Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Anderson José Ferreira

Ciências Biológicas

Fisiologia
  • envolvimento do eixo eca2 / angiotensina-(1-7) / receptor mas no remodelamento ósseo alveolar
  • Introdução: O envelhecimento populacional mundial tem sido marcado pelo incremento significativo de indivíduos com doenças crônicas que envolvem perda óssea, como a doença periodontal (DP). A DP é uma condição infecciosa e inflamatória dos tecidos de suporte dos dentes, caracterizada pela resposta exacerbada do hospedeiro a microrganismos. Recentemente, componentes do sistema renina-angiotensina (SRA) foram relacionados a condições imunoinflamatórias: o antagonismo do receptor AT1 de angiotensina (Ang) II exerce efeitos anti-inflamatórios na DP. Já a ativação da via Enzima Conversora de Angiotensina (ECA) 2/Ang-(1-7)/Mas, que contrabalanceia os efeitos de Ang II, minimiza a inflamação na artrite. Objetivo: Determinar o papel do eixo ECA2/Ang-(1-7)/Mas na perda óssea alveolar. Metodologia: Este projeto propõe investigar mecanismos associados à perda óssea utilizando o modelo de DP induzida por Aggregatibacter actinomycetemcomitans e o de DP associada à AR em camundongos. Os camundongos serão tratados com fármacos ativadores de ECA2, agonistas ou antagonistas do receptor Mas. A DP também será induzida em camundongos deficientes para o receptor Mas. Serão avaliados parâmetros da condição periodontal, incluindo: perda óssea alveolar (morfometria), análise histopatológica (histologia e imunohistoquímica), quantificação de osteoclastos e neutrófilos nas maxilas, citocinas nos tecidos periodontais (ELISA). Também serão realizados ensaios in vitro com osteoblastos e osteoclastos para se avaliar a atividade celular e a expressão de mediadores inflamatórios frente ao tratamento com agonistas ou antagonistas da via ECA2/Ang-(1-7)/Mas. Resultados esperados: A partir desses dados experimentais, espera-se caracterizar o envolvimento do eixo ECA2/Ang-(1-7)/Mas na perda óssea alveolar, fornecendo dados que determinem se os componentes do SRA têm potencial terapêutico em contextos de perda óssea inflamatória.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Luis Nunes

Ciências Agrárias

Agronomia
  • variabilidade genética do degrane em arroz vermelho
  • O arroz é um dos alimentos mais importantes para a maioria da população mundial. O degrane ou debulha natural ainda presente nas cultivares de arroz é uma característica evolutiva e adaptativa para a dispersão e distribuição de sementes. Esta característica pode causar perdas consideráveis no rendimento de grãos sendo uma preocupação da equipe de melhoramento genético da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Clima Temperado. Ainda a equipe de pesquisa da área de plantas daninhas da mesma empresa entende que o degrane presente no arroz vermelho é uma característica que torna a erradicação desta planta daninha impossível em função da dispersão e realimentação de sementes no sistema de produção. O arroz vermelho cresce e compete com o arroz cultivado, mas não pode ser colhido devido ao elevado degrane das sementes. O arroz é a planta cultivada mais conhecida em nível genético, fisiológico, bioquímico e molecular. Baseado nas informações existentes no arroz cultivado é possível entender processos importantes que regulam o degrane em arroz. O objetivo deste projeto é identificar a variabilidade fenotípica e genotípica do degrane em arroz vermelho de forma a produzir informações para o desenvolvimento de métodos moleculares que resultem na diminuição da ocorrência desta planta daninha em lavouras de arroz irrigado. Dessa forma, o produto a ser gerado e protegido por patentes serão sequencias nucleotídicas de DNA correspondentes a genes relacionados ao degrane. Estes conhecimentos constituem-se em necessidade básica para estudos posteriores a serem realizados com o objetivo de desenvolver tecnologias de biologia molecular que resultem na diminuição do degrane de arroz cultivado e arroz vermelho gerando enorme impacto na cadeia produtiva do arroz. Desta forma, a produtividade do arroz aumentará e a permanência do arroz vermelho na lavoura poderá ser diminuída em virtude da retirada de suas sementes na operação da colheita do arroz cultivado.
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Luiz Rezende Mól

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • inovação e o papel do conselho de administração: evidências do mercado brasileiro e americano
  • CEO conservadores tendem a preferir projetos com fluxos de caixa menos voláteis para reduzir o risco de comprometer sua riqueza ou perder seus empregos. Neste aspecto, têm pouco incentivo para inovar. Os acionistas bem diversificados, em contrapartida, tendem a preferir projetos arriscados porque o valor de suas ações pode apropriar das expectativas futuras de elevação dos fluxos de caixa. Isto posto, estabelece-se um problema clássico de agência. Nesse contexto, a atuação do conselho de Administração assume contornos fundamentais por possuir condições de atuar sobre a gestão do CEO de forma a garantir os interesses dos acionistas. Assim, este projeto de pesquisa propõe investigar se e como o papel desempenhado pelos conselhos de administração influencia as decisões de investimento em inovação em uma estrutura de regressão em painel dinâmico. O locus de investigação compreenderá companhias partícipes dos mercados de capitais brasileiro e americano. Partimos do pressuposto de que o problema do fluxo de caixa livre inflige investimentos de capital, enquanto o conservadorismo gerencial prejudica principalmente os investimentos em inovação. Neste aspecto espera-se que companhias maiores, em setores tradicionais, em mercados não competitivos e de alta alavancagem tendam a investir menos em inovação e, por conseguinte, demandem dos Conselhos de Administração uma atuação ancorada na função de gerência. Do ponto de vista do perfil de atuação do conselho a partir de suas funções (gerência e supervisão) como antecessores da inovação a literatura ainda é omissa, o que confere relevância do ponto de vista da contribuição teórico-empírico à academia.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Luiz Ribeiro de Paiva

