Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Emerson Cristiano Barbano

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • montagem de facilidade experimental para estudos de óptica não linear em sólidos e líquidos
  • Este projeto consiste no estabelecimento de uma nova linha de pesquisa na UFPR, a óptica não linear. O proponente, junto com colaboradores, está montando sistemas experimentais para estudos de não linearidades ópticas refrativas em sólidos e líquidos através de técnicas de feixe único, mais especificamente, por meio das técnicas de Varredura-Z e NER (do inglês Nonlinear Ellipse Rotation). O auxílio financeiro solicitado tem o intuito de viabilizar a implementação destes sistemas. Embora as técnicas mencionadas, Varredura-Z e NER, já sejam consolidadas, elas continuam possibilitando estudos inéditos, tanto do ponto de vista de física básica quanto do ponto de vista de física aplicada. Neste projeto, aproveitando-se do fato de que as técnicas mencionadas se relacionam de forma diferente com os elementos tensoriais da susceptibilidade elétrica não linear, propõe-se investigar a origem e contribuição de diferentes efeitos ópticos não lineares no sinal refrativo observado durante o processo de interação da radiação com a matéria e, também, empregar os sistemas experimentais como ferramentas de caracterização das propriedades ópticas não lineares de materiais com potencial aplicação em fotônica.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emerson Dalla Chieza

Ciências Agrárias

Agronomia
  • nea mearim: agroecologia em rede
  • This project aims to create a Center for Agroecology and Organic Production Studies at the Federal University of Maranhão - Bacabal Campus, NEA Mearim: Agroecology in networks. The actions of the project have the guiding theme of Food Security and Sovereignty, based on the principles of Agroecology. The project is aimed at students and teachers from the public school system, family farmers and traditional communities, as well as ATER agents from the Middle Mearim micro-region. A number of teaching, research and extension activities will be developed to achieve the proposed objectives, with the following actions: Seminars, workshops, participatory research, academic research, production of occasional videos and documentary videos, as well as booklets, techno-scientific productions, and book. It is hoped to develop the critical sense in the population on the importance of the subject in question and to develop technical and scientific supports to advance the advance to another level of understanding and attitude towards the conscious production and consumption of healthy foods.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 01/01/2018-31/10/2020
Foto de perfil

Emerson Diógenes de Medeiros

Ciências Humanas

Psicologia
  • elaboração e evidências psicométricas da escala global de bullying – agressor e vítima (egb - av): uma abordagem multidimensional do bullying
  • O bullying é caracterizado como uma forma de agressão intencional (seja ela física, verbal ou psicológica) e repetitiva sobre um indivíduo, no qual a relação estabelecida entre o agressor e a vítima é marcada por um desequilíbrio de poder ou força e pela incapacidade de defesa por parte da vítima. No Brasil existem medidas nacionais ou adaptadas que mensurem o bullying, entretanto, nenhuma delas avalia, de forma global (agressores e vítimas) o bullying na perspectiva multidimensional, com 4 dimensões ou formas de manifestações (Bullying verbal, físico, relacional e ciberbullying). Neste sentido, esta proposta busca contribuir sanando esta lacuna, já que possui como principal objetivo elaborar, reunindo evidências psicométricas, a Escala Global de Bullying – Agressor e Vítima (EGB - AV). Para alcançar os objetivos propostos foram planejados três estudos independentes. O Estudo 1 possui objetivo de elaborar a versão preliminar da EGB-AV e explorar seus parâmetros psicométricos. Neste sentido, estima-se contar com uma amostra de 250 estudantes de escolas públicas e privadas do Estado do Piauí. Estes responderão a versão inicial da EGB-AV além de questões sociodemográficas. As coletas serão realizadas em salas de aulas, mas as respostas serão individuais, e só ocorrerão após as autorizações legais necessárias. Os dados serão analisados atraves do IBM SPSS e Factor. O Estudo 2 tem como principal objetivo confirmar a estrutura encontrada no Estudo 1 e reduzir, via TRI, a medida foco da proposta. Deste modo, estima-se contar com aproximadamente 300 estudantes das redes publica e privada do Estado do Piauí. Estes responderão a Versão da EGB – AV, validada no estudo anterior, e questões demográficas. As coletas acontecerão, após autorizações dos dirigentes, pais e responsáveis, em ambiente escolar. Os dados serão tratados através do Software R e pacotes Lavaan, Psych e Mirt. Por fim, o Estudo 3 objetiva avaliar invariância grupal da medida em função do sexo dos participantes, tipo de escola (pública e privada) e ainda do estado de origem (Piauí, Maranhão e Ceará), além de verificar evidências de validade convergente e preditiva. Nesta etapa estima-se uma amostra de 450 participantes, equitativamente distribuídos por estado de origem e sexo. Os participantes preencherão a versão final da EGB-AV e instrumentos que medem bullying, depressão, valores humanos, engajamento escolar e autoestima. Assim como nos demais estudos, a coleta ocorrerá nas escolas que aceitem ceder seus alunos e respondidos individualmente, após consentimento livre e esclarecido. O Software R será tido em conta, juntamente com os pacotes semTools e Lavaan. Estima-se que ao final da execução do projeto proposto, será possível contar com uma medida curta, com abrangência para avaliar os tipos de bullying tanto para agressores e vítimas. Portanto, será possível realizar pesquisas em que se busque antecedentes e consequentes das diversas formas de manifestações do bullying.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emerson Elias Merhy

