Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Bruno Souza Leal

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • espacialidades e corporeidades como figuras de historicidades na comunicação: investigações teórico-conceituais e analíticas
  • A proposta é um aprofundamento de atividades conjuntas de pesquisa realizadas há mais de 10 anos e que contribuíram para a instituição da Rede Historicidades dos Processos Comunicacionais (que envolve outros parceiros), em 2015, para o projeto ARCHIVES-MÉDIAS-IMAGES-SOCIÉTÉS [AMIS], financiado pelo CNRS (França), com vigência até 2025, entre outras ações. Atualmente, a equipe abriga pesquisadores e pesquisadoras de quatro grupos de pesquisa, distribuídos em quatro instituições nacionais. O foco atual da equipe recai nas espacialidades e corporeidades pensadas como figuras de historicidades, ou seja, como modos pelos quais produtos e processos da cultura midiática se apresentam e tomam forma na relação com as temporalidades. Trata-se de uma pesquisa inédita, com grande potencial de impacto teórico e metodológico, que se assenta na expertise adquirida pelos anos de colaboração entre os participantes da equipe e também da sua integração a diferentes redes de interlocução nacionais e internacionais. A proposta se desenvolve em dois eixos: o primeiro considera investigações teóricas acerca das historicidades de processos comunicacionais e da espacialidade e da corporeidade apreendidas como “figuras de historicidades”; o segundo visa a construção de aparatos metodológicos decorrentes das investigações, por sua vez testados na aproximação analítica de diferentes fenômenos, processos e produtos comunicacionais. Esses movimentos se darão ano a ano e serão discutidos coletivamente, em sua preparação e nos seus resultados, pela equipe e com seus parceiros nacionais e estrangeiros, com vistas a publicações sistemáticas dos resultados. Além das contribuições teóricas, metodológicas e analíticas, a pesquisa prevê organização de eventos, apresentação de trabalhos em seminários, artigos em periódicos nacionais e internacionais, capítulos de livros nacionais e internacionais, além de ações de formação de pesquisadores na graduação e pós-graduação.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Bruno Tomio Goto

Ciências Biológicas

Botânica
  • micobiota em solo e serapilheira sob efeito de degradação no sul da amazônia: riqueza, função, utilização e desafios
  • Os fungos compõem uma linhagem evolutiva extremamente vasta e heterogênea de organismos especializados que podem chegar a 3.8 milhões de espécies, embora apenas 150 mil tenham sido descritas. Compreender como as comunidades de fungos são estruturadas em diferentes ecossistemas é essencial para o entendimento do papel desses microrganismos no ecossistemas, como a Amazônia, cujos solos, geralmente pobres nutricionalmente, tem a serapilheira como fonte de alocação de nutrientes importantes para dinâmica florestal. Para entender essa dinâmica serão realizadas coletas da serapilheira e de solo adjacente na RPPN Cristalino, Mato Grosso, utilizando três transectos com cinco amostras no período seco e chuvoso de áreas conservadas e degradadas durante dois anos. Diferentes parâmetros ecológicos serão avaliados para compreender a influência de diferentes variáveis ambientais e do solo na estruturação das comunidades desses fungos. Os grupos funcionais que ocupam as diferentes porções do solo e da serapilheira serão evidenciadas através da metagenômica Em paralelo, serão utilizadas técnicas complementares para isolamento em cultura de diferentes grupos de fungos com intuito de: (i) registrar a ocorrências das espécies, (ii) descrever potenciais novos táxons, (iii) manter o germoplasma em coleções de cultura para utilização em processos biotecnológicos e (iv) reconhecer grupos funcionais de fungos que possam ser utilizados em processos de recuperação de áreas degradadas e/ou em manejo agrícola. Como resultados mais relevantes espera-se: (i) inferir a dinâmica fúngica e sua funcionalidade relacionados aos diferentes substratos; (ii), preservar em coleções de culturas o germoplasma de diversas espécies; (iii) descrever e inventariar as espécies que ocorrem nessa região inexplorada da Amazônia; (iv) disponibilizar os resultados em bancos de dados de livre acesso.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Caetano Rodrigues Miranda

