desenvolveram uma nova percepção para o empacotamento cristalino com base nos dados energéticos e topológicos das interações intermoleculares. Eles levaram em consideração que ambas as partes (as moléculas) e o todo (o cristal) têm um papel importante nesse processo, que pela rede de interações dá-se origem ao surgimento do projeto estrutural. Para o processo de automontagem em moléculas orgânicas e design do cristal foi empregado o conceito de cluster supramolecular e parâmetros de superfície úteis, incluindo topológico/geométrico e energético. A química supramolecular engloba interações hóspede-hospedeiro incluindo a ligação de drogas, auto-organização dos sistemas naturais e artificiais, dispositivos moleculares, e engenharia de cristais. Ao invés das usuais ligações iônicas ou covalentes, uma grande variedade de forças intermoleculares mais fracas governam a química supramolecular. Estas interações incluem ligação de hidrogênio, π•••π, cátion-π, entre outras. Muitas vezes, vários tipos de interações não-covalentes operam simultaneamente. As estruturas do DNA, RNA e proteínas são estabilizadas por interações π•••π, e tem sido estimado que cerca de 60% das cadeias laterais aromáticas em proteínas apresentam este tipo de interação. Estas interações π•••π também influenciam a estrutura de muitos complexos hóspede-hospedeiro, auto-organização de arquiteturas supramoleculares e cristais orgânicos. [5] O projeto será desenvolvido a partir da síntese e do estudo estrutural de compostos orgânicos provenientes de reações de adição nucleofílica a carbonilas com substituintes aril halogenados. As carbonilas empregadas serão de aldeídos, cetonas, nitrilas e derivados de ácidos carboxílicos já substituídos com um anel benzênico halogenado. Os nucleófilos utilizados serão nitrogenados como anilinas, hidroxilamina e hidrazinas gerando amidas, iminas, oximas, hidrazonas, amidinas, amidoximas e amidrazonas como produto. Estes produtos nitrogenados aril halogenadas apresentam características interessantes para estudos estruturais, principalmente, supramoleculares visando a avaliação das interações intermoleculares. Por exemplo, o anel benzênico pode apresentar interações intermoleculares do tipo π∙∙∙π entre dois anéis, embora a presença de halogênios neste anel possa provocar interações entre eles, do tipo lone pair∙∙∙π. Além disso, átomos de halogênios podem participar de interações intermoleculares via σ-hole entre eles ou com nitrogênio. A presença de hidrogênio na molécula permite a formação de fracas e fortes ligações de hidrogênio. Assim, compostos aril halogenados podem ser considerados modelos supramoleculares interessantes devido a uma vasta possibilidade de interações intermoleculares diferentes. Além disso, a posição do halogênio, bem como, a mudança do próprio halogênio no anel benzênico são variáveis que podem indicar o efeito do substituinte no empacotamento cristalino dessas estruturas. Este efeito do substituinte pode ser justificado através dos valores de energia de cada tipo de interação obtidos com os cálculos teóricos de orbitais moleculares podendo assim até mesmo determinar a sequência de interações intermoleculares para a formação do cristal. Além disso, o estudo supramolecular se estenderá no campo topológico das moléculas determinando o número de moléculas na primeira esfera de coordenação e a área de contato estre as moléculas que estão interagindo. Estes estudos serão possíveis a partir de dados de difração de raios-x em monocristal. Assim, o projeto tem como objetivo implementar uma linha de pesquisa na área de química supramolecular de moléculas orgânicas e síntese orgânica, além da formação de recursos humanos qualificados nesta área.
  • Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Andrea de Albuquerque Salles Navarro

Ciências da Saúde

Medicina
  • o impacto da vitrificação de oócitos murinos na prole: epigenética, fertilidade e comorbidades
  • A vitrificação de oócitos, estabelecida desde 2013, representa um dos grandes avanços das técnicas de reprodução assistida, apresentando taxas de nascidos vivos similares a de oócitos frescos. Contudo, a maioria dos estudos que avaliam o impacto desta técnica na prole, envolve dados perinatais, neonatais e de curto prazo, como incidência de anormalidades cromossômicas, peso ao nascer e anomalias congênitas. Desta forma, estudos a longo-prazo que investiguem a prole proveniente de oócitos criopreservados são extremamente necessários. Portanto, o objetivo deste projeto é avaliar as comorbidades metabólicas, o comprimento de telômeros e as alterações epigenéticas na prole oriunda de oócitos murinos vitrificados. A partir dos oócitos desvitrificados, será analisada sua taxa de sobrevivência em comparação com os oócitos frescos. Em seguida à transferência embrionária, também será verificada a taxa de nascidos vivos. Na vida adulta, será conduzida a investigação de possíveis comorbidades metabólicas, por meio da análise da pressão arterial e dos perfis glicídico e lipídico. Além disso, será analisado o perfil de metilação de DNA para identificação de possíveis processos biológicos e redes de interação molecular relacionadas a distúrbios epigenéticos em diferentes tecidos da prole. Ademais, será executado a qPCR para determinar o comprimento telomérico em leucócitos, como forma de estimar a duração de vida da prole. Acreditamos que este estudo pode fornecer maiores informações sobre os impactos da criopreservação, especificamente da vitrificação oocitária, na prole. Tais achados terão potencial de aplicabilidade na reprodução humana assistida, em vista da dificuldade e da delonga na obtenção de dados clínicos.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Barros Terraciano