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • análise da implantação da rede de cuidados à saúde das pessoas com deficiência - os usuários, trabalhadores e gestores como guias
  • Introdução: A atenção à pessoa com deficiência apresentou importantes avanços nos últimos anos, entretanto, ampliar o acesso e qualificar o cuidado ainda é uma necessidade premente. A Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência, criada em 2012, tem sido uma aposta para superação dos vazios assistenciais neste campo e para resolução dos problemas acumulados no sistema de saúde. Esta Rede de Cuidados está sendo construída para responder a necessidade de ampliar, qualificar e diversificar as estratégias para a atenção às pessoas com deficiência física, auditiva, intelectual, visual, ostomia e múltiplas deficiências por uma rede de serviços integrada, articulada e efetiva nos diferentes pontos de atenção para atender às pessoas com deficiência, assim como iniciar precocemente as ações de reabilitação e de prevenção precoce de incapacidades. Objetivo: Este projeto pretende analisar a produção de redes de cuidado operadas pelos Centros Especializados em Reabilitação (CER) habilitados pelo Ministério da Saúde, bem como o grau de adesão aos princípios e às diretrizes definidos nas normativas da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência. Método: Será empregada a estratégia metodológica de abordagem cartográfica, mediada pela perspectiva do pesquisar in-mundo, tendo os como usuários do acompanhamento do pesquisador (ferramenta usuários-guia), seus familiares, os trabalhadores e gestores da rede. Compreendendo por usuário-guia, o relato da produção do cuidado com um usuário que acompanhamos no serviço de saúde e partindo do pressuposto que a produção do cuidado não se limita à realização de procedimentos técnicos, mas que se dá na relação entre o usuário e o trabalhador, usuário-gestor, ou seja, é necessário compreender o usuário-guia como narrativas do encontro, incluindo todos os outros encontros que atravessam esta relação: com outros profissionais, com a família, com outros serviços de saúde, com o bairro, etc. Encontro de encontros. Trata-se de narrativas produzidas que tem como referencial o usuário, é, portanto, uma descrição/análise usuária centrada. O usuário-guia será um dos dispositivos para cartografar os encontros em torno da produção de cuidado. A pesquisa prevê a realização de encontros dialógicos e entrevistas com usuários e outros atores sociais, gestores das esferas estadual, regional e municipal, gerentes/técnicos dos serviços e profissionais de saúde, momentos nos quais serão recolhidas narrativas acerca de como produz o cuidado nesses serviços, e em que medida esse cuidado está adere às normativas normativas da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência, as barreiras e dificuldades para essa adesão. Nesta aposta de realizar pesquisa cartográfica construímos as ferramentas para produzir a atualização em todos os feixes de forças dos vários regimes de verdade que emergem no território micropolítico, tratando da multiplicidade, dos devires, das molecularidades e assumindo o lugar dos múltiplos, das identidades e das molaridades pedidas nessa possibilidade de construção cotidiana. A equipe de pesquisadores será composta por pesquisadores que frequentam a Linha de Micropolítica do Trabalho e o Cuidado em Saúde, por Secretários de Saúde, Coordenadores de Área Técnica de Saúde da Pessoa com Deficiência e Coordenadores Técnicos do Serviço, e pelas equipes de trabalhadores dos CER localizados na região Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste, do país. O projeto terá início após aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa e todos os sujeitos serão devidamente informados e esclarecidos sobre a pesquisa, verbalmente e através do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Resultados esperados: Espera-se com esta pesquisa analisar o funcionamento dos CER, identificando e problematizando os principais avanços e desafios vivenciados pelos serviços, contribuindo, consequentemente, com informações a respeito do grau de implantação da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência no país. Espera-se que a pesquisa, durante o processo em que for realizada, funcione como um dispositivo que leve à discussão compartilhada entre gestores federal, estadual e municipal do SUS, profissionais de saúde e sociedade civil, tanto no que se refere ao subsídio para a tomada de decisão, quanto para atuação do controle social na busca e consolidação da saúde como direito.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 30/11/2018-30/11/2020
Foto de perfil

Emerson Fernandes Marçal

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • desequilíbrios globais e câmbio de equilíbrio
  • Na década de noventa a foi desenvolvida a abordagem intertemporal. Uma série de trabalhos discutiram varinate ao modelo original (Obstfeld et al. (1996), Gruber (2004), Ghosh e Ostry (1995), Ghosh e Ostry (1997)). Uma das principais conclusões desta literatura era que a conta correntee e a posição internacional de investimentos deveriam ser estacionárias. Esta proposição foi amplamente rejeitada em uma séries de trabalho para um conjunto grande de países. Este projeto visa avaliar o equilíbrio de longo prazo da conta corrente de uma maneira alternativa, permitindo que os ativos e os passivos tenham taxas diferentes de retorno e ajustados por variações patrimoniais importantes (Gourinchas e Rey (2007), Gourinchas e Rey (2007b)) numa versão modificada do aarcabouço de Campbell e Shiller (1987). Ou seja, ao invés de testar a estacionaridade da conta corrente diretamente, avalia-se a existência de cointegração entre ativos, passivos e balança comercial de bens e serviços para Estados Unidos, Brasil e alguns países desenvolvidos e em desenvolvimento. Caso a resposta seja positiva então as implicações para a estimação de um câmbio de equilíbrio de longo prazo com numa versão modificada da abordagem de equilíbrio comportamental da taxa de câmbio de equilíbrio.
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emerson Joucoski