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • design computacional de ligas refratárias para aplicação em componentes estruturais da indústria aeroespacial.
  • O presente projeto tem como objetivo explorar o espaço composicional em busca de novas ligas de alta entropia para aplicação aeroespacial. Tais ligas poderão ser utilizadas em componentes estruturais submetidos a elevada temperatura de operação. A busca de novas composições se dará a partir de técnicas de aprendizado de máquina, procurando por ligas com elevado módulo de elasticidade e elavada resistência mecânica a quente. Posteriormente, as melhores candidatas serão investigadas via primeiros princípios - técnica que permite acessar as propriedades físicas das ligas a partir de informações básicas como o número de elétrons e a estrutura atômica.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 02/09/2020-30/09/2022
Foto de perfil

Camila Coelho Greco

Ciências da Saúde

Educação Física
  • ciclismo excêntrico com e sem restrição do fluxo sanguíneo: respostas aguda e crônica em idosos
  • O envelhecimento populacional é um fenômeno crescente que resultará em uma pirâmide demográfica invertida nas próximas décadas. No envelhecimento, há declínio da funcionalidade e massa muscular. Diferentes intervenções têm sido propostas para atenuar esses declínios, com o treinamento físico sendo a intervenção não farmacológica de melhor custo-benefício. Identificar uma intervenção em que a carga externa durante o exercício aeróbio é alta, enquanto a solicitação metabólica (i.e., carga interna) é baixa / moderada, oferece um grande desafio para os profissionais de saúde que trabalham com indivíduos para os quais a carga interna que pode ser suportada está comprometida. Desafio similar é encontrar um tipo de exercício onde o número de sessões semanais seja reduzido e ainda sim obtenha-se simultaneamente melhora da massa / força muscular e da aptidão aeróbia. O treinamento com o ciclismo excêntrico (CEXC) pode gerar alta carga externa e baixa / moderada carga interna permitindo a melhora da força e da aptidão aeróbia. Além disso, estudos têm mostrado que o treinamento físico de baixa intensidade associado à restrição do fluxo sanguíneo (RFS) resulta em ganhos de massa muscular em idosos. O objetivo deste estudo é investigar os efeitos agudos, de médio e longo prazo do treinamento do CEXC com ou sem a RFS em idosos (> 60 anos). Serão testadas as seguintes hipóteses: 1) O CEXC com RFS não aumenta a magnitude dos indicadores de dano muscular quando comparado ao CEXC sem RFS; 2); O CEXC com RFS promove aumentos adicionais na massa muscular e aptidão aeróbia em comparação com CEXC sem RFS. Para testar a primeira hipótese, iremos analisar os indicadores de dano muscular antes, logo após e 24, 48 e 72 h após sessões de ciclismo concêntrico e excêntrico, com e sem RFS. Finalmente, para testarmos a segunda hipótese, iremos analisar os efeitos de seis semanas do treinamento no CEXC com e sem RFS, sobre indicadores de funcionalidade, aptidão aeróbia e força muscular.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Camila Duarte Ferreira Ribeiro

