Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Narendra Narain

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • inct de frutos tropicais
  • Nesta proposta tecnologias ainda não disponíveis no Brasil bem como algumas tecnologias emergentes serão abordadas tais como: Plasma frio, Ozônio, Ultrassom, Luz UV, Luz Pulsada, Encapsulamento de compostos bioativos, Processamento por alta pressão (HPP) e Secagem assistida por ultrassom, será também estudado o desenvolvimento de sucos probióticos de frutas exóticas. Os efeitos do processamento na qualidade nutricional e segurança alimentar dos produtos serão avaliados. A experiência adquirida com a execução do projeto aprovado no Edital 15/2008 permitiu ao comitê gestor a prospecção de pesquisadores nacionais e estrangeiros que efetivamente possam agregar e colaborar com as IES iniciais. A equipe foi substancialmente ampliada em nível nacional e internacional. A proposta aqui submetida é focada em algumas frutas alvos tais como: acerola, banana,caju, goiaba, laranja, maçã,manga, melão, tomate,maracujá, açaí,bacuri e cupuaçu que serão submetidas a processamentos inovadores e através da articulação dos pesquisadores das diversas IES envolvidas serão caracterizadas tendo o efeito o processamento avaliado visando o desenvolvimento de produtos e processos que visem além da segurança alimentar o desenvolvimento de produtos de alto valor nutricional e aceitos pelo consumidor. Os processos serem aplicados a cada fruta se encontram no Anexo 1 desta proposta. A estratégia adotada nesta edição é a expansão com a agregação de pesquisadores seniores com expertise distintas formando uma rede consistente e dinâmica. A proposta visa também a internacionalização através da inclusão de IES e parceiros do exterior que já colaboraram na primeira edição do INCT-FT recebendo alunos e pesquisadores brasileiros para realização de Estágio Sênior e Doutorado Sanduíche além de outras IES de internacionais de alto nível que fazem parte pela primeira vez do INCT-FT. A nucleação é também foco desta proposta e ser dará com a Inclusão de uma ex-aluna formada pelo INCT-FT atualmente professora da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) que tem demostrado grande potencial de pesquisa e desenvolvimento. Outro ponto importante é a formação de recursos humanos através da participação de alunos de mestrado, doutorado, graduação e bolsistas de pós-doutorado. Há também interação com o setor industrial através da participação da AJA Agribusiness, Fruticultura S.A. (Ceará, Brazil), da CO-RO Foods A/S (http://www.co-ro.com), (Frederikssund, Dinamarca). O Grupo HDI é uma empresa inovadora 100% brasileira com mais de 20 anos de existência e especializada em Qualidade e Testes de Software, com um portfólio de soluções e serviços que atende às exigências de qualidade em todas as fases do ciclo de vida do software, desde a concepção até a produção.
  • Universidade Federal de Sergipe - SE - Brasil
  • 28/11/2016-30/11/2024
Foto de perfil

Nassib Bezerra Bueno

Ciências da Saúde

Nutrição
  • efetividade e impactos metabólicos da restrição do consumo de alimentos ultraprocessados sobre a adaptação metabólica e reganho de peso em indivíduos com obesidade submetidos à restrição calórica
  • Mudanças no estilo de vida, como restrição calórica (RC) dietética, são o cerne do tratamento da obesidade, por induzirem um balanço energético negativo. Porém, a RC pode levar o indivíduo à uma adaptação metabólica, que é a desaceleração do metabolismo frente à perda de peso. Os estudos são conflitantes sobre sua ocorrência e relevância clínica. Frequentemente, a perda de peso é induzida via RC genérica (RC-G), sem considerar o tipo de alimento restringido, assumindo que toda caloria é igual. Contudo, os alimentos ultraprocessados (AUP) parecem apresentar efeitos fisiológicos que vão além daqueles previstos apenas pela sua composição química e calórica, e a restrição do consumo de AUP é hoje a principal orientação de alimentação saudável. No entanto, poucos estudos intervencionais sobre a efetividade e efeitos metabólicos desta restrição foram conduzidos. A hipótese deste estudo é de que a RC específica de AUP (RC-AUP) leva a uma menor adaptação metabólica e menor reganho de peso quando comparada a uma RC-G em indivíduos com obesidade. Há evidências de sobreconsumo de AUP comparado ao consumo de alimentos minimamente processados, por indivíduos em ambientes de alimentação controlada, mesmo quando ambos alimentos apresentam a mesma composição química e calórica. Assim, é possível que a RC-AUP apresente efeitos distintos na adaptação metabólica e reganho de peso via diferentes modulações fisiológicas. Será conduzido um ensaio clínico aleatório em indivíduos com obesidade, não praticantes de exercício físico, que façam 3 refeições/dia num restaurante universitário. Um grupo fará RC-AUP e outro RC-G por 6 meses (fase de perda de peso), e serão acompanhados por mais 6 meses (fase de manutenção). Taxa metabólica de repouso, efeito térmico do alimento, gasto energético com atividade física, função autonômica, composição corporal e consumo alimentar serão medidos com 0, 3, 6 e 12 meses. Já hormônios (HOMA-IR, TSH, T3, T4, grelina) e microbiota intestinal, com 0 e 6 meses.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Natália Barreto Frederigue Lopes

Ciências da Saúde

Fonoaudiologia
  • percepção da fala em crianças com deficiência auditiva: elaboração de software de avaliação
  • Os métodos de avaliação das habilidades auditivas utilizando o estímulo da fala tornaram-se imprescindíveis no acompanhamento de crianças com deficiência auditiva. Os resultados obtidos com o processo terapêutico pautado na abordagem aurioral e as intervenções com as inovações tecnológicas apresentam evidências científicas e clínicas. Entretanto, esforços devem ser empreendidos na elaboração e aprimoramento de protocolos que possibilitem o acompanhamento e a avaliação contínua dos referidos aspectos. Neste sentido, a padronização dos materiais é considerada uma condição fundamental para se assegurar a confiabilidade do instrumento, garantindo que os mesmos procedimentos e estímulos sejam usados e que dados de teste e reteste possam ser comparados entre diferentes examinadores e diferentes instituições. No cenário nacional, são limitadas as opções de protocolos padronizados que avaliam a percepção da fala em crianças. A proposta da utilização da tecnologia da informática no meio educacional e terapêutico trouxe um crescimento histórico e tem atendido as necessidades e tendências do mundo atual, mediada principalmente pelo uso de softwares. Assim, este estudo tem como objetivos: desenvolver um software do teste de percepção da fala elaborado por BEVILACQUA e TECH em 1996, o qual está disponível atualmente para uso clínico no formato papel e os estímulos apresentados a viva voz. Para tanto, o desenvolvimento do estudo compreenderá diferentes etapas: 1. Gravação dos estímulos da fala; 2. Verificação dos estímulos da fala; 3. Mudança da identidade visual; 4. Desenvolvimento do Software; 5. Verificação da aplicabilidade do software em crianças normo ouvintes e 6. Aplicação do software em crianças com deficiência auditiva implantadas.
  • Faculdade de Odontologia de Bauru - USP - SP - Brasil
  • 14/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Natália de Freitas Daudt

