Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Gilsonley Lopes dos Santos

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • influência da ação antrópica e da variabilidade climática nos atributos edáficos e na vegetação na área de proteção ambiental do rio pandeiros-mg
  • O Cerrado representa um importante patrimônio cultural para o Norte do estado de Minas Gerais, no entanto as atividades antrópicas têm causado a degradação desse bioma em função da grande oferta de recursos naturais. Porém, essa degradação ambiental ao longo do tempo tem causado uma aceleração na deterioração desse bioma em função das suas fragilidades ecossistêmicas. Apesar da elevada taxa de degradação do Cerrado, no estado de Minas Gerais ainda são encontradas importantes formações florestais que fazem parte desse bioma, as quais estão inseridas em unidades de Conservação. Dentre as formações florestais do Cerrado presentes no estado de Minas Gerais, a Vereda é uma das que mais destaca devido a suas características peculiares de dinâmica populacional, ocorrência, exigências e funções ecológicas. No entanto, trata-se de uma formação florestal frágil que ao longo das últimas décadas tem sido submetida a processos de antropização de forma drástica. No Norte de Minas Gerais a unidade de conservação Área de Proteção Ambiental (APA) rio Pandeiros tem boa parte da sua área representada por ambientes de Veredas, os quais têm sofrido diversos impactos ambientais. Assim, a hipótese deste estudo é que os atributos químicos e físicos da área dos ambientes de Veredas e a dinâmica da vegetação na APA do rio Pandeiros são afetados pela variabilidade climática e pelas ações antrópicas ao longo do tempo. O objetivo é compreender os processos de degradação ambiental e da variabilidade climática que afetam os ambientes de Veredas e a dinâmica da vegetação da APA do rio Pandeiros, Pandeiros-MG. Para isso será realizado uma análise espaço-temporal da dinâmica da vegetação com o uso de imagens orbitais a qual será correlacionada com a variabilidade climática na APA do rio Pandeiros, o levantamento florístico e fitossociológico e a análise dos atributos físicos e químicos do solo em ambientes antropizados e não antropizados de Veredas. Espera obter-se resultados que auxiliem na compreensão das modificações nos solos e na vegetação decorrentes das ações antrópicas e da variabilidade climática. A relevância do projeto deve-se a necessidade da preservação de ambientes nos quais sejam verificados diferentes tipos de ecossistemas, que favorecem a biodiversidade, aumentando a sobrevivência das espécies, frente às consequências da variabilidade climática e ações antrópicas.
  • Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Gilvan Ferreira da Silva

Ciências Agrárias

Agronomia
  • biodiversidade e prospecção de genes e moléculas de interesse biotecnológico com base na microbiota dos sedimentos de rios amazônicos
  • A biodiversidade relacionada a microbiota amazônica tem grande potencial para a identificação novas enzimas, moléculas, prospecção de bioativos e desenvolvimento de novos processos e produtos aplicados às mais diversas cadeias produtivas como agroindústria, indústrias de cosméticos, farmacêutica, alimentícia, ambiental entre outras. Os microrganismos também possuem vantagens na produção de compostos em relação a outras fontes como as plantas, isto se dá em virtude da possibilidade de produção em larga escala, tempo de crescimento reduzido, demandam pouco espaço físico, são mais práticos em termos de edição gênica para “overexpression” e não sofrem efeitos da sazonalidade para a produção. Contudo, apesar do grande potencial, pouco se conhece sobre a composição da microbiota amazônica e os trabalhos para prospecção de biotivos ainda são pontuais e somente focados em organismos cultiváveis, que representam uma fração mínima da microbiota, se considerarmos que mais de 95% é não cultivável. Neste contexto, esta proposta reúne um grupo multidisciplinar formado por 12 instituições nacionais e uma alemã, como o objetivo de caracterizar a biodiversidade e realizar a prospecção de genes e moléculas de interesse comercial com base na microbiota cultivável e não cultivável dos sedimentos dos rios amazônicos. Esta proposta integra ferramentas químicas e “ômicas” para o estudo e desenvolvimento de produtos e processos baseados em microrganismos, mesmo aqueles não cultiváveis in vitro, serão aqui explorados por meio da metagenômica funcional via NGS (Next Generation Siquencing) e bibliotecas de expressão. Permitindo deste modo, a identificação de novos genes e vias de biossíntese para compostos com potencial biotecnológico. Além disto, os genomas completos de linhagens produtoras com moléculas bioativas serão obtidos para: 1- transformar estes organismos em verdadeiras biofábricas para a produção de moléculas aplicadas a diversas cadeias produtivas; 2- expressão de clusters crípticos por meio da utilização de DiPac (Direct Pathway Cloning); 3- viabilizar modificações genéticas que vão desde a “overexpression” de um determinado gene que codifica uma enzima chave em uma via metabólica de interesse e com efetiva aplicação biotecnológica ou 4- “deleção” de genes relacionados à produção de compostos citotóxicos quando for o caso; 5- desenvolvimento de atividades onde a genômica e sua correlação com a produção de metabólitos secundários são fatores indissociáveis para a agregação de valor, elaboração de novas metodologias e obtenção de patentes.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - AM - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Gilvan Pessoa Furtado