Ciências da Saúde

Nutrição
  • nanoencapsulamento do novo azeite de dendê híbrido unaué hie oxg (elaeis guineensis x elaeis oleifera) com coprodutos de vegetais para preservação de compostos bioativos e aplicação na conservação de alimentos
  • A redução do consumo de aditivos alimentares sintéticos é um tema de interesse para a saúde pública mundial. Nesse sentido, o novo azeite de dendê ou óleo de palma bruto híbrido Unaué HIE OxG possui baixa acidez, menor teor de ácidos graxos saturados e maior de ácido oleico, comparado ao dendê convencional, além de ser produzido na Bahia de forma econômica, ambiental e socialmente sustentável. Esse novo azeite possui atividade antioxidante e antimicrobiana e nossa hipótese é que o nanoencapsulamento desse óleo possa implicar na preservação de compostos bioativos e na conservação de alimentos. Em estudos preliminares de nosso grupo, o nanoencapsulamento do azeite foi possível com farinha de albedo de maracujá, representando um uso inovador e com valor agregado desse coproduto da agroindústria. Dessa forma, o objetivo de nossa proposta é nanoencapsular o novo azeite de dendê híbrido com coprodutos de vegetais para preservação de compostos bioativos e aplicação na conservação de alimentos. A metodologia que permitirá testar a hipótese será dividida em três etapas: 1) obtenção, caracterização, citotoxicidade e estabilidade físico-química do azeite nanoencapsulado; 2) elaboração, incorporação do azeite nanoencapsulado, caracterização e estabilidade físico-química, oxidativa e microbiológica de produto cárneo, tendo como controle o óleo essencial de alecrim nanoencapsulado; 3) Efeito da cocção sobre as características, físico-químicas e sensoriais do produto cárneo com o azeite nanoencapsulado. As principais contribuições deste projeto são o desenvolvimento de um produto tecnológico, como conservante funcional e natural, elaborado com encapsulantes de coprodutos da agroindústria, possibilitando o aumento do valor agregado destes, além de estimular economia circular, formação de recursos humanos na área, e possibilitar a transferência de conhecimento ao setor industrial alimentício e/ou público no âmbito nacional e internacional.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Camila Ferreira Bannwart Castro

Ciências Biológicas

Imunologia
  • papeando sobre imunogenética - a imunologia e a genética de mãos dadas
  • Duas das mais importantes áreas da saúde, a imunologia e a genética, também são consideradas as de maior complexidade, portanto a produção material de ferramentas educativas de divulgação de alta qualidade contribuirá efetivamente para a necessária popularização da ciência. O presente projeto propõe, além da ampla abordagem em redes sociais do Laboratório de Genética Molecular e Bioinformática (GeMBio) e do Centro Universitário Sudoeste Paulista (UniFSP) de materiais audiovisuais relacionados a temas da atualidade em imunogenética (genes relacionados à modulação do sistema imune, especialmente da região do braço curto do cromossomo 6, o MHC, do inglês Major Complex Histocompatibility, principal foco das pesquisas realizadas no laboratório GeMBio, haverá três diferentes eventos na Semana da Ciência e Tecnologia de 2022: o Evento Lanchando com Ciência, que será promovido em escolas públicas para alunos de 2º e 3º colegial de duas cidades do interior de São Paulo, com abordagem do tema linkado a fatos reais de artistas famosos. Também será promovido um dia de ciclo de palestras online disponibilizado no Youtube para um público mais amplo de pesquisadores, professores, alunos de pós-graduação, graduação, de ensino médio e sociedade de maneira geral que tenha interesse a esse evento gratuito. E palestras em três institutos de ensino superior público e privado de Botucatu e Avaré. Portanto, o objetivo geral será trazer de modo natural e simplificado a importância da genética e da imunologia no dia-a-dia da sociedade, destacando o papel da ciência e da tecnologia para os grandes avanços nessa área como os diagnósticos e tratamentos para doenças autoimunes, infecciosas e transplantes, além de incentivar esses adolescentes na escolha da profissão, pois será apresentado a eles a carreira de pesquisador e oportunidades de bolsa PIBIC para ensino médio. Esse projeto se enquadra na Linha Bintermunicipal (Botucatu e Avaré).
  • Faculdade Sudoeste Paulista - SP - Brasil
  • 13/09/2022-31/03/2023
Foto de perfil