Ciências da Saúde

Medicina
  • efeitos modulatórios da ausência de estrogênio sobre a atividade de calicreína, enzimas pró-trombóticas e a produção de cininas no sistema vascular e renal de ratas ovariectomizadas hipertensas
  • O período pós-menopausa traz uma série de mudanças fisiológicas para o corpo da mulher, incluindo a redução nos níveis hormonais ovarianos, podendo afetar os sistemas cardiovascular e renal bem como a coagulação sanguínea. Uma das mudanças observadas nesse período é o aumento da pressão arterial, sugerindo que possa haver modulação do sistema de controle de pressão arterial pelos hormônios ovarianos. A reposição hormonal de estrogênio tem sido relacionada com a melhora de algumas funções, indicando um efeito protetor do estrogênio para alguns sistemas. Estudos têm mostrado que o estrogênio, através da ligação aos seus receptores, é capaz de modular a atividade de enzimas, expressão de receptores e geração de peptídeos vasoativos dos sistemas de controle vascular e renal. Entretanto, o mecanismo pelo qual o estrogênio modula esses sistemas ainda não está claro. O objetivo deste trabalho é estudar os mecanismos modulatórios do estrogênio sobre os sistemas de controle vascular, especialmente o sistema calicreína-cininas, enzimas pró-trombóticas e a produção de cininas no sistema vascular e renal de ratas ovariectomizadas hipertensas. Para tanto, serão utilizadas ratas adultas SHR (Spontaneous Hypertensive Rats) submetidas à procedimento cirurgico para remoção dos ovários e serão avaliados dados referentes a coagulação sanguínea, agregação plaquetária, atividade do complexo protrombinase, atividade ativadora de calicreína, parâmetros de função renal, inflamação e marcadores moleculares, enzimas e receptores do sistema das cininas, marcadores de estresse oxidativo e ensaios em células da musculatura lisa e de aorta. Espera-se, com este trabalho, compreender melhor os mecanismos pelos quais a redução do estrôgenio afeta os sistemas de regulação da pressão arterial e de coagulação em mulheres no período pós-menopausa.
  • Hospital de Clínicas de Porto Alegre - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Cristina Nogueira

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • prevalência de lesão por pressão e fatores associados em unidades de terapia intensiva.
  • A lesão por pressão (LP) é uma das complicações mais frequentes da hospitalização, especialmente nos pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Além das repercussões para o paciente e família, há as repercussões econômicas para os serviços de saúde. Objetivos: identificar e analisar a prevalência pontual de LP e LP relacionada a dispositivo médico (LPRDM) em pacientes adultos e idosos internados em UTI e os fatores demográficos e clínicos associados a sua ocorrência, e propor um protocolo para prevenção dessas lesões em UTI. Método: Estudo epidemiológico, coorte prospectiva, quantitativo, parte de um projeto de pesquisa multicêntrico internacional com vários países envolvidos. O estudo será conduzido nas UTIs de hospitais públicos, universitários e privados localizados no município de São Paulo e Campinas. A população será composta por todos os pacientes internados nas UTIs na data de coleta de dados. Para a coleta será utilizado um instrumento com variáveis sociodemográficas, clínicas e das LP. Após 84 dias da coleta, os pacientes avaliados deverão ser rastreados, pelo registro do prontuário, para a verificação do status de sobrevivência. Para as análises será empregada a estatística descritiva e inferencial. Resultados Esperados: Espera-se, com os resultados obtidos, conhecer a prevalência de LP em UTI, especialmente das LPRDM, com vistas a propor um protocolo de prevenção, considerando as especificidades e população atendida em cada UTI. Espera-se ainda que estes benefícios alcancem a população atendida pelas UTIs e outras populações, a partir da publicação dos resultados.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Cristina Trevilatto

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • apoio a formação de doutores em áreas estratégicas pucpr
  • Vide projeto anexo
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 03/03/2020-02/03/2025
Foto de perfil

Paula Cristina Trevilatto

Ciências da Saúde

Odontologia
  • análise proteômica, imuno-histoquímica e genética em pacientes com desarranjos internos da articulação temporomandibular (atm)
  • Introdução. A articulação temporomandibular (ATM) é bilateral, e de fundamental importância para a mastigação e fonética. A ATM humana está em constante remodelação e fatores genéticos e influências do meio externo como hábitos parafuncionais participam nessa remodelação e adaptação dos tecidos articulares. Quando há alteração do equilíbrio devido à falta de adaptação, ocorre a disfunção da articulação temporomandibular (DTM). A DTM acomete parte da população causando dor, alteração funcional, e comprometendo a qualidade de vida destas pessoas. As vias metabólicas possivelmente envolvidas neste processo de disfunção podem ser: inflamatória e hormonal. Objetivo. O objetivo da presente pesquisa é investigar a associação de alterações em vias inflamatória e hormonal, por meio de análise clínica, sorológica, proteômica, imuno-histoquímica e genética em pacientes com e sem disfunção da articulação temporomandibular. Metodologia. Para análise clínica, genética e sorológica: será coletada uma amostra de 200 pacientes, sendo 100 pacientes do grupo teste com deslocamento de disco com redução (n=50) e com deslocamento de disco sem redução (n=50), e 100 pacientes do grupo controle. Análise imuno-histoquímica: destes 200 pacientes, serão utilizadas 30 amostras de disco articular, sendo 20 do grupo teste [amostras de pacientes apresentando deslocamento de disco com (n=10) e sem (n=10) redução)], e 10 do grupo controle. Além disso, será realizada análise dos côndilos mandibulares dos pacientes com hiperplasia de côndilo. Análise proteômica: dos 200 pacientes, serão utilizadas 9 amostras coletadas de disco articular e líquido sinovial, sendo 3 de pacientes do grupo controle, 3 com deslocamento de disco com redução e 3 com deslocamento de disco sem redução. Análise estatística: Serão realizadas análises uni e multivariadas. Para a análise multivariada será ajustado um modelo de Regressão Logística, seguido da aplicação do teste de Wald. O nível de significância será de p<0.05.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula de Miranda Ribeiro