Engenharias

Engenharia Sanitária
  • aprimoramento e difusão da técnica de filtração em margem para captação de água com melhor qualidade
  • A ocorrência de poluentes de origem antropogênica nas águas superficiais e subterrâneas vem se tornando um problema preocupante em função da diversidade e complexidade dos vários compostos usados. Isto representa sério risco à saúde da população que depende direta ou indiretamente desses mananciais para os mais variados usos. Faz-se necessário buscar alternativas de tratamento de água eficiente e de baixo custo que possam oferecer água de qualidade. O uso de técnicas alternativas de baixo custo, como a Filtração em Margem (FM), para obtenção de água de melhor qualidade é de grande importância para o abastecimento público, como já vem sendo utilizado em alguns países. Na Filtração em Margem um poço é bombeado próximo à um manancial superficial e induz o fluxo de água do rio através do meio poroso para o poço por percolação no solo. Durante a passagem da água pelos sedimentos das margens do leito, ocorrem processos hidrodinâmicos, mecânicos, biológicos e físico-químicos, responsáveis por produzir água de melhor qualidade, quando comparada à água extraída diretamente do corpo d’água, geralmente poluída e imprópria ao consumo humano. Muitos países têm utilizado a técnica de FM, sendo reconhecida como um eficiente processo de atenuação da poluição assegurando sustentabilidade no fornecimento de água para o abastecimento público. Nesse contexto, a técnica de Filtração nas Margens surge como uma alternativa bastante promissora que além da eficiência em sistemas de tratamento de água, o seu baixo custo enfatiza a importância do processo beneficiando grandes e pequenas cidades na aquisição de água de melhor qualidade para abastecimento. O desafio ressaltado por este projeto é, o refinamento de metodologias utilizadas e a seleção e uso de novas metodologias. Além de possibilitar o desenvolvimento de pesquisas científicas, o projeto contribui também para a formação de recursos humanos na área de Recursos Hídricos. O projeto intitulado " Aprimoramento e difusão da técnica de Filtração em Margem para captação de água com melhor qualidade”, está sendo submetido à CHAMADA UNIVERSAL MCTIC/CNPQ no 28/2018, no intuito de obter apoio financeiro para execução de suas atividades. Nesta proposta pretende-se avaliar a eficácia do sistema de Filtração em Margem para remoção de poluentes emergentes, propiciando um fornecimento de água de melhor qualidade para a população pernambucana em diferentes escalas e situações de campo. Para tal, será instalação um novo projeto piloto no semiárido, complementar ao que já existe no rio Beberibe. Os estudos serão realizados com monitoramento quantitativo e qualitativo das águas captadas pelos poços e da fonte de água superficial. Também serão realizadas análises laboratoriais de fármacos, da composição da meiofauna e dos sedimentos do leito na zona hiporreica.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Messias Rodrigues

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • explorando a diversidade genética em agentes da esporotricose usando marcadores aflp (amplified fragment length polymorphism)
  • Sporothrix (Ophiostomatales) está frequentemente associado à infecção em mamíferos e inclui diferentes espécies de interesse clínico, i.e.: S. brasiliensis, S. schenckii, S. globosa e S. luriei, as quais formam um grupo monofilético. Estes fungos apresentam dimorfismo térmico e alcançam o hospedeiro via inoculação traumática pelo contato com vegetais, solo, e animais, entre eles, felinos e tatus. A esporotricose tem distribuição mundial, com focos endêmicos em países de clima tropical e subtropical. Nas últimas décadas foram relatados surtos da doença no Brasil, principalmente por S. brasiliensis a qual está intimamente relacionada à transmissão zoonótica por gatos. Este projeto tem como objetivo principal desenvolver marcadores AFLP (do inglês Amplified Fragment Lenght Polymorphisms) para investigar a diversidade genética dos isolados de Sporothrix oriundos de diferentes regiões geográficas brasileiras, cobrindo importante variação temporal e geográfica durante epizootias e zoonoses. Serão analisados cerca de 50 isolados provenientes de diferentes populações de Sporothrix de interesse clínico. A diferenciação populacional será investigada e os padrões de fluxo gênico serão estimados. A existência de etapas iniciais de especiação e a provável ocorrência de espécies crípticas serão avaliadas em conjunto com os resultados de sequenciamento de loci nucleares. Os dados contribuirão para o conhecimento da epidemiologia do fungo e servirão de subsídio para novas pesquisas, visando à elaboração de estratégias para o controle da doença.
  • Universidade Federal de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Miyoshi

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • avaliação do potencial terapêutico de linhagens de lactococcus lactis portadoras de vetores de expressão eucariótica codificando as interleucinas 4 e 10 de mus musculus para o tratamento de diabetes tipo 1
  • A diabetes tipo 1 (T1D) é uma doença autoimune resultante da destruição progressiva de células beta produtoras de insulina das ilhotas pancreáticas por leucócitos autorreativos e seus mediadores. Porém, ainda que informações sobre os mecanismos envolvidos na cascata autoimune dessa enfermidade têm sido adquiridas, a etiologia exata dessa doença ainda é desconhecida. Logo, a compreensão da etiologia assim como o desenvolvimento de novos medicamentos capazes de ampliar a possibilidade da cura dos pacientes são passos importantes para o tratamento da T1D. Nesse contexto, o desenvolvimento de linhagens de Lactococcus lactis capazes de entregar os vetores de expressão eucariótica pValac e pValac::dts codificando as interleucinas 4 (IL-4) e 10 (IL-10) de Mus musculus representaria uma nova estratégia para o desenvolvimento de uma terapia alternativa mais eficaz contra essa enfermidade. Desse modo, este trabalho tem como objetivos aferir a incidência da diabetes experimental em animais tratados com as linhagens recombinantes; avaliar o potencial terapêutico das linhagens recombinantes na diabetes experimental; e examinar o efeito das linhagens recombinantes no trato gastrointestinal de animais diabéticos. Para isso, o nível glicêmico de camundongos NOD tratados ou não será monitorado semanalmente. Serão, também, avaliados os níveis locais e sistêmicos de mediadores anti- e pró-inflamatórios, o índice de danos histológicos, e a produção de insulina pelas células beta pancreáticas. Por fim, serão analisados os níveis de mediadores anti- e pró-inflamatórios e o índice de danos histológicos do cólon desses animais. Portanto, este trabalho constitui um novo passo rumo à validação da eficácia da terapia gênica baseada em bactérias lácticas geneticamente modificadas e à ratificação do uso da IL-4 e da IL-10 como uma terapia alternativa para o tratamento da de doenças autoimune como a T1D.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Moreira Aristides dos Santos

