Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Augusto Schneider

Outra

Biomedicina
  • senescência celular e seu papel no envelhecimento ovariano em camundongos
  • Folículos ovarianos são importantes componentes do ovário de um mamífero. A exaustão dos folículos resulta na menopausa e no final da vida reprodutiva feminina, o que ocorre aproximadamente aos 50 anos de idade em mulheres. No entanto, muito antes da menopausa a diminuição desta reserva ovariana está associada a redução da fertilidade. O eixo somatotrópico, constituído pelo hormônio do crescimento (GH) e fator de crescimento semelhante a insulina (IGF-I), é essencial para o crescimento somático e função ovariana. Interessantemente, animais deficientes em GH ou seu receptor tem um aumento da longevidade, de maneira semelhante ao observado em animais submetidos a restrição calórica e tratamento com rapamicina. Estes animais com envelhecimento retardado possuem um menor numero de células senescentes, que são células que não replicam e secretam fatores pró-inflamatórios. Em comum entre estas estratégias anti-envelhecimento está a menor ativação da via da insulina e FOXO3a. O atraso do envelhecimento como um todo tem sido associado a um atraso na ativação da reserva ovariana e, portanto, um maior estoque ovariano em idades avançadas. Baseado em nossos resultados preliminares o objetivo da presente proposta é caracterizar a reserva ovariana e presença de células senescentes ovarianas em camundongos submetidos a tratamentos com extensão do tempo de vida (deficientes em GH e GHR, rapamicina e restrição calórica). Além disso, este projeto irá avaliar o papel do fator de transcrição FOXO3a na ativação de folículos primordiais nestes modelos, além do perfil de expressão gênica da via de sinalização de insulina e de microRNAs associados ao envelhecimento ovariano. Para estudo serão coletados ovários de animais Ames dwarf (df/df), deficientes em GH, GHRKO (deficientes em receptor de GH), submetidos a restrição calórica de 30% e tratados com rapamicina. Os ovários serão avaliados quanto ao número de folículos primordiais, primários, secundários terciários, para observação da transição entre o estágio de dormência e crescimento. Além disso, será realizada a imunofluorescência para a proteína FOXO3a, FOXO3a fosforilada e H2FaX, uma indicadora do dano ao DNA, presença de macrófagos e células senescentes. Também será avaliada a expressão gênica de genes relacionados a sinalização da insulina/IGF-I e de alguns miRNAs. Assim o estudo destes modelos animais e o seguimento destes experimentos de fisiologia básica, irá ajudar a compreender como se dá o envelhecimento e esgotamento das reservas ovarianas e pode levar ao desenvolvimento de fármacos que mimetizem as vias metabólicas estudas e possam auxiliar na preservação da reserva ovariana e aumento da fertilidade. Consideramos este objetivo importante visto o aumento da expectativa de vida da população, com maior proporção de mulheres vivendo na pós-menopausa, e também visto que cada vez mais mulheres optam por conceber em idades mais avançadas, quando já experenciam um declínio da fertilidade natural associado ao declínio da reserva ovariana.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Augusto Schrank

Ciências Biológicas

Genética
  • estudo de quitinases no fungo entomopatogênico e acaricida metarhizium anisopliae
  • Quitinases são glicosil hidrolases da família 18 (GH18) as quais hidrolisam quitina liberando subunidades de N-acetilgicosamina. A quitina é um dos polímeros mais abundantes na natureza e compõe o exoesqueleto de artrópodes e a parede celular de fungos. Entre as possíveis funções das quitinases de fungos estão: o remodelamento da parede celular fúngica durante o crescimento e a diferenciação nos tipos celulares distintos apresentados por estes microrganismos durante o seu ciclo de vida; a dissolução do exoesqueleto dos hospedeiros auxiliando no mecanismo de infecção destes fungos ou simplesmente na nutrição. Uma análise do genoma de M. anisopliae resultou na detecção de 24 genes putativos para quitinases, além dos 3 genes previamente descritos por nosso grupo. A predição destes genes foi validada pela detecção da presença dos transcritos respectivos em ensaios de RT-PCR e algumas quitinases também foram detectadas por espectrometria de massas em sobrenadantes de cultivo deste fungo. Como a função de cada um dos membros desta família de proteínas é ainda desconhecida, a análise do perfil transcricional dessas quitinases em diferentes tipos celulares auxiliará na escolha de candidatos para construção de mutantes funcionais. Os resultados obtidos indicam a expressão diferencial de transcritos destas quitinases putativas nas diferentes condições de cultura. De maneira geral, as quitinases que apresentam maiores níveis de transcritos são: (i) do subgrupo A chiMaA1, chiMaA4 e chiMaA7; (ii) do subgrupo B chiMaB1, chiMaB2, chiMaB4 e chiMaB7; (iii) do subgrupo C chiMaC4 e (iv) do subgrupo D chimaD1 e chiMaD3. As diferenças observadas entre os níveis de transcritos das 24 quitinases indicam a ausência de um padrão de indução/repressão da expressão aplicável para todos os representantes dessa família de proteínas, o que indica que essas enzimas não são totalmente redundantes. Algumas das quitinases que apresentaram perfis de expressão diferenciados já foram selecionadas para construção de mutantes nulos para realizar um estudo funcional dos respectivos genes. Estamos implantando um sistema CRISP-Cas9 para acelerar a construção dos mutantes funcionais. Os mutantes serão analisados para determinar as suas possíveis funções e relação com o processo de infecção do fungo.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Augusto Wagner Menezes Teixeira Júnior

