Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alexandra Martins dos Santos Soares

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • atividade anti-helmíntica de proteínas de plantas e peptídeos naturais e sintéticos
  • Haemonchus contortus é causador de extensas perdas econômicas em pequenos ruminantes em todo o mundo. O controle de H. contortus é feito com o uso de anti-helmínticos, mas devido à resistência generalizada aos medicamentos comumente usados, torna-se necessário o desenvolvimento de novas estratégias para o seu controle. O estudo da ação de proteínas vegetais sobre diversos tipos de patógenos, incluindo fitonematoides, já é bem documentada, sendo pouco evidenciada em estudos de bioatividade contra nematoides parasitos gastrointestinais. Assim, o objetivo deste projeto é avaliar o potencial anti-helmíntico de extratos, exsudatos e frações proteicas das sementes de plantas leguminosas: Glycine max, Tamarindus indica, Mimosa caesalpiniaefolia, Leucaena leucocephala, Acacia mangium e Stylosanthes capitata, assim como de peptídeos sintéticos bioinspirados. Serão estabelecidas diferentes condições experimentais para obtenção de proteínas das sementes. Possíveis peptídeos anti-helmínticos serão sintetizados e caracterizados. A atividade anti-helmíntica das amostras será avaliada sobre H. contortus e usando o modelo experimental Caenorhabditis elegans, cepa sensível e resistente. Amostras com maior bioatividade sobre H. contortus e/ou C. elegans passarão por ensaios adicionais de caracterização: estabilidade térmica, resistência à hidrólise enzimática, atividade hemolítica, identificação de proteínas e metabólitos secundários, determinação da atividade protease, inibitória de protease, hemaglutinante, quitinásica e inibitória de acetilcolinesterase, capacidade de ligação à quitina, citotoxicidade, avaliação da ação por microscopia eletrônica de varredura. Espera-se purificar uma proteína/peptídeo vegetal bioativo, além de sintetizar peptídeos com potencial para geração de um produto nematicida.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Alexandra Valeria Maria Brentani

Ciências da Saúde

Medicina
  • usando um banco de dados de múltiplos poluentes ambientais para estabelecer limites críticos de exposição à poluição do ar na saúde materno-infantil no brasil
  • Por meio do nosso projeto anterior, estabelecemos uma parceria com a Coordenação Geral de Vigilância em Saúde Ambiental – CGVAM, do Ministério da Saúde, que, em conjunto com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE desenvolveu nos últimos anos, um dos bancos de dados nacionais mais completos sobre poluição ambiental. O banco inclui medidas diárias de concentração de PM2.5, CO, O3, NO2 e SO2, além de direção do vento, umidade e temperatura para cada um dos municípios brasileiros no período de 2000-2019. Com 20 anos de dados de 5570 municípios, o banco contém 158 milhões de observações, que podem ser usadas para identificar, de maneira precisa, a relação entre poluentes ambientais e saúde materno-infantil. Para estabelecer tais associações, pretendemos cruzar o banco de exposição aos poluentes ambientais com três bancos de dados que contém informações de saúde materno-infantil: O Sistema nacional de informações sobre hospitalizações (SIHSUS), que contém o registro de todas as hospitalizações financiadas pelo SUS - alta de internação hospitalar - (AIH); O sistema nacional de informações de nascidos vivos - (SINASC), que contém cerca de 3 milhões de nascimentos por ano; e o Sistema de Informações de mortalidade (SIM),que contém todos os registros de óbitos ocorridos no país, incluindo informações sobre a data do óbito, idade do paciente e causa da morte, computados mensalmente. Nosso trabalho será dividido em 3 etapas. Na primeira etapa usaremos identificadores espaciais e administrativos para fazer o linkage de todos os bancos. Na segunda etapa, exploraremos uma serie de modelos de regressões lineares e não lineares para estimar a relação entre exposição única e múltipla dos agentes poluidores e i) efeitos adversos de nascimento; ii) mortalidade infantil; iii) mortalidade materna e do adulto iv) taxas de hospitalizações. De forma similar ao nosso projeto anterior, nós pretendemos estimar limites críticos de exposição à poluição ambiental, através da construção de curvas de modelos exposição-resposta para os desfechos estudados. Para investigar o formato da relação exposição-resposta entre desfechos adversos de saúde e exposição à poluição ambiental, usaremos diversos modelos (modelo linear, polinomial, não linear e spline) e critérios de “goodness to fit” para testar os limites críticos de exposição. Na última etapa, focaremos as queimadas e incêndios florestais, uma das ameaças ambientais mais proeminentes nos tempos atuais, com consequências globais para a biodiversidade, além do comprometimento da qualidade do ar no Brasil, em particular. Nós identificaremos as grandes queimadas florestais no período de 2000-2019 e usaremos desenhos do tipo “caso-cruzado/case-crossover” para estimar o efeito causal destes incêndios na qualidade do ar local e nos desfechos de saúde materno-infantil. Nosso time contém experts em análise de dados e em saúde ambiental, da Universidade de São Paulo e Swiss Tropical and Public Health Institute (Universidade de Basel), com extensa experiência em análise de grandes bancos de dados de poluição do ar, bem como dos bancos populacionais de informações em saúde brasileiros. Os achados deste projeto serão disseminados para a comunidade científica por meio da submissão de artigos à periódicos indexados. Relatórios e workshops serão produzidos para o Ministério da Saúde, para o grupo de vigilância ambiental e outros formuladores de políticas públicas interessados no tema.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 03/12/2020-30/06/2022
Foto de perfil