Ciências Biológicas

Bioquímica
  • desenvolvimento de fragmentos de anticorpos anti-cd20 com alta afinidade para aplicação na imunoterapia celular por car-t-cell
  • Câncer é o nome dado a um conjunto de doenças que têm como características comum o surgimento e crescimento desordenado de células anormais. Os diversos tipos de câncer estão entre as doenças que mais afetam a população mundial, com cerca de 14 milhões de novos casos por ano, sendo que, em muitos deles, não existem tratamentos eficazes e, portanto, a busca por novas drogas e agentes antitumorais têm sido o maior desafio da indústria farmacêutica. Diante disso, a imunoterapia tem surgido como uma abordagem promissora no tratamento de diversas neoplasias, estratégia em que o sistema imune do próprio paciente é artificialmente estimulado a responder contra as células malignas que podem representar uma ameaça. Recentemente, a utilização de células T engenheiradas para expressar Receptores de Antígenos Quiméricos (CARs) tem demonstrado excelente resposta clínica, especialmente no tratamento de neoplasias hematológicas. A imunoterapia com CAR-T-cells envolve a tecnologia de transferência gênica, em que os linfócitos T do paciente são retirados e modificados, sendo a região de reconhecimento do antígeno substituída por um fragmento de um anticorpo específico para o alvo tumoral, aumentando o potencial citotóxico dessas células e levando à morte das células malignas. O principal formato utilizado para esse fim são os fragmentos variáveis de cadeia única (scFv) e para garantir o sucesso do tratamento, o fragmento do anticorpo utilizado deve possuir alta especificidade para o marcador tumoral, a fim de evitar off-targets e uma afinidade ideal, capaz de gerar uma ativação correta dos linfócitos. Assim, o desenvolvimento do scFv é uma etapa fundamental no processo da imunoterapia celular e abordagens modernas de engenharia de proteínas podem ser usadas para desenvolver o fragmento ideal. Este trabalho propõe a obtenção de fragmentos de anticorpos do tipo scFv que apresentem diferentes afinidades pela molécula do CD20, uma proteína altamente expressa na superfície celular de células B em linfomas e que tem sido alvo para diversas construções de CAR. Os scFv serão obtidos a partir da estrutura do Rituximabe, um mAb anti-CD20 usado com sucesso na clínica. Para isso serão empregadas duas abordagens, uma utilizando evolução dirigida, através de mutagênese aleatória e rastreamento por phage display e outra por mutagênese sítio dirigida, a partir de mutações propostas por análise de simulação de dinâmica molecular (desenho racional). A capacidade dos scFv selecionados de promover ativação linfocitária será avaliada por ensaios de ELISA, citometria de fluxo e biologia molecular para dosagem de citocinas, marcadores de superfície celular e ativação de fatores de transcrição. Espera-se com esse estudo a obtenção de novas construções gênicas de CAR anti-CD20, para serem submetidos a testes in vivo em modelos animais e com potencial aplicação clínica na terapia celular, sendo o processo possível de ser expandido a outros alvos.
  • Fundação Oswaldo Cruz - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Gilvanda Silva Nunes

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • poluentes atmosféricos na amazônia oriental: monitoramento por biossensores acoplados a drones
  • Diversas atividades humanas são capazes de promover mudanças na atmosfera da Terra, e têm alterado as concentrações dosgases de efeito estufa (GEE), e, consequentemente, a radiação solar que fica retida na atmosfera contribui para o aquecimento global. As plantas têm sido particularmente afetadas pelas mudanças climáticas, pois se adaptam mais lentamente e se deslocam com menos facilidade. Consequentemente, isto tem afetado os animais que delas dependem. Estudos acerca das mudanças climáticas baseados em monitoramentos de concentrações de gases poluentes em regiões de difícil acesso, como por exemplo a Floresta Amazônica, são extremamente complicados. O presente projeto será desenvolvido mediante parceria com os grupos de pesquisa dos doutores Scot Martin (Universidade de Harvard, expert em monitoramentos de GEEs) e Jean-Louis Marty (Universidade de Perpignan, França, perito na construção de biossensors) e objetiva desenvolver biossensores amperométricos e acoplá-los a drones, a fim de realizar estudos de monitoramentos dos principais GEEs em parte da Amazônia Oriental, especialmente na Pré-Amazônia maranhense (PAM). Serão desenvolvidos e otimizados os biossensores amperométricos baseados na inibição de enzimas específicas pelos GEEs. Estes serão acoplados a minitransdutores e a drones, e o sistema será usado para medir as concentrações relativas dos GEEs na atmosfera, em locais da PAM previamente selecionados. Por fim, serão feitas modelagens de dispersão dos poluentes atmosféricos, considerando variáveis e processos intrínsecos da Floresta Pré-Amazônica e dos seus fragmentos. A adoção dessa plataforma de monitoramento real dos GEE na atmosfera, viabilizará outros estudos em quaisquer áreas do Planeta e contribuirá com os organismos de controle, em especial MMA e IBAMA, oferecendo subsídios a tomadas de decisão oficiais.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Gilvano Ebling Brondani

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • produção de mudas micropropagadas e fidelidade genética de dendrocalamus asper
  • A utilização de espécies de bambus no Brasil, ainda é pouco expressiva frente ao seu potencial de aproveitamento de biomassa. Desta maneira, com o intuito de incentivar o cultivo de espécies de bambus no Brasil, em 8 de setembro de 2011, foi sancionada a Lei número 12.484, que instituiu a Política Nacional de Incentivo ao Manejo Sustentado e ao Cultivo do Bambu (PNMCB), que tem por objetivo o desenvolvimento da cultura do bambu no país por meio de ações governamentais e de empreendimentos privados. Dentre as espécies cultivadas no Brasil, destaca-se o Dendrocalamus asper, conhecido como bambu gigante ou bambu balde. É uma espécie exótica e pode ser utilizada para a construção de habitações em muitas áreas rurais, em artesanatos, para a produção celulose, fabricação de papel, fabricação de utensílios domésticos e móveis, alimentação através dos brotos, fibra, biocombustível e fabricação de instrumentos musicais. A espécie pode ser uma alternativa ao eucalipto e pinus para a produção de biomassa, tendo em vista o rápido crescimento e ciclo curto de corte. Porém, ainda não existe tecnologia adequada para a produção de mudas clonais visando o abastecimento do setor industrial, o que dificulta avanços na área do melhoramento e, sobretudo, no desenvolvimento do setor do bambu no Brasil. Para a propagação das espécies de bambus tem-se como alternativa o cultivo in vitro por meio da técnica de micropropagação, podendo resultar em mudas com as mesmas características genéticas da planta matriz. A proposta de pesquisa visa gerar conhecimentos a respeito da micropropagação de D. asper por meio da investigação morfofisiológica de explantes nas fases de multiplicação, alongamento e enraizamento e, dessa forma, estabelecer critérios técnicos e científicos confiáveis para favorecer a produção de mudas em quantidade e qualidade adequadas. No entanto, em alguns casos, é possível observar que essa tecnologia pode ocasionar alterações genéticas conhecidas como variações somaclonais, o que prejudica a fidelidade genética em relação às plantas matrizes. Por esse motivo é de grande importância aprofundar os estudos relacionados a fidelidade genética em mudas obtidas através do cultivo in vitro por meio da biologia molecular, o que poderia garantir clones de elevada qualidade. Portanto, espera-se gerar conhecimentos a respeito da micropropagação de D. asper em larga escala, visando inclusive, difundir a sua aplicação comercial em biofábricas para o abastecimento de mudas no Brasil.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Gina Vidal Marcílio Pompeu

