Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sandro Cabral

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • estratégias e mecanismos de execução de investimentos de impacto socioambiental: um estudo de multi-casos
  • Nas últimas décadas, acadêmicos na área de gestão têm buscado compreender como projetos e empresas dos mais diversos setores conciliam rentabilidade com impacto socioambiental. Mais recentemente, o debate apresenta novo impulso com o surgimento dos chamados "investidores de impacto", que, de formas variadas, buscam investir em projetos que tenham comprovação de impacto social atrelada além de lucro. Obviamente a questão acima é abrangente por demais, o que sinaliza a necessidade de maior foco para sua operacionalização. Nessa linha, dentro do escopo do presente projeto, centraremos nossas atenções em três tipos gerais de modelos: social impact bonds (SIBs), development impact bonds (DIBs), e contratos com pagamento por sucesso (pay-for-sucess contracts – PFS). Os PFS referem-se aos arranjos contratuais com entrega de serviços sociais, que envolve alguns stakeholders e no qual o pagamento pela prestação do serviço em tela é baseado no resultado social alcançado. Já ambos SIBs e DIBs são títulos desenhados para captar capitais privados a fim de expandir serviços sociais também tendo a o resultado social como fato gerador do pagamento. O objetivo geral passa pela compreensão da dinâmica de conformação e disseminação de casos de sucesso de investimentos de impacto socioambiental nas experiências internacionais. A pesquisa deve envolver uma combinação de dados quantitativos e qualitativos. Os dados quantitativos serão consolidados em uma base de dados sobre as modalidades supracitadas no mundo. Os dados qualitativos, por sua vez, serão obtidos a partir de múltiplos estudos de caso selecionados na base de dados já coletada. Com a pesquisa, pretende-se ampliar o entendimento de como negócios sociais podem ser financiados e, especialmente, os mecanismos de atração mais capital para projetos de interesse público.
  • Insper Instituto de Ensino e Pesquisa - SP - Brasil
  • 01/06/2017-30/06/2021
Foto de perfil

Sandro Canavezzi de Abreu

Ciências Sociais Aplicadas

Arquitetura e Urbanismo
  • espaços interativos reprogramáveis na interseção da arquitetura interativa com a arquitetura performativa.
  • Esse projeto de pesquisa pretende investigar a interseção da arquitetura interativa com a arquitetura performativa (quando esta recorre à automação de processos relativos à sustentabilidade, conforto ambiental e eficiência energética) através da exploração da ideia de arquitetura interativa como espaços abertos para a contínua reprogramação de sua interatividade por parte de seus usuários (entendendo interatividade como a relação do pré-programado com o indeterminável). Para tanto pretendemos desenvolver essa pesquisa em duas frentes complementares: no campo teórico, a partir de uma abordagem construtivista feenbergiana da tecnologia na qual esta e os objetos-técnicos devem ser abertos (reconfiguráveis, reprogramáveis) e seus usuários devem ser atuantes nessa reconfiguração; e no campo experimental, pelo problema de como programar um objeto-técnico para ser continuamente reprogramável. A abertura da programação de um objeto técnico será investigada e concretizada no desenvolvimento final do Sistema Hidra(!) e de duas/três interfaces interativas que dele derivarão. Estas interfaces serão desenvolvidas no LAGEAR (Laboratório Gráfico para Experimentação Arquitetônica), e farão parte de um espaço interativo que lê variações de intensidade ambientais e promove a comunicação dessas informações aos usuários. Estes, por sua vez, poderão reprogramar o comportamento desse espaço. No campo teórico, essa abertura será investigada partindo da revisão dos Regimes de Permeabilidade a partir da Cibernética de Segunda Ordem;
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022