Ciências Humanas

Ciência Política
  • como o balanceamento da rússia contra os estados unidos afeta a balança de poder do entorno estratégico brasileiro?
  • O projeto versa sobre como o balanceamento da Rússia aos Estados Unidos afeta a balança de poder do Entorno Estratégico Brasileiro. O balanceamento será analisado através do comportamento de díades, representadas pelo Eixo Estados Unidos-Colômbia e Rússia-Venezuela. A investigação buscará analisar os efeitos destas interações para o sistema de alinhamentos, distribuição de capacidades militares e impacto nas Barganhas Militarizadas Interestatais. A metodologia utilizada combina estratégias de pesquisa e dados qualitativos e quantitativos. O desenho de pesquisa é o Estudo de Caso como Comparação. Com a coleta e análise de dados quantitativos iremos utilizar estatística descritiva. A hipótese da pesquisa supõe que entre 2000 e 2015 teria ocorrido uma erosão do Complexo Regional de Segurança Sul-Americano, explicado por dinâmicas de penetração. Este processo, reduz as condições de segurança e impacta negativamente no equilíbrio de poder do Entorno Estratégico Brasileiro.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aura Conci

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • desenvolvimento de aparato auxiliador no treinamento e execução de procedimentos anestésicos e na punção lombar
  • Tanto a punção lombar como a anestesia peridural e raquidiana requerem a utilização de uma agulha que é introduzida entre as vértebras até o local desejado. Esses são procedimentos cegos (uma vez que o médico não é capaz de ver o interior do corpo do paciente). A punção tem como objetivo a coleta do líquido cefalorraquidiano (líquen) na medula espinhal. A anestesia peridural (ou epidural) é um tipo de anestesia aplicada no espaço peridural da coluna vertebral, sem perfurar a dura-máter (membrana que envolve o cérebro e a coluna) e, portanto, sem atingir o líquen (líquido que banha o cérebro e a medula espinhal). A punção lombar é utilizada para exame citológico e também na quimioterapia, com a finalidade de impedir o aparecimento (profilaxia) de células leucêmicas. Dois dos tipos de anestesia mais comuns são a peridural e a raquidiana, especialmente por serem usadas no parto ou em outras ocasiões onde o paciente deve ficar insensível à dor, da cintura para baixo, mas precisa ou pode permanecer consciente durante todo o processo. O anestesista (ou anestesiologista) é o responsável por esse procedimento, também no pós-cirúrgico ou no pós-parto. Em todos esses procedimentos uma agulha é inserida entre as vértebras pelas costas. Os fluidos passam a ser aplicados ou retirados, quando a agulha estiver inserida na posição correta. Para ampliar o espaço entre as vértebras nas costas e permitir a inserção mais fácil da agulha, o paciente deve se curvar para frente (deitado de lado ou sentado, com as costas curvadas). O médico acessa o espaço intervalo intervertebral escolhido pelas costas, tanto podendo ser a nível cervical, torácico, lombar ou sacral. A área é preparada com técnica asséptica. Na anestesia epidural, a agulha deve penetrar até encontrar a resistência do ligamento amarelo, a qual deve ser vencida para atingir-se o espaço peridural, onde o anestésico é injetado, ou seja, na periferia das "envoltórias" que guardam a medula espinal, local por onde passa a informação da dor que é levada ao cérebro, pela membrana dura-máter, que constitui a capa interior das meninges. O anestésico pode ser aplicado em dose única, pode ser repetido ou ser usado de forma contínua durante todo o procedimento, o que exige a colocação de um cateter que permanecerá no local durante todo o tempo da anestesia. Alguns minutos após a injeção do anestésico, a pessoa deixará de sentir determinadas partes do corpo (geralmente da cintura para baixo), em virtude da anestesia das raízes nervosas correspondentes. Na punção lombar o paciente normalmente é colocado de lado com pescoço dobrado numa flexão completa e os joelhos encostados no tórax, em forma fetal. Uma vez que o local apropriado estiver localizado, a agulha espinal é inserida entre as vértebras lombares L3/L4 ou L4/L5. O estilete da agulha espinal é retirado e são recolhidas gotas de fluido cérebro-espinhal. A técnica descrita é quase idêntica à usada na anestesia peridural, exceto pela posição do paciente, localização da agulha e diversos usos das sensações de resistências dos tecidos. A punção também pode ser feita com o paciente em posição ereta (preferida quando realizada em paciente obeso), quando há menos distorção da anatomia espinal, o que permite retirada mais fácil de fluido. A localização e a profundidade da agulha, bem como a forma de injeção ou retirada dos fluidos são fatores muito importantes para o sucesso efetivo destes procedimentos. Mesmo tendo sido praticada durante décadas, a taxa de falhas de tais processos permanece muito alta, com consequências para o paciente que podem chegar à paralisia e mesmo à morte. A fim de reduzir a taxa de insucesso, esse projeto considera o desenvolvimento de uma agulha com sensores especiais e o uso de simuladores virtuais ou hápticos para apoiar a capacitação nestes procedimentos. O treinamento de profissionais para procedimentos médicos, quando realizado diretamente em ambientes reais, é algo bastante custoso, envolvendo riscos tanto para o médico quanto para o paciente. Uma das formas de reduzir esses riscos e custos é através do uso de simuladores. Nas simulações, situações e ambientes mais próximos aos reais proporcionam condições e experiências de maior qualidade resultando em um treinamento eficaz. Uma das formas de tornar os ambientes de simulações mais reais é através do uso de dispositivos hápticos, que podem ser utilizados para proporcionar sensações táteis e forças de retorno, permitindo, por exemplo, a sensibilidade correspondente a texturas e resistências de diversas estruturas do corpo. Por exemplo, a localização do espaço epidural lombar correto é guiada pela técnica LOR do termo “perda de resistência” (em língua inglesa: Loss of Resistance) e, se baseia na observação de que o local correto para a aplicação da anestesia oferece uma resistência muito menor dos tecidos à introdução da agulha. A fim de evitar puncionar a membrana dura-máter, a agulha epidural tem ponta curva (denominado agulha Tuohy). O uso do háptico melhora a sensação das reações dos tecidos sendo primeiro, na inserção da agulha, modelado a reação dos tecidos ao seu deslocamento e depois, à medida em que os diversos tecidos são ultrapassados, é modelada a região onde ocorre a perda de resistência e há a possibilidade de administrar a anestesia. Os diversos tecidos envolvidos (camadas de ligamento, espaço epidural e dura-máter supra-espinhal) devem ser incluídos no modelo mecânico desenvolvido para representação da inserção da agulha; ou seja, nos modelos constitutivos de cada tecido envolvido no procedimento de modo a representar a resistência ao movimento da agulha como uma função da profundidade e posição no corpo do paciente.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aurelio da Costa Sabino Netto

