Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alexandre Street de Aguiar

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • modelos de otimização robusta e estocástica para o planejamento e operação de sistemas elétricos de potência sob forte inserção renovável
  • Sistemas elétricos de potência são normalmente operados sob critérios de segurança n-1 ou n-2 de modo a considerar a incerteza na disponibilidade de geradores e linhas de transmissão. Esses critérios são de difícil implementação prática, pois exigem que os modelos de despacho obtenham um ponto de operação viável para todos os possíveis estados pós-contingência. Além disso, outras incertezas afetam a programação de curto prazo da operação. A geração hídrica já é contemplada nos modelos operativos; entretanto, a crescente inserção da energia eólica ainda não foi abordada. Se, por um lado, a variabilidade no curto prazo (horária) das vazões dos rios é baixa em função da inércia desse fenômeno; por outro, a geração eólica apresenta um perfil altamente intermitente nessa mesma escala temporal, podendo levar o operador a enfrentar grandes rampas de demanda líquida em certas barras do sistema em um curto intervalo de tempo. A integração dos recursos energéticos (renováveis e convencionais) de maneira otimizada requer uma coordenação integrada com os mercados. Em outras palavras, na visão deste pesquisador, o futuro dos sistemas elétricos não se dará através de desenhos baseados puramente em mercados e, tampouco, através de desenhos puramente coordenados de maneira centralizada. As melhores práticas discutidas em comitês internacionais, task forces, subcomitês do IEEE, entre outros espaços, vêm mostrando a necessidade de uma integração harmoniosa da gestão coordenada dos recursos energéticos e dos mercados que operam sistemas sob os sinais de planejamento otimizados. O interessante ocorre justamente quando fechamos esse loop, e a operação do mercado retroalimenta os modelos de gestão e coordenação integrados para que, por sua vez, possam reotimizar os recursos com sinais mais realistas. Nesse contexto, é de extrema relevância a consideração de modelos de planejamento e operação que considerem as incertezas inerentes a essa nova realidade do setor de maneira bastante realista. O desenvolvimento tanto de modelos de otimização como estatísticos para a simulação das incertezas é o insumo básico para o desenvolvimento de uma boa integração entre mercados e a gestão centralizada. Essas técnicas foram amplamente pesquisadas e publicadas pelo autor desta proposta na literatura recente (2011 a 2018) [1]-[19]. Ressalta-se, porém, a importância de um próximo passo relativo à aproximação dessas técnicas à realidade. Como descrito em [4], ao criarmos um distanciamento entre planejamento e realidade corremos o risco de gerar um grande custo adicional à sociedade e um potencial forte de desotimização dos sinais econômicos de mercado. Neste projeto, vamos estender as metodologias publicadas em [3], que visam definir a programação ótima da energia e das reservas de maneira conjunta (cootimizadas) em modelos de otimização robusta e estocástica, para incorporar as incertezas da geração renovável de curto prazo. O objetivo é criar uma representação bastante aderente aos dados observados. O desenvolvimento de técnicas como distributionally robust optimization, uma generalização da otimização robusta e estocástica, e modelos dirigidos por dados, data-driven robust models, serão as principais inovações no âmbito da otimização e modelagem de problemas de planejamento e operação de sistemas elétricos. Além disso, também estão compreendidas inovações na caracterização estatística e geração de cenários de séries temporais para a geração de energia renovável (foco em eólica e solar). Tendo em vista os benefícios que o desenvolvimento desses modelos proporcionam às diversas instâncias de planejamento dos sistemas elétricos (conforme amplamente estudado em [3] e [5]-[9]), este projeto será dividido em 3 grandes etapas ou metas: 1) publicar os avanços produzidos nos modelos de planejamento da operação a partir das inovações contempladas neste projeto; 2) publicar os avanços nos modelos de planejamento da transmissão e disseminá-los em escala nacional e internacional entre operadores e planejadores; por fim, 3) publicar os avanços nas metodologias de otimização e estatística, instrumentais para as etapas anteriores. Dessa forma, espera-se contribuir tanto para a melhoria do estado da arte das técnicas de otimização e estatística como das suas respectivas aplicações ao setor elétrico. Um objetivo secundário informal que será perseguido será a disponibilização dos modelos desenvolvidos para o operador nacional do sistema (ONS). O projeto proposto será coordenado pelo professor Alexandre Street e desenvolvido dentro do grupo de energia do LAMPS (Laboratory of Applied Mathematics and Statistics – www.puc-rio.br/lamps). O LAMPS é um laboratório de pesquisa interdepartamental, associado aos Departamentos de Engenharia Elétrica e Industrial da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), cujo objetivo é realizar pesquisa de ponta nas áreas de programação matemática (otimização) e estatística a fim de resolver problemas relevantes para a indústria e sociedade, em especial para os setores energético e financeiro.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Trofino Neto

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • aerogeradores baseados em aerofólios cabeados
  • O objetivo geral deste projeto de pesquisa é finalizar a construção de um protótipo de aerogerador de 12 kW baseado em aerofólio cabeado flexível de aproximadamente 18 m2, que possa operar de forma contínua e automatizada, o que seria até o momento inédito no mundo. A finalização deste protótipo irá permitir, ainda no escopo deste projeto, a realização de estudos mais realistas sobre a eficiência, manutenção, robustez na operação e viabilidade econômica desta nova tecnologia, comumente conhecida na literatura pela sigla AWE (do inglês, "airborne wind energy"). A motivação para o desenvolvimento deste novo tipo de aerogerador é o significativo potencial de redução dos custos de exploração da energia eólica em relação à tecnologia vigente (turbinas de eixo horizontal montadas sobre grandes torres), entre outros fatores, devido ao potencial de operação em até 600 m de altitude. Além disso, espera-se que a tecnologia AWE seja viável em um número maior de localidades se comparada com a tecnologia eólica atual, uma vez que número maior de áreas apresentam ventos fortes e frequentes o suficiente acima de 200 m de altitude (limite de operação dos aerogeradores atuais). Dado que as soluções atuais para a prospecção de ventos em altitudes elevadas, tais como LIDAR e SODAR (de "light-" e "sound-detection-and-ranging", respectivamente), são caras e/ou geralmente envolvem equipamentos pesados e que consomem muita energia, uma nova estação de medição de vento, de baixo custo e baseada em drone e tomografia acustica, será também finalizada e testada durante este projeto.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Urban Borbely