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • uma análise das iniquidades nos cuidados em saúde dos idosos no brasil no período 1998-2013
  • O estudo das desigualdades e iniquidades em saúde apresenta relevância, principalmente em países que reconhecidamente apresentam problemas fortes de desigualdades sociais, tal como é o Brasil. Neste país, há o chamado Sistema Único de Saúde que foi criado no final dos anos 1980, buscando assegurar um sistema de saúde público, gratuito e universal. Contudo, apesar da sua existência e da busca de uma maior equidade, existem evidências de iniquidade no acesso aos serviços de cuidados em saúde de forma favorável aos mais ricos. Apesar dos relevantes resultados demonstrados na literatura, observou-se que não existem estudos que mensurem os índices de iniquidades nos cuidados em saúde para população de idosos com destaque nas diferenças entre os estados do Brasil e considerando um período mais longo. Dessa forma, o presente trabalho tem como objetivo analisar as iniquidades relacionadas à renda dos cuidados em saúde dos idosos do Brasil no período 1998-2013. Busca-se mensurar e analisar a evolução de índices de iniquidade, além da realização de decomposições desses índices. Para tanto, a análise terá como base a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (1998-2008) e a Pesquisa Nacional de Saúde (2013). Nesse sentido, a presente proposta de pesquisa visa contribuir ao analisar as iniquidades relacionadas à renda na utilização dos cuidados em saúde dessa população, temática que crescentemente ganha importância, considerando as transformações demográficas ocorridas em todo o Brasil com o aumento da expectativa de vida, impactando na proporção da população idosa e em sua demanda por saúde. Ademais, busca-se destacar as diferenças existentes entre os estados do Brasil.
  • Universidade Federal de Alagoas - AL - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Mutter Teixeira

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • um estudo sobre a concentração e a diversificação do porfolio de credito: uma investigação empírica para alguns países da américa latina
  • Após a crise financeira de 2008, em especial do Lehman Brothers tem ocorrido um aumento no grau de concentração bancária em diversos países tanto os desenvolvidos como os em desenvolvimento. Diante disso, esse projeto de pesquisa apresenta uma proposta que pretende investigar empiricamente a concentração e a diversificação do portfólio de crédito dos bancos nos países da América Latina e sua influencia sobre os empréstimos bancários e lucros.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Raiol Rodrigues

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • relação entre o perfil imunológico e os sintomas clínicos na infecção pelo htlv-1 e a associação a casos de pet/mah: análise multivariada
  • A paraparesia espástica tropical/mielopatia (PET/MAH) é a manifestação neurológica mais frequentemente associada à infecção por HTLV-1. Apesar da grande maioria de pacientes ser assintomática, em torno de 2 a 3% deles progride para PET/MAH ou para Leucemia/Linfoma de Células T do Adulto (LLcTA). Nos casos de PET/MAH, esta se caracteriza por manifestações neurológicas ocasionadas por processos inflamatórios crônicos e progressivos de desmielinização de células nervosas do sistema nervoso central. Tem sido reportado que estas lesões neurais estão associadas a alterações nos níveis de citocinas. Busca-se neste estudo realizar a avaliação multivariada da relação entre o perfil de citocinas envolvidas no processo de degradação neural e os sintomas clínicos apresentados por pacientes infectados pelo HTLV-1, de modo a prever o padrão de classificação entre pacientes assintomáticos e os com PET/MAH. Serão avaliados 28 pacientes infectados por HTLV-1, 20 assintomáticos e 8 com PET/MAH. Serão avaliados clinicamente aspectos reumatológicos, a síndrome de Sjögren e a função muscular. A resposta imunológica periférica será quantificada por citometria de fluxo e utilizando tecnologia Luminex. A relação entre o perfil imunológico e os sintomas clínicos na infecção pelo HTLV-1 e a sua associada a casos de PET/MAH será realizada através de métodos estatísticos bivariados e multivariados de correlação e análise de redes complexas e bayesiana.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Rodrigo da Silva

