Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Alisson Rodrigo Souza Reis

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • o uso do nir em madeiras amazônicas: uma tecnologia a serviço da anatomia e identificação, fiscalização, conservação ambiental e comércio.
  • A Amazônia brasileira tem participação bastante expressiva no comércio de madeiras tropicais, com destaque para os Estados do Pará, Mato Grosso e Amazonas. A extração ilegal dessas madeiras é um dos entraves nessa comercialização, dentro deste contexto a falta de identificação científica correta das espécies contribui, substancialmente, com este comércio ilegal. Com isso, estudos que possibilitem ferramentas, tanto clássicas quanto avançadas, na correta identificação de madeiras amazônicas podem auxiliar efetivamente os que lidam com essa matéria-prima. Diante disso, o objetivo do presente projeto é descrever anatomicamente cerca de 300 espécies de madeiras amazônicas utilizadas no comércio de madeiras tropicais. Para isso serão utilizadas as ferramentas clássicas de anatomia de madeira e correlacionadas com técnica de infravermelho próximo (NIR), contribuindo assim com o conhecimento científicos de espécies amazônicas, auxiliando a compradores, exportadores e órgãos de fiscalização. Espera-se descrever anatomicamente 300 espécies comercializadas, bem como os seus espectros, obtidos através do NIR e correlacionados, gerando um banco de dados com essas informações, aliado a isso, o projeto proporcionará o intercâmbio entre instituições da região amazônica com a região sul do País, além capacitar técnicos e estudantes, em nível de graduação e pós-graduação.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Alketa Peci

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • expansão de receitas de prefeituras: o papel do contexto político e da capacidade administrativa
  • A pesquisa em tela examina os fatores determinantes de sustentabilidade fiscal dos municípios brasileiros buscando identificar os fatores que poderiam estar associados com a aquisição e implementação de recursos via convênios. A pesquisa vai focar em dois conjuntos de fatores até então pouco pesquisados, particularmente, no contexto dos países em desenvolvimento: o papel da capacidade administrativa e do contexto político na captação e implementação de recursos federais via convênios. Os dados relativos a uma amostra de municípios brasileiros serão coletados em bancos de dados disponíveis em órgãos como a Secretaria do Tesouro Nacional, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Portal de Convênios (Sincov) e Tribunal Superior Eleitoral e serão analisados longitudinalmente. Entretanto, entrevistas e grupos focais serão realizados com secretários municipais de cidades que possuem órgãos estruturados de busca e implementação de convênios para compreender como as prefeituras de menor porte poderiam se utilizar destes mecanismos melhorando sua capacidade financeira e tornando-se menos dependentes de recursos transferidos. Os resultados da pesquisa poderão avançar no entendimento dos fatores que interferem na saúde fiscal dos municípios e como a gestão financeira destes entes poderia ser melhorada.
  • Fundação Getúlio Vargas - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Allan Klynger da Silva Lobato

Ciências Agrárias

Agronomia
  • mecanismos de ação dos brassinosteróides em plantas de soja sob deficiência hídrica
  • A soja é a mais importante das espécies leguminosas, sendo largamente cultivada e exercendo impacto social, econômico e nutricional sobre a população de vários países, principalmente no Brasil. Os brassinosteróides são considerados esteroides com significantes propriedades promotoras do crescimento, no qual desperta interesse de pesquisadores o fato da potencialização de enzimas antioxidantes e os benefícios sobre o aparato fotossintético de plantas expostas a estresses abióticos, tal como a deficiência hídrica. Esta proposta tem a finalidade de investigar a atuação dos brassinosteróides em plantas de soja expostas à deficiência hídrica. Assim como, revelar o comportamento fisiológico, bioquímico, anatômico, nutricional e agronômico de plantas de soja submetidas à deficiência hídrica, e estabelecer os possíveis benefícios promovidos pelos brassinosteróides. O experimento será realizado em casa de vegetação sob o desenho experimental inteiramente casualizado em esquema fatorial do tipo 2 x 3, sendo duas condições hídricas (déficit hídrico e controle), combinado com três níveis de brassinosteróides (0, 50 e 100 nM EBR), totalizando 6 tratamentos e sendo composto por 5 repetições. As plantas serão acondicionadas em vasos de 3 L de substrato. Neste experimento serão avaliados os parâmetros fisiológicos, bioquímicos, anatômicos, nutricionais e agronômicos nas plantas. Os resultados serão submetidos a análise de variância (ANOVA) e quando houver diferença significativa será aplicado o teste mais adequado (Tukey, Scott-Knout ou teste-t). Além disso, os desvios padrões de todos os tratamentos/pontos serão calculados e aplicados os estimadores de regressão e de correlação (Pearson ou Spearman) entre os parâmetros avaliados usando o software ASSISTAT®.
  • Universidade Federal Rural da Amazônia - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Allan Paulo Moreira dos Santos