Ciências Humanas

Educação
  • 9ª feira regional de ciências do litoral do paraná - 2019
  • A presente proposta refere-se à realização da 9ª Feira Regional de Ciências do Litoral do Paraná, edição 2019, a ser promovida pelo Setor Litoral da UFPR com o apoio das escolas públicas, secretaria municipal de Educação do município de Paranaguá e do Núcleo Regional de Educação dos sete municípios da região litorânea do Estado do Paraná. O evento se apresenta como uma necessidade condicionada por dois fatores: o primeiro é a atuação e os resultados obtidos pelo Programa Laboratório Móvel de Educação Científica da UFPR Litoral (LabMóvel) nas oito Feiras Regionais de Ciências realizadas e demais atividades do projeto, cuja trajetória está sintetizada a seguir de forma a justificar a presente proposta. O segundo fator é o Projeto Político Pedagógico do Setor Litoral da UFPR (PPP, 2008), que tem como objetivos principais o desenvolvimento regional através do fortalecimento da Educação Pública. Desde sua implantação em 2005, a UFPR LITORAL tem estabelecido parceria com todas as Secretarias Municipais de Educação e Núcleo Regional de Ensino, atuando fortemente no desenvolvimento de projetos em escolas e comunidades, na formação dos profissionais da Educação através de seus cursos de licenciatura, e nos processos de formação continuada de educadores. Este cenário de integração entre ensino superior e básico já estabelecido e a experiência da equipe proponente em iniciativas como as Feiras Regionais de Ciências (2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017 e 2018), Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017 e 2018), a implantação de Clubes de Ciências nas escolas (descritos em seguida) e demais ações desenvolvidas pelo LabMóvel cria ambiente propício para a realização de um evento como a Feira de Ciências, integrando ainda mais as diferentes esferas do ensino público e fortalecendo este crescente movimento da Educação Científica.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Emerson Monteiro Vieira

Ciências Biológicas

Ecologia
  • efeitos do fogo sobre mamíferos e suas interações ecológicas no cerrado do brasil central (território quilombola kalunga e parque nacional da chapada dos veadeiros)
  • O fogo é um importante fator de perturbação em vários ecossistemas no mundo, especialmente em áreas de savana como o Cerrado. Esse distúrbio afeta não só as plantas como também a fauna de mamíferos associada às áreas atingidas por queimadas. A avaliação da ocorrência desses animais em áreas com diferentes históricos de queima, o monitoramento das populações e avaliação do papel desses no ecossistema pode e deve ser feito com a participação de comunidades locais que ocupam as áreas protegidas ou seu entorno. A participação desses atores nas questões de manejo e determinação das lacunas de conhecimento associadas ao uso e manejo do fogo e o efeito destes na fauna é altamente desejável, podendo ser um fator decisivo para o sucesso de projetos integrados de manejo do fogo e conservação da mastofauna. O objetivo geral do presente projeto é investigar o efeito de diferentes históricos de queima, incluindo queimadas prescritas (precoces), nas comunidades de mamíferos e nas relações ecológicas em que os mesmos estão envolvidos em áreas de Cerrado nativo do Território Quilombola Kalunga e Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (GO). Para isso utilizaremos uma abordagem inédita em áreas do Cerrado, avaliando tanto espécies de médio/grande porte quanto de menor porte (os chamados pequenos mamíferos), integrando diferentes métodos de amostragem. Esse projeto será desenvolvido a partir do estabelecimento de parcelas permanentes e do desenvolvimento participativo de protocolos de monitoramento que possam ser empregados pelas equipes gestoras das áreas estudadas e outras áreas protegidas, em condições de diferentes regimes de queima, que incluem queimas prescritas ou controladas em diferentes épocas do ano, áreas de proteção contra o fogo e mesmo áreas atingidas por incêndios.Nossos objetivos específicos são: (1) identificar e monitorar a mastofauna em áreas em diferentes estágios sucessionais pós-fogo; (2) avaliar o efeito das queimadas na composição das comunidades de mamíferos; (3) identificar nas vegetações atingidas por eventos de fogo quais são os potenciais predadores de pequenos mamíferos; (4) identificar e quantificar em áreas em diferentes estágios sucessionais pós-fogo as interações ecológicas entre pequenos mamíferos e as plantas das quais consomem frutos; (5) verificar como diferentes históricos de fogo modificam a estrutura das redes de interações entre pequenos mamíferos e plantas das quais consomem frutos ou sementes; (6) avaliar como a incidência de queimadas precoces afetam a composição das comunidades e o uso do espaço por mamíferos; (7) desenvolver ações integradas para estabelecer e aprimorar protocolos de monitoramento da mastofauna como um todo para áreas florestais (em matas de galeria) e para áreas abertas (em campos e savanas) com participação de brigadistas, moradores e gestores; (8) acompanhar a fauna de mamíferos a partir da ocorrência de queimadas prescritas e controladas, capacitando brigadistas, moradores e gestores para a realização desta caracterização bem como o monitoramento da mastofauna antes e depois da ocorrência do fogo; e (9) produzir materiais de divulgação sobre os mamíferos e como esses animais lidam com o fogo, para um público-alvo de visitantes, moradores do entorno, e estudantes de ensino fundamental e médio. Ao entender o efeito de diferentes históricos de queima nas comunidades de mamíferos e nas relações ecológicas em que os mesmos estão envolvidos no Território Quilombola Kalunga e Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (GO) esperamos contribuir para que o manejo integrado do fogo seja realizado de forma a possibilitar a manutenção da biodiversidade e dos serviços ecossistêmicos na região. Além disso, a capacitação dos atores locais na realização de amostragens da mastofauna permitirá que as comunidades estejam envolvidas de forma participativa nas ações de monitoramento da biota. Com os resultados do presente projeto pretende-se submeter no mínimo 4 artigos para publicação em periódicos científicos além de propiciar a elaboração de duas teses de doutorado.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 01/12/2018-31/10/2021
Foto de perfil