Ciências Sociais Aplicadas

Demografia
  • mama - mães adolescentes muitos anos atrás: fecundidade na adolescência na perspectiva das mulheres de 30 em belo horizonte, brasília, campinas, curitiba, natal e rio de janeiro
  • Entre 1980 e 2000, a Taxa de Fecundidade Total (TFT) brasileira experimentou uma importante queda, mas a Taxa Específica de Fecundidade (TEF) das mulheres de 15 a 19 anos continuou subindo, fazendo com que o peso da fecundidade na adolescência em relação à fecundidade total aumentasse nas últimas duas décadas do século passado. Somente em 2010 foi observada uma queda na TEF das mulheres entre 15 e 19 anos, o que não reduz a relevância do tema na agenda acadêmica e das políticas sociais, sobretudo pelos possíveis impactos que ter tido filho(a) na adolescência pode ter no futuro dessas mulheres. O objetivo central deste projeto é investigar como mulheres de 30 a 39 anos, que foram mães na adolescência, percebem a relação da fecundidade na adolescência com suas trajetórias de vida. Mais especificamente, este estudo pretende investigar como tais mulheres percebem o efeito que a fecundidade na adolescência teve em suas vidas no que tange às relações familiares, à escolaridade, à inserção no mercado de trabalho, ao estabelecimento de vínculos conjugais com um parceiro ou parceira e à formação de família. Para atingir o objetivo proposto, o estudo lançará mão de uma técnica qualitativa de pesquisa, a entrevista semiestruturada, na perspectiva de curso de vida. Serão entrevistadas 120 mulheres, 20 residentes em cada um dos seis municípios: Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Natal e Rio de Janeiro. A expectativa é de que os resultados do projeto possam contribuir para ampliar a compreensão de questões relacionadas à fecundidade na adolescência, particularmente aquelas relacionadas ao efeito que a gravidez e o nascimento de um filho exercem nas trajetórias de vida das mulheres, bem como informar às e aos adolescentes sobre possíveis consequências desse evento demográfico. Embora exista um número expressivo de trabalhos que analisam a questão, poucos são os que abordam as percepções de mulheres de diferentes localidades e inseridas em diferentes realidades, tendo experimentado tal evento já há algum tempo, e menos ainda são os que se propõe a informar diretamente a população-alvo da pesquisa sobre os seus resultados. Assim, os resultados deste estudo podem fornecer subsídios importantes para gestores, pesquisadores e adolescentes preocupados com a dimensão da fecundidade na adolescência e com os impactos que esse evento pode ter nas trajetórias educacionais, de trabalho, formação de família e relacionamentos futuros das mulheres.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula de Oliveira Ribeiro Alho

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • investigação dos efeitos calóricos em compostos de coordenação com spin crossover e intermetálicos
  • Atualmente a maioria dos refrigeradores são baseados na compressão e descompressão de um gás, geralmente, compostos de cloro, flúor e carbono, os chamados CFCs; ou de hidrogênio, cloro, flúor e carbono os HCFCs. Gases estes apontados como os principais responsáveis pela destruição da camada do ozônio e pelo efeito estufa. Os efeitos calóricos correspondem a mudanças na temperatura dos materiais quando há uma variação de campos externos, e se apresentam como ótimos substitutos para os gases. Tais efeitos são caracterizados por dois potenciais termodinâmicos: variação isotérmica da entropia e variação adiabática da temperatura, sob a variação de um campo externo, que pode ser: campo magnético (magnetocalórico, EMC), elétrico (eletrocalórico) e pressão (barocalórico). Nesse projeto investigaremos teoricamente os efeitos calóricos e magnetoresistivo (MR) em compostos intermetálicos, tais como Tb-Y-Sb, DyAl2 e PrNi5, assim como apresentam mudança de spin (spin crossover). O efeito MR consiste na mudança da resistividade elétrica de um material quando submetido a ação de um campo magnético. É interessante citar que em diversos compostos há uma correlação muito forte entre as curvas de variação isotérmica da entropia e variação da resistividade, para o caso do EMC usual, como na família RAl2. No entanto, há uma lacuna na literatura a respeito dessas correlações para o caso do EMC não usual. Por exemplo, o EMC anômalo anisotrópico do DyAl2 e o EMC inverso do PrNi5. No caso da série, Tb-Y-Sb, será investigada a substituição de térbio por ítrio, e como isso interfere nos potenciais termodinâmicos. O composto TbSb já foi investigado anteriormente e apresenta semelhanças nas curvas de variação isotérmica da entropia e variação da resistividade, coincidindo inclusive as temperaturas onde ocorre a mudança de sinal em ambas grandezas. Com relação a aplicação, um bom material sólido refrigerante deve apresentar os seguintes requisitos Físicos: 1) valores altos de variação isotérmica da entropia e variação adiabática da temperatura, quando submetidos a variações baixas dos campos externos; 2) grande intervalo de temperatura ao redor da temperatura desejada de refrigeração e 3) as menores perdas por histerese possíveis (reversibilidade). Contudo, é muito difícil conseguir os três requisitos simultaneamente. Neste contexto, os compostos com spin crossover, que apresentam uma transição de fase de um estado, de baixo spin (S = 0) para um estado de alto spin (S diferente de 0), aparecem como bons candidatos.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Dentzien Dias Francischini

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • paleo e neoicnologia da planície costeira do rio grande do sul
  • A costa do Rio Grande do Sul apresenta a conjunção de vários fatores que favorecem a formação dos sistemas Laguna-Barreira, com depósitos de origem continental e marinha. Esta deposição sedimentar vem ocorrendo desde o início da formação da Planície Costeira do Rio Grande do Sul (PCRS), no Pleistoceno, levando a formação de IV depósitos Laguna-Barreira, sendo o I o mais antigo e o IV o atual. Estudos detalhados dos fósseis de animais que viveram na Planície Costeira do Rio Grande do Sul vêm sendo realizados com ênfase nos vertebrados e invertebrados. Entretanto, os icnofósseis não tem recebido a devida atenção. Sendo assim, propõe-se a realização de trabalhos de campo para a Planície Costeira do Rio Grande do Sul com o objetivo de descrever e identificar os traços fósseis e atuais encontrados nos diferentes depósitos. Através destes traços, se buscará identificar se houve mudança faunística significativa nas Barreiras, além de descobrir quais traços possuem maior chance de serem preservados, inferindo modelos tafonômicos. Dessa maneira, espera-se integrar os dados de trabalhos anteriores com os que serão coletados, aprofundando o conhecimento do Quaternário e procurando incrementar as pesquisas em uma área até então pouco explorada. Além de integrar dados icnológicos e sedimentológicos, fornecer subsídios para elucidar questões sobre a evolução da história geológica do extremo sul do Brasil ao longo do Quaternário.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021
Foto de perfil