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • responsabilidade social das empresas: alternativa para qualificação, reintegração e ressocialização de egressos do sistema penitenciário do estado do ceará
  • O estudo visa analisar a Responsabilidade Social das Empresas e seu grau de comprometimento diante do contexto da política restaurativa frente aos egressos do Estado do Ceará. Constatada a preocupação do governo federal com a situação sub-humana vivida pelos atuais presos em todo o território nacional, decorrente da superlotação e da falta de infraestrutura, procura-se alternativas para minorar a falta de cumprimento das garantias mínimas de dignidade do encarcerado asseguradas pela Constituição Federal de 1988, bem como por tratados internacionais firmados pela República Federativa do Brasil, a exemplo da Convenção Americana de Direitos Humanos e das Regras Mínimas das Nações Unidas para o Tratamento de Presos (Regras de Mandela). Segundo informações constantes do Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen), nos períodos de 1990 a 2014, a população carcerária aumentou em 575%, o que demonstra que as políticas públicas já implementadas não estão conseguindo melhorar o sistema penal vigente, quiçá ressocializar os presos. Não bastasse esse quadro, a precarização das estruturas carcerárias corrobora para perpetuação da violência sistematiza no âmbito prisional, bem como para a depreciação da personalidade do preso. Diante desse quadro, constata-se que o Estado de per si não consegue inverter essa situação, nesse diapasão é necessário que outros atores participem do processo de ressocialização dos egressos, como contributo pelas benesses recebidas da sociedade, a exemplo das empresas que recebem capital público. Urge que o Estado lance políticas públicas que visem encontrar parceiros privados que auxiliem no implemento da ressocialização dos egressos, nos moldes da que foi publicada pela PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 3, DE 11 DE SETEMBRO DE 2018, pelo Ministério da Segurança Pública, que obriga empresas contratadas pelo governo federal a empregar presos ou egressos do sistema prisional com o fito de torna-los aptos ao reingresso na sociedade de forma minimamente digna e com possibilidades de empregabilidade.
  • Universidade de Fortaleza - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giorgio Basilici

