Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sebastiao Carlos Velasco e Cruz

Ciências Humanas

Ciência Política
  • inct para estudos sobre os estados unidos
  • A proposta de renovação do INCT-INEU, que ora apresentamos, retoma as linhas gerais do programa original, e o renova profundamente -- pela ampliação de suas áreas e linhas de pesquisa, pela significativa expansão de sua equipe, pela diversificação e maior cobertura das instituições compreendidas em sua rede. O projeto inicial nascia da constatação de uma dupla disparidade nas relações culturais entre o Brasil e os Estados Unidos. É sabida a ignorância, se não o desinteresse, do público americano em geral sobre a realidade brasileira -- a qual, entretanto, é objeto de estudo sistemático e aprofundado de amplo universo de especialistas. No Brasil, a imagem parece inverter-se: os dados da cultura e da sociedade norte-americana são socialmente difundidos, e todos demonstram grande interesse neles -- mas carecemos de um corpo reconhecível de analistas dedicados ao estudo sistemático dessa sociedade. Na verdade, a impressão de familiaridade que temos com as coisas dos Estados Unidos é ilusória, pois ela não resulta de um trabalho de busca conscientemente efetuado. Ao contrário, ela tende a refletir, mais ou menos passivamente, a imagem de si mesmo que esse país projeta no mundo. Ora, como os Estados Unidos não são um país qualquer, como o mundo no qual vivemos -- em suas dimensões econômica, política, cultural, para não falar da militar -- é fortemente impactado por sua políticas e pelos processos que se desenvolvem em sua sociedade, entendemos que o desafio de estuda-lo a fundo precisava ser enfrentado. Esse o objetivo maior do INCT-INEU: produzir conhecimento qualificado sobre os Estados Unidos, com ênfase nas relações exteriores desse país e nos processos internos -- econômicos, políticos e sociais -- que as afetam. Em termos práticos, pretende-se habilitar os públicos-alvos do Instituto a decifrar diferentes aspectos da política externa dos EUA, em suas diferentes esferas, e em suas relações significativas com instituições e processos internos, a fim de que possam avaliar o significado de eventos particulares e de processos em curso do ponto de vista de seus efeitos sobre o papel desse país no sistema internacional e de suas implicações para o Brasil. Mas os objetivos do INCT-INEU no campo da pesquisa acadêmica não terminam aí. Tendo por base o diagnóstico rapidamente aludido no início deste resumo, pretende-se envidar esforços com vistas à conformação e consolidação no Brasil de um campo votado aos estudos sobre os Estados Unidos. Esta foi uma das preocupações que nortearam as atividades do Instituto no período que está prestes a se encerrar. Retomaremos tais iniciativas na próxima etapa, e pretendemos dar-lhes um alcance ainda maior. Entre outras coisas, pensamos em abrir um debate com colegas, de variadas instituições, que compartilham conosco o interesse sistemático no tema, sobre a possibilidade e a conveniência de criarmos uma associação científica voltada especificamente para essa área de estudo. Como pede o Programa, as atividades do INCT-INEU desdobram-se em três dimensões básicas: pesquisa, formação de recursos humanos, e transferência de conhecimento para a sociedade. No que diz respeito à primeira, o programa do INCT-INEU abrange um vasto espectro de temas, cobertos em 25 linhas de pesquisa, distribuídas em sete áreas e subáreas. Embora resumido, o quadro abaixo dá ao leitor uma idéia da amplitude e da complexidade deste programa. 1. Política Exterior dos Estados Unidos. 1.1. Política Econômica Internacional dos Estados Unidos; Número de linhas de pesquisa: 4 1.2. Grande Estratégia e Política de Segurança dos Estados Unidos; Número de linhas de pesquisa: 5 1.3. O Papel dos Estados Unidos nas Estruturas de Governança Global; Número de linhas de pesquisa: 4 2. Instituições, Processos e Políticas Governamentais nos Estados Unidos. Número de linhas de pesquisa: 5 3. Integração e Crise na América Latina e a Política dos Estados Unidos para a Região. Número de linhas de pesquisa: 4 4. Brasil e Estados Unidos. Desafios e Oportunidades de Uma Relação Complexa. Número de linhas de pesquisa: 3 Acolhida esta proposta, na segunda etapa de sua existência o INCT-INEU vai ampliar e diversificar significativamente o seu programa de formação de recursos humanos. Trata-se em parte de efeito mecânico da expansão da equipe, mas vai muito além dele. Nos cinco anos de funcionamento, assistimos à incorporação, como docentes universitários, de muitos dos pesquisadores que estavam ainda completando sua formação ao se integrar no Instituto. Ativos em suas respectivas instituições, esses jovens pesquisadores vêm se empenhando no desenvolvimento dos programas de ensino em seus Institutos e Departamentos. Dessa atividade já resultaram propostas de criação de dois novos cursos de Mestrado, que se encontram em análise na CAPES, no presente. O resultado conjunto desses dois movimentos -- a ampliação da equipe, e seu amadurecimento -- é a multiplicação de disciplinas sobre os Estados Unidos ofertadas, e do número de trabalhos acadêmicos (monografias, Dissertações, e Teses) concluídos. Quanto à transferência de conhecimentos à sociedade, daremos continuidade ao trabalho que já vinha sendo realizado, expandindo o raio do público alcançado e nele introduzindo duas inovações importantes: a implantação de um sofisticado banco de dados, que será, acreditamos, de interesse de órgãos públicos e setores privados, e a criação do Núcleo de Produção Audiovisual, que abrirá novas formas de linguagem ao INCT-INEU e lhe permitirá atingir um público muito mais vasto.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 23/11/2016-30/11/2022
Foto de perfil

