Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Tarciso Silva de Andrade Filho

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • investigação de sistemas biológicos em nanoescala
  • A estrutura deste projeto de pesquisa contempla os seguintes pontos a seguir: Realizaremos cálculos teóricos para investigar as propriedades eletrônicas e estruturais de nanotubos forma- dos pelo dipeptídeo fenilalanina-triptófano (FT). A investigação das propriedades eletrônicas e estruturais deste nanotubo levando em consideração a presença e ausência de moléculas de água confinadas no interior do tubo, proporcionará informações sobre a estabilidade estrutural, possível estruturação e comportamento eletrônico deste sistema. Através destas informações, poderemos especular possíveis aplicações científicas e tecnológicas a serem dadas a este sistema nanométrico. Por fim, estudaremos o processo de funcionalização não-covalente do grafeno por resíduos e nanoestruturas de FF e ácidos graxos. A funcionalização não-covalente proporciona a este e outros sistemas grafíticos propriedades eletrônicas diferentes ao sistemas não funcionalizados sendo que este processo pode ser explorado em aplicações em sensores e dispositivos eletrônicos. Ademais, essas estruturas modificadas quimicamente poderiam ser utilizadas com o objetivo de facilitar a interação com sistemas biológicos e assim, sensores com alta seletividade poderiam se produzidos. A pesquisa que pretendemos desenvolver neste projeto será de cunho teórico. Para validação dos resultados calculados para as nanoestruturas peptídicas usaremos os resultados experimentais disponíveis. Para o caso dos sistemas envolvendo grafeno, em especial, as informações advindas com os cálculos teóricos serão validadas com observações experimentais obtidas pelos pesquisadores experimentais envolvidos no projeto. Os cálculos serão realizados usando o método da Teoria do Funcional da Densidade (DFT) e o método Tight-Binding baseado na DFT (DFTB).
  • Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará - PA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021
Foto de perfil

Tarin Cristino Frota Mont Alverne

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • estratégias para a gestão sustentável de resíduos plásticos nos mares e oceanos: contribuições para um diálogo entre o nacional, regional e internacional
  • O objetivo geral da pesquisa é contribuir para a promoção de políticas públicas de gestão sustentável dos resíduos plásticos nos oceanos e mares. Especificamente, o projeto busca fornecer sugestões concretas relativas à problemática dos plásticos, que afeta a saúde dos mares e oceanos, como também dos seres humanos, na elaboração e adaptação de políticas públicas brasileiras, mas também no contexto da governança regional e internacional. Além da perspectiva nacional ou estatal, devem ser igualmente consideradas as articulações e interações com outras políticas públicas ligadas diretamente ou indiretamente à questão dos plásticos, como políticas sobre mudanças climáticas, comércio internacional, tributária, energia, resíduos sólidos, assim como políticas de saúde. Ademais, o projeto visa fortalecer a pesquisa sobre a temática nas universidades parceiras, identificando os desafios institucionais e jurídicos que estão relacionados a essa temática. Este projeto permitirá ainda a formação de pesquisadores especializados em questões acerca da gestão sustentável dos resíduos de plásticos capazes de trabalhar de forma interdisciplinar com a temática. Na medida em que for possível elaborar políticas públicas para a gestão sustentável dos resíduos plásticos, o projeto poderá contribuir com estratégias nacionais e internacionais para o Brasil com relação aos mares e aos oceanos.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Tatiana Bendo

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • efeito da adição de camada enriquecida com molibdênio sobre o comportamento tribológico de compósito autolubrificante fe-0,6c-3sic.
  • As atividades de pesquisa propostas neste trabalho visam a investigação do desempenho da deposição/crescimento de camadas sobre amostras de material compósito autolubrificante (Fe + 0,6C + 3SiC) produzidas por metalurgia do pó (MP). As amostras serão produzidas a partir da moldagem de pós por injeção (MPI) e sinterização concomitante com enriquecimento da superfície com molibdênio. Esse processo é realizado em descarga luminescente em regime anormal, usando a configuração ânodo-cátodo confinado. Nesta configuração a amostra funciona como ânodo, sendo que o cátodo pode ser construído de algum material metálico que se deseja enriquecer a amostra, no presente caso, o cátodo para enriquecimento com molibdênio é construído de Mo puro (liga TZM – 99,8 % em massa de Mo). Através da pulverização catódica, utilizando condições de plasma adequadas, é possível introduzir elementos metálicos na fase gasosa e promover o enriquecimento superficial com estes elementos químicos na superfície da amostra. Nesse processo é obtida uma camada de alguns micrometros, enriquecida com o elemento de liga Mo, que por sua vez, gera endurecimento dessa região por formação de solução sólida, ou formação de novas fases. Assim, simultaneamente à sinterização a plasma, pode-se gerar no material, uma camada superficial enriquecida com o elemento de liga, com propriedades melhoradas, mantendo-se o núcleo (substrato) dúctil e tenaz. Esta modificação microestrutural da superfície pode ser interessante do ponto de vista tecnológico, pois se tem a melhoria das propriedades mecânicas somente na superfície, onde os componentes sofrem, principalmente, a ação de desgaste por movimento relativo ou corrosão. Além disso, também para fins comparativos, serão produzidas amostras onde o volume total da amostra tem a mesma composição química da superfície das amostras enriquecidas (Fe + 0,6C + 3SiC + xMo). O objetivo do trabalho é avaliar as modificações microestruturais obtidas com o enriquecimento superficial de materiais autolubrificantes e como elas afetam as propriedades do material. Para isso, as amostras serão analisadas por microscopia ótica (MO), microscopia eletrônica de varredura (MEV) e de transmissão (MET). A análise das fases presentes se dará por difração de raios X. Também serão realizadas medidas de densidade, microdureza e interferometria ótica. Por fim, serão realizados ensaios tribológicos para avaliar a durabilidade e o coeficiente de atrito das amostras.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Tatiana de Arruda Campos Brasil de Souza