Paula Gonçalves da Silva

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • semana universitária da universidade de pernambuco - campus caruaru (super 2020)
  • O objeto deste projeto é a execução do evento denominado Semana Universitária da UPE Caruaru (SUPER 2020) que ocorrerá de 20 a 22 de outubro de 2020, em formato on-line, e seus desdobramentos através da divulgação científica com a transmissão de vídeos on-line que ocorrerão até dezembro de 2020. A SUPER 2020 tem como objetivo geral fomentar o debate sobre ciência e tecnologia no agreste pernambucano. De forma complementar visa a divulgação dos projetos de pesquisa e extensão desenvolvidos pela UPE Caruaru e demais universidades da região, a fim de fomentar e estimular o desenvolvimento da ciência na localidade, além de estimular o pensamento crítico e o caráter inquiridor dos cidadãos envolvidos. Também é objetivo da SUPER 2020 a divulgação dos cursos de graduação da UPE Caruaru e universidades ao entorno, a fim de encorajar o acesso às universidades e a busca por conhecimento científico e tecnológico, estimulando a livre circulação do conhecimento em todas as camadas da sociedade brasileira, especialmente no interior do Estado de Pernambuco. A SUPER 2020 atende fortemente ao tema da SNCT 2020 – “ Inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira” pois abordará sob diferentes aspectos como a inteligência artificial aumenta as chances de sucesso na transformação digital. As principais atividades planejadas Jornada Científica e de Extensão (JCE), Portas Abertas Virtual, UPE Gils, Palestras e Comunicação Científica.
  • Universidade de Pernambuco - PE - Brasil
  • 26/10/2020-31/07/2021
Foto de perfil

Paula Guimaraes Simoes

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • observatório de celebridades: emergência, ação e permanência dos famosos no contexto brasileiro
  • O objetivo desta pesquisa é construir um panorama de celebridades que povoam a cena pública brasileira, bem como compreender a inserção social e histórica de tais figuras nesse contexto. A pesquisa busca, assim, constituir um observatório de celebridades, identificando seus modos de emergência (por sua inserção em um acontecimento ou por um desempenho louvável em determinada atividade, por exemplo) e evidenciando a diversidade de campos em que elas se situam. Com isso, procuramos apreender a diversidade de tipos construídos nos processos de celebrização – suas semelhanças e distinções –, assim como discutir os valores que tais figuras encarnam e que as projetam no cenário de visibilidade. Partindo desse mapeamento, a pesquisa busca analisar as celebridades a partir de seus diferentes campos de atuação (esporte, política, televisão, Internet, por exemplo), buscando compreender distintos modos de ação e de constituição de imagens públicas na contemporaneidade. Nesse sentido, a pesquisa se agrega a outros esforços na tentativa de aprofundar a compreensão acerca da relação entre a cultura das celebridades e o universo de valores da sociedade brasileira contemporânea. O desenho metodológico é ancorado na perspectiva pragmatista, que aponta para o domínio da experiência ou da observação da empiria: a princípio, um monitoramento de mídia está sendo realizado para identificar os sujeitos célebres a serem analisados. Definido o recorte empírico, a coleta de dados para a composição do corpus será feita em espaços diversos como jornais, revistas e portais na internet, além de programas de TV e redes sociais digitais. Após a sistematização dos dados, procederemos a uma análise da ação das celebridades, no intuito de compreender: seus modos de emergência na cena pública; seu envolvimento em acontecimentos de destaque; suas atitudes e posturas na cena pública; sua duração no cenário de visibilidade; os valores destacados e/ou criticados em sua performance pública; semelhanças e distinções nos modos de ação e constituição de imagens públicas nos vários campos de atuação das celebridades.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Karini Dias Ferreira Amorim

Outra

Multidisciplinar
  • 11ª jornada de iniciação científica e extensão do ifto – jice 2020 inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira
  • Jornada de Iniciação Científica e Extensão (JICE) é uma evento estadual realizado anualmente pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO), o qual envolve todas as suas 11 unidades, distribuídas de norte a sul do Estado do Tocantins, a Reitoria, seus 21 polos de educação a distância e também outras instituições parceiras. O evento tem o intuito de despertar a vocação científica e incentivar novos talentos entre os estudantes por meio de projetos de pesquisa, extensão e inovação, bem como oportunizar a troca de experiências entre pesquisadores e extensionistas de áreas afins, estudantes dos diversos níveis de formação da rede pública e particular, além dos setores produtivos e da comunidade externa interessada no evento. Para tanto, proporciona um espaço de divulgação e desenvolvimento do pensamento técnico-científico, bem como de produção e discussão dos trabalhos resultantes dos projetos de pesquisa, de extensão e de inovação dos servidores e estudantes do Instituto Federal do Tocantins, das demais instituições parceiras e comunidade interessada.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins - TO - Brasil
  • 23/10/2020-30/04/2021
Foto de perfil