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • organização espacial e temporal de paleossolos e depósitos em sistemas fluviais(formações esplugafreda e claret, paleoceno-eoceno dos pirenéus orientales, catalunya)
  • Paleossolos são solos enterrados, cobertos por sedimentos ou por paleossolos mais novos. Os paleossolos são frequentemente interestratificados a depósitos nas sucessões sedimentares continentais. Por este fato, e porque os paleossolos representam um cofre de informações paleoambientais e estratigráficas s.l., não podem ser desconsiderados no estudo dos depósitos continentais. Um solo é de fato um sistema aberto durante todo seu desenvolvimento (102-106 anos), que registra todo o que acontece na atmosfera acima e pouco abaixo da sua superfície. Em contrapartida, a formação de um depósito é um processo de curta duração (poucos minutos até poucos dias) associado, em geral, a eventos excepcionais. Este projeto propõe estudar os paleossolos e depósitos que ocorrem interestratificados em sucessões sedimentares de sistema fluviais distributivos. As finalidades deste estudo são definir (i) as condições ambientais de formação dos paleossolos, (ii) sua distribuição espacial (horizontal) em relação à distribuição dos depósitos neste sistema deposicional e (iii) as variações temporais (verticais) de paleossolos e depósitos ligadas a fatores alo- ou autogenéticos do sistema. Sistemas fluviais distributivos são corpos aluviais de grandes dimensões, nos quais um canal principal se divide, da parte proximal à parte distal, em vários canais menores dos quais só um ativo, até desaparecerem ou desembocarem num rio maior ou numa massa de água (lago ou oceano). Embora estes sistemas parecem ser muitos frequentes no registro geológico, o estudo deste, que começou somente no final dos anos 70, teve um impulso a partir do anos 2000. Se o estudo dos depósitos de sistemas fluviais distributivos está engatilhando, aquele dos paleossolos a estes associados é ainda aos primórdios, embora a presença de paleossolos nesta sucessões pode ser superior a 80% da espessura total. A meta deste projeto é gerar um modelo de distribuição 3D de paleossolos e depósitos, quer dizer um modelo que tenha em consideração as variações espaciais e temporais. Para conseguir isto se seguirão os seguintes objetivos parciais: (i) descrição, classificação dos paleossolos e interpretação dos fatores que controlaram o desenvolvimento destes, (ii) definição das variações espaciais e temporais dos paleossolos contidos na sucessão examinada, (iii)comparação dos fatores de controlo dos depósitos (obtido com o compartilhamento dos dados do grupo inglês) com os fatores que condicionaram o desenvolvimento dos paleossolos. Objetivos de "política científica" são: (i) integrar o grupo de pesquisa da UNICAMP com um grupo estrangeiro (Fluvial & Eolian Research Group da School of Earth and Environment, Universidade de Leeds, UK) de notória fama internacional; (ii) favorecer o intercâmbio de recursos humanos e poder atingir a financiamentos internacionais para pesquisa. Para obter os resultados propostos resulta necessário trabalhar numa sucessão sedimentar de excelentes exposições onde possa ser feito um estudo de detalhe de pequena e larga escala. Após convite do pesquisador principal do grupo acima citado (Nigel Mountney), foram escolhidas as Formações Esplugafreda e Claret de idade paleo-eocénica, localizadas nos Pireneus catalães, entre as cidades de Tremp e Arany. Estas unidades apresentam exposições contínuas por mais de 50 km por 350 m de espessura. O grupo inglês nos anos passados estudou parte dos depósitos relevando uma mudança do estilo fluvial em correspondência do episódio de máximo aquecimento global a cavalo entre Paleoceno e Eoceno, dito Paleocene-Eocene Thermal Maximum (PETM). Os métodos de estudo se focalizam na análise macroscópicas de campo, micromorfológica e geoquímica de laboratório dos paleossolos. Todavia, dedicaremos certa parte da pesquisa à análise dos depósitos, compartilhando os dados da equipe inglesa e realizados análises próprias. Detalhes estão no texto do projeto. Esta pesquisa poderá conseguir os seguintes resultados científico-acadêmicos: i) Reconhecer os tipos, a distribuição e as condições de formação de paleossolos e sedimentos de um sistema fluvial de tipo distributivo. ii) Reconhecer os principais fatores de controle dos processos paleopedogenéticos e sedimentares em um sistema fluvial de tipo distributivo. iii) Definir quanto os fatores alogenéticos (externos ao sistema) e autogenéticos (internos ao sistema) possam controlar o tipo e o desenvolvimento dos processos pedogenéticos e deposicionais. iv) Gerar associações entre perfis de paleossolos e depósitos fluviais em função de fatores alogenéticos (por exemplo, precipitações, temperatura, tectônica) e autogenéticos (por exemplo, posição no sistema morfo-sedimentar, posição relativa dos paleossolos e dos depósitos). v) Construir um modelo de distribuição espacial e temporal dos paleossolos e dos sedimentos em um sistema aluvial distributivo. Os resultados científico-acadêmicos acima listados fornecem a base por uma série de atividades técnico-aplicativas, socioeconômicas, ambiental e de divulgação. i) O resultado acadêmico mais importante desta pesquisa (o modelo espaço-temporal de paleossolos e depósitos num sistema fluvial distributivo) pode constituir uma base teórico-científica pela procura de corpos reservatórios de água e hidrocarbonetos, usando os paleossolos como proxies. ii) A reconstrução paleoambiental do sistema deposicional e das suas variações ambientais, baseada na interpretação dos processos pedogenéticos e sedimentares, permitirá realizar previsões de desenvolvimento em sistemas morfo-deposicionais atuais análogos. Em particular, quando estes são relacionados ao marcado incremento da temperatura global, como no caso do episódio dito PETM registrado na Formação Claret. iii) Esta pesquisa pode contribuir à divulgação dos paleossolos como elementos importantes no estudo e no uso aplicativo de sucessões sedimentares continentais.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giorgio Venturi

Ciências Humanas

Filosofia
  • um caso de estudo sobre logica modal não-normal
  • Este projeto mira a estudar lógicas modais não normais com os recursos da lógica modal normal. A hipótese de trabalho deste projeto é que as lógicas não-normal possam ser reduzida, em um sentido a ser explicado, às lógicas normais. O projeto é dividido em dois eixos complementáres: o semântico e o sintatico. Na primeira parte do projeto lidaremos com a possibilidade de transferir resultados de caracterização (correção e completude) do caso normal ao caso não normal; alguns casos particulares deste fenomeno foram monstrados no trabalho do Prof. Gilbert e do Prof. Venturi. Na segunda parte do projeto tentaremos charaterizar as differências entre lógica modal normal e lógica modal não normal de uma perspectiva pura de teoria da prova.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovana Mira de Espindola

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • diagnóstico da ocorrência de incêndios florestais nos parques nacionais da serra das confusões e serra da capivara (pi)
  • Os incêndios florestais que ocorrem periodicamente em Unidades de Conservação (UC’s) causam sensíveis prejuízos econômicos e ambientais. No caso da Caatinga, tais incêndios estão intimamente relacionados a baixa disponibilidade hídrica e secas recorrentes do Semiárido. Para se estabelecer uma política de proteção contra incêndios, faz-se necessário definir o perfil da ocorrência destes eventos, diagnosticando-se sua distribuição espaço-temporal relacionada às condições climáticas, como também ao tipo de vegetação atingida. Assim, a presente proposta contempla o monitoramento e diagnóstico, no período de 2010 a 2017, da ocorrência de incêndios florestais nas PARNA’s Serra das Confusões e Serra da Capivara, no Piauí, por meio da utilização do Sensoriamento Remoto e Geoprocessamento. A área de trabalho engloba aproximadamente 2,5 mil ha, contabilizando-se a área destas duas UC’s, seu entorno, e a área de corredor ecológico entre as mesmas. Busca-se ainda caracterizar os processos de regeneração natural da vegetação em diferentes estágios de crescimento. Os resultados do projeto serão disponibilizados em uma ferramenta SIGWeb educacional. Espera-se que tais resultados possam subsidiar programas de manejo, prevenção e combate a incêndios nas UC’s, tendo-se como base o conhecimento do sistema natural deste ecótono Cerrado-Caatinga.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 11/12/2017-31/12/2020
Foto de perfil