Alexandre Alberto Chaves Cotta

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudos de filmes finos magnéticos recobertos por grafeno de interesse para a spintrônica
  • Este projeto visa o estudo das propriedades estruturais, magnéticas e eletrônicas de filmes finos magnéticos com alta anisotropia magnética perpendicular induzida por sua interface com grafeno. Estudaremos diferentes sistemas mono e policristalinos crescidos em diferentes substratos, como Cu e MgO. A síntese do grafeno se dará pelo método de CVD (Chemical Vapor Deposition). Já o crescimento dos filmes finos serão realizados via MBE e magnetron sputtering. A caracterização desses sistemas será realizada a partir de diversas técnicas, como XPS, espectroscopia Raman, MEV, LEED, XRD, ARPES, MOKE, microscopia Kerr, e VSM. Durante este projeto, pretendemos ainda construir e implementar as técnicas de MOKE e microscopia Kerr no departamento de física da UFLA.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre André Feil

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • estruturação e análise de índice de sustentabilidade em (agro)indústrias de laticínios
  • Nas últimas quatro décadas a sociedade tem se conscientizado acerca da relevância e urgência de ações, com vistas à mitigação dos impactos sobre o meio ambiente. Estas mitigações podem ser realizadas por meio do estabelecimento de indicadores de sustentabilidade que auxiliam no processo de avaliação do nível de sustentabilidade. Neste sentido, este projeto de pesquisa objetiva selecionar um conjunto de indicadores e estruturar um índice do nível da sustentabilidade em (agro)indústrias de laticínios no Rio Grande do Sul, Brasil. Os objetivos específicos compreendem: a) Identificar por meio de revisão de literatura os indicadores utilizados na mensuração da sustentabilidade em (agro)indústrias; b) Selecionar os indicadores principais e complementares adequados à mensuração do nível de sustentabilidade em (agro)indústrias de laticínios; c) Estruturar um (sub)índice de sustentabilidade específico para as (agro)indústrias de laticínios abrangendo o processo de normalização, a ponderação e a agregação; d) Aplicar o (sub)índice de sustentabilidade nas (agro)indústrias de laticínios, e e) Sugerir melhorias no processo de gestão da sustentabilidade as (agro)indústrias de laticínios. A metodologia centra-se na pesquisa qualiquantitativa, exploratória-descritiva e estudo de caso múltiplo. As unidades de análise centra-se na abordagem de 35 (agro)indústrias de laticínios. O processo de identificação e seleção dos indicadores será operacionalizada por meio de uma pesquisa de literatura e a aplicação do método délphi em pesquisadores, respectivamente. A estruturação do (sub)índice de sustentabilidade inicia na seleção dos indicadores de sustentabilidade principais e complementares, e após a coleta dos dados ocorre o processo de normalização, ponderação e agregação. A coleta dos dados junto as (agro)indústrias ocorrerá mediante uma aplicação de questionário misto. Os resultados pretendidos podem ser descritos em três etapas, a saber, a geração de um quadro de indicadores principais e complementares específico às (agro)indústrias de laticínios; a mensuração do nível de sustentabilidade de forma consistente e robusta e que possa ser utilizado no processo integrado e holístico da gestão destas (agro)indústrias; e em terceiro, a proposta de melhorias que devem ser desenvolvidas nas (agro)industrias com base na mensuração do nível de sustentabilidade. Além disso, também serão produzidos artigos científicos, dissertações e trabalhos de conclusão para divulgação no meio acadêmico.
  • Universidade do Vale do Taquari - UNIVATES - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Anselmo Guilherme