Ciências Biológicas

Zoologia
  • sistemática e biogeografia de tricópteros neotropicais (insecta: trichoptera)
  • A ordem Trichoptera compreende hoje cerca de 15.000 espécies, das quais quase 700 são registradas para o Brasil. Estudos taxonômicos e filogenéticos acerca desse grupo são importantes como forma de entender a dinâmica das diferentes linhagens ao longo do tempo e do espaço. Uma vez que os tricópteros compreendem um dos componentes mais diversos em ambientes dulcícolas, tanto em número de espécies quanto em termos de hábitos, trabalhos que se desenvolvam nesse contexto são relevantes para tomada de decisões no que tange a proteção e o uso sustentável dos recursos naturais. Embora estudos incluindo descrições e levantamentos das espécies de Trichoptera do Neotrópico venham aumentando consideravelmente nos úlitmos 10 anos, ainda são muito escassos os trabalhos que envolvem questões filogenéticas, biogeográficas e filogeográficas nessa região. Dessa forma, o presente projeto visa o estudo de táxons de Trichoptera, incluindo, além da taxonomia tradicional, a construção de hipóteses filogenéticas e biogeográficas, tendo por base informações morfológicas e moleculares. Táxons novos já disponíveis em coleções científicas serão formalmente descritos, bem como aqueles que ocasionalmente sejam coletados durante o desenvolvimento do presente trabalho. Sequências de DNA de genes mitocondriais e nucleares serão usadas para obter hipóteses filogenéticas para o relacionamento dos grupos focais, bem como auxiliar na delimitação de espécies e na associação de imaturos a adultos. Além disso, esses dados serão usados para reconstruir a história biogeográfica dos grupos em questão. A partir dessas análises, será também avaliada a dinâmica de diversificação do grupo, especialmente dos táxons ocorrentes na Região Neotropical. Esse trabalho será desenvolvido pelo proponente e sua equipe, composta por pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação que vem ativamente produzindo artigos científicos acerca da ordem Trichoptera, constituindo um dos principais grupos de pesquisa no estudo dessa ordem na Região Neotropical.
  • Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Allan Schnorr Müller

Ciências Exatas e da Terra

Astronomia
  • estudo da evolução de galáxias quiescentes e do papel da atividade nuclear na evolução de galáxias
  • Apesar de um grande avanço, nas últimas décadas, na compreensão de como galáxias se formam e evoluem, diversas questões seguem sem resposta. Entre elas, o impacto de processos de feedback estelar e de núcleos ativos na evolução de galáxias, os processos físicos responsáveis pela cessação da formação estelar e consequente formação da sequência vermelha. A formação da sequencia vermelha, em especial, é uma questão de grande interesse, pois, ao menos no universo local, galáxias quiescentes são majoritariamente esferoidais, ao contrário de galáxias star forming. Isso implica que a cessação da formação estelar deve ser seguida de uma transformação estrutural. O estudo de galáxias quiescentes compactas, tipicamente observadas entre 1 < z < 3 e morfologicamente distintas das galáxias quiescentes locais, é o meio ideal para compreender como essas transformações ocorrem. O presente projeto tem por objetivo: 1) estudar o impacto de feedback de núcleos ativos na evolução da galáxia hospedeira entre redshifts 1 e 3 (época em que ocorreu o pico da formação estelar no universo); 2) estudar o papel de feedback de núcleos ativos na cessação da formação estelar, através da caracterização do impacto de feedback radiativo na galáxia hospedeira de núcleos ativos de luminosidade intermediária; 3) compreender como a atividade nuclear é iniciada, em específico como gás é transportado de escalas de um kiloparsec até escalas de dezenas de parsecs, criando um reservatório de material que alimentará o buraco negro supermassivo; 4) Buscar análogos locais das galáxias quiescentes compactas observadas em altos redshifts; 5) Caracterizar as propriedades estruturais e cinemáticas de galáxias quiescentes compactas através do estudo dessas análogos locais, a fim de compreender como esses objetos evoluem para se tornarem as galáxias elípticas massivas do universo local.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Allene Carvalho Lage

Ciências Humanas

Educação
  • desdobramentos da educação superior da mulher dentro dos movimentos feminista e lgbt.
  • A presente investigação tem por objetivo principal estudar os desdobramentos da educação superior da mulher, construídas nos percursos políticos e pedagógicos dentro dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru. Entre os objetivos específicos, podemos destacar os seguintes: i) identificar os principais aspectos da formação universitária das mulheres dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru, assim como as experiências dessa formação que mais contribuíram para o despertar de uma nova consciência política de luta por igualdade e direitos; ii) descrever os principais sentidos da educação percebidos pelas as mulheres dentro dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru; iii) descrever os principais sentidos da militância construídos pelas as mulheres dentro dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru; iv) condensar as principais formações políticas desenvolvidas pelas mulheres dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru, seus objetivos, conteúdos e metodologias; v) mapear as principais ações políticas dos movimentos feminista e LGBT de Caruaru, assim como a sua pauta de luta por igualdade e direitos; vi) analisar as principais desdobramentos da educação superior construídos nos percursos e ações políticas e pedagógicas da mulher dentro dos movimentos feminista e LGBT em Caruaru. O aporte metodológico desta investigação se pauta numa pesquisa qualitativa, com estudo comparado e articulado entre as experiências. Nos ancoramos também numa metodologia feminista que em linhas gerais, é o nome dado ao conjunto de teorias que visam o combate e a destruição do patriarcado e de toda sua influência na ciência e na vida de mulheres e homens. Tomamos como objeto de estudo dois movimentos sociais de Caruaru. O primeiro é a Marcha Mundial das Mulheres – Núcleo Agreste de Pernambuco, que assume o caráter de movimento feminista, criado por um grupo de egressas de pedagogia da UFPE e o segundo é Coletivo Lutas e Cores, criado por um grupo de egressos de pedagogia da UFPE e por egressas o serviço social, relações internacionais, jornalismo, administração pública, enfermagem, farmácia, psicologia e biomedicina. Essa característica comum de ambos serem criados por egressos da educação superior nos despertou um interesse científico em compreender este novo fenômeno social e seus desdobramentos. Como eixo analítico do nosso estudo optamos pelo Método do caso Alargado e a Técnica de Análise de Conteúdo. Assim, pretendemos, ao desvelar as experiências das mulheres dentro desses dois movimentos sociais, fazer uma relação sobre a formação universitária, as áreas de atuação, os projetos, as metodologias e os conhecimentos que são desenvolvidos no âmbito da experiência política dentro dos movimentos feminista e LGBT, independentemente de suas atividades profissionais.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alline Cristina de Campos