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • redução de resíduos de pmma utilizado em indústrias de produtos eletroeletrônicos
  • Vide projeto anexo
  • Instituto Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aurélio José Antunes de Carvalho

Ciências Agrárias

Agronomia
  • cvt fundos de pasto: estratégias de convivência com o semiárido por meio de agroecossistemas sustentáveis em comunidades tradicionais
  • Trata-se de um CVT para difusão de pesquisa, extensão agroecológica com foco na educação do campo junto à Comunidades de Fundo de Pasto no semiárido da Bahia. Abarcando área territórios circunvizinhos como Sisal, Piemonte Norte Itapicuru, Sertão do São Francisco disjunto como território do Velho Chico, que guarda entre si similaridades do modus vivendi destas comunidades, buscando o desenvolvimento de tecnologias sociais de convivência com o semiárido, possibilitando a conservação do bioma caatinga. Dentro de uma concepção inter-geracional, de solidariedade de buscando alternativas ao sobre pastoreio sob bases agroecológicas, conservação de raças crioulas, recaatingamento, implementação de cursos FIC diante do cenário de mudanças climáticas.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano - BA - Brasil
  • 01/12/2017-31/10/2020
Foto de perfil

Aurelio Ribeiro Leite de Oliveira

Engenharias

Engenharia de Produção
  • solução problemas de programação matemática de grande porte via métodos de pontos interiores
  • Desde o surgimento dos métodos de pontos interiores para otimização linear, códigos computacionais baseados nessas ideias se consolidaram como alternativas eficientes para solução de problemas de grande porte. Três linhas de pesquisa se destacam na busca desta eficiência: A redução do tempo computacional por iteração através da solução eficiente dos sistemas lineares necessários para calcular as direções; a redução do número de iterações para obtenção da convergência do método; e o desenvolvimento do métodos para problemas específicos com estruturas particulares. Estas três linhas de pesquisa são abordadas neste projeto. A primeira está baseada principalmente da utilização de métodos iterativos na solução dos sistemas lineares oriundos desses métodos. A segunda depende mais fortemente de um estudo teórico dos métodos. A terceira explora características particulares dos problemas escolhidos.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aurélio Rubio Neto

Ciências Agrárias

Agronomia
  • desenvolvimento de um biorreator de imersão temporária de baixo custo para produção in vitro de mudas de cana-de-açúcar
  • O estímulo à produção da cultura da cana-de-açúcar no Brasil pressiona o desenvolvimento de novas tecnologias que atendam a demanda do mercado. Novas técnicas de produção de mudas têm sido estudadas, com destaque para o cultivo in vitro utilizando biorreatores de imersão temporária (BIT). Esse sistema possui inúmeras vantagens práticas e econômicas, além de promover ganhos fisiológicos. Esse projeto prevê a confecção de um novo BIT, bem como, a comprovação de sua eficiência produzindo e aclimatizando as plântulas. Para isso, serão confeccionadas vedações de alumínios que permitirão a criação desse novo sistema com elevada eficiência e baixo custo de instalação. Posteriormente, ápices caulinares de cana serão cultivados no BIT e com o restante da planta, será produzido substrato alternativo. Será avaliado o efeito do enriquecimento com CO2 atmosférico no interior dos frascos de cultivo do BIT, a fim de suprimir a necessidade de sacarose no meio, tornando a produção de mudas mais econômica e as plântulas com comportamento fotomixotrófico. A eficiência do sistema proposto na multiplicação dos brotos será avaliada pela comparação de sistema desenvolvido com o BIT já utilizado pela Universidade da Flórida. Plântulas produzidas serão aclimatizadas em substrato alternativo utilizando misturas de substrato comercial com bagaço de cana tornando a produção de mudas sustentável. Espera-se ao final projeto, que haja além da intensificação de pesquisas e aumento da produtividade científica pelo requerente, o aumentando da visibilidade dos centros de pesquisa e empresas envolvidas, formação de recursos humanos e maiores informações científicas referente a produção de mudas de cana.
  • Instituto Federal Goiano - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aurenivia Bonifácio de Lima

