Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Clicia Grativol Gaspar de Matos

Ciências Agrárias

Agronomia
  • abordagens ômicas aplicadas ao estudo da regulação epigenética na interação de milho com bactérias promotoras de crescimento vegetal
  • Após a COVID-19 ter se espalhado pelo mundo, percebemos seus impactos em diferentes esferas da nossa sociedade. Apesar do grande número de mortes causadas pelo coronavírus, a população mundial continuará a crescer, o que exigirá um aumento na produção agrícola nos próximos anos. Assim, o desafio atual da agricultura é aumentar a produtividade das culturas de forma sustentável em um cenário de mudanças climáticas que tem um grande impacto na produtividade. Descobertas recentes têm revelado que mecanismos epigenéticos, como os miRNAs, estão envolvidos na interação entre plantas e Bactérias Promotoras de Crescimento Vegetal (BPCVs). Além disso, estudos mostraram que plantas podem ser reprogramadas epigeneticamente gerando progênies com maior vigor de crescimento e rendimento de sementes, sem alterar o genótipo, o que constitui uma abordagem não tradicional de melhoramento. Apesar desse grande potencial biotecnológico, a regulação epigenética na interação entre plantas e BPCVs permanece pouco explorada. Assim, pretendemos utilizar abordagens ômicas para investigar o papel de dois reguladores epigenéticos, metilação do DNA e non-coding RNAs, na interação de milho (Zea mays) com BPCVs. Para isso, identificaremos os genes efetores da regulação epigenética e lncRNAs diferencialmente expressos em transcriptomas de milho inoculado com BPCV. O efeito do inibidor de metilação de DNA na interação de milho com BPCV e o perfil de ncRNAs nessas amostras também serão analisados. Além disso, aplicaremos uma metodologia para a rápida identificação de miRNAs marcadores de interação benéfica em milho. Por fim, investigaremos o metaboloma de milho tratado com o inibidor de metilação do DNA e inoculado com BPCV. Este estudo será pioneiro na análise da regulação epigenética na interação de milho com BPCV. Esperamos encontrar marcadores epigenéticos e metabólicos para aplicação em screenings de cultivares quanto à associação com BPCVs que tragam maior impacto na produtividade.
  • Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro - RJ - Brasil
  • 22/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Climene Laura de Camargo

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • feira educativa com estudantes remanescentes quilombolas para promoção da saúde e prevenção de agravos
  • Objetivo: realizar uma feira educativa com estudantes remanescentes quilombolas para promoção da saúde e prevenção de agravos. Metodologia: Trata-se de uma intervenção realizada por meio de ações educativas que utilizará ações extensionistas. A feira educativa ocorrerá entre os meses de janeiro e dezembro de 2022 em duas escolas e nos quilombos de Ilha de maré, Salvador, Bahia, Brasil. A proposta tem como público-alvo crianças, adolescentes, seus familiares e membros da comunidade quilombola. A equipe executora do projeto consiste em professores das escolas municipal e estadual, membros da comunidade participantes das ações educativas, docentes e discentes da Escola de Enfermagem e da Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia, docentes e discentes da Ação Curricular em Comunidade e em Sociedade (ACCS), membros do Grupo de Estudos CRESCER - Atenção à saúde da criança e do adolescente. Resultados esperados: realizar atividades de educação em saúde para prevenção não farmacológica da COVID-19; estimular atividades artísticas com ênfase na prevenção e combate da violência (intolerância religiosa; bullying; violência sexual);; e realizar atividades de educação em saúde para prevenção da obesidade em crianças e adolescentes quilombolas. O presente projeto está em conformidade com o Programa Saúde na Escola e colabora para o alcance dos seus objetivos, mas também contribui para o alcance da Política de Promoção da Igualdade Racial, da Política Nacional de Saúde Integral de Saúde de População Negra, Estatuto da Criança e do Adolescente. Assim, a relevância deste projeto está na possibilidade de agregar a equipe multiprofissional e interdisciplinar na promoção da saúde e na prevenção de agravos entre crianças e adolescentes quilombolas, seus familiares e educadores. Com os resultados destas ações, vislumbramos dirimir as diferenças de atenção à saúde e difusão da educação em saúde no enfrentamento às condições vulnerabilizantes.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 08/12/2021-31/12/2023
Foto de perfil

