Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Carla Almeida Vivacqua

Engenharias

Engenharia de Produção
  • melhoria de qualidade de informações meteorológicas e climatológicas para planejamento de medidas de controle e prevenção de doenças transmitidas pelo mosquito aedes aegypti
  • O mosquito Aedes aegypti transmite os vírus que causam chikungunya, dengue, febre amarela e Zika: quatro doenças importantes globalmente transmitidas por vetores. Somente considerando a dengue, aproximadamente 390 milhões de infecções ocorrem no mundo anualmente, e aproximadamente 2,5 bilhões de pessoas em mais de 100 países vivem em regiões com risco alto de dengue. Recentemente, Zika está se espalhando pelo sul do Pacífico e América Latina. No começo de 2016, o surto maior da doença está acontecendo principalmente nas Américas. O surto começou em abril de 2015 no Brasil e, em sequência se espalhou em outros países da América do Sul, Central e Caribe. Em novembro de 2015, estudos preliminares surgiram indicando que o vírus Zika pode estar associado com um aumento observado de complicações neurológicas (síndrome Guillain-Barré) em adultos e má-formação cerebral severa em recém-nascidos de mães infectadas durante a gravidez. Noventa e oito por cento dos casos confirmados de microcefalia no Brasil estão localizados na região Nordeste. Fatores meteorológicos afetam a dinâmica populacional de Aedes aegypti, influenciando no desenvolvimento, reprodução e sobrevivência do mosquito. Em geral, temperaturas mais quentes, precipitação e umidade altas são associadas a uma maior abundância de mosquitos adultos. Além disso, temperaturas quentes estão tipicamente associadas com uma reprodução do vírus mais rápida dentro do mosquito, levando a um maior risco de transmissão de doenças. Esse projeto concentra esforços para simular de forma mais compreensiva e acurada a complexa dinâmica, baseada em dados meteorológicos, populacionais e econômicos, que modulam as populações de Aedes aegypti e a transmissão de doenças. As informações fornecidas por tais simulações contribuem para um entendimento básico da ecologia do mosquito e das doenças e podem ser aplicados para desenvolver sistemas de monitoramento e alerta e investigar o impacto de mudanças climáticas na transmissão de doenças. O objetivo deste projeto é gerar ideias inovadoras para lidar com a situação emergencial de saúde pública criada pelo vírus Zika, que auxiliarão instituições a obter indicadores de risco, planejar e implementar ações preventivas, monitorar e prever ocorrência de casos. Pretende-se iniciar com um estudo piloto no Estado Rio Grande do Norte e, posteriormente, expandir o escopo para outros estados brasileiros e países.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Aparecida Cielo

Ciências da Saúde

Fonoaudiologia
  • liberação miofascial, voz, respiração e postura corporal de professoras – ensaio clínico controlado e randomizado
  • Introdução: Os professores têm intensa demanda vocal e o seu exercício profissional prescinde de esforço muscular, controle respiratório adequado e manutenção de postura corporal. Objetivo: Investigar os efeitos da liberação miofascial sobre a voz, respiração e postura corporal de professoras da cidade de Santa Maria/RS. Métodos: Ensaio clínico randomizado duplo cego. Os critérios de inclusão são: professoras em atividade, atuantes em todos os níveis de ensino; na faixa etária de 19 a 60 anos; com laringe normal ou as seguintes afecções laríngeas (AL): fenda triangular de grau I ou de grau II; presença de queixas osteomusculares e ou vocais. Os critérios de exclusão são: professor de Língua Brasileira de Sinais, de salas de apoio, de canto e ou de música; de Educação Física ou em atividades administrativas; história de doenças neurológicas, gástricas, psiquiátricas, endocrinológicas, reumáticas, musculoesqueléticas degenerativas ou pulmonares; perda auditiva; trauma ortopédico ou malformações craniofaciais, lesão em chicote, cicatrizes cirúrgicas no pescoço, radioterapia e cirurgia na laringe; sob tratamento fonoaudiológico, fisioterapêutico e/ou otorrinolaringológico; cantora amadora ou profissional; hábitos de etilismo e/ou tabagismo; diagnóstico de disfonia ou AL que não se enquadre naqueles dos critérios de inclusão. Na amostragem, está sendo solicitado videolaringoscopia e triagem auditiva. As professoras preenchem o Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares. Na coleta de dados, é realizada a avaliação postural clínica. As participantes preenchem alguns protocolos de autoavaliação sobre voz: Perfil de Participação e Atividade Vocais, Qualidade de vida em voz, Índice de desvantagem Vocal, Escala de Sintomas Vocais, Escala de desconforto do trato vocal, Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão e University of Rhode Island Change Assessment-Voz. Na análise acústica está sendo utilizado o programa Multi Dimensional Voice Program Advanced para a análise da vogal /a/, emitida em tempo máximo de fonação. Na avaliação vocal perceptivoauditiva, as professoras leem as frases do protocolo Consensus Auditory - Perceptual Evaluation of Voice. Estão sendo avaliadas as pressões respiratória máximas. Também a dor crônica cervical por meio do Índice de Incapacidade Relacionada ao Pescoço. E o limiar de dor nos músculos cervicais com algômetro. Ainda, a avaliação postural fotogramétrica. Após todas as avaliações, inicia-se a aplicação do protocolo de terapia miofascial que tem um total de 24 sessões, realizadas três vezes por semana, com duração média de 40 min.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Barbosa Nonino

Ciências da Saúde

Nutrição
  • determinantes do reganho de peso no pós-operatório da cirurgia bariátrica: fatores genéticos, nutricionais e distúrbios psiquiátricos
  • Introdução: Independente da estratégia utilizada no tratamento da obesidade, a resposta individual às intervenções é altamente variável, com destaque para as modificações genéticas e para a presença ou não de distúrbios psiquiátricos, as quais podem explicar a variedade de respostas fisiológicas existentes entre os indivíduos em mesmas condições ambientais em relação à perda ou ganho de peso. Reconhecer esses fatores precocemente poderia auxiliar na melhoria de atendimento e gastos realizados pelo sistema Único de Saúde (SUS). Objetivo: Avaliar os principais fatores genéticos, nutricionais e os distúrbios psiquiátricos determinantes do reganho de peso no pós-operatório tardio (5 anos) de indivíduos com obesidade submetidos à DGYR atendidos pelo SUS. Métodos: O estudo será realizado em duas etapas, sendo uma retrospectiva, com a análise de prontuários médicos, com coleta de dados antropométricos, do consumo alimentar, parâmetros bioquímicos e diagnósticos de distúrbios psiquiátricos nos períodos pré-operatório e pós operatório de 1, 2, 3, 4 e 5 anos. Na etapa transversal, serão incluídos indivíduos de população miscigenada, com idade entre 18 e 60 anos, distribuídos em dois grupos: Grupo Cirurgia Bariátrica (G1): 150 indivíduos com obesidade grau III (IMC ≥ 40 kg/m2), submetidos à derivação gástrica em Y de Roux (DGYR), que completarão 5 anos de pós-operatório ao longo dos próximos 2 anos; e Grupo Controle (G2): 100 indivíduos eutróficos (IMC entre 18,5 e 24,9 kg/m2). Os indivíduos serão submetidos à avaliação nutricional; coleta de sangue periférico para análise genética (BeadChip-Illumina® 640.000 SNPs) e bioquímica; avaliação psicológica para detecção da presença de sintomas de ansiedade, depressão e da presença de Transtorno de Compulsão Alimentar Periódica (TCAP). Para análise estatística dos dados serão utilizados testes Kolmogorov-Smirnov, Kruskal-Wallis, ANOVA, Qui Quadrado, correlação de Pearson e de Spearman, além de softwares específicos de bioinformática. Será admitido nível de significância para p<0,05.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Biancha Angelucci

Ciências Humanas

Educação
  • garantia do direito à educação para pessoas com deficiência: o que nos dizem os beneficiários do bpc que não frequentam a escola
  • O tema desta pesquisa é o direito à educação por parte de pessoas com deficiência, assistidas pelo programa de transferência de renda Benefício de prestação continuada – BPC. Inspiradas pelo Programa federal BPC na escola, pretendemos analisar a situação de escolarização dos beneficiários que foram identificados, na região centro-oeste, pelo levantamento realizado em 2009 pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo dos beneficiários do BPC que afirmaram, naquele momento, não frequentar ou nunca ter frequentado unidade escolar. A pesquisa visa atualizar e aprofundar as informações obtidas relativamente aos motivos para a não frequência, os quais incidiram, preponderantemente, sobre três aspectos: a descrença da família na possibilidade de aprendizagem de seu filho; a recomendação da gestão escolar de cessação de frequência à escola e a ausência de suporte às atividades de vida diária durante o período escolar. A pesquisa justifica-se pelas alterações na legislação e nas garantias de apoio à escolarização de pessoas com deficiência no município, principalmente no que se refere à oferta de Atendimento educacional especializado e à instituição da figura do Agente de vida escolar no apoio às atividades de vida diária do estudante com deficiência, durante o período escolar. Será realizada atualização do mapeamento das famílias da região centro-oeste que afirmaram, em levantamento anterior, que a pessoa com deficiência não estava frequentando a escola ou que nunca havia frequentado, e serão realizadas entrevistas, por amostragem, a fim de compreender, em profundidade, a experiência da família com o direito à educação por parte da pessoa com deficiência.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Brenda Bonifazi

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • novos desafios em física de neutrinos
  • A física de neutrinos tem atraído atenção mundial, tanto por suas implicações no conhecimento fundamental da física de partículas, astrofísica e cosmologia, quanto por possíveis aplicações tecnológicas, como o monitoramento de reatores nucleares. O Brasil está agora em posição privilegiada para realizar estudos experimentais de neutrinos de reatores, pois dispõe de um laboratório funcional instalado em um contêiner situado a 30 m do núcleo do reator de Angra II, condição disponível em poucos países. Um dos experimentos instalados de trabalho de modo a melhorar a performance de operação do experimento CONNIE. Em particular, os dados atuais mostram que a corrente escura no detector está limitando nossa capacidade de operação do sistema. Entender este efeito e encontrar a forma de diminuir a corrente escura vai nos permitir baixar o limiar de detecção além de eliminar possíveis sistemáticos na análise dos dados. Ao mesmo tempo, ter uma bancada de teste de CCDs no IF-UFRJ vai nos permitir formar recursos humanos na tecnologia de CCDs e estar preparado para trabalhar com o novo sensor CCDs skipper que visam baixar o limiar de ruído no CCD em pelo menos uma ordem de grandeza. Esta tecnologia será utilizada na nova geração de experimentos para física de neutrinos de baixíssima energia. Também estou solicitando diárias para poder realizar as visitas e trabalhos de manutenção e operação do experimento na Usina Angra II. Esta verba é muito importante para poder manter o experimento tomando dados de forma contínua, tendo em conta que atualmente os recursos estaduais ganhos pela colaboração brasileira não têm sido liberados e não há expectativa de liberação.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Campos Muniz Medeiros

Ciências da Saúde

Nutrição
  • projeto de pesquisa, extensão e formação de gestores e trabalhadores do sistema único de saúde para prevenção, diagnóstico e tratamento da obesidade da população da paraíba
  • A obesidade é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) uma epidemia e configura-se como um sério problema de saúde pública, uma vez que traz consequências deletérias para a saúde devido a sua associação com várias doenças crônicas não transmissíveis, como o diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares, doença gordurosa hepática não alcóolica, transtornos mentais, entre outros, com impacto negativo na qualidade de vida de uma população. Em 20 anos, a prevalência de obesidade em crianças de 5 a 9 anos quadruplicou entre os meninos (4,1% para 6,6%) e praticamente quintuplicou entre as meninas (2,4% para 11,8%). Entre os adolescentes, 20% estão com excesso de peso e 8,4%, com obesidade. Já em adultos, a prevalência de obesidade passou de 11,8%, em 2006, para 18,9% em 2016, atingindo quase 1 em cada 5 brasileiros. Em João Pessoa, a prevalência ficou acima da média nacional, com 21,7%. Apesar da implantação de várias ações recomendadas pelo Ministério da Saúde e pelo plano de ações estratégicas para o enfrentamento das doenças crônicas no Brasil (2011-2022), observa-se a manutenção de um quadro preocupante, mesmo com o aumento do consumo de fruta e verdura e aumento da atividade física no lazer pela população. A obesidade tem característica multifatorial, depende do perfil alimentar e da atividade física das pessoas, mas o seu aumento vem sendo atribuído também a diversos processos em que o “ambiente” (político, econômico, social e cultural) é determinante. O Ministério da Saúde (MS) recomenda que as ações para enfrentamento e controle da obesidade sejam realizadas de maneira oportuna nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), nas academias de saúde e nas escolas, para tanto faz-se necessário investir na capacitação dos profissionais de saúde, na promoção à saúde e instituir ações de avaliação das intervenções propostas Este projeto tem como objetivo fortalecer o enfrentamento e controle da obesidade no âmbito da Atenção Básica do Sistema Único de Saúde (AB-SUS) por meio do desenvolvimento de um conjunto de ações de pesquisa, extensão e formação de gestores e trabalhadores do SUS na Paraíba. Serão realizadas ações distribuídas em quatro eixos: Eixo 1- Pesquisa e desenvolvimento, visa realizar diagnóstico inicial da organização da gestão e da atenção nutricional em até quatro municípios sentinela para monitoramento e avaliação das ações: inicialmente será aplicado um questionário elaborado pelo MS e disponibilizado no “Marco Zero”, em até quatro municípios sentinela, em diferentes regiões do Estado. Esse instrumento deverá ser aplicado por alunos de graduação e pós-graduação das instituições participantes para o diagnóstico inicial da organização da gestão e da atenção nutricional. Após essa etapa serão desenvolvidas pesquisas sobre desafios para o processo de implementação de programas estratégicos de enfretamento e controle da obesidade na AB-SUS, além da avaliação das capacidades, habilidades e competências dos profissionais na AB-SUS para enfrentamento e controle da obesidade. Também serão realizadas intervenções, através de ações de educação em saúde, com posterior avaliação do impacto dessas ações. Além disso, serão realizados projetos de extensão visando desenvolver ações experimentais de educação alimentar e nutricional para prevenção da obesidade; Eixo 2- Formação, cujo principal objetivo é criar mecanismo de continuidade de formação e capacitação dos gestores e profissionais de saúde, especialmente aqueles inseridos nos NASF, através de desenvolvimento de capacidades voltadas à articulação intra e intersetorial e a implantação de ações efetivas e inovadoras para prevenção e tratamento da obesidade: serão oferecidos dois cursos de capacitação semipresencial (1/3 presencial e 2/3 a distância), sendo um para gestores (40 horas/12 horas presenciais) e outro para os profissionais de saúde AB-SUS (180 horas/60 horas presenciais), com auxílio da plataforma moodle; Eixo 3 – Avaliação e monitoramento, que visa pactuar indicadores de monitoramento e avaliação dos municípios do Estado: elaborar sistemas simples de apoio a decisão para a gestão, baseado nos indicadores pactuado com os gestores; Eixo 4 – Difusão científica: identificar, divulgar e replicar ações bem-sucedidas de enfrentamento da obesidade nos municípios, especialmente as práticas existentes nas UBS voltadas para prevenção ou tratamento de pessoas com excesso de peso: as ações de difusão serão realizadas continuamente através dos meios de comunicação, incluindo as redes sociais e um site que será construído para esse fim. Além disso, haverá divulgação pelas equipes de saúde, serão realizados encontros com gestores estaduais e municipais de saúde. Espera-se caracterizar a situação da prevalência de obesidade na Paraíba e da gestão em saúde voltada para o enfrentamento deste problema e realizar ações que visam implementar as políticas preconizadas pelo MS. Espera-se alcançar uma maior capacitação dos profissionais de saúde e gestores no controle e enfrentamento da obesidade. Também se fortalecerá o vínculo entre Academia e assistência através das parceiras realizadas entres as instituições de ensino e as secretarias de saúde e educação, com uma formação mais crítica e reflexiva de alunos de graduação e pós-graduação, bem como apresentação de trabalhos em congresso científicos nacionais e internacionais e publicação de artigos científicos em revistas de impacto nas áreas de interesse
  • Universidade Estadual da Paraíba - PB - Brasil
  • 30/11/2018-31/03/2021
Foto de perfil

Carla Candida Rizzotto

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • racionalidade versus histórias de vida: uma análise das estratégias comunicacionais deliberativas em debates polêmicos e polarizados
  • A democracia deliberativa visa descentralizar as decisões políticas dos meios burocráticos do Estado, através da participação civil (HABERMAS, 1984). De maneira simplificada, diz-se que o objetivo da deliberação é atingir o consenso pela força do melhor argumento. Iris Young (2001), todavia, alega que essa concepção acaba por valorizar o estilo discursivo assertivo e confrontacional, silenciando determinados grupos. Por isso propõe que outras formas de comunicação, além da argumentação racional, sejam levadas em conta nos processos deliberativos, permitindo que públicos diferentes discursem de formas que são mais permeáveis a eles. Com base na proposição de Young, delineia-se o problema desta pesquisa: a que estratégias comunicacionais recorrem os indivíduos na formulação e na exposição de suas opiniões sobre temas polêmicos, com vistas ao convencimento de seus interlocutores? Como temas polêmicos optou-se pelas discussões em torno das cotas raciais nas universidades, da Lei do Feminicídio e da descriminalização do aborto, questões que envolvem em sua discussão o resgate de histórias de vida e nas quais é perceptível uma profunda influência de valores individuais em detrimento de um direcionamento ao “bem comum”. O corpus dessa pesquisa compreende discussões que ocorrem em “terceiros espaços”, ou seja, em arenas que não possuem a deliberação como fim, quais sejam, o Facebook, o Youtube e blogs pessoais, buscando com isso contribuir com as discussões acerca do potencial democrático do debate online. Tem-se como hipóteses que (H1) os participantes utilizam estratégias que vão além da argumentação racional, recorrendo frequentemente a elaborações retóricas e a histórias pessoais com vistas a sensibilização; dessa forma, (H2) os espaços online são locus deliberativos sempre que consideradas outras formas de comunicação mais permeáveis aos diferentes grupos como a saudação, a retórica e a narração. Como objetivo específico da pesquisa espera-se, após a codificação de aproximadamente 15 mil comentários extraídos das três plataformas, empreender um processo de machine learning a fim de facilitar análises futuras de conversações online sobre temas polêmicos.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Cecília Rodrigues Almeida

Ciências Humanas

Ciência Política
  • efeitos dos conselhos gestores nas administrações públicas municipais e na política de assistência social
  • A proposta consiste em dar continuidade à trabalho anterior que analisou a efetividade dos conselhos municipais sobre a gestão da política de assistência social no Brasil. Para tanto, utilizamos dados do Censo Suas 2012, conduzido pelo então Ministério do Desenvolvimento Social, que cobriram 93% dos municípios brasileiros e que nos serviram de matéria prima para a construção dos dois índices que ampararam a pesquisa: a) o Índice de Efetividade da Participação, que agregou num único valor indicadores do nível de institucionalização, da qualidade da deliberação e da qualidade da representação nos conselhos municipais; b) o Índice de Gestão Municipal, que agregou num único valor indicadores da estrutura administrativa e da gestão dos serviços, programas, projetos e benefícios da política municipal. Este projeto visa aprimorar e ampliar esse estudo com (I) a incorporação do índice da política de assistência social, que mede a qualidade dos serviços oferecidos, (II) a inserção do elemento temporal à análise das variações nos índices, no intervalo de uma década, e (III) a incorporação de variáveis socioeconômicas e políticas dos Estados. Assim, com essa proposta, procuramos avançar na identificação das condições que afetam a efetividade dos conselhos gestores.
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Craice da Silva