Ciências Agrárias

Agronomia
  • estresses abióticos múltiplos e seus efeitos nas trocas gasosas, nos solutos orgânicos e na atividade e expressão de genes de enzimas antioxidantes em leguminosas c3 e gramíneas c4
  • As plantas estão adaptadas a conviverem com certos níveis de espécies reativas de oxigênio (EROs), entretanto o acúmulo destes nos tecidos vegetais pode levar a toxicidade, morte celular e, consequentemente, redução na produtividade. As EROs são formas reduzidas do oxigênio molecular extremamente reativas presentes na célula vegetal como subprodutos normais do metabolismo e mantidas em condições controladas pela ação coordenada de um complexo sistema de antioxidantes enzimáticos e não-enzimáticos existente na célula vegetal. As condições ambientais estressantes, tais como salinidade, déficit hídrico e calor, causam desbalanço entre a produção e remoção destas EROs e o saldo final pode ser uma elevação dos níveis de EROs, ou seja, o estresse oxidativo. Estudos sobre a diferença nas respostas antioxidativas de plantas C3 e C4 quando submetidas aos estresses ambientais ainda despertam crescente interesse na comunidade científica. Sabe-se que plantas C4 apresentam adaptações anatômicas (anatomia Kranz) e bioquímicas (duas vias de carboxilação que utilizam a fosfoenolpiruvato carboxilase e a Rubisco) que conferem baixa taxa de fotorrespiração, um grande sitio de produção de EROs, em relação às plantas C3 e, portanto, apresentam-se mais adaptadas à alguns tipos de estresses ambientais; entretanto, ainda existem lacunas acerca da integração entre o mecanismo fotossintético C4 e o metabolismo antioxidativo uma vez que a maioria dos estudos acerca do sistema redox vegetal é feita em plantas com metabolismo C3. Neste contexto, o presente projeto objetiva avaliar as respostas fisiológicas e bioquímicas de leguminosas C3 e gramíneas C4 submetidas ao estresse salino e hídrico isolados ou combinados com alta temperatura com base na fotossíntese, na concentração de solutos orgânicos e antioxidantes e na atividade e expressão gênica de enzimas pertencentes ao sistema antioxidativo. Quatro experimentos com três plantas com metabolismo fotossintético do tipo C3 (feijão-fava, feijão-caupi e feijão-mungo e três plantas com metabolismo fotossintético do tipo C4 (milho, sorgo e cana-de-açúcar) serão realizados. Nos dois primeiros experimentos, as plantas serão testadas frente a níveis crescentes de estresse salino e hídrico visando determinar os níveis críticos destes estreses para estas plantas com base na alteração nas trocas gasosas, processos fotoquímicos, pigmentos fotossintéticos e nos níveis de solutos orgânicos e inorgânicos. No experimento III, as alterações nas trocas gasosas e processos fotoquímicos, nos indicadores de estresse oxidativo, no nível de antioxidantes e na atividade de enzimas antioxidativas das plantas em resposta ao estresse salino e hídrico serão avaliadas. Os três primeiros experimentos serão conduzidos em condições de casa de vegetação, enquanto que o último experimento será realizado em ambiente controlado e avaliará o efeito da combinação do estresse salino ou hídrico com altas temperaturas. Para este experimento, uma leguminosa C3 e uma gramínea C4 serão selecionadas para serem expostas à combinação do estresse salino ou hídrico com altas temperaturas. Estas plantas serão avaliadas quanto aos indicadores de estresse oxidativo, nível de antioxidantes e atividade de enzimas antioxidativas. A atividade em gel e expressão gênica das enzimas antioxidativas também será mensurada no experimento IV. As trocas gasosas e a florescência da clorofila a serão mensuradas em todos experimentos visando avaliar as respostas das plantas à exposição aos estresses isolados e combinados. No campo das contribuições cientificas, os resultados da presente proposta são de fundamental importância para o conhecimento das respostas fisiológicas e bioquímicas de culturas de leguminosas C3 e gramíneas C4 em respostas à estresses abióticos comumente encontrados na região Nordeste, principalmente acerca dos mecanismos de ajustamento osmótico e defesa antioxidativa, e poderá disponibilizar informações úteis em programas de melhoramento das culturas escolhidas. Considerando a importância agronômica das espécies escolhidas para o presente estudo, o melhor conhecimento da fisiologia destas plantas poderá auxiliar no manejo e cultivo das mesmas nas condições edafoclimáticas da região Nordeste, ou seja, na melhoria da adaptação destas espécies vegetais aos ambientes adversos. Além disso, os resultados podem auxiliar produtores a investirem adequadamente no manejo das culturas estudadas neste projeto em áreas com solos salinos ou com baixas taxas de precipitação e/ou fornecimento insuficiente de água.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aureo Eduardo Magalhães Ribeiro