Ciências Biológicas

Morfologia
  • o papel do versicam na regulação da transição epitélio-mesenquimal de células trofoblásticas invasivas
  • O versicam é conhecido por ocorrer em pelo menos cinco variantes de splicing: as isoformas V0, V1, V2, V3 e V4, sendo conhecido por ativar vias de sinalização intracelulares envolvidas na inflamação, proliferação, migração, invasão, adesão, organização de citoesqueleto e transição epitélio-mesenquimal (TEM). A TEM se caracteriza pela diferenciação morfológica e funcional de uma célula epitelial para um genótipo e fenótipo mesenquimal e ocorre em diversas situações fisiológicas e patológicas, sendo muito estudada por seu papel fundamental nas metástases neoplásicas. A TEM também ocorre durante a implantação embrionária e placentação, sendo essencial para que as células trofoblásticas possam invadir os tecidos maternos e estabelecer a interface materno-fetal no primeiro trimestre. No entanto, a TEM das células trofoblásticas é parcial e possui sua atividade controlada temporal e espacialmente ao longo da gestação, de forma fisiológica, para correta placentação e desenvolvimento embrionário. No entanto, desregulações nesse controle da TEM dessas células está ligado a uma ausência/deficiência de decidualização uterina e consequente invasão exacerbada das células trofoblásticas, gerando uma doença de relevante significado clínico, mas muito negligenciada no Brasil, a placenta acreta ou placenta anormalmente invasiva (PAI). Embora de alta severidade e com incidência crescente, a PAI não possui biomarcadores específicos e opções de tratamento pouco invasivas, necessitando de um corpo clínico altamente qualificado e equipamentos modernos de imagem para o correto diagnóstico. Uma vez diagnosticado, o tratamento padrão é a remoção total do útero, através de histerectomia. Nesse contexto, a necessidade de pesquisas envolvendo a fisiopatologia da AIP e a procura de alvos terapêuticos, modelos experimentais e novos métodos de diagnóstico são essenciais para a melhoria da morbimortalidade dessa doença. Por conseguinte, objetivamos avaliar se o versicam regula a TEM e a invasão das células trofoblásticas in vitro e se seu silenciamento gênico é capaz de reverter esses processos, com a finalidade de transformar o versicam no primeiro alvo terapêutico para a AIP.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexandre Wagner Silva de Souza

Ciências da Saúde

Medicina
  • polimorfismos em genes relacionados ao metabolismo da homocisteína na arterite de takayasu
  • Introdução. A arterite de Takayasu (AT) é uma vasculite sistêmica que afeta artérias de grande calibre, especialmente a aorta e seus ramos principais. Eventos isquêmicos, especialmente envolvendo o sistema nervoso central, são complicações relativamente frequentes da AT e trazem impacto ao prognóstico. Pacientes com AT apresentam concentrações plasmáticas de homocisteína mais elevadas em relação a controles saudáveis e, entre pacientes com AT, elevação da concentração plasmática de homocisteína é fator de risco independente para eventos arteriais isquêmicos. Objetivos. Comparar a frequência de polimorfismos em genes da via de metabolismo da homocisteína entre pacientes com AT e controles; avaliar suas associações com concentração plasmática da homocisteína; analisar se a maior concentração plasmática de homocisteína em pacientes com AT se deve a deficiência de vitaminas que participam de seu metabolismo como ácido fólico e vitamina B12 e avaliar associações com extensão de acometimento arterial e eventos isquêmicos na AT. Métodos. Será realizado estudo transversal com grupo controle, onde serão incluídos pacientes com AT e controles saudáveis. Tempo desde o diagnóstico de AT, terapia com glicocorticoides e imunossupressores, extensão de doença serão avaliados em pacientes com AT, enquanto o histórico de eventos trombóticos venosos e eventos arteriais isquêmicos serão avaliados em ambos os grupos. Serão medidos os níveis plasmáticos de homocisteína, vitamina B12 e de ácido fólico em ambos os grupos e será pesquisada a presença dos seguintes polimorfismos nos genes das enzimas metilenotetra-hidrofolato redutase (C667T e A1298C), metionina sintase redutase (A66G) e da metionina sintetase (A2756G) por reação da cadeia da polimerase com polimorfismo no comprimento de fragmentos de restrição (PCR-RFLP).
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexey Maylybaev

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • soluções pós-blowup em equações diferenciais com aplicações em dinâmica de fluidos
  • Diversas classes de equações diferenciais parciais que descrevem evolução de sistemas físicos desenvolvem singularidades em tempo finito, fenômeno conhecido como blowup. Matematicamente, a singularidade impede a extensão da solução para tempos posteriores à sua formação, ou pelo menos de maneira única, fazendo-se mister um critério de seleção. Fisicamente, singularidades ensejam a manifestação de um novo fenômeno não considerado previamente no modelo sob estudo. O problema central é como estender a solução após a formação de uma singularidade de modo que a dinâmica pós-blowup descreva os fenômenos físicos emergentes. Na área de leis de conservação hiperbólicas, este problema foi resolvido de forma bem-sucedida. As soluções para estas equações (chamadas ondas de choque) possuem pontos de descontinuidade que surgem devido ao blowup e a sua teoria exerce papel fundamental em aplicações bastante distintas, desde ondas para recuperação de petróleo à formação de galáxias. Entretanto, um grande número de problemas ainda clama por solução. Basta lembrar a famosa questão em aberto sobre a formação de singularidades nas equações de Navier-Stokes, elencada como um dos sete problemas do milênio pelo Clay Mathematics Institute, cuja solução será premiada com um milhão de dólares. Problemas com singularidades também estão presentes na área de equações diferenciais ordinárias; neste caso, as singularidades são entendidas como pontos nos quais a equação deixa de ser contínua em sentido de Lipschitz. O exemplo clássico é o problema de N corpos da Mecânica Celeste, no qual a singularidade corresponde fisicamente a colisões entre os corpos. A dinâmica do blowup em um sistema pode ser segmentada em três estágios: comportamento assintótico até a formação da singularidade (dinâmica pré-blowup); propriedades das soluções no ponto singular; e comportamento da solução após a singularidade (dinâmica pós-blowup). A teoria para o comportamento pré-blowup se encontra bem estabelecida; entretanto, não se pode dizer o mesmo para o caso pós-blowup: apenas alguns poucos casos específicos (como as já citadas ondas de choque) possuem solução satisfatória. O nosso grupo do Laboratório de Dinâmica dos Fluidos no IMPA, em colaboração com outros centros internacionais de pesquisa, tem proporcionado avanços teóricos neste tópico de pesquisa. A maior parte destes estudos foi incorporada a projetos de alunos no IMPA ou do exterior. Para além da teoria, os resultados têm alto potencial de aplicação na Física e na Engenharia, comprovado pelas nossas publicações em revistas científicas de grande impacto — Nature, Physical Review Letters - e pela grande visibilidade de nosso trabalho na mídia internacional. Tal progresso e seus impactos demonstram a relevância do problema e da metodologia por nós desenvolvida. O novo projeto será subdividido de acordo com o método por meio do qual os problemas serão abordados: métodos matemáticos e métodos numéricos. Essas duas partes serão organizadas como projetos de alunos de doutorado e pós-doutorado no IMPA, em colaboração ativa com pesquisadores renomados de universidades nacionais e internacionais. Os resultados esperados deste projeto são: (1) teoria rigorosa de pós-blowup em equações diferenciais ordinárias com singularidades pontuais; esta será baseada no método de regularização; (2) nova geração de modelos simplificados para problema de blowup e pós-blowup nas equações de Euler para escoamento tridimensional incompressível; neste caso, a dinâmica de pós-blowup possui interpretação física de turbulência; (3) teoria de singularidades para as equações de Euler com fronteira sólida e sua aplicação à Teoria de Camada Limite; (4) Desenvolvimento de método numérico de Lattice Boltzmann para simulação de fluxos bifásicos. Analise numérica de instabilidade de Rayleigh-Taylor em fase turbulenta. Partes deste programa já estão em fase inicial de desenvolvimento; algumas ideias já foram inclusive discutidas em um workshop ocorrido em agosto de 2018 no IMPA, ratificando a relevância dos temas a serem estudados.
  • Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexsandra Rodrigues Feijão