Ciências Humanas

Educação
  • violência e preconceito: um panorama da populacao universitaria no sul e nordeste do brasil
  • A investigação sobre a violência nas escolas tem crescido de forma constante internacionalmente e tem mostrado altos níveis de violência, em vários níveis diferentes. Encontrar formas de responder a esta questão da violência nas escolas torna-se um imperativo para os educadores. Nesta pesquisa, faremos uma análise do perfil dos alunos universitários que praticam e/ou que sofrem com a violência em universidades das regiões Sul e Nordeste do Brasil. A proposta deste projeto se fundamenta em Galtung e Fanon, sendo usada diretamente na elaboração do questionário e na subsequente análise quantitativa dos dados dos alunos entrevistados. Nos envolvemos com esta temática defendendo o ponto de vista que, embora a violência possa ser endêmica nas escolas, a consciência de uma educação para a paz é imprescindível para Galtung. Finalmente, dirigimos nossa pesquisa no esforço de que possamos montar um argumento para o contexto da educação e apresentar algo concreto para elaborarmos propostas para a paz no ambiente escolar.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Barbosa Reis

Ciências Biológicas

Parasitologia
  • avaliação da memória imunológica e células multifuncionais de coquetéis de peptídeos, preditos por imunoinformática, formulados com sistemas de adjuvantes para a leishmaniose visceral em camundongos balb/c
  • No contexto de desenvolvimento de vacinas, a vacinologia reversa ou imunoinformática, é uma abordagem que integra diferentes metodologias computacionais para a busca de alvos e desenho de vacinas. Assim, a imunoinformática vem se destacando ao permitir o uso de programas para a predição de epítopos imunogênicos in silico. Essa estratégia tem o potencial de buscar alvos para o desenvolvimento de vacinas em todo o proteoma predito de organismos patogênicos. Até a presente data, não existe uma vacina eficaz contra a leishmaniose visceral empregada em campanhas de vacinação. Diante desse cenário, em estudos recentes, nosso grupo de pesquisa propôs a utilização da imunoinformática para selecionar e construir vacinas de coquetel de peptídeos a serem testadas contra a leishmaniose visceral. Assim, apresentamos um sistema de predição de epítopos de células T e B, além de vias de sinalização de proteínas. Este sistema foi validado utilizando dados experimentais de proteínas imunogênicas já descritas na literatura, comprovando a existência de uma correlação e associação entre o número de epítopos preditos para células T/B e os resultados experimentais relatados. Em seguida, identificamos peptídeos de L. infantum que foram triados em cães naturalmente infectados por L. infantum. Estas triagens permitiram selecionar os peptídeos que obtiveram melhor performance após testes in vitro e in vivo nos cães. Foram propostas vacinas de coquetel de peptídeos avaliados em diferentes sistemas de adjuvante. Assim sendo, o objetivo deste projeto será avaliar a imunogenicidade, células T multifuncionais (produtoras de pelo menos 3 citocinas), a geração de memória imunológica e a eficácia de vacinas formuladas com antígenos selecionados pela imunoinformática em camundongos BALB/c desafiados com promastigotas de L. infantum. Para isso, será realizada a avaliação dos parâmetros imunológicos (células T multifuncionais e células T de memória central e efetora) e eficácia das vacinas. Os peptídeos serão combinados com os sistemas de adjuvantes: saponina e MPL-A (na proporção de 50% da dose total de cada um); saponina, MPL-A e Resiquimod (na proporção de 50% da dose total de cada um) e finalmente com o adjuvante Poly-ICLC. Assim sendo, este estudo permitirá elucidar mecanismos de indução de memória imunológica e células multifuncionais que se correlacionam com a proteção. Além disso, contribuir na área de desenvolvimento de vacinas efetivas contra a leishmaniose visceral humana e canina, doença negligenciada que vem se tornando um grave problema de saúde pública no Brasil e no Mundo.
  • Universidade Federal de Ouro Preto - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Braga da Rocha

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • cálculos de força do oscilador e seções de choque de fotoabsorção total para transições de camada interna
  • O projeto, ora proposto, pode ser dividido em duas partes. Ambas dizem respeito a estudos de propriedades de estados excitados em moléculas. Mais especificamente, na primeira, conduzimos estudos de transições envolvendo elétrons de camada interna ou elétrons do caroço, em que calculamos suas principais propriedades como forças do oscilador e energias de transição. Aqui o foco principal é descrever a parte discreta do espectro com funções de alto nível. Na segunda, propomos um método para cálculos da seção de choque de fotoionização – ou mais adequadamente seção de choque de fotoabsorção total - utilizando funções de base do tipo L2, ou seja, de quadrado integrável. O método foi, recentemente, estendido para transições do caroço. Aqui o foco é descrever sobretudo a parte continua do espectro. Em ambos os subprojetos, os sistemas estudados são moléculas em fase gasosa ou adsorvidas em superfícies metálicas. O desenvolvimento e aplicação de métodos de cálculo para estados de camada interna são de fundamental importância, pois auxiliam na interpretação de espectros na região de absorção de raios-X, obtidos por intermédio de diversas técnicas espectroscópicas, tais como EXAFS, XANES, XPS, IS-EELS.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Bragança Coelho