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • manufatura aditiva de compósitos de matriz metálica reforçados com grafeno: fabricação, caracterização e modelagem constitutiva
  • A combinação de alta rigidez, alta resistência ao escoamento e baixa densidade tornam as nanoestruturas de carbono como o grafeno um reforço promissor para utilização em compósitos de matriz metálica (CMMs). Por exemplo, a adição de 0,3% de grafeno ao alumínio aumenta sua rigidez em cerca de 60 %, tornando-o um material adequado para construção de estruturas leves que são essenciais, por exemplo para aumentar a autonomia do transporte elétrico e aeroespacial. Entretanto, a utilização em larga escala dos CMMs tem sido limitada pelo seu alto custo de fabricação, através dos processos de moldagem e usinagem. CMMs em geral são difíceis de conformar pelos processos convencionais devido às sua baixa ductilidade e alta taxa de endurecimento. Níveis de conformação plástica relativamente baixos causam microtrincas em componentes forjados, e a alta dureza causa desgaste rápido das ferramentas de usinagem. Uma solução, especialmente vantajosa para produção de metais e CMMs com baixa ductilidade, é a fabricação por manufatura aditiva (MA). Apesar de diversos estudos publicados nos últimos anos mostrarem o potencial dos CMMs reforçados com grafeno, poucos avaliaram a sua produção por manufatura aditiva. Tendo em vista que este é um assunto emergente, propomos uma estratégia de pesquisa para a fabricação de CMMs reforçados com grafeno empregando uma técnica de manufatura aditiva, e a investigação das suas propriedades mecânicas, desempenho à corrosão e ao desgaste e a modelagem do seu comportamento mecânico. Para produção dos MMCs reforçados com grafeno será empregado um sistema customizado de manufatura aditiva por extrusão. Esse sistema permite a rápida impressão de componentes metálicos com baixo índice de anisotropia, a partir da deposição simultânea de uma mistura de pó e ligante. A morfologia, distribuição e orientação do reforço dependerá de condições de processamento. Assim, esse projeto também prevê estudos paramétricos e a proposição de modelos constitutivos.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Natalia dos Santos Renato

Ciências Agrárias

Engenharia Agrícola
  • potencial do resíduo do café como fonte de geração de energia
  • Atualmente o Brasil é o maior produtor e exportador mundial de café, sendo o estado de Minas Gerais o maior produtor nacional. Contudo, o processamento do café gera uma grande quantidade de resíduos, sendo que mais de 50% do fruto de café é descartado. Esta atividades, bem como as demais atividades antrópicas possuem uma demanda energética que aumenta a cada dia. Propor uma economia circular objetivando-se estudar novas rotas de aproveitamento da biomassa residual da produção cafeeira como fonte de energia pode ser uma investigação promissora. Vários são os processos para a transformação da biomassa em energia, sendo esses processos físico-químicos, bioquímicos e termoquímicos. Dentre tais processos, a pirólise, na qual há a decomposição térmica na ausência de oxigênio, apresenta-se como excelente opção, devido à geração de produtos sólidos, líquidos e gasosos, com diversas aplicações energéticas e agrícolas. Tanto o rendimento quanto a composição desses produtos podem variar de acordo com a biomassa utilizada, com a taxa de aquecimento do processo, com a temperatura final e com a pressão. O rendimento dos produtos da pirólise pode ser melhorado por meio da utilização de pré-tratamentos e de catalisadores, além da otimização das variáveis operacionais. Estudos envolvendo processos que permitam agregar valor ao resíduo gerado têm se tornado cada vez mais interessantes. No presente estudo tem-se por objetivo determinar a melhor configuração para a pirólise lenta de cascas de café, considerando-se as variáveis temperatura e presença de catalisadores, para a geração de bio-óleo e biocarvão, com melhor qualidade. A pirólise será investigada em um reator em aço inoxidável, apresentando 60 cm de altura e 6,5 cm de diâmetro interno, que estará acoplado a uma mufla com temperatura controlada. Espera-se que com os resultados a serem obtidos, um aumento do valor agregado de um subproduto da produção cafeeira possa ser alcançado.
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 23/05/2022-31/05/2025
Foto de perfil

Natalino Calegario

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • dispositivo de baixo custo com tecnologia a laser para a coleta de dados aéreos/terrestres e uso de métodos de aprendizado de máquina na predição do crescimento e da produção florestal.
  • Em geral, dispositivos disponíveis no mercado com tecnologia laser, como o Lidar (Light Detection and Ranging), possuem custos relativamente elevados. Os altos custos estão associados ao número de canais, às vezes mais de 100, a velocidade de emissão dos pulsos, para a geração de imagem 3D de alta resolução, e a distância do alcance dos pulsos. Além disso, existem os componentes de software e hardware para o controle e o registro dos pulsos emitidos. Como em amostragem florestal a intensidade é baixa, muitas vezes menor do que 1%, nós acreditamos que com um dispositivo com poucos canais, podendo ser apenas um, e acoplados a um sistema de motores servos, ou de passo, com movimentos oscilatórios horizontais e verticais, é possível se realizar uma amostragem florestal com elevada suficiência gerando erros baixos, tanto aérea, com o uso de drones, quanto terrestre. O desenvolvimento de tais dispositivos, de custo baixo e acessível, tornaria a utilização de tal tecnologia bem mais difundida, com um maior número de pesquisas, nos mais diversos biomas do país. Associado a isto, aplicando-se métodos de aprendizado de máquinas aos dados coletados pelo lidar, como máquina de vetor de suporte e redes neurais artificiais, a precisão das estimativas florestais serão otimizadas. Os dados gerados com o lidar possuem informações associadas a cada pulso, como, por exemplo, latitude, longitude, inclinação, altitude, distância do objeto ao sensor e intensidade do pulo. Com o processamento destes dados, tanto de origem aérea quanto terrestre, serão geradas variáveis de entrada (inputs) nos métodos de aprendizado de máquina. Como são métodos supervisionados, as variáveis de saída (outputs), como o volume, por exemplo, serão avaliadas em unidades amostrais convencionais no campo. Após treinados, testados e validados, os modelos gerados com os métodos de aprendizado de máquina serão utilizados para se fazer predições precisas para povoamentos florestais, tanto presente quanto futura.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Natallya de Almeida Levino