Giovana Mira de Espindola

Outra

Ciências Ambientais
  • abordagem intercultural para o manejo integrado do fogo em terras indígenas no maranhão
  • O Cerrado brasileiro tem sido classificado como um ecossistema de características ecológicas bem marcantes, sendo uma delas a sua dependência do fogo, que apresenta importância tanto nos diversificados efeitos ecológicos que exerce, quanto como ferramenta de manejo de áreas com fins conservacionistas. No Cerrado, a ocorrência periódica de incêndios florestais em Terras Indígenas (TI) tem causado sensíveis prejuízos socioambientais às comunidades locais, apesar de suas fitofisionomias vegetais apresentarem diferentes níveis de adaptação a este fenômeno. Neste bioma, o conhecimento indígena tradicional sobre o uso do fogo é de fundamental importância para se entender as relações entre os regimes de queima natural e as práticas de queima antrópica adotadas, bem como seus impactos na conservação da diversidade biológica e na manutenção dos serviços ecossistêmicos locais. Assim, a presente proposta objetiva promover uma abordagem intercultural, interdisciplinar e participativa para o manejo integrado do fogo em Terras Indígenas no Maranhão. Parte-se do mapeamento participativo do uso do território na TI Bacurizinho, com vistas a elaboração de uma abordagem que contempla o entendimento da dinâmica de ocorrência de fogo nesta TI, e nas do seu entorno, no período de 2008 a 2018, por meio da utilização do sensoriamento remoto e do geoprocessamento. Os resultados do projeto visam contribuir com o melhor entendimento das dinâmicas de fogo na região, e com a elaboração de estratégias de planejamento e implementação de ações adequadas que fortaleçam a conservação e o melhor uso dos recursos naturais em Terras Indígenas do Cerrado.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 01/01/2019-31/12/2020
Foto de perfil

Giovana Tardin Torrezan

Ciências Biológicas

Genética
  • investigação de causas genéticas associadas ao desenvolvimento de sarcomas em idade jovem
  • Os avanços recentes na genômica permitiram o reconhecimento de quase uma centena de novos genes de predisposição ao câncer. Embora o rastreamento genético nestes genes esteja atualmente bem estabelecido para os tumores hereditários mais comuns, há uma série de tumores raros, incluindo sarcomas, que podem estar associados a síndromes de câncer hereditário, mas cujas frequências de mutações nestes genes ainda são desconhecidas. Nesse sentido, um trabalho de nosso grupo recentemente avaliou a ocorrência de sarcomas em uma coorte suspeita para Síndrome de Lynch (SL), e identificou três pacientes no qual a etiologia do tumor estava associada a esta síndrome. Neste trabalho identificamos ainda outros onze pacientes como sendo portadores de sarcomas e tumores colorretais no mesmo indivíduo, ou em indivíduos da mesma família. Ainda, um estudo francês recente identificou que 20% dos pacientes portadores de sarcomas apresentavam variantes patogênicas em 72 genes associados com aumento de risco de câncer, incluindo genes para os quais não havia relatos de aumento de risco para este tipo de tumor. Essas evidências indicam que sarcomas podem representar uma rara manifestação clínica em pacientes com SL e outras síndromes de câncer hereditário do qual não são considerados parte do espectro clássico. Assim, o presente estudo tem como objetivos: definir a frequência de variantes germinativas raras potencialmente patogênicas em genes conhecidos de predisposição ao câncer em pacientes jovens (<40 anos) portadores de sarcomas; descrever os padrões clínicos dos pacientes índices e de seus familiares nas famílias portadoras de variantes raras; ampliar a investigação da relação entre sarcomas e Síndrome de Lynch. Para isso, iremos rastrear 70 pacientes jovens portadores de sarcomas para a presença de variantes germinativas em 106 genes conhecidos de penetrância alta a moderada para tumores hereditários, utilizando sequenciamento de nova geração. Ainda, será realizada análise de expressão dos genes de reparo de mau pareamento (MMR) em amostras de sarcomas de partes moles e osteossacomas de tissue microarrays disponíveis na instituição. Adicionalmente, faremos um amplo levantamento no banco de dados institucional Recruit para identificar pacientes portadores de sarcomas e outros tumores do espectro da SL, como tumor de endométrio, pelve renal e carcinoma sebáceo. Esperamos assim poder contribuir para o conhecimento da frequência e espectro de mutações desses genes na população brasileira com diferentes tipos de sarcomas e com evidências que consolidem os sarcomas como um raro tumor do espectro da SL, colaborando na definição de estratégias de rastreamento efetivas e adequadas para esses pacientes.
  • Fundação Antônio Prudente - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovane Galdino de Souza

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • avaliação da participação do sistema endocanabinóide na antinocicepção induzida pela terapia por ondas de choque
  • A dor musculoesquelética é o tipo mais prevalente de dor, acometendo em até 30% da população mundial e sendo a principal causa de afastamento ocupacional. Diferentes estratégias de tratamento têm sido utilizadas para o seu controle, dentre elas farmacológicas e não farmacológicas. As estratégias não farmacológicas têm crescido muito nos últimos anos, principalmente por serem efetivas contra esse sintoma, por serem economicamente viáveis e por produzirem menos efeitos colaterais, quando comparadas ao tratamento farmacológico. Nesse contexto, estudos têm demonstrado que a terapia por ondas de choque (TOC) apresenta eficácia no controle da dor musculoesquelética. No entanto, os mecanismos envolvidos nesse efeito são pouco elucidados. Desse modo, o presente estudo visa investigar o envolvimento do sistema endocanabinóide na analgesia induzida pela TOC, visto que, esse sistema endógeno é bem descrito envolvido em diferentes estratégias analgésicas. Para tal, serão utilizados ratos Wistar machos, submetidos a um modelo de dor muscular por trauma. O limiar nociceptivo será avaliado pelo teste de von Frey eletrônico e para a investigação farmacológica do sistema endocanabinóide as seguintes drogas serão utilizadas: AM251, antagonista dos receptores canabinóides do tipo 1 (CB1); AM630, antagonista dos receptores canabinóides do tipo 2 (CB2); MAFP, um inibidor da FAAH, uma enzima responsável pela degradação do endocanabinóide anandamida (AEA); JZL184, inibidor da inibidor da monoacilglicerol lipase, uma enzima responsável pela degradação do endocanabinóide 2 araquidonilglicerol (2-AG) e o VDM11, um inibidor da receptação da AEA. Além disso, será avaliado o efeito da TOC sobre a expressão dos receptores canabinóides em medula espinhal e substância cinzenta periaquedutal de ratos pelo ensaio de western blot. A expressão desses receptores também será co-localizada nessas estruturas pela técnica de imunofluorecência. A espectrometria de massa de cromatografia líquida também será utilizada para investigar o efeito da TOC sobre as concentrações de AEA e 2-AG em medula espinhal e substância cinzenta periaquedutal.
  • Universidade Federal de Alfenas - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovani Fiorentini