Ciências Humanas

Sociologia
  • mostra interterritorial científica e tecnológica da bahia: tecnologia, inovação e vivências no rural
  • A presente proposta vem promover a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNTC), voltando-se essencialmente para reflexão do desenvolvimento rural no interior do estado da Bahia. Buscará, através do evento, salientar a importância da Ciência Tecnologia e Inovação (CT&I) na área da Bioeconomia em territórios vulneráveis envolvendo estudantes de ensino médio e superior, produtores e produtoras de agricultura familiar, comunidades tradicionais e sociedade civil dos territórios Metropolitano de Salvador, Portal do Sertão, Agreste de Alagoinhas/ Litoral Norte e Sisal, Recôncavo, Semiárido Nordeste II.
  • Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira - CE - Brasil
  • 21/10/2019-30/04/2020
Foto de perfil

Carla Cristina Almeida Loures

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • biorremediação de águas residuais da aquicultura a partir de microalgas visando a produção de bioenergia
  • A produção de combustíveis renováveis obteve um grande impulso nos últimos anos, com o aumento do preço dos combustíveis e as crescentes preocupações com questões ambientais. O desenvolvimento e implementação de processos sustentáveis, capazes de converter biomassa em produtos com alto valor agregado, podem ser alternativas viáveis para o aproveitamento do efluente gerado no processo de produção piscícola a fim de garantir a redução do impacto ambiental associado ao descarte inadequado da água residual. Durante o processo de produção piscícola é inevitável o acúmulo de resíduos orgânicos, gerados principalmente pela produção de fezes e compostos decorrentes do metabolismo, resultando no acúmulo de metabólicos tóxicos aos organismos aquáticos (amônia, nitrito e gás carbônico). Para minimizar o impacto causado por efluentes de viveiros de piscicultura, podem ser utilizados uma série de métodos que promovam o tratamento do efluente, mas ao mesmo tempo aproveita-lo na produção de biocombustíveis. Dentre as diversas matérias primas disponíveis na produção de biocombustíveis, as microalgas surgem como uma alternativa sustentável devido sobretudo a sua elevada produtividade, por assimilarem uma maior taxa de CO2, possuírem um teor de óleo maior que as oleaginosas e não necessitarem de grandes áreas para seu cultivo. O presente trabalho tem por objetivo maximizar o potencial de desenvolvimento da microalga Chlorella sp a qual apresenta um alto rendimento energético, visando a produção de biocombustíveis utilizando efluentes de viveiros de piscicultura. Considerando o exposto, espera-se que a proposta apresentada pelo CEFET/ Angra dos Reis contribua com o desenvolvimento científico e tecnológico junto aos setores ambiental e energético gerando uma fonte alternativas para a produção de bioenergia eco compatível.
  • Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Cristina Enes

Ciências da Saúde

Saúde Coletiva
  • impacto da taxação de bebidas adoçadas na demanda e na prevalência e incidência de obesidade e outras doenças crônicas na população brasileira
  • Estudos atuais reforçam a relação entre o consumo de bebidas adoçadas e o maior risco de obesidade, diabetes mellitus tipo 2, hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e outros problemas de saúde. Nesse sentido, medidas regulatórias como a taxação de bebidas adoçadas surgem como uma alternativa eficaz na promoção de ambientes alimentares mais saudáveis, na tentativa de diminuir o consumo e conter o avanço desses desfechos de saúde. Vários países já adotaram essa medida e resultados positivos de redução de consumo foram demonstrados no México, Chile, Dinamarca e Hungria. A proposta de taxação de bebidas adoçadas, muito mais do que gerar receitas para o governo, deve ser entendida como uma ferramenta de saúde pública, impactando positivamente nos gastos em saúde decorrentes da obesidade e suas comorbidades. Sendo assim, o objetivo deste estudo é estimar o impacto de diferentes alíquotas de taxação de bebidas adoçadas na demanda e na prevalência e incidência de obesidade e outras doenças crônicas na população brasileira. Adicionalmente, será estimado o efeito da taxação sobre indicadores como Disability-Adjusted Life Year (DALY), absenteísmo, presenteísmo e aposentadoria precoce, e calculados indicadores econômicos como custo-efetividade e impacto orçamentário. Serão utilizados dados de aquisição de bebidas adoçadas obtidos na Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008-09, na Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) de 2013 e no Sistema de Vigilância dos Fatores de Risco para Doenças Crônicas não-transmissíveis por Inquérito Telefônico (VIGITEL) de 2006 a 2018, e/ou resultados mais recentes desses inquéritos. Três cenários de taxações sobre bebidas adoçadas serão testados, combinados com uma taxa de repasse de 80%. O incremento de preço desse grupo de bebidas será então combinado com a estimativa da elasticidade-preço para estimar a mudança em sua demanda (e consumo). Para avaliar o impacto das taxações sobre os desfechos de saúde (obesidade, diabetes mellitus tipo 2, hipertensão e doenças cardiovasculares), serão utilizados valores de risco relativo (RR) provenientes de revisões sistemáticas com meta-análise de estudos que avaliaram a associação entre bebidas adoçadas e os desfechos citados e dados de prevalência dos agravos crônicos de interesse obtidos a partir de estudos populacionais como a POF, a PNS e o VIGITEL. Esse impacto será avaliado a partir da redução da prevalência e incidência desses agravos atribuída à redução no consumo de bebidas adoçadas. Adicionalmente, será realizada análise de custo-efetividade comparando a diminuição em diversos indicadores e desfechos de saúde a partir do cálculo da razão de custo-efetividade incremental (RCEI). Também será avaliado o impacto orçamentário com previsão de cinco anos futuros após a implantação da medida tributária.
  • Pontifícia Universidade Católica de Campinas - SP - Brasil
  • 06/01/2020-31/01/2022
Foto de perfil

Carla Cristina Pompeu

Ciências Humanas

Educação
  • políticas educacionais para o ensino de matemática na educação de jovens e adultos: um estudo a partir da utilização do software prospéro
  • O presente projeto compreende um estudo qualitativo a partir da análise e estudo de documentos oficiais, particularmente relacionados à Educação de Jovens e Adultos e à Educação Matemática. Estando fundamentado em teorias que tratam do valor social da matemática, das relações entre sujeito e conhecimento matemático, levando em conta o sujeito social e suas especificidades e contribuições no processo de aprendizagem. Com o objetivo de aprofundar os estudos no tema e analisar de que modo as políticas públicas e materiais curriculares, com foco no ensino de matemática, reconhecem os alunos da EJA, suas experiências e saberes, esta investigação visa uma profunda análise bibliográfica que trate da aprendizagem situada, da sociologia pragmática e da sociologia do indivíduo, através de contribuições de Bernard Charlot, Jean Lave, Alan Bishop, Boltanski, Dubet entre outros teóricos e sociólogos. Para tanto, é proposto a utilização do software Prospéro, como ferramenta metodológica de análise dos dados, uma vez que o referido software foi desenvolvido a partir dos preceitos da sociologia pragmática. Espera-se que esta investigação contribua para novas reflexões acerca da Educação Matemática, das políticas educacionais e da Educação de Jovens e Adultos no Brasil.
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla de Sales Pessanha

Ciências Biológicas

Biologia Geral
  • vii feira municipal de ciência, tecnologia e inovação vinculada à secretaria municipal de educação, cultura e esporte de campos dos goytacazes- rj
  • Em 2010, 2012, 2014, 2016 e 2017 a Coordenação Pedagógica de Ciências da Natureza da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte de Campos dos Goytacazes foi contemplada com os editais MCT/CNPq/MEC/SEB/CAPES Nº 51/2010, MCTI/CNPq/SECIS/ MEC/SEB/CAPES Nº 50/2012, MCTI/CNPQ/SECIS/MEC/ CAPES Nº 44/2014, CNPq/MCTIC/SECIS Nº 24/2016 e CNPq/CAPES/MEC/MCTIC/SEPED Nº 25/2017, respectivamente. Com contemplação dos presentes editais foi possível desenvolver com maior eficiência e abrangência, as atividades propostas por esta coordenação. Inúmeras atividades foram realizadas com o objetivo de divulgação e popularização da Ciência e Tecnologia, entre elas: I, II, III, IV, V, VI e VII Gincana Científico/Tecnológica; I e II Concurso de Curtas-Metragens; I, II, III, IV, V, VI Semana Nacional de Ciência e Tecnologia de Campos dos Goytacazes (recurso disponibilizado atualmente em parceria do CNPq com o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações); I, II, III, IV e V Feira Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de Campos dos Goytacazes; participação em projetos internacionais (parceria com o Clube de Astronomia Louis Cruls), entre eles campanha Internacional de busca de asteroides, Ópera Mundial da Ciência e projeto Cubos no espaço; visitas técnicas em Universidades e Institutos Federais, entre outros. Diante do exposto, vislumbramos mais uma vez a oportunidade oferecida pelo presente edital, onde a coordenação de Ciências pretende realizar novamente a FEMuCTI com enfoque multidisciplinar de maior abrangência, envolvendo não somente a grande maioria das Escolas da Rede Municipal de Ensino, mas também outras Instituições de Ensino, buscando dessa forma, valorizar a experimentação, a inovação e a utilização do método científico, além de incentivar a atitude investigativa, o trabalho colaborativo e as atividades de iniciação científica na educação. Para educadores comprometidos com a evolução da qualidade do ensino, promover eventos de popularização e difusão da ciência e da tecnologia é uma experiência grandiosa e inspiradora, que nos confere a oportunidade ímpar de sermos agentes de uma transformação de dimensões positivamente imprevisíveis na vida de jovens espalhados em cada pedacinho deste país de dimensões continentais. A popularização da ciência e da tecnologia tem se notabilizado como um dos instrumentos mais apropriados para aproximar, a partir de diferentes práticas pedagógicas: a ciência, a tecnologia e a inovação do ensino. O método científico e o processo de aprendizagem são indissociáveis na formação de mentes críticas e criativas, e deveriam caminhar lado a lado na construção de uma nova forma do aluno enxergar seu cotidiano. Além de um instrumento de difusão e a popularização da ciência/tecnologia, a participação em eventos ligados à ciência e à tecnologia representa uma possibilidade singular de interação entre alunos de diferentes níveis de formação, professores, pesquisadores, gestores em ensino e pesquisa e a comunidade em geral, criando uma rede de divulgação e propagação do conhecimento científico e tecnológico, onde todos se mobilizam em torno de temas e atividades científicas, e contabilizam ganhos individuais e coletivos na construção de uma identidade mais cidadã. Acreditando na continuidade das ações propostas e para que tenhamos um pleno envolvimento/desenvolvimento do nosso trabalho é imprescindível a contemplação do presente edital, que será fundamental para que continuarmos divulgando Ciência e Tecnologia em nosso município, afetando positivamente a vida de todas as pessoas envolvidas, principalmente dos jovens em formação. Dessa forma, nosso trabalho será cada vez mais consolidado, com maior envolvimento de escolas e de novos parceiros/instituições, refletindo direta e positivamente no processo de ensino e de aprendizagem.
  • Prefeitura Municipal de Campos dos Goytacazes - RJ - Brasil
  • 04/12/2018-31/12/2020
Foto de perfil

Carla Denise Bonan

Ciências Biológicas

Farmacologia
  • sinalização purinérgica no transtorno obsessivo-compulsivo: uma abordagem farmacológica em peixe-zebra
  • O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) é um distúrbio neuropsiquiátrico generalizado e debilitante com prevalência de 2-3% em todo o mundo, classificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como a décima doença mais incapacitante, sendo mais comum no sexo masculino. Este transtorno envolve alterações graves nos processos de pensamento e comportamento. Suas principais características são pensamentos intrusivos persistentes (obsessões), que causam angústia, e frequentemente são acompanhados por atos repetitivos e estereotipados (compulsões), caracterizados por comportamentos repetitivos, mentais ou físicos, realizados de acordo com regras rígidas ou em resposta a obsessões. A estratégia aqui apresentada se insere em um contexto no qual a incidência do TOC tem aumentado a nível mundial, sem que se tenha conhecimento consolidado da patofisiologia dessa doença. Assim como para outros distúrbios neurocomportamentais, os modelos animais de TOC são ferramentas essenciais para a compreensão da complexidade, entendimento das bases biológicas e desenvolvimento de novos tratamentos e métodos diagnósticos. Esta proposta pretende abordar a identificação de possíveis mecanismos envolvidos no TOC, utilizando o peixe-zebra no estágio larval e adulto como modelo experimental. Esse organismo é comumente utilizado para o estudo de desenvolvimento em vertebrados e dos mecanismos biológicos relacionados às doenças humanas. Dentre as razões que revelam o peixe-zebra como um bom modelo para o estudo de doenças humanas neurocomportamentais, pode-se destacar a identificação dos principais neurotransmissores encontrados em mamíferos, tais como glutamato, GABA, dopamina, norepinefrina, epinefrina, serotonina, purinas, entre outros. Além disso, esse organismo apresenta um amplo repertório comportamental e processamento cognitivo complexo, o que possibilita a visualização de comportamentos do tipo TOC, como endofenótipos de ansiedade, esteriotipia e compulsão. Existem várias teorias para o desenvolvimento desse transtorno. No entanto, ainda são necessários estudos relacionados a interações entre os sistemas de neurotransmissores em circuitos neurais, como o sistema purinérgico que, além de ser relacionado com os neurotransmissores já descritos no TOC, estudos têm relatado sua importância em diferentes patologias. A ação antagonista que a adenosina desempenha sobre o receptor D2 de dopamina (envolvido nos sintomas do TOC) indica uma possível relação desse sistema com o transtorno. Portanto, neste estudo vamos avaliar a influência da sinalização purinérgica com o TOC, por meio da avaliação do efeito de agonistas e antagonistas dos receptores adenosinérgicos, inibição da recaptação de adenosina e no metabolismo de nucleotídeos e nucleosídeos. Considerando o número de pessoas acometidas pelo transtorno, seus efeitos deletérios e o limitado número de informações sobre as bases neurobiológicas e tratamentos realmente eficazes, torna-se relevante estudar os mecanismos pelos quais o transtorno exerce seus efeitos. Neste contexto, propomos o desenvolvimento de um modelo de TOC em peixe-zebra no estágio larval e adulto por meio da exposição ao quinpirole e sua validação através de padrões de comportamento confiáveis e mensuráveis nesses animais. Além disso, ao investigar a sinalização purinérgica poderá ser evidenciado, pela primeira vez, o papel desse sistema no desenvolvimento de um modelo de TOC em animais.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Eiras

Engenharias

Engenharia de Materiais e Metalúrgica
  • estratégias em nanotecnologia para o uso de biopolímeros extraídos da biodiversidade do nordeste brasileiro em sistemas para sensoriamento de drogas
  • A nanotecnologia associada ao uso de matérias-primas oriundas de fontes naturais tem contribuído fortemente com o desenvolvimento de pesquisas que visam à melhoria da qualidade de vida. Dentre os diversos ramos da nanotecnologia, destacam-se o desenvolvimento de dispositivos para o sensoriamento de medicamentos e a terapia com entrega de drogas diretamente no alvo e de forma controlada. Frente a riqueza de nossa biodiversidade, ainda é pouco expressivo o número de estudos envolvendo biopolímeros para desenvolvimento de plataformas aplicadas a detecção de fármacos ou mesmo na síntese de nanopartículas para sistemas drug delivery. Os Fármacos antineoplásicos e os Esteroides Anabolizantes Androgênicos (EAAs) são classes de terapêuticos que merecem atenção especial, pois, uma vez que tais compostos podem ser prejudiciais tanto ao meio ambiente, ao profissional (biomédico, enfermeiro ou farmacêutico) que manipula tais drogas, como os quimioterápicos ou ainda quem faz o uso indiscriminado dos EAAs. Neste sentido, a presente proposta de pesquisa tem como objetivo o isolamento, a purificação e a modificação de biopolímeros extraídos de matérias-primas naturais encontradas no nordeste brasileiro, para posterior processamento na forma de filmes nanoestruturados ou nanopartículas visando estudos em associação com antineoplásicos e EAAs. Os filmes finos desenvolvidos serão utilizados como sensores eletroquímicos para a detecção de antineoplásicos, tais como o Metrotexato, o 5-Fluracila, entre outros. Já a oxandrolona, a testosterona e a nandrolona são exemplos de EAAs que também serão alvos de sensoriamento eletroquímico por estes filmes. Em um segundo momento, visando o estudo de sistemas de sistemas drug delivery, esses mesmos fármacos serão incorporados em nanopartículas biopoliméricas cujos sensores desenvolvidos nos subprojetos propostos serão utilizados para auxiliar na dosagem desses medicamentos. A perspectiva é de que estudos resultem em depósitos de patentes e publicações científicas relevantes para uso na indústria farmacêutica, alimentícia e cosmética, em monitoramento ambiental ou até mesmo em métodos diagnósticos ou testes antidoping.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Eloize Carducci

Ciências Agrárias

Agronomia
  • distinção de ambientes para o cultivo do linho (linum usitatissimum) no planalto catarinense
  • O cultivo de linho para produção tanto de sementes (linhaça) quanto de fibras é promissor no Brasil, visto a ocorrência de condições edafoclimáticas propícias ao seu crescimento, especialmente na Região Sul do país. No entanto, informações sobre seu cultivo, condução, fatores de produção e processamento do material final são escassos na literatura nacional. Dessa forma, o objetivo desta proposta é distinguir ambientes mais favoráveis ao desenvolvimento de diferentes variedades de linho, sementes de coloração marrom e dourada, quanto ao potencial do solo em fornecer água (relação entre atributos físicos e metereológicos), ao longo do ciclo vital da cultura, por meio da elaboração de modelos de previsão de crescimento e da dinâmica da água no solo ao longo do tempo.Para isso serão montados experimentos em três classes de solo (Argissolo, Cambissolo Húmico e Latossolo)predominantes na regiãodo Planalto catarinense. Essa região apresenta condições climáticas ideias para a produção do linho, ou seja, baixas temperaturas e alta precipitação. Para distinguir esses ambientes de produção serão avaliados os atributos físicos do solo indicadores da dinâmica da água,os atributos químicos e mineralógicos do solo para caracterização do mesmo, juntamente com os atributos fitotécnicos da planta e agrometeorológicos para identificar a melhor condição para a produção do linho seja ele de sementes dourados ou marrons, visto que no Brasil não há ainda variedades certificadas. A partir desses dados poderá ser elaborados modelos de previsão, funções de pedotransferência que indiquem a melhor condição ambiental para o cultivo dessa cultura. A proposta visa atender os três pilares da universidade: educação, pesquisa e extensão.
  • Universidade Federal da Grande Dourados - MS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Eponina Hori