Emerson Ribeiro

Ciências Humanas

Geografia
  • capacitação e aplicação da metodologia das instalações geográficas para professor (as) da rede pública crede 18 e 19
  • A formação e capacitação de professores de geografia da rede pública e considerando a indissociabilidade entre teoria e prática é preciso apresentar aos alunos/professores a realidade do ensino no Brasil para que elabore, executa e avalie planejamentos de geografia no ensino fundamental e médio, assim como reflita sobre a sua prática docente diante da realidade escolar. Para a formação de novos professores e a capacitação de docentes, estamos em busca de outra prática pedagógica, buscando articular a ciência geográfica, a arte e o cotidiano da escola, incorporando, assim, a criatividade para a manifestação dessa prática na universidade e nas escolas, realizando o processo de aprendizagem e ensino, com as instalações geográficas. Portanto, a aproximação entre a universidade e a escola, e a formação de profissionais da educação em especial o de Geografia, e aqueles que estão em constante formação à pesquisa e novas metodologias devem ser apresentadas, e o melhor meio para isso é a realização de oficinas e minicursos, difundindo na rede pública, por meio das CREDE 18 e 19 da região metropolitana de Juazeiro do Norte.
  • Universidade Regional do Cariri - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emerson Rodrigo da Silva

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • fabricação de nanoestruturas de bradicinina mediada por dna
  • A auto-organização de biomoléculas constitui uma estratégia central em campos emergentes como a engenharia biomolecular, a bionanotecnologia e a nanomedicina. Inspirados pelo rico polimorfismo observado em componentes biológicos fundamentais, cientistas trabalhando na interface Física-Química-Biology têm tirado vantagem das características únicas exibidas por blocos moleculares extremamente versáteis como os amino ácidos e as nucleobases para construir uma série de novos materiais com aplicações que vão desde o transporte intracelular até a produção de matrizes teciduais. Neste projeto, pretendemos desenvolver estratégias de fabricação de nanoestruturas inéditas baseadas na Bradicinina, um peptídeo-hormônio com potente efeito hipotensor. A extensa presença de prolinas na composição deste peptídeo confere a ele rigidez estrutural que dificulta a formação de estruturas de com simetria definida em solução. Para contornar esse problema, a estratégia central será o uso de cadeias lineares de DNA como template que, através de interações eletrostáticas, mediarão a automontagem das nanoestruturas peptídicas. Diversos parâmetros físico-químicos, envolvendo desde modificações no desenho da molécula de Bradicinina até características iônicas do meio de promoção da automontagem, serão testados. A estrutura dos arranjos formados será elucidada por meio de uma série de ferramentas biofísicas compreendendo métodos espectroscópicos, espalhamento a baixo ângulo e microscopia avançada. O sucesso da formulação desses sistemas e a compreensão detalhada de sua organização nanoscópica abrirá portas para a produção de nanoestruturas bioativas com propriedades de controle de pressão arterial.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emerson Schwingel Ribeiro

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • sínteses, caracterizações e aplicações de novos materiais
  • O presente projeto tem como objetivos principais as sínteses, caracterizações e aplicações de óxidos mistos e sílica gel quimicamente modificadas. Os materiais de interesse a serem obtidos são 1) óxidos mistos do tipo SiO2/MxOy, SiO2/MxOy/NxOy pelo processo sol-gel, 2) filmes de óxidos mistos do tipo MxOy/NxOy pelo processo sol-gel e/ou método de Pechini, 3) sílica gel quimicamente modificada (SGQM). As características de interesses a serem investigadas dos óxidos mistos referem-se ao grau de dispersão das partículas dos óxidos metálicos nos suportes, porosidade das matrizes, mobilidade térmica das partículas e a distribuição delas na superfície etc. Devido às características ácidas de Lewis e de Brønsted dos diferentes óxidos metálicos, será investigada a capacidade de adsorção de espécies eletroativas (EE), para o desenvolvimento de novos eletrodos quimicamente modificados. Esses novos óxidos mistos serão também utilizados na pré-concentração de íons metálicos em solução. A aplicação de sílica gel nanométrica quimicamente modificada com FSs (fotossensibilizadores) na geração de oxigênio singlete será estudada. Por último, este projeto propõe desenvolver novos filmes, em substituição à camada de fosfatização, a base de óxidos mistos para serem aplicados em superfícies de aço laminado a frio e aço galvanizado por imersão a quente, materiais largamente utilizados no setor de energia elétrica.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emiko Yoshikawa Egry