Paula Martins Horta

Ciências da Saúde

Nutrição
  • impacto da regulação da publicidade televisiva de alimentos direcionada às crianças no consumo alimentar e obesidade infantil no brasil
  • O padrão alimentar da população brasileira alterou-se desfavoravelmente nas últimas décadas: gêneros básicos importantes para a boa nutrição tiveram sua participação na dieta reduzida em detrimento ao consumo de produtos ultraprocessados. Tal padrão de alimentação encontra-se diretamente relacionado à epidemia de obesidade infantil, atualmente instalada no país. De acordo com a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) de 2008-2009 uma a cada três crianças em idade escolar está acima do peso ideal. Dentre os determinantes ambientais dessa mudança, tem destaque a publicidade de alimentos e bebidas não alcoólicas. A exposição excessiva à propaganda de alimentos resulta na piora dos hábitos alimentares em decorrência de mudanças na percepção dos indivíduos acerca da definição de alimentação saudável. Tal relação é especialmente relevante entre crianças, indivíduos cuja percepção sobre a saúde encontra-se em formação. Além disso, sabe-se que a exposição precoce ao marketing de alimentos pode contribuir para a fidelização da criança à marca de um alimento, o que pode durar por toda a sua vida. O estudo da publicidade de alimentos e de seu impacto nas escolhas alimentares é recente e tem sido principalmente destinado à publicidade televisiva orientada às crianças. Esses dados têm mostrado grande participação de alimentos não saudáveis nas peças publicitárias, somada ao uso de técnicas de marketing persuasivas e abusivas. No Brasil, o Código de Defesa do Consumidor (CDC) traz elementos de proteção contra a publicidade enganosa, incluindo a obrigação de fornecer informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços. A Resolução 163/2014 do CONANDA (Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente) trata especificamente da publicidade infantil e considera abusiva a publicidade e comunicação mercadológica dirigida às crianças menores de 12 anos, definindo especificamente as características dessa prática. Apesar disso, verifica-se inadequação das propagandas televisivas no Brasil segundo as definições dessas legislações, o que denota a importância se valer cumprir as leis e impor maior restrição às indústrias na veiculação de suas propagandas no meio televisivo. Diante disso, propõe-se um estudo de metodologia quantitativa de duração de 18 meses que pretende estimar o impacto da regulação da publicidade televisiva de alimentos direcionada às crianças no consumo alimentar e ocorrência de obesidade infantil no Brasil. O público-alvo serão crianças de 8 à 12 anos de idade. A proposta de regulação consiste em proibir a veiculação de qualquer propaganda de alimentos identificados com excesso ou presença de nutrientes críticos durante a programação televisiva brasileira aberta ou fechada no horário compreendido entre 6h00 às 22h00. Para definição de alimentos com excesso ou presença de nutrientes críticos serão adotados os modelos propostos pela: (1) Organização Pan-americana de Saúde (OPAS) e (2) pela ANVISA para a rotulagem nutricional frontal, que atualmente está em Consulta Pública (número 707/2019). Para avaliação do impacto da regulação da publicidade televisiva de alimentos no Brasil sobre o consumo alimentar e estado nutricional de crianças brasileiras, será obtida uma estimativa da efetividade deste tipo de restrição sobre o consumo alimentar em estudos de intervenção natural de elevada qualidade científica, disponíveis na literatura. A partir dos dados da literatura, será definida a estimativa da mudança de consumo calórico (em kcal) por minuto de exposição à publicidade televisiva. Visando corrigir a limitação de validade externa decorrente do uso de dados secundários para avaliação de impacto de políticas públicas, um fator de correção de 50% será aplicado para extrapolação para contextos reais e de longo prazo. O efeito identificado em kcal por minuto de exposição será transformado em efeito diário tendo em vista o tempo médio de exposição diária de crianças à televisão, a ser obtido dos relatórios do Instituto Brasileiro de Opinião e Estatística (IBOPE), e a incidência de propagandas televisivas de alimentos do Brasil, obtidos pela equipe proponente deste projeto em pesquisa anterior, na qual os três canais de maior audiência da TV aberta e fechada brasileira foram estudados. A programação corrida de cada um dos canais foi gravada de forma simultânea das 06h às 24h durante oito dias de abril de 2019 escolhidos de forma aleatória. Todas as propagandas de alimentos presentes nas programações dos dois tipos de canais foram registradas e identificadas quanto ao seu processamento industrial e perfil nutricional. Finalmente, a partir da informação de incremento do consumo calórico diário na população de crianças, a estimativa da mudança no peso corporal será realizada usando as equações validadas de Hall et al (2013). Para condução das análises do estudo, serão utilizados dois bancos de dados pré-existentes que contemplam dados de consumo alimentar e antropometria de crianças brasileiras: o banco de dados do Inquérito Nacional de Alimentação (INA) integrante da POF de 2008-2009, que possui dados do consumo alimentar individual em dois dias não consecutivos de amostra representativa de crianças brasileiras de 10 a 12 anos de idade; e o banco de dados de pesquisa de domínio da coordenadora da presente proposta, que contempla dados de consumo alimentar individual de crianças de 8 à 10 anos de escolas públicas municipais de Belo Horizonte no período de 2013-2015. A análise dos dados contemplará a análise de impacto da regulação proposta, considerando o modelo de perfil nutricional da OPAS e ANVISA. As alterações identificadas serão estratificadas por sexo, idade, região do país, renda e tipo de residência e de acordo com o dia da semana e o tipo de canal. Para essas análises será realizada comparação de proporções/médias e intervalo de confiança de 95% (IC 95%). O projeto atende os preceitos éticos da Resolução 466/2012.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 07/01/2020-31/01/2022
Foto de perfil