Engenharias

Engenharia Química
  • eterificação de glicerol em produtos de maior valor agregado usando catalisadores ácidos e básicos em reatores pressurizados batelada e contínuo.
  • O objetivo do projeto é estudar a transformação de glicerol (um sub-produto da obtenção de biodiesel) em compostos de maior valor agregado. O foco desse projeto será o estudo de processos e catalisadores para a produção de éteres de glicerol, compostos que podem ser utilizados como aditivos de combustíveis, e na indústria química e farmacêutica em geral. Os estudos de reações de eterificação de glicerol são geralmente realizados em reatores batelada, sofrendo limitações termodinâmicas e de transferência de massa interna. Dessa maneira, propõe-se a realização de uma análise termodinâmica em diferentes condições de temperatura e pressão, inclusive em condições reacionais em que a mistura reacional é bifásica (equilíbrio líquido-vapor). Pretende-se assim, encontrar condições reacionais sem limitações termodinâmicas para realização de testes catalíticos. Posteriormente, as reações de eterificação de glicerol serão estudadas em reatores batelada e contínuo visando a produção de poligliceróis e de éteres a partir de reações com álcoois como o etanol ou terc-butanol. Serão avaliados catalisadores comerciais como Ambertlyst, zeólitas (Beta, Faujasita, Mordenita) e catalisadores sintetizados do tipo hidróxidos duplos lamelares nos quais os cátions +2 da estrutura Mg/Al (La) ou Ca/Al (La) serão parcialmente substituídos por outros cátions (Sr+2, Ba+2). Os catalisadores serão caracterizados por técnicas como difração de raios X, área superficial específica, medidas de acidez e basicidade e análise termogravimétrica a fim de correlacionar suas propriedades com o desempenho catalítico. A cinética das reações de produção de poligliceróis e de produção de éteres a partir da eterificação do glicerol com etanol e com terc-butanol serão investigadas usando o reator batelada. As reações serão realizadas em diferentes temperaturas e pressões. A otimização das condições operacionais será realizada usando o reator contínuo, a fim de diminuir as limitações de transferência de massa e de maximizar a conversão de glicerol e o rendimento nos produtos de interesse.
  • Universidade Federal de Uberlândia - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Ferreira Rezende

Ciências Biológicas

Ecologia
  • variação intraespecífica em organismos aquáticos: dimensões trófica, espacial e comportamental
  • Na última década os estudos sobre as interações dos indivíduos trouxeram respostas sobre como a variação intraespecífica atua nas populações. Análises quantitativas que levam em conta as características ecológicas de cada indivíduo proporcionaram o surgimento de novas abordagens sobre o tema. Nesse momento, surgiram discussões sobre as relações entre variação intraespecífica, especialização individual e expansão de nicho. Com base, no arcabouço teórico direcionado a essas questões o objetivo geral do projeto é verificar a ocorrência de variação intraespecífica em organismos aquáticos em diferentes eixos (espacial, trófico e comportamental) sob a influência da hipótese de variação de nicho. As hipóteses e previsões delineadas estão descritas na proposta submetida. Os objetivos específicos relacionados a formação de recursos humanos são contribuir com a formação de um doutor e um mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Recursos Naturais com enfoque em variação intraespecífica e auxiliar na a formação de aluno de graduação através de desenvolvimento de pesquisa como bolsista de Iniciação Científica. A meta principal é uma publicação em revista de alto impacto gerada pela proponente do projeto, compilando os principais resultados e relacionados a variação intraespecífica, especialização individual e hipótese da variação de nicho.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Galvão Spinillo

Ciências Sociais Aplicadas

Desenho Industrial
  • sistema gráfico-informacional para desenvolvimento de imagens na área médica para repositórios da una-sus/ufma universidade aberta do sistema único de saúde da universidade federal do maranhão
  • O uso de imagens como recurso efetivo na comunicação de conteúdos é reconhecido na literatura em design gráfico e da informação. Na área de saúde, a representação de informações complexas (e.g., sistema circulatório, evolução de doenças) através de imagens é cada vez mais recorrente em material educacional, particularmente no âmbito da medicina. No Brasil, o Ministério da Saúde em 2008 criou a UNA-SUS (Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde) para ofertar cursos em EaD (Ensino a distância) de capacitação de profissionais de saúde. A UNA-SUS é integrada por universidades parceiras, sendo a Universidade Federal do Maranhão (UNA-SUS/UFMA) uma das mais atuantes, ofertando 90 cursos para 240.000 alunos/profissionais de saúde no país no biênio 2016/2017. Portanto, é grande a produção de imagens na área de medicina pela UNA-SUS/UFMA, levando à organização de repositórios para disponibilização das mesmas, a fim de auxiliar na criação de materiais educacionais ilustrados. Todavia, a elaboração de imagens se dá de maneira assistemática e com foco nos desenvolvedores, negligenciando as demandas informacionais dos alunos/profissionais de saúde. Isto pode comprometer a eficácia comunicativa das imagens médicas no âmbito dos aspectos gráfico-informacionais, pertinentes à produção de material educacional. Assim, o objetivo geral deste projeto é propor um sistema gráfico-informacional para desenvolvimento de imagens na área médica para repositórios da UNA-SUS/UFMA com abordagem centrada nos usuários. Para isto, consta das fases: [1] Estudo bibliográfico; [2] Estudo das representações gráfico-informacionais de imagens na área médica em repositórios existentes; [3] Análise de contexto de elaboração e uso de imagens na UNA-SUS/ UFMA e requisitos para o sistema gráfico-informacional considerando seus usuários; [4] Elaboração do sistema gráfico-informacional para desenvolvimento de imagens na área médica para repositórios da UNA-SUS/UFMA; [5] Avaliação do sistema gráfico-informacional a ser proposto; e [6] Capacitação de desenvolvedores para uso do sistema gráfico-informacional. Como principais resultados deste projeto almeja-se a disponibilização de um corpus teórico e de abordagem metodológica de desenvolvimento de imagens na área de saúde com enfoque de design da informação centrado nos usuários. Assim, pretende-se contribuir para a melhoria do material educacional ilustrado produzido na UNA-SUS/ UFMA, e consequentemente para a formação dos profissionais de saúde no Brasil.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Göbel Burlamaqui de Mello

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • fisica de sabores pesados no lhcb: violação de cp e análise de amplitudes
  • Este projeto se dedica ao estudo de decaimentos de mésons D e B carregados, através da análise de dados do Experimento LHCb, CERN. Durate o projeto, pretende-se analisar tanto dados do run I (já disponível) como do run II (começando a serem coletados), com amostras sem precedentes destes mésons. Pretende-se desenvolver análises de amplitudes ressonantes e estudo de violação de CP (busca pelo efeito, no caso de mésons D, e medidas quantitativas, no caso de mésons B) em decaimentos de três corpos. O projeto se insere dentro da colaboração LHCb Rio, que tem pesquisadores da PUC, IF-UFRJ e CBPF.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Ivonne La Fuente Arias

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • produção de filmes biodegradáveis a partir de amidos modificados com ozônio
  • A produção de filmes biodegradáveis produzidos a partir de amido tem ganho destaque, devido ao crescente interesse pela sustentabilidade ambiental. Diversos métodos de modificação de amidos são utilizados para melhorar as características de sua forma nativa, que é limitada pela natureza. As modificações químicas são os métodos comumente mais utilizados em escala industrial. Entretanto, grandes quantidades de águas residuais são geradas, contendo substâncias que devem ser tratadas para não impactar o meio ambiente. Por outro lado, a oxidação por ozônio é considerada uma metodologia de modificação de amido de baixo impacto, tanto para os consumidores quanto para o meio ambiente. Como a aplicação desta tecnologia ainda é incipiente, poucos estudos sobre a aplicação de amidos modificados por ozônio são relatados na literatura. Este projeto pretende estudar a produção e a caracterização de filmes biodegradáveis, produzidos a partir de diferentes amidos modificado com ozônio, com potencial uso como embalagens.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Joana Santos Barreto

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • faciologia e arquitetura de fácies dos depósitos vulcânicos efusivos e explosivos do arquipélago de fernando de noronha
  • O arquipélago de Fernando de Noronha, distrito do Estado de Pernambuco, localiza-se no Oceano Atlântico Equatorial Sul, ocupando uma superfície de 26 km2. Geologicamente, as 21 ilhas e ilhotas que formam o arquipélago representam o topo emerso de uma cadeia de montanhas, estruturada numa zona de fratura E-W do assoalho oceânico e formada por rochas vulcânicas e subvulcânicas essencialmente alcalinas subsaturadas, produto de dois episódios vulcânicos distintos. O primeiro episódio, retratado pela Formação Remédios (8-12 Ma) é representado por depósitos piroclásticos na base, recortados por intrusões na forma de necks, plugs, domos e diques de rochas alcalinas subsaturadas. As rochas intrusivas variam entre lamprófiros, tefritos, basanitos e basaltos alcalinos até traquitos e fonolitos. O segundo episódio, representado pela Formação Quixaba (1,7 Ma) constitui um empilhamento de derrames de lava melanocrática ankaratrítica, depósitos piroclásticos subordinados e alguns diques de nefelinito. Derrames de basanito representam a Formação São José, de idade ainda incerta. Apesar da grande quantidade de pesquisas já terem sido desenvolvidas nesse arquipélago, ainda é escassa a abordagem do vulcanismo do ponto de vista da morfologia de lavas e depósitos vulcanoclásticos, faciologia e arquitetura de fácies. Dessa forma, o presente projeto tem como objetivo geral propor uma abordagem inovadora para o mapeamento de sequências vulcânicas do arquipélago de Fernando de Noronha, em que prioriza a identificação dos morfotipos de derrames, a faciologia e sucessão faciológica dos depósitos efusivos e piroclásticos, bem como sua organização para formar a porção subaérea do edifício vulcânico. Com isso pretende-se compreender as taxas de efusão, paleotopografia, formas de emplacement e as condições que atuaram durante as diferentes manifestações vulcânicas atuantes no passado. O produto final consistirá na construção de arquiteturas de fácies e elaboração de um modelo geológico que explique como ocorreu a evolução do vulcanismo subaéreo no arquipélago de Fernando de Noronha. Além disso, o estudo concomitante dos xenólitos mantélicos associados aos estudos geoquímicos e isotópicos Sr-Nd-Pb em rocha total permitirão considerações sobre a fonte desse magmatismo alcalino e o potencial mineralizante do manto para metais como Ag, Cr, Ni, Cu, Pb, Zn, Pt e Pd.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Joice Härter

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • estimativa da oferta de proteína metabolizável em bovinos: avaliação de marcadores de fluxo de digesta duodenal e microbianos
  • Pressões para aumentar a eficiência de produção vêm aumentando cada vez mais devido ao potencial de poluição que o excesso de proteína na dieta de ruminantes representa. Aumentar a eficiência de produção impacta diretamente no desenvolvimento de modelos mais acurados para predizer a oferta de aminoácidos para os ruminantes. O desenvolvimento desses modelos é dependente de estudos que possam medir com precisão e acurácia a oferta de aminoácidos para os ruminantes e, portanto, dependente do uso de marcadores de fluxo de digesta e marcadores de produção microbiana. Nas últimas décadas vários métodos, que não aqueles usados no desenvolvimento dos existentes sistemas de alimentação para ruminantes, têm sido aplicados na pesquisa e necessitam ser avaliados para seu potencial de predição de proteína metabolizável (PM). Portanto o objetivo desse projeto será de avaliar o efeito de diferentes marcadores de fluxo de digesta duodenal e de proteína microbiana na estimativa da PM. Para tal, será conduzido um experimento com novilhos distribuídos em um delineamento Quadrado Latino 4 x 4, onde serão testados os efeitos de duas fontes de suplemento proteico (farelo de soja e DDG) combinadas com duas fontes de volumoso (silagem de milho e feno de Tifton) na oferta de PM no duodeno. Serão ainda avaliados os efeitos dos marcadores de fluxo de digesta duodenal (Yttérbio, FDNi e FDA) bem como de marcadores microbianos (15N, purinas e real time PCR-q) na estimativa da PM. Adicionalmente, os atuais modelos de predição de PM serão avaliados a partir dos resultados obtidos nesse experimento pela regressão dos resíduos em função dos valores preditos ponderados para obtenção do viés médio e linear. As análises estatísticas serão realizadas no programa estatístico o SAS.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Luana Dinardo

Ciências da Saúde

Medicina
  • papel da resposta imune inata na definição de status de respondedor imune e na reação hemolítica pós-transfusional em pacientes com doença falciforme
  • Introdução. A transfusão de sangue é um recurso terapêutico de grande importância para pacientes com doença falciforme (DF). Entre as complicações associadas às transfusões de sangue, a aloimunização a antígenos eritrocitários é frequente, associando-se à ocorrência de reações hemolíticas pós-transfusionais, eventualmente fatais, e à doença hemolítica do feto / recém-nascido. A aloimunização eritrocitária ocorre em aproximadamente 5% a 25% dos pacientes com DF em esquema de transfusão crônica e sabe-se que apenas parte dos pacientes tem capacidade imune para desenvolver anticorpos anti-eritrocitários no pós-transfusional, sendo estes denominados “respondedores imunes”. Pacientes falciformes aloimunizados são susceptíveis à ocorrência de reações transfusionais hemolíticas tardias (RTHT), de gravidade bastante heterogênea. Em casos extremos de RTHT, há redução dos níveis de hemoglobina em relação aos pré transfusionais, denotando a ocorrência de destruição de eritrócitos próprios do paciente, além dos transfundidos, por via não totalmente esclarecida. Objetivos. Primário: Avaliar o papel da resposta imune inata como fator determinante para a ocorrência de aloimunização em pacientes com DF. Secundário: Avaliar o papel da resposta imune inata na determinação da gravidade de RTHT nesta mesma população de pacientes. Métodos: Estudo prospectivo que incluirá três grupos de pacientes falciformes transfundidos: não-aloimunizados, aloimunizados sem evidência de RTHT e aloimunizados com evidência de RTHT. Na primeira fase do projeto, os grupos não aloimunizados e aloimunizados (com ou sem histórico de RTHT) serão comparados quanto à expressão de IL1 beta, IL18, caspase1, TLR2, TLR4, TLR5, TLR9 e NALP3 no momento pré-transfusional. A expressão destes genes-alvo será quantificada em plataforma real-time, usando SyberGreen, a partir do cDNA convertido de RNA extraído de sangue periférico. Na segunda fase do projeto, será comparada a ativação de eritrofagocitose in vitro entre os grupos não-aloimunizados, aloimunizados sem evidência de RTHT e aloimunizados com evidência de RTHT por meio do ensaio de monocamada de monócitos. Neste mesmo ensaio, será também comparada a expressão de IL1 beta, IL18, caspase1, TLR2, TLR4, TLR5, TLR9 e NALP3 nas três condições estudadas.
  • Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Luiza da Silva Ávila

Ciências Agrárias

Zootecnia
  • caracterização da população de bactérias láticas presentes na silagem de capim-elefante cv.brs capiaçu e seleção de inoculantes para estas silagens, considerando diferentes alturas de corte
  • O milho é a planta forrageira mais utilizada para ensilagem no Brasil, no entanto, em função de alguns fatores como maiores riscos no cultivo, preços de insumos ou a não adaptação em algumas regiões climáticas, outras culturas tem sido utilizadas. O capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum.) é uma alternativa para suplementação volumosa. O capim-elefante cv. BRS Capiaçu, recém-lançado pela Embrapa, parece ter boas características de “ensilabilidade”. Esta cultivar caracteriza-se principalmente pela elevada produção de matéria seca (MS), o que contribui significativamente para a redução nos custos de produção. Além disso, apresenta boa resistência ao estresse hídrico (veranicos), bom valor nutritivo, e característica de rebrota. Apesar das vantagens, no momento ideal para o corte, pode apresentar alto teor de umidade e baixo teor de carboidratos solúveis, o que torna inadequado seu processo fermentativo com perdas no valor nutritivo da silagem. Com o objetivo de amenizar essas perdas, e auxiliar o processo fermentativo, inoculantes tem sido utilizados. Os inoculantes são a classe de aditivos mais utilizadas no mundo, compostos em sua maioria, por bactérias ácido láticas (BAL) e se destacam por não apresentarem efeitos corrosivos aos maquinários, não poluírem o meio ambiente, e por serem de fácil conservação e manuseio. Trabalhos já foram conduzidos com objetivos de selecionar cepas bacterianas para a utilização como culturas iniciadoras em silagens de milho e cana de açúcar no Brasil, e com gramíneas temperadas no exterior, entretanto não existem dados para o capim-elefante. Existe grande preocupação, entre os produtores, de melhorar e uniformizar a qualidade de silagens produzidas de cultivares de capim elefante o que pode ser feito a partir do estudo mais detalhado da microbiota e do perfil fermentativo destas forrageiras. Além disso, ainda não existe recomendação pratica do para melhor momento de corte.Com isso, o presente estudo tem como objetivo caracterizar a população de BAL em silagens de capim-elefante cv. BRS Capiaçu, selecionar cepas promissoras para serem utilizadas como inoculantes e avaliar o efeito destas sobre as silagens. O experimento será conduzido em três etapas, todas conduzidas utilizando a cultivar BRS Capiaçu. Na primeira, serão isoladas e identificadas as cepas de BAL presentes em silagens com diferentes tempos de armazenamento. Estas cepas serão identificadas de acordo com seu perfil proteico pela técnica de MALDI-TOF. As cepas a serem avaliadas nos testes de pré-seleção serão as cepas de BAL isoladas da silagem de capim-elefante,14 cepas de BAL isoladas e selecionadas para cana-de-açúcar e 6 cepas isoladas e selecionadas para milho. As cepas serão avaliadas quanto ao crescimento, capacidade de redução do pH e produção de metabólitos em extrato aquoso de capim-elefante. As cepas que apresentarem as melhores taxas de crescimento e eficiência na redução do pH serão avaliadas com base na capacidade de inibir o crescimento de microrganismos patogênicos e deterioradores da silagem. Após a pré-seleção, as cepas de BAL (pelo menos 15 cepas) que apresentarem os melhores resultados como,as maiores taxas de crescimento durante a fermentação, eficiência em reduzir o pH, maior produção dos ácidos lático, acético e propiônico e capacidade de inibir microrganismos deterioradores e patógenos serão avaliadas como inoculantes em silagens de capim-elefante. Nesta etapa, as cepas selecionadas serão inoculadas (6 log UFC/g) na forragem fresca e avaliadas em mini silos experimentais de PVC com capacidade para 3 Kg de forragem. Após 60 dias de estocagem, os silos serão pesados e abertos e amostras serão retiradas para análise bromatológicas (MS, proteína bruta, fibra em detergente ácido, fibra em detergente neutro, hemicelulose e carboidratos solúveis), microbiológicas (BAL, leveduras e fungos filamentosos e bactérias esporulantes anaeróbias), cromatográficas, pH, nitrogênio amoniacal, estabilidade aeróbia e de perdas de MS. As cepas que porpiciarem menores perdas de MS, melhor qualidade microbiológica e maior estabilidade aeróbia serão avaliadas em silos experimentais de volume de 30 L (duas melhores cepas mais controle). Nessa etapa, o capim-elefante será colhido em dois estágios de crescimento, quando atingir altura de 3 e 3,5 m e dois períodos de ensilagem serão avaliados (30 e 90 dias). Após o adequado cultivo da capineira (análise do solo, correção e adubação) será feito um corte de uniformização na área. A colheita e picagem da forragem, o preparo dos inoculantes e o preparo dos silos experimentais será conforme descrito anteriormente. Serão coletadas amostras da forragem fresca e após 30 e 90 dias de armazenamento. Todas as análises realizadas na etapa anterior serão realizadas nesta etapa também. Entretanto nesta etapa serão avaliadas também a digestibilidade in vitro da MS e o estudo da diversidade de microrganismos usando a técnica de Sequenciamento de Nova Geração (NGS). Os teste de avaliação de crescimento, produção de metabólitos e de queda do pH será conduzido em DIC com arranjo fatorial[(N × 5) × 3], sendo N cepas, 5 tempos de avaliação. Os testes de inibição, será conduzido em DIC com N cepas. O experimento em mini silos de PVC será conduzido como DBC com X cepas. A etapa final com as duas melhores cepas será conduzido em DIC com arranjo fatorial 3 × 2 × 2, sendo 3 (2 cepas e controle), duas alturas de corte do capim-elefante e 2 períodos de fermentação. Os experimentos serão conduzidos com quatro repetições. Espera-se encontrar cepas promissoras para o capim-elefante melhorando a qualidade fermentativa desta cultura. Além disso, a condução do projeto irá gerar novos conhecimentos a respeito da microbiologia destas silagens. As cepas promissoras poderão ser repassadas para indústria e serem comercializadas, melhorando a qualidade das silagens no campo e retornando recursos a Universidade.
  • Universidade Federal de Lavras - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Maria Dal Sasso Freitas