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • construção de indicadores de boas práticas na atenção primária em saúde na perspectiva da enfermagem em saúde coletiva
  • O presente estudo tem por objetivo geral construir indicadores de Boas Práticas da Enfermagem na Atenção Primária à Saúde (APS) reportadas aos perfis epidemiológicos e aos determinantes sociais dos processos de saúde e doença dos municípios. Os objetivos específicos são: Conhecer os perfis epidemiológicos da população dos municípios; Identificar as políticas e os programas municipais para o reconhecimento das necessidades em saúde e dos grupos sociais vulneráveis; Identificar os conceitos e instrumentos de Boas Práticas da Enfermagem na APS; Elaborar uma matriz de indicadores de Boas Práticas da Enfermagem na APS, nas dimensões estrutural, particular e singular da Rede de Assistência e dos perfis epidemiológicos da população; Desenvolver um programa de qualificação para os gestores municipais de saúde e para os enfermeiros atuantes na APS para lidar com as necessidades e vulnerabilidades em saúde; e Identificar conjunto de indicadores de Boas Práticas na APS que visem fortalecer o enfrentamento da violência doméstica contra a criança e o adolescente. Metodologia: o modelo de pesquisa será do tipo não-experimental, com predominância dos exploratórios e descritivos, além de metodológicos. Trata-se de um estudo misto, com abordagem quanti-qualitativa para a análise dos dados. O fundamento teórico-metodológico será a Teoria da Intervenção Práxica da Enfermagem em Saúde Coletiva, Tipesc (Egry 1996). Os dados quantitativos serão analisados por estatística descritiva e inferencial e os qualitativos serão analisados pelo método de Bardin, utilizando a técnica de análise do software webQDA. Os cenários a serem estudados são os municípios de Concórdia (SC), São José dos Pinhais (PR) e Araraquara (SP). Sujeitos da pesquisa e aspectos éticos. Os principais sujeitos da pesquisa serão os enfermeiros da APS, lideranças da Enfermagem dos municípios e gestores municipais. Ademais conformarão como juízes os especialistas em indicadores, em Boas Práticas da APS e Boas Práticas da Enfermagem na APS. O projeto será encaminhado aos Comitês de Ética em Pesquisa pertinentes. Categorias de análise: concepção de Boas Práticas de Enfermagem; concepção de necessidades em saúde e vulnerabilidades na APS; indicadores de qualidade das práticas de Enfermagem; evidências de qualidade dos serviços. Etapas do estudo: 1. Coleta, análise e síntese dos perfis epidemiológicos da população dos municípios; 2. Coleta de dados, análise e síntese das políticas e dos programas municipais por meio do Planos Municipais de Saúde (PMS) e Redes de Atenção à Saúde (RAS); 3. Coleta de dados, análise e síntese dos conceitos e instrumentos de Boas Práticas da Enfermagem na APS; 4. Elaboração e validação de uma matriz de indicadores de Boas Práticas na APS; 5. Identificação de Indicadores de enfrentamento da violência doméstica contra a criança e o adolescente nos diversos cenários; 6. Programa de qualificação para os gestores municipais de saúde e para os enfermeiros da APS. Metas: qualificação de pesquisadores de diferentes níveis, de IC a pós doutor; produzir dissertação de mestrado e teses de doutorado; produzir artigos científicos a serem publicados em periódicos de alto impacto; qualificar profissionais da Enfermagem em prática baseada em evidência na APS; qualificar gestores dos serviços de saúde para o organização dos Planos Municipais de Saúde, considerando a equidade e a qualidade dos serviços de saúde, de modo a focalizar os grupos sociais vulneráveis, dentre eles crianças e adolescentes vítimas de violência doméstica. Principais contribuições da proposta: adensamento teórico e atualização da Tipesc; demonstração do potencial praxiológico da Tipesc na intervenção dos processos de trabalho na APS; reorganização dos processos de trabalho em saúde, contemplando e aprimorando ações interventivas baseadas em evidências na APS; potencialização de ações práticas e de gestão local que contribuam para a qualificação da APS e consequente atendimento das necessidades em saúde da população. Potencial de Inovação: produção de um programa para b-learning para qualificação de enfermeiros da APS e formação de lideranças para o uso de evidências assegurando as Boas Práticas na APS; produção de indicadores validados de Boas Práticas da Enfermagem na APS.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emília Carvalho Leitão Biato

Ciências Humanas

Educação
  • estudo sobre o perfil, formação, currículo e integração ensino-serviço-comunidade dos cursos da área de saúde
  • A multidisciplinaridade e a interdisciplinaridade têm se caracterizado como norte do processo de formação dos profissionais de saúde no Brasil. Acompanhando essa tendência, as Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de saúde CES/MEC enfatizam a importância da aproximação no processo ensino-aprendizagem desses profissionais com a realidade das comunidades brasileiras. Com isso, os pesquisadores da saúde e educação propõem a construção de saberes interdisciplinares sobre a formação dos profissionais da saúde nos cursos de medicina, farmácia, odontologia, saúde coletiva, enfermagem e nutrição, e sua inserção cada vez maior no Sistema Único de Saúde - SUS. Dessa maneira, o objetivo geral do presente projeto consiste analisar as evidências da implementação das reformas curriculares na área da Saúde – Faculdade de Saúde e Faculdade de Medicina UnB (FS e FM) e UCB, por meio do estudo das características do perfil discente e de docentes e seus fatores associados. Como metodologia adotar-se-á o estudo prévio das DCNs, conciliando suas orientações com os projetos pedagógicos de cada curso, acompanhando suas propostas de mudanças curriculares e dos percursos formativos com ênfase nos cenários de prática e integração do ensino-serviço-comunidade. Associadamente, pesquisar a trajetória da formação e perfis profissionais em saúde (docente, discente e egressos) das FS e FM da UnB e da UCB. Além do monitoramento observacional dessas trajetórias serão colhidas informações por meio de entrevistas e questionários pelo critério amostral arbitrário. Por fim, todos os dados serão conciliados e confrontados com as normas preconizadas pelo Ministério da Educação e pelos respectivos projetos pedagógicos. Como resultados, acredita-se que o presente projeto poderá oferecer nova perspectiva na articulação do conhecimento das áreas básicas e profissionalizantes com os cenários de práticas; estimulará a promoção e reorientação curricular e formação em saúde para o SUS, bem como poderá contribuir para a implementação de ações de promoção da equidade e da saúde na formação, o monitoramento e avaliação de mudanças curriculares e inovações pedagógicas.
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emiliano Horacio Medei

