Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Admilson Teixeira Franco

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • estudo numérico e experimental do reinício de escoamento de fluidos de perfuração gelificados
  • A reinicialização do escoamento de fluidos de perfuração gelificados em operações de perfuração de poços de petróleo é um problema recorrente, pois quaisquer paradas para manutenção ou manobras permitem que o fluido ao se estagnar inicie o processo de gelificação dentro do poço. A estrutura gelificada resultante confere características elastoviscoplásticas e tixotrópicas ao material, criando a necessidade de superar uma tensão limite de escoamento para que o material volte a escoar. Durante o processo de reinicialização do escoamento, a pressão de bombeamento deve ser mais elevada que as pressões usuais de trabalho para vencer a resistência da estrutura gelificada e fraturar o gel, o que poderá provocar um pico de pressão no interior do poço. Esse pico de pressão deve ser previamente conhecido para não comprometer a estrutura do poço e inviabilizar o seu uso, além de que à medida que a profundidade do poço aumenta a janela operacional se torna mais estreita. Em geral as magnitudes dos picos de pressão gerados dependem da geometria do poço e das propriedades do fluido de perfuração impactadas fortemente pelo tempo estático do material gelificado. Pela complexidade do problema, é necessária uma investigação mais ampla do processo de reinício. É fundamental conhecer a reologia do fluido de perfuração, criar alternativas para o estudo experimental do reinício (start-up) e usar esse conhecimento para o fechamento de modelos numéricos, permitindo então o estudo paramétrico do problema com maior flexibilidade. Dessa forma propõe-se o estudo numérico e experimental do problema de reinicialização do escoamento de fluidos de perfuração gelificados em tubos de seção circular, com ênfase na previsão da magnitude dos picos de pressão gerados durante a quebra da estrutura gelificada. O modelo matemático para o escoamento transiente fracamente compressível tem como base as equações de balanço de massa e de quantidade de movimento, além de uma equação de estado e de um modelo tixotrópico para o comportamento do fluido. Têm-se como finalidades definir um modelo adequado para o comportamento tixotrópico do fluido de perfuração durante o reinício do escoamento e a construção de uma bancada experimental para a obtenção de dados experimentais do processo de reinício. Os resultados numéricos serão comparados com os experimentais e auxiliarão no ajuste e aprimoramento do modelo matemático empregado.
  • Universidade Tecnológica Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Admir Antonio Betarelli Junior

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • estrutura produtiva, composição de consumo e redistribuição de renda: avaliando os efeitos da redução de custos dos transportes de passageiros à economia brasileira
  • Grande parte dos setores de transporte de passageiros no Brasil passou por reformas microeconômicas desde o final da década de 1990, levando a mudanças estruturais expressivas. O transporte de passageiros é tipicamente um item de despesa familiar e as mudanças estruturais nesses serviços podem afetar as famílias de maneira diferente, dependendo da sua posição na distribuição de renda e despesa. Esses vínculos entre estrutura de renda, composição de consumo e transporte de passageiros têm sido pouco explorados por pesquisas aplicadas à economia brasileira. Dessa maneira, este projeto de pesquisa propõe-se a analisar os efeitos econômicos de duas políticas de redução dos custos de produção das atividades de transporte terrestre de passageiros sobre o sistema produtivo e os grupos de renda e consumo familiar. A primeira política microeconômica tratará da importância e repercussões de longo prazo das subvenções concedidas às atividades transporte de passageiros. Por seu turno, a segunda abordará os desdobramentos da redução do preço de óleo diesel, cujo insumo intermediário é o principal na estrutura de custo do setor de transporte de passageiros. A metodologia em ambas simulações consiste em um modelo dinâmico de equilíbrio geral computável (EGC) que incorpora os fluxos de uma Matriz de Contabilidade Social (MCS) de 2010, delineando a geração e apropriação de renda por diferentes fontes e a estrutura de gastos institucionais, e um detalhamento dos mercados de transporte de passageiros no Brasil.
  • Universidade Federal de Juiz de Fora - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022