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • papel do endocanabinoide 2-ag nos efeitos pró-neurogênicos e comportamentais da fluoxetina.
  • Os mecanismos farmacológicos do uso repetido de antidepressivos (AD), tais como os inibidores seletivos da receptação de serotonina, permanecem pouco conhecidos, uma vez que o aparecimento da melhora clínica dos pacientes somente é observada após a segunda ou terceira semana de tratamento. Ao longo dos anos várias teorias têm sido formuladas na tentativa de explicar as modificações plásticas promovidas pelos uso crônico destes compostos, tais como dessensiblização de receptores pré-sinápticos serotonérgicos do tipo 1A, aumento de processos proliferativos hipocampais, remodelamento dendrítico, entre outros. Recentemente muitas evidências de uma possível relação entres o sistema endocanabinóide nos efeitos comportamentais do uso repetido de AD e a neurotransmissão serotonérgica têm sido descritas. Todavia, o papel específico dos endocanabinóides nos efeitos plásticos de longo prazo dos AD permanecem por ser investigados. A neurogenêse hipocampal adulta é um processo complexo e dinâmico que envolve, ao seu final, a formação de um novo neurônio granular maduro. Esse processo tem sido, amplamente estudado nas últimas décadas e tem sido correlacionado a transtornos psiquiátricos e aos efeitos dos antidepressivos. Desta maneira, o presente trabalho tem como objetivo avaliar através de ferramentas farmacológicas e moleculares, a influência do endocanabinóide 2-AG, nos efeitos comportamentais e nos efeitos pró-neurogênicos da fluoxetina, um antidepressivo inibidor seletivo da receptação de serotonina.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Allysson Viana Martins

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • jornalismo especializado em mma: profissionais e produtos de uma nova modalidade esportiva
  • Os estudos sobre jornalismo esportivo no Brasil enfatizam, majoritariamente, o futebol, com uma abordagem praticamente inexistente acerca do jornalismo especializado em MMA. Considerando a relevância do MMA na atualidade, sobretudo na mídia, e a carência de estudos na interface deste esporte com o jornalismo, este projeto de pesquisa procura identificar as características do jornalismo brasileiro especializado em MMA nos sites, canais de Youtube e de TV, através do perfil das empresas e das especificidades dos produtos, e traçar um paralelo historiográfico entre o MMA e a sua cobertura jornalística, ao apontar os marcos históricos de ambos. Pretende-se, ainda, investigar aspectos jornalísticos nas produções sobre MMA de sites e canais de Youtube no Brasil, por meio do agendamento, das fontes, dos gêneros e dos enquadramentos, caracterizando os aspectos relacionados à empresa, ao produto e ao público, através da entrevista com jornalistas e produtores de conteúdo.
  • Universidade Federal de Rondônia - RO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Almerinda da Silva Lopes

Lingüística, Letras e Artes

Artes
  • arte postal na américa latina: entre a ironia performática e a circulação marginal de imagens críticas à realidade política: 1968-1984.
  • A origem da Are Postal, Arte Correio ou Mail Art remonta às primeiras vanguardas do século passado (embora alguns datem o seu surgimento na segunda metade do século XIX, pois logo após a criação do cartão postal este passou a ser enviado a descoberto, com um pequeno texto ou mensagem), mas foi nos anos de 1960, em razão da mudança do paradigma artístico que esse gênero artístico encontrou terreno mais fértil para se desenvolver e circular em todas as latitudes do mundo. No Brasil e na maioria dos países da América Latina esse gênero de arte alternativa iria tornar-se um dos mais significativos e profícuos processos artísticos de ironia e de crítica ao discurso político, entre a década de 1970 e o início da seguinte, o que explica o período temporal adotado na investigação. Circulando de maneira underground e em rede democrática, fluxo permanentemente alimentado pelos participantes, tornou-se uma das formas mais originais de artistas e não artistas reagirem e mostrarem a sua indignação ao autoritarismo dos regimes ditatoriais, à tortura, à perseguição às vozes dissidentes e à interferência do censura sobre a produção artístico/cultural. Em pleno período da chamada “guerra fria”, a Arte Correio também se tornou um destacado meio de reação à política de massificação cultural, à dominação do capitalismo selvagem e à penetração avassaladora do imperialismo americano na América Latina. Enquanto arte alternativa e rede democrática de circulação de imagens, mensagens e ideias, a Arte Postal contrapunha-se, ao caráter seletivo, judicativo e elitista das instituições culturais oficiais, órgãos controlados pelo poder político. Por seu caráter efêmero, colaborativo e anticomercial esgarçava, ainda, o conceito tradicional de obra de arte, enquanto objeto único, eterno e autoral e à visão aurática e elitista de artista, que alimentava o mercado de arte. Hibridizando signos verbais, textos políticos, imagens, códigos visuais, com diferentes processos e materiais, esse gênero de arte experimental gerou e pôs em circulação, através dos Correios, órgão oficial de comunicação uma verdadeira polissemia de trabalhos para troca de ideias, informação e solidariedade. Enviados a destinatários de diferentes de regiões do Brasil e do mundo, e propondo que o receptor interferisse no trabalho recebido e o pusesse a seguir novamente em trânsito, reenviando-o a outro destinatário, os artistas estabeleceram uma rede rizomática de compartilhamento de textos e imagens de conotação política, justamente numa época em que todas as formas de comunicação foram interrompidas ou eram fortemente vigiadas. O objetivo principal da investigação é a análise da dimensão político-crítica da Arte Postal, produzida por artistas de diferentes gerações, tendências e experiências, entendendo-a como a verdadeira propulsora da arte performativa, da ideia de partilha e de arquivo contemporâneo, à luz de um referencial teórico que contemplará autores brasileiros e estrangeiros e em diálogo com outras formas de produção experimental e ou conceitualista do período.
  • Universidade Federal do Espírito Santo - ES - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Almir Manoel Cunico