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • estudos e desenvolvimentos em visual analytics empregando interação convencional e técnicas imersivas
  • Ao longo dos anos o aprimoramento das tecnologias de aquisição, armazenamento e distribuição de dados e a intensificação do uso de sistemas computacionais e aplicativos em dispositivos móveis em todas as áreas da atividade humana levou a um aumento vertiginoso do volume e/ou da complexidade dos dados disponíveis. A compreensão desses dados é fator preponderante para o desempenho de tarefas, tomada de decisões ou aquisição de conhecimento. Nesse cenário, facilitar a compreensão torna necessárias técnicas de apresentação (comunicação) de dados que, por sua, demandam formas de representação, manipulação, exploração e análise de dados. A maioria das aplicações requer técnicas de sumarização e análise de dados justamente para facilitar sua compreensão pelos usuários. Técnicas de análise de dados combinadas com técnicas interativas de visualização correspondem ao que se convencionou chamar de Visual Analytics, análise interativa visual ou de “analítica visual”, as quais vem integrando, principalmente, técnicas de visualização interativa, técnicas de análise estatística, técnicas de mineração de dados e de aprendizado de máquina para facilitar a compreensão de dados e a consequente construção do conhecimento e/ou tomada de decisão. Tais técnicas devem prover representações visuais, seja de dados brutos ou de dados derivados pelos métodos de análise, com elementos semânticos suficientes para o seu entendimento, e facilidades de interação de modo que o usuário possa modificar a representação visual, como resultado de um processo de navegação pelo conjunto de dados ou execução de métodos de análise escolhidos de acordo com os novos dados derivados necessários. Portanto, as questões essenciais no desenvolvimento das técnicas de análise interativa visual são a escolha (1) do mapeamento dos dados para entidades visuais (primitivas geométricas ou atributos visuais de primitivas geométricas), (2) do conjunto de técnicas de interação fornecidas, pois estas determinarão as possibilidades de exploração do conjunto de dados e (3) das técnicas de análise adequadas ao domínio. Mais recentemente, técnicas imersivas de visualização com as correspondentes técnicas de interação vem sendo investigadas com vistas a ampliar a capacidade de percepção dos usuários, sua eficiência e seu nível de engajamento. Tais técnicas são conhecidas como Immersive Analytics. Com isso, tornaram-se novamente prementes os aspectos de avaliação dessas técnicas de modo que seja possível considerar as técnicas mais adequadas a cada domínio de aplicação. O presente projeto contribui com a ampliação do conhecimento a esse respeito pela investigação de quatro domínios de aplicação onde podem ser desenvolvidas técnicas de visualização de informações e de visual analytics, tanto não imersivas como imersivas. Serão abordados dados políticos obtidos do portal de dados aberto da Câmara de Deputados para análise de perfil político com base nas votações, narrativas utilizando redes de colaboração tanto a partir dos dados políticos como a partir de redes de colaboração científica, dados multidimensionais registrados em coleções de dados de biodiversidade; e dados obtidos de simulações de processos geoquímicos na forma de ensembles. Espera-se que o desenvolvimento de técnicas contemplando esses domínios proporcione o conhecimento adequado para extrapolar para outros domínios a determinação de quais técnicas podem aumentar a eficiência e nível de engajamento de usuários com os dados que eles precisam analisar e/ou conhecer.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Marins Silva

Ciências da Saúde

Enfermagem
  • o processo de interação social de mulheres, de diferentes religiões, com a exposição ao hiv/aids, a partir dos significados por elas atribuídos
  • A aids é uma Infecção sexualmente transmissível que ainda traz em sua história uma série de estereótipos marcados por julgamentos morais, principalmente no âmbito do pertencimento a uma religião. Objetivo geral: Analisar o processo de interação social de mulheres, que frequentam diferentes religiões, com a exposição ao HIV/AIDS, a partir dos significados por elas atribuídos. Objetivos específicos - subprojeto1: Identificar os significados atribuídos por mulheres que frequentam a religião cristã protestante à exposição ao HIV/AIDS. Subprojeto 2: Identificar os significados atribuídos por mulheres que frequentam a religião católica à exposição ao HIV/AIDS. Subprojeto 3: Identificar os significados atribuídos por mulheres que frequentam religiões espiritualistas à exposição ao HIV/AIDS. Pesquisa qualitativa interpretativa que será desenvolvida na cidade de São Paulo. Para a formação do primeiro grupo amostral serão selecionadas mulheres acima de 18 anos, que frequentam a religião específica de cada subprojeto. O estudo respeitará todas as exigências do Conselho Nacional de Saúde. Serão realizadas entrevistas semiestruturadas e a análise concomitante dos dados, guiada pela amostragem teórica, seguirá os pressupostos do Interacionismo Simbólico e da Grounded Theory. Poderá contribuir para o conhecimento dos principais fatores que influenciam na construção destes significados por elas e para o desenvolvimento de atividades preventivas. Assim, o profissional poderá ser capaz de auxiliar a mulher na ressignificação dessa exposição, permitindo que ela modifique suas ações frente à epidemia da aids.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Mary da Silva Oliveira

Ciências Humanas

Educação
  • os franciscanos e a pedagogia seráfica: instrução e história da leitura nas capitanias/províncias do norte do estado do brasil (séculos xviii e xix)
  • O objetivo desta pesquisa é tentar perceber como se constituiu aquilo que podemos chamar de uma Pedagogia Franciscana nas Capitanias do Norte do Estado do Brasil, inicialmente ainda no contexto da estrutura colonial e depois já no período do Império, com especial atenção para as modificações que a decadência da Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil acarretou à própria missionação dos frades. Com o entendimento de que essa prática pedagógica se dava tanto no espaço intramuros como também no extramuros, pretende-se compulsar a documentação do Arquivo Histórico Ultramarino referente às Capitanias da Bahia, de Sergipe, de Pernambuco e da Paraíba, disponibilizados na web pela Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, e cruzar suas informações com a documentação disponível no acervo do Arquivo Provincial Franciscano do Recife e na biblioteca/arquivo do convento franciscano de Salvador. A hipótese que fundamenta a pesquisa é a de que ao identificar tanto as práticas pedagógicas quanto a constituição do acervo das bibliotecas conventuais será possível aprofundar e ampliar o conhecimento sobre a atuação dos franciscanos no campo da instrução no Nordeste brasileiro, contribuindo para a expansão dos estudos da História da Educação sobre o tema.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Pagliari

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • avaliação imunohistoquímica de populações de macrófagos dos tipos m1, m2 e m17 em lesões cutâneas e de mucosa oral humanas na paracoccidioidomicose
  • A paracoccidioidomicose (PCM) é uma infecção fúngica crônica que acomete os pulmões como foco primário e pode se disseminar para diferentes órgãos, como a pele e mucosa oral e nasal. Os mecanismos de defesa do hospedeiro na PCM tem sido motivo de estudos aprofundados dada a importância dessa doença em nosso meio. Sabe-se que há predomínio de resposta imune celular, com fagocitose de fungos mediada por macrófagos, sem, entretanto haver morte frequente dos fungos. Na pele, há também participação de células de Langerhans (CL) e dendrócitos dérmicos Fator XIIIa+ e resposta imune celular mediada por linfócitos TCD4+ com produção de citocinas de perfil Th1 no controle da disseminação fúngica. A polarização de macrófagos é reconhecida como importante fator patogenético em doenças inflamatórias e neoplásicas. Macrófagos proinflamatórios M1 promovem a resposta do tipo Th1 de citocinas, enquanto macrófagos M2 contribuem para o reparo tecidual, são imunomoduladores, relacionam-se a cronicidade de certas doenças e favorecem a resposta Th2. Os marcadores teciduais CD68 e CD163 identificam macrófagos e alguns marcadores (arginase e CD206) identificam M2, enquanto iNOS identifica M1. Essa polarização é regulada por fatores de transcrição: cMAF para M2 e pSTAT e RBP-J para M1.Em estudos recentes demonstrou-se na infecção por micobacterias a população de macrófagos M17, indutores da expansão de células Th17. No presente projeto pretendemos contribuir ao estudo da caracterização da resposta tecidual cutânea e mucosa na paracoccidioidomicose, verificando a presença de macrófagos M17, M1 e M2 e sua possível correlação com a gravidade das lesões. Especificamente: expressão de CD68 e CD163, marcadores de macrófagos; expressão de iNOS, pSTAT-1 e RBP-J que são marcadores de macrófagos M1, expressão de arginase 1, CD206 e cMAF que são marcadores de macrófagos M2, IL12, IL1beta, IL6, NOS2, CCR7, IL10 e Ym1, que são alguns marcadores de M17 e expressão de dectina 1 e possível correlação com os marcadores macrofágicos nas lesões de pele e mucosa. Serão estudadas 50 biópsias de pele e 50 de mucosa oral/nasal selecionadas do arquivo do Laboratório de Dermatopatologia da Divisão de Clínica Dermatológica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, de doentes com diagnóstico clínico e anátomo-patológico de paracoccidioidomicose. Dez fragmentos de pele normal constituirão o grupo controle. O estudo histopatológico das lesões será feito através da coloração de Hematoxilina-Eosina. A pesquisa será feita por método imunohistoquímico, utilizando-se anticorpos específicos e o sistema estreptavidina-biotina ou polimeros. Os protocolos de reação a serem empregados são os já padronizados no Lab. da Disciplina de Patologia de Moléstias Transmissíveis da FMUSP, onde o trabalho será desenvolvido.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Patrícia Acioli Lins Guaraná

Ciências Humanas

Sociologia
  • a adesão à docência: um estudo das práticas de professoras do ensino fundamental
  • O projeto de pesquisa intitulado “A adesão à docência: um estudo das práticas de professoras do ensino fundamental” possui por objetivo analisar as relações entre as práticas de docentes desenvolvidas no contexto escolar e o desenvolvimento do profissionalismo de professoras do ensino fundamental. Assim, este estudo problematiza as possíveis relações existentes entre o desenvolvimento do profissionalismo – processo de adesão à profissão (Bourdoncle, 1991; Freidson, 2009), e as práticas de docentes professoras no cotidiano escolar se inscrevendo no debate acerca da profissionalização docente e das profissões procurando estabelecer diálogo com os estudos desenvolvidos pela sociologia das práticas sociais (Knor- Cetina, 2001; Schatzki,2001; Margolis,1999; Bouveresse, 1999; Bourdieu, 1983) no esforço de tratar as práticas docentes procurando compreende-las nas suas relações com o desenvolvimento do profissionalismo. O campo de pesquisa será constituído de escolas do ensino fundamental da rede pública do município de Caruaru e seus professores do ensino fundamental. Utilizaremos para coletar os dados observação participante, entrevistas semiestruturadas e questionário. Os dados produzidos pelas entrevistas e questionários serão organizados, tratados e analisados a partir da análise de conteúdo (AC). As observações serão tratadas pautadas na etnografia. Após as análises das entrevistas e observações faremos a triangulação dos dados. Esperamos que os seus resultados contribuam com avanços no conhecimento do tema ao problematizar o conceito de profissionalização, especificamente, a dimensão do profissionalismo além de ampliar o diálogo entre a sociologia das profissões e os estudos e pesquisas educacionais acerca da profissionalização e profissão docente, resultado importante considerando a relevância e atualidade do debate sobre formação e profissionalização do professorado. Por fim, salientamos também que poderá contribuir com conhecimento sobre o professorado que atua no interior do estado de Pernambuco, ainda pouco referenciado nas pesquisas na área.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Regina Alves Carvalho

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • avaliação da contaminação ambiental por combustíveis fósseis: uma estratégia usando algas e radiocarbono.
  • Os riscos de contaminação de ecossistemas aquáticos têm se apresentado como importante tópico de discussão em painéis mundiais sobre a qualidade da água, onde até mesmo a extração de combustíveis fósseis e seu processo normal de refino são capazes de gerar poluição ambiental. A contaminação advinda de produtos de petróleo é capaz de alterar a razão entre os isótopos do carbono. A distribuição de carbono no ambiente pode ser estimada através de diversos métodos, entretanto a maneira mais eficiente de identificar a contaminação por combustíveis fósseis consiste em estimar a razão entre os carbonos estáveis (12C e 13C) e o carbono radioativo (14C). Com meia vida de 5730 anos e de ocorrência natural, o 14C se mostra um marcador ideal para identificar fontes fósseis (isentas de 14C) daquelas provenientes da biomassa moderna (biogênicas), com teores de 14C modernos bem definidos. O método do 14C permite medir precisamente seu teor face à fração biogênica, podendo ser útil para avaliar a contaminação de corpos hídricos próximos a refinarias, por exemplo, permitindo a identificação da fonte e a remediação da área contaminada. Uma estratégia já bem estabelecida no monitoramento da poluição ambiental causada pela liberação excessiva de nutrientes e outros produtos químicos em corpos hídricos se baseia no uso de algas. As algas vêm atraindo o interesse de cientistas, principalmente, pela sua capacidade de absorver contaminantes de forma eficiente. Neste sentido, no presente projeto se propõe a implementação de estações de monitoramento de ecossistemas aquáticos urbanos que contém instalações destinadas ao processamento de combustíveis fósseis, onde o teor de 14C nas águas é capaz de revelar o grau de contaminação viabilizando a aplicação de ações remediação programada. Para tanto, serão criadas estações de monitoramento onde o teor de 14C será determinado de acordo com a norma ASTM D6866 no Laboratório de Radiocarbono da UFF através da Espectrometria de Massa com Aceleradores.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Regina Silva

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • construção de conhecimento em terapia ocupacional: mapeamento da produção acadêmica dos pesquisadores na área
  • Dada a importância da ampliação e consolidação da terapia ocupacional como área de conhecimento, a presente pesquisa pretende realizar um levantamento detalhado dos pesquisadores terapeutas ocupacionais vinculados aos grupos de pesquisa na terapia ocupacional cadastrados junto ao CNPq. Pretende traçar seu perfil, suas trajetórias acadêmicas e as produções na área de forma a apresentar um importante panorama atual. Trata-se de um estudo abrangente sobre a construção de conhecimento produzida pelos pesquisadores da área e a correlação entre suas trajetórias e perfis de pesquisa. Para tanto, serão produzidos banco de dados, cruzamento de informações e serão gerados gráficos, tabelas e outras representações que se fizerem coerentes para apresentação dos resultados. As análises serão importantes para ampliar a compreensão da construção de conhecimento e projetar perspectivas para o campo.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Renata Sipert

Ciências da Saúde

Odontologia
  • estudo da modulação de células de papila apical por hidróxido de cálcio na indução de osteoclastogênese in vitro
  • Dentes com rizogênese incompleta acometidos por necrose pulpar apresentam importante comprometimento estrutural com raízes curtas e paredes dentinárias delgadas. Paralelamente, observa-se o desenvolvimento de áreas de reabsorção óssea no periápice destes casos. A literatura científica tem demonstrado mecanismos envolvidos com a produção de matriz mineralizada por células de papila apical, entretanto não existem ainda evidências acerca da capacidade destas células na modulação de eventos relacionados à reabsorção óssea. Sendo assim, este projeto pretende avaliar o potencial de células de papila apical na modulação da osteoclastogênese in vitro. Culturas primárias de células de papila apical (n = 3) serão estabelecidas a partir de técnica de explant. Parte das células será ativada com 1 µg/mL de ácido lipoteicóico (LTA) de Enterococcus faecalis por 7 dias. As células serão tripsinizadas e distribuídas em placas de 96 poços para avaliação da citotoxicidade de hidróxido de cálcio após contato por 5 dias pelo método MTT. Primeiramente, serão preparados meios condicionados por células de papila apical naïve e ativadas com LTA. Em um segundo bloco de experimentos, células ativadas com LTA tratadas ou não com hidróxido de cálcio por 5 dias serão empregadas para o preparo dos meios condicionados. A quantificação de RANKL e OPG nos sobrenadantes e nas células será feita por ELISA e RT-qPCR, respectivamente. Células mononucleares de sangue periférico (PBMC) e células CD14+ serão isoladas e cultivadas. Culturas de monócitos serão mantidas em contato com os meios condicionados por células de papila por 21 dias. Os monócitos serão avaliados quanto à imunomarcação e atividade de fosfatase ácida resistente ao tartarato (TRAP). Os dados serão analisados por meio de análise de variância a um critério adotando-se como significativos valores de p < 0,05.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Semiramis Silveira