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • análise quali-quantitativa dos incidentes ocasionados pela mineradora braskem em maceió-al sob a perspectiva da sustentabilidade em suas dimensões econômica, social e ambiental
  • Desde 2018, diversos bairros de Maceió (AL) sofrem com tremores do solo devido à desestabilização das cavidades provenientes da extração de sal operadas pela Braskem, provocando halocinese e criando uma situação dinâmica com reativação de estruturas geológicas antigas, subsidência do terreno e trincas no solo e nas edificações. Este desastre industrial tem gerado diversos impactos como a paralisação das atividades da Braskem e consequente desemprego dos funcionários, fechamento do comércio local atingido, abalo psicológico devido a desocupação das moradias, modificação estrutural do ambiente, etc. Estes, entre outros impactos econômicos, sociais e ambientais, devem ser estudados adequadamente de modo a compreender os efeitos e danos ocasionados no caso estudado ou em eventos futuros de mesma natureza. Não obstante, inúmeros atores diretamente afetados demonstram descontentamento nos acordos indenizatórios gerados, afirmando que os valores foram pré-definidos e independentes da situação individual de cada atingido. Logo, é importante analisar como os stakeholders exercem influência para garantir que seus interesses prevaleçam. Sendo assim, o objetivo deste projeto é analisar os impactos sobre a ótica ambiental, econômica e social do incidente da Braskem em Alagoas. Para tanto, abordagens qualitativas e quantitativas serão usadas para a análise do desenvolvimento de modelos/procedimentos para atender aos requisitos de um problema específico. Este trabalho se justifica em decorrência da magnitude dos danos e pessoas afetadas. Em termos de contribuições práticas e teóricas, a carência de estudos examinando essas perspectivas mostra uma lacuna de pesquisa a ser preenchida. Assim, espera-se com esse projeto criar mecanismos que possam subsidiar estratégias de desenvolvimento e proposição de políticas públicas, formuladas a partir de arranjos institucionais com variados graus de interdependência e compromisso entre os stakeholders.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 22/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Natanael Antonio dos Santos

Ciências Humanas

Psicologia
  • verificação das funções visuais básicas de adultos e idosos com e sem histórico de contaminação pela covid-19
  • Pretende-se: 1) Desenvolver estudos inovadores envolvendo neurociência visual, com ênfase na avaliação das funções visuais básicas em pessoas acometidas pela COVID-19 com e sem desenvolvimento de sintomática clínica; 2) Integrar pesquisadores de forma a contemplar este projeto e estudos futuros; 3) Verificar os efeitos da COVID-19 sobre o sistema nervoso central utilizando como modelo as funções visuais básicas. Isto é, avaliar as funções visuais de pessoas acometidas pela COVID-19 com método psicofísico e eletrofisiológico. Os objetivos principais serão utilizar as funções sensoriais e perceptuais para investigar alterações visuais decorrentes da COVID-19 em adultos e idosos. Serão utilizadas as seguintes medidas: 1) a sensibilidade ao contraste (SC) visual acromática para avaliar a percepção visual da forma; 2) a SC visual de luminância cromática para avaliar a percepção visual de cor; 3) a medida de rastreamento ocular para avaliar o movimento dos olhos (p.e., tempo de fixação, e movimentos sacádicos) e 4) potencial relacionado a evento visual para avaliar a latência e a amplitude das respostas eletrofisiológicas. Uma vez que as funções visuais básicas, em diversos aspectos são correlatas ao funcionamento do sistema nervoso central, o sistema visual serve como um modelo ideal para investigar alterações iniciais antes que alcancem a cognição. Espera-se encontrar alterações nos mecanismos visuais básicos considerando que a COVID-19 é neuroinvasiva e tem relação com o sistema renina-angiotensina, também existente em estruturas oculares. De igual modo, considerando que as vias visuais têm propriedades neurofuncionais e períodos distintos de desenvolvimento, é possível que existam interações seletivas ou difusas dependo da característica, intensidade e sintomatologia da COVID-19. Espera-se que este projeto tenha desdobramento direto ou indireto em áreas como neurociência, psicobiologia, psicologia sensorial do desenvolvimento, saúde pública, dentre outras áreas.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 04/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Nathália Korossy Leite

Ciências Sociais Aplicadas

Turismo
  • sinergias entre os atores do turismo e do audiovisual: um estudo sobre turismo cinematográfico como instrumento de marketing territorial e desenvolvimento econômico de cidades brasileiras
  • A pesquisa aborda a sinergia entre turismo e audiovisual como via para retomada econômica desses setores no pós-pandemia por meio do turismo cinematográfico e das produções audiovisuais como instrumentos de marketing territorial. O turismo cinematográfico é um segmento em expansão no mundo, cuja motivação é a visitação de locais relacionados a produções audiovisuais, principalmente filmes e séries. Dentre os atores do audiovisual relacionados ao turismo cinematográfico, destacam-se as film commissions que são organizações de marketing territorial que promovem uma localidade para atração de produções audiovisuais, atraindo filmagens e auxiliando-as com serviços logísticos. A atração de produções audiovisuais consiste em um potencial meio não só para dinamização do setor audiovisual local, como também para divulgação da imagem da cidade e criação de novos produtos turísticos proporcionando benefícios econômicos diretos e indiretos obtidos com o desenvolvimento dos setores turístico e audiovisual. No Brasil ainda não existe uma atuação institucional consolidada para dinamização econômica deste segmento, tampouco um volume de pesquisas científicas sobre o tema, o que leva a um baixo aproveitamento do potencial do turismo cinematográfico e de sua relação com o setor audiovisual. O objetivo geral do projeto é analisar a atuação e iniciativas de cooperação entre os agentes públicos dos setores turístico e audiovisual para inserção competitiva das cidades brasileiras nos mercados mundiais e desenvolvimento do turismo cinematográfico. Busca gerar impactos não apenas no campo teórico, mas também resultados práticos aplicáveis ao desenvolvimento do setor turístico em sua relação com o audiovisual. A metodologia empregada prevê a realização de estudos de caso em cidades brasileiras (São Paulo, Rio de Janeiro e Recife), pesquisas bibliográfica, documental e de campo, realização de entrevistas e surveys com atores do turismo e do audiovisual, e tratamento quali quantitativo.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 07/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Nédia de Castilhos Ghisi

