Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Ana Paula Moreno Pinho

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • inovação gerencial, gestão de pessoas e vínculo organizacional na perspectiva de gestores e trabalhadores
  • Inovação e gestão de pessoas revelam ligações na medida em que os recursos humanos, acompanhando a complexidade e dinamicidade do ambiente, buscam estabelecer modelos de gestão onde os indivíduos sejam estimulados a aprimorar conhecimentos, habilidades e atitudes na busca de soluções inovadoras para os problemas da organização. Assim, as políticas de recursos humanos podem fomentar inovações quando direcionam esforços para ações ligadas à delegação de responsabilidade, comunicação interna, treinamento e recrutamento e retenção de trabalhadores. Diante desse contexto, o vínculo de trabalhadores perante a sua organização pode se caracterizar de diferentes maneiras, revelando combinações que demonstram o nível e o tipo de comprometimento organizacional. O presente projeto se insere nessa temática e tem como objetivos geral: analisar as relações entre as inovações gerenciais e o contexto da gestão de pessoas, entre gestores de organizações brasileiras, bem como as possíveis implicações dessa relação perante a identificação e caracterização de perfis de comprometimento organizacional entre trabalhadores. Para atingir esse objetivo geral, serão desenvolvidos os seguintes objetivos específicos, a serem alcançados através de dois sub projetos: (i) Identificar a concepção de inovação gerencial e das práticas inovadoras na perspectiva de gestores brasileiros; (ii) Identificar as práticas gerenciais inovadoras desenvolvidas por gestores brasileiros, a partir das suas experiências; (iii) Compreender a percepção de gestores sobre a representação da gestão de pessoas na organização; (iv) Caracterizar as inovações gerenciais e suas possíveis relações com a atuação da gestão de pessoas; (v) Analisar como as ações de gestão de pessoas podem fomentar inovações gerenciais; (vi) Analisar, a partir das cognições gerenciais, as percepções entre um ambiente inovador e a ocorrência de diferentes perfis de vínculo organizacional dos trabalhadores; (vii) Caracterizar diferentes perfis de vínculo organizacional do tipo comprometimento a partir das bases afetiva, normativa e de continuação em uma amostra de trabalhadores brasileiros; (viii) Identificar as possíveis relações entre práticas gerenciais inovadoras e diferentes perfis de comprometimento de trabalhadores, pertencentes a organizações que, por ventura, inovam nas suas práticas gerenciais; (ix) Comparar perfis de vínculos de comprometimento organizacional entre grupos de trabalhadores pertencentes a organizações que inovam ou não em suas práticas gerenciais. O estudo pretende abranger uma pesquisa com a estratégia metodológica qualitativa e um levantamento com estratégia de coleta e análise de dados quantitativos, sendo a coleta de dados a ser realizada por email e presencialmente. Para tanto, serão utilizados os seguintes procedimentos, respectivamente: aplicação de roteiro de entrevista, transcrição e utilização da análise de conteúdo; aplicação de questionário estruturado com dados demográficos e ocupacionais contendo as seguintes escalas: 1) comprometimento organizacional, no modelo tridimensional, validada no Brasil por Pinho e Bastos (2014); e 2) práticas gerenciais inovadoras, validada por Janissek et al. (2017). Será utilizada a análise de cluster através do método Ward; para testar a associação entre os padrões de combinações e as variáveis de caracterização da amostra (dados pessoais dos trabalhadores), análises de contingência (subprograma crosstabs), com uso posterior do teste qui-quadrado. Também serão utilizados o teste t de Student (para as variáveis com dois grupos categóricos) e a análise de variância – ANOVA (para variáveis com mais de dois grupos categóricos). As médias para as análises das variáveis do estudo e dos padrões de combinações entre as mesmas, por tipo de empresa, serão comparadas a partir da análise de variância – ANOVA e das correlações de Pearson. Os dados de correlações de Pearson possibilitaram a identificação das associações consideradas significativas entre as práticas gerenciais e o tipo de vínculo de comprometimento. Para a obtenção de possíveis modelos explicativos será utilizado o procedimento de regressão pelo método enter. A amostra será composta de trabalhadores pertencentes a diferentes organizações localizadas em três cidades do Brasil – Salvador, Fortaleza e Maranhão – e será não-probabilística.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2023
Foto de perfil

