Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Sergio Ossamu Ioshii

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • um sistema computacional para padronização do diagnóstico imuno-histoquímico de lâminas digitalizadas de pacientes do sistema único de saúde portadoras de câncer de mama.
  • Trata-se de projeto de desenvolvimento de sistema para análise semiautomatizada ou automatizada de características imuno-histoquímicas de câncer de mama de pacientes do sistema único de saúde tratados em hospital oncológico de referência no estado do Paraná. O câncer de mama é a segunda neoplasia mais frequente nas mulheres. Seu tratamento tem possibilitado a sobrevida maior das melheres e esta melhoria está relacionada ao estadiamento clínico-patológico adequado e detecção de marcadores morfológicos e moleculares específicos, em que a imuno-histoquímica tem papel relevante. Entretanto a metodologia é muito dependente do conhecimento do patologista avaliador, podendo sofrer grande variabilidade de laboratório para laboratório, podendo resultar em prejuízo ao tratamento. A digitalização das lâminas de patologia e de imuno-histoquímica tem possibilitado uma mudança neste cenário de variação na interpretação, com a aplicação de ferramentas computacionais de análise de imagens, qualitativamente e quantitativamente. Tais ferramentas já existem no setor privado de saúde. Este projeto tem objetivo de desenvolver um sistema que seja de livre acesso para as análises dos pacientes do sistema único de saúde, assim favorecendo um grande número de pessoas acometidas desta enfermidade.
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PR - Brasil
  • 10/11/2018-30/11/2021
Foto de perfil

Sérgio Paulo Campana Filho

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • membranas quitosana reforçadas com "whiskers" de beta-quitina e com hidroxiapatita ou laponita para regeneração óssea
  • Gládios de lulas serão a matéria-prima para extração de beta-quitina, a qual será submetida a tratamento ácido para produção de "whiskers". Quitosana será produzida por aplicação do processo de desacetilação assistido por irradiação de ultrassom de alta intensidade (DAIUS). Filmes e membranas serão produzidos a partir de suspensão aquosa concentrada de "whiskers" de beta-quitina e quitosana. Os polímeros, a saber beta-quitina e quitosana serão caracterizados quanto a estrutura química e propriedades físico-químicas enquanto os biomateriais serão caracterizados quanto a propriedades físico-químicas e mecânicas e também quanto à susceptibilidade a lisozima, citotoxicidade e atividades anti-microbianas por ensaios in vitro.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022