Ciências Agrárias

Agronomia
  • padrões e métodos para análise da distribuição espaço-temporal de pragas agrícolas no cerrado
  • A detecção e predição do padrão de distribuição espacial de pragas pode ser uma ferramenta facilitadora do manejo, indicando locais da área de produção que mais necessitam de intervenções com pesticidas. Por exemplo, o conhecimento da dinâmica da população e do padrão de distribuição de nematóides do solo pode ser relevante quando considerando a rotação de culturas como prática de manejo. O conhecimento do padrão de distribuição espacial de pragas agrícolas permite estabelecer um plano confiável de amostragem e, com isso, realizar o controle com o máximo de eficiência, alterando o mínimo possível o agroecossistema, premissa do Manejo Integrado de Pragas. Nesse contexto, a motivação para os estudos envolvidos neste projeto é proveniente das seguintes questões: (1) plantas ou pontos amostrais espacialmente próximos são igualmente infestados por pragas agrícolas? (2) em caso positivo, qual é o raio de dependência espacial? (3) em qual estádio fenológico aparece nível de infestação causando maior dano econômico? (4) quais características morfológicas das plantas e/ou fisico-químicas de solo estão relacionadas com o nível de infestação? (5) quais os métodos estatísticos mais adequados para tais análises? Este projeto constitui-se, especificamente, dos seguintes estudos: (1) Modelagem da distribuição espacial e plano de amostragem de Pratylenchus brachyurus e Meloydogine spp. em cultivo de milho; (2) Detecção de autocorrelação espacial e modelagem do grau de infestação de Liriomyza huidobrensis (Diptera: Agromyzidae) em alface hidropônico; (3) Análise de trilha do grau de infestação de mosca-minadora em alface hidropônico. Com os dois últimos pretende-se introduzir o estudo da distribuição de pragas em ambientes protegidos. Todos os experimentos serão realizados em mais de um ano agrícola.
  • Instituto Federal Goiano - GO - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Anderson Rodrigues Lima Caires

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • desenvolvimento de novas metodologias ópticas para análises quantitativas do biodiesel: aplicação de técnicas fluorimétricas avançadas para a determinação da estabilidade oxidativa e composição química do biodiesel
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Schwingel Ribeiro

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • desenvolvimento de métodos analíticos para análise de proteínas visando à avaliação da essencialidade elementar por mip oes
  • O objetivo do presente projeto de pesquisa se baseia no desenvolvimento e validação de métodos analíticos para a determinação da concentração total e da fração bioacessível de elementos essenciais e tóxicos (Al, As, Ba, Ca, Cd, Cr, Cu, Fe, Hg, K, Mg, Mn, Na, Ni, Pb, Se, Sn e Zn) em amostras de alimentos a base de proteínas animal e vegetal e em suplementos proteicos. A ênfase maior do projeto é dada para a etapa de preparo das amostras e subsequentes análises pela nova técnica comercial de espectrometria de emissão óptica com plasma induzido por micro-ondas (MIP OES), utilizando o sistema de introdução de amostra multimodo (MSIS), que alia simultaneamente a nebulização pneumática e a geração química de vapor para introdução da amostra no plasma. Desta forma, para a determinação da concentração total dos analitos, estudos de métodos de preparo das amostras usando um bloco digestor aquecido e tubos com sistema de refluxo serão realizados. Para os estudos da fração bioacessível, será desenvolvida uma nova alternativa para a validação do procedimento utilizado, uma vez que o teste de adição e recuperação, muito empregado na literatura para este propósito, não é confiável, devido a dificuldade de simular a forma exata na qual os elementos se encontram nas amostras. Além disso, estudos relacionados as otimizações dos parâmetros instrumentais do MIP OES, das condições da geração química de vapor, possíveis interferências e métodos de calibração serão realizados. Por fim, todos os métodos desenvolvidos serão validados, sendo que para a concentração total dos analitos, sempre que possível e disponível, os materiais de referência certificados serão analisados.
  • Universidade Federal de Pelotas - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Stevens Leonidas Gomes