Outra

Divulgação Científica
  • vi congresso de ciência e tecnologia da utfpr – c mpus dois vizinhos (vi cct), iii mostra científica da pós-graduação, expout 2021, painel agrotech (azagros/utfpr)
  • O Congresso de Ciência e Tecnologia (CCT) da UTFPR Campus Dois Vizinhos é um evento histórico bianual, que visa agregar conhecimentos técnico-científicos aos estudantes da instituição e a comunidade externa e público geral. O VI CCT será realizado juntamente com a III Mostra Científica da Pós-Graduação, EXPOUT 2021 e Painel Agrotech (AZAGROS/UTFPR). Além disso, o evento está em consonância com os princípios da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia – SNCT 2021, dentro do tema “A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”. As atividades têm o objetivo de aproximar a Ciência e Tecnologia da população, promovendo ações que congregam centenas de instituições a fim de realizarem ações de divulgação científica na região através de atividades dentro da UTFPR e extramuros. A ideia é criar uma linguagem acessível à população, por meios inovadores, que estimulem a curiosidade e motivem a população a discutir as implicações sociais da ciência, tecnologia e inovação, além de aprofundarem seus conhecimentos sobre temas de interesse regional. Serão realizadas ações nas modalidades Exposição de CT&I, Seminário e ciclo de Palestras, Mostra de vídeos curtos, Oficinas de CT&I e Portas Abertas. O evento in loco será totalmente gratuito e transmitidos a todos os públicos, contando com palestras, Pitchs, mesas redondas, minicursos e apresentações orais e de videoposters. Desta forma a pesquisa desenvolvida nas Universidades pode alcançar o máximo possível de pessoas dentro ou fora do Brasil. O evento ainda contará com mais uma edição da EXPOUT, uma ação na modalidade Portas Abertas, que ocorre na UTFPR desde 2006 abrindo as portas da universidade para a comunidade externa e traz anualmente mais de 500 estudantes da educação básica com intuito de aproximar alunos do ensino médio aos cursos ofertados e a estrutura física da instituição. Neste ano a EXPOUT será adaptada para a modalidade virtual, com atividades nos períodos da manhã, tarde e noite para exposição às escolas dos cursos de Graduação, Pós-Graduação e das pesquisas desenvolvidas na UTFPR, no intuito de estimular o ingresso de novos alunos no âmbito universitário. Ações como Exposição de CT&I, a exemplo da III Mostra Científica da Pós-Graduação e a Sessões de pôsteres e apresentações orais serão realizadas. Estes trabalhos são submetidos e avaliados criteriosamente em uma plataforma e serão divulgados nos anais de evento do VI CCT. O Coletivo Feminista Bertha Lutz e o projeto do grupo ‘Mulheres na Ciência” irão promover atividades ações que serão difundidas em escolas de ensino fundamental e médio que visem promover reflexões acerca do papel social e produtivo das mulheres na ciência com intuito de estimular meninas e mulheres a entrar, permanecer e ter sucesso nas carreiras científicas, especialmente, nas ciências exatas, engenharia e computação. O projeto “mulheres na Agro” um projeto que debate os enfrentamentos e vitórias das últimas décadas e limitações atuais da participação da mulher no setor agropecuário também irá oferecer uma atividade especial durante a semana. Já temos disponível em nosso canal do YouTube a mostra de vídeos com relatos de 9 professoras e pesquisadoras jovens e seniores dentro da temática “Mulheres na Ciência”. Todos os vídeos e atividades serão apresentados e transmitidos durante a programação do evento na instituição e divulgados nas redes sociais do CCT (@cct_utfprdv) com as hashtags #snct2021, #CNPq e #MCTI. Assim, haverá maximização do público-alvo alcançado e ampla divulgação das ações do evento, promovendo um efeito a médio prazo. Nesta edição está previsto um público-alvo de mais de 2.000 pessoas de forma direta, e muitas mais de forma indireta nas plataformas virtuais. Em uma parceria com o grupo Azagros, serão realizados painéis na área de Agrotech e empreendedorismo tecnológico rural, que podem atingir como público prioritário pessoas em cidades da região com menores IDHM (como Verê e São Jorge D'Oeste que possuem IDHM menor que a média nacional), além de populações rurais, profissionais agronegócios, produtos/agricultores, cooperativas agrícolas. Mais ações para difusão da transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta também são previstas como a oficina “ORGANOTEC: gerenciando os resíduos orgânicos de forma sustentável", que será apresentado para escolas, bem como a palestra “carreira e vocação”. Haverá um Pitch com várias empresas e Startups para demonstrarem suas tecnologias, a citar: Vale do genoma, Mush (finalista da Órbita Agro no reality show Rocket da RPC), projeto Pato a Jato, com protótipos veiculares de alta eficiência energética, Gene de Yebá, entre outros. Durante as principais atividades do evento está prevista a atuação de intérpretes de libras para aumentar a acessibilidade ao conhecimento. Desta forma, com todas estas ações previstas, espera-se obter a divulgação e popularização do conhecimento científico e tecnológico, especialmente com a interiorização das atividades da SNCT, considerando-se que a cidade de Dois Vizinhos se encontra há quase 500 km da capital (Curitiba) e que todas as cidades do Sudoeste do Paraná possuem população inferior a 100 mil habitantes.
  • Universidade Tecnológica Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 05/10/2021-31/10/2023
Foto de perfil

