Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sonia Licia Baldochi

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • estudo de materiais cristalinos para microdispositivos.
  • O Laser é um importante dispositivo com aplicação ampla em Fotônica e sua miniaturização/integração em circuitos opto-eletrônicos é um caminho natural, já em andamento principalmente com materiais semicondutores. Neste projeto visamos o desenvolvimento de materiais cristalinos diversos, compostos óxidos e fluoretos, que permitam esta integração/miniaturização de lasers, guias de onda e/ou detectores em microcircuitos. São propostas três diferentes plataformas para estudo da preparação destes materiais: na forma de cristais “bulk” (para substratos em usinagem), na forma de fibras monocristalinas (600-1000 microns de diâmetro para lasers) e na forma de pó (nano ou micropartículas). Espera-se obter materiais que possam favorecer e/ou ser integrados em circuitos microfluídicos, em desenvolvimento no IPEN, para aplicações diversas.
  • Comissão Nacional de Energia Nuclear - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Malik

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • estudos in vitro na produção de compostos anticâncer a partir de corylus avellana e linum album
  • As plantas produzem uma variedade de compostos químicos que são utilizados como matérias primas para obtenção de várias drogas e outros produtos úteis, como adoçantes, cosméticos e inseticidas. Esta tendência recente de mercado tem resultado numa super-exploração de várias espécies de plantas de importância econômica. Como resultado, algumas delas se tornaram extintas ou raras. Na proposta atual, duas espécies de plantas medicinais, Linum album e Corylus avellana foram selecionadas. Estas espécies vegetais são conhecidas como a fonte das drogas anticâncer, podofilotoxina e taxol respectivamente. O objetivo dessa proposta é avaliar linhagens de células de alta produtividade utilizando culturas de células em suspensão a partir de sementes e culturas de calos derivadas de folhas e otimizar o método para aumentar a produção a partir das culturas de células. Abordagem de engenharia metabólica será aplicada para otimizar a produção desses compostos através da introdução de genes-chave da via biossintética. Após a otimização das condições de cultura e manipulação dos meios, as culturas serão ampliadas em biorreatores para produção industrial. Este estudo visa aumentar nosso conhecimento em nível genético assim como abrir caminho para a produção in vitro desses valiosos compostos em nível industrial e com preço viável.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria Alves de Oliveira Reis

Ciências Humanas

Educação
  • trajetórias de vida e práticas educativas de mulheres em movimento(s) no território de identidade do sertão produtivo no estado da bahia
  • Este projeto procura concretizar um estudo sobre as “trajetórias de vida e práticas educativas de mulheres em movimento(s) no Território de Identidade do Sertão Produtivo no da Bahia”. Tal busca nasceu de constatações realizadas durante a pesquisa de doutorado da autora (REIS, 2014) e do acompanhamento da implementação de tecnologias sociais, realização de práticas educativas e processos formativos oferecidos aos camponeses, principalmente às mulheres chefes de família, pelo Centro de Agroecologia no Semiárido (CASA), localizado em Guanambi/Bahia. Com este estudo, objetiva-se compreender como se dá a atuação de mulheres em movimento(s) atualmente no Território supracitado. Para tanto, pretende-se encontrar nos municípios que o compõem mulheres que participam de modo ativo não só em organizações político-sociais, mas também nas instâncias sociais das quais fazem parte. Com isso, tenciona-se traçar e analisar o perfil desse grupo a partir de dados coletados e reconstruir seu percurso de vida, levando em conta aspectos pessoais dos sujeitos da pesquisa, seus propósitos e seu modo de se inserir nas lutas políticas das quais participam, sobretudo da luta pelo empoderamento da mulher. Analisar-se-á também, a partir da distribuição de tarefas conforme papéis sociais, como ocorre a organização do trabalho para as mulheres pesquisadas. Desse modo, o estudo enquadra-se no grupo de pesquisas a respeito dos modos de participação cidadã de mulheres nas organizações sociais, culturais e políticas por meio de distintas instâncias de socialização. Quanto ao embasamento teórico, destacam-se, entre outros, Reis (2009, 2014), Bastos (2011), Feitosa (2005), Galvão; Di Pierro (2007), Louro (1995, 1996, 1997). Meyer (2003), Perrot; Duby, (1990), Perrot (2005), Scott (1990), Souza (2008). A metodologia de investigação fundamenta-se nas orientações dos pressupostos qualitativos de pesquisa. Utilizar-se-á história oral, diário de campo constituído a partir das observações realizadas das práticas educativas e ações de convivência com o semiárido feitas por mulheres em movimento(s). Realizar-se-ão entrevistas com as mulheres para averiguar suas particularidades de aprendizagens e os sentidos e os significados que determinam suas experiências de “estar em movimento(s)”. Nas descrições e no estudo dessas experiências, será investigado como acontecem as relações de gênero nesses espaços. Com a análise documental pretende-se contextualizar e caracterizar os grupos de mulheres em movimento(s) localizados neste processo de investigação, situando-os no passado e no presente. A organização do trabalho comunitário no cenário contemporâneo de mudanças socioculturais do Território aqui abordado demanda uma análise mais aprofundada, que ultrapasse o estabelecimento dos polos “saber da experiência” e conhecimento científico. Desse modo, é possível construir uma pesquisa que permita compreender e estimular novos estudos sobre as inovações empreendidas por mulheres no convívio com o contexto semiárido.
  • Universidade do Estado da Bahia - BA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria da Silva Araujo