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • adolescência e juventude e exposição ao hiv em estados brasileiros: análise epidemiológica, geoespacial e desenvolvimento de ações preventivas multiplicadoras
  • Considerando que a prevenção e promoção da saúde sexual poderá reduzir as taxas do HIV e AIDS os objetivos do presente estudo serão: avaliar o perfil epidemiológico e os fatores de risco de infecção pelo HIV entre adolescentes e jovens; desenvolver, validar, implementar e avaliar o efeito de ações de promoção da saúde sexual, prevenção e redução da exposição ao HIV e AIDS para adolescentes, jovens, profissionais de saúde e professores da educação básica. Trata-se de pesquisa de natureza quantiqualitativa, de multimétodo e sequenciada a ser realizada em cinco estados brasileiros (Goiás, Pará, Ceará, Paraná e Rio Grande do Norte). A população de estudo será selecionada de acordo com a área adscrita da Unidade de Saúde da Família sendo, adolescentes e jovens (10 a 24 anos), profissionais de saúde da atenção primária e professores da educação básica (fundamental e médio). O estudo contará com três grandes etapas, a saber: (1) Análise do cenário atual; (2) Desenvolvimento e validação de tecnologia educacional e (3) Implementação e avaliação de estratégias de enfrentamento do problema. A etapa 1 será constituída por dois subprojetos: 1a. estudo de caráter ecológico retrospectivo com abordagem quantitativa que envolverá a determinação da expressão geográfica do HIV e AIDS entre adolescentes e jovens (10 a 24 anos) nos estados, identificando-se os municípios com maiores incidências, bem como as zonas com maior pressão epidemiológica, correlacionando-se esses resultados com fatores geoespaciais facilitadores da propagação dessa infecção. Para isso serão usados dados secundários provenientes do Sistema de Informação de Agravo de Notificação (SINAN) da Secretaria de Saúde Pública dos estados, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do aplicado técnicas de georreferenciamento e; 2a. abordagem qualitativa utilizando-se o referencial teórico-metodológico da Fenomenologia Social de Alfred Schultz para compreender o risco do outro e o próprio risco em adquirir HIV e AIDS, (pré)conceitos, comportamentos e medidas usuais para conviver e/ou prevenir HIV e AIDS e as formas cuidativas de prevenção e/ou interrupção da cadeia de transmissibilidade. A etapa 2 será realizada após a etapa 1 composta pelo subprojeto 2: pesquisa exploratória, aplicada, de produção e validação tecnológica, tendo como finalidade a criação de tecnologia educacional direcionada à prevenção do HIV e AIDS de adolescentes e jovens de 10 a 24 anos de idade. Após a criação da tecnologia educacional, a validação ocorrerá de acordo com três dimensões: pedagógica, experiência do usuário e interface. A dimensão pedagógica, envolve o processo de ensino-aprendizagem, diz respeito ao desenvolvimento do sujeito, especialmente os que se preocupam com a ampliação dos recursos cognitivos. Já, a dimensão experiência do usuário avalia as experiências provocadas no jogador, a fim de tornar o jogo mais interessante. Permite refletir sobre a capacidade do jogo em motivar, desafiar, favorecer a concentração. E a dimensão interface, define se o jogo é de fácil compreensão para ser jogado. Será avaliado o grau de concordância em relação a cada uma delas em quatro padrões: 1- muito ruim; 2- ruim; 3- bom; 4- muito bom. A validação da tecnologia será realizada por especialistas em educação sexual de adolescentes da medicina, enfermagem, educação, computação e designer, equitativamente, seguindo a normativa da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) (ISO/IEC) 25062: 2011, que remete a avaliação da qualidade do produto de um software. A etapa 3 trata da avaliação do efeito das oficinas de prevenção e da intervenção tecnológica educacional. Será realizado um ensaio aleatorizado por conglomerados paralelos, em Unidade de Saúde da Família (USF) e escolas. A seleção dos conglomerados participantes se dará pela identificação das USF com maior número de adolescentes e jovens, segundo os dados consolidados pelas Secretarias Municipais de Saúde do ano anterior ao estudo. Eles serão aleatorizados para compor os grupos intervenção (dois grupos = oficinas de prevenção e da intervenção tecnológica educacional) ou controle (um grupo = medidas usuais universais). A aleatorização dos conglomerados será realizada em duas etapas: formação de três grupos balanceados de conglomerados tendo em conta o tamanho da população adscrita e, a segunda, se constituirá na alocação dos grupos entre intervenção e controle. Os sorteios serão realizados por meio da função de aleatorização do software Microsoft Excel 2013 (https://products.office.com/) – sequência de números gerados por computador. Em todos os momentos, previamente, levantar-se-á o Letramento em Saúde. Os dados quantitativos serão tabulados em planilha do Microsoft Office Excel 2016 e as análises estatísticas realizadas por meio da utilização do SPSS® realizando-se a análise descritiva mediante cálculos de frequência absoluta e relativa, a análise bivariada e multivariável realizando-se o teste do qui-quadrado e regressão logística binária. A seleção das variáveis de confundimento que entrarão no modelo ajustado seguirá critério matemático e teórico. O nível de significância adotado nas análises será de p≤0,05. Espera-se que os resultados desse estudo possam traçar o diagnóstico situacional em saúde para o HIV e AIDS nos cinco estados brasileiros, desenvolver metodologias educacionais em saúde sexual eficazes e serem difundidas em outros estados e, ampliar o acesso à medidas de prevenção para reduzir a exposição ao HIV e AIDS, tanto pelos adolescentes/jovens quanto pelos profissionais de saúde, professores da educação básica e contribuir para a implementação de estratégias de combate ao HIV e AIDS pelas autoridades de saúde local, regional e nacional.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 02/03/2020-31/03/2023
Foto de perfil