Ciências Agrárias

Agronomia
  • água, energia e segurança alimentar nas feiras livres dos cerrados do vale do jequitinhonha mineiro
  • As feiras livres semanais que acontecem nos centros urbanos do vale do Jequitinhonha são pontos de encontro entre cultura, produção e consumo de alimentos nesta sociedade fundamentalmente rural. A produção agrícola familiar que garante o abastecimento seguro e soberano aos consumidores urbanos resulta de esforços de gestão, aquisição e racionalização do uso da água nesta região situada na entrada do Semiárido brasileiro; e, quanto mais a escassez se acentua no correr das estações e dos anos, mais importante se torna a energia que assegura o acesso e a distribuição de água. Este projeto, lastreado na parceria de um conjunto de instituições de ensino, pesquisa e desenvolvimento rural, tem por objetivos (i) realizar estudos para dimensionar e compreender as dinâmicas de uso de água e energia na produção de agricultores feirantes que asseguram o abastecimento alimentar de pequenas cidades do Território do Alto Jequitinhonha, e (2) desenvolver, a partir dos resultados da pesquisa, ações de extensão com o propósito de identificar e/ou construir, em conjunto com os agricultores, inovações tecnológicas e sociais que racionalizem os usos da água e da energia na produção.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 05/12/2017-31/12/2020
Foto de perfil

Aureo Eduardo Magalhães Ribeiro

Ciências Agrárias

Agronomia
  • a agricultura familiar e as secas: adaptações e inovações na gestão da água no semiárido de minas gerais em situações de escassez.
  • A partir da década de 1990 agricultores do semiárido de Minas Gerais observaram que o tempo mudava: menos água, incerteza das chuvas, excesso de precipitações, perda de capacidade dos ribeirões, córregos e rios em abastecer as comunidades e cidades, garantir água para produzir alimentos e assegurar aporte contínuo de água aos rios principais. Essas percepções locais, baseadas no conhecimento advindo da proximidade entre as atividades cotidianas e o meio, conduziram a mobilizações sociopolíticas que resultaram na criação de programas de tecnologias sociais e noutras intervenções públicas paliadoras, que têm apresentado peso significativo nas contas públicas. Este projeto tem como objetivo identificar, no cenário de restrições na oferta da água dos anos 2013 a 2015 no semiárido de Minas Gerais, as modificações e adaptações conduzidas por grupos de agricultores familiares tradicionais em sistemas de abastecimento doméstico, em modos de governança dos recursos hídricos, em sistemas de produção de alimentos e técnicas de conservação de água. Busca traçar um panorama produtivo, cultural e territorial das atitudes deste segmento estratégico e específico da população rural para orientar programas de extensão e ações propositivas do setor público e da sociedade civil. A metodologia de pesquisa reúne instrumental das ciências sociais, agrárias, ambientais e sociais aplicadas, procurando integrar a equipe de pesquisadores em plataformas holísticas de investigação que apontem rumos para inovar no tratamento de questões cruciais para um grupo que representa 85% da população rural brasileira e para um tema que – num cenário de mudanças climáticas – se desenha com assustadora atualidade.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aurigena Antunes de Araujo

Ciências da Saúde

Odontologia
  • nanopartículas de ácido poli lático-co-glicólicofluorescentes para vetorização da metformina: terapia alvo na doença periodontal em ratos diabéticos
  • Existe uma correlação estabelecida entre diabetes e doença periodontal. O uso de hipoglicemiantes orais tem um importante papel no controle dos níveis glicêmicos do diabete tipo II, e conseqüentemente, pode apresentar benefícios na doença periodontal, uma vez que dados da literatura demonstraram que a metformina tem demonstrado um efeito pleiotrópico antiinflamatório. Ao se veicular a metformina a um sistema de nanoparticulado de polímeros biodegradáveis pode-se apresentar a vantagem de aumento da eficácia terapêutica; liberação prolongada e controlada; diminuição da toxicidade bem como diminuição da instabilidade e decomposição da metformina. Dessa forma o objetivo desse estudo consiste na obtenção, caracterização e avaliação da atividade antiinflamatória e redução da perda óssea de uma nanopartícula de ácido poli lático-co-glicólico (PLGA) ligado covalentemente ao isotiocianato de fluoresceína (FITC) com a incorporação da polietilenoimina (PEI) para ligação a metformina (MET). A biocompatibilidade do produto (PLGA-FTIC-PEI-MET) será analisada por microscopia confocal, e será utilizada em ensaios experimentais in vivo como Terapia alvo na doença periodontal em ratos diabéticos. Após indução da doença periodontal e diabetes em ratos wistar será administrada PLGA-FTIC-PEI-MET. Após o tratamento amostras de maxila serão utilizadas para avaliação clínica da perda óssea, avaliação por imagem da perda óssea por MicroCT e Avaliação histopatológicae imunoistoquímica, imunofluorescencia confocal e histomorfométrica em tecido mineralizado ou desmineralizado. Amostras de gengiva serão utilizadas para análise da atividade da mieloperoxidase, glutationa e citocinas pro-inflamatórias e anti inflamatórias e avaliação da expressão gênica das proteínas envolvidas na diferenciação e atividade dos osteoblastos e suas vias de sinalização.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Auta Stella de Medeiros Germano