Ciências Biológicas

Ecologia
  • avaliação dos efeitos da pressão de propágulos sobre o sucesso no estabelecimento e invasão de espécies não nativas
  • Invasões biológicas são consideradas a segunda maior ameaça à biodiversidade global, constituindo um dos maiores desafios para a conservação do recursos naturais e o desenvolvimento sustentável. Embora a maior parte das introduções biológicas não estabeleçam populações sustentáveis ou desencadeiem processos de invasão, o sucesso de colonização é extraordinariamente imprevisível. Evidências empíricas sugerem que o estabelecimento de espécies não nativas em uma área pode ser afetado por uma vasta gama de fatores bióticos e abióticos, incluindo as características das espécies e do meio receptor. No entanto, a pressão de propágulos tem sido demonstrada como variável fundamental na determinação do sucesso de invasão, sendo observado relações entre o aumento do número de indivíduos introduzidos e a probabilidade de uma população sobreviver e se estabelecer no ambiente. De maneira particular os ecossistemas aquáticos estão sofrendo um considerável aumento da pressão de propágulos de espécies não nativas devido ao crescimento das atividades de produção de organismos aquáticos nas últimas décadas, em especial peixes. No âmbito da aquicultura brasileira a espécie não nativa Oreochromis niloticus (Tilápia do Nilo) é a espécie com maior produção pela aquicultura brasileira e amplamente introduzida nos ambientes aquáticos continentais, sendo associada à diminuição dos estoques nativos e extinção de espécies. Neste contexto, nossa proposta visa avaliar os efeitos de diferentes pressões de propágulos sobre o sucesso no estabelecimento e invasão de O. niloticus por meio de um experimento quasi-natural usando a aquicultura em escala de microbacias. Para corroborar os resultados, serão realizados experimentos em mesocosmos para avaliar os efeitos do tamanho e número de propágulos sobre parâmetros individuais e populacionais de O. niloticus. O presente trabalho fornecerá informações sobre os processos e mecanismos de invasões biológicas, especialmente os processos decorrentes de propágulos oriundos da atividade aquícola, fornecendo informações aos gestores ambientais e ao setor produtivo para melhor gestão da atividade de produção de organismos aquáticos.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Almir Paulo Dos Santos

Ciências Humanas

Educação
  • indicadores de práticas de gestão democráticas no âmbito da educação básica a partir das avaliações em larga escala
  • O projeto tem como propósito investigar a relação entre a existência de práticas de gestão democráticas e o índice do IDEB em municípios de três estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. O objetivo é analisar, descrever e divulgar experiências de práticas de gestão democráticas da educação municipal, desencadeadas a partir das avaliações em larga escala, determinantes para o sucesso das práticas de ensino-aprendizagem e das políticas de gestão da educação. Para a amostra considera apenas escolas cuja índice do IDEB 2013 está acima de seis. Considerando a disponibilidade de dados secundários existentes sobre o tema, a análise ocorrerá em duas etapas. A primeira, quantitativa, avaliando os dados do próprio IDEB, as leis de Sistemas Municipais de Ensino (SME) e os questionários do diretor (Prova Brasil). A segunda, qualitativa, coletará dados primários que auxiliem na compreensão da situação das escolas. O tema fundamental a ser investigado permite identificar modelos de gestão democrática na educação municipal, a relação da gestão com o índice elevado no IDEB, existência de práticas administrativas democráticas e se os indicadores oficiais de avaliação do ensino refletem a real situação da educação municipal. Os resultados da pesquisa vão permiter que os pesquisadores, Universidade Federal Fronteira Sul e os municípios fortaleçam sua relação, identifiquem práticas de gestão democráticas que auxiliem a outros municípios, profissionais de educação e gestores a melhorar a qualidade da educação municipal.
  • Universidade Federal da Fronteira Sul - SC - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Almir Rogério Pepato