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • balanço hidrogeoquímico e geoquímica de solos em microbacias montanhosas de mata atlântica: base para avaliação da influência de grandes empreendimentos
  • O Bioma Mata Atlântico, onde os parques Nacional da Serra dos Órgãos (PARNASO) e Caparaó se localizam, é considerado Hotspot da Biodiversidade (Mittermeier et al., 2005; Pheonix et al, 2006). A identificação dos principais impactos e variáveis que atuam direta e indiretamente em sua dinâmica local é fundamental para abastecer Planos de Manejo. Na escala mundial e recente o aumento global das emissões de formas reativas de nitrogênio (N) tem como resultado o aumento das deposições atmosféricas de N. Esse processo é um dos principais componentes das mudanças globais com impacto no funcionamento de ecossistemas naturais aquáticos e terrestres (Porter et al., 2013; Bobbink et al., 2003). Na Mata Atlântica sujeita a influência da poluição atmosférica de Cubatão, assim como em centros urbanos europeus distúrbios metabólicos em espécies bioindicadoras e grandes concentrações de metais traços além do N e S já foram detectados (Klumpet al., 2000; Klumpp et al., 2009; Nakazato, 2014).A proposta de se estudar algumas das várias etapas do ciclo biogeoquímico do N além do balanço geoquímico de metais traço em unidades de conservação visa gerar uma base de informações destes ecossistemas de Mata Atlântica. Especificamente busca-se avaliar o status quo atual, ou seja, a influência da região metropolitana do Rio de Janeiro (RMRJ) para o PARNASO e de queimadas no Parque do Caparaó. Especificamente no Rio de Janeiro, a instalação recente de grandes empreendimentos como o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (COMPERJ), bem como o Arco Metropolitano do Rio de Janeiro são fontes potenciais para poluentes. Antes mesmo do início destes 2 empreendimentos os fluxos de deposição atmosférica de N inorgânico nesta Serra medidos pelo nosso grupo (Rodrigues et al., 2007; Perry, 2007; de Souza et al., 2015; Ponette-González et al., 2017)sugerem a transferência de poluentes emitidos pela RMRJ, superiores ao fluxo de deposição médio terrestre global (Phoenix et al., 2006) e próximos a carga crítica de N (Pardo et al., 2011), para ecossistemas de floresta tropical úmida. Para averiguar a ação destas fontes antrópicas sobre estas florestas é essencial um monitoramento robusto a longo prazo (maior que 1 ano), menos sujeito a sazonalidades e/ou anos atípicos. Objetiva-se avaliar através dos cálculos de balanço hidrogeoquímico de entradas atmosféricas (deposições úmida e seca, juntas), saídas fluviais, estoque/retenção no topo do solo e, no caso de nitrogênio, a emissão para a atmosfera, se estas florestas de estágio sucessional avançado apresentam algum déficit ou excesso de nutrientes e demais elementos devido ao aporte das fontes atmosféricas que estão sujeitas. Com isso busca-se criar uma base de dados para as reservas de Mata Atlântica localizadas nas proximidades da Região Metropolitana do Rio de Janeiro (RMRJ) nas condições que antecedem o início das operações do COMPERJ e conclusão do Arco Metropolitano.Para a presente proposta pretende-se estender os trabalhos de pesquisa já desenvolvidos, desde 2005, pela equipe da Geoquímica da UFF em pequenas bacias do PARNASO. Serão selecionadas 2 bacias no PARNASO, sendo uma na vertente oceânica e outra na vertente continental (bacia do Bonfim parceria com a CPRM) e uma bacia no Parque do Caparaó. A escolha destas bacias é baseada na hipótese que as entradas atmosféricas das bacias do PARNASO (principalmente a da vertente oceânica e em menor escala a continental) estão sujeitas a influência antrópica da RMRJ enquanto a do Caparaó está sujeita somente ao efeito ocasional das queimadas.Será conduzido um monitoramento mensal da hidrogeoquímica pluvial e fluvial das3bacias de drenagem selecionadas durante o período de 2 anos para avaliar a temporalidade sazonal e inter-anual do período de estudo. Quatro coletas intensivas(2 verões e 2 invernos) serão feitas para avaliar os processos hidrogeoquímicos durante eventos de chuvas (em diferentes pontos da hidrógrafa de vazão) e medidas de entradas atmosféricas para subsidiar o cálculo de retro-trajetórias. Para esse trabalho serão utilizados dados pluviométricos e de vento de estações hidrológicas nas proximidades e também dentro dos parques. A vazão será medida durante a coleta. No local de coleta das amostras de águas fluviais serão efetuadas medidas de parâmetros fisico-químicos e a alcalinidade. A determinação de nutrientes, elementos químicos maiores, menores e traços nas amostras de água será feita por ICP OES, ICP-MS, cromatografia iônica, espectrofotometria e Total OrganicCarbon CPH/CPN.Asamostras de solo serão analisadas por FRX e DRX (mineralogia com quantificaçãoo de fases por Rietveld) Para o balanço de N será computada também a produção de N2O em solo florestal através da técnica da câmara estática com leitura emcromatógrafo a gás. As medições de N2O serão feitas concomitante à maioria das coletas hidrogeoquímicas. Para identificação dos principais impactos socioambientais observados nestas microbacias serão utilizados os dados primários produzidos, assim como os secundários levantados (uso da água, total de domicílios, população, empreendimentos etc.) das mesmas na zona de amortecimento dos parques.O projeto conta com uma equipe multidisciplinar de 7 instituições (UFF, IFRJ, UERJ, PUC, UNIFESO, CPRM e UFES) integrada através de parcerias anteriores em orientações conjuntas (mestrado/doutorado), ex-alunos e projetos de pesquisa. Entre os principais resultados a serem obtidos destaca-a geração de uma base de dados de geoquímica dos aportes atmosféricos e de hidrogeoquímica fluvial pré grandes empreendimentos, indicação de áreas fontes para os aportes atmosféricos que chegam nestes parques , balanço de N total entre os compartimentos chuva, solo e rio em ecossistema de florestal e cálculo da produção de nutrientes via intemperismo para os ecossistemas florestais. Os dados gerados serão unificados em um banco de dados a ser disponibilizado publicamente e que subsidiará discussões nos planos de manejo dos parques.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 11/12/2017-31/12/2020
Foto de perfil

Carla Sirtori

Outra

Ciências Ambientais
  • avaliação do tratamento de efluente hospitalar mediante os processos foto-fenton solar, fenton, fe de valência zero e fenton avançado
  • A presença de fármacos em águas residuais representa um grave problema ambiental que demanda a utilização de processos de tratamento cada vez mais demorados e onerosos e, muitas vezes, acaba impedindo a reaproveitamento das águas de forma segura. Este projeto tem como objetivo avaliar a aplicabilidade dos processos Fenton e foto-Fenton solar em pH ácido (tradicional) e em meio neutro (Fe(III)-citrato, Fe(III)-EDDS), Fe de valência zero e Fenton avançado em relação ao tratamento de uma matriz de efluente hospitalar. Especial interesse e novidade são a construção e a utilização de reator do tipo Raceway Pounds, que por seu baixo valor (de investimento e operação) pode minimizar o custo total do tratamento e maximizar o volume de efluente remediado por unidade de área ocupada. Ademais, especial atenção será dada ao acompanhamento analítico dos processos, a fim de melhorar e validar novos métodos analíticos baseados em técnicas cromatográficas. Tais métodos permitem avaliar se o tratamento da matriz em estudo é satisfatório em relação à eliminação de micropoluentes e seus metabólitos e/ou produtos de transformação durante o processo de remediação, para assim obter um efluente adequadamente tratado visando à possibilidade de reutilização do mesmo para distintas finalidades. Além disso, o emprego de ensaios de avaliação da atividade antimicrobiana e ecotoxicidade (crônica e aguda), assim como da fitotoxicidade, permitirão determinar se o efluente já remediado está adequado desde o ponto de vista biológico. Nesse contexto, a avaliação analítica associada a bioensaios se constitui em uma estratégia composta por ferramentas multidisciplinares e complementares que permitirá avaliar a eficácia dos processos de tratamento estudados de forma mais ampla.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Soares Godinho

Ciências Sociais Aplicadas

Economia
  • cooperativa agroextrativista grande sertão: inovação e repartição dos benefícios da sociobiodiversidade.
  • A inovação é uma propriedade relativa a um dado meio já rico de sua própria história e de suas normas antecedentes. Nesse contexto, o presente trabalho tem como objetivo estudar o fenômeno da inovação e a repartição dos benefícios da sociobiodiversidade da Cooperativa Agroextrativista Grande Sertão, CGS do Norte de Minas Gerais. Será utilizado o método Grounded Theory e haverá uma abordagem etnográfica complementar. O propósito da GT é gerar uma teoria, fundada nos dados, uma interpretação racional densa, articulada e sistemática, capaz de dar conta da realidade estudada. Desse modo, espera-se promover e fortalecer a repartição de benefícios gerados pela sociobiodiversidade da CGS, reconhecendo e descrevendo o modelo atual de inovação e propor ações para seu desenvolvimento.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 08/09/2018-30/09/2021
Foto de perfil

Carla Speroni Ceron

Ciências da Saúde

Farmácia
  • consumo crônico de etanol aumenta a suscetibilidade à sepse: avaliação de alterações renais
  • O álcool etílico é uma droga psicotrópica de consumo permitido. No entanto, seu consumo excessivo causa alterações nos sistemas fisiológicos. Nos rins, leva ao aumento de espécies reativas de oxigênio (ERO) por enzimas como a nicotinamida adenina dinucleotídeo fosfato [NAD(P)H] oxidase. ERO, principalmente o ânion superóxido (O2-), reagem com óxido nítrico (NO) e forma peroxinitrito, um potente agente oxidante. Nesse sentido, tanto o aumento de ERO quanto de NO contribuem para alterações renais induzidas por etanol. A sepse é uma resposta inflamatória sistêmica a uma infecção, que leva ao comprometimento de diversos órgãos, incluindo o desenvolvimento de insuficiência renal aguda (IRA) por diferentes mecanismos, como aumento de ERO e NO. Além disso, pacientes septicêmicos possuem pior prognóstico clínico quando utilizam etanol cronicamente. De modo semelhante, a mortalidade é maior em animais submetidos a tratamento crônico com etanol comparado aos que recebem somente veiculo, quando submetidos ao mesmo estimulo séptico. O objetivo desse trabalho é investigar se o aumento de ERO e NO induzido pelo tratamento crônico com etanol pode aumentar a suscetibilidade à sepse devido a um prejuízo prévio na função renal desses animais. E avaliar a possível participação da NAD(P)H oxidase, da sintase do óxido nítrico induzida (iNOS) do fator nuclear kappa β (NF-κB) e de mediadores inflamatórios nesse processo. Para isso, camundongos machos serão submetidos à tratamento crônico com etanol a 20% (v/v) durante 9 semanas, precedido por 3 semanas de adaptação (etanol a 5, 10 e 20% v/v). Após, os animais serão separados para a indução ou não de sepse branda por modelo de punção e ligação do ceco. Os animais serão sacrificados após 7 dias para curva de sobrevivência, ou 24h para outras análises: como níveis sanguíneos de etanol, espécies reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS), nitrato/nitrito, produção do O2- in situ, western immunoblotting para Nox2, Nox4 e iNOS, NF-κB imunohistoquímica para nitrotirosina, citocinas, creatinina, ureia e histologia renal. O projeto conta com a participação de um aluno de iniciação científica. Os resultados serão compilados, apresentados em congressos e publicados em revistas científicas. Além disso, será realizada elaboração de relatório científico com os resultados.
  • Universidade Federal de Alfenas - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Suertegaray Fontana

Ciências Biológicas

Ecologia
  • efeitos de diferentes tipos de manejo dos campos na estrutura da comunidade e na reprodução de aves campestres no sul do brasil
  • No Brasil as políticas de conservação estão fortemente voltadas para os biomas florestais, enquanto pouca importância é dada e nem sempre as leis atuais são cumpridas para reverter a perda dos ecossistemas não-florestais. Tradicionalmente as áreas campestres são associadas a produção de alimento (agricultura e pecuária). O manejo incorreto dos campos afeta diretamente a dinâmica desses ecossistemas, descaracterizando os habitats, reduzindo a riqueza de espécies e influenciando a reprodução das aves. Assim, o entendimento dos mecanismos desse processo é muito importante para conservação das aves nos remanescentes de campo. Aliar o manejo correto das áreas campestres com pecuária e sistemas de agricultura sustentáveis e economicamente viáveis é indispensável para a permanência das aves nesses habitats. Os objetivos deste estudo estão fundamentados em duas perguntas principais: (1) como a comunidade de aves é influenciada pela restauração dos campos; e (2) qual a influência do fogo em aspectos reprodutivos de aves campestres. Desse modo, pretende-se avaliar a comunidade de aves em áreas campestres degradadas por cultivos, que estão em processo de restauração no Bioma Pampa, e conhecer os efeitos causados pelas queimadas sobre os territórios e o sucesso reprodutivo de aves, em campos de altitude do Bioma Mata Atlântica, no nordeste do Rio Grande do Sul, Brasil. As amostragens de campo ocorrerão em duas temporadas reprodutivas (primavera e verão), a partir de setembro de 2016. As áreas de estudo localizadas na metade sul do estado do Rio Grande do Sul (Pampa), nos municípios de Alegrete, Manoel Viana, e São Francisco de Assis, Cacequi e Rosário do Sul. Já as áreas situadas no nordeste do estado (Mata Atlântica) correspondem a duas unidades de conservação de proteção integral parcialmente implementadas: Parque Estadual do Tainhas e Parque Nacional de Aparados da Serra. Essa implementação parcial nos dá a oportunidade de acessar áreas conservadas e queimadas no mesmo parque. Para amostragem da comunidade de aves serão utilizados pontos de contagem distribuídos sistematicamente, em número proporcional ao tamanho de cada área. Cada ponto de contagem terá a duração de 5 minutos e 100 m de raio, distando 300 m entre si e 150 m das bordas, sendo registradas todas as espécies de aves vistas e/ou ouvidas, bem como o número de indivíduos de cada espécie, através do uso de binóculo. Além disso, será medida a distância (m) entre o observador e a ave com o uso de telêmetro para mensurar a densidade das espécies em cada área, e também será analisada a paisagem do entorno, que pode influenciar na estrutura da comunidade de aves. Para o estudo de aspectos reprodutivos serão empregados métodos de procura e monitoramento de ninhos, captura e marcação de espécimes e demarcação de territórios de reprodução, utilizando-se três espécies de aves campestres neotropicais: Emberizoides ypiranganus (canário-do-brejo), Embernagra platensis (sabiá-do-banhado) e Sporophila melanogaster (caboclinho-de-barriga-preta). Em ambos os experimentos serão determinadas a estrutura e composição da vegetação, através das variáveis de altura, grau de obstrução e cobertura do solo. A avaliação da comunidade de aves em ambientes campestres em processo de restauração será a primeira a ser desenvolvida nos campos do sudeste da América do Sul, destacando sua grande relevância. De forma similar, este estudo também contribuirá para o melhor entendimento da influência do fogo em aspectos fundamentais da reprodução (e.g. dinâmica dos territórios e sucesso reprodutivo) de espécies de aves que dependem dos campos para se reproduzir, incluindo uma espécie ameaçada de extinção (S. melanogaster). A partir dos resultados desse estudo poderemos apontar medidas apropriadas de manejo que visem a conservação dos campos conciliada à produção, e consequentemente a conservação da biodiversidade.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Tatiana Mota Anflor

Engenharias

Engenharia Mecânica
  • caracterização de materiais micro heterogêneos empregando o mec e micro tomografia
  • O principal objetivo deste projeto é dar continuidade a um plano, bem como os seus fundamentos teóricos e o estado da arte, para o estudo e desenvolvimento de um método para caracterização de materiais empregando um método híbrido de análise experimental via imagens e simulação numérica empregando o método dos elementos de contorno (MEC). Esse tema tem sido o atual foco da autora para ampliar e diversificar sua linha de pesquisa, onde a proponente e seu grupo (GMEC – Grupo de Mecânica Experimental e Computacional http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/0458638392600404) conseguiram via edital Pró-equipamentos da CAPES a aquisição de uma câmera termográfica (R$ 24.115,00) e um sistema de correlação por imagem digital DIC (R$ 144.000,00). É importante salientar que a solicitante do presente edital obteve a aprovação de um projeto, neste tema, PPP/FAPDF/CNPQ 05/2014 no valor de R$ 52.875,33. Este projeto de pesquisa está sendo realizado em parceria com os pesquisadores Prof. Luiz Carlos Wrobel da Universidade de Brunel (UB-UK) e Prof. André Maués Brabo Pereira da Universidade Federal Fluminense (UFF). No entanto o projeto PPP/FAPDF/CNPQ N° 05/2014 teve seus recursos liberados apenas em janeiro de 2016. Apesar deste defase o coordenador deu continuidade a pesquisa ao longo do ano anterior e alguns avanços já foram alcançados, como realização de ensaios, avanço na modelagem numérica, o que resultou em um exame de qualificação [8] e uma publicação em congresso internacional [9]. Ainda dentro deste consórcio firmado entre os pesquisadores da UnB, UB e UFF já foi possível utilizar o microtomógrafo, adquirido em 2014 pelo valor de (R$ 2.523.085,20), para auxiliar na geração automática de modelos geométricos e malhas de elementos de contorno a partir de imagens. Neste sentido é solicitado ao CNPq através deste edital um suporte financeiro adicional para dar continuidade ao projeto PPP/FAPDF/CNPQ N° 05/2014 e suprir as demandas futuras que foram detectadas para a atual linha de investigação. Atualmente há uma grande demanda pelo estudo do comportamento dos materiais em nível de microestrutura devido a grande faixa de aplicação dos mesmos nos projetos de engenharia. Sendo assim, neste projeto, pretende-se aprimorar o conhecimento do grupo de pesquisa na caracterização de materiais através de técnicas experimentais e essencialmente na modelagem numérica em nível de microestrutura. Neste sentido um dos objetos deste tema de pesquisa consiste em determinar e caracterizar os níveis de tensão da microestrutura. A relevância deste assunto está no fato de que a partir do conhecimento dos campos de forças será possível predizer o comportamento de um material em nível de microestrutura, como para o caso específico de trincas. Este Projeto se enquadra na Faixa B, onde solicita um valor total de R$ 54.711,47 (Cinquenta e quatro mil oitocentos e setenta e onze reais e quarenta e sete centavos) e oferece como contrapartida um valor total de R$ 3.283.707,00 (Três milhões e duzentos e oitenta e três mil e setecentos e sete reais).
  • Universidade de Brasília - DF - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carla Torres Braconi

Ciências Biológicas

Microbiologia
  • comparação do transcriptoma e do proteoma de tecido de baço infectados pelo vírus febre amarela: silvático e vacinal
  • Os arbovírus formam um grupo não taxonômico designado para alguns vírus de RNA que são mantidos de forma cíclica na natureza replicando em hospedeiros vertebrados suscetíveis e artrópodes hematófagos. O gênero Flavivirus constitui um grupo diverso de arbovírus que exibem relações filogenéticas e características semelhantes na interação vírus - vetor -hospedeiros. A febre amarela (FA) é causada pelo vírus protótipo deste gênero que permanece endêmica em regiões de florestas tropicais da África e América do Sul, apesar da disponibilidade de vacinas eficazes contra o vírus da FA. Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), nos últimos dois anos, o número de casos humanos causados por transmissão epizootica foi o maior observado em décadas nas Américas. Por este motivo, este projeto tem como objetivos principais: investigar a relação entre as manifestações clínicas da infecção pelo vírus da febre amarela com a expressão gênica dos vírus isolados do baço e comparar e quantificar as proteínas do baço de hospedeiros que vieram a óbito por infecções causadas pelo vírus vacinal e o vírus silvático, procurando estabelecer relações entre diversidade das proteínas expressas e população viral com o desfecho clínico da doença. Os mecanismos imunológicos que resultam a esta séria reação adversa ainda são desconhecidos, por este motivo, o baço é uma parte do sistema imunológico que está diretamente envolvida na resposta a uma inflamação sistêmica induzida por patógenos que podem induzir sepsia. Por este motivo, acreditamos que este projeto é relevante e se justifica não só enquanto pesquisa básica, mas também para promover conhecimento entre a biologia molecular do vírus e alguns marcadores que resultam na falha da vacina.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carla Zilberberg

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • diversidade molecular de zooxantelas simbiontes do coral endêmico mussismilia hispida (verrill 1902) (cnidaria: scleractinia) e do hidrocoral millepora alcicornis (linnaeus 1758) (cnidaria: hydrozoa) ao longo da costa brasileira e ilhas oceânicas
  • Os ambientes recifais vêm sofrendo grandes declínios populacionais devido a diversos impactos antropogênicos. Como a maioria dos ambientes coralíneos do mundo, os corais brasileiros estão sob forte pressão antropogênica e já existem esforços para a sua conservação. Um objetivo chave para a conservação de ambientes coralíneos tem sido o de compreender a relação entre corais e suas algas simbiontes em diferentes condições ambientais. Os corais zooxantelados mantêm uma estreita relação com dinoflagelados simbiontes, denominados zooxantelas. Nesta relação, as zooxantelas transferem parte dos metabólitos produzidos pela fotossíntese ao coral hospedeiro, e este aporte nutricional acelera as taxas de calcificação dos corais, favorecendo a formação de recifes. Dada a importância ecológica e sensibilidade desta relação simbiótica a aumentos de temperatura da água, estudos a seu respeito têm recebido especial atenção na última década. O coral endêmico Mussismilia hispida é uma das principais espécies construtoras de recifes brasileiros e com a maior distribuição ao longo da costa. Enquanto o hidrocoral Millepora alcicornis, apesar não ser um importante construtor, desempenha um papel essencial na dinâmica e manutenção das comunidades recifais. O objetivo do presente estudo é caracterizar geneticamente os subtipos de zooxantelas presentes em uma espécie de coral escleractínio (M. hispida) e um hidrocoral (M. alcicornis) ao longo da costa brasileira e ilhas oceânicas, através das técnicas de clonagem e sequenciamento.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlile Campos Lavor