Outra

Divulgação Científica
  • produção e avaliação de sessões de planetário voltadas para um público geral
  • É amplamente defendida, na literatura em ensino de ciências, a importância da educação não formal como complemento à educação formal e particularmente como instrumento para formação de uma cultura científica e tecnológica nas sociedades. Contudo, particularmente no que diz respeito a ações de popularização da ciência com planetários, há ainda grande demanda de estudos, tanto no que diz respeito à sistematização de metodologias de produção das sessões, como no que se refere à análise da comunicação estabelecida com o público através das mesmas. É necessário estabelecer um processo que leve a conhecer os sentidos produzidos pelo público e que esse conhecimento possa levar a ajustes nas produções desenvolvidas. Nesse sentido, propõe-se aqui a produção e a avaliação de sessões de planetário digital voltadas para um público geral, apresentadas em Mostras de Astronomia com um Planetário Móvel na capital e em cidades do interior do estado do Rio Grande do Norte (RN). A produção das sessões observará metodologia recentemente produzida no contexto de dissertação de mestrado de membro da equipe do projeto, sob a orientação da coordenadora deste. Tal metodologia é fundamentada principalmente na ideia de popularização da ciência enquanto busca de diálogo entre conhecimentos científico e popular, e em resultados da literatura sobre a aprendizagem em museus, fazendo-se uso do Modelo Contextual de Aprendizagem. A avaliação das sessões considerará não apenas a opinião do público sobre as sessões, mas os significados construídos a partir da comunicação estabelecida com ele. Para isso, serão utilizados Mapas de Significado Pessoal e entrevista, antes e após as sessões, junto a grupos aleatórios de pessoas que fazem parte do público das sessões nas Mostras de Astronomia realizadas com o Planetário. Solicita-se bolsa de Iniciação Científica para apoio na investigação em torno dos significados produzidos pelo público a partir das sessões, bem como bolsa de Apoio Técnico de Nível Superior, para apoio na produção das sessões, por profissional de nível superior com experiência prévia nessa prática e que domine a metodologia a ser aplicada. Solicita-se, ainda, recursos principalmente para manutenção e compra de equipamentos voltados para a produção das sessões, bem como diárias e passagens para a equipe.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Avelino Aldo de Lima Neto

Ciências Humanas

Educação
  • corpo, gênero e sexualidade na educação profissional: cenários epistemológicos e subjetivos
  • O presente projeto nasce da constatação de uma lacuna no campo epistemológico da Educação Profissional e Tecnológica, a saber, a inexpressiva quantidade de estudos sobre corpo, gênero e sexualidade nessa modalidade educativa. O caráter problemático desse diagnóstico acentua-se pela crescente demanda estudantil relacionada a situações de sofrimento vinculadas às questões de gênero e sexualidade. Isto posto, objetiva-se, com esta pesquisa, apontar as implicações epistemológicas e subjetivas provenientes das maneiras por meio das quais a formação integral do cidadão trabalhador articula-se com as questões de gênero e sexualidade no contexto da Educação Profissional. Para tanto, pretende-se responder à seguinte pergunta norteadora: quais as relações entre a formação integral aventada pela Educação Profissional e Tecnológica e o tratamento dado às questões concernentes ao corpo, ao gênero e à sexualidade nas instituições que compõem essa modalidade educativa? A fim de responder tal indagação, a pesquisa empregará metodologia de abordagem qualitativa e referencial teórico que dialoga com o materialismo histórico-dialético, bem como com reconhecidos autores dos estudos de gênero e sexualidade. Almeja-se, como resultado, colaborar para a expansão epistemológica da Educação Profissional, bem como oferecer dados para a reformulação dos Planos de Desenvolvimento Institucionais e dos Projetos Político-Pedagógicos das IES brasileiras nele envolvidas. Aspira-se, igualmente, visibilizar a experiência vivida pelos sujeitos em situações de sofrimento, oferecendo ferramentas para a promoção da sua cidadania por meio da formação integral e omnilateral possibilitada pela Educação Profissional e Tecnológica.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Awdry Feisser Miquelin

Ciências Humanas

Educação
  • o ensino de ciência na escola potencializado pela arte e a tecnologia
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Tecnológica Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 12/08/2019-30/12/2021
Foto de perfil

Ayla Sant Ana da Silva

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • avaliação do processo de liquefação da biomassa lignocelulósica na hidrólise enzimática com alto conteúdo de sólidos
  • Atualmente, o processamento da biomassa via hidrólise enzimática é um método amplamente aceito pela academia e pela indústria para despolimerização da biomassa lignocelulósica em açúcares, fato que vem sendo confirmado pela implantação da rota de hidrólise enzimática em diversas plantas comerciais de produção de etanol celulósico no mundo. No entanto, apesar de a tecnologia já estar sendo experimentada em escala comercial, existem inúmeros desafios que ainda precisam ser avaliados. Um importante desafio está relacionado com o baixo entendimento sobre os fenômenos que ocorrem na hidrólise enzimática com alto conteúdo de sólidos, já que até recentemente grande parte dos estudos avaliou a hidrólise em condições com baixos conteúdos de sólidos, menores que 10%. No entanto, a hidrólise com baixos teores de sólidos é inviável do ponto de vista industrial, porque resulta em produtos diluídos e em maior gasto com capital, se tornando necessário conduzir processos com alto conteúdo de sólidos, preferencialmente superior a 20%. Nas condições com alto conteúdo de sólidos, no entanto, ocorre a diminuição dos rendimentos de conversão da celulose em glicose, devido à alta viscosidade dos materiais fibrosos, que dificulta o desempenho das enzimas. Por isso, preparações enzimáticas que contenham enzimas eficientes para promover a hidrólise parcial nas primeiras horas do processo de hidrólise, chamada de etapa de liquefação, podem melhorar significativamente a transferência de massa em condições com alto conteúdo de sólidos através da rápida fluidificação da mistura. Estabelecer o impacto de cada aspecto na etapa de liquefação é essencial, já que em escalas industriais a rápida fluidificação da biomassa pode se traduzir em uma grande economia de energia. Nesse contexto, a presente proposta tem o objetivo de explorar aspectos inerentes à etapa de liquefação da biomassa lignocelulósica através do estudo do comportamento reológico dos hidrolisados de biomassa submetidos a hidrólise com preparados enzimáticos comerciais e formulados em laboratório, além de avaliar quais enzimas desempenham um papel essencial nessa etapa, correlacionando o efeito observado com a caracterização bioquímica de enzimas selecionadas.
  • Instituto Nacional de Tecnologia - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Aylene Emilia Moraes Bousquat