Nédia de Castilhos Ghisi

Outra

Ciências Ambientais
  • avaliação integrativa ampla de microplásticos em uma bacia de alta relevância ambiental e econômica (rio iguaçu)
  • Os microplásticos (MP) são contaminantes emergentes presentes globalmente, mas pouco se conhece sobre seus efeitos em ambientes e organismos de água doce. O rio Iguaçu (RI) situa-se no sul do Brasil, irriga o Parque Nacional do Iguaçu (PNI) e sua foz forma as Cataratas do Iguaçu. A bacia do RI destaca-se por seu enorme endemismo, 70% entre os peixes. Apesar de constituir-se um privilégio da natureza, intensifica-se a preocupação com as atividades humanas praticadas na bacia. O RI já foi classificado como o 2º rio mais poluído do Brasil. Por isso, esta proposta, fruto da construção coletiva de 3 IES principais, objetiva realizar uma avaliação integrativa de MP na bacia do RI, associada a uma revisão sistemática e avaliação por bioensaios. A hipótese é que os MP afetam negativamente e agem em sinergismo com outros poluentes sobre ecossistemas e a fauna residente. O projeto terá 3 abordagens: 1) Revisão sistemática sobre MP com métodos cienciométricos e meta-análise; 2) Coletas a campo e análise de amostras; 3) Experimento laboratorial para isolar o fator ‘exposição a MP’ e análise estatística integrativa. Serão coletados em 9 pontos amostrais de leste a oeste do RI, um deles no PNI. Em peixes bioindicadores serão feitas diversas análises: quantificação de MP em trato gastrointestinal/branquial, biomarcadores bioquímicos, histológicos, genéticos, expressão de genes, mensuração de telômeros e alterações em neurônios entéricos. Analisar-se-ão amostras de sedimento, água e músculo quanto a concentração de metais pesados e outros poluentes (possível correlação com MP). A parte experimental será em peixes e células vegetais, usando-se padrões comerciais de microplásticos em concentrações específicas, avaliando-se os mesmos biomarcadores. A execução deste projeto fornecerá resultados de uma avaliação ampla dentro desta lacuna do conhecimento científico global, e pode fornecer parâmetros a órgãos regulatórios e programas de gerenciamento ambiental e saúde pública.
  • Universidade Tecnológica Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Neide Santos

Ciências Biológicas

Genética
  • avaliação de polimorfismos e expressão de genes relacionados com doenças autoimunes/inflamatórias na síndrome de turner
  • A síndrome de Turner (ST) é caracterizada pela ausência, parcial ou total, de um segundo cromossomo sexual, com o cariótipo 45,X sendo observado em 50% dos casos. As pacientes ST podem apresentar outros cariótipos, incluindo alterações estruturais do cromossomo X, como também diversas condições clínicas. As complicações sistêmicas mais comuns são defeitos cardíacos e renais, osteoporose e, na idade adulta, síndromes metabólicas e doenças autoimunes. As pacientes ST apresentam um risco duas vezes mais elevado de desenvolver doenças autoimunes e desordens inflamatórias comparadas às mulheres em geral. Entre as doenças autoimunes e inflamatórias mais comuns estão a tireoidite de Hashimoto, que afeta cerca de 50% das pacientes, diabetes mellitus tipo 1 e 2, doença celíaca, colite ulcerosa, doença de Crohn, psoríase, vitiligo e alopecia. Dentre os diversos genes que estão envolvidos na regulação da resposta imune e em desordens inflamatórias, nosso grupo avaliou polimorfismos dos genes PTPN22, CTLA4, FOXP3 e VDR numa coorte de ST do Estado de Pernambuco, podendo relatar uma associação entre o SNP rs231775 do gene CTLA4 e a obesidade, contudo não foi associado com outras desordens inflamatórias ou imunes. Neste sentido, será fundamental avaliar se polimorfismos genéticos, bem como o perfil de expressão de genes da imunidade atuam modulando a imunidade nessas pacientes. Dessa forma, pretendemos avaliar SNPs dos genes PTPN22 (C1857T), ZFAT EX9b-SNP10, MYO9B (rs2305767, rs1545620, rs1457092, rs2305767, rs2305764), bem como a expressão desses genes, no grupo ST e controle. A metodologia a ser utilizada envolve métodos estabelecidos no grupo, onde os ensaios de genotipagem e de expressão gênica serão realizados pela técnica de PCR em tempo real.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 17/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Neilo Marcos Trindade

Engenharias

Engenharia Nuclear
  • investigação de novos materiais naturais e sintéticos para uso em dosimetria luminescente.
  • A radiação ionizante desempenha um papel central no desenvolvimento da área estratégica tecnológica nuclear em vários campos. Por exemplo, todos nós desfrutamos dos benefícios da radiação, tanto para diagnósticos como radiografias quanto para terapia como tratamento de câncer. Por outro lado, o mundo também testemunhou situações de risco associadas à exposição à radiação, como explosões de bombas e acidentes em usinas nucleares. Portanto, é necessário desenvolver métodos para a determinação quantitativa da energia depositada em um determinado meio por radiação ionizante direta ou indiretamente, campo de ação denominado dosimetria. Nesse caso, materiais dosimétricos, naturais e/ou sintéticos, são utilizados para monitorar doses pessoais e ambientais, bem como doses de radiação recebidas em atividades médicas, espaciais e de segurança. Nosso grupo pretende estudar dosímetros naturais, como minerais e fungos de origem nacional, que encontram aplicação em dosimetria retrospectiva de dose em casos de acidentes nucleares, e podem ser uma alternativa de menor custo aos sintéticos. Por outro lado, nós também pretendemos desenvolver materiais cerâmicas à base de óxidos, assim como compósitos de minerais e polímeros, que tem a vantagem da síntese controlada e dos altos níveis de reprodutibilidade, e aplicações em diversas áreas que envolvem proteção radiológica, como hospitais e viagens espaciais. Dentro desse contexto, o objetivo da pesquisa é investigar os efeitos da radiação ionizante (beta, gama e raios X) e luz UV em diversos materiais com foco em dosimetria. Nessa pesquisa serão usadas técnicas como Absorção Óptica (AO), Termoluminescência (TL) e Luminescência Opticamente Estimulada (LOE), Radioluminescência (RL) e Catodoluminescência (CL). Os resultados trarão um grande avanço no conhecimento dos efeitos de radiação em diversos meios com potencial de aplicação em dosimetria pessoal, espacial e de acidentes nucleares.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Neiva Furlin