Paula Pereira Torga

Ciências Agrárias

Agronomia
  • melhoramento genético preventivo do feijão-comum para resistência ao crestamento bacteriano aureolado (pseudomonas syringae pv. phaseolicola)
  • A bactéria Pseudomonas syringae pv. phaseolicola (Burkholder) Young et al., conhecida pelas iniciais “Psp”, causa o crestamento bacteriano aureolado do feijoeiro (em inglês, “halo blight of common bean”), doença de grande impacto econômico para a cultura do feijão em dezenas de países do mundo. A bactéria é um organismo quarentenário, ainda inexistente no Brasil, maior produtor e consumidor mundial de feijão, com potencial de causar grandes prejuízos econômicos no país caso seja introduzida. Epidemias de Psp possuem um alto poder destrutivo, diminuindo o potencial produtivo do feijoeiro em mais de 50%, e afetando sobremaneira a qualidade dos grãos. Para prevenir ou minimizar o impacto da doença, medidas quarentenárias foram adotadas pelos países onde a bactéria ainda não foi relatada, incluindo o Brasil. Se for introduzida no Brasil, a bactéria poderá ter impacto relevante em regiões mais altas, de temperatura amena e noites frescas. Os danos causados pelo patógeno podem ser reduzidos com o emprego de medidas de controle como o emprego de sementes sadias, eliminação de restos culturais, manejo adequado de irrigação evitando sistemas de aspersão (quando possível), entre outras. Mas a maneira mais eficiente de controlar a doença, no entanto, é por meio do emprego de genes de resistência pelos programas de melhoramento genético, juntamente com medidas de manejo integrado de pragas. O crescente emprego de irrigação por aspersão na produção de feijão no Brasil requer o desenvolvimento antecipado de variedades de feijoeiro resistentes ao crestamento bacteriano aureolado. Desta forma, o principal objetivo deste projeto é desenvolver estoques genéticos de feijão carioca resistentes ao crestamento bacteriano aureolado. Retrocruzamentos assistidos serão realizados com marcadores SSR ou SNP de background, visando uma melhor amostragem do genoma recorrente, a seleção de plantas mais próximas geneticamente deste genitor e a rápida introgressão da resistência ao crestamento bacteriano aureolado proveniente de duas fontes distintas (‘ZAA 12’ e ‘BelNeb-RR-1’) na cultivar de grãos carioca BRS Estilo.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paula Sandrine Machado

Ciências Humanas

Psicologia
  • produção de subjetividade, tecnologias de governo e as relações com a cisheteronorma: trajetórias de vida no que tange à orientação sexual e à identidade de gênero
  • O objetivo geral da pesquisa é compreender como os sujeitos se constituem a partir dos efeitos de verdade dos discursos aos quais foram expostos nas suas trajetórias de vida no que tange à orientação sexual e à identidade de gênero. A pergunta de fundo recai sobre o modo como são produzidas, nas trajetórias dos diferentes sujeitos, relações particulares, não lineares e complexas com a cisheteronorma. Ao pensarmos a construção da norma e de regimes de verdade pelo Estado estamos particularmente interessados nos processos de produção de sujeitos e sua relação com esses jogos de verdade e essas tecnologias de governo. Nos processos de legitimação de certas populações e subjetividades, na construção de regimes de verdades e na legibilidade de certos corpos e sexualidades pelo Estado, interessa-nos entender a complexidade por trás da conformação das trajetórias dos sujeitos perante as normas jurídico-científico-sociais, dando especial atenção aos processos de subjetivação. Do ponto de vista metodológico, adotaremos como técnica de investigação social privilegiada a entrevista etnográfica. Utilizaremos a noção de trajetórias de vida, considerando os debates em torno do uso de narrativas biográficas ou auto-biográficas e sua relação com a etnografia. Serão realizadas, no total, aproximadamente entrevistas com 40 pessoas cis e trans (transexuais, travestis e transgêneros), que hipoteticamente estabelecem diferentes relações com a cisheteronorma. Elegemos 3 principais grupos de pessoas entrevistadas, maiores de 18 anos e residentes na cidade de Porto Alegre e Grande Porto Alegre: 1) Artistas cujas performances estejam situadas no campo das desconstruções de gênero e sexualidade; 2) Ativistas LGBTTI; 3) Pessoas que trabalhem em campos considerados legítimos no que concerne a normas referentes ao gênero e sexualidade - operadores/as do direito; profissionais de saúde; profissionais da educação.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021
Foto de perfil

Paula Schmidt Azevedo Gaiolla

Ciências da Saúde

Medicina
  • influência da suplementação de proteína e creatina na degeneração do músculo esquelético, capacidade funcional e qualidade de vida após acidente vascular cerebral
  • O acidente vascular cerebral (AVC) é uma disfunção neurológica aguda de origem vascular, com desenvolvimento súbito de sinais clínicos de distúrbios da função cerebral com duração de mais de 24 horas. É a principal causa de incapacidade na vida adulta e os pacientes nesta fase tornam-se, em geral, mais suscetíveis às perdas de peso involuntárias, ocorrendo com frequência redução do apetite, disfagia, depressão e alterações da mobilidade, com consequente dependência funcional, além da possibilidade da redução da massa muscular e desenvolvimento de sarcopenia representando um fator de risco poderoso para a fragilidade. Durante o período de internação, logo após o AVC, intensifica-se a inatividade física, alterações inflamatórias, alterações neuro-humorais e carência nutricional, que já são comuns em todo período tardio pós o evento. Indivíduos idosos apresentam maior necessidade proteica e a suplementação com proteína e creatina pode melhorar a sua massa muscular. No entanto, a ação da suplementação de nutrientes específicos em indivíduos que com AVC durante a internação ainda é pouco conhecida. O objetivo será avaliar se a suplementação de proteína e creatina durante a internação promove melhora da capacidade funcional e qualidade de vida após 90 dias do AVC. Adicionalmente, avaliar os mecanismos envolvidos na degradação muscular durante o período de internação. Metodologia: Trata-se de ensaio clínico randomizado e duplo-cego no qual serão incluídos 40 homens idosos durante internação por AVC. Os pacientes serão divididos em dois grupos: PC: receberão suplementação com proteína, em dose já recomendada pela literatura + creatina ou PP: receberão proteína, em dose já recomendada pela literatura + placebo. Os dois grupos terão atendimento de fisioterapia convencional. Nas primeiras 24h e no sétimo dia serão avaliados degradação muscular por meio da dosagem de 3-metil-histidina e composição corporal por água marcada pela técnica de isótopos marcados. Serão avaliados dosagens hormonais de insulina e IGF-1 e dosagem de marcadores inflamatórios como interleucina-6 e metaloproteases. Para a comparação entre as variáveis e da variação das variáveis durante os 7 dias, serão utilizados o teste t de Student se as variáveis apresentarem distribuição normal ou teste Mann-Whitney se apresentarem distribuição não normal. A análise de fatores associados a capacidade funcional será realizada por regressão logística múltipla. Nível de significância 5%.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paulette Cavalcanti de Albuquerque