Clistenes Williams Araujo do Nascimento

Ciências Agrárias

Agronomia
  • avaliando contaminação de solos e sedimentos e riscos à saúde humana no nordeste do brasil
  • A contaminação de solos e sedimentos é um sério problema que requer avaliação dos riscos à saúde humana, monitoramento e, sempre que técnica e economicamente viável, remediação. Nosso Grupo de Pesquisa em Química Ambiental de Solos da UFRPE (instituição sede/executora da presente proposta) tem estudado há 20 anos impactos ambientais causados por atividades agrícolas e industriais no Nordeste do Brasil. Na presente proposta, formaremos uma rede de pesquisa com UFRPE, UFPI, UFRB e UFRN para um projeto "guarda-chuva" que se desdobra em três projetos que visam estudar três áreas ambientalmente impactadas na região Nordeste. No subprojeto 1, avaliaremos a contaminação de Pb, Cd, As e Zn em Santo Amaro (BA) decorrente da disposição inadequada de resíduos de uma planta de chumbo abandonada, estimando a extensão da contaminação dos solos e a variação espacial e alcance da contaminação. Para o subprojeto 2, a contaminação de Hg em solos e sedimentos em uma área de manguezal em Goiana (PE) afetada por uma indústria de soda-cloro será estudada, com foco no impacto de alterações do solo do estuário sobre a disponibilização de Hg e sua distribuição em compartimentos ambientais (solo, água e sedimento) e matrizes biológicas (plâncton, vegetação e crustáceos), além do uso destas matrizes como indicadores biológicos para predição da poluição por Hg. Por fim, o subprojeto 3 quantificará o fluxo de metais pesados e HPAs (Hidrocarbonetos Policíclicos Aromáticos) na bacia hidrográfica do rio Ipojuca (PE), a qual foi afetada por derramamento de petróleo e está circundada por diversas atividades agrícolas e industriais. Todos os subprojetos terão como foco comum avaliar o risco à saúde humana desses ambientes, entender a biogeoquímica dos contaminantes e propor atividades de monitoramento e estratégias de remediação como produtos dos estudos, contribuindo sobremaneira para o entendimento e minimização dos impactos ambientais, ecológicos e humanos nas áreas estudadas.
  • Universidade Federal Rural de Pernambuco - PE - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Clodomir Cordeiro de Matos Júnior

Ciências Humanas

Sociologia
  • coletivos criminais no nordeste brasileiro: cartografias de suas presenças, ações e enfrentamentos no maranhão, ceará e piauí (2010-2020).
  • As transições democráticas na América Latina no século passado alimentaram a esperança de que o fim das ditaduras instaladas na região fosse acompanhado pela consolidação do Estado de Direito nesses países. Analisando o crime e a violência na história brasileira, Zaluar (2004) considera que inflexões significativas transformaram esses fenômenos no final dos anos 1980 e início dos 90, tais como o surgimento de coletivos prisionais e a organização transnacional dos cartéis de drogas e mercadorias ilegais. Durante as décadas seguintes uma nova forma de articulação coletiva no “mundo do crime” (RAMALHO, 1979) espraia-se, como modelo a ser seguido, para diferentes estados do país, estimulando alterações sensíveis nas dinâmicas do crime e da violência no Brasil (NUNES; MANSO, 2017). Frente a essas mudanças e transformações, o presente projeto pretende, por um lado, explorar e compreender de uma perspectiva comparada os diferentes processos de emergência e estratégias de atuação de coletivos criminais, as chamadas “facções” e/ou “comandos”, nos estados nordestinos do Maranhão, Ceará e Piauí na última década (2011-2021), e, por outro, identificar e analisar as respostas estatais planejadas e executadas no enfrentamento desses sujeitos nesse período. Buscando contemplar esses objetivos, a pesquisa será realizada através de momentos interligados e complementares. Nessa perspectiva, a pesquisa será composta por momentos que privilegiam análises bibliográficas, midiáticas, estatísticas e documentais, capazes de contemplar as questões envolvidas no desenho de uma cartografia dos coletivos criminais e respostas estatais elaboradas diante desse fenômeno, e por momentos de campo, que privilegiarão dinâmicas, sujeitos e narrativas capazes de qualificar nossa compreensão acerca dessas experiências. Como um dos produtos do projeto, desenvolveremos um site onde ficarão disponíveis os resultados e a cartografia esboçada durante a pesquisa.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 18/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Clodomiro Alves Junior