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • caracterização estrutural e funcional de l-asparaginase humana modificada, asrgl1-g10
  • Enzimas asparaginases são um dos componentes essenciais ao tratamento da leucemia linfoide aguda nos últimos 40 anos. Uma asparaginase atua fazendo a depleção da asparagina circulante no plasma, a qual é essencial para a sobrevivência das células leucêmicas. Em contraste às células normais, essas células tumorais apresentam deficiência na habilidade em sintetizar de novo a asparagina e dependem do aminoácido extrínseco a elas para sua proliferação. Atualmente três asparaginases são utilizadas terapeuticamente: L-asparaginase II nativa de Escherichia coli, uma forma PEGuilada dessa enzima e L-asparaginase isolada de Erwinia chrysanthemi. As asparaginases bacterianas estão associadas a diversos efeitos colaterais em virtude a sua alta toxicidade e imunogenicidade. A inclusão de L-asparaginase humana (ASRGL1) no tratamento da leucemia linfoide aguda poderia solucionar grande parte dos problemas enfrentados com as enzimas bacterianas. Entretanto, constitui-se uma solução desafiadora, pois a enzima humana é somente ativa após uma etapa de autoclivagem, que apresenta uma baixa eficiência in vitro, reduzindo sua atividade enzimática. Nosso grupo desenvolveu a primeira variante de ASRGL1 com capacidade intrínseca de hidrolisar L-asparagina in vitro com atividade 50 vezes maior que ASRGL1. Esta invenção está depositada no INPI sob o código BR1020180010336 e também junto ao Tratado de Cooperação de Patentes (PCT, internacional), N° BR2019 050017. O emprego de uma L-asparaginase humana no tratamento de LLA implica em diversas vantagens clínicas, sendo a produção de uma asparaginase humana com capacidade autocatalítica otimizada o primeiro passo no caminho para tornar seu uso no tratamento de leucemias uma realidade. A execução da presente proposta permitirá finalizar a caracterização estrutural e funcional dessa molécula inovadora desenvolvida pelo nosso grupo. Essa caracterização é importante para avaliar a estabilidade e toxicidade em estudos pré-clínicos, fundamentais para o invento se tornar efetivamente um medicamento.
  • Fundação Oswaldo Cruz - PR - Brasil
  • 05/12/2019-31/12/2021
Foto de perfil

Tatiana de Castro Amato Locatelli

Ciências Humanas

Psicologia
  • educação para redução de riscos do uso de álcool por adolescentes: desenvolvimento de um programa brasileiro.
  • Diante da lacuna de programas preventivos alinhados ao modelo educacional brasileiro, este projeto tem por objetivo desenvolver atividades para compor um programa brasileiro voltado para redução dos riscos relacionados ao consumo de álcool por adolescentes a partir dos seguintes objetivos específicos: (1) consolidar as bases teóricas do programa (2) estruturar atividades que irão compor o programa brasileiro a ser desenvolvido, em conformidade com as exigências técnico científicas, as necessidades da nossa cultura e da educação pública do 8º ano do ensino fundamental II. A pesquisa será dividida em duas etapas subsequentes sendo a primeira uma revisão integrativa da literatura científica internacional sobre as bases teóricas de programas educacionais sobre álcool e a realização de um Learning Alliance (parte 1) para construção da proposta preventiva, a partir da formação de um comitê consultivo com pessoas envolvidas com o público alvo da intervenção (estudantes, familiares, professores, diretores, coordenadores pedagógicos e outros funcionários da escola, especialistas e gestores de políticas públicas). A segunda etapa terá como base a pesquisa-ação, que está dividida em dois tipos de atividades: oficinas pedagógicas nas escolas, onde serão criadas e avaliadas as ações práticas que irão compor o programa e a continuação do Learning Alliance (parte 2) para consolidação das ações que foram testadas nas oficinas. Além de contribuir com a literatura científica na área, o projeto desenvolverá uma proposta para responder a uma lacuna da educação brasileira relativa a educação sobre álcool.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022