Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Taís Kalil Rodrigues

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • estudo da dinâmica do litoral de sergipe e sua vulnerabilidade ambiental a eventos oceanográficos extremos,utilizando o sistema de modelagem costeira (smc- brasil)
  • A vulnerabilidade natural dos ambientes costeiros, muitas vezes ampliada por atividades antropogênicas, e a possibilidade de alterações climáticas, com uma maior incidência de eventos climáticos extremos, tornam cada vez mais necessários estudos e ferramentas que ajudem no entendimento sobre o balanço sedimentar e as variações no comportamento da linha de costa. Neste sentido, o Sistema de Modelagem Costeiro (SMC-Brasil), com série temporal de 60 anos (1948 a 2008), executa diferentes modelos numéricos, que permitem realizar análises em curto, médio e longo prazo de uma praia, contribuindo para estudos e planos de gestão litorâneos. Esta pesquisa tem como objetivo compreender a dinâmica litorânea do estado de Sergipe, utilizando o SMC-Brasil, e avaliar a sua vulnerabilidade a eventos oceanográficos extremos.A combinação de eventos de tempestades com marés meteorológicas positivas, marés astronômicas de sizígia e valores extremos de espraiamento de onda, pode resultar em situações de alto risco para ecossistemas e propriedades, com grandes impactos para o litoral estudado, que atualmente já apresenta uma alta vulnerabilidade à erosão costeira. Assim, acredita-se que o entendimento das condições morfodinâmicas e ambientais das praias estudadas, com o auxílio do SMC, resultará em ferramentas para a gestão litorânea, a fim de evitar o comprometimento de seus recursos naturais, ecológicos e paisagísticos.
  • Universidade Federal de Sergipe - SE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2021