Sebastiao de Campos Valadares Filho

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • inct de ciência animal
  • A criação do INCT-CA em 2009 permitiu a estruturação das instituições participantes e a melhoria na formação de recursos humanos, na qualidade das pesquisas produzidas e na transferência de tecnologia para a sociedade, além de forte internacionalização da pesquisa. O INCT-CA foi proposto com 7 Instituições de pesquisa, sendo ao final acrescidas mais 3, cujos detalhes podem ser visualizados em www.inctca.ufv.br. As atividades de pesquisa foram conduzidas em cinco redes: Rede 1 - Pesquisa em Avaliação de Alimentos; Rede 2 - Nutrição e Produção de Ruminantes Rede 3 – Nutrição e Produção de Monogástricos; Rede 4 - Avaliação Genética Quantitativa e Molecular em Animais de Produção, e Rede 5 – Avaliação e Redução de Gases de Efeito Estufa na Pecuária, destacando-se que esta rede foi a última criada, não sendo possível sua conclusão. Ao final dessa chamada, todas as principais metas foram concluídas. A continuidade do Instituto aumentará a interação de grupos de pesquisa no Brasil uma vez que a nova proposta apresenta a formação de um grupo muito maior, constituído de 24 Instituições de todas as regiões do país (norte a sul), com aproximadamente 100 pesquisadores, demonstrando o grande sucesso do primeiro INCT-CA. Tal fato demonstra ainda que a condução de pesquisa em rede é um processo excelente e que deve ser adotado para todas as áreas do conhecimento, uma vez que estimula a cooperação científica e o uso compartilhado de laboratórios e equipamentos, e permite gerar produtos de alta qualidade e de amplo acesso para a sociedade brasileira. As Instituições envolvidas são EMBRAPA; EPAMIG; UESB; UESC; UFBA; UFC; UFGD; UFLA; UFMG; UFMT-CUIABÁ; UFMT-SINOP; UFPB; UFPI; UFRA; UFRB; UFRPE; UFSJ; UFV; UFVJM; UNESP-BOT.; UNESP-JAB.; UNIMONTES; UNIOESTE; USP-PIR. Assim, o INCT-CA propõe nova estrutura em 7 redes que serão resumidamente destacadas abaixo. Rede 1: Desenvolvimento, otimização e normatização de métodos para avaliação de alimentos e desempenho animal, coordenada por Edenio Detmann – UFV; Produto Principal: Manual de analises de alimento (versão 2.0) em português e inglês e um Manual de procedimentos experimentais. Rede 2: Avaliação de Exigências Nutricionais de animais de produção, coordenada por Sebastião C. Valadares Filho – UFV; Produtos: Publicar a 3a edição do BR-CORTE e atualizar o software BR-Corte 2.0. Publicar a 1a edição do BR-LEITE e desenvolver o Sistema Brasileiro de Exigências Nutricionais de Pequenos Ruminantes. Rede 3: Estudo da biologia muscular e qualidade de carne em sistemas tropicais, coordenada por Simone Eliza Facioni Guimarães – UFV. Produtos: Agregação de valor na qualidade da carne de suínos, aves e ruminantes em sistemas tropicais de produção para atender as demandas da indústria e do mercado consumidor interno e externo e estruturação de laboratório multiusuário de proteômica e biologia estrutural. Rede 4: Avaliação e redução do impacto ambiental pela atividade pecuária nos trópicos, coordenada por Telma Teresinha Berchielli–UNESP/Jaboticabal. Produtos: Estabelecimento de métricas para pegada de carbono em propriedades e leite e corte e Publicação do inventário de gases do efeito estufa em sistemas pecuários no Brasil. Rede 5: Realização de estudos sobre microbiologia zootécnica,coordenada por Odilon Gomes Pereira – UFV. Produtos: Elaboração do manual de