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • geometria de distâncias e álgebra geométrica para o cálculo de estrutura 3d de proteínas
  • Este projeto de pesquisa está relacionado ao projeto “Geometria de Distâncias Aplicada ao Cálculo de Estruturas 3D de Proteínas”, concedido pelo CNPq (Edital Universal, proc. 459492/2014-4) em 2014 e com vigência até novembro de 2017. Nosso objetivo é dar continuidade ao trabalho já desenvolvido, considerando os novos desafios apontados pelo projeto anterior. O problema em questão é o cálculo da estrutura 3D de uma molécula de proteína, utilizando distâncias entre átomos próximos provenientes de experimentos de Ressonância Magnética Nuclear (RMN). Trata-se de um problema fundamental do complexo e custoso processo de desenvolvimento de novos medicamentos pela indústria farmacêutica. É um problema NP-difícil, conhecido na literatura por Molecular Distance Geometry Problem (MDGP). Diferentemente dos métodos tradicionais (baseados em otimização contínua), estamos trabalhando em um modelo combinatório, baseado em propriedades de rigidez do grafo relacionado ao problema (cada vértice está relacionado a um átomo da proteína e quando a distância é conhecida entre dois átomos, definimos uma aresta entre os respectivos vértices, com peso dado pelo valor da distância). Resolver o MDGP é obter uma imersão do grafo associado no espaço 3D, de tal maneira que as distâncias euclidianas calculadas entre pares de átomos sejam iguais aos pesos das arestas correspondentes. Para valores precisos de distâncias, a abordagem combinatória permite que o espaço de busca do problema seja representado por uma árvore binária, onde um método exato, tipo Branch & Prune (BP), foi desenvolvido para explorar a árvore em busca de soluções, conectadas por simetrias que caracterizam cada instância do MDGP. Entretanto, considerando as incertezas dos dados experimentais (com as distâncias sendo representadas por intervalos de números reais), o algoritmo BP torna-se uma heurística, quando amostras sobre tais intervalos devem ser selecionadas. À medida que refinamos o processo, o espaço de busca pode aumentar exponencialmente e, mesmo assim, não há mais garantia que uma solução será encontrada, pois a distância correta pode ter se “perdido” durante o procedimento de amostragem. Para manter as propriedades da abordagem combinatória (com destaque para as simetrias mencionadas acima) e, ao mesmo tempo, considerar as “distâncias intervalares” dos dados experimentais, estamos propondo representar a molécula de proteína em um espaço de 5 dimensões (o Espaço Conforme), utilizando uma linguagem mais poderosa que a Álgebra Linear: a Álgebra Geométrica. O Espaço Conforme pode ser visto como uma extensão do Espaço Projetivo, que utiliza coordenadas homogêneas (4 dimensões), muito utilizado em problemas de Geometria Computacional. Pelo caráter interdisciplinar dessa proposta e por conta da complexidade do problema a ser enfrentado, além de uma colaboração já estabelecida com pesquisadores de instituições francesas (École Polytechnique e Institut Pasteur), ampliaremos a parceria envolvendo mais universidades, com destaque para Princeton University e University of Cambridge, além de colegas de universidades brasileiras.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlise Beddin Fritzen Freire

Ciências Agrárias

Ciência e Tecnologia de Alimentos
  • desenvolvimento de derivados lácteos sem lactose adicionados de bactérias probióticas microencapsuladas
  • Este projeto têm como motivação e relevância o caráter inovador e o potencial econômico que o mesmo representa. Na primeira etapa pretende-se microencapsular as bactérias probióticas Bifidobacterium BB-12 e Lactobacillus acidophilus LA-5 utilizando a técnica de spray drying e diferentes agentes encapsulantes. A partir das microcápsulas obtidas, pretende-se também avaliar a sua viabilidade ao longo do armazenamento, morfologia, tamanho de partícula, umidade, atividade de água, dissolução, cor e propriedades térmicas. Posteriormente, serão desenvolvidos derivados lácteos sem lactose, adicionados dos probióticos microencapsulados que apresentarem melhor desempenho nas análises microbiológicas e físicas. Estes produtos serão avaliados quanto às propriedades microbiológicas, físicas, químicas e sensoriais. O desenvolvimento desta pesquisa poderá contribuir com o avanço científico e tecnológico da indústria de alimentos, apresentando alternativas promissoras para suprir a demanda crescente de consumidores intolerantes à lactose e que anseiam pelo consumo de derivados lácteos probióticos.
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlo Gabriel Porto Bellini

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • peças e engrenagens do uso de tecnologias digitais - abordagem conceitual e metodológica para explicar a efetividade digital de indivíduos e grupos
  • Este projeto propõe investigar uma mudança significativa no eixo conceitual da principal temática da área de sistemas/tecnologia da informação (SI/TI) – os fatores que promovem ou dificultam a aceitação, a adoção e o uso das tecnologias digitais por parte de indivíduos (Burton-Jones et al., 2017). Essa temática é emblematicamente representada por dois modelos teóricos e suas inúmeras variantes – Technology Acceptance Model (TAM) e Unified Theory of Acceptance and Use of Technology (UTAUT). Ambos modelam percepções (apenas) do usuário como variáveis independentes, e uso (de qualquer tipo) das tecnologias como variável dependente. A simplificação conceitual deve-se, em parte, a aspectos metodológicos do tratamento de dados em pesquisa empírica de método único (surveys psicométricas). A presente proposta altera aspectos topológicos da rede nomológica de construtos e do modelo de regressão, particularmente com (1) adição de habilidades digitais objetivas do usuário ao conjunto de variáveis independentes, e (2) qualificação da variável dependente – em vez de uso em si, o uso efetivo e a efetividade de uso da tecnologia (ou seja, desloca-se o foco para como o usuário utiliza a tecnologia em referência a um propósito de uso); e, no nível metodológico, (3) acrescentam-se desenhos experimentais a levantamentos psicométricos para poder articular percepções sobre habilidades com habilidades efetivas do usuário que expliquem o uso qualificado da tecnologia. Essa proposta se encontra em estado avançado de proposição e será aqui apresentada em seus aspectos principais. Parte da proposta foi discutida em artigo que recebeu o best paper award latino-americano na 2017 Americas Conference on Information Systems (Mota e Bellini, 2017), e outra parte é tratada em artigo recente sobre efetividade digital publicado na reputada revista Communications of the ACM (Bellini, 2018). O suporte teórico de base sociológica e gerencial, por sua vez, deve-se à clássica obra de Elster (1989) sobre a dinâmica social, obra essa que nunca parece ter sido conhecida pela literatura de SI/TI. Em termos gerais, a obra discute o papel dos desejos e das oportunidades de indivíduos na sua tomada de decisão e ação, que, por sua vez, antecedem a ocorrência de fenômenos sociais. Tal ideia é útil para explicar a inovação e a difusão tecnológica, e especialmente a aceitação, adoção e uso de tecnologia por indivíduos e grupos. Em particular, sua discussão sobre desejos e oportunidades dá origem à articulação entre habilidades e atitudes como variáveis independentes no modelo de regressão que explica o uso das tecnologias digitais para atingimento de propósitos individuais ou de grupo. Caso os dados empíricos do presente projeto demonstrem superioridade da proposta em relação aos modelos dominantes, ter-se-á um novo marco teórico e metodológico para o estudo da aceitação, adoção e uso das tecnologias digitais, com enorme impacto prático sobre como indivíduos e organizações planejam, gerenciam e avaliam suas rotinas e investimentos em tecnologia.
  • Universidade Federal da Paraíba - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlo José Napolitano

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • políticas públicas de comunicação no supremo tribunal federal: a liberdade de expressão em julgamento
  • A presente proposta de pesquisa considera que a partir da década de 90 o Supremo Tribunal Federal (STF) passou a exercer um papel de centralidade nas decisões políticas brasileiras, além, obviamente, de executar a sua função precípua de guardião do texto constitucional. Algumas dessas decisões políticas do STF, por hipótese, impactaram e impactam os meios e as atividades da comunicação social, influenciando, especialmente, a forma de exercício da liberdade de expressão do pensamento e, em consequência, da democracia e da cidadania, bem como estabeleceram critérios jurídicos que balizam a formulação e implementação de políticas públicas de comunicação. Reconhece-se que no âmbito estritamente jurídico já há uma produção científica acerca da centralidade política do Judiciário, em especial, do Supremo Tribunal Federal, no entanto, , verifica-se uma carência de estudos e análises referentes às decisões proferidas pelo STF, que impactam os meios de comunicação e suas consequências nas práticas políticas e sociais. Nesse sentido a proposta visa investigar decisões proferidas pelo STF no período de 1988 a 2015 e que tenham relação com a temática proposta. A técnica de pesquisa escolhida para cumprir o objetivo proposto é a análise de julgados das decisões do STF, em uma abordagem de natureza analítica indutiva. Também pretende-se realizar pesquisa bibliográfica, de natureza dedutiva, sobre assuntos correlatos à temática.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlomagno Pacheco Bahia

Ciências Biológicas

Morfologia
  • neuroplasticidade de modalidade cruzada no córtex cerebral adulto em modelo translacional reverso de privação sensorial.
  • A percepção do mundo é construida a partir das experiências sensoriais captadas a partir do ambiente. As informações sensoriais são processadas e registradas em regiões específicas do córtex cerebral para cada modalidade sensorial e então são retransmitidas para áreas de associação ditas multimodaes. Entretanto, a privação sensorial (p. ex. a retirada ou o não funcionamento de um órgão sensorial) geralmente causa alterações sensoriais, cognitivas e/ou funcionais persistentes, provocando mudanças na organização dos mapas sensoriais presentes no córtex cerebral. Estas mudanças nos mapas sensoriais são chamadas de neuroplasticidade: capacidade que o sistema nervoso central (SNC) tem de se reorganizar em resposta à perdas sensoriais. Essa capacidade permanece em grau variável ao longo da vida, embora seja maior antes da vida adulta. Apesar de diversos trabalhos terem demonstrado as alterações funcionais deste fenômeno em níveis sistêmicos (utilizando neuroimagem, por exemplo), as alterações neuronais mais finas, por exemplo as que acontecem nos neurônios dentro das camadas corticais cerebrais dos córtices sensoriais cerebrais, em condições normais ou sob privação sensorial, ainda permanecem desconhecidas. O presente projeto utilizará, pela primeira vez, abordagem multidisciplinar, combinando métodos imunohistoquímicos para genes imediatos, métodos anatômicos para rastrear conexões córtico-corticais com o objetivo de avaliar os efeitos da privação visual e/ou somestésica na neuroplasticidade de modalidade cruzada nos córtices visual, somestésico e auditivo primários através da marcação do gene imediato c-Fos e também do uso de rastreadores neuronais para avaliar as conexões córtico-corticais. Utilizaremos como modelo translacional reverso de privação sensorial Rattus novergicus adultos, da linhagem Wistar, submetidos a privação sensorial de longa duração para avaliarmos os impactos da privação sensorial de uma modalidade (visual ou somestésica) e privação simultânea de duas modalidades sensoriais no número total de neurônios c-Fos positivos marcados dentro das camadas supragranulares, granular e infragranular do córtex viaual primário (V1), córtex somestésico primário (S1) e córtex auditivo primário (A1), assim como esses impactos na morfometria fina dos axônios córtico-corticais que conectam essas áreas sensoriais utilizando, pela primeira vez, uma abordagem multidisciplinar, combinando métodos histoquímicos, neuroanatômicos e microscopia tridimensional para analisar as alterações morfológicas que acontecem em neurônios corticais cerebrais das áreas V1, S1 e A1. Conceitualmente, trata-se de um projeto de neurociência translacional reversa, pelo qual se parte de um problema surgido na clínica humana para a criação de modelos animais que possam explicá-lo.
  • Universidade Federal do Pará - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Adam Conte Junior

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • quantificação e caracterização dos genes de resistência antimicrobiana e da microbiota intestinal de animais de produção criados em sistemas orgânico e convencional no brasil
  • Desde a descoberta e aplicação clínica de antimicrobianos, os patógenos e a microbiota humana e animal têm enfrentado uma exposição quase contínua a esses agentes seletivos. O uso indevido de antimicrobianos e a prescrição excessiva criaram uma força motriz na seleção da resistência. Estudos mostraram que se leva em média 8 anos para que seja detectado o primeiro caso de resistência a um novo antimicrobiano desde o seu primeiro uso clínico em pacientes. Como consequência disso, bactérias multi-droga resistentes têm sido relatadas e possuem impacto direto a saúde pública, devido a dificuldade do tratamento. Além disso, o uso de antimicrobianos na produção constitui o principal fator na disseminação de genes de resistência em patógenos humanos. Por traz de todos esses mecanismos de resistência existem informações genéticas contidas em genes que são transcritos e traduzido em proteínas e enzimas responsáveis pela execução dessas atividades de resistência. De maneira geral, as bactérias podem adquirir resistência a antimicrobianos pela seleção de mutações favoráveis a resistência ou pela transmissão de novos genes de outras cepas ou espécies (transferência gênica horizontal). Para identificar e avaliar os diferentes mecanismos de desenvolvimento e disseminação da resistência aos antimicrobianos de maneira mais eficiente precisamos abordar o estudo de antimicrobianos e seus genes de resistência. Atualmente, com o avanço da bioinformática novas técnicas têm surgido, como por exemplo a análise metagenômica. A metagenômica funcional fornece a possibilidade de explorar a presença de genes de resistência a antibióticos em todas unidades biológicas e evolutivas, e para identificar possíveis complexos clonais de “alto risco”. A epidemiologia metagenômica é necessária para entender e, eventualmente, prever e aplicar intervenções com o objetivo de limitar a resistência aos antibióticos. Até o momento, nos animais de produção da agropecuária brasileira, não existe um estudo único e independente de tamanha proporção que caracterize a diversidade, distribuição e origens dos genes de resistência, especialmente para a maioria das populações de bactérias incapazes de serem isoladas por meios de cultivo convencionais. Esse projeto irá preencher várias lacunas sobre esse conhecimento e ajudará a determinar os perfis de resistência às cepas presentes no país e a melhorar a saúde pública nacional.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Adolpho Magalhães Baltar

Engenharias

Engenharia de Minas
  • estudo de parâmetros técnicos e econômicos para a escolha do regulador de ph em diferentes processos de flotação
  • A flotação é a técnica de tratamento de minérios mais importante, por ser a mais utilizada em todo mundo. Dentre as variáveis de processo, o pH da polpa é uma das que merece maior atenção dos especialistas, já que pode influenciar na carga elétrica das partículas, ionização do coletor, precipitação de reagentes, recobrimento superficial (“slime coating”) e no grau de dispersão dos finos presentes na polpa. Por isso, o regulador de pH é um dos reagentes mais presentes na flotação. A escolha desse reagente, muitas vezes, considera apenas o fator custo. No entanto, além de regular o pH, esses reagentes liberam espécies químicas que podem afetar fortemente o processo de flotação. O projeto propõe analisar os aspectos técnicos e econômicos que devem ser considerado na escolha do regulador de pH. Dessa forma, o estudo vai contribuir para uma escolha mais consciente e melhor desempenho de diferentes processos de flotação. Serão incluídas, no estudo, amostras puras de quartzo (coletor amina), dolomita (coletor oleato) e calcopirita (tiocoletor) em duas amostras de minério (ferro e cobre). Os resultados servirão de base para uma dissertação de mestrado no Programa de Pós-Graduação em engenharia Mineral da UFPE. O desenvolvimento do projeto vai possibilitar a continuidade das atividades dos laboratórios do Grupo de Tecnologia Mineral.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Adriano Santos Gomes Gordiano

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • aderência da formação do contador em face às exigências do mercado de trabalho na região do nordeste brasileiro
  • Os modernos modelos de gestão adotados pelas empresas, estão ancorados, em boa medida, na capacidade dos recursos humanos de desenvolverem adequadamente suas funções, diante de um cenário de grande dinamismo e velocidade no processamento de transações. Nesse contexto, os profissionais da contabilidade também devem estar preparados para atender a tais expectativas, todavia, inadequações no seu processo de formação são frequentemente apontadas por egressos, órgãos de classe, e principalmente, empregadores, que consideram que tal formação não atende às necessidades de mercado de trabalho exigente e dinâmico. Diante de tal contexto, esta pesquisa objetiva avaliar a aderência entre a formação do profissional contábil, efetuada por Instituições de Ensino Superior (IES´s), em atenção às necessidades do mercado de trabalho, nas três maiores regiões metropolitanas do Nordeste brasileiro. Para tanto, foram delineados os seguintes objetivos específicos: i) identificar o perfil do contador desejado pelos empregadores das três regiões metropolitanas investigadas, por meio da descrição e atribuição dos cargos; ii) analisar as matrizes curriculares, conteúdos programáticos, modelo de funcionamento de estágio curricular, trabalho de conclusão de curso e atividades complementares dos cursos de Ciências Contábeis das IES´s envolvidas no estudo; e iii) examinar os perfis de egressos desejados pelas IES´s envolvidas no estudo. Trata-se de pesquisa descritiva, tendo como lócus as regiões metropolitanas de Salvador, Recife e Fortaleza, com abordagem quali-quantitativa, com adoção de procedimentos documental e pesquisa de campo, e técnicas de coletas de dados variadas (aplicação de questionários, entrevistas semiestruturada e análise documental) para levantamento, classificação e análise das informações relativas aos cursos de graduação e às expectativas/demandas do mercado de trabalho do contador.
  • Universidade Federal do Ceará - CE - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Achete