Ciências Biológicas

Biofísica
  • estudo do papel da resposta imune inata na fisiopatologia da fibrilação atrial
  • A fibrilação atrial (FA) consiste na arritmia cardíaca mais frequente. Estima-se que 33 milhões de pessoas padecem dita arritmia e a fisiopatologia desta doença tão complexa não é totalmente conhecida. Diferentes trabalhos sugerem uma associação entre a resposta imune inata e FA. Também, foi consistentemente demonstrado que a sobrecarrega de volume ou pressão origina a dilatação das cavidades atriais gerando mudanças que favorecem o desenvolvimento da FA persistente. Em animais de pequeno porte, o modelo mais utilizado para aumentar a probabilidade de indução de FA é a constrição do arco aórtico (Transverse Aortic Constriction: TAC). Assim, neste trabalho temos como objetivo testar a hipótese que o eixo TLR-2/NLRP3/IL-1beta; (chave na resposta imune inata) está envolvido na fisiopatologia da FA, utilizando um modelo de TAC em camundongos. Para isto, utilizaremos métodos de ponta recentemente incorporados em nosso Laboratório. Deste modo, propomos estudar de maneira holística e simultânea a função elétrica cardíaca (ECG e potencial de ação) e o manejo de cálcio em coração inteiro utilizando a técnica de “Microscopía de Fluorescência no Campo Local” (Pulsed Local Field Fluorescence Microscopy - PLFM). Serão utilizados camundongos adultos C57BL/6 (wild type – WT) e transgênicos knock-out para TLR2 (TLR2-/-), NLRP3-/- (NLRP3-/- ), Caspase 1-/- (Casp1-/-) ou IL-1r-/- (IL-1r-/- ), todos no mesmo background (C57BL/6) que os animais WT a serem utilizados para entender qual o papel de cada um dos componentes do sistema imune aqui propostos na fisiopatologia da FA no modelo de TAC. Ao final deste projeto, almejamos ter: i. desvendado os mecanismos fisiopatológicos da FA no modelo de TAC; ii. compreendido o papel da ativação tanto dos TLR’s como do inflamassoma NLRP3 e da IL-1β na gênese de fibrilação atrial num modelo de constrição aórtica; iii. elucidado como o manejo do cálcio intracelular pode estar contribuindo para deflagrar FA e iiii. testado ferramentas terapêuticas inovadoras como MCC-950® e anakinra®, como potencial tratamento para reverter o remodelamento elétrico cardíaco e assim prevenir a fibrilação atrial.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emílio Carlos Sponchiado Júnior

Ciências da Saúde

Odontologia
  • avaliação da dor pós-operatória e sucesso do tratamento endodontico sobre a qualidade de vida de pacientes portadores de diabetes mellitus tipo 2 – um ensaio clínico controlado
  • Este estudo tem como objetivo avaliar a dor pós-operatória, os impactos na qualidade de vida e o sucesso do tratamento em pacientes portadores de diabetes mellitus (DM) do tipo 2 após tratamento endodôntico a partir de um estudo prospectivo clínico controlado e duplo cego que será realizado na Clínica Odontológica da UFAM. A amostra consistirá em 80 pacientes adultos, sendo 40 pacientes diabéticos para o grupo experimental e 40 pacientes sem DM como controles. Os critérios de inclusão consistirão em pacientes portadores ou não de DM tipo 2 com indicação de tratamento endodôntico em dentes permanentes diagnosticados com pulpite irreversível. Os procedimentos serão realizados em três momentos: coleta do baseline consulta odontológica para realização do tratamento endodôntico e consulta após um ano de tratamento para acompanhamento longitudinal. O tratamento endodontico será realizado em sessão única e em ambos os grupos, a instrumentação será realizada com o sistema WaveOne®, após a completa instrumentação, será realizado o selamento tridimensional do sistema de canais radiculares e restauração provisória da coroa dentária. A avaliação da dor pós-operatória será realizada por outro membro da equipe, através de ligações telefônicas, onde será registrada a intensidade da dor experimentada pelo paciente em intervalos de 6, 12 e 24 horas após o tratamento endodôntico, utilizando duas escalas de dor: a numérica discreta (NRS) e de descrição verbal ordinal (VRS). A avaliação pós-operatória do sucesso do tratamento endodôntico será realizada antes e um ano após o tratamento, por dois avaliadores independentes e cegos quanto ao estado sistêmico dos pacientes, utilizando o Índice periapical (PAI). Para avaliação do desfecho de qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) será utilizado o Oral Health Impact Questionaire -14 (OHIP-14) aplicado no baseline e um ano após o tratamento. Os resultados serão registrados para avaliação estatística, após isso será aplicado o teste estatístico mais adequado à distribuição amostral.
  • Universidade Federal do Amazonas - AM - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emílio Graciliano Ferreira Mercuri