Alexsandra Rodrigues Feijão

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • construção e validação de um protótipo de software para operacionalizar o processo de enfermagem voltado para pacientes com aids
  • Introdução: A implementação do processo de enfermagem nos serviços de saúde tem crescido com a utilização das tecnologias da informação e comunicação, através de sistemas informatizados. A produção desses sistemas é prerrogativa do Ministério da Ciência e Tecnologia, da Política Nacional de Atenção Hospitalar e a Política de Rede de Atenção à Saúde que visam sua incorporação e qualificação no processo de trabalho dentro do Sistema Único de Saúde, essas tecnologias permitem integrar-se em um arcabouço coeso de dados com informações que subsidiam a tomada de decisão na assistência de enfermagem, produzindo resultados no cuidado ao paciente por meio de diminuição do tempo destinado a documentação e dados clínicos, além do ganho da qualidade na assistência prestada. Objetivo: Desenvolver e validar um protótipo de software para operacionalizar o processo de enfermagem para pacientes com Aids com base na Teoria das Necessidades Humanas Básicas. Metodologia: Trata-se de um estudo metodológico e de desenvolvimento tecnológico. Para tanto, será realizado em cinco etapas, a saber: (1) construção do instrumento com as fases do processo de enfermagem ancorada na Teoria das Necessidades Humanas Básicas, sendo utilizadas as taxonomias NANDA Internacional, Nursing Outcomes Classification e Nursing Interventions Classification, para elaboração do item histórico de enfermagem e a seleção dos diagnósticos de enfermagem optou-se por uma revisão integrativa da literatura e pesquisa documental, já a elaboração plano assistencial e prescrição de enfermagem consistirá com base nos diagnósticos elencados anteriormente, o item prognóstico será com apoio da prescrição de enfermagem e finalmente haverá um espaço destinado para que o enfermeiro possa realizar a evolução de enfermagem; (2) validação do instrumento com as fases do processo de enfermagem através da técnica Delphi, empregar-se-á o coeficiente de validade de conteúdo, onde serão consideras aceitáveis as questões que obtiverem coeficiente > 0,8; (3) desenvolvimento do protótipo de software será de acordo com os seguintes passos: comunicação, planejamento, modelagem, construção e entrega; (4) validação do protótipo de software através dos requisitos da International Organization for Standardization e da International Electrotechnical Commision 25010, para avaliar os resultados obtidos será utilizada escala de avaliação para subcaracterísticas recomendada pela norma ABNT NBR ISO-IEC 14598-6 adotando o valor considerado esperado, ou seja, mais de 70% das respostas positivas; (5) implementação do protótipo de software no Hospital Giselda Trigueiro com oficinas, acompanhamento durante um ano e avalição da usabilidade conforme a ABNT NBR ISO 9241-11. Ressalta-se que o estudo será submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte respeitando a Resolução 466/12. Resultados esperados: Espera-se contribuir significativamente para a qualidade da assistência prestada ao paciente com Aids.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexsandro Cristovão Bonatto

Ciências Humanas

Educação
  • ix mostra científica do ifrs campus restinga
  • A IX Mostra Científica do IFRS Campus Restinga é um evento realizado anualmente pelo Campus Restinga do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). É um evento de abrangência municipal, destinado para oportunizar um espaço para exposição, apresentação e discussão de trabalhos, estudos e projetos elaborados por estudantes do IFRS e demais instituições de ensino, e por profissionais de diversas áreas, que tenham empreendido uma investigação sobre um fenômeno ou tema aplicando métodos e processos técnico-científicos. Este evento institucional, que está previsto no calendário escolar do campus Restinga, ocorre desde o ano de 2011, estando atualmente em sua oitava edição. A nona edição da Mostra Científica ocorrerá na metade do mês de outubro de 2019, durante a XVI Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, em data que será prevista no calendário acadêmico institucional e definida até o final deste ano corrente. O evento ocorre nas dependências do Campus Restinga do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), que está localizado no extremo sul do município de Porto Alegre, no Bairro Restinga. Bairro este considerado de alta vulnerabilidade social, resultado de um longo período de abandono por parte do poder público. O Campus Restinga vem incentivando e fomentando as atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão desenvolvidas pelos trabalhadores em educação, discentes e parcerias diversas (Instituições de Ensino, ONGs, Empresas, etc), através da sinergia entre a qualidade do ensino e o desenvolvimento científico, tecnológico e cultural de nossa região. As políticas de pesquisa da instituição buscam priorizar projetos vinculados aos objetivos do ensino e extensão, inspirados em proposições e demandas locais, regionais e nacionais, buscando o intercâmbio científico com instituições de pesquisa nacionais e internacionais e com princípios educativos e científicos. A IX Mostra Científica do IFRS Campus Restinga busca criar uma cultura de investigação e fomento à discussão sobre temas de pesquisa de discentes tanto de nosso Campus e do IFRS, como da comunidade escolar da região e de escolas públicas e privadas da região metropolitana de Porto Alegre. O principal objetivo deste evento é a divulgação de conhecimento técnico-científico, além da divulgação do Campus Restinga do IFRS como um polo de ensino, pesquisa e extensão, estimulador do desenvolvimento de soluções técnicas e tecnológicas. Ao final da Mostra Científica será publicado uma edição dos Anais da IX Mostra Científica do Campus Restinga, contendo os resumos dos trabalhos apresentados em todos os níveis e áreas, para leitura de forma gratuita. Estima-se um público participante de 1500 a 2000 pessoas entre discentes, professores e membros da comunidade externa e mais de 10 instituições de ensino. Anualmente, são envolvidos neste evento os seguintes segmentos da comunidade: discentes, professores e servidores, das diferentes instituições de ensino públicas/privada, em todas as modalidades e níveis, que fazem visitas e realização de oficinas; membros da comunidade da região próxima em geral (pais, responsáveis, egressos, etc); empresas locais do distrito industrial da Restinga e região Metropolitana de Porto Alegre; parcerias com Secretarias Municipal/Estadual de Educação; empresas e instituições que adotam soluções sustentáveis; imprensa local. A comunidade que visitará o evento terá contato direto com projetos e ações de pesquisa/extensão que geram impactos na sociedade, a partir de formas diversificadas de divulgação, com objetivo de abranger o maior público possível. Estão previstas ações como: apresentação oral de trabalhos científicos, exposição de trabalhos e projetos; oficinas sobre tecnologia e ciência; oficinas sobre inclusão; apresentações culturais e exposições; e estandes informativos.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Alexsandro Cristovão Bonatto