Ciências Humanas

Educação
  • mecanismos institucionais para a defesa dos direitos das mulheres em universidades brasileiras: contribuições para a superação de desigualdades e violências
  • O presente projeto de pesquisa está vinculado ao Grupo de Pesquisa Educação, Políticas Públicas e Cidadania da UNOESC e pretende averiguar se as universidades brasileiras têm criado mecanismos institucionais de defesa aos direitos das mulheres, isto é, para o enfrentamento de processos de violência e práticas sexistas no meio acadêmico. Alcançar a igualdade de gênero e o empoderamento de todas as mulheres e meninas é o 5º dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) apresentados pela Agenda 2030 da ONU. Desse modo, verificar se as universidades criam políticas específicas para enfrentar processos de violência, sexismo e discriminação que ameaçam os direitos das mulheres torna-se significativo para evidenciar qual é a sua contribuição para a promoção de uma educação pautada na cultura da paz, da não violência e da igualdade, como acena os objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU. Assim, o objetivo central desse estudo é mapear os mecanismos institucionais criados em universidades brasileiras para a defesa dos direitos humanos das mulheres, analisando suas finalidades e ações para o enfrentamento de processos de violência e de discriminação e para a promoção de uma cultura de equidade e justiça social. Trata-se de estudo qualitativo, do tipo exploratório, documental e analítico, cujos dados serão levantados por meio da consulta aos sites das universidades e documentos. Utiliza-se do método hermenêutico-dialético (MINAYO, 2014) para a análise dos dados, tendo como base as proposições dos tratados internacionais sobre os direitos humanos das mulheres e os referenciais teóricos acerca do patriarcado (SAFFIOTI 2015; HOOKS, 2018); Gênero (SCOTT, 2019; LAURETIS 2019), equidade de gênero (LAGARDE, 1996), nas concepções que envolvem as relações de poder, segundo a contribuição epistemológica das teorias feministas.
  • Universidade do Oeste de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 17/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Neli Teresinha Galarce Machado

Ciências Humanas

Arqueologia
  • mudanças climáticas, paisagens e povoamento da bacia hidrográfica do guaíba durante o holoceno tardio
  • Este estudo realizará a reconstrução paleoclimática dos últimos ~3000 anos na bacia hidrográfica do Guaíba, relacionando os resultados ao processo de povoamento de populações horticultoras durante o Holoceno tardio (populações Guarani e Jê Meridionais). A pesquisa buscará compreender como era o clima antes da chegada dessas populações, e como evoluiu após o seu estabelecimento. Os dados permitirão avaliar se condições ambientais foram decisivas para a colonização da área. A área delimitada se localiza na porção central e nordeste do Rio Grande do Sul, abrangendo 9 bacias hidrográficas: Alto Jacuí; Pardo; Vacacaí; Baixo Jacuí; Taquari-Antas; Caí; Sinos; Gravataí e Lago Guaíba. Nessa região, os últimos ~2000 anos foram marcados pela intensificação dos fluxos migratórios: os Jê, que se expandiram desde o Brasil central, e logo os Guarani, procedentes da Amazônia. Cruzando dados palinológicos com dados arqueológicos, pretende-se apresentar indicadores chave para se compreender: as mudanças climáticas ocorridas nos últimos ~3000 anos; a relação entre as mudanças climáticas e as dinâmicas populacionais; a dinâmica espaço-temporal da ocupação humana na região estudada. Para discutir a evolução paleoclimática regional serão obtidos testemunhos sedimentares para análises palinológicas. Também será realizado levantamento botânico e de amostras superficiais para chuva polínica em áreas chave, que permitam associar o espectro palinológico com tipos específicos de vegetação, gerando um modelo atual das variações do passado gravadas no registro palinológico. Para compreender a cronologia do povoamento regional, será realizado levantamento dos sítios arqueológicos de ambas populações, incorporando datações radiocarbônicas disponíveis na bibliografia e novas datas a serem obtidas em sítios-chave. Estes podem já estar escavados e, portanto, apresentar coleções disponíveis para amostras datáveis, ou também poderão ser obtidas em novos sítios.
  • Universidade do Vale do Taquari - UNIVATES - RS - Brasil
  • 15/02/2022-28/02/2025
Foto de perfil