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • desafios da implementação da rede de cuidado à pessoa com deficiência em diferentes contextos regionais: abordagem multidimensional e multiescalar
  • A relevância das necessidades de saúde da pessoa com deficiência tem crescido expressivamente nos domínios político e social. No Brasil, embora sejam observadas tentativas de aproximação das práticas dos serviços de reabilitação às diretrizes nacionais, pouco conhecimento científico é produzido sobre a gestão, organização e estrutura dos serviços na Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência (RCPCD). Esta proposta objetiva apresentar as influências dos determinantes políticos, estruturais e organizacionais no grau de implementação e funcionamento da RCPCD, bem como sobre sua articulação com as demais redes temáticas e na construção das regiões de saúde. Serão abordadas as formas pelas quais esses diferentes cenários se refletem no cuidado oferecido aos usuários, conforme o princípio constitucional da equidade. Para tanto, será utilizado como ponto disparador o projeto “Política, Planejamento e Gestão das Regiões e Redes de Atenção à Saúde no Brasil - Pesquisa Região e Redes”, que contou com apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico pela chamada MCTI/CNPq/CT-Saúde/MS/SCTIE/Decit nº 41/201, durante o período de 2014 a 2018. Seu desenvolvimento propiciou o surgimento de diversas questões investigativas sobre a RCPCD e, por outro lado, evidenciou sua distância dos processos de regionalização e da construção das redes de saúde, nas diversas regiões visitadas. Em toda a execução da proposta, serão adotados os novos critérios e diretrizes estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Conselho Nacional de Secretários de Saúde e pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde no final de 2017, para o processo de Regionalização do SUS e para a elaboração do Planejamento Regional Integrado (PRI), tendo como meta organizar a Governança das Redes de Atenção à Saúde (RAS) sob a lógica de macrorregiões de saúde. As RAS foram criadas visando modelos de organização da atenção que privilegiem um sistema com integração, coordenação e continuidade do cuidado, baseados na cooperação entre gestores, prestadores e usuários. Seu grau de implantação tem sido inversamente relacionado a problemas estruturais e de organização do sistema de saúde, como a insuficiência de oferta e a ausência de mecanismos robustos de operacionalização da integração vertical. As regiões carecem de complexos reguladores integrados, de tecnologias de informação e comunicação, governança e protocolos clínicos que favoreçam a continuidade do cuidado e o acesso em tempo oportuno. Da mesma forma, a RCPCD deve se pautar em ações e serviços interdependentes e complementares, através da lógica de transmissão de informação entre eles. Portanto, serão centrais para este estudo: a regulação dos serviços de atenção especializada conforme base territorial que atendam pessoas com deficiência temporária ou permanente, progressiva, regressiva, ou estável, intermitente ou contínua, severa e em regime de tratamento intensivo; as articulações e fluxos entre os serviços de atenção especializada em Reabilitação Auditiva, Física, Intelectual, Visual, Ostomias e em Múltiplas Deficiências e os demais pontos da rede de atenção; e as referências entre unidades de diferentes níveis de complexidade, de abrangência local, intermunicipal e interestadual, segundo fluxos e protocolos pactuados. A presente proposta de estudo tem como objetivo analisar e discutir o grau de implementação da Rede de Cuidado à Pessoa com Deficiência, bem como os fatores políticos, organizacionais e estruturais determinantes para seu funcionamento, em diferentes contextos institucionais e regionais. O estudo da implementação da RCPCD poderá contribuir para a compreensão dos processos de pactuações político-administrativas entre as esferas estaduais, regionais e municipais, do processo de organização da regulação assistencial e gestão clínica, e como a demanda por atendimento em reabilitação tem sido manejada frente às novas necessidades de saúde e à manutenção de acompanhamentos de longa duração, levando-se em conta as diferentes características regionais. Esta pesquisa será construída por meio de abordagem multidimensional e multinível, utilizando-se o referencial teórico da análise de políticas de saúde. Identificará as particularidades na RCPCD nas interações entre a burocracia estatal e atores não estatais, e os recursos que mobilizam para explicar o desenho da política e seus resultados distributivos. Seu esquema analítico compreenderá três dimensões (política, estrutura e organização), que serão caracterizadas segundo os condicionantes da dinâmica regional da saúde através dos níveis de atenção à saúde. Serão empregados métodos mistos qualitativos e quantitativos, para melhor entendimento dos dados e análise. Pretende-se utilizar, em cinco estudos locais nas diferentes macrorregiões geográficas do Brasil, uma combinação dos enfoques "top-down" e "bottom-up" para análise de implementação da política de Regionalização nas estratégias de Regulação do acesso à assistência na RCPCD, além do recurso de itinerários terapêuticos.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 30/11/2018-30/11/2020
Foto de perfil