Camila Ferreira Bannwart Castro

Ciências Biológicas

Imunologia
  • vamos entender como a vacina de rna mensageiro age no seu corpo?
  • A produção material de ferramentas educativas de divulgação de alta qualidade contribui efetivamente para a popularização da ciência. Além da ampla divulgação em redes sociais do Laboratório de Genética Molecular e Bioinformática de materiais relacionados a temas da atualidade em imunogenética, principal foco do laboratório, haverá uma linha específica de trabalho para a Semana da Tecnologia 2021, visando sanar dúvidas a respeito do mecanismo da vacina de RNA-m, disponibilizada para o público-alvo desse projeto, os adolescentes. Na semana da tecnologia serão realizadas palestras online para alunos de 2 e 3 colegial de escolas públicas e privadas de Botucatu, Avaré e região. Como esse público receberá a vacina de RNA-m contra Sars-Cov-2, a finalidade das palestras será mostrar o mecanismo de ação dessas vacinas e tirar dúvidas a respeito do tema. O objetivo também será incentivar esses adolescentes na escolha da profissão. Será apresentado a eles a carreira de pesquisador e oportunidades de bolsa PIBIC para ensino médio. Esse projeto se enquadra na Linha B – Eventos de Abrangência Intermunicipal e conta com a participação de pessoas de duas instituições: UNESP (Botucatu) e UniFSP (Avaré). O laboratório possui alta quantidade de trabalhos publicados, parcerias com diversas instituições, mostrando um grande potencial científico e a UniFSP conta com a participação de alunos de diferentes cursos para a realização das palestras.
  • Faculdade Sudoeste Paulista - SP - Brasil
  • 27/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Camila Ferreira Leite

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • inteligência artificial aliada ao programa de acompanhamento de indivíduos com apneia obstrutiva do sono tratados com terapia pressórica no sistema único de saúde do estado do ceará
  • Resumo: A apneia obstrutiva do sono (AOS) caracteriza-se por episódios recorrentes de obstrução parcial ou total das vias aéreas superiores, com interrupções do ciclo do sono muitas vezes associada a estresse hipóxico/hipercápnico intermitente. A prevalência da AOS é elevada e fortemente associada a eventos cérebro e cardiovasculares. O seu tratamento padrão-ouro é realizado através da aplicação de pressão positiva em vias aéreas. Este tratamento, quando adequadamente instituído, mostra-se custo-efetivo. No Estado do Ceará, quatro serviços especializados em sono fazem acompanhamento de pacientes com AOS. O equipamento de pressão positiva utilizado para o tratamento é fornecido aos pacientes através da Secretaria de Saúde do Estado. Contudo, após dispensação dos equipamentos, não existe estratégias deste órgão para acompanhamento dos pacientes em tratamento. Objetivo: Desenvolver um sistema que se aplique ao SUS para controle e seguimento de usuários de equipamentos de pressão positiva em vias aéreas que são acompanhados em serviços especializados em sono e, a partir deste produto, gerar um Bigdata que permita oferecer soluções na esfera da gestão, seguimento clínico e ciência partindo de informações geradas por modelos de inteligência artificial. Métodos: O sistema que será desenvolvido utiliza-se de técnicas de computação em nuvem para interagir por meio de navegadores convencionais com o usuário e efetuando-se o armazenamento em nuvem dos dados adquiridos, formando o Bigdata. Técnicas de Inteligência Artificial serão empregadas para extrair informações que potencializem o tratamento dos pacientes de AOS, tanto de forma individual, quanto coletiva. Espera-se que o programa desenvolvido viabilize a ampliação do seguimento de pacientes acompanhados nos serviços especializados em sono, possibilitando a melhor comunicação entre os serviços e a fonte de dispensação de recursos bem como o fornecimento de informações sobre a efetividade da terapêutica ao Estado.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Camila Greff Passos