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • instituto nacional de ciência e tecnologia de fotônica - info
  • A Fotônica, que trata das propriedades e aplicações de fótons, é uma área que se desenvolveu nas últimas décadas do Séc. XX, após a invenção do laser em 1960. A Fotônica está associada à Óptica Não Linear (ONL), que identifica e estuda fenômenos resultantes da interação da radiação com a matéria no regime de altas intensidades ópticas, e forma a base científica e tecnológica de várias subáreas como a biofotônica, a nanofotônica, e a neurofotônica. A Fotônica tem um importante impacto tecnológico e econômico global nas áreas de comunicações ópticas, tecnologias médicas (desde diagnóstico por imagens até tratamentos com lasers) e displays. O impacto econômico do mercado mundial de fotônica em 2011 foi de 350 bilhões de Euros, e é previsto crescer para 615 bilhões de Euros em 2020 (http://www.photonics21.org/download/Photonics_industry_report_2013/photonics_industry_report_2013.pdf). Criado em 2008, a partir da primeira edição dos programas de INCTs, o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Fotônica – INFO, vem atuando até 2014 no estudo de materiais fotônicos, dispositivos fotônicos, biofotônica, spintrônica e magneto-óptica. No período 2008-2013, foram formados no âmbito do INFO, 102 doutores e 52 mestres, que juntamente com os 33 pesquisadores principais do INFO-2008, além de pós-docs e estudantes de iniciação científica, foram responsáveis pela publicação de 495 artigos em revistas de circulação internacional, 44 capítulos de livros, 03 livros didáticos, apresentação de 754 trabalhos em conferência nacionais e internacionais. Do ponto de vista de inovação, foram solicitadas 14 patentes e elaborados 15 novos produtos tecnológicos e 4 softwares. Uma das áreas importantes, a disseminação científica, contou com 8 programas de rádio e TV, publicação de 16 textos em jornais e revistas e preparação de dois conjuntos de materiais didáticos. A partir de uma avaliação interna e uma visão para novos problemas, o INFO apresenta neste projeto um novo programa científico, no qual mantém a fotônica como principal área, e abordará problemas e desafios nos seguintes temas (a) Fotônica Não Linear, Dispositivos e Aplicações; (b) Biofotônica e (c) Optomicrofluídica. Neste três temas destacam-se os seguintes problemas globais e estratégicos para o País que serão pesquisados usando a fotônica com aplicações nas áreas de nanotecnologia e saúde: (a) fabricação, caracterização e aplicações de materiais fotônicos nanoestruturados; (b) estudos de efeitos não lineares transversais; (c) novos tipos de lasers (lasers aleatórios); (d) geração e aplicação de radiação no ultravioleta extremo usando altos harmônicos; (e) inovações em células fotovoltaicas; (f) novos materiais orgânicos para LEDs; (g) desenvolvimento e aplicações de técnicas de imagens (OCT, fotoacústica, luz polarizada) para diagnóstico na cavidade bucal (tecidos moles e tecidos duros); (h) desenvolvimento e aplicações de nanobiossensores; (i) estudos em terapia fotodinâmica com materiais nanoestruturados; (j) novas aplicações de pinças ópticas, (k) desenvolvimento de métodos diagnósticos tumorais por imagem espectral e um conjunto de atividades na área de optomicrofluídica, desde a determinação de limiares de ablação de materiais de interesse, produção e integração de componentes óticos e dispositivos microfluídicos até a simulação de fluxo microvascular. O programa de pesquisa do INFO nestes temas irá continuar contribuindo para o avanço do desenvolvimento científico e formação de RH altamente qualificados, cujos resultados são e pretendem continuar sendo reconhecidos na comunidade internacional. Este programa está em alinhamento com o avanço global das pesquisas nas áreas propostas, e certamente proporcionará, de forma inequívoca, uma maior inserção do INFO no cenário internacional, abrindo portas para que os estudantes formados através do Instituto possam interagir com pesquisadores em outros grandes centros de pesquisa no mundo, além de estarem preparados para assumir posições em instituições brasileiras. A formação destes estudantes trará, com certeza, importante retorno ao País em áreas estratégicas e portadoras de futuro para seu desenvolvimento. O grupo proponente do INFO nesta nova proposta é constituído de três subgrupos: um subgrupo de instituições consolidadas com 26 pesquisadores, um subgrupo de instituições emergentes com 15 pesquisadores e um subgrupo de instituições com grupos associados com 22 pesquisadores. O comitê gestor do INFO é formado por pesquisadores permanentes de instituições com importantes contribuições para a pesquisa científica e formação de estudantes no País, sendo coordenado por um pesquisador sênior do Departamento de Física da Universidade Federal de Pernambuco, pesquisador IA do CNPq com larga experiência científica na formação de estudantes de mestrado e doutorado, publicações relevantes na área e com impacto internacional (índice H - 26), e com experiência em gestão de projetos (foi responsável pela captação de cerca de R$ 12 milhões de reais em projetos individuais e em rede nos últimos 14 anos, incluindo projetos com a iniciativa privada – Ericsson do Brasil), gestão acadêmico-científica (foi Coordenador da área de Física e Astronomia da CAPES) e gestão pública (foi secretário de estado de Ciência e Tecnologia e também de Educação no estado de Pernambuco). Nesta nova etapa, o INFO pretende ampliar seus indicadores científicos e tecnológicos, continuar a ênfase na formação de recursos humanos altamente qualificados no uso da fotônica e suas aplicações, gerar novos resultados científicos e tecnológicos nas áreas propostas para atuação (em conjunto com empresas indicadas), estimular entre seus participantes a inovação através da exploração dos resultados tecnológicos de forma empreendedora e contribuir fortemente na área de educação e difusão científica, aumentar o letramento científico da sociedade e a formação inicial e continuada de licenciandos e professores de física.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 28/11/2016-30/11/2022
Foto de perfil

Anderson Weiny Barbalho Silva

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • avaliação da capacidade da cimicifuga racemosa l. em amenizar os efeitos adversos causados pela dexametasona e doxorrubicina em folículos ovarianos de camundongos em modelos in vitro e in vivo
  • Estudos in vitro e in vivo estão sendo utilizados com sucesso como ferramenta de estudo sobre a biologia reprodutiva e toxicologica em camundongos e humanos. No entanto, apesar da grande quantidade de informações produzidas durante as duas últimas décadas, o entendimento completo dos mecanismos que controlam o desenvolvimento folicular ainda não foi totalmente elucidado. O crescimento ou a morte folicular são regulados por diversos fatores intra e extraovarianos, tais como patologias, como o câncer, fatores de crescimento (citocinas inflamatórias), glicocorticoides (dexametasona) e outros hormônios. Muitas drogas usadas para tratar câncer, como a doxorrubicina, podem comprometer a integridade dos folículos ovarianos, impedindo que ocorra a maturação eficiente do oócito e consequentemente, prejudicando a fertilização. Assim, considerando o potencial degenerativo da dexametasona sobre o sistema reprodutivo e ainda considerando os efeitos deletérios da doxorrubicina sobre a foliculogênese ovariana, esta proposta tem como objetivo investigar a ação da Cimicifuga racemosa L. como um potencial fator capaz de reduzir os efeitos deletérios da dexametasona e da doxorrubicina sobre a função folicular e reprodutiva in vitro e in vivo, a partir da elucidação dos efeitos da dexametasona e doxorrubicina sobre o desenvolvimento folicular em ovários de camundongas, associados ou não aos efeitos da Cimicifuga spp. Ademais, a toxicidade da dexametasona crônica no modelo in vivo de camundongas, associada ou não ao tratamento com a Cimicifuga spp. Para isso, esta proposta está organizada em duas fases: Na Fase 1, será avaliado o Efeito da Dexametasona, Doxorrubicina e da Cimicifuga racemosa sobre a ativação e sobrevivência de folículos primordiais de camundongas cultivados in vitro, enquanto na fase 2 será realizada a avaliação do efeito da Dexametasona, Doxorrubicina e da Cimicifuga racemosa sobre a ativação e sobrevivência de folículos primordiais em camundongas in vivo. Para os estudos in vitro, os ovários serão distribuídos nos seguintes tratamentos: (a) Controle (Waymouth+); (b) DEX (40 ng/mL); (c) DEX (60 ng/mL); (d) DEX (80 ng/mL); (e) DEX (100 ng/mL); (f) CIMICIFUGA (50 ng/mL); (g) CIMICIFUGA (100 ng/mL); (h) CIMICIFUGA (200 ng/mL); (i) CIMICIFUGA (400 ng/mL); (j) DOXORRUBICINA (0.3 μg/mL) e ao final dos experimentos serão realizadas a análise da ativação e crescimento dos folículos pré-antrais presentes nos ovários cultivados in vitro utilizando histologia clássica. Em paralelo, será realizada análise da viabilidade folicular após o cultivo dos ovários por microscopia de fluorescência, e também a análise ultraestrutural das amostras cultivadas. Para os estudos in vivo, animais tratados cronicamente durante 14 dias por via oral (gavagem), divididos em grupos de tratamento contendo Doxorrubicina e Dexametasona, sozinhas ou em associação à Cimicifuga racemosa L. Para avaliação da influência da Cimicifuga racemosa L., será avaliado por histologia clássica o perfil de desenvolvimento, sobrevi-vência e ativação folicular. Além disso, genes relacionados a apoptose celular (Bcl-2, BAX, CASP3 e CASP6) serão valiados. Para os ensaios in vitro e in vivo, a análise esta-tística será realizada empregando o teste de análise de variância (ANOVA) seguido de Bonferroni. Os resultados serão expressos como média±E.P.M. O estudo da possível capacidade da Cimicifuga racemosa L. em amenizar os efeitos adversos causados pela dexametasona e doxorrubicina em folículos ovarianos poderá contribuir para a identifi-cação de uma nova abordagem terapêutica para a manutenção da fertilidade. Além dis-so, espera-se que a adição de Cimicifuga racemosa L. ao meio de cultivo contribua para incrementar as taxas de ativação, crescimento e sobrevivência folicular in vitro.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Anderson Zampier Ulbrich

