Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Aldrin Mario da Silva Benjamin

Ciências Agrárias

Agronomia
  • núcleo interinstitucional de estudos em agroecologia do baixo tocantins: identificação, sistematização e disseminação de inovações tecnológicas em agroecologia e produção orgânica no baixo tocantins.
  • A presente proposta tem por objetivo central a criação e implantação de um Núcleo de Estudos Agroecológicos no Território do Baixo Tocantins, que integre as Instituições de Ensino, Pesquisa e Extensão situadas no Território, a saber, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (Campus Cametá), Universidade Federal do Pará (Campus Tocantins/Cametá) e Universidade do Estado do Pará. A partir de ação conjunta a equipe atuará na identificação, sistematização, construção participativa e disseminação de inovações agroecológicas, que oportunizem a formação em agroecologia nas suas diversas dimensões (ecológica, social, política, econômica e cultural), por meio de oficinas de capacitação e intercâmbios que envolvam pesquisadores, camponeses, estudantes e técnicos de ATER que atuam no Baixo Tocantins de forma a contribuir com a transição agroecológica e a construção de agriculturas mais sustentável no Território. Para tanto, almeja-se: 1) a criação, formação e consolidação do Núcleo; 2) identificação e sistematização de inovações tecnológicas que caracterizem processos de transição agroecológica e produção orgânica no Território; 3) implantação de unidades demonstrativas, realização de cursos de formação inicial e continuada (FIC), intercâmbios e dias de campo para e com camponeses, técnicos de ATER e estudantes e; 4) produção de cartilhas, comunicados/circulares técnicos, artigos científicos e material audiovisual, descrevendo as tecnologias identificadas que oportunizem a transição agroecológica, bem como a promoção dos sistemas orgânicos de produção.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará - PA - Brasil
  • 01/02/2018-31/10/2020
Foto de perfil

Alécio Perini Martins

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • estudo de viabilidade do uso de drones para levantamentos aerofotogramétricos: aplicações em planejamento urbano, regularização fundiária e monitoramento agrícola e ambiental.
  • No início do século XXI, o uso das geotecnologias, entre elas as Aeronaves Remotamente Pilotadas, apresentou um considerável avanço, sendo aplicadas em diferentes áreas de estudo, como geografia, agronomia e engenharias, em especial para o monitoramento de áreas urbanas (regularização e atualização fundiária, identificação de áreas de risco, etc) e áreas agrícolas (agricultura de precisão, monitoramento de pragas em lavouras e acompanhamento dos processos de produção e colheita). O uso de fotografias aéreas obtidas por VANTs, ou por DRONES nesse caso específico, reduzem significativamente os custos destes estudos, visto que são equipamentos com preços de mercado significativamente menores e que permitem uma maior maleabilidade nos processos de obtenção de imagens, independente do período do ano ou das condições atmosféricas. Outra facilidade é a possibilidade de operação destas plataformas utilizando aplicativos gratuitos em smartphones, com sistema intuitivo de controle do usuário, estabelecimento de planos de vôo e obtenção de fotografias em alta resolução, o que torna esta tecnologia acessível para profissionais de diferentes áreas do conhecimento. Nesse sentido, o estudo apresentado tem como objetivo geral adaptar e avaliar a viabilidade de uso de drones, equipamento relativamente simples e de uso civil (doméstico), para levamentamentos aerofotogramétricos visando a aplicação desta ferramenta para planejamento urbano, regularização fundiária e monitoramento agrícola e ambiental. Com a execução do projeto, espera-se atribuir um uso prático, científico e profissional aos Drones. Por se tratar de um equipamento com preço de mercado bem abaixo de outras ferramentas mais profissionais como os VANT’s (cerca de 10 vezes mais barato), acredita-se que este estudo possa oferecer uma alternativa mais acessível para centros de pesquisa e órgãos de gestão pública.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alejandro Cabrera

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • grupóides de lie em geometria poisson
  • A Geometria Poisson transformou-se recentemente em uma área de pesquisa independente, com intensa atividade ao nivel global, estimulada por aplicações e relações com outras áreas, como Geometria Simplética, Teoria de Lie e Física Matemática. Este projeto interinstitucional visa consolidar um eixo de desenvolvimento para a Geometria Poisson como área de destaque no Brasil, articulando o trabalho dos professores membros, com base em Rio de Janeiro e São Paulo. Nossa equipe é formada por cinco jovens pesquisadores da UFRJ, UFF e USP, com alta produtividade individual e numerosas colaborações entre nós já publicadas em revistas de primeiro nível. Contabilizamos dois bolsistas de produtividade CNPq, um Jovem Cientista FAPERJ, oito alunos de doutorado, e participações como palestrantes nas conferências internacionais mais importantes da área. O objetivo geral do projeto é estimular a integração entre o trabalho realizado pelos participantes, seus alunos, e os colaboradores regionais e internacionais. O objetivo científico prevê avanços signifcativos no estudo dos grupóides de Lie, como objetos ligado à quantização e integração de estruturas de Poisson, como uma ferramenta para estudar simetrias e dinâmicas, e servindo como modelos para espaços singulares.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022