Ciências Humanas

Educação
  • estudos de caso no ensino superior de química: possibilidades para o desenvolvimento da argumentação sobre os princípios da sustentabilidade e educação ambiental.
  • Uma das metodologias ativas que visam mitigar lacunas formativas que se refletem diretamente no perfil do profissional de Química e na atuação deste cidadão na sociedade são os Estudos de Caso (EC). Essa abordagem tem como objetivo o desenvolvimento de habilidades de ordem superior, como a tomada de decisão e o desenvolvimento da argumentação. O objetivo geral deste projeto é avaliar as potencialidades das ações que serão desenvolvidas no âmbito dos cursos de graduação e pós-graduação do Instituto de Química (IQ) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), para o desenvolvimento da argumentação sobre os princípios da Sustentabilidade e Educação Ambiental Crítica em disciplinas, projetos de extensão e de pesquisa pautados na proposição metodológica dos EC sobre questões socioambientais e sociocientíficas que envolvam as interações entre Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS). Busca-se responder a seguinte questão de pesquisa: Quais as formas de contribuição dos EC para a construção de um saber ambiental no contexto da graduação e pós-graduação em Química e áreas afins? A investigação proposta tem natureza qualitativa e assume flexibilidade na escolha de instrumentos de produção de dados, além de ter um perfil predominantemente descritivo e interpretativo. Assim, os dados serão produzidos a partir dos registros do Diário de Campo dos pesquisadores, dos questionários sobre as formas de contribuição das ações vivenciadas e das produções textuais dos estudantes sobre os EC. Para análise dos dados, serão utilizados os princípios de análise da qualidade da argumentação, pautada no referencial teórico de Stephen Toulmin. Com a efetivação do projeto, espera-se difundir o uso dos EC para fomentar conhecimentos e reflexões quanto aos princípios da Sustentabilidade e Educação Ambiental de forma integrada aos conteúdos científicos em disciplinas de Química na graduação e pós-graduação, bem como em projetos de extensão do IQ da UFRGS.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Camila Pereira Jácome

Ciências Humanas

Arqueologia
  • nos caminhos da “cultura”: diálogos sobre museu e patrimônio cultural dos povos indígenas do trombetas
  • O presente projeto tem como objeto de investigação a relação entre povos indígenas e objetos e/ou conhecimentos que são chamados de patrimônio cultural, pela arqueologia e museologia, p.ex. artefatos cerâmicos, tecnologias, conhecimentos tradicionais de saúde etc. Essa investigação será feita conjuntamente com os diferentes povos indígenas que habitam a região do Rio Trombetas e afluentes, que se situa em uma ampla região do norte da Amazônia (PA, AM, RR). Além de acadêmicos indígenas vindos da região que estão na graduação (UFOPA) ou pós-graduação (UFMG). O objetivo principal é compreender, ou estabelecer meios, de como os indígenas articulam esses conceitos em seus próprios termos, considerando a diversidade e diferença que transpassam os povos do Trombetas. Há demandas, das lideranças e desses jovens acadêmicos, pela constituição de um museu, que guarde e preserve acervos arqueológicos e etnográficos, mas que também sirva como espaço de diálogo sobre conhecimentos, entre jovens e anciões. Nossa proposta é que o museu dos povos do Trombetas seja constituído através de suas próprias conceituações de “cultura, cultura material e imaterial”. Para atingir esses objetivos, propomos metodologias que priorizem o diálogo e construção coletiva, entre acadêmicos e comunitários indígenas e não-indígenas, acerca desses conceitos. Trabalhos recentes da etnografia e arqueologia publicados pela equipe proponente têm indicado que objetos e conhecimentos ultrapassam o binômio passado/presente, material e imaterial. Para a realização desses diálogos conceituais propomos atividades em campo e espaços museológicos. As atividades de campo serão conduzidas a partir da pesquisa etnográfica e das arqueologias indígenas, metodologias que a equipe proponente tem experiência. Além disso, essa construção conceitual de um museu indígena da região do Trombetas, será mediado por especialistas nas áreas de museologia e curadoria desse tipo de acervo.
  • Universidade Federal do Oeste do Pará - PA - Brasil
  • 24/03/2022-31/03/2025