Ciências Humanas

Filosofia
  • x mostra científica do ifrs campus restinga
  • A Mostra Científica do IFRS Campus Restinga é um evento realizado anualmente pelo Campus Restinga do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). É um evento de abrangência intermunicipal, destinado para oportunizar um espaço para exposição, apresentação e discussão de trabalhos, estudos e projetos elaborados por estudantes do IFRS e demais instituições de ensino, e por profissionais de diversas áreas, que tenham empreendido uma investigação sobre um fenômeno ou tema aplicando métodos e processos técnico-científicos. Este evento institucional, que está previsto no calendário escolar do campus Restinga, ocorre desde o ano de 2011, estando em sua nona edição. No ano de 2019, a Mostra Científica estará em consonância com a SNCT 2019, e terá como tema principal a “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”. O evento ocorrerá nos dias 22 e 23 de outubro de 2019, nas dependências do Campus Restinga do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, que está localizado no extremo sul do município de Porto Alegre, no Bairro Restinga. Bairro este considerado de alta vulnerabilidade social, resultado de um longo período de abandono por parte do poder público. O Campus Restinga vem incentivando e fomentando as atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão desenvolvidas pelos trabalhadores em educação, discentes e parcerias diversas (Instituições de Ensino, ONGs, Empresas, etc), através da sinergia entre a qualidade do ensino e o desenvolvimento científico, tecnológico e cultural de nossa região. As políticas de pesquisa da instituição buscam priorizar projetos vinculados aos objetivos do ensino e extensão, inspirados em proposições e demandas locais, regionais e nacionais, buscando o intercâmbio científico com instituições de pesquisa nacionais e internacionais e com princípios educativos e científicos. A Mostra Científica do IFRS Campus Restinga busca criar uma cultura de investigação e fomento à discussão sobre temas de pesquisa de discentes tanto de nosso Campus e do IFRS, como da comunidade escolar da região e de escolas públicas e privadas da região metropolitana de Porto Alegre. O principal objetivo deste evento é a divulgação de conhecimento técnico-científico, além da divulgação do Campus Restinga do IFRS como um pólo de ensino, pesquisa e extensão, estimulador do desenvolvimento de soluções técnicas e tecnológicas. Ao final da Mostra Científica será publicado uma edição dos Anais da Mostra Científica do Campus Restinga, contendo os resumos dos trabalhos apresentados em todos os níveis e áreas, para leitura de forma gratuita. Estima-se um público participante de 1500 a 2000 pessoas entre discentes, professores e membros da comunidade externa e mais de 20 instituições de ensino. Anualmente, são envolvidos neste evento os seguintes segmentos da comunidade: discentes, professores e servidores, das diferentes instituições de ensino públicas/privada, em todas as modalidades e níveis, que fazem visitas e realização de oficinas; membros da comunidade da região próxima em geral (pais, responsáveis, egressos, etc); empresas locais do distrito industrial da Restinga e região Metropolitana de Porto Alegre; parcerias com Secretarias Municipal/Estadual de Educação; empresas e instituições que adotam soluções sustentáveis; imprensa local. A comunidade que visitará o evento terá contato direto com projetos e ações de pesquisa/extensão que geram impactos na sociedade, a partir de formas diversificadas de divulgação, com objetivo de abranger o maior público possível. Estão previstas ações como: apresentação oral de trabalhos científicos, exposição de trabalhos e projetos; oficinas sobre tecnologia e ciência; oficinas sobre inclusão; apresentações culturais e exposições; e estandes informativos.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/02/2020-31/01/2021
Foto de perfil

Alexsandro Giacomo Grimbert Gallo

Ciências Exatas e da Terra

Probabilidade e Estatística
  • recorrência de poincaré e propriedades estruturais de sistemas aleatórios via retornos curtos
  • O presente projeto estuda caraterísticas de recorrência em tempo curto para alguns sistemas aleatórios. Estes estudos são de grande relevância para questões relacionadas à recorrência de Poincaré. Os objetivos do projeto são: (1) estudar os desdobramentos destas questões em várias áreas correlatas de pesquisa, como teoria dos valores extremos, estatística, grafos aleatórios ou ainda aplicacões em neurociência, e (2) criar uma equipe coesa de pesquisa em torno destes tópicos.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexsandro Pereira de Pereira

Ciências Humanas

Educação
  • educação científica para a diversidade cultural: promovendo o ensino de física e de astronomia em contextos socioculturais diversos
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexsandro Sobreira Galdino