Ciências Biológicas

Zoologia
  • emprego de marcadores anônimos obtidos a partir dos resultados de sequênciamento de nova geração (hiseq illumina) na filogeografia de um grupo meiofaunal sem estágios dispersivos ao longo da costa brasileira
  • Trabalhos recentes dividem os quase 7500 quilômetros da costa brasileira em três províncias (Plataforma Norte do Brasil, Sudoeste Tropical do Atlântico e Sudoeste Quente-Temperado do Atlântico), e oito ecorregiões, três das quais em arquipélagos distantes da costa continental (Penedos de São Pedro e São Paulo; Fernando de Noronha e Atol das Rocas; e Ilhas de Trindade e Martin Vaz) e cinco continentais (Amazônia, Nordeste, Leste, Sudeste e Rio Grande). As Ecorregiões seriam áreas relativamente homogêneas do ponto de vista da composição específica, claramente distintas dos sistemas adjacentes. Os fatores determinantes na delimitação das ecorregiões podem incluir o isolamento por distância, ressurgências, influxo de água doce, regimes de temperatura e a predominância de outros fatores de alcance limitado. Na definição dessas regiões consideram-se algumas áreas de transição que oferecem importantes hipóteses a respeito da distribuição ou conectividade entre populações. A província do Sudoeste Quente-Temperado do Atlântico estende-se da península de Valdés a 41°S ao Cabo Frio, a 23°S. O limite sul é determinado pela influência da corrente das Malvinas, e inclui o limite da distribuição dos manguezais (próximo a 27°S). Um pouco ao norte de Cabo Frio, em Abrolhos, estão registradas as ocorrências mais ao sul das espécies de recifes de corais do Caribe. Ao norte, a província Sudoeste Tropical do Atlântico é delimitada pela influência do grande aporte de água doce pelo Rio Amazonas e da Corrente das Guianas. Isso produz uma mistura muito rica de ambientes límnicos estuarinos de marinhos, ainda pouco estudadas. A definição das ecorregiões é fundamental para uma política conservacionista consistente, já que o ideal é a distribuição das áreas de preservação permita que todas sejam representadas. Elas foram propostas tendo por base, além do levantamento de possíveis fontes de impacto e considerações políticas, o conhecimento corrente a respeito da diversidade dos biomas costeiros que é desigual tanto no que se refere à cobertura taxonômica quanto geográfica. Outro aspecto a se considerar para o aprimoramento das políticas de conservação voltadas aos ambientes costeiros são os parâmetros populacionais que podemos inferir a respeito da dinâmica das populações naturais a partir de dados moleculares. Fenômenos como expansão e contração do tamanho efetivo populacional, migração, fluxo gênico, áreas de contato secundário e hibridização podem ser detectados com dados obtidos através de técnicas moleculares e ferramentas da filogeografia e genética de populações cada vez mais acessíveis. Finalmente, dados moleculares podem detectar a eventual estruturação genética das populações de espécies habitantes dos ambientes costeiros ao longo do litoral brasileiro e assim contribuir para a correta delimitação das ecorregiões costeiras. Geralmente considera-se que a habilidade de dispersão das larvas é o fator determinante para a estruturação genética, em particular no caso dos invertebrados bentônicos marinhos, ainda que exceções sejam conhecidas. Verificar a estruturação genética em grupos com diferentes habilidades dispersivas, em particular grupos que não apresentam larvas pelágicas, pode levar à detecção de barreiras ao fluxo gênico e a uma melhor compreensão dos processos evolucionários em curso na fauna costeira. Os ácaros pertencentes à família Halacaridae diferem da maioria dos grupos bentônicos marinhos relativamente bem conhecidos justamente por não possuírem formas planctônicas dispersivas, com os juvenis habitando os mesmos ambientes que os adultos, por possuírem baixa fertilidade e serem incapazes de nadar. De animais com essas características espera-se elevada estruturação genética e, portanto, que sejam ferramentas úteis para a detecção de barreiras ao fluxo gênico e a uma melhor compreensão dos processos evolutivos em curso na fauna costeira. O conhecimento a respeito do grupo, apesar dos importantes avanços recentes, ainda é incompleto e concentrado no litoral de São Paulo. Através de coletas distribuídas uniformemente, propomos empregar os ácaros marinhos do gênero Agauopsis para explorar a estruturação genética ao longo do litoral brasileiro através do sequenciamento de marcadores anônimos obtidos a partir de Sequenciamento de Nova Geração feito com a plataforma HiSeq Illumina 4000. Resultados preliminares mostram estruturação no que concerne ao gene COI, mas mostraram também que mesmo as regiões mais variáveis do gene 28S e o fator de alongamento alfa têm pouca variabilidade para captar processos mais recentes, urgindo, portanto, a obtenção de novos marcadores. Pretende-se obtê-los através de sequenciamento de nova geração utilizando a plataforma HiSeq Illumina 4000. Foram submetidos ao sequenciamento extrações de 26 indivíduos de uma mesma população. Uma cobertura de 300-500 vezes é esperada, o que permitirá além da obtenção de marcadores anônimos, o sequenciamento do genoma mitocondrial completo e mesmo um rascunho do genoma desses ácaros.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Almir Spinelli

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • impressão eletroquímica 3d de peças metálicas
  • A evolução tecnológica das últimas quatro décadas transformou o mundo em termos de produtividade, acesso à informação, qualidade de vida e gestão. Nas indústrias, proporcionou mudanças muito rápidas como a diminuição de custos com mão de obra e a crescente automação e substituição de máquinas antigas por equipamentos novos com comando numérico computadorizado (CNC). Paralelamente, processos de produção foram recriados, um dos quais, a tecnologia de impressão 3D (também denominada manufatura aditiva), desenvolvida tomando partido da crescente capacidade de processamento dos computadores pessoais e da já difundida tecnologia CNC. Atualmente, já é possível produzir artigos em plástico por manufatura aditiva, com auxílio de softwares de desenho assistidos por computador (CAD) e com uso de impressoras 3D. No entanto, para a impressão 3D de metais existe uma carência de tecnologias que permitam a utilização por usuários de pequeno porte ou até mesmo pelo consumidor final. Os processos disponíveis são ineficientes devido ao custo das matérias primas e a necessidade de processamento pós-impressão 3D, como o uso de fornos de alta temperatura, o que torna a tecnologia atual impraticável para a maioria dos pequenos usuários. O objetivo deste projeto é desenvolver tecnologia que permita utilizar métodos eletroquímicos como ferramenta associada à impressão 3D, abrindo a possibilidade para qualquer usuário projetar e imprimir suas próprias peças de metais como cobre, ferro e titânio. A pesquisa e o desenvolvimento do sistema proposto permitirão, além da formação de recursos humanos capacitados a desenvolver pesquisa na fronteira do conhecimento, produzir impactos significativos em áreas estratégicas para o país, como por exemplo, nas indústrias metalúrgica, automotiva, biomédica, de defesa e naval.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Almir Vieira Dibai Filho