Ciências Humanas

Educação
  • ideias e práticas de mulheres intectuais: a educação em marta alonso alvarez de castro abranches, do brasil, e em eluned morgan, da argentina.
  • Este projeto tem como objeto de pesquisa o pensamento educacional de duas autoras do século XIX, envolvidas com o Brasil e com a Argentina. São elas: Marta Alonso Alvarez de Castro Abranches e Eluned Morgan. A primeira viveu de 1800 a 1855, entre a Espanha e o Brasil, Estado do Maranhão. A segunda viveu de 1870 a 1938, entre o País de Gales e a Argentina, Patagônia. As questões que levantamos são: como e porque duas autoras vinculadas ao ideário colonizador acabam se tornando personalidades importantes na luta em defesa da educação no Brasil e na Argentina? Que relações há entre o pensamento educacional de ambas? Como as ideias das autoras se articulam à história da educação na América Latina? Em que medida tais ideias se aproximam e se distanciam do pensamento educacional em circulação no continente no século XIX? Como tais ideias se vinculam às condições históricas do continente? Em que medida as histórias de vida dessas autoras ajudam na compreensão de suas lutas em defesa da educação? Em direção a respostas para estas questões, definimos como objetivo geral do estudo: analisar, por meio do estudo biográfico e do estudo comparado do pensamento social, as ideias de educação de Marta Alonso Alvarez de Castro Abranches e de Eluned Morgan, produzidas na zona de contato de imagens e representações do mundo colonizador e imperialista do qual são familiarmente originárias, com a vida das realidades colonizadas do Brasil e da Argentina para, assim, compreender o sentido que assumiram no contexto de formação dos projetos nacionais de educação destes países. Metodologicamente, trabalharemos com a biografia e o estudo comparado do pensamento social, em articulação com a história cultural, que tem seus desdobramentos na história intelectual e na história das ideias. A hipótese que levantamos é de que as ideias produzidas pelas autoras no campo da educação, por partirem de mulheres de famílias deslocadas da Europa imperialista, contraditoriamente vinculadas ao ideário colonizador, resultam do confronto de suas condições favoráveis de existência com as condições altamente desfavoráveis de grupos humanos localizados nos países colonizados para os quais suas famílias migraram. Tais confrontos causam um profundo desconforto nas autoras que acabam usando o humanismo e o liberalismo que as constituíram intelectualmente no século XIX em confronto com as práticas de exploração e de subjugação impostas pelo imperialismo dos países de origem de seus familiares em relação às colônias americanas, fundadas especialmente no patriarcado e no racismo. A condição de mulher dessas autoras as faz investir no projeto educacional como força modelar de enfrentamento à subalternização histórica de domínio político, econômico e intelectual e a efetivamente assumirem suas mudanças.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria da Silva Gomes

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • educação para os objetivos de desenvolvimento sustentável: diagnósticos, perspectivas e desafios nas escolas de negócios brasileiras
  • Este projeto de pesquisa objetiva problematizar o processo de Formação dos profissionais da área de negócios no cenário nacional no período de 2016 a 2020, em relação aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), por meio da análise de suas possibilidades didático-pedagógicas, desafios buscando contribuir na proposição de uma abordagem metodológica de ensino em uma perspectiva educacional transformadora. Para atingir o objetivo proposto, utilizar-se-á uma abordagem qualitativa, cujos procedimentos metodológicos serão operacionalizados nas seguintes etapas: Na primeira etapa realizar-se-á a construção de um portfólio bibliográfico, elaborado de forma estruturada com base no instrumento Knowledge Development Process – Constructivist (Proknow-C). Em seguida, analisar-se-á de forma crítica e contextualizada como os componentes curriculares voltados aos ODS estão sendo inseridos no perfil de formação dos bacharéis das escolas de negócios, por meio dos projetos pedagógicos e/ou planos de curso das IES. A posteriori, serão construídos os instrumentos de coletas de dados da pesquisa de campo. Em seguida, pretende-se realizar entrevistas semiestruturadas com os coordenadores de curso, docentes e representantes de entidades de órgãos de classe. Para análise e interpretação do discurso dos entrevistados, empregar-se-á a análise de discurso na vertente francesa. Espera-se, por meio deste estudo, a obtenção de evidências teórico-empíricas, que além de fornecerem subsídios para a proposição de uma abordagem metodológica de ensino, possam contribuir para sugestionar a criação de políticas públicas e de ordem pedagógicas que busquem incorporar na formação dos profissionais da área de negócios uma concepção que amplie a ação reflexiva e crítica da realidade profissional e cidadã para interação e intervenção no âmbito da promoção do desenvolvimento sustentável.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Sônia Maria de Figueiredo

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • avaliação da atividade antifúngica do extrato de própolis verde (baccharis dracunculifolia) e sua aplicação no controle de candidiases
  • O consumo de produtos apícolas tem atraído o interesse da população devido ao crescente uso de produtos naturais no tratamento de infecções de diversas etiologias. As abelhas coletam substâncias e fragmentos de origem vegetal para produzir a própolis, que é utilizada para selar e proteger a colméia contra invasões de microrganismos patogênicos. A própolis do tipo verde tem como fonte botânica a planta Baccharis dracunculifolia, popularmente conhecida como alecrim-do-campo. Atualmente, extratos etanólicos de produtos naturais, como da própolis verde, vêm se destacando pelas suas propriedades biológicas e farmacológicas abundantes e os mecanismos de ação têm sido amplamente investigados nos últimos anos em diferentes modelos experimentais in vitro e in vivo. A candidíase é uma infecção fúngica muito comum entre as pessoas de todas as idades. Esta doença é causada pelas espécies do gênero Candida potencialmente patogênicas, que vem acometendo um numero crescente de indivíduos a cada ano devido ao crescente número de indivíduos imunossuprimidos e à resistência aos antifúngicos conhecidos pela medicina tradicional. Neste trabalho será avaliada a atividade antifúngica in vitro de extratos da própolis verde e sua aplicação no acompanhamento do tratamento de candidiases. As amostras serão de provenientes da coleção de isolados clínicos e ambientais do Laboratório de Taxonomia, Biodiversidade e Biotecnologia de Fungos do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Será realizado o antifungigrama em placas, pelo método Clinical and Laboratory Standards Institute (CLSI), para determinação dos níveis de resistência às drogas antifúngicas dentre os isolados. Este estudo poderá contribuir para viabilizar o emprego profilático e terapêutico de extratos de própolis e/ou de seus compostos isolados, na melhoria da qualidade de vida de pacientes portadores de candidiases e com fatores prognósticos de alto risco de seu desenvolvimento.
  • Universidade Federal de Ouro Preto - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria de Freitas

Ciências Biológicas

Biofísica
  • avaliação antinflamatória e anticarcinogênica de um inibidor de proteases em modelo de câncer mamário
  • No presente projeto é proposto o estudo do efeito anticarcinogênico e antinflamatório de um inibidor de serinoproetases da família Bowman-Birk (BB), em modelos de adenocarcinoma mámario invasivo e não invasivo in vitro e in vivo. Esse inibidor foi isolado de sementes de Vigna unguiculata, conhecida como feijão de corda, uma leguminosa de uso comum na dieta dos brasileiros, e é denominado do inglês Black yed-pea trypsin/chymotrypsin inhibitor (BTCI). Os inibidores BB têm sido reportados com ação preventiva do câncer induzido quimicamente e por radiação, sendo, portanto uma alternativa relevante os estudos que viabilizem a utilização de diferentes formas de drogas associadas a esses inibidores. O BTCI, o objeto do presente projeto, é um potencial candidato como agente terapêutico anticarcinogênico e antiinflamatório, uma vez que vem sendo caracterizado em estudos previous com ação anticarcinogênica em câncer de mama e de epiderme. No presente estudo, pretende-se investigar: i) os(s) mechanismo(s) envolvidos na morte celular induzida pelo BTCI; ii) o efeito e a resposta inflamatória do BTCI, por meio da quantificação de citocinas pro e anti-inflamatórias; iii) estabelecer protocolo de estudo do efeito quimopreventivo e os efeitos do BTCI em sistema in vivo. Com esse propósito, espera-se que esse estudo possa contribuir para o esclarecimento das vias biológicas responsáveis pela transformação e as vias de ação anticarcinogênica do BTCI e os efeitos imunomoduladores das moléculas a serem estudadas, resultando em alternativas que sinalizem para a melhoria futura da prevenção ou tratamento para o câncer de mama.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria de Lima Salgado