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • monitoramento e estudo de relações entre material particulado e variáveis meteorológicas em curitiba
  • A poluição atmosférica está relacionada diretamente ao aumento do risco de infecções respiratórias agudas, e foi estimado pela Organização Mundial de Saúde que 6,5 milhões de mortes no ano de 2012 foram causadas por enfermidades relacionadas à poluição do ar. Em relação às atividades que geram este tipo de poluição, em ambientes urbanos as principais são veículos automotores e indústrias, fontes de gases poluentes e materiais particulados suspensos que podem deteriorar a qualidade do ar. Em Curitiba, uma das 10 cidades mais poluídas na questão da qualidade do ar do Brasil, existem apenas cinco estações de monitoramento e as mesmas têm baixa resolução espacial e temporal. Diante disso, há a necessidade de realizar o monitoramento e entender as condições ambientais de aumento da concentração de poluentes atmosféricos na capital do Paraná, além de caracterizar as fontes e as suas variações diárias. Será criada uma rede de monitoramento para Material Particulado e Dióxido de Carbono com 10 locais em Curitiba. Os locais serão definidos com prioridade para vias com alto volume diário de veículos automotores e indústrias. Serão utilizados sensores de baixo custo baseados no espalhamento da luz e técnicas ópticas de mensuração acoplados à microcontroladores como Arduino e Raspberry Pi. Os sensores serão calibrados com equipamentos de referência. Os dados serão disponibilizados em sítio da internet público. Além das atividades de monitoramento serão realizadas atividades didáticas em disciplina de Monitoramento Ambiental na Universidade Federal do Paraná com os sensores comprados para capacitação de alunos em disciplina optativa do curso de Engenharia Ambiental. Os alunos e professor desenvolverão atividades de extensão visitando escolas e órgãos públicos, ministrando palestras sobre qualidade do ar em Curitiba.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emilio Jose Montero Arruda Filho

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • uso de produtos tecnológicos convergentes em função da percepção de valor com a inovação
  • Os estudos nacionais e internacionais voltados para marketing tecnológico aumentaram significativamente nos últimos anos, explorando diferentes usos dos produtos e serviços, além das preferências dos consumidores por produtos inovadores e diferenciados. Com isto, a necessidade de estudos de marketing sobre o comportamento de consumo e novas tendências para a inovação tecnológica é um fator decisivo para compreensão do processo de desenvolvimento do País. Desta forma, propõem-se neste projeto a análise do consumo dos produtos/serviços convergentes de tecnologia que oferecem multifuncionalidade (Bundled Products / convergent products), associado a valores da atualidade, tais como atributos responsáveis ou características tecnológicas verdes, para poder identificar se as motivações verdes aumentam ou diminuem a intenção de consumo neste contexto, além de valores sociais de consumo como status e modismo, para compreender a percepção de valor em função do posicionamento do consumidor perante seu grupo social. Esta proposição acadêmica subsidiará o governo e as instituições de pesquisa sobre novas tendências tecnológicas, para auxiliarem no desenvolvimento sustentável dos Estados com relação a sistemas de governo eletrônico, assim como, na organização do mercado para um melhor uso adequado das necessidades sociais da população, podendo se desenvolver localmente produtos e serviços direcionados ao poder público, privado ou pessoal.
  • Fundação Instituto para o Desenvolvimento da Amazônia - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emmanoel Vieira da Silva-Filho

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • turfeiras altimontanas do brasil - registro histórico de uso do solo, deposição de elementos-traço e acumulação de carbono
  • A iminente preocupação com a qualidade de vida humana, animal e ambiental faz-se necessidade de mensurações de diferentes nuances que comprometem o estabelecimento da qualidade, dentre estas está a presença acentuada de elementos químicos nocivos, à exemplo na atmosfera. A qual via deposição atmosférica pode silenciosamente, de forma acumulativa e a longo prazo acarretar danos irreparávies em ecossistemas terrestres. O uso de matrizes ambientais como as turfeiras altimontanas são ferramentas eficazes na determinação do aporte de diferentes elementos químicos ao longo de centenas de anos. Atualmente a extensão de turfeiras no mundo é de 400 milhões de ha, sendo que no Brasil correspondem a uma área de aproximadamente 600 mil ha. Esta montante está sendo cada vez mais reduzida devido à forte degradação destes compartimentos ambientais. A importância das turfeiras não se limita apenas em abrigar específicos nichos ecológicos, mas também está associada a prestação de serviços ambientais de valores incalculáveis. A presente proposta tem como propósito avaliar essa funcionalidade em turfeiras altimontanas avaliando suas características físicas, químicas e biológicas, e sua capacidade de acumular carbono e elementos-traço depositados via atmosfera. Estes parâmetros devem estar bem elucidados a fim de relacionar com avaliações paleoambientais e geocronológicas. O estudo será conduzido em nove áreas de turfeiras altimontanas do estado sul e sudeste do Brasil, situados em Unidades de Conservação. Serão realizadas análises na Universidade Federal Fluminense com especialistas renomados no tema da proposta e com equipamentos amplamente qualificáveis. Além da empregabilidade de novas técnicas de avaliação, como o uso de biomarcadores de lignina presentes nas turfeiras altimontanas, a fim de estabelecer uma geocronologia quanto ao uso do solo. Permitindo assim dentre outros resultados ajudar a nortear medidas e práticas conservacionistas a esses compartimentais ambientais.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emmanuel Damilano Dutra