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • aplicação de um teste funcional em cadeia cinética aberta em praticantes regulares de exercício físico com e sem dor crônica no ombro
  • A avaliação clínica do complexo do ombro nas condições dolorosas considera essencialmente o emprego de instrumentos que mensuram a intensidade, localização e qualidade da dor, capacidade funcional e aspectos psicológicos. No entanto, a literatura é escassa no que diz respeito a validação de testes que avaliem a performance funcional em indivíduos com dor no ombro. Assim sendo, o objetivo desse projeto é avaliar a confiabilidade intra e interexaminadores do Seated Shot Put Test (SSPT) na mensuração da performance funcional do membro superior de praticantes de exercício físico com e sem dor no ombro. Para tal, o presente projeto será composto por indivíduos praticantes de exercício físico sem (n = 30) e com dor no ombro (n = 30). Além do SSPT, serão aplicados os seguintes instrumentos para mensurar a experiência dolorosa: Shoulder Pain and Disability (SPADI), Escala Numérica de Dor (END), Escala de Pensamentos Catastróficos sobre Dor (EPCD). Questionário Baecke será aplicado para mensurar a atividade física habitual. O presente projeto pleiteia verba para compra dos seguintes equipamentos: dinamômetro portátil para mensuração da força da musculatura do ombro, dinamômetro portátil para mensurar a força de preensão palmar, inclinômetro para mensurar a amplitude de movimento do ombro, e cardiofrequencímetro para investigar as repercussões da dor sobre o sistema nervoso autônomo. Serão realizadas comparações entre os grupos e correlações entre as variáveis por meio do teste T de student ou Mann-Whitney e do coeficiente de correlação de Pearson ou Spearman, respectivamente. Para o grupo com dor no ombro, será realizada a mensuração da confiabilidade intra e inter-examinadores por meio do coeficiente de correlação intraclasse (ICC2,3). Espera-se que os resultados do presente estudo respaldem o uso do SSPT para mensuração da performance funcional de indivíduos com dor no ombro, tanto na prática clínica como em pesquisas.
  • Universidade Federal do Maranhão - MA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aloir Antonio Merlo

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • reações pericíclicas na síntese de cristais líquidos
  • O projeto de pesquisa parte de uma linha consolidada de síntese de isoxazolinas e isoxazóis através da reação de cicloadição [3+2] 1,3-dipolar entre óxidos de nitrila e alcenos, e agrega duas novas ferramentas poderosas de construção de moléculas orgânicas na área de síntese dirigida de materiais. A combinação dessas metodologias permite-nos estudar novos materiais com propriedades mesogênicas pela solução de um problema de estabilidade química e térmica de uma classe de bases de Schiff que apresentam comportamento liquido-cristalino (i + ii); e, da criação de uma classe de moléculas bis e tetrakis-bifenol (i + iii) inéditas com relação ao comportamento de interface e de cristal líquido.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aloísio Oro Spazzin

Ciências da Saúde

Odontologia
  • influência de diferentes protocolos adesivos e agentes de cimentação à base de resina no reforço das cerâmicas vítreas, resistência de união e morfologia da interface adesiva
  • O objetivo deste estudo será avaliar a influência de diferentes protocolos adesivos e o aquecimento de agentes de cimentação à base de resina (ACRs) na resistência de união, na morfologia da interface adesiva com cerâmicas vítreas, e no reforço destas cerâmicas simulando finos laminados. Serão avaliadas três variáveis independentes: cerâmica, protocolo adesivo, e aquecimento ACRs. As variáveis serão avaliadas em três níveis; i) cerâmica: feldspática (Vitablocs Mark II; Vita Zahnfabrik) reforçada por leucita (Empress CAD; Ivoclar Vivadent), ou reforçada por disilicato de lítio (IPS e.max CAD; Ivoclar Vivadent); ii) protocolo adesivo: silano, silano seguido de adesivo sem carga, ou silano seguido de adesivo experimental com carga; i) aquecimento dos ACRs: cimento resinoso fotopolimerizável em temperatura ambiente (22oC), ou aquecido (60oC), ou resina composta aquecida (60oC). Como variáveis dependentes serão avaliadas: a morfologia da interface adesiva, em microscopia eletrônica de varredura, e a resistência de união entre os ACRs e as cerâmicas vítreas, utilizando os diferentes protocolos adesivos. Além disso, dois testes mecânicos serão avaliados: i) o reforço da cerâmica (reforço) pelos ACRs utilizando o ensaio de resistência à flexão bi-axial; e ii) a carga de fratura sob em fadiga através de um ensaio acelerado (stepwise stress) após cimentadas sobre um substrato. Duas espessuras (0,3 e 0,6 mm) dos espécimes cerâmicos serão avaliadas. Duas diferentes análises serão realizadas em relação aos materiais resinosos: i) uma utilizando materiais comerciais; e ii) em outra análise, materiais experimentais serão formulados, com exceção do silano. Serão realizados os testes de confiabilidade utilizando a análise de Weibull para os dois testes mecânicos de resistência; e estes serão simulados utilizando o método dos elementos finitos para análise da distribuição das tensões.
  • Fundação Meridional - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aloisio Santos Nascimento Filho

