Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Soraya dos Santos Pereira

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • fragmentos de anticorpos de camelídeos: ferramentas para o desenvolvimento de dispositivos para diagnóstico de doenças virais
  • O desenvolvimento de insumos para elaboração de imunoensaios para fins de identificação de agentes infecciosos virais têm importante papel no prognóstico, auxiliando na conduta e racionalização da terapêutica, assim como podem vir a contribuir para o conhecimento sobre a epidemiologia, disseminação e identificação de possíveis vetores relacionados ao ciclo de transmissão viral. Os nanocorpos ou VHH, são ferramentas de vanguarda que permitem formações multiméricas para aplicações em diferentes campos da ciência. Correspondem ao domínio único de reconhecimento antigênico de anticorpos de cadeia pesada de Camelídeos. Com cerca de 15kDa, mesmo na ausência da cadeia leve, preservam suas propriedades de afinidade ao antígeno. Atreladas a suas características estruturais e propriedades físico-químicas, tais como, elevada solubilidade, resistência a ações proteolíticas e estabilidade a variações de pH e temperatura podem ser utilizados na pesquisa, no diagnóstico, e na terapêutica de doenças de importância médica. Na perspectiva, de produção de imunobiológicos para elaboração de estratégias diagnósticas, este projeto propõe a produção e seleção de nanocorpos de Camelídeos, como insumos para o desenvolvimento de dispositivos para diagnóstico rápido, de fácil exequibilidade, visando aumentar a sensibilidade e especificidade de imunodiagnósticos voltados para detecção e identificação de antígenos virais. Assim como contribui para a consolidação da pesquisa biotecnológica voltada ao desenvolvimento de protótipos gerados a partir de nanocorpos de Camelídeos.
  • Fundação Oswaldo Cruz - RO - Brasil
  • 01/06/2017-28/02/2021