Ciências Agrárias

Agronomia
  • caracterização fenotípica de progênies de cafeeiro para resistencia a meloidogyne spp. e identificação de marcadores moleculares associados com a resistencia
  • Meloidogyne sp., responsável por sérios prejuízos as lavouras cafeeiras, têm sua população reduzida mediante o uso de cultivares resistentes, entretanto, a cafeicultura brasileira dispõe de cultivares, na sua maioria, suscetíveis aos principais fitonematoides, principalmente do gênero Meloidogyne. O banco de germoplasma de café da EPAMIG constitui uma reserva gênica valiosa e alguns desses materiais podem apresentar resistência múltipla a fitonematoides. A fenotipagem e seleção assistida por marcadores moleculares podem auxiliar sobremaneira os programas de melhoramento genético do cafeeiro visando a obtenção de cultivares resistentes ao Meloidogyne spp. A seleção assistida por marcadores moleculares (SAM) aumenta a capacidade de analisar muitos materiais com eficiência e menor tempo. Propõe-se caracterizar progênies de cafeeiro, oriundas do programa de melhoramento do café, quanto à reação a Meloidogyne sp. sob condições de casa de vegetação e campo. A fenotipagem, etapa chave para o avanço do programa de melhoramento genético para resistencia do cafeeiro a nematoides, envolve a inoculação, extração e quantificação dos nematoides para determinação do Fator de Reprodução (FR), avaliação visual das raízes por meio da escala de notas adaptada de Carneiro (1995), índice de galhas/engrossamentos e o número de ovos e juvenis por grama de raiz. Além disso, variações fenotípicas no desenvolvimento dos cafeeiros, advindas do parasitismo nas raízes, podem ser avaliadas pelas características vegetativas como incremento na altura, diâmetro de caule e no número de ramos plagiotrópicos. Por meio da seleção assistida com marcadores, a reação das progênies ao nematoide será estudada buscando a associação desses marcadores a resistência das plantas. A fenotipagem das progênies será realizada por meio da caracterização do desenvolvimento vegetativo e reprodutivo em área cafeeira naturalmente infestada. Esta etapa se justifica pela importância do ambiente na manifestação do caráter genético dos cafeeiros, especialmente na presença de patógenos como os fitonematoides. Diante disso objetiva-se fenotipar a reação de progênies de cafeeiro a Meloidogyne spp. sob condições controladas em casa de vegetação além do campo, e identificar marcadores moleculares associados à resistência dos cafeeiros a Meloidogyne spp.
  • Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria Figueiredo Albertino

Ciências Agrárias

Agronomia
  • plantas de cobertura no manejo sustentável das invasoras e na produtividade do guaranazeiro (paullinia cupana var. sorbilis (mart.) ducke).
  • A agricultura intensiva hoje praticada começa a dar os sinais de exaustão com o aumento no nível de degradação ambiental. Dentre as fontes dessa degradação estão: o desmatamento, a erosão, a utilização inadequada de fertilizantes e agrotóxicos e o lançamento de resíduos tóxicos. A guaranaicultura, atualmente, representa uma das principais potencialidades da fruticultura no Amazonas com uma área de aproximadamente 6,7 mil hectares, com potencial comercial devido a sua alta concentração de cafeína. Entretanto, as condições climáticas no Amazonas favorecem o aparecimento de pragas e doenças e o crescimento das plantas infestantes contribuindo para uma competição com a cultura do guaraná, obrigando o produtor a usar herbicida de forma excessiva para controlar a infestação da lavoura. Apesar de alguns trabalhos evidenciarem a eficácia na utilização de herbicidas no controle de plantas invasoras sem causar danos à cultura, não existem produtos registrados no Brasil para a aplicação em guaranazais, o que impossibilita a recomendação de herbicidas para o controle de invasoras na cultura do guaraná. Portanto, são necessárias pesquisas para avaliar métodos de manejo dessas plantas de forma sustentável no cultivo de guaraná. Em agroecossistemas sustentáveis, as plantas de coberturas podem ser grandes aliadas no manejo da cultura, contribuindo para a melhoria na produção agrícola por gerar benefícios como reposição de nutrientes e matéria orgânica ao solo, prevenção da erosão, melhoria na qualidade física do solo, e a supressão de pragas, doenças e plantas invasoras. Na busca por tecnologias alternativas para o sistema de produção que possam ser economicamente viáveis e sustentáveis, se faz necessário destacar a importância dos estudos sobre as plantas de cobertura, onde o conhecimento detalhado das relações com as plantas cultivadas e invasoras permitirá melhorar os sistemas agrícolas. Neste contexto, o objetivo deste trabalho é avaliar o efeito das plantas de cobertura do solo na supressão de plantas invasoras, nos atributos do solo e na produtividade do guaranazeiro. Após a instalação do experimento serão analisadas: a fitossociologia das plantas invasoras, produção da massa seca dos tratamentos, taxa de decomposição dos resíduos vegetais produzidos pelas coberturas, análises químicas da matéria seca, percentagem de cobertura do solo, avaliação dos atributos físicos e químicos do solo, análise nutricional do guaranazeiro, estimativa do potencial de sequestro de C referente à biomassa vegetal acima do solo, características de crescimento e produção do guaranazeiro e características bioquímicas. Os dados obtidos serão submetidos a análise de variância e aplicado o teste F a 5% de probabilidade.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria Fleury Teixeira