Engenharias

Engenharia de Energia
  • modelo computacional de análise do mercado brasileiro de biocombustíveis
  • Este projeto tem como objetivo a construção de um modelo computacional de apoio à decisão para o segmento de biocombustíveis. É motivado pelo reconhecimento de demandas do programa RenovaBio do Ministério das Minas e Energias do Brasil. Para este fim, serão avaliadas premissas, regras de comercialização previstas no programa RenovaBio, políticas nacionais, assim como protocolos internacionais de interesse nacional. As fontes de dados utilizadas serão originárias de bases de dados públicas e privadas, disponibilizadas por essas entidades. A construção do modelo computacional estará suportada por teorias da economia aplicada, da física aplicada e da matemática. Por meio dos resultados projetam-se contribuições, como a criação de ferramentas computacionais para tomada de decisões, formação de recursos humanos e publicações dos achados em periódicos qualificados.
  • SENAI - Departamento Regional da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alsones Balestrin

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • dinâmica colaborativa em ecossistemas de inovação: estudo de casos no brasil, noruega, frança e espanha
  • O foco central da presente proposta visa entendimento de “Ecossistemas de inovação”, especialmente em sua dinâmica de cooperação. A motivação em entender melhor a dinâmica de cooperação e de inovação dentro desses ambientes é gerada pelas evidências empíricas encontradas pelo pesquisador em estudos precedentes, pelo crescente interesse das pesquisas internacionais, pela importância estratégica dos ecossistemas de inovação para o desenvolvimento econômico, social e científico do Brasil. A literatura na área de gestão indica que o atual cenário competitivo, especialmente em indústrias intensivas em conhecimento poderá ser atenuado por aquelas empresas que operam dentro de ambientes de forte dinâmica colaborativa e de imbricação institucional entre diversos atores, como, governo, universidades, empresas e demais entes da sociedade civil organizada. Seja na América do Norte, na Europa, na Ásia ou na América Latina as empresas grandes ou pequenas, sobretudo no contexto de alta tecnologia, escolhem basicamente dois caminhos: estar fisicamente instaladas em um ambiente de inovação regional ou estarem física ou virtualmente conectadas em ambientes de inovação de classe mundial, localizados em outros países. Diante desse cenário, coloca-se como questões para o presente projeto de pesquisa: Quais são as principais características de ecossistemas de inovação no Brasil em comparação aos ecossistemas da Noruega, Espanha e França? Como são estruturadas e desenvolvidas as práticas colaborativas nesses ambientes? Qual o papel das políticas públicas no desenvolvimento de ecossistemas de inovação nesses países? Quais as principais diferenças ou semelhanças na dinâmica de colaboração entre os atores desses ambientes? Como ocorre a governança da cooperação nos ecossistemas estudados? Para responder a esses questionamentos uma das principais lentes teóricas a ser utilizada será a teoria do trabalho institucional, especialmente, por fornecer um arcabouço conceitual que permite entender o papel dos atores (indivíduos, grupos ou organizações) na condução de práticas que promovem a criação, manutenção ou ruptura de novas dinâmicas institucionais em um dado contexto. Assume-se, assim, que o aparato conceitual da teoria do trabalho institucional fornecerá uma perspectiva apropriada para o entendimento da dinâmica de funcionamento dos ecossistemas de inovação, sobretudo em suas dinâmicas colaborativas. Como metodologia, a pesquisa será realizada por meio de estudos de múltiplos casos de ecossistemas de inovação localizados no Brasil, Noruega, França e Espanha. Justifica-se o estudo nesses países por dois fatores centrais: a) no caso dos países europeus, como Noruega, França e Espanha, representam casos de ecossistemas de inovação consolidados e que podem ser muito úteis em uma análise comparativa com os ecossistemas de inovação brasileiros; b) outro elemento importante é a relação de cooperação entre pesquisadores e universidades desses países, o que facilita a coleta e análise de dados. No caso da Noruega, o presente pesquisador participa em um projeto desenvolvido entre as instituições Brasileira (UNISINOS) e Norueguesa (Universidade de Stavanger), no escopo da chamada Capes-SIU 2017 (Programa de Cooperação Brasil-Noruega), cujo título é “Cooperation on Education and Research for the Studies of Innovation Ecosystems (CERSIE)”. Tal projeto tem o objetivo avançar no entendimento dos ecossistemas de inovação no Brasil e na Noruega, por meio de mobilidade de pesquisadores e estudos de casos nos dois países e formação de doutores. No caso da França, o presente proponente está envolvido na cooperação entre a UNISINOS e o Instituto de Administração da Universidade de Poitiers (França), atuando como professor associado há mais de 11 anos e atualmente orientando dois alunos de doutorado em cotutela de tese. Já a cooperação entre UNISINOS e a Universidade Ramon Llull de Barcelona, Espanha, é a mais recente, com o objetivo de estudar o caso do ecossistema de inovação de Barcelona.
  • Universidade do Vale do Rio dos Sinos - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Altair Antoninha Del Bel Cury