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • observatório das residências multiprofissionais da saúde do estado de pernambuco: estratégia de avaliação dos programas na perspectiva da educação permanente
  • A formação qualificada e adequada dos profissionais de saúde ao Sistema Único de Saúde tem sido considerada um grave problema desde os primórdios da Reforma Sanitária. Foram realizadas conferências nacionais específicas para discutir a questão dos Recursos Humanos em Saúde, foi modificada a estrutura dos órgãos de modo a incluir a gestão do trabalho e da educação na saúde, e várias políticas e programas foram implementados, desde a indução de mudanças na graduação até a pós-graduação. As residências multiprofissionais são parte desse contexto, tendo sido regulamentadas em 2005, expandidas com financiamento federal a partir de 2010, representando hoje a modalidade que melhor forma os profissionais para o SUS. O número de programas e de residentes se multiplicou neste período em todos os estados do país. Em análise da distribuição da oferta dos programas de residência de RMS induzidos pelos editais do MS no País, no período de 2010 a 2015, foram identificados 320 programas homologados. Pernambuco foi o estado da região nordeste com maior número de programas contemplados com financiamento do MS, 25 programas o que representou 7,8% do total nacional entre os anos de 2010 a 2015. Também foi o estado que contemplou, na região nordeste, o maior número dos programas de Residência em Saúde da Família aprovados, 10% do número nacional de programas nessa área de formação, totalizando 14 programas. Se é possível identificar o destaque que o estado de Pernambuco teve nos investimentos nacionais nos Programas de Residência em Área Profissional, soma-se também a expansão dos investimentos estaduais nessa política. Além dos programas financiados pelo Ministério da Saúde, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES- PE) financia 57% do total de bolsas de Residência em Área Profissional existentes no estado. A despeito da expansão que tal modalidade de formação teve na Política de Saúde no estado de Pernambuco, ainda são necessários maiores estudos sobre seus impactos nos campos de trabalho na rede de saúde. A ausência de um sistema integrado que reúna informações a respeito dos programas de residência no Brasil é outro fator que dificulta o conhecimento da situação dos programas de residência em área profissional da saúde. Permanece a ausência de integração entre os sistemas de informação federais (Ministério da Saúde e Ministério da Educação) e estadual. Em pesquisa recente quanto ao perfil dos profissionais que atuam na Atenção Básica no estado de Pernambuco, identificou-se que apenas 33,9% dos médicos possuem formação na modalidade residência, sendo apenas 10,7% nessa área de atuação. Entre os enfermeiros, 8,3 % possuem formação na modalidade residência, sendo apenas 2,2% na área de atuação da Atenção Básica. Destaca-se também a concentração da distribuição desses profissionais ao se analisar o porte populacional dos municípios. Tais dados apontam para a premente necessidade de desenvolvimento de investigações que analisem a inserção profissional dos egressos, visando o desenvolvimento de estratégias de incorporação dos mesmos. Outro fator que exige fortalecimento da Política de Residências em Área Profissional da Saúde nacionalmente e no estado de Pernambuco é a avaliação institucional dos programas. Apesar da existências de estudos sobre a temática, esses fazem análises de experiências específicas, não havendo a sistematização de parâmetros nacionais para análise dos programas de residência. Particularmente no que se refere às proposições pedagógicas, não se tem indicativos concretos de que os programas e estratégias pedagógicas desenvolvidas sejam capazes de utilizar e promover cenários de aprendizagem capazes de desenvolver a formação integral e interdisciplinar, afinados com as mudanças necessárias nos processos de formação, do trabalho e da gestão na saúde. Diante de tal cenário, o projeto em tela como por objetivo instituir Observatório das Residências Multiprofissionais em Saúde do estado de Pernambuco: estratégia de avaliação dos programas na perspectiva da Educação Permanente. Os observatórios em saúde apresentam-se como relevante ferramenta de análise de políticas públicas, com destaque para o seu potencial como sistematizadores e processadores de dados, bem como a capacidade de fazê-los circular através de estratégias de comunicação e publicização. Visando desenvolver estratégias de análise da Política de Residências em Saúde no estado de Pernambuco, se propõe a instituição do observatório a partir do desenvolvimento de 6 eixos, a saber: Eixo 1 - Integração das informações sobre os programas de residência no estado de Pernambuco, a partir dos sistemas de informação dos Ministérios da Educação, da Saúde e da Secretaria Estadual de Saúde. Eixo 2- Descrição das características e distribuição institucional e espacial dos programas de residências multiprofissionais em funcionamento no estado de Pernambuco. Eixo 3- Análise do perfil dos egressos dos programas de residências multiprofissionais do estado de Pernambuco; Eixo 4 - Identificação dos limites e possibilidades dos programas e dos serviços de saúde no que se refere à formação dos preceptores e tutores; Eixo 5 - Avaliação dos programas de residência multiprofissional em saúde da família e em saúde coletiva; Eixo 6- Construção de espaços colaborativos interinstitucionais para apresentação e discussão dos resultados, visando fortalecimento da política de educação permanente em saúde do estado. Será desenvolvido espaço virtual (web site) como estratégia de publicização e comunicação da Política de Educação Permanente em saúde no estado. No espaço virtual serão sistematizadas as informações e os produtos referentes aos diversos eixos da pesquisa, sendo esse o primeiro produto, transversal a todos os eixos.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Paulino Ribeiro Villas Boas