Ciências Humanas

Sociologia
  • dicionário carioca de favelas - projeto piloto
  • Implantação do projeto piloto do Dicionário Carioca de Favelas com o objetivo de suprir uma lacuna em área transdisciplinar do conhecimento que é o estudo das favelas, reunindo os conhecimentos produzidos em eixos temáticos tais como histórico sobre o local (incluindo linha do tempo, instituições e personalidades e condições socioeconômicas), as políticas públicas de urbanização, segurança e sociais, e o associativismo e a sociabilidade, a cultura, a formação da juventude, dentre outros. Trata-se de uma combinação matricial entre a dimensão territorial com a dimensão social e política, em uma perspectiva histórica que resultará na definição de um leque integrado de verbetes, fruto da coleta e sistematização da produção coletiva pelos pesquisadores. A partir de sua seleção por um Comitê Científico, composto por especialistas em várias disciplinas, serão convidados produtores de conhecimento para redação do verbete, de acordo com tamanho e estrutura definidos. O objetivo é superar as tentativas anteriores de agregação do conhecimento científico, colocando essa produção de forma mais acessível, universalista e dinâmica, em uma plataforma virtual em formato de dicionário. Como um projeto piloto, espera-se percorrer um ciclo completo de implantação da plataforma, a partir da seleção de um número limitado de verbetes e da seleção de algumas favelas para teste do funcionamento do desenho formulado. Durante esse ciclo, seminários de revisão e correção de rumos serão realizados. O objetivo é criar um instrumento que permita a mobilização e condensação do intenso movimento que vem se processando nas favelas, e que tem penetrado com muita força a própria academia, em torno do resgate do protagonismo (inclusive intelectual), da memória e da identidade coletivas. Através da plataforma que será criada espera-se mobilizar os atores envolvidos nesse resgate para que participem dessa formalização da produção coletiva, definindo verbetes e conteúdos sobre as favelas. Para tanto, será realizado um seminário intermediário onde será apresentado o projeto para lideranças comunitárias e pesquisadores, a fim de revisar sua metodologia e redirecionar seu curso, além de mobilizar atores envolvidos na produção de conhecimentos sobre as favelas cariocas, para que se engajem nessa produção coletiva. Trata-se de um dicionário virtual em uma plataforma wiki, portanto, dinâmico, cumulativo e aberto à produção coletiva. No entanto, diferente da mais conhecida experiência que é a Wikipedia, a metodologia e modelagem do seu funcionamento buscam assegurar rigor científico e não apenas colocar um instrumento disponível para a produção coletiva. Um grupo interinstitucional será responsável pela modelagem e desenho da proposta, definição das regras e meta dados, bem como pela conformação técnica da plataforma. Ele será apoiado por um grupo permanente de especialistas das áreas técnicas do conhecimento social que administrará a produção dos conteúdos da plataforma bem como a identificação das narrativas e conflitos a serem destacados. Também haverá um grupo técnico especializado em informática que se responsabilizará pela manutenção da plataforma com a inserção dos conteúdos e monitoramento.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria Guedes Gondim

Ciências Humanas

Psicologia
  • criatividade e inovação em organizações brasileiras e espanholas: explorando antecedentes e consequentes para subsidiar políticas de gestão
  • Este projeto tem como objetivo aprofundar a compreensão dos fatores individuais, grupais e contextuais que podem contribuir para a criatividade e a inovação organizacional, visando oferecer insumos para o desenvolvimento de políticas de gestão do trabalho e de capacitação de equipes de alto desempenho ou equipes de inovação. O presente projeto está inserido em um projeto maior de cooperação internacional entre Brasil-Espanha que visa a ampliação de um estudo conjunto iniciado em 2013. Até o momento o estudo está sendo realizado por meio de um survey que contém um inventário que explora diversos fatores individuais e contextuais apontados em estudos de meta-análise como tendo papel relevante na explicação da criatividade e inovação organizacional. O survey é apresentado em três idiomas (português, castellano e euskera), sendo dirigido e respondido por trabalhadores de organizações públicas e privadas de variados ramos de atividades. O inventário foi uma iniciativa de pesquisadores da Universidad del País Vasco e da Universidad Autónoma de Madrid e contou com a colaboração de pesquisadora da Universidade Federal da Bahia que se encontrava em estágio pós-doutoral na Espanha em 2013. Para desenvolver o referido estudo ampliaram-se as parcerias com pesquisadores e organizações de outros países da América do Sul (Chile, Argentina) e também do Brasil (Universidade Salgado de Oliveira – RJ, SEBRAE, Parque Tecnológico do Estado da Bahia). Espera-se que a cooperação internacional permita desenvolver novos estudos a partir dos resultados do survey, que se encontra em fase de ampliação de participantes brasileira, e que produza conhecimento em qualidade e quantidade sobre fatores individuais, ambientais, formas de organização do trabalho e modelos de liderança que favorecem a criatividade e inovação organizacional. A expectativa também é a de gerar insumos para a elaboração de programas de treinamento, desenvolvimento e capacitação profissional de equipes de trabalho de alto desempenho focadas em criatividade e inovação e que preservem o bem-estar no trabalho. Espera-se como resultado desse estudo, que leva em conta similaridades e diversidades de países e culturas, a ampliação das possibilidades de transferência de tecnologias de gestão, assim como a produção de orientações adequadas a tais tecnologias e às realidades locais.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria Karam Guimarães