Ciências da Saúde

Odontologia
  • efeito da macrogeometria e do protocolo de fresagem n comportamento biológico dos implantes osseointegrados. estudos:in silico e clínico
  • Tratamento reabilitador com implantes dentários é uma solução previsível e de sucesso para reposição de ausências dentárias. A macrogeometria do implante está intimamente relacionada ao corpo do implante, formato das roscas, desenho do colar e conexão protética. Diferentes desenhos de implante podem gerar diferentes concentrações de tensão e deformação no osso. O sucesso da osseointegração também está relacionado com a condição de mínimo trauma no leito ósseo durante a etapa cirúrgica somada à estabilidade primária suficiente que levarão a menor resposta inflamatória. Assim, a macrogeometria do implante e o protocolo de fresagem podem propiciar uma técnica cirúrgica menos traumática, assim como com a resposta inflamatória durante o processo de cicatrização e reparo, diminuindo o tempo de latência da reabilitação protética e impactando positivamente na qualidade da osseointegração ao longo do tempo. Neste sentido, novos protocolos de fresagem e novas macrogeometrias de implantes têm sido propostas focando em um conceito biológico baseado na criação de uma “câmara de coágulo” capaz de minimizar o trauma cirúrgico no momento da inserção do implante no leito ósseo. Esse conceito pode levar à baixa estabilidade primária o que gera duvidas sobre a competência biomecânica desta interface osso-implante. Informações clínicas sobre a influência desses parâmetros no comportamento do implante e do osso peri-implantar ainda são escassas no que se refere a dinâmica de remodelação óssea durante a cicatrização, osseointegração e pós carregamento oclusal. Assim, com uso de implantes que possuem macrogeometrias e protocolos de fresagem distintos, que favorecem ou não a formação da câmara de coágulo este projeto possui como objetivos: 1) desenvolver um estudo in silico com a finalidade de analisar o efeito de diferentes macrogeometrias de implantes no tecido ósseo peri-impantar com objetivo de avaliar a distribuição de tensões; 2) avaliar clinicamente a resposta biológica dos tecidos peri-implantares por meio do monitoramento de parâmetros clínicos, da estabilidade secundária e da perda óssea peri-implantar de implantes de macrogeometrais e conexões protéticas diferentes instalados na região posterior de mandíbula no primeiro ano de reabilitação protética. Os dados obtidos serão tabulados no programa estatístico Stata® (Versão 11.2, StataCorp LP, CollegeStation, Texas, EUA). O método estatístico será escolhido com base na aderência ao modelo de distribuição normal e igualdade de variância. Para todos os testes será considerado estatisticamente significativo o valor p<0,05. Palavras-chave: implantes dentais, macrogeometria, osseointegração, analise de elementos finitos, hexágono externo, cone morse, citocinas, perda óssea periimplantar, remodelação óssea, cicatrização precoce.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Altair Olivo Santin

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • detecção inteligente em tempo real de urls que disseminam imagem de pornografia infantil em vídeos
  • Soluções de segurança para a Internet (Internet Security Suites - ISS) possuem controle paterno que bloqueia conteúdos por idade, origem ou tipo, por exemplo. O problema é que em muitos casos os conteúdos não têm este tipo de rotulação que permite fácil filtragem. Assim, os ISS têm uma listagem de sites que foram rotulados e o controle é feito por URL (Uniform Resource Locator, endereço do site). Porém, o conteúdo fica acessível no lapso tempo entre a divulgação do conteúdo de PI (Pornografia Infantil) numa URL e a identificação do mesmo - após os robôs dos fabricantes de ISS vasculharem a Internet e encontrarem a URL. Além disto, os abusadores sexuais de crianças e adolescentes (ASCA), mudam as URL com os conteúdos de PI com certa frequência para dificultar ainda mais o rastreamento do ISS e diminuir a eficácia de filtragem. Na prática como as redes sociais em geral filtram este tipo de conteúdo, os ASCA usam tais redes apenas como catálogos para anunciar a URL que está com o conteúdo de PI. Neste projeto contribui-se com o desenvolvimento de mecanismo para a detecção inteligente e em tempo real de imagens de PI em vídeos disponibilizado em URLs da Internet. O objetivo é usar computação em nuvem, deep learning e um proxy, para classificar em tempo real as imagens que vão ser consumidas por crianças e adolescentes na navegação na Internet usando celular, computador ou tablet. Este mecanismo também pode ser utilizado em escolas, empresas e demais entidades que não desejam que este tipo de conteúdo chegue a seus domínios. O projeto está sendo desenvolvido em colaboração com Unidade de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil da Polícia Federal (URCOP). Serão criadas duas bases de imagem de PI: uma com imagens de PI (que ficará restrita aos computadores da URCOP) e a outra com as mesmas imagens de PI com tarjas, escondendo a genitália da criança/adolescente. Pois, do ponto de vista legal as imagens de PI corretamente tarjadas não infringem as leis que regem o Estatuto da Criança e do Adolescente. Visa-se usar deep-learning para identificar PI em treinamento sem tarja nas dependências da URCOP e comparar os resultados com os obtidos no treinamento usando tarja e com transfer-learning de pornografia. Resultados PRELIMINARES usando transfer-learning identificaram crianças individualmente e com adultos em situação de NPI (não PI) com taxa de acerto de 85,00%, com a inserção da tarja há perda de 6% em relação as mesmas imagens sem tarja. Isto mostra que apesar da tarja fazer parte da imagem, o contexto é bem assimilado e a tarja interfere com influência possível de ser mitigada. Este tipo de resultado traz uma importante contribuição científica e social porque há poucos trabalhos na literatura, devido ao fato de que a posse do conteúdo de PI é crime, mas PI com tarja não infringe a lei. Assim, o resultado deste trabalho contribui para que seja possível termos base de PI tarjadas e facilitar a reprodutividade de trabalhos relacionados e o desenvolvimento de mais trabalhos para identificar este tipo de conteúdo. Além dito, este projeto consegue rotular em tempo real conteúdos de PI que não foram rotulados pela polícia e/ou ISS. Como resultado de nossa proposta, além de bloquear o conteúdo imediatamente para quem está usando o nosso proxy, ainda podemos avisar a polícia e a ISS que novos conteúdos estão sendo disponibilizados independentemente de qual seja a URL de origem, mesmo que esta seja alterada. Este tipo de rotulação pode também auxiliar a polícia em operações de busca e apreensão e identificação de ASCA, pois amplia os mecanismos que existem atualmente, baseado principalmente na identificação de hash criptográficos que devem ser conhecidos a priori.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022