Ciências da Saúde

Educação Física
  • máximo estado estável de lactato de determinação do limiar anaeróbio associado a função autonômica e parâmetros inflamatórios de adultos obesos cardíacos ativos e sedentários
  • O sobrepeso e da obesidade tem atingido proporções epidêmicas em todo o mundo, tanto em países desenvolvidos como em desenvolvimento. Grande parte dos sujeitos com excesso de peso apresentam níveis insatisfatórios de atividade e aptidão física. Associado a isto, evidências tem demonstrado doenças associadas a obesidade, bem como alterações do sistema autonômico e imunológico. Desta forma, as recomendações de exercício para sujeitos obesos e com cardiopatia são de intensidade leve e moderada, que colaboram na diminuição da gordura corporal, da modulação dos sistema autonômico e sistema anti-inflamatório. Portanto, o projeto apresenta dois objetivos que atendem as características do estudo, como sendo: a) associar o nível de atividade física com fatores de risco, função autonômica e perfil inflamatório de adultos obesos cardíaco; b) associar o limiar anaeróbio com a função autonômica e parâmetros inflamatórios de adultos obesos cardíacos ativos e sedentários. A pesquisa será considerada no primeiro momento como descritiva de delineamento transversal e num segundo momento de caráter experimental. Serão convidados a participar do estudo adultos obesos, com doença cardiovascular (doença arterial coronariana) de ambos os sexos. Para os sujeitos ativos e sedentários, será avaliado transversalmente o nível de atividade física pelo sensor de movimento (acelerômetro, Acthigraph GT3) e também descritivamente por questionário de atividade física (IPAQ). Para determinação de outras variáveis que podem influenciar nas condições de saúde dos obesos, será aplicado questionário com diversas condições sócio-demográficas, de qualidade de vida, níveis de depressão; fatores de risco, aptidão funcional, função autonômica em repouso e medidas antropométricas para assim associar com o níveis de atividade física. Com base nos resultados do primeiro momento do estudo, a segunda etapa da pesquisa (estudo experimental), será primeiramente determinado a medida de aptidão cardiorrespiratória. Por conseguinte os mesmos sujeitos da pesquisa serão convidados a participar, em dias diferentes, da verificação dos efeitos (antes, durante e depois) de sessões de teste de intensidade constante para os seguintes parâmetros: resposta do lactato sanguíneo, função autonômica (variabilidade da frequência cardíaca) e marcadores inflamatórios (citocinas pró e anti-inflamatórias). Quanto a realização dos testes em laboratório, estes serão avaliados conforme consta: a) teste incremental para determinação do VO2max e da velocidade correspondente ao VO2max (vVO2max); b) Testes de velocidade constantes realizados aleatoriamente a 70, 85 e 92% do vVO2max, para determinar o tempo de exaustão (Tlim), Tau, VSUP’ e TSUP’; c) dois a quatro testes de velocidade constante nos quais a velocidade será aumentada ou diminuída até que o VO2max não possa ser atingido para determinação da VSUP e TSUP; d) teste no qual a velocidade será ajustada inicialmente em 92% Vsup e diminuirá de maneira individualizada ao longo do teste de modo que a velocidade seja igual à 85%Vsup quando o tempo de exercício corresponder a TSUP. O tempo para atingir o VO2max (TAVO2max) será calculado por meio de um modelo de ajuste mono-exponencial assumindo um valor de 4,6 vezes o Tau. O TSUP’ será estimado individualmente através da regressão linear entre os TAVO2max e seus respectivos Tlim. A VSUP’ será estimada através do modelo hiperbólico de velocidade crítica. A VSUP será considerada como a maior intensidade na qual a média do VO2 de três valores consecutivos de cinco segundo for maior ou igual à média do VO2max obtidos nos testes incremental e de carga constante menos um erro típico. O TSUP será considerado como o Tlim associado à VSUP. A análise dos efeitos do treinamento na cinética do VO2 em velocidades do domínio severo, VSUP e TSUP serão realizadas pelo Teste t para amostras independentes. Para analisar o efeito da intensidade nas variáveis obtidas durante os testes de carga constante será utilizada a análise de variância ANOVA two-way, complementada pelo teste de Scheffé e interação. A validade do modelo de predição da VSUP será analisada através do Teste t para dados pareados e pelo teste de correlação de Pearson. Em adição serão calculados os limites de concordância entre a VSUP e a VSUP’ e entre o TSUP e o TSUP’. O efeito do modo de aplicação da carga será analisado através do Teste t para dados pareados. Em todos os testes será adotado um nível de significância de p < 0,05.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Andersson Barison