Ciências Humanas

Sociologia
  • caminhos para o catching up: inter relações universidade-empresa
  • O tema do projeto de pesquisa parte do pressuposto de que o conhecimento é hoje a fonte principal para a criação de riqueza, a verdadeira matéria-prima que se materializa em inovações. O processo de inovação é concebido com base na interação entre diferentes agentes sociais, formalmente independentes, que constituem arranjos organizacionais e institucionais em níveis local, regional ou nacional. “Sistema de inovação” é considerada expressão mais apropriada para designar esse processo. A empresa, ainda que considerada o lócus da inovação, para produzi-la deve integrar-se a esse sistema mais amplo, que inclui relações entre empresas e instituições de ensino e pesquisa. O papel das universidades para o crescimento econômico por meio de sua contribuição ao desenvolvimento tecnológico tem sido cada vez mais enfatizado, em razão de diferentes fatores, dentre outros, demandas da sociedade para solução de problemas que dependem do suporte de conhecimento científico como, aquecimento global, segurança alimentar, envelhecimento populacional. O objeto de investigação será portanto, as relações entre universidades e empresas, no Brasil, suas possibilidades, desafios e dificuldades. Busca-se investigar as percepções, ações, estratégias de agentes considerados relevantes para o processo de catching up tecnológico, no Brasil, com foco em universidades, empresas e organizações de interface como os Núcleos de Inovação Tecnológica, NITs (na universidade) e organizações como o movimento de Mobilização Empresarial para a Inovação (MEI) e a Associação Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia das Empresas Inovadoras. (ANPEI). O envolvimento da universidade no processo de desenvolvimento econômico e social pressupõe que a autonomia da mesma na definição de suas funções centrais, de formação e de produção do conhecimento, seja inteiramente garantida. Cabe destacar que o sentido de “mão dupla” da relação universidade-empresa: não apenas a ciência alimenta e contribui para o desenvolvimento da tecnologia, mas esta, muitas vezes, precede o conhecimento científico, utilizando-se do método de tentativa e erro; ao acumular conhecimento empírico tende a estimular o esforço para a explicação científica de um fenômeno. No caso de países em desenvolvimento, como o Brasil, a parceria universidade/centros de pesquisa e empresas é ainda mais necessária, considerando-se os desafios que o país enfrenta para superar suas insuficiências. O processo de catching up é dificultado por carências que o país apresenta em diferentes dimensões, como na educação e disponibilidade de pessoal qualificado em áreas tecnológicas - exigências cruciais para o desempenho de atividades da chamada “economia do conhecimento” – quanto à ausência de uma cultura voltada para a inovação, tanto na esfera acadêmica quanto na empresarial; assim como em termos de deficiências institucionais, não ajustadas às demandas do novo contexto (dentre outras, financeiras, legais, tributárias e de negócios em geral). Ao nível das políticas públicas, recentemente, em janeiro de 2016, foi assinado pelo governo federal o novo Marco da Ciência e Tecnologia. A nova legislação visa facilitar a aproximação entre universidades e empresas, com o objetivo de dinamizar a pesquisa, o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação no país, além de reduzir obstáculos à dinamização da área, como o excesso de burocracia. Apesar de incentivos à inovação promovidos por políticas públicas implementadas nos últimos 15 anos, estudos demonstram o baixo grau de inovação, no Brasil. O sucesso do processo de catching up resulta de um conjunto complexo de fatores que envolve aspectos institucionais, culturais e sociais que, no caso do Brasil, tendem a ser adversos. Por exemplo, a trajetória tecnológica que caracterizou a formação do parque industrial brasileiro, baseada no modelo de industrialização substitutiva de importações, foi sustentada por elevado protecionismo que favoreceu a cultura da imitação, desestimulou o desenvolvimento de uma cultura de inovação. Outros fatores: baixo dispêndio em P&D, em relação ao PIB; ao contrário do que ocorre em outros países, parte significativa do financiamento da P&D é feita pelo Estado que tem a maior parte de seus gastos em educação superior (universidades, em especial, pós-graduação), destinando, relativamente, recursos limitados à inovação; carência de profissionais qualificados, especialmente, em áreas das ciências exatas; contrariamente ao que ocorre em países desenvolvidos tecnologicamente, grande parte do pessoal pós-graduado encontra-se empregado pela universidade e não por empresas; baixo nível de investimento no setor de infraestrutura; instituições pouco ou nada ajustadas à nova etapa de desenvolvimento. O projeto de pesquisa buscará investigar formas, estratégias e mecanismos adotados pelos agentes sociais considerados, ou seja, universidade (administração central, pesquisadores e organizações de interface) e setor produtivo (empresas e organizações de interface), em resposta aos estímulos de políticas públicas voltadas à inovação e ao processo de catching up tecnológico, com base na interação universidade-empresa, e às exigências do novo modelo de desenvolvimento econômico-social. Serão selecionadas pequenas, médias e grandes empresas inovadoras que desenvolvam atividades de P&D e que tenham experiência de parcerias com universidades; escritórios de transferência de tecnologia em universidades; pesquisadores, que coordenam projetos de P&D com empresas ou tem participado de contratos de transferência de tecnologia. A pesquisa será realizada nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina; Rio de Janeiro e Minas Gerais – estados que se destacam pela presença de parques tecnológicos e experiências bem sucedidas entre universidade e empresas, nacionalmente reconhecidos.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Maria Malmonge

Engenharias

Engenharia Biomédica
  • arcabouços biorreabsorvíveis para engenharia tecidual de enxertos vasculares
  • Segundo a Organização Mundial da Saúde, as doenças cardiovasculares estão dentre as maiores causas de morbidade e mortalidade da sociedade moderna, chegando a atingir o patamar de aproximadamente 30% dos óbitos registrados no mundo. No Brasil, as doenças cardiovasculares representam as principais causas de morte, tendo sido responsáveis por 20% de todas as mortes em indivíduos acima de 30 anos em 2011. Em 2009 as doenças cardiovasculares representavam quase o dobro de impacto em relação à mortalidade geral, comparadas às neoplasias e a terceira maior causa de hospitalizações no Sistema Único de Saúde (SUS), correspondendo a um total de R$1,9 bilhões ou 19% do custo total com hospitalizações. Doenças que afetam os vasos sanguineos, tais como a arteriosclerose normalmente evoluem até a obstrução do vaso e isquemia do tecido. Em situações clínicas deste tipo, faz se necessário a substituição ou regeneração do vaso para restabelecer a macrocirculação ou em casos de regeneração tecidual, é fundamental a angiogenese. A engenharia tecidual aplicada à regeneração vascular vem proporcionando resultados significativos devido aos avanços da micro/nanotecnologia e engenharia de células tronco. O Sistema circulatório é composto por 3 tipos de vasos sanguineos: artérias, veias e capilares. Todos possuem estrutura formada por 3 camadas, sendo cada uma delas composta por tipos distintos de células e composição. Simplificadamente descrevendo, a camada interna é recoberta por tecido endotelial, a intermediária constituída de tecido muscular liso alternando com placas de elastina e a camada externa composta por fibras de colágeno. No caso de lesões ou processos degenerativos de vasos sanguíneos, as cirurgias para enxerto de vasos empregando autoenxertos constituem o procedimento padrão para o caso de vasos de pequeno diâmetro (< 6 mm). No caso das artérias coronárias a faixa típica de diâmetro é 3 – 4 mm e estas, quando acometidas por arteriosclerose ou aneurisma é de difícil enxerto devido a disponibilidade limitada de vasos sintéticos e de origem biológica de pequenos diâmetros. Assim, a engenharia tecidual representa alternativa para regeneração do tecido e restauração de sua função. Além da não trombogenicidade, dentre as propriedades determinantes do desempenho de um arcabouço destacam-se o comportamento mecânico, bem como a porosidade/permeabilidade da estrutura. Assim sendo, este projeto visa o desenvolvimento de biomateriais e arcabouços poliméricos para uso em engenharia tecidual de enxertos vasculares, isto é, para uso em medicina regenerativa de lesões ou processos degenerativos de vasos sanguíneos.
  • Universidade Federal do ABC - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria Moraes Chada

Lingüística, Letras e Artes

Artes
  • práticas musicais no pará
  • O Estado do Pará é paisagem de múltiplas cenas musicais, sendo mais patentes a das bandas de rock; a das manifestações da tradição oral como o carimbó, o siriá, as quadrilhas, os bois, os cordões de pássaro e a guitarrada; a da chamada Música Popular Paraense (MPP) e, também, a das músicas da periferia, comumente referidas na cidade como músicas brega, além das chamadas músicas “erudita” e as “religiosas.” Entretanto, os dados hoje disponíveis sobre o que denominamos “cultura musical paraense”, embora esforços estejam sendo realizados, estão longe de representar o universo musical diversificado produzido no Estado do Pará. Nosso ponto de partida, consequentemente, foi a constatação de repertórios específicos existentes no Estado. Lançando mão do instrumental teórico oferecido pela etnomusicologia e pelos estudos culturais propomos a produção de conhecimento sobre as práticas musicais existentes no Pará e o exame, catalogação e registro das práticas musicais já investigadas, considerando, conforme o caso, as relações entre música e cultura, música e religião, música e educação, música e contextos urbanos, música e tradição oral, entre outros. Esta proposta é contínua e abriga vários subprojetos, desenvolvidos e/ou orientados pela proponente. Contribuir para o estudo da música no Pará, considerando as possíveis relações entre as diversas práticas musicais existentes no Estado e os diversos aspectos da cultura paraense; ampliar o acervo já existente no LabEtno da UFPA sobre prática musical no Pará e disponibilizá-lo à comunidade, assim como incrementar e potencializar o desenvolvimento da área de etnomusicologia na região Norte, são as principais metas da proposta.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Maria Rummert