Aylton José Alves

Engenharias

Engenharia de Energia
  • desenvolvimento de tecnologia e estudos técnicos e econômicos, para implantação de sistemas híbridos de geração de energia solar fotovoltaica e aquecimento de água.
  • Sistemas modernos de geração solar fotovoltaica são sistemas que convertem entre 13 a 17% de toda a energia solar neles incidente. A maior parte da energia incidente é convertida em calor, cuja temperatura pode ultrapassar a 70 ºC, sobre telhados, nos dias e horários mais quentes, na maior parte do território brasileiro. A alta temperatura nos painéis solares compromete a eficiência da conversão solar fotovoltaica. A aplicação de água na superfície dos painéis tem sido proposta para diminuir a temperatura de operação, com isso, proporcionando a melhoria da eficiência da conversão solar fotovoltaica. Sistemas de coletores solares tem sido utilizados para aquecimento de água, em substituição a chuveiros elétricos, que impactam seriamente a segurança dos sistemas de geração e fornecimento de energia elétrica, produzindo um acentuado pico de carga nos horários mais comuns de banho da população das grandes cidades. A redução na perda de potência de geração dos módulos, e a produção de água quente para banho, pode ser atingida pela instalação de um sistema conjugado de arrefecimento de painel/aquecimento de água, realidade essa já existente na tecnologia “Photovoltaic/Thermal” (PV/T). Nesta tecnologia utiliza-se de trocadores de calor convencionais compostos de tubulação metálica, que conduz água para o resfriamento do sistema. A água disposta na tubulação recebe calor dos módulos e se aquece, podendo ser utilizada no uso comum para água quente. O trabalho proposto tem como objetivo estudos teóricos e experimentais para o desenvolvimento: do projeto mecânico dos trocadores de calor, dos sistemas eletroeletrônicos de controle da vazão e da temperatura da água, na saída do sistema, que venha a otimizar a produção de energia elétrica no painel fotovoltaico e de água quente no sistema híbrido. A proposta desse trabalho inova, na medida em que pretende, a partir dos estudos propostos, construir um sistema microcontrolado, para programar a vazão e consequentemente a temperatura ou a quantidade de água quente, que proporcione um compromisso, entre a quantidade de água quente e a melhoria da eficiência dos painéis, com isso otimizando a eficiência energética global do sistema conjugado. Um sistema completo de geração solar fotovoltaico com aplicação da referida técnica será construído em adição a um sistema completo de produção e armazenamento de água quente. A água quente produzida deverá ser aproveitada para banho, em quatro banheiros destinados aos funcionários da empresa terceirizada que prestam serviços a instituição de ensino. Os estudos técnicos e econômicos serão conduzidos no sentido de desenvolver uma tecnologia, viável técnica e economicamente, para ser, possivelmente, utilizada em projetos de moradias populares, para tanto, testes comparativos de eficiência energética serão realizados em uma unidade residencial unifamiliar típica.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Ayrton Figueiredo Martins

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • biorrefinaria: insumos químicos a partir da casca de arroz.
  • O uso de casca de arroz para a produção sustentável de produtos químicos prioritários e biopolímeros será estudada sob condições multivariadas. Primeiro, investigar-se-á as diferentes condições de hidrólise (ácida, básica, com diferentes catalisadores, com e sem pressão) e o uso de sonicação. O hidrolisado será usado como substrato para a fermentação (fúngica e bacteriana), sob diferentes condições de processo. Os produtos químicos e biopolímeros produzidos serão extraídos (líquido-líquido, adsorção em fase sólida) e purificado (liofilização, rotaevaporação). Serão avaliados os diferentes tipos de meios de fermentação e suplementação. A determinação cromatográfica será feita com equipamentos de HPLC-(DAD/DIR) e LC-MS.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Azadeh Mohammadi

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • defeitos topológicos e suas aplicações
  • Aqui, propomos um projeto de pesquisa a ser desenvolvido nos próximos três anos. O projeto é dividido em quatro vertentes inter-relacionadas, todas as quais abordam o papel dos defeitos topológicos. O primeiro, que constitui a principal linha da minha pesquisa, é sobre o estudo e construção de modelos solitônicos em diferentes dimensões e com diferentes auto-interações. Além disso, planejamos estudar campos bosônicos e fermiônicos, as distorções de seu espectro de energia devido à interação com o sóliton e os efeitos consequentes, incluindo a polarização a vácuo e o efeito Casimir. O segundo está relacionado à interação kink-antikink e o surgimento de modos quasinormais no sistema. Planejamos considerar um modelo de brinquedo que imite as interações kink-antikink, o qual esperamos ser em grande parte analiticamente solúvel. O modelo que vamos considerar tem parâmetros ajustáveis, que podemos variar de modo a entender o fenômeno de ressonância e a estrutura das janelas de escape. O terceiro é sobre a "flutuação do cone-som" análoga à conhecida flutuação do cone-luz que está relacionada com a remoção das divergências na função greens devido à perturbação linear da métrica plana. Vamos considerar os fônons em um buraco negro acústico onde foi demonstrado que a propagação de fônons em torno de um vórtice é equivalente à propagação de um campo bosônico sem massa em um espaço-tempo curvo. A última parte do projeto é em óptica e lida com a estabilização de feixes de vórtices em meios de Kerr com índices de refração não-lineares. Pretendemos investigar as regiões de estabilidade dos parâmetros do sistema usando métodos numéricos e comparar os resultados com os experimentos correspondentes, onde poderemos verificar a validade do estudo teórico.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022