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • desenvolvimento e implementação da espectroscopia de ressonância magnética aliada a métodos de inteligência artificial no diagnóstico e prognóstico de tuberculose no sistema público de saúde
  • A realização de exames clínicos é um dos principais âmbitos da Atenção Primária à Saúde. O sucesso na abordagem terapêutica e prevenção de doenças está diretamente associado ao diagnóstico precoce, que permite maiores possibilidades de tratamento, redução de custos, além de prevenir a evolução de patologias que podem levar o paciente a óbito. A principal forma de contornar essa problemática é conhecer, de forma mais abrangente possível, o perfil metabólico do paciente, uma vez que o surgimento e a evolução de patologias causam alterações em diversos metabólitos, podendo ser utilizados como biomarcadores de doenças. Assim, o desenvolvimento de tecnologias minimamente invasivas e capazes de fornecer informações abrangentes sobre o real estado de saúde do paciente são essenciais para garantir a promoção à saúde. Neste contexto, a Espectroscopia de Ressonância Magnética (ERM) tem se mostrado uma grande aliada na prevenção, monitoramento e diagnóstico de doenças, visto que fornece informações precisas, diretamente de amostras de biofluídos corporais. Por exemplo, em um único espectro de RM de uma amostra de urina de recém-nascido é possível identificar e quantificar até 250 metabólitos, sendo 100 deles já reconhecidos como biomarcadores de patologias. Assim, esta proposta visa desenvolver e implementar no Brasil a plataforma tecnológica de ERM no diagnóstico e prognóstico de tuberculose, através da análise direta de amostras sanguíneas, utilizando espectrômetros de imãs permanente, baixo custo e de fácil implementação em ambientes hospitalares. Com isso, será possível realizar o diagnóstico e prognóstico, não somente de tuberculose, mas de várias doenças, de forma simples, rápida e precisa, e assim, possibilitar o correto tratamento, melhor qualidade de vida e redução de custos de tratamentos futuros. Adicionalmente, visa-se desenvolver algoritmos de inteligência artificial que permitam explorar de forma mais efetiva os espectros de RM e, com isso, encontrar novas correlações entre o perfil metabólico e condições de saúde, ampliando assim a capacidade prognóstica da ERM. Além disso, o desenvolvimento desta proposta fornecerá subsídios para sua possível implementação no Sistema Único de Saúde, e com isso, o monitoramento completo de uma ampla parcela da população, possibilitando estratégias de prevenção de doenças.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 01/02/2020-31/01/2023
Foto de perfil

Andersson Barison

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • investigação fitoquímica de espécies de polygala através de técnicas modernas de rmn e em
  • O gênero Polygala é um dos mais abundantes que compõem a família Polygalaceae, contanto com cerca de 100 espécies no Brazil, principalmente na região sul. No entanto, poucas espécies deste gênero tem sido química e farmacológica investigadas. Porem, das espécies investigadas, diversas classes de metabolitos secundários tem sido encontradas no gênero com amplas atividades farmacológicas, principalmente anti-inflamatória, antinociceptiva, antidepressiva, gastroprotetora e antioxidante, o que reforça a necessidade de ampliar o conhecimento químico e farmacológico sobre espécies do gênero Polygala. Visando dar maior agilidade na determinação estrutural de produtos naturais, diversas técnicas de RMN tem sido desenvolvidas, possibilitando avanços significativos em sensibilidade e resolução e redução no tempo de análise. Entre elas podemos citar a RMN HR-MAS que possibilita a análise direta de tecidos vegetais in natura, portanto em seu estado natural, sem necessidade de pré-tratamento de amostra e a hifenação entre a CLAE e a RMN através da pré-concentração de metabolitos em cartuchos de extração em fase sólida (EFS)seguido da análise por RMN e EM on-line ou off-line. Desta forma, este projeto visa o estudo fitoquímico de espécies do gênero Polygala da região sul através de técnicas avançadas de investigação fitoquímica como a RMN HR-MAS, micro extração diretamente com solventes deuterados e CLAE-EFS-RMN/EM, possibilitando a identificação de um maior numero de compostos de forma simples e ágil. Finalmente os novos compostos encontrados serão obtidos em maior quantidade e submetidos a diversos ensaios farmacológicos com a ajuda de parceiros.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Andre Alexandre Vieira