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • modificação de superfícies de titânio por plasma frio atmosférico para aplicações biomédicas
  • Nas últimas décadas têm-se observado um forte crescimento do uso de plasma como fonte energética na modificação de superfícies. Apesar desse amplo desenvolvimento, a maioria das técnicas são operadas em baixas pressões. O processamento de baixa pressão é muito caro devido aos altos custos de equipamentes e componentes de vácuo, manutenção e necessidade de câmeras dimensionalmente compatíveis com a peça a ser tratada. O tratamento de superfície com plasma frio atmosférico (PFA) é um processo de baixo custo, pouca manutenção e grande facilidade operacional, com resultados muito promissores na área biomédica. No presente projeto proprõe-se investigar sistematcamente o efeito do PFA quando aplicado em superfícies de titânio. Serão investigados três técnicas distintas utilizando o PFA, a saber: (i) PFA em amostra não embaladas; (ii) PFA em amostras embaladas e (iii) PFA em amostras aquecidas (PFA-TA). No primeiro caso as amostras serão expostas ao PFA com a superfície descoberta. No segundo caso as amostras serão embaladas em sacos de polietileno e depois expostas ao plasma. No terceiro e último caso, as amostras serão aquecidas entre 200 oC e 400 oC durante a exposição ao PFA. Espera-se obter, assim, superfícies de titânio biocompatíveis, antimicrobianas, por um processo de baixo custo, fácil operação e, em alguns casos, poderem ser processadas ainda lacradas, reduzindo riscos de infecção no ato cirúrgico. Este último resultado já foi observado pela nossa equipe e será sistematizado no presente trabalho. Os melhores resultados, in vitro, obtidos em cada técnica, serão utilizados na tratamento de implantes para ensaio in vivo.
  • Universidade Federal Rural do Semi-Árido - RN - Brasil
  • 07/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Clóves Cabreira Jobim

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • apoio à formação de doutores em áreas estratégicas na universidade estadual de maringá
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 10/01/2020-10/01/2025
Foto de perfil

Cristian Baú Dal Magro

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • esg inibe gestores com traços de personalidade altamente oportunistas às práticas de gerenciamento de resultados em cooperativas de crédito
  • As instituições financeiras globais estão preocupadas com a ESG com o intuito de reduzir e melhorar os riscos ambientais, sociais e de governança corporativa envolvidos nos seus negócios. Além disso, a ESG tem sido uma importante ferramenta de auxílio na gestão corporativa, atuando como processo que visa trazer melhores resultados econômicos e financeiros para as corporações. Nesse sentido, as entidades que adotam ESG podem melhorar a qualidade da informação contábil e melhorar ainda mais a relação com seus stakeholders. As cooperativas de crédito, entidades que visam atender aos interesses comuns de seus cooperados, devem atentar às práticas de ESG para melhor adequação em relação aos propósitos sociais, além de monitorar as atividades de gestão na busca por práticas de governança corporativa mais eficientes. Isso pode trazer maior credibilidade para as informações contábeis divulgadas ampliando a força da prestação de contas das cooperativas de créditos nas assembleias ordinárias, trazendo menor assimetria de informação. Apesar da força que a ESG traz para a qualidade da informação contábil, sabe-se que os gestores podem atuar de forma oportunista para atender seus interesses. Nesse sentido, os traços de personalidade considerados oportunistas, como narcisismo, maquiavelismo e de psicopatia, apresentados pelos gestores, podem desencadear impactos negativos na qualidade da informação contábil. Por isso, é tão importante que a ESG seja uma prática investigada, buscando compreender se atua para minimizar os efeitos negativos que os gestores com traços de personalidade oportunistas exercem sobre a informação contábil divulgada.
  • Universidade Comunitária da Região de Chapecó - SC - Brasil
  • 18/11/2022-30/11/2024
Foto de perfil