práticas de manejo de silagem e desenvolver cepas para aplicação biotecnologica em diferentes processos fermentativos. Rede 6: Avaliação de Alimentos funcionais e aditivos melhoradores de desempenho animal,coordenada por Paulo Borges Rodrigues – UFLA. Produto: Manual de uso de aditivos para alimentação de animais ruminantes e não-ruminantes. Rede 7: Avaliação e seleção de bovinos leiteiros nos trópicos, coordenada por Cláudio Nápolis Costa – EMBRAPA/Gado de leite. Produtos: Sumários de Touros com resultados das avaliações genéticas nas raças Gir Leiteiro, Guzerá, Girolando e Holandesa; Painel customizado para target sequencing de genes reguladores do metabolismo de lipídios na glândula mamária; e Identificação de marcadores moleculares para a resistência ao carrapato e à mastite para utilização nos programas de melhoramento genético das raças zebuínas e Girolando. Além dos produtos citados acima, espera-se a conclusão da orientação de aproximadamente 300 dissertações/teses, a orientação de centenas de bolsistas de iniciação científica e de apoio técnico e a publicação de centenas de artigos científicos em periódicos de elevado fator de impacto. Como contribuição geral, espera-se que os resultados obtidos dentro de cada uma destas redes possam gerar padronização de análises de alimentos, desenvolver novos métodos de pesquisa científica; publicar tabelas de exigências nutricionais para gado de corte, gado de leite e caprinos e ovinos que devem auxiliar todo o setor produtivo nacional. Além disso pretende-se entender o desenvolvimento muscular e qualidade de carne em bovinos, suínos e aves para atender demandas da agroindústria por carne de qualidade; reduzir o impacto ambiental pela atividade pecuária nos trópicos, apresentando estratégias de mitigação de metano entérico e estratégias de suplementação e manejo de pastagens em sistemas integrados para aumentar o estoque de carbono no solo. Também serão feitas prospecção de microrganismos e avaliação de silagens em condições tropicais e avaliação funcional do bioma de ruminantes com a finalidade de obter novos inoculantes e entender o crescimento microbiano ruminal; estudar alimentos funcionais e aditivos melhoradores de desempenho animal e melhorar a avaliação e seleção de bovinos leiteiros nos trópicos.
  • Universidade Federal de Viçosa - MG - Brasil
  • 28/11/2016-30/11/2022
Foto de perfil

Sebastião Elielton da Silva Ferreira

Ciências Humanas

Filosofia
  • jornada científica estadual - exposição de cientistas notáveis acrianos
  • Realizar a Jornada cientifica no Estado, promovendo as ações de difusão científica desenvolvidas anualmente pelas instituições de CT&I, através da disseminação de atividades de popularização da ciência com foco na promoção e a inclusão social, prioritariamente estudantes de baixa renda, em todos os níveis escolares, em comunidades periféricas, indígenas, ribeirinhas e municípios isolados. Dentro dessa realidade esse projeto visa o enriquecimento sustentável da população amazônica do Acre ao mesmo tempo em que se preserva e respeita as leis ambienteis vigentes no país e se promove a geração de riquezas para as comunidades tradicionais com a divulgação de áreas protegidas e visitação destas. Enfatizar a importância da continuidade do desenvolvimento cientifico e sustentável e mostrar através de ações conjuntas a efetividade e a eficácia do evento.
  • Governo do Estado do Acre - AC - Brasil
  • 29/12/2020-31/12/2022