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • produção de proteínas recombinantes para o diagnóstico imunológico de doenças negligenciadas
  • Um dos maiores desafios para o controle de doenças negligenciadas (DN) consiste no desenvolvimento de estratégias diagnósticas que permitam sua identificação com elevada acurácia, e, ao mesmo tempo, possam ser aplicadas em países pobres ou em desenvolvimento. Isto significa que o método diagnóstico necessariamente precisa apresentar elevado desempenho, reprodutibilidade, além de ter baixo custo de produção. Estas premissas são fundamentais na incorporação da ferramenta diagnóstica para aplicação ao Sistema Único de Saúde (SUS), resultando em maior eficiência diagnóstica e redução de custos. Nosso grupo vem trabalhando com a estratégia de produção de proteínas recombinantes na forma de uma única cadeia multiepitopo em Escherichia coli, resultando em aumento da concentração dos epítopos, tornando o diagnóstico mais sensível e com menor custo de produção, pois substitui os diversos antígenos necessários por uma única cadeia polipeptídica multiepitopo (caracterizada por quimeras recombinantes (QR)). O presente projeto tem como objetivo desenvolver tecnologias para a produção de antígenos aplicados como insumos no diagnóstico por ELISA e citometria de fluxo para leishmaniose visceral humana e canina, esquistossomose, tuberculose, doença de chagas, HTLV e Zika vírus. Deste modo, o racional proposto está relacionado a: (i) análise em banco de dados de patentes e artigos sobre epítopos imunogênicos (ETAPA CONCLUÍDA); (ii) desenho de genes sintéticos contendo os principais epítopos; (iii) purificação das QR; e (iv) validação diagnóstica por ELISA e citometria de fluxo. A rede de colaboração interdisciplinar deste projeto, com diversas expertises na área de desenvolvimento tecnológico, aliado a produção tecnológica da equipe com diversas patentes, e a interação com empresas da área de diagnóstico demonstram o potencial tecnológico para aumentar o desempenho diagnóstico das diferentes doenças a um baixo custo.
  • Universidade Federal de São João Del-Rei - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alexssandro Geferson Becker

Ciências Agrárias

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
  • respostas fisiológicas e bioquímicas de macrobrachium rosenbergii à adição dos óleos essenciais de aloysia triphylla e lippia alba na dieta e a altas concentrações de amônia na água
  • Crustaceans comprise a group of animals with the most varied lifestyles and body structures, ranging from freshwater and saltwater to terrestrial environments. This group has grown considerably in terms of production in aquaculture. On the other hand, many biological, physiological and biochemical aspects of these species need studies, mainly in aspects related to standard procedures, which lead to situations of stress and consequently to the appearance of diseases and death. In recent years, freshwater prawn production, Macrobrachium rosenbergii, has increased substantially. This species shows high growth rates and great nutritional and commercial value. In their natural environment or in captivity, crustaceans suffer constant pressures from the environment where they are, mainly, due to changes in water quality parameters, such as increased levels of nitrogen compounds. These changes lead to stress conditions and consequent increase in the production of reactive oxygen species. In order to minimize stress, many studies have used essential oils obtained from plants in various aquaculture procedures. Among the essential oils, Aloysia triphylla and Lippia alba show good results in fish, thus lacking data for crustaceans. Thus, this project intends through three main experiments to determine the physiological and biochemical responses of Macrobrachium rosenbergii to the addition of the essential oils of Aloysia triphylla and Lippia alba in the diet and exposed to different concentrations of ammonia in the water, but also to evaluate the anesthetic efficiency and to indicate ideal concentrations for use during transport and biometry procedures. Finally, this proposal seeks to reinforce the scientific collaborations between two research groups with considerable experience in the research through the production of scientific papers of relevance and contributing to the formation of qualified human resources.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alfeu Joãozinho Sguarezi Filho

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • estudo e implementação de um controlador preditivo repetitivo aplicado no controle das potências do gerador de indução duplamente alimentado
  • Este projeto de pesquisa tem como objetivo o estudo de técnicas de controle preditivo repetitivo aplicado no controle das potências do gerador de indução duplamente alimentado aplicado à sistemas de geração eólica. Neste contexto será estudado o modelo matemático dinâmico do gerador, os conversores de potência e as técnicas de controle para o sistema de geração. Para tal objetivo serão realizados estudos através de simulação e implementação prática em uma bancada do Laboratório de Eletrônica de Potência e Smart Grids da UFABC. Adicionalmente, este projeto possibilitará consolidar colaborações existentes entre docentes da UFABC e de outras instituições como Poli-USP, UFBA, UFPB e UFAC.
  • Universidade Federal do ABC - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alfred Sholl Franco