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • efeitos dos diferentes fontes de fibra combinadas com glicerol na digestibilidade e biohidrogenação de ácidos graxos
  • Modificar o metabolismo microbiano ruminal de ácidos graxos no rúmen através da formulação da dieta é uma forma eficaz de modificar o teor de ácidos graxos insaturados que chegam ao duodeno para serem absorvidos e consequentemente depositados na carne e leite. O objetivo deste estudo será avaliar o efeito da utilização de diferentes fontes de fibras (silagem de milho, cana-de-açúcar e bagaço de cana-de-açúcar) na dieta sobre o consumo de nutrientes, digestibilidade, biohidrogenação ruminal, fluxo e digestibilidade de ácidos graxos em novilhos de corte alimentados com dieta com alto concentrado e 10% de glicerina bruta na matéria seca. O experimento será realizado na Faculdade De Agronomia Eliseu Maciel – UFPel. Serão utilizados nove novilhos mestiços (Angus x Nelore), canulados no rúmen, dispostos em um duplo quadrado latino 3x3, três tratamentos (bagaço de cana, cana in natura e silagem de milho) com nível fixo de glicerina a 10% e três períodos experimentais de coleta. As análises estatísticas serão realizadas no programa estatístico o SAS.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovani Leone Zabot

Ciências Agrárias

Engenharia Agrícola
  • processamento de canola e biomassas vegetais usando tecnologia supercrítica
  • Esta proposta apresenta um projeto de pesquisa que visa o processamento de canola, maria-mole (Senecio brasiliensis) e arrebenta-cavalo (Solanum viarum) para obtenção de extratos com efeitos bioativos. A canola será estudada porque é rica em ácidos graxos poli-insaturados e as demais matérias-primas serão estudadas porque possuem compostos produzidos a partir do metabolismo secundário que atuam como mecanismo de defesa, indicando que estes metabólitos podem ser úteis no controle biológico. Para a obtenção dos extratos das diferentes partes (folhas, flores, sementes, etc.), o processamento utilizará tecnologia supercrítica com CO2 como solvente de extração, onde serão estudadas as seguintes variáveis de processo: temperatura (entre 40 e 60°C), pressão (entre 10 e 40 MPa) e razão mássica de solvente/biomassa (entre 5 e 50 g CO2/g matéria-prima). Um estudo sistemático será desenvolvido em duplicata através de um delineamento experimental completamente aleatorizado para maximizar o rendimento e a composição dos extratos em termos de compostos bioativos (terpenoides, tocoferóis, alcaloides, fenóis, etc.). Após a obtenção fracionada dos extratos, uma prospecção fitoquímica será realizada para identificar as suas possíveis bioatividades: antioxidante, fungicida, inseticida e herbicida (testes em pré- e pós-emergência). Considerando que as informações acerca do processamento dessas biomassas vegetais usando uma tecnologia emergente (tecnologia supercrítica) ainda são incipientes, este projeto de pesquisa pretende vencer os desafios e demonstrar que os produtos (extratos) podem ser aplicados no combate de plantas invasoras e fungos, fortalecendo a produtividade de diversas culturas.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovani Lopes Vasconcelos

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • mecânica estatística de sistemas complexos: novos desenvolvimentos teóricos e aplicações
  • A formulação da mecânica estatística por Boltzmann e Gibbs representou um grande avanço da física do século XIX e teve como um dos seus principais desdobramentos no século XX a teoria do grupo de renormalização. A descoberta de princípios unificadores, como leis de escala e universalidade, teve profundas implicações para nosso entendimento de sistemas macroscópicos sujeitos a flutuações térmicas. Por outro lado, nas últimas duas décadas um grande esforço têm sido feito para compreender melhor fenômenos de flutuação que não podem ser descritos satisfatoriamente pela chamada mecânica estatística de equilíbrio. Nos últimos anos, nosso grupo vem desenvolvendo um novo formalismo, conhecido como teoria H, para tratar fenômenos de flutuação que apresentam estatísticas que se desviam das distribuições de equilíbrio usuais (exponenciais ou gaussianas). O formalismo da teoria H representa uma extensão da mecânica estatística para sistemas hierárquicos, ou seja, com múltiplas escalas de tempo e comprimento. O exemplo prototípico de um sistema dinâmico hierárquico é um fluido turbulento, onde a energia é injetada nas grandes escalas e transferida a escalas menores através de uma cascata de energia, onde grandes redemoinhos partem-se em redemoinhos menores, que se partem em redemoinhos ainda menores, e assim sucessivamente, até que a energia é dissipada na escala viscosa. Sistemas com múltiplas escalas são encontrados também em várias outras áreas, como por exemplo na ótica (lasers aleatórios), na matéria condensada (efeito hall quântico), relatividade (formação de galáxias), e em áreas interdisciplinares, como por exemplo a biologia (disparos de neurônios) e economia (flutuação de preços). A teoria já mostrou enorme sucesso na descrição da estatística de flutuações de vários sistemas complexos importantes, como turbulência, lasers aleatórios, e até o mercado financeiro. Neste projeto pretendemos estender o formalismo da teoria H em novas e importantes direções, como por exemplo, desenvolver versões quântica e relativística da teoria. Outros aspectos importantes da teoria que serão investigados contemplam a difusão anômala e distribuições generalizadas de L\'evy, bem como distribuições com caudas assimétricas. Entre os problemas físicos que serão estudados, a partir dessas novas versões da teoria H, incluem-se a distribuição de velocidades em uma nuvem átomos frios, formação de galáxias, flutuações conformacionais de uma superfície de grafeno, distribuições de velocidade em um fluido turbulento, entre outros.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovani Marino Favero