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • melhoria da sensibilidade e da repetibilidade de matriz da técnica libs para análises agroambientais
  • A espectroscopia de emissão de plasma induzido por laser (LIBS) tem se destacado recentemente devido à sua capacidade de determinar em poucos segundos a concentração elementar de qualquer tipo de amostra sem o preparo com reagentes. O seu arranjo experimental é simples e necessita apenas de um laser pulsado, espectrômetro de alta resolução e lentes para focalização do feixe laser na superfície da amostra e para coleta do sinal. Nesta técnica, o pulso do laser é focalizado na superfície da amostra, gerando assim um plasma cuja emissão, após alguns microssegundos, permite identificar e quantificar os elementos na amostra. O LIBS é considerado uma técnica com grande potencial de uso em amostras de interesse agroambientais, como para quantificação de nutrientes e contaminantes em solos, déficit nutricional em plantas e análise de poluentes em amostras líquidas e gasosas. No entanto, o LIBS não conseguiu ainda substituir as técnicas tradicionais porque tem baixa sensibilidade para alguns elementos, especialmente os mais leves como C e P, e tem baixa reprodutibilidade devido ao efeito de matriz, à auto-absorção de linhas atômicas ou iônicas e às incertezas nas medidas coletadas. Para reduzir o limite de detecção da técnica, vários arranjos experimentais foram propostos, tais como por exemplo: confinamento espacial do plasma; re-excitação do plasma com segundo pulso, com laser externo, com descarga elétrica; e uso de dopante para aumentar a temperatura do plasma. Para melhorar a reprodutibilidade, foram propostos o uso de atmosfera controlada (e.g. vácuo ou argônio), o uso de referência interna cujas emissões são usadas como normalização para minimizar flutuações do plasma e modelos baseados nos parâmetros do plasma que não dependem de curvas de calibração. O principal objetivo desta proposta é melhorar a sensibilidade e repetibilidade da técnica LIBS usando algumas das propostas da literatura. Para isso, pretendemos i) melhorar o sistema de focalização do pulso do laser e o sistema ótico de coleta da emissão do plasma, ii) avaliar a possibilidade de confinamento magnético do plasma, iii) desenvolver sistema de vácuo, iv) desenvolver sistema para medir densidade de elétrons do plasma com circuito RC e desenvolver modelos Calibration-Free baseados nos parâmetros do plasma. Para esta proposta, utilizaremos dois sistemas LIBS do Laboratório de Ótica da Embrapa Instrumentação: o LIBS2500+ da Ocean Optics e LIBS duplo pulso montado em uma mesa ótica. O primeiro conta com um laser Nd:YAG de 1064 nm, pulso de 6 ns e 50 mJ e um conjunto de 7 espectrômetros com resolução de 0,1 nm cobrindo a faixa de 190 a 950 nm. O segundo sistema conta com um laser Nd:YAG de 532 nm, pulso de 4 ns e 190 mJ e o segundo laser idêntico ao do primeiro sistema e um espectrômetro Echelle da Laser Tecnike Berlin com resolução de 0,01 nm cobrindo a faixa de 180 a 760 nm.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paulo Afranio Augusto Lopes

Ciências Exatas e da Terra

Astronomia
  • transformações de galáxias em aglomerados em interação
  • Neste projeto nós planejamos investigar evolução de galáxias em aglomerados em interação, previamente selecionados pelo satélite Planck, e também observados pelo observatório Chandra em raios-X. Nosso estudo será baseado em dados de imageamento óptico profundo (até magnitude AB ~26) usando a “Dark Energy Camera” (DECam), no telescópio Blanco de 4-m. Nossa amostra total tem 28 sistemas. Os aglomerados são bastante luminosos em raios-X (LX > 1045 erg/s) e representam aglomerados em interação em diferentes estágios do processo de fusão (não perturbados, com forte interação, e sistemas pós fusão). Nós seremos capazes de investigar diferentes processos atuando nas distribuições do gás intra-aglomerado, das galáxias e da matéria escura. Este conjunto de observações será único para investigação das relações morfologia e cor-densidade para galáxias em todos os tipos de ambientes, desde o campo extremo até o centro de aglomerados e as regiões de transição entre eles. Nós iremos amostrar até o raio de virada (“turnaround radius” em inglês; ~5xR200) dos aglomerados, além da estrutura em grande escala em torno destes sistemas, e os filamentos entre aglomerados interagentes. Estes dados também serão importantes para caracterizar a variação ambiental da taxa de formação estelar de acordo com o estado dinâmico dos aglomerados onde as galáxias residem. Também planejamos estimar a luz intra-aglomerado, além de comparar os mapas de gás, galáxias e massa destes sistemas. Dados públicos de grandes levantamentos (DES, Pan-STARRS e GAMA) também poderão ser usados no estudo destes aglomerados em interação. Além disso, em paralelo, usaremos dados públicos do SDSS e do satélite Chandra para diferentes projetos, como comparação de subestrutura no óptico e em raios-X, ou o estudo de efeito de pré-processamento em grupos de galáxias.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Paulo Alexandre Araújo Sousa

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • convexidade e campos de killing: consequências geométricas
  • O presente projeto divide-se em duas frentes de trabalhos, uma delas destina-se a estudar a geometria das superfícies imersas em S^3 que são invariantes por algum campo de Killing, bem como das superfícies ângulo constante; a outra busca saber quais informações geométricas e/ou topológicas podemos obter sobre uma variedade Riemanniana, ou alguma subvariedade desta, supondo que a mesma satisfaz hipóteses de convexidade.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021