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • taxação de bebidas açucaradas: evidências para o brasil
  • Dado o aumento dos índices de obesidade e de sobrepeso no Brasil e a preocupação do governo brasileiro em contê-los, é pertinente analisar estratégias que possam ser adotadas visando uma alimentação mais balanceada e a promoção da saúde dos brasileiros. As bebidas açucaradas tornaram-se os grandes vilões dos hábitos alimentares, havendo, portanto, a necessidade de analisar com mais detalhes os fatores que influenciam a demanda desse tipo de produto e avaliar medidas que podem ser tomadas para desestimular seu consumo, como políticas de taxação. Dessa forma, estimar-se-á um sistema de demanda para bebidas açucaradas por meio do modelo QUAIDS com a correção dos gastos nulo pelo procedimento Shonkwiller e Yen e com correção para a endogeneidade dos preços e dispêndio. E, após a obtenção das elasticidades, analisar-se-ão cenários de taxação sobre as bebidas açucaradas e suas implicações no estado nutricional do brasileiros. As informações serão provenientes dos microdados da Pesquisa de Orçamemtos Familiares(POF).
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 06/01/2020-31/01/2022
Foto de perfil

Alexandre Bragio Bonaldo

Ciências Biológicas

Ecologia
  • a biodiversidade como indicadora de bens e serviços para o desenvolvimento sustentável do bioma amazônia
  • Vide projeto anexo
  • Museu Paraense Emílio Goeldi - PA - Brasil
  • 02/03/2020-01/03/2025
Foto de perfil

Alexandre Bryan Heinemann

Ciências Agrárias

Engenharia Agrícola
  • caracterização ambiental da região produtora de arroz irrigado tropical no brasil
  • A produção mundial de arroz deve aumentar para atender às necessidades futuras de alimentos em meio a uma forte competição por recursos naturais. No Brasil, há dois sistemas de produção de arroz: arroz irrigado e de terras altas. O arroz irrigado é responsável por 82% da produção nacional, sendo que 76% são provenientes do arroz irrigado subtropical, produzido basicamente no Sul do Brasil (Santa Catarina e Rio Grande do Sul). Entretanto, o arroz irrigado subtropical praticamente já atingiu o seu potencial produtivo e o nível aceitável de exploração de áreas favoráveis para o seu cultivo no sul do Brasil, por isso dificilmente excederá os atuais 1,2 milhão de hectares. Nesse contexto, é estratégico a diversificação da oferta de arroz no Brasil, por meio do aprimoramento da produtividade do arroz irrigado tropical nas regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste. Nessas regiões, a produção do arroz tropical apresenta menor produtividade e maior variabilidade, comparado ao arroz irrigado subtropical, devido aos riscos agroclimáticos mais intensos. Parte desse risco agroclimático está relacionado com a adoção de cultivares não adaptadas ao ambiente tropical. Identificar linhagens promissoras e adaptadas a um específico ambiente tropical é um desafio e demanda enorme esforço dos melhoristas devido complexidade das interações Genótipo x Ambiente x Manejo (GxAxM), e necessidade de avaliação de um alto número de linhagens em múltiplos ambientes, assim como identificação de seus respectivos ambientes alvos. Para minimizar a complexidade das interações, uma solução é a identificação de ambientes de populações alvos (TPE – “Target Population Environment”), que é a caracterização ambiental levando-se em consideração não somente os aspectos climáticos básicos, como precipitação pluvial e temperatura, mas também os efeitos da interação GxAxM. Modelos de simulação do crescimento, desenvolvimento e produtividade de culturas possuem uma série de funções matemáticas que se mostram eficientes na captura das interações GxAxM e avaliação do desempenho de cultivares, com base em princípios ecofisiológicos. Este estudo tem como objetivo utilizar modelos de simulação de crescimento de culturas para identificar grupos ambientais homogêneos na região produtora de arroz irrigado tropical pela caracterização dos efeitos de fatores limitantes ambientais (temperaturas extremas, radiação global acumulada) e de manejo (datas de semeadura) sobre a produtividade e características fenotípicas de cultivares de arroz que melhor se adaptam aos respectivos ambientes identificados. Com esse estudo pretende-se o aumento da eficiência do programa de melhoramento, a identificação de regiões homogêneas na região de produção, a otimização da alocação de experimentos na região de estudo, e a identificação e quantificação dos fatores limitantes a produtividade na região de estudo. Como consequência, a seleção e adoção de cultivares adaptadas a ambientes específicos reduzirá os impactos ambientais no sistema de produção (reduzir a aplicação de pesticidas). Um melhor conhecimento das edafoclimáticas da região de produção do arroz irriga tropical irá auxiliar no suporte as políticas públicas. Além disso, a metodologia a ser utilizada nesse estudo poderá ser aplicada em outros programas de melhoramento vegetal.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023