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • apoio a formação de doutores em engenharia e ciência de materiais e química aplicada
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - PR - Brasil
  • 07/01/2020-07/01/2025
Foto de perfil

Giovanna Lovato

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • produção de biohidrogênio pelo tratamento de resíduos agroindustriais (soro e glicerina) em ansbbr operado em condição termofílica
  • O hidrogênio (H2) sobressai-se como promissor para a energia do futuro por seu alto poder calorífico e, mais importante, por só produzir água ao reagir com o oxigênio em células combustíveis. O H2 pode ser gerado a partir da anaerobiose biológica de resíduos orgânicos num processo em que esses rejeitos se tornam matérias primas para a produção de biocombustíveis de alto valor agregado. O Brasil se destaca pela grande produção dos resíduos líquidos orgânicos soro e glicerina que apresentam potencial poluente se não forem destinados adequadamente e podem ser usados para a produção desse biogás. Sendo assim, o desafio desse projeto de pesquisa é estabelecer as bases para aplicar o conceito de biorrefinaria a uma estação de tratamento biológico de águas residuárias a base de soro ou glicerina com geração de biocombustíveis. Tal concepção se baseia no emprego de reatores anaeróbios operados de forma descontínua e/ou descontínua alimentada com biomassa imobilizada em suporte inerte (AnSBBR) como unidades principais da estação. Neste contexto, o projeto visa avaliar a aplicação de um AnSBBR no processo de produção de hidrogênio a partir de água residuária a base de soro ou glicerina. A estabilidade do processo, a eficiência de conversão do substrato, o rendimento entre hidrogênio produzido e substrato consumido, e a produtividade molar serão analisados em função da variação da carga orgânica, do tempo de enchimento e da temperatura. Além disso, os consórcios microbianos presentes nos reatores serão filogeneticamente caracterizados com o objetivo de entender a relação entre o efeito de diferentes parâmetros operacionais na estrutura da comunidade microbiana e no desempenho do processo.
  • Instituto Mauá de Tecnologia - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovanna Machado

Ciências da Saúde

Medicina
  • laboratório multiusuário de nanotecnologia do cetene - lmnan / cetene
  • O Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste (CETENE) foi criado em 2005 e atua como uma das 16 Unidades de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). A missão do CETENE é o desenvolvimento tecnológico e econômico da região Nordeste, introduzindo e aperfeiçoando tecnologias para promoção da economia local baseada na cooperação entre redes laboratoriais. Para isso, utiliza a infraestrutura de P&D existente na região Nordeste, além de suas competências laboratoriais e em recursos humanos. No cenário atual, o CETENE desenvolve as suas atividades em três áreas estratégicas para o desenvolvimento econômico e tecnológico local, são elas: biotecnologia, nanotecnologia e microeletrônica. Assim, as atividades desenvolvidas nestes laboratórios são suportadas pelos laboratórios de Microscopia e Microanálise, Laboratório Multiusuário de Nanotecnologia, Laboratório de Biocombustíveis, Laboratório para Integração de Circuitos e Sistemas, Biofábrica Governador Miguel Arraes e Usina Experimental de Produção de Biodiesel. As atividades desenvolvidas nos laboratórios Microscopia e Microanálise e Nanotecnologia são de caráter multiusuário, permitindo o compartilhamento da infraestrutura do CETENE para a execução de projetos de P&D em parcerias com empresas, órgãos governamentais e a comunidade científica. No seu atual estágio de desenvolvimento, o CETENE conta com uma infraestrutura composta de pessoal científico/técnico/administrativo e laboratórios que compartilham equipamentos e instalações multiusuários de última geração, com capacidade efetiva para realizar pesquisa de alta complexidade e prestar serviços para a indústria, atuando em uma vasta área de temas tecnológicos de fronteira. Os Laboratórios Multiusuários do CETENE se propõem a disponibilizar o acesso, para uso compartilhado por diferentes grupos/instituições de pesquisa, de equipamentos e serviços de elevado grau de especialização, necessários à execução de atividades de pesquisa. Além de constituir importante centro de facilidades para o apoio ao desenvolvimento da pesquisa tecnológica. Os Laboratórios do CETENE também se destinam a oferta de serviços tecnológicos de análises e caracterização de produtos e materiais produzidos ou utilizados pela indústria regional. Assim, atuando diretamente em diferentes setores da economia do estado pernambucano. CETENE trabalha sempre em parceria com diversas instituições no intuito de não duplicar estruturas já existentes e com foco em fortalecer o sistema de pesquisa, desenvolvimento e inovação regional. O CETENE trabalha de forma integrada com os setores empresarial, governamental e sociedade civil, promovendo o desenvolvimento de pesquisas nas áreas de Biotecnologia e Nanotecnologia e Microeletrônica. Este projeto tem como objetivos garantir, pelos próximos 4 anos, a continuidade do Sistema de Atendimento Multiusuário do CETENE, e expandi-lo para outros laboratórios viabilizando assim o andamento dos projetos institucionais, através da obtenção de recursos financeiros que garantam o funcionamento da infraestrutura existente, com manutenções e aquisição de equipamentos novos, além da contratação de pessoal qualificado. Esta em andamento a criação de um sistema, que permitirá aos usuários ter acessado via portal web, o qual permitirá fazer a solicitação de análises e de uso de todos os equipamentos que compõem a plataforma multiusuário do CETENE, de forma mais completa que a atual e integrado com as ferramentas gerenciais da instituição. Entre os objetivos específicos do projeto podemos destacar: -Buscar a excelência interdisciplinar e multidisciplinar, favorecendo a cooperação e a identificação de novas áreas de pesquisa que se beneficiem da cooperação entre os diferentes pesquisadores. -Ser um centro nacional de cooperação técnico-científica, envolvendo o treinamento constante de técnicos e estar aberto à realização de pesquisas por parte de professores e estudantes das diversas instituições da região Nordeste, além do apoio às atividades de cientistas visitantes. -Estimular uma ativa cooperação com as indústrias, tanto na realização de serviços técnicos especializados quanto no oferecimento de consultorias.
  • Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste - PE - Brasil
  • 18/12/2019-31/12/2023
Foto de perfil