Ana Paula Motta Costa

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • territórios e violências: realidade comparada dos adolescentes mortos em porto alegre, recife e aracaju
  • Este projeto de pesquisa busca realizar um estudo comparado entre a realidade das situações de violências envolvendo adolescentes nas cidades de Porto Alegre, Recife e Aracaju, especialmente no que se refere às mortes violentas da juventude de 12 a 29 anos a partir de 2015, de modo a constituir-se como um diagnóstico dessas realidades, instrumento necessário ao desenvolvimento de estratégias voltadas à qualificação de políticas públicas de prevenção do fenômeno. Apresenta-se como uma ampliação de projeto de pesquisa em andamento que vem estudando a realidade de Porto Alegre sobre a temática da mortalidade juvenil, o qual integra projeto de pesquisa mais abrangente aprovado na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, cujo título é "Observatório de Adolescentes Envolvidos com Violência: Violações x Efetividade de Direitos Humanos". Nesse sentido, este estudo visa responder às seguintes questões: Quais são os territórios de morte de adolescentes em Porto Alegre, Recife e Aracaju? Qual é o perfil do adolescente que morreu por causas violentas nas cidades de Porto Alegre, Recife e Aracaju a partir de 2015? Para tanto, vale-se de métodos de pesquisa quantitativa, sobretudo a partir de dados a serem obtidos junto às Prefeituras de cada uma das cidades.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Paula Oliveira Nogueira

Ciências Agrárias

Agronomia
  • desenvolvimento e validação de técnicas de inteligência artificial para seleção de genótipos de soja resistentes à ferrugem asiática por fenotipagem por imagem
  • O melhoramento genético é um dos pilares para o agronegócio da soja no Brasil, impactando no cenário social e econômico. A obtenção de cultivares resistentes às doenças estão entre os principais objetivos de melhoramento da espécie, dentre as quais destacam-se a ferrugem asiática, dado o potencial de dano às lavouras e os prejuízos em nível econômico e ambiental. O desenvolvimento de cultivares resistentes à doença depende da capacidade de diagnóstico do melhorista. Então, os métodos para avaliação dos níveis de resistência são fundamentais durante o processo seletivo. Atualmente, a detecção de indivíduos resistentes é feita pela fenotipagem visual, ou seja, o melhorista verifica os sintomas visualmente e seleciona os indivíduos superiores. Mas, esta abordagem tem algumas questões a serem resolvidas: a consistência, confiabilidade e também reprodutibilidade. Neste contexto, a presente proposta objetiva desenvolver um método que utiliza Inteligência Artificial (IA), mais especificamente, Aprendizado de Máquinas, para a identificação e avaliação da severidade da ferrugem asiática visando a seleção de genótipos de soja com resistência à doença e ainda caracteres agronômicos superiores. O grande individualizador desta proposta é a forma de obtenção da imagem para o treinamento dos algoritmos, que será feita com base em três fontes principais: fotos de um smartphone, de uma câmera fotográfica e de uma câmera térmica. Além disso, as imagens serão pré-processadas de forma a destacar aspectos relevantes nas nervuras, coloração e temperatura da folha ao longo da infecção. Esta abordagem permitirá identificar padrões que não são detectáveis pelo olho humano e tornará todo o processo de melhoramento mais rápido e com menor custo.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Paula Paes de Paula