Nelita Gonçalves Faria de Bessa

Engenharias

Engenharia Civil
  • elas na engenharia: por que não?
  • O projeto "Elas na Engenharia: Por que Não?" está em consonância com as políticas institucionais da UnirG, recentemente passando de Centro Universitário para Universidade de Gurupi, mediante alcance de indicadores para esta transformação, dentre tais aqueles relativos a execução de projetos de pesquisa ensino e extensão com integração da sociedade. Temos assim histórico de programas, projetos e ações com e sem fomento externo junto a escolares, como: PIBID/CAPES, PROEXT/MEC, Prodocência, Educação empreendedora, Extensão e estágios curricularizados. Conta com termo de cooperação com secretarias de educação e cadastro na plataforma Freire/Capes com escolas municipais e estaduais. Criada em 1985, sendo IES pública genuinamente tocantinense, tendo a engenharia civil um curso de graduação dentre os 14, disponibilizará neste projeto corpo docente de doutores, mestres e especialistas, predominantemente feminino e atuantes nas engenharias. As experiências anteriores subsidiarão a execução do projeto cujo objetivo será “Desenvolver conhecimentos aplicados do núcleo curricular comum da formação das engenharias junto as mulheres e meninas do 6° ano do ensino fundamental ao ensino médio de escolas públicas de Gurupi-TO, que tem o programa Mais Educação e são cadastradas na plataforma Freire/Capes, com envolvimento de professoras escolares, docentes do curso de engenharia civil da UnirG e acadêmicas, tendo como estratégias a adequação de intervenções pedagógicas para séries do ensino formal, relato de vivências de mulheres das áreas de engenharia e formações por meio de eixos integradores do conhecimento como Robótica, Concreto de Alta Resistência (COCAR), Lançamento de Foguete de Garrafas PET, associando o Letramento Científico na transversalidade das abordagens bem como fortalecendo a cultura das profissões das engenharias para o sexo feminino e as várias possibilidades de atuação. O Letramento Científico é definido a apropriação de conhecimentos científicos na ajuda da formação de cidadãos que serão capazes de usar as informações aprendidas para entender e resolver questões pessoais e sociais. A escolha das cinco (5) escolas de Gurupi-TO para participação no projeto obedeceu aos critérios daquelas que já estão cadastradas na plataforma Freire/Capes, bem como já estão realizando atividades em conjunto com a Universidade de Gurupi (Programa PIBID-reforço didático-pedagógico na área de licenciatura/bacharelado) e também tem o Programa Mais Educação: Física e Matemática implementado. Espera-se que tenham o conhecimento sobre a área da engenharia, competências e habilidades das profissões perfeitamente possíveis de concretização por mulheres e assim possam ser despertas para o ingresso em cursos superiores e/ou técnicos e tecnológicos nas áreas das engenharias, e para aquelas em risco de evasão no curso, possam ter suporte para enfrentar e romper as dificuldades. A nossa IES tem em sua missão a responsabilidade com o desenvolvimento Local regional e coaduna com os interesses do CNPq, por meio das políticas públicas que contribuem para esta questão. Dentre elas, coaduna com a necessidade de executar políticas afirmativas de Gênero em áreas do conhecimento de relevante interesse para sociedade e desenvolvimento, que são as engenharias e de suporte a infraestruturação do País, bastante incipientes na região Norte. Este projeto poderá contribuir com a resolução da problemática do desconhecimento das habilidades e competências inerentes a área de engenharia por escolares bem como da estigmatização relativa ao gênero feminino nestas áreas e ainda evasão de acadêmicas em curso, visto dificuldades de aprendizagem. No ensino formal no Brasil, especialmente ensino fundamental e médio, ainda é pouco articulado com o processo de despertar para vocações bem como para não associá-las a questão de gênero, naturalmente sendo este fator reflexo do comportamento da sociedade em que vivemos.
  • Fundação UNIRG - TO - Brasil
  • 15/04/2021-31/10/2022
Foto de perfil

Nelson Antonio Pirola

Ciências Humanas

Educação
  • um estudo sobre a autoeficácia em relação à resolução de problemas geométricos na educação básica
  • O tema central da proposta envolve dois aspectos importantes do ensino da Matemática escolar: autoeficácia e resolução de problemas. A autoeficácia, tema explorado pela Teoria Social Cognitiva, de modo geral, diz respeito às crenças que as pessoas têm em relação as suas capacidades para desenvolver alguma ação. A resolução de problemas tem se constituído em um eixo medular do ensino da Matemática escolar. A pesquisa tem como objetivo geral investigar a autoeficácia de alunos do Ensino Fundamental, Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no processo de resolução de problemas geométricos. Além disso, pretende-se identificar as fontes de autoeficácia que servirão de base para a elaboração de um produto educacional com orientações aos professores sobre como desenvolver a confiança dos alunos em tarefas de resolução de problemas geométricos Os seguintes aspectos justificam a realização da pesquisa: 1- forte influência que a autoeficácia tem no desempenho e na motivação dos estudantes para a resolução de problemas; 2- baixa produção no campo da Educação Matemática relacionada às articulações entre esses dois aspectos; 3- ausência de material didático para o professor com atividades e reflexões sobre como avaliar e trabalhar a autoeficácia dos alunos. O problema de pesquisa é plausível, uma vez que muitas pesquisas em Psicologia da Educação Matemática têm mostrado baixo desempenho dos estudantes na resolução de problemas, sendo que isso pode estar relacionado à falta de confiança dos alunos nessa tarefa. Trata-se de pesquisa com delineamento misto (quanti e qualitativo). Será elaborado e validado um instrumento para avaliar a autoeficácia dos alunos, bem como as suas fontes de autoeficácia. A partir dos resultados da pesquisa será elaborado o produto educacional e, por meio do delineamento de pesquisa participante, esse produto será aplicado e validado em turmas de alunos do Ensino Fundamental, Ensino Médio e EJA.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Nelson Ferreira Fontoura