Ciências da Saúde

Medicina
  • laboratório estratégicos de nanometrologia – inmetro
  • O Inmetro, na sua qualidade de instrumento de apoio à inovação, qualidade e competitividade das empresas brasileiras nos mercados interno e externo, tem-se modernizado e se aparelhado para estar ao nível dos mais avançados institutos congêneres no mundo. Em especial na área da nanometrologia, fundamental para o desenvolvimento da nanotecnologia, o Inmetro possui hoje, instalado em seu campus de Xerém, no Rio de Janeiro, um dos laboratórios mais completos do Brasil dedicado a caracterização das mais diferentes propriedades de materiais: das propriedades de superfície à volumétricas, da escala macrométrica à na escala nanométrica. Além disto, o Inmetro também atua nos mais importantes órgãos e fóruns nacionais e internacionais que procuram promover e discutir as tendências desta nova tecnologia, assim como a preocupação com na sua aplicação e disseminação. Exemplos destes fóruns são: Comitê consultivo do MCTI para Nanociência e Nanotecnologia, Fórum de Competitividade de Nanotecnologia coordenado pelo MDIC, Fórum Mundial dos Institutos de Pesquisa em Materiais conhecido pela sigla em inglês – WMRIF, Projeto Versailles sobre Materiais Avançados e Padrões, conhecido pela sigla em inglês - VAMAS e Organização Internacional para a Padronização, conhecida amplamente pela sua sigla em inglês – ISO no qual participamos sob o auspício da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas ). Com intuito de exemplificar esta posição transcrevemos abaixo está transcrito parte do texto do comitê técnico denominado, TC 229 da ISO, que trata exclusivamente de padronização para a nanotecnologia, “Nanotecnologia é um termo coletivo para uma faixa de tecnologias, técnicas e processos, envolvendo a manipulação de material ao nível molecular, sistemas que possuem pelo menos uma dimensão física na faixa de 1 a 100 nanometros. Tais sistemas possuem características físicas e químicas inteiramente novas, resultando em propriedades que não são bem descritas, nem pelas propriedades da molécula da substância, nem pelas propriedades do material volumétrico. Estes fatos frequentemente resultam em novas e diferentes características que podem gerar uma vasta gama de novos materiais. Nanotecnologia é uma nova tecnologia revolucionária e um fator econômico chave para o século vinte e um. Nanotecnologia promete significantes benefícios sociais, incluindo melhora no diagnóstico e tratamento médico, produtos mais eficientes na área de energia, materiais e produtos eletrônicos mais leves, resistentes e baratos e purificadores de água mais baratos. Existe, no entanto, uma falta de conhecimento sobre os efeitos de nanomateriais, particularmente nanopartículas, sobre a saúde humana e meio ambiente. Isto tem levado à preocupação sobre riscos potenciais sobre o meio ambiente, saúde e segurança, potencialmente associados a nanotecnologia e seus produtos”. O desenvolvimento de padrões internacionais desempenhará um papel crítico para assegurar que o potencial total da nanotecnologia seja alcançado e que a nanotecnologia seja integrada à sociedade de forma segura. Os padrões assegurarão que a transição do laboratório para o mercado ocorra de modo tranquilo, promoverá o progresso ao longo da cadeia de valores da nanotecnologia – de materiais na nanoescala que formam os blocos de construção de componentes e dispositivos para a integração destes dispositivos em sistemas funcionais – e facilitarão o mercado global. São inicialmente propostas três categorias de padronização: Terminologia e nomenclatura, a padronização da linguagem comum para os processos científicos, técnicos, comerciais e regulatórios. Medidas e Caracterizações, padrões proverão uma base internacionalmente aceita para as atividades cientificas quantitativas, comerciais e processos regulatórios, Saúde, segurança e meio ambiente os padrões melhorarão as condições de segurança ocupacional e segurança e proteção ambiental, promovendo boas práticas na produção, uso e descartes de nano materiais, produtos de nanotecnologia e sistemas e produtos baseados em nanomateriais. Neste sentido, as nações que pretendem ser competitivas nesta área devem contar com um forte apoio técnico-científico para desenvolver padrões e processos capazes de servir de instrumentos de apoio às atividades industriais baseadas em nanotecnologia A participação do Inmetro nos mais importantes fóruns da área o habilita não só a tomar parte nas decisões importantes nos âmbitos nacional e internacional sobre a terminologia, nomenclatura, processos, risco ao meio ambiente, segurança e desenvolvimento de padrões, mas também permite constantemente reavaliar seu potencial instalado em comparação com o de seus pares. Desta forma o Inmetro atua como forte instrumento de apoio a indústria nacional tanto para o desenvolvimento tecnológico através do serviço de pesquisa como para o atendimento dos protocolos internacionais na busca pelos padrões. Nos laboratórios do Inmetro estão hoje implantadas técnicas, e instalados e funcionando equipamentos de última geração como, por exemplo, espectrômetros, equipamentos de análise de superfície, nanolitografia, e uma infraestrutura completa para microscopia incluindo um dos mais avançados microscópios eletrônicos de transmissão da América do Sul. O investimento em equipamento é da ordem de 20 milhões de reais e contamos com cerca de 30 jovens pesquisadores doutores. Em resumo as atividades do Inmetro na área na nanotecnologia têm forte vetor no apoio a indústria brasileira para desenvolvimento de produtos nanotecnológicos e proteção ao consumidor, utilizando a capacidade de caracterização de seus laboratórios para garantir que produtos, colocados no mercado como sendo nanotecnológicos, realmente apresentem estas características e também para assegura a proteção à saúde e meio ambiente através do desenvolvimento materiais de referência, protocolos e métodos de boas praticas
  • Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia - DF - Brasil
  • 18/12/2019-31/12/2023
Foto de perfil

Carlos Alberto Araújo Júnior

Ciências Agrárias

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
  • sistema computacional para planejamento da produção florestal em pequenas propriedades
  • Em virtude da discrepância entre a quantidade de madeira demandada pelos centros consumidores e a quantidade ofertada pelas florestas, tornam-se necessários estudos que permitam planejar de forma eficiente as atividades envolvidas e realizar prescrições acerca do manejo florestal. O gerenciamento da floresta é, então, realizado de forma a suprir as necessidades fabris, retornando maiores ganhos em termos econômicos e se adequando aos anseios ambientais e sociais. Para isso, são empregadas técnicas que vão desde métodos convencionais de ordenamento da produção, tais como regulação por área ou volume, até métodos mais sofisticados, sendo estes representados principalmente pela programação linear e por técnicas de inteligência artificial, principalmente através da utilização de metaheurísticas. Estas têm se mostrado mais flexíveis às necessidades do manejador e à realidade dos empreendimentos. Deste modo, pretende-se aplicar os conceitos e práticas de inteligência artificial por meio da metaheurística Clonal Selection Algorithm no ordenamento da produção florestal. Para realização do trabalho serão considerados dados de empresas florestais localizadas na região norte do estado de Minas Gerais. Tais dados contemplarão informações sobre a produtividade, localização, idade e tamanho das unidades de produção florestal. Também serão considerados dados de custos das operações florestais e receitas obtidas com a venda da madeira. O algoritmo proposto será implementado na linguagem de programação Java. Como resultados finais deste trabalho podem ser citados: Determinar a parametrização apropriada para a metaheurística Clonal Selection Algorithm para o problema de ordenamento da produção florestal, produzir trabalhos técnicos e científicos com publicação em periódicos internacionais, além de um pitch para divulgação da pesquisa realizada e da ferramenta de software construída, indicando se o seu desempenho foi superior às já utilizadas para problemas similares.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Arrabal Arias

Ciências Agrárias

Agronomia
  • desenvolvimento de populações, linhagens e variedades de soja resistentes à ferrugem asiática (phakopsora pachyrhizi)
  • A soja é uma das principais culturas do Brasil com área cultivada de 35,2 milhões de hectares e produção de 118,9 milhões de toneladas, atingindo produtividade média de 3.382 kg/ha na safra 2017/18. A ferrugem asiática da soja (FAS), causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizi, é considerada a principal doença da cultura em função do seu alto potencial de danos. Segundo o Consórcio Antiferrugem, mais de U$ 2 bilhões são anualmente perdidos no Brasil seja diretamente pela perda na produtividade ou indiretamente pelos gastos com a aplicação de defensivos químicos. Apesar de evitar redução de produtividade, os fungicidas sítio-específicos vêm perdendo sua eficiência ao longo dos anos, conforme descrito para os inibidores da desmetilação (IDM, “Triazóis”) na safra 2007/08, para os inibidores da quinona externa (IQe, “estrobilurinas”) a partir de 2013/14 e para alguns fungicidas sítio-específicos com carboxamidas (ISDH) na safra 2016/17. O uso de cultivares resistentes a doenças é o método de controle mais eficiente e barato para os produtores, além de ser o mais adequado às práticas de conservação do ambiente. As novas cultivares resistentes à FAS indicadas no Brasil já vêm apresentando bom nível de competitividade em relação às melhores cultivares suscetíveis disponíveis no mercado, considerando características como potencial produtivo, ciclo e resistência ao acamamento. Com isso, existe a expectativa de que essas cultivares alcancem uma significativa escala comercial para que produzam os impactos econômicos e ambientais esperados. Pelo menos sete genes de resistência à FAS, denominados Rpp1 a Rpp7, já foram descritos em soja. Contudo, o fungo P. pachyrhizi possui alta variabilidade genética, o que aumenta a probabilidade da quebra da resistência conferida pelos genes maiores relatados. Esse tipo de resistência baseada em genes maiores, aliada à resistência de campo ou horizontal, baseada em genes menores, pode trazer maior estabilidade à estratégia de manejo da doença e aumentar o tempo de vida da resistência em condições comerciais. Com o objetivo de contribuir para a geração de novas cultivares resistentes / tolerantes à FAS, linhagens com boa adaptação derivadas de programas de seleção para genes maiores e menores para a FAS disponíveis nas diferentes etapas do programa de melhoramento serão identificadas e avaliadas em ensaios de casa-de-vegetação em Londrina, PR e de campo em Londrina (PR) e Goiânia (GO). Linhagens geneticamente uniformes para resistência à FAS selecionadas em casa-de-vegetação vão abastecer os ensaios regionais desenvolvidos junto às parcerias privadas onde serão avaliadas principalmente para produtividade de grãos. Por outro lado, as linhagens adaptadas dos ensaios finais serão caracterizadas quanto à resistência à FAS e serão indicadas como novas cultivares e/ou participarão de cruzamentos para gerar novas populações segregantes com maior potencial para produtividade de grãos. As populações segregantes geradas no projeto anterior serão avançadas sob pressão da doença até a geração F4, de onde serão sacadas plantas individuais para participarem das avaliações como linhas de progênies F4:5, as quais também são cultivadas sob pressão de seleção para a doença. As progênies selecionadas serão enviadas para abastecer os ensaios preliminares de primeiro ano desenvolvidos regionalmente pela Embrapa e parcerias públicas e privadas. A continuidade do processo de desenvolvimento de novas cultivares resistentes à FAS diversificando e combinando genes de resistência será de grande importância para a sustentabilidade futura da soja e do agronegócio.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Bucher

Ciências Agrárias

Agronomia
  • estudo do papel do transportador de amônio osamt1.3 nas respostas de plantas de arroz à variações da disponibilidade de n-nh4+ com o uso de plantas mutantes desenvolvidas utilizando o sistema crispr-cas9
  • A eficiência de uso de nutrientes envolve um sistema complexo e depende da integração coordenada de vários processos e vias metabólicas. Variedades tradicionais de arroz do estado do Maranhão-Brasil apresentam grande adaptação a condições de baixa fertilidade do solo. As modificações genéticas que ocorreram ao longo da adaptação dessas variedades locais podem ter resultado no ajuste fino desses processos, tornando essas plantas mais eficientes no uso de N. Uma das características observadas durante experimentos desenvolvidos no Laboratório de Nutrição Mineral de Plantas (LNMP)- UFRRJ foi o rápido aumento de expressão do transportador de alta afinidade para amônio (OsAMT1.3), na variedade Manteiga em resposta ao ressuprimento N-NH4+ após período de carência de N. Além disso, resultados prévios do grupo também mostram que a expressão de outro transportador de amônio (OsAMT1.2) é afetada pelo OsAMT1.3, assim como modificações na arquitetura radicular.Torna-se necessária a total caracterização funcional do gene OsAMT1.3 pelas indicações já obtidas em nosso laboratório de que esse transportador seria o principal responsável por diferenças na eficiência de absorção de N-NH4+ observadas entre variedades de arroz. Este projeto propõe finalizar acaracterização transportador OsAMT1.3 através do uso de plantas transformadas com uma técnica recente de edição de genomas (CRISPR-Cas9), que possibilita nocaute de genes específicos de forma eficiente e precisa. As plantas nocaute obtidas serão submetidas a diferentes condições de suprimento de nitrogênio para verificar alterações na expressão dos genes e atividade de enzimas do metabolismo de N em função do nocaute do OsAMT1.3. Será verificada a eficiência de absorção e utilização de N em plantas cultivadas até a produção de grãos utilizando marcação com 15N, e será determinada os teores individuais dos aminoácidos através de cromatografia liquida de alta performance para melhor compreensão do metabolismo e fluxo interno de N nessas plantas e controle por feedback. Ao final pretendemos obter informações que possam ser aplicadas em pesquisas futuras que visem o uso de genes chave associados ao aumento da eficiência de uso de nitrogênio para melhoramento de plantas.
  • Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Ceretta

Ciências Agrárias

Agronomia
  • impacto do uso continuado de dejetos de animais na emissão de gases de efeito estufa, nos teores e estoques de carbono e nitrogênio no solo e na produtividade de culturas
  • A proposta representa um avanço no aprofundamento do projeto iniciado em 2004 e que estuda resíduos orgânicos num contexto de eficiência de uso de nutrientes pelas plantas e transferências de elementos do solo, seja por escoamento superficial ou lixiviação, bem como o acúmulo de metais pesados potencialmente capazes de causar toxidez às plantas ou mesmo ao ambiente. Os resultados obtidos até o momento mostram, a importância da implantação de rotações de culturas, capazes de manter resíduos culturais em superfície para, além da natural conservação do solo, também diminuir a intensidade do principal caminho às transferências de nutrientes adicionados ao solo, que é o escoamento superficial. Quando se faz o confronto entre resíduos orgânicos com adubação mineral tradicional fica evidenciado que o critério utilizado à recomendação oficial da adubação orgânica para o Rio Grande do Sul (RS) e Santa Catarina (SC) ((CQFS-RS/SC, 2004), com base na recomendação de nitrogênio (N), significa a adição de elementos como fósforo (P) e potássio (K) muito acima das necessidades das plantas. Com isso há uma elevação significativa dos teores de P no solo, com todas as consequências, especialmente ambientais, decorrentes disso, além de representar uma baixa eficiência de nutrientes tão importantes às plantas. Por sua vez, elementos como o cobre representam um risco às plantas, ao longo do tempo, pelo acúmulo potencial com as aplicaçõs continuadas de resíduos orgânicos. O que esta nova proposta, que está sendo submetida ao Edital Universal, tem de importante é que o grupo de pesquisa envolvido decidiu que era necessário direcionar alguns estudos com um foco ainda mais ambiental. Isso para permitir que técnicos e pesquisadores pudessem ter mais informações, que subsidiasse tomadas de decisão ou à formação de opinião sobre o uso de uma ou outra fonte de resíduo orgânico, e na proposta são avaliados três resíduos orgânicos (dejeto líquido de suínos, cama sobreposta de suínos e dejeto líquido de bovinos), bem como à comparação necessária entre o uso de resíduos orgânicos e fertilizante mineral e como estas fontes se diferenciam não só no compartamento à nutrição de plantas, mas também em relação a aspectos que se relacionam com fenômenos que determinam o comportamento do clima. Por isso, a enfase da proposta é a emissão de gases de efeito estufa, os aumentos nos teores de carbono (C) e nitrogênio (N) no solo e a produtividade das culturas. Outro aspecto importante desta proposta é o de que este estudo é realizado sobre um experimento de longa duração, ou seja, que está a campo desde 2004. Por este motivo, as alterações no ambiente, em função das características de cada uma das fontes, estão mais consolidadas e representam o que acontece na realidade. Afinal, no Brasil, a bovinocultura e a suinocultura estão entre as principais atividades agropecuárias, alavancando o crescimento e o desenvolvimento, principalmente, de pequenos produtores rurais. Como exemplo, a região sul é responsável por 34% da produção leiteira nacional, com aproximadamente, 8 milhões de cabeças e o rebanho suíno conta com, aproximadamente, 20 milhões de cabeças, sendo responsável por mais de 66 % dos suínos no Brasil. Essas atividades geram grandes volumes de dejetos líquidos e sólidos os quais, são distribuídos em áreas de lavouras ou pastagens, especialmente, ao longo dos anos. Assim sendo, como o trabalho é de longa duração o grupo estabeleceu para esta nova proposta ao edital universal novos objetivos, quais sejam: 1) Avaliar como diferentes resíduos orgânicos se comportam quanto a emissão dos gases N2O, CO2 e CH4, inclusive na comparação com fertilizante mineral; 2) Avaliar o efeito imediato e residual das aplicações de resíduos orgânicos; 3) Determinar os estoques de carbono (C) e nitrogênio totais (NT) no solo e nos compartimentos químicos e físicos da matéria orgânica do solo (MOS); 4) Avaliar as frações químicas da matéria orgânica do solo (MOS), quantificando o carbono e o nitrogênio das frações humina, ácidos húmicos e fúlvicos; 5) Avaliar as frações granulométricas da matéria orgânica do solo MOS, separando e quantificando o carbono (C) e o nitrogênio (N) das frações particulada e mineral e; 6) Determinar o índice de manejo de carbono em todos os compartimentos avaliados neste estudo de longa duração. O trabalho que está em andamento é conduzido em área do Departamento de Solos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), além de um experimento que vem sendo conduzido por colaboradores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). A expectativa da equipe envolvida nesta proposta é a de que os resultados, por serem obtidos em estudos de longa duração, permitam avanços no conhecimento sobre a importância e o significado do uso de resíduos orgânicos. É dentro deste contexto que esta proposta, busca avaliar como as adições de dejetos suínos e bovinos ao solo ao longo do tempo podem interferir nas emissões de gases de efeito estufa e nos estoques de carbono e nitrogênio no solo e na produtividade das culturas. Esse é um aspecto importante em termos de avanço no conhecimento, porque são muito incipientes as informações disponíveis a este respeito em condições tropicais. A equipe tem também uma expectativa de que estas informações, especialmente aquelas relacionadas a emissão de gases de efeito estufa, possam ser utilizadas por órgãos de assistência técnica e aqueles responsáveis pela legislação ambiental para que se tenha, por um lado o uso mais racional dos resíduos orgânicos e, por outro, que a legislação possa ser aprimorada agregando novos parâmetros na sua definição.
  • Universidade Federal de Santa Maria - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto da Silva Ledo

Ciências Agrárias

Agronomia
  • melhoramento genético do mamoeiro visando resistência a doenças e características agronômicas superiores
  • A cultura do mamoeiro tem grande expressão agrícola e econômica para o Brasil, segundo produtor mundial. Entretanto, o cultivo de poucas variedades e a grande ocorrência de pragas e doenças limitam a expansão da cultura no país. A presente proposta visa ampliar a base genética atual da cultura pelo enriquecimento do germoplasma, por meio de identificação e coleta de parentes silvestres, e pela geração de novas linhagens e híbridos com maior produtividade, qualidade de frutos e resistência às principais doenças. Os trabalhos serão desenvolvidos na Embrapa Mandioca e Fruticultura, em Cruz das Almas- Bahia. Nas etapas de melhoramento para características agronômicas serão realizadas hibridações entre cultivares tipo ‘Solo’ e tipo ‘Formosa’ e os híbridos serão avaliados quanto às características agronômicas e de qualidade de frutos. Para obter resistência ao vírus da mancha anelar (Papaya ringspot virus, PRSV) serão realizados cruzamentos entre genótipos do gênero Vasconcelleae e genótipos superiores de C. papaya, onde, os híbridos que apresentarem resistência a diferentes estirpes do PRSV serão retrocruzados com os genitores de C. papaya. Esses novos híbridos, quando resistentes, serão avaliados para características agronômicas e de qualidades dos frutos e selecionados para etapas posteriores de melhoramento. As avaliações de resistência à podridão-do-pé e meleira serão realizadas em duas etapas, na primeira serão avaliados todos os acessos do BAG-Mamão com relação às doenças, posteriormente, serão avaliados os híbridos resultados dos cruzamentos entre os acessos resistentes e genótipos superiores. Serão avaliados 22 novos híbridos desenvolvidos nos últimos anos pelo Programa de Melhoramento Genético da Embrapa Mandioca e Fruticultura quanto a características agronômicas, qualidade de frutos e ocorrência de pragas nas plantas e frutos. Com o desenvolvimento desta pesquisa, espera-se disponibilizar cultivares de mamoeiro altamente produtivas, resistentes a doenças e com qualidade de frutos.
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - DF - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto de Carvalho

