Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Aldri Luiz dos Santos

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • disseminação de informações pessoais vitais para apoio às tomadas de decisão em situações de emergências não especificadas
  • A Internet das Coisas (IoT) compreende a interconexão de diversos dispositivos computacionais que conectam-se em redes e obtém acesso à Internet. A IoT pode englobar desde objetos comuns ao nosso dia-a-dia, como fogões, fechaduras e automóveis, até dispositivos médicos implantados no corpo humano, vestíveis e sensores. Ela tem sido de fato o alicerce para a revolução em diversos cenários, desde residências, passando por cidades e chegando em áreas mais sensíveis, como aquelas voltadas ao apoio a saúde. Nesse contexto, ela pode auxiliar os profissionais de saúde a acessarem as informações dos pacientes de maneira rápida e eficiente. Contudo, garantir que esse tipo de informação seja disseminada de forma segura, sem comprometer a privacidade de seu proprietário, ainda é um grande desafio, por exemplo, devido à falta de infraestrutura de rede em locais fora âmbito hospitalar. As soluções para redes móveis e não estruturadas não atendem adequadamente, pois não consideram questões como a mobilidade dos dispositivos e a dinamicidade das redes. Essa situação ganha relevância diante de dados críticos como os de saúde, que exigem ações, muitas vezes imediatas, especialmente diante de situações emergenciais como um acidente de trânsito ou um cidadão que sofre um ataque cardíaco. Nesses casos, elas são chamadas de emergências não especificadas, isto é, podem ocorrer em qualquer local e momento, o que torna impraticável prover uma infraestrutura adequada ao seu atendimento. Este projeto tem como objetivos a pesquisa e construção de um sistema para garantir a privacidade na disseminação de informações críticas em situações emergenciais não especificadas. O sistema terá como base as relações de confiança entre os dispositivos envolvidos, tal que ele possa garantir que as informações compartilhadas tenham seu acesso restrito aos indivíduos que delas necessitam e viabilizam o atendimento médico adequado. A avaliação da eficácia do sistema se dará mediante simulação e experimentação, quando serão analisados o comportamento dos dispositivos durante suas interações, a garantia da privacidade dos dados disseminados, bem como o impacto do uso dos mecanismos de confiança entre os dispositivos.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Alécio Perini Martins

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • estudo de viabilidade do uso de drones para levantamentos aerofotogramétricos: aplicações em planejamento urbano, regularização fundiária e monitoramento agrícola e ambiental.
  • No início do século XXI, o uso das geotecnologias, entre elas as Aeronaves Remotamente Pilotadas, apresentou um considerável avanço, sendo aplicadas em diferentes áreas de estudo, como geografia, agronomia e engenharias, em especial para o monitoramento de áreas urbanas (regularização e atualização fundiária, identificação de áreas de risco, etc) e áreas agrícolas (agricultura de precisão, monitoramento de pragas em lavouras e acompanhamento dos processos de produção e colheita). O uso de fotografias aéreas obtidas por VANTs, ou por DRONES nesse caso específico, reduzem significativamente os custos destes estudos, visto que são equipamentos com preços de mercado significativamente menores e que permitem uma maior maleabilidade nos processos de obtenção de imagens, independente do período do ano ou das condições atmosféricas. Outra facilidade é a possibilidade de operação destas plataformas utilizando aplicativos gratuitos em smartphones, com sistema intuitivo de controle do usuário, estabelecimento de planos de vôo e obtenção de fotografias em alta resolução, o que torna esta tecnologia acessível para profissionais de diferentes áreas do conhecimento. Nesse sentido, o estudo apresentado tem como objetivo geral adaptar e avaliar a viabilidade de uso de drones, equipamento relativamente simples e de uso civil (doméstico), para levamentamentos aerofotogramétricos visando a aplicação desta ferramenta para planejamento urbano, regularização fundiária e monitoramento agrícola e ambiental. Com a execução do projeto, espera-se atribuir um uso prático, científico e profissional aos Drones. Por se tratar de um equipamento com preço de mercado bem abaixo de outras ferramentas mais profissionais como os VANT’s (cerca de 10 vezes mais barato), acredita-se que este estudo possa oferecer uma alternativa mais acessível para centros de pesquisa e órgãos de gestão pública.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022