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • a afetividade ético-política e os processos democráticos e participativos nas organizações
  • O problema de pesquisa a ser abordado é como a afetividade ético-política influencia os processos democráticos e participativos nas organizações, tendo como objeto teórico esse conceito enquanto elemento que dinamiza a intersubjetividade e a alteridade, buscando, em Brandão (2012), em Habermas (2012a; 2012b) e nos aportes da psicanálise, subsídios para aprimorar a ação comunicativa. O objetivo geral da pesquisa é consolidar aportes teóricos e metodológicos sobre a influência da afetividade ético-política nos processos democráticos e participativos nas organizações. Os objetivos específicos são: desenvolver o conceito de afetividade ético-política proposto por Brandão (2012) por meio de aportes habermasianos e psicanalíticos, explorando possibilidades metodológicas para abordar o fenômeno das práticas participativas nas organizações; investigar como os afetos (amor, ódio e apatia) influenciam fenômenos políticos no Brasil contemporâneo, repercutindo nos processos democráticos e participativos na organizações, bem como na constituição de sujeitos políticos e coletivos; desenvolver a proposição teórica de um inconsciente político, fundado na cultura, na história e nos afetos, que engendra os fenômenos políticos nacionais nas organizações; disseminar o conhecimento produzido por meio de participações em eventos científicos, além da produção de artigos e de um livro sobre a temática. Do ponto de vista metodológico, a pesquisa proposta tem cunho eminentemente teórico, pois se dedica à reconstrução de teorias, conceitos e ideias, bem como quadros de referências e condições explicativas da realidade, buscando rigor conceitual, análises acuradas e argumentação diversificada. Para isso nos basearemos em exploração bibliográfica, realizando uma inter-relação dos conceitos a serem abordados (afetividade ético-política, ação comunicativa, intersubjetividade, alteridade, processos psíquicos conscientes e inconscientes), investigando principalmente os pensamentos de autores que exploram os mesmos. Considerando o avanço de movimentos e organizações conservadores no Brasil contemporâneo, que acirrou posições passionais, bem como a atual passividade dos cidadãos perante as propostas governistas, após as jornadas de 2013, a pesquisadora também poderá fazer uso de fontes documentais e secundárias publicadas entre 2013 e 2020, como reportagens, livros, blogs, páginas da internet e outras produções recentes, a serem investigadas, para exemplificar situações de amor, ódio e apatia, bem como outros processos sociais e psíquicos pertinentes. Esse trabalho com os dados será subsidiado por análise de conteúdo, por meio de processos de codificação e categorização de unidades temáticas identificadas no material coletado, sendo que o software Atlas.ti, destinado a análise de dados qualitativos, pode ser utilizado durante esse trabalho. O projeto, que terá duração de 36 meses, com início previsto em março de 2019, tem em vista os seguintes resultados, voltados para a investigação proposta, que compõem o plano de trabalho: três seminários de pesquisa sobre o andamento do projeto e os resultados obtidos abertos à participação dos docentes e pós-graduandos, um a cada ano do projeto; submissão de três artigos sobre a pesquisa em periódicos Qualis A1 ou A2; participação em três eventos científicos da área em grupos temáticos afins ao projeto; condução do Observatório de Práticas Participativas na Gestão Pública, residente no site do Núcleo de Pesquisa em Participação e Subjetividade (NEPS), bem como desenvolvimento de outras atividades do NEPS, uma vez que estas dialogam com o projeto; formação de Recursos Humanos (Mestrados, Doutorados, ICs e Monografias) de acordo com a captação de discentes e conclusão de trabalhos; relatório técnico a ser apresentado ao CNPQ no final do projeto de pesquisa; elaboração de uma proposta de livro baseada no projeto a ser submetido a uma editora no término do projeto de pesquisa.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ana Paula Pires dos Santos

Ciências da Saúde

Odontologia
  • núcleo uerj de odontologia baseada em evidência: produção de conhecimento e divulgação científica
  • Várias barreiras dificultam a prática clínica baseada em evidência científica. Em geral, as informações científicas encontram-se espalhadas em publicações especializadas às quais os profissionais de saúde não têm fácil acesso e/ou estão disponíveis em livros e diretrizes clínicas que, frequentemente, encontram-se desatualizados. Além disso, poucos profissionais possuem treinamento adequado para ler e avaliar criticamente estudos científicos. Revisões sistemáticas e meta-análises são recursos importantes para facilitar a prática odontológica baseada em evidência científica, uma vez que sumarizam e avaliam criticamente os resultados de estudos primários sobre um determinado tema e fornecem uma indicação da qualidade da evidência científica disponível. O presente projeto tem por objetivo promover a consolidação, na Faculdade de Odontologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FO-UERJ), de um núcleo de pesquisa em que participem discentes e docentes de diversas especialidades, voltado para a produção de revisões sistemáticas e meta-análises e para a difusão de conhecimento tanto para profissionais de saúde como para a população em geral.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022