Ciências Humanas

Educação
  • educação de jovens e adultos trabalhadores no brasil e em portugal. reconstrução histórica à luz da relação trabalho e educação
  • O projeto EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS TRABALHADORES NO BRASIL E EM PORTUGAL: reconstrução histórica à luz da relação Trabalho e Educação, pretende proceder à análise comparada entre Brasil e Portugal. Nesta pesquisa serão abordados dois períodos históricos do Brasil republicano: de 1930 a 1945 ou Era Vargas, que abriga o Estado Novo brasileiro, e o período compreendido entre 1946 a 1964, denominado por vários historiadores como interlúdio democrático. No caso de Portugal pretende-se analisar o período da Primeira República, de 1910 a 1926, bem como o período do Estado Novo português, de 1926 a 1974, finalizando com destaque para os anos de 1974-1975, período historicamente marcado pela Revolução dos Cravos. A análise a ser empreendida à luz da relação Trabalho e Educação visará reunir, de forma sistematizada e orgânica, conhecimento sobre a educação da classe trabalhadora, em particular quando concebida e empreendida pela própria classe. O contraponto deste estudo de caráter histórico será constituído pela continuidade da análise das atuais políticas de governo nos dois países por considerarmos que, muitas vezes, tais iniciativas, em graus diferenciados, se alimentam de reivindicações e proposições da classe trabalhadora, no permanente processo de correlação de forças. Avançar na análise dessas reivindicações e, mais do que isso, trazer à luz as iniciativas da classe trabalhadora que constituíram, de certo modo, fontes inspiradoras embora esvaziadas de seus princípios e objetivos fundamentais, é uma tarefa ainda a ser realizada em dimensão mais significativa, como exposto no corpo do projeto. Contribuir, portanto, para a ampliação do conhecimento já produzido visando a dar maior relevo e visibilidade à ação da classe trabalhadora em prol de sua própria educação constitui o propósito amplo do projeto aqui apresentado.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sônia Nair Báo

Ciências Biológicas

Morfologia
  • estudos in vitro e in vivo da atividade antitumoral de nanopartículas lipídicas sólidas associadas ao docetaxel e derivados da 4-hidroxi-3metóxi-benzaldeído em carcinoma mamário
  • Apesar dos avanços terapêuticos dos últimos anos, o câncer continua sendo responsável por uma alta taxa de mortalidade dentro das populações humanas e os medicamentos utilizados no tratamento dessas doenças provocam uma série de efeitos adversos. O nosso grupo de pesquisa vem investigando nestes últimos anos compostos a base de ródio utilizando a nanobiotecnologia com o objetivo de melhor distribuição, buscando atingir as células/órgãos alvos e conseguinte diminuir os eventos adversos proveniente do tratamento. Apesar dos elencos de estudos em andamento, associando-se ao tratamento convencional, ainda em uso, permanecem insatisfatório os resultados para diminuir o ônus global do câncer. Há, portanto, uma necessidade urgente da busca por novos compostos com atividade antimitótica para uso no tratamento do câncer, visando melhorar a qualidade e principalmente aumentar a expectativa de vida destes pacientes. Uma vez que o docetaxel é um dos tratamentos mais eficazes para o câncer de mama, entretanto, seus efeitos adversos representam um desafio em longo prazo para a saúde do paciente, o impacto esperado com a execução deste trabalho é desenvolver um sistema de entrega de drogas por meio de nanopartículas que proporcione o direcionamento destes fármacos aos tecidos tumorais. Isto gera a redução da quantidade de droga necessária para causar uma resposta satisfatória e ou a redução da concentração de drogas no sítio não alvo. Assim como, identificar compostos derivados da 4-hidroxi-3metóxi-benzaldeído que, em menores concentrações de uso, sejam mais potentes que os medicamentos já utilizados no tratamento do câncer, apresentando menos citotoxicidade para as células normais e, portanto, menos efeitos adversos em decorrência do tratamento.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Sonia Regina Lambert Passos

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • avaliação cardiológica de recém natos e lactentes com exposição vertical ao zika vírus.
  • No início do ano de 2015, o Ministério da Saúde do Brasil passou a receber notificações de quadros de doença exantemática que apresentavam evolução benigna com regressão espontânea. Em abril desse mesmo ano, foi identificado na Universidade da Bahia, pela primeira vez no Brasil, o vírus Zika. No final do ano de 2015 foi constatado um aumento do número de notificações de recém natos portadores de microcefalia, inicialmente no Nordeste brasileiro e, logo em seguida, em todas as regiões do Brasil e até aquele momento, a associação de infecção pelo vírus Zika na gravidez e conceptos com microcefalia ou com outras malformações congênitas não havia sido relatada na literatura. Justificativa: Não há na literatura nenhum dado sobre possíveis alterações cardiológicas estruturais em bebês expostos à infecção vertical pelo vírus Zika e outros flavivírus, tornando uma pesquisa com esse objetivo não só relevante nesse momento da saúde pública mundial, mas também, inédita. Objetivos:Objetivo:Descrever alterações cardiológicas congênitas de recém natos e lactentes diagnosticados com exposição vertical ao Zika vírus e contextualizar com as alterações cardiológicas associadas a infecções por outros flavivírus Método: Estudo observacional de avaliação cardiológica (ecocardiograma e Holter de 24 horas) e de confiabilidade das medidas cavitárias e de fração de ejeção obtidas pelo ecocardiograma, de uma amostra de bebês que compõem a coorte do estudo “Exposição Vertical ao Zika vírus e suas Consequências para o Neurodesenvolvimento da Criança” aprovada no CEP do Instituto Fernandes Figueira(IFF) com o número CAAE 52675616.0.0000.5269. A amostra de 139 bebês será obtida com a entrada sequencial desses bebês na coorte do estudo principal a partir de junho de 2016. Através do ecocardiograma serão descritas alterações estruturais (cardiopatias congênitas) e realizadas medidas cavitárias (átrio esquerdo, aorta, ventrículo esquerdo em diástole e sístole e fração de ejeção). Para o estudo de confiabilidade serão selecionados aleatoriamente 44 bebês que terão o ecocardiograma realizado por dois examinadores independentes e obtido o Coeficiente de Correlação Intraclasse das medidas cavitárias e da fração de ejeção e que será considerado indicativo de correlação pobre (< 0,4), satisfatória (0,4≤ CCI ≤ 0,75) e excelente (> 0,75). Resultados esperados: Até esse momento não há como prever os resultados que serão obtidos com a avaliação cardiológica dessa coorte de bebês. Espera-se que esse estudo possa contribuir com informações inéditas na literatura e que essas informações contribuam com uma melhor alocação dos recursos da saúde pública no Brasil e no mundo.O estudo de confiabilidade permitirá uma avaliação dos resultados obtidos nos ecocardiogramas executados pelos cardiopediatras do IFF, orientando ou não para a necessidade de maior padronização no uso dessa ferramenta diagnóstica.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RJ - Brasil
  • 17/10/2016-31/10/2020
Foto de perfil