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • viii olimpíada brasileira de neurociências
  • As Olimpíadas de Neurociências (Brain Bee) são competições de neurociências para estudantes do ensino médio, que surgiram em 1998, no âmbito da década do cérebro, cujo principal objetivo é despertar o interesse dos estudantes para o conhecimento científico relacionado às neurociências. A participação em Olimpíadas de Neurociências é um importante motivador da juventude para aprender mais sobre as ciências do cérebro. A Olimpíada Brasileira de Neurociências (OBN), a exemplo da International Brain Bee, organiza-se em etapas, que envolvem competições locais/regionais e, por fim, a competição nacional, com os campeões locais. As competições locais e a competição nacional são excelentes oportunidades para que os jovens sejam expostos a materiais de leitura mais específicos do que aqueles que eles podem encontrar em suas escolas, o que estimula o estudo e desperta vocações, além de auxiliar no preparo para seus estudos. A VIII Olimpíada Brasileira de Neurociências (VIII OBN) será realizada nos dias 18 e 19 de junho de 2020 no Centro de Ciências da Saúde, na Universidade Federal do Rio de Janeiro. A competição contará com avaliações teóricas e práticas, mas também com palestras para o público em geral e uma mesa redonda sobre neurociências e temas relevantes para o público jovem, como a carreira do neurocientista, uso de drogas, estresse e outros. Contaremos com competidores provenientes de pelo menos 14 comitês locais. Assim, no próximo ano a competição nacional selecionará o representante brasileiro que irá participar da 22a Competição Internacional de Neurociências (International Brain Bee) a ser realizada entre 6 a 9 de agosto de 2020. Trata-se de uma oportunidade para reforçar o potencial brasileiro na produção científica e divulgação das neurociências entre os estudantes do ensino médio, além de favorecer a consolidação desta iniciativa e o fomento à formação de novos comitês locais em todo o território nacional. Soma-se, ainda, a realização de eventos/ações satélites ao longo do ano, a saber: (1) Cursos de Férias em Neurociências (Cursos de Inverno e Verão em Neurociências), ações extensionistas realizadas pela Coordenação Nacional e pelos Comitês Locais, destinadas a apresentar o conhecimento de neurociências aos alunos e professores do Ensino Médio, enquanto estratégia de incentivo à participação de jovens talentos nas Olimpíadas de Neurociências; (2) Semana do Cérebro, realizada em março, que busca instigar o público geral sobre os diversos aspectos das neurociências e integrada a um conjunto de ações internacionais da Brain Awereness Week; (3) Curso de Formação Continuada em Neuroeducação, voltado para professores do ensino básico, pedagogos e licenciandos, buscando introduzir estes profissionais aos conceitos básicos das neurociências e a sua relação com o processo de ensino-aprendizagem, de forma a garantir a formação continuada destes profissionais; (4) Curso de Formação de Mediadores em Divulgação Científica, que busca treinar graduandos para atuação enquanto mediadores do conhecimento científico em neurociências, sobretudo durante as demais ações realizadas pelo grupo. (5) Simpósio Brasileiro de Neurociências, que configura-se como um evento de promoção das neurociências, formação de cientistas, divulgação científica e educação interdisciplinar em neurociências para professores e alunos do ensino médio e superior. Este conjunto de ações perfaz um calendário acadêmico dedicado à promoção da Ciência, da alfabetização científica e ao estímulo ao urgente diálogo entre instituições de alta performance científica e o público geral, trazendo coerência e robustez ao evento proposto e sendo essencial na realização do mesmo. Além disso, as ações da Olimpíada Brasileira de Neurociências incluem a produção de material de divulgação e alfabetização científica. Ao longo dos últimos anos, foram produzidos uma série de vídeos, intitulados Neuroquest, com o objetivo de discutir aspectos da neurofisiologia de forma simples e descomplicada. Da mesma forma, foram produzidos uma série de oficinas e atividades práticas que os professores podem utilizar em sala de aula, de forma a discutir conceitos básicos das neurociências. Neste sentido, são propostas três estratégias para 2020: (1) a criação do Museu Virtual de Neurociências (MVN); (2) criação do Portal do Candidato (PC) e (3) criação do Portal do Professor (PP). Com o MVN esperamos criar uma experiência imersiva, para o público geral, com conteúdos como: história das neurociências, anatomia e histologia, oficinas práticas de neurofisiologia, disponibilização de textos e vídeos explicativos e didáticos. Logo, pretende-se permitir a massificação destes conteúdos de forma a familiarizar os alunos e professores do ensino médio com as diferentes temáticas envolvidas com as neurociências. Por outro lado, o PC e o PP serão estruturados na forma de “Ambiente Virtual de Aprendizagem”, a partir da plataforma moodle, permitindo que os Comitês Locais e o Comitê Nacional disponibilizem os materiais de formação de forma estruturada, em um modelo semelhante ao de cursos EAD, contendo vídeos, textos, capítulos de livros, banco de questões, fórum para resolução de dúvidas e demais recursos virtuais para treinamento e capacitação. A Olimpíada Brasileira de Neurociências (OBN) é uma iniciativa organizada por Ciências e Cognição - Núcleo de Divulgação Científica e Ensino de Neurociências (CeC-NuDCEN), a partir do apoio inicial de duas instituições: a Universidade Federal do Rio de Janeiro e a Organização Ciências e Cognição. Atualmente, esta iniciativa conta com o apoio de profissionais oriundos de várias instituições de Ensino e Pesquisa e de Sociedades Nacionais e Internacionais, como a Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNeC), a Organização Internacional de Investigação do Cérebro (IBRO), a Society for Neuroscience (SfN) e a Dana Foundation, dentre outros.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 05/12/2019-31/12/2020
Foto de perfil

Alfredo Bonini Neto

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • sistemas inteligentes e técnicas matemáticas de parametrização aplicados ao fluxo de carga continuado visando a melhoria dos sistemas elétricos de potência
  • Atualmente, a tendência contínua de aumento nas demandas de carga, juntamente com as restrições econômicas e ambientais para a construção de novas usinas e linhas de transmissão, levou os sistemas de energia a operar mais próximos de seus limites, aumentando a probabilidade de ocorrência de problemas de estabilidade. Os estudos relacionados com a estabilidade estática de tensão exigem a avaliação qualitativa de diversas condições operativas do sistema em diferentes condições de carregamento e contingências. O método da continuação é uma das principais ferramentas utilizadas nesses estudos em virtude de sua robustez e versatilidade, e tem sido empregado entre outros: na avaliação dos efeitos de variações de parâmetros das linhas de transmissão sobre o sistema de potência, na observação do comportamento das tensões das barras do sistema e na comparação de estratégias de planejamento visando à proposição adequada de ampliações e reforços da rede com o intuito de se evitar o corte de carga. As publicações demonstram um crescente interesse por parte das empresas do setor elétrico mesmo em pequenas melhorias deste método visando a melhora de seu desempenho nos diversos estudos. No método da continuação, a singularidade da matriz Jacobiana é removida com a adição de equações parametrizadas às equações do fluxo de carga. Dos estudos prévios já realizados criou-se uma grande expectativa de que seja possível utilizarem-se diversas variáveis globais, tais como a potência ativa ou reativa da barra slack, perdas totais de potência ativa entre outras, para compor a equação da reta ou a equação quadrática. Outra ideia bastante atrativa, é utilizar diversos planos para o traçado completo da curva P-V, um exemplo é o plano formado pelas magnitudes versus os ângulos das tensões nodais, acarretando em uma trajetória de soluções com um aspecto linear e com isso, possibilitando a remoção da singularidade durante o traçado de toda curva P-V. O uso dessas variáveis também apresenta como vantagem o fato de exigir apenas pequenas alterações nos programas de Fluxo de Carga convencionais existentes e de praticamente, não afetar o grau de esparsidade da matriz Jacobiana. Outro fator importante que pretende-se investigar é o uso das redes neurais artificiais (RNAs) para análise da margem de carregamento e consequentemente a obtenção do ponto de máximo carregamento dos sistemas elétricos. Assim, esse projeto tem por objetivo dar continuidade às analises dessas técnicas de parametrização geométrica e também através da RNAs melhorar a sua eficiência na obtenção da margem de carregamento e na redução do tempo computacional gastos pelas técnicas de parametrização geométricas. Também pretende-se investigar a viabilidade do uso de métodos de Newton desacoplado e das versões XB e BX do fluxo de carga desacoplado rápido continuado, bem como de alguns novos métodos recentemente apresentados na literatura.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alfredo Dias de Oliveira Filho