Ciências Biológicas

Ecologia
  • sítio peld pró-mata: floresta ombrófila e campos de altitude do sul do brasil
  • A RPPN Pró-Mata abriga, em seus 3100 hectares, ecossistemas remanescentes primários e em regeneração da Mata Atlântica, localizando-se na borda do planalto da Serra Geral do Rio Grande do Sul. Apresenta também fragmentos de campos de altitude sem impacto do gado ou fogo desde 1994. Além de extensas áreas de Floresta Ombrófila Mista (mata com Araucária) ao longo da borda do Planalto, nos limites de menor altitude, observa-se a Floresta Ombrófila Densa, ou Mata Atlântica stricto sensu. Estes ecossistemas e seus ecótonos representam na RPPN Pró-Mata, assim como nas seis unidades de conservação federais e estaduais do entorno, uma considerável fração das florestas nativas do Estado do Rio Grande do Sul, que são tombadas pela UNESCO e compõe a Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, reconhecida internacionalmente como um dos 25 hotspots de biodiversidade mundial. Criada com o objetivo de conservação e pesquisa, a RPPN Pró-Mata dispõe de 900 m² de área construída, com alojamentos individuais e coletivos, laboratórios, sala de aula e refeitório, mantida por um corpo permanente de seis funcionários entre gerente de operações, funcionários de hotelaria e de manutenção. Recomendamos a navegação pelo site da RPPN Pró-Mata, incluindo a visualização de vídeo institucional, através do link: https://www.pucrs.br/ima/pro-mata/. A RPPN Pró-Mata, com orçamento próprio anual de aproximadamente R$ 700.000,00, dentre despesas de pessoal, custeio e investimentos, é administrada pelo Instituto de Meio Ambiente da PUCRS (IMA). Considerando-se que a presente proposta é coordenada pelo próprio diretor do IMA, a mesma terá todo o apoio institucional necessário para que os objetivos propostos sejam alcançados. Por outro lado, o vice-coordenador da proposta é coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução da Biodiversidade da PUCRS, de forma a garantir que as atividades de pesquisa desenvolvidas tenham um forte viés de formação de pessoal. A equipe principal do projeto, elencada nominalmente, compreende 17 professores e pesquisadores da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), além de bolsistas de pós-doutorado, estudantes de mestrado e doutorado, assim como colaboradores de instituições nacionais e internacionais. Destacamos que dentre o elenco de pesquisadores principais, sete são bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq, incluindo o coordenador e vice-coordenador da proposta. O projeto encontra-se dividido em oito subprojetos, listados a seguir, cada qual coordenado por pesquisadores qualificados em suas áreas de atuação. (1) Parcelas permanentes na Mata Atlântica do Sul do Brasil; (2) Biodiversidade e distúrbio por fogo em campos de altitude do Sul do Brasil; (3) Ecologia e diversidade de abelhas silvestres associadas à Floresta Ombrófila Mista; (4) Dinâmica da assembleia de aranhas da RPPN Pró-Mata; (5) Dinâmica da assembleia e estudo bioquímico-funcional de anfíbios frente a um cenário de mudanças ambientais; (6) Riqueza e composição de aves em gradiente de vegetação na RPPN Pró-Mata; (7) Dinâmica sazonal e interanual da assembleia de mamíferos da RPPN Pró-Mata; (8) Inventário e monitoramento molecular da biodiversidade da RPPN Pró-Mata. Por fim, o Sítio PELD RPPN Pró-Mata terá um forte viés de divulgação científica. Pretende-se a realização de vídeos em formato documentário sobre o projeto geral e cada de subprojeto. Os vídeos serão produzidos em formato de 15-20 minutos para depósito em conta específica do YouTube, assim como versões curtas de 1 minuto para divulgação em exposição permanente do Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS, com visitação anual de quase 220 mil pessoas (2019), assim como nas redes sociais. Sugerimos a visualização de documentário modelo sobre pesquisa em aves, com 14 minutos, produzido na RPPN Pró-Mata: https://drive.google.com/file/d/1ONsKo6UOIUZOLNN2iBmZvEXZ3xDqUfFv/view?usp=sharing.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 03/12/2020-31/12/2023
Foto de perfil

Nelson Pôrto Ribeiro

Ciências Sociais Aplicadas

Arquitetura e Urbanismo
  • materiais e técnicas construtivas históricas: a tradição luso-brasileira
  • O estudo das técnicas construtivas históricas da cultura portuguesa na América (sec. XVI ao XIX) através da documentação tratadística assim como dos contratos de obras e demais documentos coevos. O presente projeto inscreve-se no contexto da relativamente recente disciplina da História da Construção, que, apesar de ter direito próprio e de se configurar em importante aparato teórico e conceitual para melhor compreensão da ação do homem através do tempo, tem também um papel significativo na ciência da preservação e restauração dos monumentos arquitetônicos. A pesquisa no Projeto em tela será direcionada para um estudo das técnicas e dos materiais da tradição construtiva Luso-brasileira através da elaboração de verbetes para uma obra de grande alcance dirigida para especialistas, mas também para amantes da arquitetura. Cada verbete conterá não apenas uma definição, mas também uma historiografia destas definições através das distintas conceituações encontradas na documentação produzida no âmbito do Império português, utilizando-se para tanto de fontes diversas, mas particularmente centradas na produção técnica de engenheiros e arquitetos portugueses e brasileiros. Cada verbete será finalizado com um arrazoado critico elaborado pelo pesquisador, apontando nos equívocos e nos acertos conceituais assim como tentando acompanhar a evolução das técnicas e das práticas. A nossa principal hipótese é de que a tradição construtiva lusa - ao longo do século XIX em Portugal suplantada pela tradição francesa da Polytechnique - na América portuguesa, mesmo depois da proclamação da Independência, vai perdurar, em especial nos meios práticos e vernáculos já que a nossa Politécnica foi tardia (1874). Para tanto, além de nos debruçarmos sobre a tratadística acadêmica, vamos também abordar os manuais técnicos destinados aos ofícios específicos e os ‘livros de modelo’, composto por exemplos a serem copiados – esta literatura foi muito presente neste último século.
  • Universidade Federal do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 16/03/2022-31/03/2025
Foto de perfil

Nelson Torro Alves

Ciências Humanas

Psicologia
  • cognição social em adultos: desenvolvimento de instrumentos e estudo clínico
  • A cognição social se refere ao modo como as pessoas percebem, interpretam e reagem as informações do ambiente social. Pode ser definida em função de diferentes componentes, incluindo a percepção emocional, a percepção social, a teoria da mente e o estilo de atribuição. Estudos têm demonstrado que alterações nesses processos podem comprometer a qualidade das interações sociais e a adaptação dos indivíduos. O presente projeto de pesquisa foi estruturado em dois estudos direcionados para o entendimento da cognição social (CS). O primeiro compreende o desenvolvimento de uma bateria de rastreio da CS em idosos e a adaptação transcultural de dois instrumentos para avaliação da teoria da mente (ToM) em adultos. Até o momento, não existem instrumentos específicos para o rastreio de prejuízos na CS de idosos, mesmo sendo este um dos critérios atuais para o diagnóstico de transtorno neurocognitivo maior. Também há carência de instrumentos de avaliação da teoria da mente em adultos, tendo sido a maioria deles desenvolvida para o universo infantil. O segundo estudo trata da investigação das bases cerebrais de um dos principais aspectos da cognição social, que compreende o reconhecimento das emoções faciais (REF) e de suas alterações no acidente vascular cerebral (AVC). Neste estudo, participantes com lesão no hemisfério esquerdo e direito e voluntários controle realização testes de reconhecimento de expressões faciais, associado ao registro de eletroencefalografia das respostas cerebrais evocadas durante a visualização das faces O entendimento dos prejuízos na cognição social pode contribuir para a formulação de estratégias de intervenção mais precoces, seja através do desenvolvimento de tarefas de reabilitação cognitiva, ou por meio da aplicação de técnicas de neuromodulação, no campo das estratégias não farmacológicas de intervenção. Destaca-se ainda que o estudo permitirá o desenvolvimento de instrumentos de avaliação da cognição social ainda não disponíveis no Brasil.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 03/02/2022-28/02/2025