Sonia Regina Lourenço

Ciências Humanas

Antropologia
  • cosmopolíticas quilombolas: a relação afroindígena, a terra e os territórios
  • A experiência de pesquisa de campo forneceu um solo etnográfico fértil a partir do qual a proposta de pesquisa apresentada se encontra assentada. A reflexão focaliza a perspectiva e as relações que os quilombolas estabelecem entre os seres humanos e não-humanos que conferem à vida nos quilombos, os sentidos do habitar, do viver e da extensão do sentido de humanidade para além dos seres humanos, incorporando plantas, animais e seres sobrenaturais como sujeitos que coabitam o mundo. Neste projeto de pesquisa, pretende-se estudar como a cosmologia destes coletivos negros se constitui de fluxos e pertencimentos, composições e criações que apontam para teorias locais sobre a natureza, o território e a vida, delineando, assim, os contornos e os modos de existência afroindígenas. Os encontros entre a população africana e os povos indígenas no estado de Mato Grosso presentes tanto nas narrativas de viajantes quanto nas narrativas de quilombolas e indígenas contemporâneos apontam para a existência de composições e criações ético-estéticas no sentido cosmopolítico de outros mundos possíveis.
  • Universidade Federal de Mato Grosso - MT - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Sonia Silveira Ruiz

Ciências Humanas

Educação
  • fecitec-unip: um evento integrador de áreas de conhecimentos e niveis de ensino e descobridor de novos talentos
  • No intuito de produzir e difundir conhecimento e participar da vida social da comunidade, é papel das universidades e centros de pesquisa encontrar os desafios da sociedade para construir objetos que respondam aos seus preceitos fundamentais. É com este intuito que, apoiadas no conhecimento, estas instituições podem transpor as barreiras da divisão de classes sociais, oferecendo produtos apropriados às necessidades sociais de cada local ou região. Seguindo esta tendência, o ensino, por meio da produção e execução de projetos, possibilita o reconhecimento das características da realidade regional, onde os resultados se apresentam embasados na ciência para a produção de tecnologia e inovação. Ainda neste sentido, as Feiras de Ciências tem se apresentado como eventos realizados, comumente, nas escolas, mas abertos à comunidade em geral, com a finalidade de oportunizar a troca de experiências e de conhecimentos entre os visitantes e os expositores, além de estimular a criatividade e a disseminação da produção científica dos envolvidos. Assim, através da presente proposta, objetiva-se buscar apoio financeiro a projeto que visa contribuir, significativamente, para o desenvolvimento científico e tecnológico da comunidade escolar de Bauru, SP: a V FECITEC – UNIP – V FEIRA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA- UNIP- BAURU, um evento que, à semelhança das edições anteriores, financiadas pelo CNPq, viabilizará, a alunos e docentes de escolas da Educação Básica de Bauru, a divulgação de seus projetos científicos ou tecnológicos. O evento será organizado por equipe constituída por seis pesquisadores da UNIP, campus de Bauru, instituição proponente, e integrantes do GEPETEC-UNIP - GRUPO INTERDISCIPLINAR DE ESTUDOS E PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Através de um processo de sensibilização dos coordenadores pedagógicos e docentes, será incentivada a participação de alunos das unidades escolares do município de Bauru, para a apresentação de trabalhos de montagem, informativos e investigatórios. O desenvolvimento do presente projeto beneficiará a comunidade escolar da Educação Básica de Bauru; a comunidade acadêmica da UNIP, de diferentes áreas de conhecimento; a comunidade bauruense e o próprio processo educacional. Um Regulamento sobre a Feira de Ciência e Tecnologia foi desenvolvido nas edições anteriores do evento, mas poderá sofrer alterações, quando melhor analisado pelas Comissões Organizadora e de Avaliação dos projetos das escolas, na dependência da aprovação da presente proposta. Porém, muitas destas regras e/ou critérios foram, inicialmente, discutidos pela equipe proponente e executora da mesma, e encontram-se discriminados na presente proposta. A Feira de Ciências deverá reunir um mínimo de 40 (quarenta) trabalhos científicos, elaborados e propostos por estudantes e docentes de escolas públicas e privadas da Educação Básica, a partir do 6º ano do Ensino Fundamental. Espera-se que, com o desenvolvimento deste projeto, haja sensibilização de, pelo menos, 40% das escolas componentes da amostra total da população-alvo; que os docentes incrementem a adoção de práticas de investigação, elaboração de projetos e execução de experimentos científicos, no cotidiano escolar; que a divulgação dos trabalhos científicos seja, ainda, ampliada com a publicação dos mesmos em revistas locais, em eventos de natureza semelhantes, ou mesmo através de sites educacionais. A FECITEC--UNIP vem sendo realizada desde o ano de 2012. Nestes quatro anos de execução, conseguimos obter resultados significativos (tab 1) Tabela 1 - Dados relativos aos números obtidos nas quatro edições da FECITEC-UNIP. Número do processo CNPq Ano de desenvolvimento do projeto CNPq Número de projetos apresentados Número de alunos autores Número de professores orientadores 563884/2010-0 2012 47 115 9 2013 46 68 10 458940/2013-5 2014 45 94 17 2015 32 79 15 Pelos dados acima, observamos que, com a aprovação do projeto para o biênio 2012-2013, realizamos dois eventos, num total de 93 projetos de pesquisa inscritos e apresentados. Desta edição, tivemos vários trabalhos contemplados com troféus e três alunos foram indicados para bolsistas Iniciação Científica Júnior. De forma semelhante, com a aprovação do projeto para o biênio 2014-2015, realizamos dois eventos, num total de 77 projetos de pesquisa inscritos e apresentados. Desta edição, de forma semelhante, vários expositores receberam troféus e cinco alunos foram indicados para bolsistas Iniciação Científica Júnior. Pelo menos um destes ex-bolsistas do CNPq foi aceito pelo Instituto de Tecnologia de Massachuetts para cursar graduação, com 91% de bolsa de estudo. Com a aprovação da presente proposta, é nossa intenção realizar dois eventos: a V e a VI FECITEC-UNIP. Temos uma infraestrutura física e humana, que nos garante a realização destes eventos anualmente, buscando, cada vez mais, a aproximação entre a comunidade acadêmica e a comunidade bauruense, intraescolar e extraescolar.
  • Universidade Paulista - SP - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Soniza Vieira Alves Leon

