Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Vinícius Santos Andrade

Outra

Divulgação Científica
  • ciência ao alcance de todos
  • O presente projeto é apresentado em atendimento ao Edital 06/2021 - Semana Nacional de Ciência e Tecnologia – SNCT 2021 – A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta – Linha B, o qual oferece apoio financeiro a projetos de divulgação científica na área científica no sentido de incentivar iniciativas para promoção da divulgação científica e a melhoria da qualidade de educação. Para ser bem sucedido, o presente projeto contará com a participação da Faculdade Municipal Professor Franco Montoro (FMPFM), localizada na cidade de Mogi Guaçu – SP, numa distância de aproximadamente 60 km de São João da Boa Vista. Consideramos que um projeto desta importância necessita de temas que atraiam não somente a atenção dos alunos, mas também que desperte a curiosidade de pessoas de todas as idades, classes sociais e níveis de instrução, além de esclarecer alguns mitos, verdades e dúvidas sobre qualquer tema da área científica e tecnológica. É neste contexto que a presente proposta tem como meta a divulgação da ciência e tecnologia. Serão realizadas visitas da equipe executora as escolas, visita dos alunos as instituições participantes do projeto e serão oferecidas oficinas para os alunos e a população em geral dos mais variados temas, onde o principal objetivo da oficinas será a divulgação e popularização da ciência e tecnologia.
  • Centro Universitário das Faculdades Associadas de Ensino - SP - Brasil
  • 06/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Vinícius Tavares Guimarães

Ciências Humanas

Psicologia
  • xiv mostra de ciências e tecnologias do ifsul câmpus charqueadas - mocitec 2020
  • Atualmente, a partir das facilidades de acesso a informação, cresce a necessidade de se trabalhar na formação de um sujeito crítico e consciente de seu papel na sociedade. Assim, desenvolver a habilidade de filtrar, interpretar e aplicar de forma adequada os conhecimentos adquiridos se torna fundamental para uma formação plena e em conformidade com as atuais expectativas sociais. Faz parte desse processo saber pesquisar e selecionar de forma crítica as informações disponíveis, aplicando-as em experimentos e, possibilitando assim, a constituição do espírito científico. Quando tais ações são materializadas nos níveis fundamental, médio, técnico e superior, além de oportunizar a pesquisa aplicada, preparam e aproximam os estudantes da pesquisa acadêmica. Sob esta perspectiva, as Mostras e Feiras se consolidam como um meio para estimular e instigar os estudantes a desenvolverem projetos científicos, propiciando, adicionalmente, a divulgação e discussão sobre os resultados obtidos. A realização da XIV MOCITEC (2021) se coaduna a este cenário, invocando docentes e discentes para o desenvolvimento de projetos e experimentos. Os resultados provenientes das edições anteriores denotam a importância deste tipo de evento para a comunidade, pois, obtiveram resultados extremamente expressivos no âmbito nacional e internacional. Dessa forma, especificamente, a proposta apresentada para este edital visa a solicitação de recursos para a realização da XIV MOCITEC (2021), a qual é fundamental para que se mantenha acesa a chama do espírito investigativo, instigando e encorajando docentes e estudantes a formalizarem suas experiências e apresentá-las, desvelando saberes e revelando habilidades e competências.
  • Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - RS - Brasil
  • 29/12/2020-31/12/2022
Foto de perfil

Vinicius Tavares Kütter

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • paleoceanografia, assinatura geoquímica e assembleias de microfósseis da plataforma carbonática equatorial offshore do neógeno, norte do brasil
  • A plataforma equatorial carbonática brasileira é única caracterizada por algas calcáreas e heterozoários. Para as unidades são conhecidos apenas microfosseis guia de interesse para explorações de petróleo e gás. A descrição de outros grupos fosseis faz-se necessário para pesquisas paleontológicas, paleoceanográficas e paleoecológicas para uma reconstituição mais acurada do período. O projeto pretende suprir o marco de referência das assembleias micro e macrofossilíferas do Neógeno investigando um testemunho da plataforma continental (poço ANP 1-MAS-16) que caracteriza a Bacia Pará-Maranhão. As triagens exploratórias preliminares (poço ANP 1-MAS-16) para validar a proposta permitiram o reconhecimento e constatar a abundância dos foraminíferos bentônicos (Amphistegina, Miogypsina, Nummulites, Lepidociclina, e Sphaerogipsyna), briozoários (Mamilloporidea, Metrarabdotos, cf. Microporidae, Pirabosporella, Nellia, e Candidae), ostrácodos (Bairdiidae), equinoides (cf. Cidaridae), ofiuroides (Gorgonocephalidae), crinoides (Cormatulidos), poríferos (Demospongia e esponjas calcárias indeterminadas), algas calcarias (Corallia e Hamimeda), moluscos (bivalves e gastrópodes), crustáceos decápodes (Alpheidae e indeterminados), cirripedios, vermétidos, e peixes (escamas e dentes de Teleósteos). A utilização de tecnologia e inovação associada a técnicas clássicas de paleoestratigrafia e geoquímica, assim como, o desenvolvimento de protocolos nas análises com nano e microtomografia dos espécimenes fósseis permitirá explorar um novo cenário de oportunidades na sistemática paleontológica, base para os modelos paleoestratigráficos. O colapso do carbonato na plataforma continental equatorial do Brasil em consequência do incremento substancial nos processos de sedimentação é inequívoco, mas seguem eventos paleoclimáticos e paleoceanográficos de caráter multifatorial, ainda pouco conhecidos. A execução do projeto permitirá fortalecimento do grupo multidisciplinar interinstitucinal.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Virgínia Aparecida da Silva Moris

Engenharias

Engenharia de Produção
  • caracterização da gestão de reee do município de sorocaba
  • A logística reversa (LR) dos Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos (REEE) e a recuperação de seus componentes viabiliza o aproveitamento de materiais constituintes que podem entrar na fabricação de novos produtos, reduzindo o consumo de matérias primas virgens promovendo a Economia Circular. Assim, a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) possui alinhamento aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). No caso dos REEE, para que possam ser reinseridos no ciclo produtivo são necessários: conscientização dos consumidores, estabelecimento de canais reversos, e processos de tratamento do material coletado como a reciclagem, que constituem temas específicos da presente proposta. De forma complementar, serão analisadas as tecnologias emergentes, utilizadas nessas operações e sua relação com os ODS. Como questão específica: É possível efetuar a caracterização da gestão dos REEE, considerando critérios operacionais, de sustentabilidade e suporte tecnológico visando a reciclagem de seus componentes? O escopo do projeto se estende desde a conscientização para iniciativas de descarte; planejamento da rede reversa considerando aspectos operacionais (definição de pontos de coleta, frequência de viagens, tipos de veículo etc.), e ambientais (potencial de aquecimento global, etc.); adoção de tecnologias emergentes até as análises ambientais do processo de reciclagem por meio da metodologia de avaliação do ciclo de vida (ACV). A estratégia metodológica considera o estudo de caso, aplicado às características da cidade de Sorocaba e que requer o planejamento de sua rede reversa de REEE. No tocante à conscientização são previstas ações nas redes pública e privada de ensino; em relação ao planejamento de rede considera-se o uso de Simulação de Eventos Discretos (SED); análises comparativas qualitativas baseadas em estudos sobre tecnologias na logística reversa; e ainda a ACV para efetuar as análises do processo de reciclagem dos materiais recuperados.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 10/02/2022-28/02/2025