Engenharias

Engenharia de Energia
  • avaliação do aproveitamento químico e bioenergético da biomassa de agave na região semiárida do nordeste do brasil
  • A produção de compostos químicos e bioenergia de forma sustentável em regiões semiáridas é um dos desafios tecnológicos mais relevantes na atualidade. Estas regiões são caracterizadas pela baixa disponibilidade hídrica e altas taxas de evapotranspiração, o que dificulta o cultivo de biomassas mais tradicionais, como cana-de-açúcar e o milho, para fins energéticos. Além disso, as perspectivas futuras com as mudanças climáticas para o Nordeste do Brasil indicam aumento da região semiárida, o que certamente acarretará em mudanças dos arranjos produtivos para a produção de biocombustíveis. O desenvolvimento de cadeias de produção com novas matérias-primas, com elevada eficiência no uso de água e baixo requerimento de insumos, pode influenciar positivamente na geração de emprego e renda nesta região. A exemplo, as biomassas de palma forrageira e do agave. Historicamente, o agave já é utilizado na região semiárida do Nordeste do Brasil para a produção de fibras e tem seus resíduos aproveitados para a alimentação animal, produtos que possuem baixo valor agregado. Estima-se que atualmente sejam cultivados 130.000 ha de agave no Nordeste do Brasil e que a cadeia de produção empregue 500 mil pessoas de forma direta e indireta. No entanto, ainda são incipientes os estudos voltados para produção de biocombustíveis e compostos químicos com esta fonte de biomassa no nordeste do Brasil. Dada a importância dessa biomassa, a Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias – Embrapa, mantém desde de 1996 um Banco de Germoplasma com 37 genótipos de agave para avaliar aspectos de produção de biomassa em condições semiáridas na cidade de Monteiro na Paraíba. Dado o exposto, cabe destacar que o agave tem potencial para produção de biocombustíveis e compostos químicos em zonas semiáridas. Vários estudos já relataram a produção de bioetanol, bebidas como mescal e tequila, fibras naturais e compostos químicos como esteroides e saponinas em diferentes localidades. Produtividades relatadas para o agave variam entre 1 a 34 Mg.ha-1.ano-1 sem irrigação e dependendo da espécie e do local de produção. Na região semiárida do Nordeste do Brasil, são relatadas produtividades de até 26 Mg.ha-1.ano-1. Seu potencial de aproveitamento é uma função de sua composição média: matéria seca 5 - 10%, comumente chamada de bagaço, e um líquido com açúcares solúveis 90-95%. O bagaço é constituído de celulose, hemicelulose e lignina e o líquido composto por açúcares como inulina, sacarose, glicose, galactose, frutose e alguns oligômeros. Sendo assim, o objetivo geral dessa proposta é avaliar o potencial do agave como fonte de biomassa para a produção de compostos químicos e bioenergia na região semiárida do Nordeste do Brasil. Esse objetivo desdobra-se em sete objetivos específicos, a seguir: 1) Avaliar o potencial energético de diferentes genótipos de agave oriundos do banco de germoplasma da Embrapa Algodão - Campina Grande; 2) Determinar o potencial de produção de etanol 1G com o resíduo líquido dos genótipos mais promissores; 3) Desenvolver um protocolo para pré-tratamento do bagaço de agave com tecnologia de reciclo da fração líquida; 4) Otimizar a hidrólise enzimática do bagaço de agave, com alta carga de sólidos; 5) Avaliar o potencial de co-fermentação dos açúcares presentes nos hidrolisados da biomassa de agave; 6) Avaliar a produção de compostos químicos, 1,3-propanodiol a partir da biomassa do agave; e 7) Realizar estudo de análise ciclo de vida para a produção de biomassa do agave na região semiárida. O impacto técnico dessa pesquisa tem um enorme potencial para contribuir na consolidação da importância de desenvolver arranjos produtivos em regiões de baixa disponibilidade hídrica usando fontes de biomassa xerófilas, como o agave. No contexto dessa proposta, ressaltam-se ainda os benefícios no desenvolvimento tecnológico, em especial quanto ao desenvolvimento e capacitação de alunos para a possibilidade de aproveitamento da biomassa de agave para geração de bioenergia e compostos químicos. Entretanto, para viabilizar essas ações de pesquisa serão necessários recursos para o custeio das análises e experimentos necessários. Esses recursos de custeio, irão apoiar as pesquisas de 1 pós-doutorado, 1 tese de doutorado, 1 dissertação de mestrado e trabalhos de graduação (IC e pesquisas de conclusão de curso) de cerca de 4 alunos. Com os resultados dessas pesquisas, esperamos caracterizar os diferentes genótipos de agave do Banco de Germoplasma da Embrapa Algodão e apontar os genótipos mais promissores. Além disso, gerar as informações necessárias para o estabelecimento do agave como matéria-prima para a produção de etanol de primeira e segunda geração, produção de 1,3-propanodiol e inventários dos principais impactos ambientais no cultivo dessa biomassa.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emmanuel Gräve de Oliveira

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • quarks e glúons e o grande colisor de hádrons
  • A física de partícula de altas energias é o foco de muitos experimentos, grandes e pequenos, e a sua parte teórica deve ser estudada para o correto entendimento das observações experimentais. Em particular, estudamos aplicações da cromodinâmica quântica à física de colisores, entre eles, o Grande Colisor de Hádrons. A pesquisa sobre distribuições de quarks e glúons, escala de fatorização, ressoma de termos de ordens mais altas, fatorização colinear, interações múltiplas de pártons, entre outros conceitos; assim como o uso destas ferramentas para calcular os resultados obtidos pelos experimentais é o objetivo deste trabalho.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Emmanuel Raimundo Costa Santos

Ciências Sociais Aplicadas

Planejamento Urbano e Regional
  • circulação e dinâmica regional na foz do rio amazonas
  • Vide projeto Em algumas porções do espaço amazônico os rios ainda são as principais vias para a circulação de pessoas e cargas. Essa é a condição geográfica da Amazônia Setentrional Amapaense (ASA), sub-região Amazônica que não possui articulação rodoviária com restante do território brasileiro. A Foz do rio Amazonas ou o segmento norte do Golfão Marajoara configura a porção territorial de ocupação mais intensa e antiga da ASA. Esse projeto tem como proposição principal configurar geograficamente os fixos e os fluxos de pessoas e mercadorias na Foz do rio Amazonas como estratégia de analisar a circulação e a dinâmica regional estabelecida entre os principais núcleos urbanos, áreas extrativas e centros logísticos de distribuição de mercadorias industrializadas, qualificando e quantificando as principais rotas fluviais e terminais hidroviários
  • Universidade Federal do Amapá - AP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022