Ciências da Saúde

Medicina
  • caracterização dos fenótipos neurológicos, imunológicos e de polimorfismos de genes com função imune nas infecções por vírus zika, chuicungunya e doenças correlatas
  • O objetivo deste estudo é contribuir para o diagnóstico clínico e fisiopatológico da infecção por ZIKV e doenças correlacionadas, investigando os fenótipos neurológicos, imunológicos e perfil de susceptibilidade genética associados a manifestações do sistema nervoso de indivíduos infectados. A patogênese das infecções virais agudas e crônicas, e o desenvolvimento de doenças autoimunes podem ter gatilho viral e estão ligadas a distúrbios no compartimento das células T, e o presente projeto irá conduzir uma análise fenotípica e funcional das células T de pacientes infectados pelo ZIKV, CHIV e doenças correlatas. As manifestações neurológicas e os fenótipos imunológicos serão correlacionados com o perfil de susceptibilidade genética de polimorfismos HLA e não-HLA. METODO Estudo prospectivo, incluirá pacientes infectados comprovados laboratorialmente, sem distinção de idade e etnia Para alcançar essas metas vamos Investigar a frequência das diferentes manifestações neurológicas de pacientes infectados pelo ZIKV e doenças correlacionadas; estabelecer a correlação dos diferentes fenótipos de acometimento do sistema nervoso com o perfil imunológico analisando a frequência de Thf em relação aos outros fenótipos de células T (Th1/Tc-1, Th17/Tc-17 e Tregs); determinar a frequência de células Th1/Tc-1, Th17/Tc-17 e Tregs específicas para o ZIKV e CHYV; analisar o perfil de citocinas inflamatórias e anti-inflamatórias no sangue periférico e de células T ativadas em cultura; correlacionar o perfil de citocina avaliado in vivo e in vitro com as manifestações neurológicas e em pacientes infectados sem manifestações neurológicas; estabelecer o perfil de susceptibilidade genética de pacientes infectados com e sem manifestações do sistema nervoso investigando os polimorfismos associados ao sistema HLA e não-HLA de genes com função na resposta imune; avaliar a frequência de células Th1/Th17 e Tregs no sangue periférico de pacientes manifestações neurológicas durante as fases aguda e de remissão; correlacionar e comparar os parâmetros imunes analisados nos pacientes com os diferentes fenótipos neurológicos e com a evolução da doença avaliado pelo nível de incapacidade. Análise do perfil imunológico Será conduzida uma análise fenotípica e funcional das células T desses pacientes para identificar possíveis fatores de risco associados com os fenótipos clínicos neurológicos encontrados e a evolução da doença. Para tanto a heterogeneidade funcional da população de células T, e uma análise acurada dos diferentes subtipos de células T é criticamente dependente de um citômetro de fluxo multicolor capaz de medir, simultaneamente, 11 distintos parâmetros por célula. Esse recurso está sendo solicitado neste projeto. Pesquisa de polimorfismos de genes HLA classe II e não-HLA As amostras coletadas para este estudo serão submetidas à extração de DNA genômico por método orgânico, de acordo com o protocolo adaptado de Carvalho e colegas (2010). Neste processo, 50,0 μl de sangue periférico ou um picote de 3,0 mm de papel FTA® embebido de sangue serão transferidas para um tubo com capacidade para 1,5 ml e misturados a 500 μl de fenol:cloroformio:alcool isoamilico. Será ainda realizada análise de vários SNPs em genes relacionados com a resposta imune não-HLA e relacionados ao desenvolvimento de doenças imunomediadas. Os SNPs investigados nesse estudo utilizarão a plataforma ION PGM com metodologia AmpliSeq™ Sample ID Panel (Thermo Fisher Scientific). Os genes candidatos foram selecionados a partir de vários estudos de associação já publicados por nosso grupo em pacientes com doenças imunomediadas associadas a mecanismos neuroinflamatórios [11-13], incluindo epilepsias que podem ser manifestação das encefalites por ZIKV [14]. Incluiremos assim os polimorfismos: MMP9 rs3222264, MMP9 rs3918242, TNFα rs1800629, CLEC16A (CIITA) rs7200786, IL22RA2 rs17066096, IL7 rs1520333, IL2RA rs3118470. Análise estatística Os dados obtidos serão armazenados em planilhas diferentes (neurológicos, imunológicos e de polimorfismos de genes HLA e não-HLA) para posteriormente serem analisados com o auxílio do programa de análise estatística por computador (SPSS for Windows). Será realizada estatística descritiva para cada variável de desfecho. Os resultados de diferentes grupos serão comparados por ANOVA com comparações múltiplas pareadas e por tabelas de contingência, ou coeficientes de correlação serão utilizados para análise de variáveis numéricas quantitativas. Para comparações de medidas consecutivas, ou antes e após tratamento, ou de áreas acometidas e não-acometidas dos mesmos indivíduos, será utilizado teste-T pareado ou o teste de Wilcoxon. Para correlação entre parâmetros de marcadores imunológicos e desfechos clínicos será aplicado o teste de correlação de Pearson, considerando correlação positiva leve (>25), moderada (>50) e robusta (>75). O nível de significância será estabelecido em p<0,05. Os resultados encontrados para os alelos HLA-Classe II e os polimorfismos dos genes não-HLA serão considerados estatisticamente significativos somente após a correção de Bonferroni pelo número total de alelos. Os achados que indicaram possível tendência de relação com a susceptibilidade à doença deverão ter p valor <0,05 após a correção de Bonferroni. RESULTADOS ESPERADOS Os principais resultados esperados estão baseados na perspectiva de avanço no conhecimento dos mecanismos associados as manifestações do sistema nervoso de pacientes infectados por ZIKV, CHIV e doenças correlatas. Assim, esse projeto tem como metas e resultados esperados: identificação de biomarcadores e marcadores de susceptibilidade genética; identificar a prevalência de manifestações neurológicas na coorte de pacientes infectados acompanhados pelos neurologistas e infectologistas do HUGG e HUCFF; contribuir no estado da arte da infecção do ZIKV, CHIV e doenças correlatas no que concerne as manifestações neurológicas.
  • Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/11/2016-31/10/2020