Cristiana Costa da Rocha

Ciências Humanas

História
  • fronteiras em movimento: terra, trabalho e deslocamentos no meio norte e amazônia oriental (1970-2000)
  • Abordamos a fronteira em movimento,conflitos por terra e deslocamentos de trabalhadores/as rurais entre o Meio Norte e a Amazônia Oriental entre 1970 e 2000, considerando possibilidades de acesso à terra por essas populações, experiências nos mundos do trabalho e estratégias acionadas na luta pela terra em espaços de fronteiras, tomados, conforme Martins (2014) como caldeirão cultural, zonas de conflito onde sujeitos são submetidos a condições de desumanização. No Piauí, enfocamos deslocamentos de trabalhadores das Matas de Carnaubais a partir de redes de aviamentos e cadeias de exploração, que se configuram como trabalho escravo. No Maranhão, enfatizamos o Médio Mearim e o Pindaré, historicamente áreas de intenso fluxo migratório de trabalhadores rurais nordestinos e maranhenses e, no recorte temporal adotado, se constituem em espaços de incidência de conflitos e deslocamento. Na Amazônia Oriental, abordamos o nordeste, sul e sudeste do estado do Pará, local de grande fluxo migratório com a abertura de estradas de acesso à região nos fim dos anos 1960 e início dos anos 1970 e de intensa propaganda durante a Ditadura Militar que propala a ideia da Amazônia como espaço vazio.O recorte temporal perpassa a criação da Comissão Pastoral da Terra (CPT), a discussão do I Plano Nacional de Reforma Agrária e da Constituinte, o ressurgimento e a consolidação dos movimentos sociais do campo, no qual as categorias de auto identificação dos envolvidos se transmuta de posseiro a sem-terra (PEREIRA, 2015) e as situações de trabalho forçado/escravo assumem ampla repercussão em instâncias nacionais e internacionais. Estudar formas de trabalho rural, considerando exploração, precarização e escravização, implica considerar a complexidade da mercantilização da força de trabalho, segundo Marcel van der Linden (2013), o capitalismo apresenta uma variedade de relações de trabalho em que o sujeito, mesmo assalariado, é fisicamente forçado a permanecer no trabalho.
  • Universidade Estadual do Piauí - PI - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Cristiana Fernandes De Muylder

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • inovação, produtividade e competitividade em ambiente cooperativado no brasil: modelo e desafios no cenário financeiro
  • No contexto atual, em especial após o cenário de isolamento consequência da Pandemia de COVID-19, todo os serviços se integraram ou foram reformulados a partir do uso da internet, seja para comercializar, comunicar, estudar, acessar serviços governamentais etc. O setor bancário tende a acompanhar as mudanças tecnológicas, com o objetivo de atender a nova geração de clientes, que se utiliza dos canais eletrônicos para resolver sua vida financeira. Essas inovações trazem ao mercado financeiro, a necessidade de se reciclar, para não se tornar obsoleto e ultrapassado, caso contrário, terá como consequência a perda de mercado para startups inovadoras e porque o cliente está a cada dia mais exigente, almejando reduzir seus custos com serviços mais personalizados e com qualidade. Esta pesquisa busca avançar modelo anterior (LA FALCE; DE MUYLDER e TOIVANEN) que indica relação direta positiva entre inovação e produtividade e que a inovação e produtividade geram aumento de competitividade, no segmento industrial. O sistema cooperativista, em especial quanto ao setor financeiro e de crédito está relacionado ao desenvolvimento regional e da economia como indicado em alguns estudos embora não tenham sido ainda discutidos quais os fatores de inovação estão relacionados a produtividade e competitividade. Então esta proposta busca avançar nesta lacuna de estudo empírico sobre inovação e seu impacto frente a outros fatores. Trata-se de pesquisa exploratória e descritiva de abordagem quantitativa sobre cooperativas de serviços financeiros. A partir da parceria com cooperativas financeiras busca-se elaborar modelo que demonstre a relevância de fatores de inovação na produtividade e na competitividade, em ambiente de transformação digital atual.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 16/11/2022-30/11/2024
Foto de perfil

Cristiana Ferreira Alves de Brito

Outra

Divulgação Científica
  • bicentenário da independência: como a ciência e tecnologia em saúde podem contribuir para a independência nacional?
  • Será montada uma narrativa em forma de circuito interativo, que começa com doenças comuns no Brasil antes da independência, avanços da ciência ao longo dos últimos 200 anos que impactaram a saúde pública brasileira e termina com avanços ainda necessários para a independência nacional. O circuito será formado por estandes com uma mostra de trabalhos científicos e tecnológicos, principalmente relacionados aos temas desenvolvidos no IRR. O tema também será discutido em uma mesa redonda no primeiro dia na abertura do evento. O público será formado por estudantes do ensino fundamental e médio das escolas públicas do entorno do Centro de referência da Juventude, e de bairros da região metropolitana de Belo Horizonte, de preferência de locais com baixos IDHs. Esperamos atuar neste evento para despertar o interesse dos estudantes em relação à carreira científica, profissões vinculadas à área de saúde, bem como sensibilizá-los sobre o papel da CT&I para a saúde pública do país e a soberania nacional.
  • Fundação Oswaldo Cruz - MG - Brasil
  • 12/09/2022-31/03/2023