Giovanna Machado

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • materiais nanoestruturados sensibilizados com nanoparticulas bimetálicas para geração de hidrogênio
  • O estudo da fotocatálise tem recebido considerável atenção nos últimos anos em especial para aplicação ambiental e campos relacionados com a energia. Nesse sentido, a produção de Hidrogênio (H2) tem atraído grandes olhares, pois no futuro será uma forma promissora e importante de gerar energia limpa e renovável. O presente estudo tem como objetivo o desenvolvimento e a caracterização de fotocatalisadores eficientes que possam aumentar a produção de H2 a partir do processo de fotocatálise de água por meio da radiação solar. Neste processo, um semicondutor absorve fótons com energia igual ou maior a energia que a do seu band gap (Eg), gerando os pares elétron/buraco (e-/h+), que podem agir como sítios ativos para as reações de para a produção de H2 [ ]. Como as reações de fotocatálise ocorrem na superfície do fotocatalisador, as áreas superficiais desses materiais são de grande interesse para a boa performance dos sistemas. Neste sentido, materiais nanoestruturados destacam-se por apresentarem elevada área superficial. Dentre as várias geometrias nanométricas, os nanotubos apresentam boa eficiência pelo efeito de confinamento quântico, mobilidade eletrônica, alta área superficial que contribuem para reduzir a taxa de recombinação do par elétron/buraco. Estudos relatam o uso semi condutores como dióxido de titânio (TiO2) e pentóxido de tântalo (Ta2O5) como fotocatalisador eficientes devido a sua alta estabilidade, constante dielétrica e índice de refração. Entretanto, apresentam como inconveniente o fato de apresentarem um band gap que é ativo apenas na faixa ultravioleta do espectro solar, o qual corresponde apenas a 5% do espectro solar. A fim de melhorar seu desempenho tem-se investido em processos como heterojunções entre dois semicondutores diferentes ou adição de metais ou co-catalisadores na sua superfície. O interesse por nanopartículas metálicas cresceu nos últimos anos devido as propriedades ópticas, elétricas, magnéticas e catalíticas especiais que essas nanoestruturas exibem. Porém as nanopartículas bimetálicas exibem melhores propriedades quando comparados com as nanopartículas monometálicas [ ]. A morfologia tamanho e estrutura destas nanoparticulas sao controlaveis de acordo com o metodo de sintese utilizado. A inovação deste projeto se destaca pelo crescimento de nanopartículas bimetálicas de prata e ouro que serão depositadas na superfície dos nanotubos visando aumentar a absorção de radiação na região visível do espectro solar desses nanomateriais. As estruturas nanotubulares serão formadas pelo processo de anodização. As sínteses das nanopartículas bimetálicas e a sensibilização dos NT(s)Ta2O5 e TiO2 serão realizadas pelo método de redução química, In Situ, tendo como precursores soluções de AgNO3 e HAuCl4. As amostras serão caracterizadas morfológica e estruturalmente mediante as técnicas de Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV); Microscopia Eletrônica de Transmissão (MET); Espectroscopia por Energia de Raios X (EDS); Espectroscopia Ultra Violeta-Visível (UV-VIS); Espectroscopia por Reflectância difusa (DRS) e Difração de Raio X (DRX). A quantificação da produção de H2 será avaliada pela cromatografia gasosa (GC).
  • Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Giovany de Jesus Malcher Figueiredo

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • exist\^encia de solu\c{c}\~oes n\~ao triviais para equa\c{c}\~oes el\'iticas n\~ao lineares
  • Vide projeto anexoEste projeto tem por objetivo aprimorar o desenvolvimento da pesquisa e investiga\c c\~ao cient\'ifica em matem\'atica da equipe envolvida, al\'em de dar continuidade na forma\c c\~ao de recursos humanos que por ela vem sendo realizada. A equipe principal conta com 10 pesquisadores, sendo 03 deles vinculados ao Departamento de Matem\'atica da UnB-Universidade de Bras\'ilia, 04 vinculados a Universidade Federal de Campina Grande - UFCG e 04 vinculados \`a Universidade Federal do Par\'a. Do ponto de vista da inova\c c\~ao e investiga\c c\~ao cient\'ifica, a principal meta \'e o desenvolvimento de estudos nas \'areas de Teoria de Pontos Cr\'iticos, M\'etodos Top\'ologicos e Equa\c c\~oes Diferenciais n\~ao locais. A produ\c c\~ao nos \'ultimos 04 anos do grupo de Professores envolvidos no projeto compreende a publica\c c\~ao de 74 artigos, sendo 23 deles em revistas com Qualis A1, 51 em revistas A2. Com rela\c c\~ao \`a forma\c c\~ao de recursos humanos, salientamos as orienta\c c\~oes de doutorado e mestrado feitas pelos membros da equipe nos \'ultimos anos, al\'em de suas atua\c c\~oes lecionando disciplinas de p\'os-gradua\c c\~ao, na coordena\c c\~ao de eventos cient\'ificos bem como na coordena\c c\~ao do curso de p\'os-gradua\c c\~ao em Matem\'atica. \'E importante destacar que o curso de Doutorado em Matem\'atica da UnB encontra-se consolidado no cen\'ario nacional e internacional, tendo conceito 7 na avalia\c c\~ao da CAPES.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022