Ciências da Saúde

Farmácia
  • efeito de um protocolo de revisão da farmacoterapia sobre o controle da pressão e a triagem clínica de pacientes com suspeita de hipertensão resistente
  • Introdução A Hipertensão Arterial Resistente (HAR) é caracterizada por valores valores de pressão arterial (PA) acima de 140x90 mmHg para a pressão arterial sistólica e diastólica, respectivamente, mesmo com o uso de três fármacos anti-hipertensivos com ações sinérgicas, em doses máximas estabelecidas e toleradas, sendo um deles diurético, ou quando o paciente está em uso de quatro ou mais fármacos anti-hipertensivos, mesmo com a PA controlada. Diagnosticos errôneos de HAR podem levar ao uso de medicamentos desnecessários e de alto custo ou até à realizacao de procedimentos invasivos, assim, descartar a pseudorresistência - seja pela obtenção do controle pressórico, seja pela confirmação de HAR - é uma etapa preliminar obrigatório no manejo desses pacientes. Objetivo O objetivo deste estudo é avaliar o efeito de um protocolo de revisão da farmacoterapia sobre a modificação dos valores de PA sistólica e diastólica pacientes com hipertensão arterial resistente e pseudorresistente. Método Será realizado um ensaio clínico controlado randomizado em uma unidade básica de saúde em Maceió-AL e em seis consultórios do ambulatório de cardiologia de um hospital privado em Aracaju-SE, com duração de 24 meses. Serão avaliados como desfechos primários os valores de modificação da PA sistólica e diastólica. Os desfechos secundários serão taxa de pacientes sob controle pressórico, taxa de modificação do status diagnóstico (HAR, hipertensão arterial pseudorresistente e hipertensão com controle pressórico) e a adesão terapêutica. Os valores referentes à PA serão obtidos por meio de Medida Ambulatorial da Pressão Arterial. A adesão terapêutica será determinada por meio da escala de Morisky-Green-Levine. O protocolo de intervenção durará 6 meses e será baseado em um protocolo de otimização da adesão previamente testado em pacientes com doenças cardivasculares pós-ala hospitalar e em pacientes ambulatoriais com hipertensão, e em um protocolo de revisão da farmacoterapia segundo o modelo Medication Appropriateness Index (MAI). Estimou-se que uma amostra de pelo menos 111 pacientes em cada grupo fornecerá 80% de poder para detectar uma diferença de 6 mmHg na PAS com nível de significância de 5%.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alfredo Rodrigues de Sena Neto

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • desenvolvimento de sensores para análise da qualidade de águas através de impressão 3d
  • O estudo e desenvolvimento de novos dispositivos sensores para identificação e quantificação de contaminantes presentes em águas são ações de extrema importância para o avanço das cadeias produtivas onde se tem o consumo de água, por exemplo: na agropecuária, farmacêutica, alimentícia, assim como o consumo doméstico, dentre outras. O projeto versa sobre o desenvolvimento e emprego de materiais eletroativos e nanoestruturados obtidos através da tecnologia de impressão 3D de sensores. Será adotado o foco no desenvolvimento de filamentos poliméricos por extrusão e fiação via úmida, com adição de nanopartículas, partículas metálicas e polímeros condutores; e na caracterização das propriedades de interesse dos materiais desenvolvidos, como propriedades morfológicas, eletroquímicas, elétricas, cristalográficas e térmicas. Também serão abordados tópicos relativos à construção de dispositivos sensores de baixo custo. Os sensores desenvolvidos com auxílio desses materiais serão do tipo língua/nariz eletrônicos e eletroquímicos. Espera-se que os resultados obtidos permitam o advento de novos materiais com potencial para desenvolvimento de sensores para monitoramento da qualidade de águas de consumo.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Algemira de Macêdo Mendes

Lingüística, Letras e Artes

Letras
  • literatura e imprensa piauiense: rastros e memórias
  • Ao revitalizar a memória histórica e cultural da literatura piauiense, por meio de sua imprensa e de outros suportes essenciais, este projeto pretende contribuir para o desenvolvimento de novas visadas acerca da historiografia do Piauí, em especial relacionado ao campo das letras. Para isso, a investigação, diferindo da metodologia tradicional, fará uso de fontes primárias (jornais, revistas, coletâneas, diários, cartas etc.), que ajudarão na compreensão não só do contexto histórico a que estavam inseridos os intelectuais piauienses do século XIX às primeiras décadas do século XX, como também poderão evidenciar os escritores que permanecem, até a presente data, à margem do cânone literário, justamente por não terem publicado livro. Essa tomada de consciência objetiva colocar o estado do Piauí no atual momento de estudos da história da literatura brasileira, cujas bases estão sendo reformuladas, há alguns anos, por nomes como Jacques Le Goff, Roger Chartier, (2001) ,João Hansen(1989), Regina Zilberman (2003), Tânia Regina de Lucca (2008), dentre outros.O desenvolvimento desta pesquisa se dará, em especial, pela inter-relação do campo das letras com os da história e do jornalismo, cujo alcance, nos mais diferentes ambientes (universitário e comunitário) possibilitará, a partir da catalogação e da organização do acervo pesquisado (a ser disponibilizado em suporte específico para esse fim), o surgimento de novas pesquisas, tanto relacionadas às áreas protagonistas da pesquisa, como a outras congêneres.
  • Universidade Estadual do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alice Gonçalves Osorio

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • desenvolvimento de fibras de nanotubos de carbono piezoelétricas para aplicação em músculos artificiais
  • Nas últimas décadas, a ciência tem trabalhado na busca por alternativas que ajudem na reconstrução de estruturas do organismo. Recentemente, boa parte dos esforços tem se concentrado no desenvolvimento de músculos artificiais. Para o desenvolvimento destes músculos, no entanto, a nanotecnologia se torna essencial. Esta necessidade tem estimulado pesquisadores a sintetizar materiais em escala nanométrica e, dentre eles, os nanotubos de carbono (NTCs) têm aparecido em destaque. Recentemente surgiram pesquisas onde músculos artificiais são arquitetados com NTCs. Essas fibras mantiveram seu desempenho por mais de 2 milhões de movimentos. No entanto ainda há muito o que se estudar nesta área a fim de compreender e explorar as diferentes possibilidades tecnológicas. Avaliações dínamo-mecânicas também devem ser complementadas a fim de avaliar o comportamento dos músculos artificias frente a situações adversas por longos períodos. Diante deste contexto, o presente projeto visa desenvolver, de forma inovadora, músculos artificiais utilizando fibras de NTCs reforçadas com nanopartículas piezoelétricas. As fibras serão enroladas a partir de florestas de NTCs que, por sua vez, serão reforçadas por spray e/ou imersão em solução rica em nanoestruturas piezoelétricas. As fibras otimizadas serão avaliadas quanto sua resposta piezoelétrica e sua resposta dínamo-mecânica.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022