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • síntese e estudo de materiais líquido-cristalinos termotrópicos luminescentes
  • A busca de novos materiais moleculares funcionais com propriedades líquido-cristalinas representa um campo muito produtivo da ciência. A razão desse interesse dá-se pelo fato dos compostos líquido-cristalinos apresentarem um estado da matéria caracterizado pela combinação única de organização molecular e fluidez. Essa propriedade permite ao cristal líquido ser um dos principais exemplos de materiais para dispositivos eletro-ópticos (Displays, OLED, LCD, células fotovoltaicas etc). No entanto, suas possibilidades no campo dos materiais vão mais além, a partir da introdução de diferentes cromóforos à estrutura da molécula de cristal líquido é possível aliar diversas funcionalidades com organização molecular. O presente projeto destaca a importância de materiais orgânicos funcionais luminescentes. Nesse aspecto, a preparação de cristais líquidos luminescentes pode resultar em compostos emissores de luz polarizada, dessa forma os mostradores de informação (displays) poderiam ser construídos sem a necessidade de background ou luz de fundo o que encarece os aparelhos que utilizam a tecnologia LCD (liquid crystal displays), além de consumirem mais energia. Dentro desse contexto, o heterociclo 2,1,3-benzotiadiazol (BTD) tem sido considerado um fluoróforo eficiente para construção de materiais emissores de luz. As principais vantagens do BTD é a alta estabilidade térmica e química, elevada fluorescência em sistemas π-conjugados, excelentes rendimentos quânticos e forte capacidade aceptora de elétrons. Heterociclos como o 2,1,3-benzoxadiazol, a quinoxalina e o hidrocarboneto fluoreno também apresentam características interessantes para exibir propriedades fotofísicas promissoras, principalmente quando inseridos em moléculas π-conjugadas. Contudo, esses sistemas são pouco explorados na literatura de materiais líquido-cristalinos. O projeto propõe preparar cristais líquidos derivados do 2,1,3-benzoxadiazol, quinoxalina e unidade fluoreno para obter organização molecular e intensa luminescência. Outro aspecto abordado neste projeto é com relação a eletrônica molecular. Embora a eletrônica orgânica esteja sob investigação há muito tempo em diferentes áreas, nos últimos anos têm sido desenvolvidos novos sistemas, ferramentas de estudos e dispositivos que abriram novas aplicações e expectativas, surgindo um grande interesse nesse tema. Na busca por materiais com melhores funções eletrônicas, tais como fotocondutividade, condutividade e eletroluminescência, o design molecular é uma ferramenta crucial. De um lado é possível notar a necessidade do controle nos níveis de energia HOMO e LUMO (bandgap). Por outro lado, o controle da organização supramolecular aparece como um passo fundamental na otimização das propriedades de transporte de carga. Neste renovado interesse por materiais moleculares funcionais, o estado cristal líquido vem sendo alvo de muitos estudos controlando a ordem e a dimensionalidade do material. No âmbito da eletrônica molecular a presente proposta foca no desenvolvimento de cristais líquidos baseados nas unidades fluoreno e quinoxalina. Essas estruturas são interessantes para a preparação de cristais líquidos discóticos porque possuem estabilidade térmica e química, planaridade e rigidez. Nesse contexto, o projeto propõe a preparação de cristais líquidos discóticos derivados dos sistemas fluoreno e quinoxalina. Esses materiais podem desempenhar um papel significativo como semicondutores orgânicos. Após a preparação e caracterização dos compostos-alvo, as propriedades térmicas, fotofísicas e eletroquímicas serão investigadas por análises de TGA, DSC, MOLP, SAXS, espectrometria de absorção no UV-vis, fluorescência, medidas eletro-ópticas, voltametria cíclica e outras análises que se julguem necessárias dependendo dos resultados obtidos durante as análises iniciais. Além disso, também serão estudadas detalhadamente as organizações supramoleculares, fenomenologia e suas potenciais aplicações das moléculas sintetizadas.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

André Alves Portela Santos

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • políticas paramétricas de alocação em fundos de investimento
  • Vide projeto anexo
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

André Andrian Padial

Ciências Biológicas

Ecologia
  • determinantes e variação espacial e temporal da diversidade taxonômica e funcional de comunidades aquáticas
  • Os grandes objetivos em Ecologia de Comunidades é entender porque alguns locais são mais biodiversos que outros, quais as razões que determinam a co-ocorrência das espécies e como a biodiversidade e a co-ocorrência das espécies variam ao longo do espaço e do tempo. Durante muito tempo, essas questões foram abordadas investigando relações entre métricas de biodiversidade taxonômica e fatores relacionados à qualidade ambiental dos ecossistemas. Recentemente, as variações espaciais e temporais em comunidades são frequentemente investigadas no framework de metacomunidades (veja uma revisão em Heino et al. 2015). Devido à escassez de dados ecológicos amostrados em uma escala espacial relevante e em um longo período amostral, os determinantes das metacomunidades ainda são pouco conhecidos para muitos grupos biológicos aquáticos. Ademais, as implicações ecológicas ao se avaliar medidas de diversidade taxonômica vs. medidas de diversidade funcional também merecem mais investigação, pois pode elucidar os mecanismos que explicam a diversidade biológica em um sentido mais amplo. Esta proposta combina análises de dados ecológicos coletados ao longo de até 13 anos com experimentos para entender as causas e os padrões em comunidades ecológicas aquáticas, em uma perspectiva taxonômica e funcional. Com esse objetivo amplo, a proposta visa responder três grandes perguntas acerca de grupos biológicos modelo: 1) Qual são os padrões temporais na diversidade beta taxonômica e funcional de comunidades aquáticas em uma grande planície de inundação do sul do Brasil ao longo dos últimos 13 anos e em reservatórios paranaenses ao longo de 8 anos? Há homogeneização biótica, considerando aspectos taxonômicos ou funcionais? Quais as causas prováveis para a diversidade beta taxonômica e funcional?; 2) Qual o papel relativo da dispersão, de características ambientais e de interações biológicas em metacomunidades aquáticas de uma grande planície de inundação do sul do Brasil, considerando sua composição taxonômica e funcional?; 3) Visto que a produtividade é um dos principais fatores determinantes da diversidade alfa e beta, qual a forma da relação entre biodiversidade e produtividade em metacomunidades aquáticas? Essas perguntas serão respondidas com dados sobre fitoplâncton, zooplâncton, macrófitas aquáticas e peixes. Além do mérito científico, a proposta também visa oportunizar a capacitação de estudantes junto à Universidade Federal do Paraná e a Universidade Estadual de Maringá, além de interação entre pesquisadores da UFPR, UEM, UNESP, UFG, e Finnish Environmental Institute (Finlândia).
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020