Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Ruth Marlene Campomanes Santana

Outra

Ciências Ambientais
  • desenvolvimento de embalagens biodegradáveis a partir de fontes naturais
  • Os polímeros sintéticos auxiliam no cotidiano das pessoas devido à sua praticidade e durabilidade. No entanto, os recursos petrolíferos são finitos e, além disso, o aquecimento global causado pelo processo de combustão de combustíveis fósseis, aliado ao descarte incorreto destes produtos, tornou-se um grande problema ambiental. Desta maneira, a substituição de materiais sintéticos por materiais de fonte natural vem se tornando indispensável, uma vez que estes possuem uma vida útil muito menor, causando menor impacto ambiental. Dentre os polímeros naturais estão as proteínas e os polissacarídeos, os quais possuem excelentes propriedades, tais como, capacidade de produzir filmes e lâminas com boa transparência e interessante barreira ao oxigênio e a odores, comparadas a outros biopolímeros. No entanto, a utilização destes materiais ainda é bastante limitada devido à sua baixa resistência mecânica, estabilidade térmica e de barreira à umidade. Nesse sentido, este projeto visa estudar a possibilidade de produzir filmes e lâminas para a produção de embalagens flexíveis, como sacolas e embalagens para frutas, e embalagens semi-flexíveis, como utensílios termoformados, respectivamente, utilizando como matérias-primas proteína de soja isolada (PSI) e concentrada (PSC), assim como gelatina comercial (ambas plastificadas com Glicerol (Gli)) e também o polissacarídeo xilana, extraído da casca de arroz. E para reduzir sua hidrofilicidade e, portanto sua instabilidade física de estes materiais será avaliada o efeito da reticulação com o uso de agentes reticulantes naturais como o ácido tânico e o ácido cítrico nas propriedades dos filmes. O projeto é dividido em três estudos distintos, nos quais em dois deles o processamento será pelo método Casting e um deles utilizará o método de homogeneização em câmara de misturas seguida por moldagem por compressão em prensa hidráulica. A caracterização dos materiais obtidos será realizada mediante análise das propriedades de barreira, mecânicas, térmicas, químicas, físicas, reológicas e de biodegradabilidade. Resultados de esses estudos serão divulgados em congressos e artigos científicos e em dissertações de mestrado.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022