Ciências Sociais Aplicadas

Comunicação
  • comentários de leitores na internet segundo as axiologias da idiotia e da idiotice: análise a partir de notícias sobre violências de gênero postadas no jornal ggn
  • A proposta da pesquisa é investigar, pelo período de seis meses, entre fevereiro e agosto de 2017, comentários de leitores sobre narrativas relativas a violências de gênero publicadas no Jornal GGN (www. http://jornalggn.com.br/luisnassif), mantido pelo jornalista Luis Nassif. As violências de gênero do recorte serão aquelas praticadas contra mulheres e pessoas do universo LGBTT. O Jornal GGN, além de conteúdo próprio, reproduz notícias de mídias noticiosas tradicionais, de blogs informativos diversos, especialmente identificados com propostas editoriais distintas da mídia de propriedade de grandes corporações, e análises críticas de mídia. Luis Nassif, responsável pela página na internet, é um jornalista brasileiro de larga experiência, em mídias tradicionais e mais recentemente com o próprio jornal eletrônico, respeitado por suas posturas identificadas com rigor ético e capacidade de elaborar sofisticadas críticas da mídia e da realidade brasileira. A escolha do Jornal GGN, portanto, nos permitirá contato com narrativas jornalísticas sobre violências de gênero oriundas de mídias diversas, acrescidas de comentários de leitores, que é uma característica do jornal sob responsabilidade de Luis Nassif. A análise terá como base teórica as noções axiológicas de idiotia e idiotice, relações de gênero, violências físicas e simbólicas, femicídio, misoginia e homofobia.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto de Castro Junior

Engenharias

Engenharia Elétrica
  • desenvolvimento de software aplicado ao planejamento e operação de sistemas elétricos de potência
  • É fato inquestionável a dependência da sociedade do fornecimento de energia elétrica de forma eficiente, segura e confiável, assegurando a modicidade. A área de pesquisa e desenvolvimento de modelos e metodologias de análise aplicadas ao planejamento e operação de sistemas elétricos de potência é muito dinâmica. Ao longo dos anos novos paradigmas estruturais do setor elétrico, além de desenvolvimento de novas tecnologias, demandam que novos modelos e metodologias de análise sejam desenvolvidos. Por exemplo, o planejamento e a operação de sistemas de transmissão e distribuição são fortemente afetados pela inserção crescente de geradores independentes, pelas novas técnicas de medição como as medições fasoriais, o desenvolvimento de equipamentos de armazenamento de energia, dentre outros. Tanto na transmissão como na distribuição, cada vez mais há a necessidade de, além de aprimorar os modelos utilizados, incrementar os níveis de inteligência nos processos de análise, em função basicamente do crescimento físico desses sistemas, além da complexidade na obtenção de soluções que atendam aos requisitos de eficiência, segurança, confiabilidade e modicidade. Nesta proposta, um conjunto de temas de pesquisa relacionados com o planejamento e operação de sistemas elétricos de potência, tanto no nível de transmissão como de distribuição, será apresentado. Esses temas relacionam-se com os trabalhos de pesquisa realizados pelos membros do nosso grupo de pesquisa.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto de Oliveira Magalhães Júnior

Ciências Humanas

Educação
  • representações sociais de crianças brasileiras e portuguesas sobre a vacinação: direcionamentos para a educação em saúde
  • No Ensino de Ciências existem temas que podem provocar polêmicas em sala de aula, sendo a vacinação um desses temas. Nos últimos anos tem-se verificado no mundo um acentuado aumento do número de pessoas que deixam de tomar vacinas. Diante disso, o presente projeto tem o intuito de investigar as Representações Sociais de crianças das series iniciais da Educação Básica do Brasil e Portugal sobre a vacinação, com o propósito de indicar caminhos para as propostas educacionais no Ensino de Ciências. Para isso, os dados serão coletados com alunos do quinto ano no Brasil e em Portugal, no intuito de comparar os dados entre os grupos de níveis equivalentes mas com diferente formação e condição sociocultural. Esses dados serão coletados em quatro cidades, duas brasileiras e duas portuguesas. A análise dos dados coletados ocorrerá por meio do diagnóstico das palavras evocadas e dos grupos semânticos. Após, será determinada a ordem média de evocação e a frequência, para a construção do diagrama de Vergès, que indica quais são os elementos centrais e periféricos. Além disso, serão avaliados os desenhos de cada participante, visto que uma imagem está ancorada em um contexto. O desenvolvimento deste projeto em Instituições dos dois países trará contribuições do ponto de vista científico e educacional para o Ensino de Ciências e da Educação para a Saúde, não só no âmbito das comunidades científicas mas também nas comunidades pedagógicas dos dois países. Assim, o resultado científico deste trabalho consolidará, nas instituições envolvidas, o contínuo desenvolvimento de pesquisas em Ensino de Ciências voltado a educação e promoção da saúde, bem como pesquisas em nível de mestrado e doutorado e, assim, o fortalecimento de grupos de pesquisas em parcerias com a Educação Básica.
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto de Souza Costa

Ciências da Saúde

Odontologia
  • síntese de biomateriais inovadores contendo proteínas da matriz extracelular e análise da participação destes no processo de regeneração do tecido pulpar.
  • O objetivo deste estudo será desenvolver scaffolds de nanofibras e hidrogel experimentais contendo proteínas da matriz extracelular, capazes de participar efetivamente do processo regenerativo do tecido pulpar, através da bioestimulação de células tronco da papila dental humana (SCAPs). Inicialmente, no Estudo 1, será determinada a concentração ótima de proteínas da matriz extracelular (fibronectina, laminina e colágeno I) que apresente bioatividade sobre células SCAPs de acordo com os seguintes parâmetros: viabilidade e proliferação celular; adesão e espalhamento celular; migração celular; expressão de genes específicos; e síntese de colágeno. Em sequência, no Estudo 2, diferentes formulações de scaffolds a base de poli(ɛ-caprolactona) com disposição paralela e aleatória das nanofibras serão testadas, sendo avaliada a topografia de superfície dos scaffolds, sua resistência a degradação, bem como seu potencial na indução da proliferação, adesão e espalhamento celular. Após seleção da melhor formulação dos scaffolds com disposição paralela e aleatória das nanofibras, seu efeito biológico associado a proteínas da matriz extracelular, com base nos resultados do Estudo 1, será testado. No Estudo 3, diferentes formulações de um hidrogel a base de gelatina serão testadas, sendo avaliada suas características de manipulação, bem como seu potencial na indução da viabilidade, proliferação, adesão e espalhamento celular. Após seleção da melhor formulação do hidrogel, seu efeito biológico associado a proteínas da matriz extracelular, com base nos resultados do Estudo 1, será avaliado. Por fim, no Estudo 4, os biomateriais formulados (scaffold de nanofibras e hidrogel) serão avaliados em modelo in vitro de regeneração pulpar, onde raízes de dentes humanos serão adaptadas em câmaras pulpares artificiais de perfusão, em um modelo de cultura dinâmico e de pressão intra-pulpar. Análise histológica e imunohistoquímica serão realizadas, sendo avaliada a morfologia tecidual e expressão de marcadores de síntese de colágeno e de diferenciação odontoblástica ao longo do canal radicular. Os dados numéricos, obtidos através da aplicação dos protocolos laboratoriais, serão submetidos à análise estatística específica.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Eiras Garcia

Ciências Exatas e da Terra

Oceanografia
  • estudos sobre ótica e sensoriamento remoto de águas costeiras para a implementação do módulo de sensoriamento remoto do simcosta.
  • O projeto investiga aspectos das ótica marinha e sensoriamento remoto em zonas costeiras com o objetivo final de introduzir o módulo de Sensoriamento Remoto no Sistema de Monitoramento da Costa Brasileira (SiMCosta). Dados in situ (boias meteoceanográficas e cruzeiros) e de sensoriamento remoto (imagens de satélites) serão amplamente e usados no projeto. O projeto prevê (a) o desenvolvimento de algoritmos bio-óticos para mapear propriedades geofísicas (ou biogeoquímicas) por satélites; (b) o desenvolvimento de rotinas de correções de efeitos atmosféricos nas imagens da cor do oceano; (c) estudos de variabilidade espaço-temporal de propriedades geofísicas na região costeira adjacente ao estuário da Lagoa dos Patos; e (d) a inserção do módulo de Sensoriamento Remoto no SiMCosta.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Feliciano

Ciências Humanas

Geografia
  • criação do núcleo de estudos em agroecologia do pontal do paranapanema – (neapo)
  • Nossa preocupação em promover e pesquisar as atividades agroecológicas está na potencialidade que a agroecologia oferece enquanto contraponto à produção agroindustrial, fundada na monocultura, no uso intensivo de agrotóxicos e depredação da natureza, cujo modelo de produção, visto pela comercialização de alimentos no mercado mundial, influi negativamente no que diz respeito à estrutura produtiva familiar camponesa. Isso se faz marcante na região do Pontal do Paranapanema, extremo oeste do estado de São Paulo, que nos últimos anos passa por transformações a partir das novas formas de exploração da terra com a expansão da cana-de-açúcar. Nos últimos anos diversas organizações tem apostado em desenvolver projetos que busquem alavancar a produção agroecológica no Pontal, entretanto, estas inciativas são pontuais e ainda não se comunicam . Portanto, este projeto também surge pela necessidade de conectar os saberes e práticas que já estão sendo desenvolvidos na região, na intensão de criar uma rede de diálogos e, assim, difundir estes conhecimentos já acumulados. Por isso, a centralidade do NEAPO – Pontal do Paranapanema, será oferecer formação para as(os) agricultoras(res) camponesas(es) da região através de oficinas e cursos de curta duração, onde buscaremos criar um espaço de integração, difusão e sistematização de práticas agroecológicas.
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - SP - Brasil
  • 01/12/2017-31/10/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Galeano Suarez

Engenharias

Engenharia Química
  • desenvolvimento de estratégias de otimização dinâmica, aplicadas á hidrólise de bagaço de malte para produção de etanol de segunda geração
  • A utilização de combustíveis fósseis tem um significativo impacto no meio ambiente, tornando os biocombustíveis uma alternativa renovável e ambientalmente amigável. O Brasil, por ser um dos principais produtores de cerveja, gera como principal subproduto dessa indústria, o bagaço de malte, que é geralmente destinado para ração animal. Entretanto, esta biomassa pode ser reaproveitada como matéria-prima para produção de bioetanol de segunda geração (2G). O bagaço de malte representa cerca de 85% do total dos subprodutos gerados na indústria cervejeira, é considerado um material lignocelulósico rico em fibras e proteínas, contendo aproximadamente 17% de celulose, 28% de hemicelulose e 28% de lignina (MUSSATTO et al., 2006). Para aumentar a viabilidade econômica do processo de produção de bioetanol 2G, é importante que celulose (fração C6) e hemicelulose (fração C5) sejam fermentados. Neste âmbito geral, este projeto aborda um aspecto que impacta os custos da rota bioquímica para a produção de bioetanol 2G: desenvolvimento de algoritmos de otimização dinâmica para definição de políticas operacionais ótimas para reatores de hidrólise, elegendo como estudo de caso para validação de algoritmos, a hidrólise enzimática do bagaço de malte.
  • Universidade Federal de Goiás - GO - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Gonçalves

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • engajamento e intenção à mudança de hábito mediante estratégias de comunicação de marketing social
  • Os estudos e aplicações da Neurociência no campo de Marketing Social oferecem novos achados sobre o comportamento do público-alvo. As aplicações éticas desses métodos e adoção de sistemas de medição não invasivos, com precisão científica atraem a atenção para explorar o seu potencial na análise do comportamento por meio de dados biométricos. O presente projeto tem por objetivo mensurar como os efeitos de emoção e atenção, produzidos pelas campanhas educativas de prevenção à obesidade, promovem significativo engajamento e mudança de intenção e hábito no público-alvo. Assim sendo, este projeto faz uso da teoria de engajamento do público-alvo e se relaciona com os conceitos de mudança de hábito, emoções, atenção, marketing social e neurociência do consumidor. Em termos metodológicos, o estudo será experimental causal, que prevê a realização de estudos experimentais com um grupo controle e dois grupos experimentais, no qual serão utilizadas cinco técnicas para mensuração dos resultados, sendo duas neurocientíficas – Eletroencefalografia, reconhecimento de expressões faciais e movimentação ocular -, e duas tradicionais - questionário e acompanhamento da intenção à mudança de comportamento. A análise dos dados será a análise múltipla das mensurações, com abordagem quali e quantitativa. Espera-se, com este estudo, compreender e colaborar com a literatura acerca do engajamento, intenção e mudança de hábitos, bem como as consequências dos efeitos emocionais apresentados pelo monitoramento das atividades corticais, expressões faciais e de movimentação ocular, produzidos pelas campanhas educativas de prevenção à obesidade. Além disso, espera-se proporcionar resultados que poderão ser utilizados sob a perspectiva de políticas públicas quanto à melhor alocação de verba para comunicação e marketing no governo, visando à redução de custos e tempo com a aplicação de teste declarativos ou unidimensionais, que pode servir como diretriz para melhorar ou propor novas ações de marketing social.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Kamienski

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • plataforma das coisas nebulosas: infraestrutura flexível para aplicações inteligentes
  • Nos últimos anos estamos acompanhando o nascimento ou a viabilidade prática de uma série de tecnologias que em seu conjunto apresentam um poder disruptivo ao permitir a construção de aplicações para tornar nossa sociedade mais inteligente. A Internet das Coisas (Internet of Things - IoT) permite que as pessoas e objetos se conectem a qualquer hora, em qualquer lugar. Por outro lado, a Computação em Névoa (Fog Computing) se propõe a solucionar problemas relativos à grande quantidade de dados que inevitavelmente será gerada com o aumento da utilização de IoT, solucionando problemas como latência e utilização de recursos de rede, trazendo os serviços que hoje estão na nuvem para mais próximo dos usuários finais. Névoa e IoT são conceitos e seu uso conjunto gera uma sinergia que permite viabilizar aplicações inteligentes em diferentes áreas, como campo e cidades, além de agregar várias tecnologias relacionadas. A Plataforma das Coisas Computacionais se inspira nos desafios conjuntos do uso de vários tecnologias como IoT, névoa, nuvem, SDN/NFV, big data analytics na nuvem e na névoa e o compartilhamento de informações com as plataformas de redes sociais online. Esse projeto tem por objetivo é propor, implementar e avaliar um arcabouço de computação em névoa capaz de processar dados em tempo real em um ambiente complexo baseado na Internet das Coisas (IoT), com foco em aplicações de cidades inteligentes, agricultura inteligente, assistência à saúde e gerenciamento de desastres. Além de resultados de pesquisa, esse projeto alia as descobertas acadêmicas ao potencial de desenvolvimento de novos serviços inovadoras ao fazer parcerias com empresas, públicas e privadas.
  • Universidade Federal do ABC - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Labate

Ciências Biológicas

Biotecnologia
  • rna-seq dual de fermentações semi-industriais contendo a levedura cat-1 de saccharomyces cerevisiae e bactérias contaminantes das espécies lactobacillus plantarum e acetobacter pasteurianus e genômica destes microrganismos bacterianos
  • O etanol possui uma grande importância estratégica para o setor energético brasileiro devido a sua natureza renovável e grande capacidade de geração de emprego e renda. Além disso, a utilização do álcool como combustível veicular direto é extremamente interessante, visto que este diminui a dependência brasileira dos combustíveis fósseis. Atualmente, um dos principais problemas enfrentados na produção de etanol é a presença de microrganismos contaminantes no ambiente industrial. A presença desses na fermentação pode causar redução da eficiência na produção de etanol, competição por nutrientes essenciais, aumento dos teores de compostos tóxicos para a levedura e indução de floculação. Mesmo com estes problemas, a maioria dos processos de produção de etanol no Brasil baseiam-se numa complexa interação entre leveduras de S. cerevisiae e organismos contaminantes. Nesse sentido, a presente proposta objetiva realizar o sequenciamento do DNA total, montagem dos genomas e anotação completa de dois isolados de contaminantes bacterianos (L. plantarum e A. pasteurianus), identificados diretamente em usinas de produção de etanol brasileiras. Além disso, objetiva-se também realizar o sequenciamento dos transcritos da levedura CAT-1 de S. cerevisiae e destes contaminantes quando em condições de coexistência, em fermentações realizadas em reatores semi-industriais. Por fim, através destes estudos, espera-se elucidar a dinâmica destas interações e, numa etapa seguinte, desenvolver novas metodologias de controle dos contaminantes na indústria que sejam mais específicas e eficientes do que as usadas atualmente.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Mandarim-de-Lacerda

Ciências Biológicas

Morfologia
  • célula β pancreática, amilina, obesidade e liraglutida (peptídeo tipo 1 análogo ao glucagon, glp-1) em camundongos
  • RESUMO: Amilina, ou polipeptídio amiloide de ilhotas (ou PPAI), é um hormônio peptídeo produzido nas células β que age na homeostase da glicose, juntamente com a insulina e o glucagon. A resistência à insulina leva a alterações no fígado (doença hepática gordurosa não alcoólica) e no pâncreas (falência da célula β), associada à obesidade. LIRAGLUTIDA é um peptídeo tipo 1 análogo ao glucagon (Glucagon-like peptide-1 ou GLP-1) que leva a diminuição da ingestão de alimentos, água e aumento da diurese, acompanhados por redução da adiposidade corporal. O SAXENDA tem o princípio ativo LIRAGLUTIDA sendo recentemente autorizado para utilização no Brasil com o objetivo de tratar a obesidade. Atua nas regiões do cérebro que regulam o apetite, fazendo diminuir a fome e levando ao emagrecimento pela redução da ingestão alimentar longo do dia. A célula β pancreática e a secreção de amilina se modificam na obesidade induzida por dieta hiperlipídica e nossa hipótese é que LIRAGLUTIDA tem potencial de minimizar os efeitos da obesidade na ilhota pancreática, na célula β e na secreção de amilina. Os objetivos do estudo são a) caracterizar a obesidade induzida por dieta; b) mensurar os níveis plasmáticos de insulina, amilina, leptina e adiponectina; c) analisar as alterações na ilhota pancreática e na massa de células β; d) realizar análises moleculares (qPCR e Western blotting) em ilhotas pancreáticas isoladas; e) quantificar marcadores inflamatórios nas ilhotas pancreáticas de animais obesos com e sem tratamento por LIRAGLUTIDA; f) realizar imunohistoquímica e imunofluorescência (co-localização de amilina e insulina na célula β). É esperado que SAXENDA tenha efeitos benéficos na ilhota pancreática e na secreção de amilina, o que seria um resultado muito promissor, original, ainda não conhecido.
  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Manssour Fraga

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • identificação de novos derivados n-acilidrazônicos inibidores de histonas desacetilases, candidatos à fármacos antitumorais
  • O câncer é uma das doenças com perfil epidemiológico mais impactante nos dias atuais a despeito de existirem muitos fármacos, de diferentes classes terapêuticas, disponíveis para o seu tratamento. Este preocupante cenário demonstra a dificuldade de se controlar, com a adequada toxicidade seletiva, a evolução da doença, especialmente nos casos em que ocorre metástase. Entretanto, no arsenal terapêutico para o tratamento do câncer poucos fármacos atuam através de modulação epigenética, a despeito da reconhecida importância de enzimas e proteínas associadas a regulação destes processos na gênese de tumores, muitas vezes caracterizando-se com "assinaturas" de determinados tipos de câncer. Nos últimos anos, pode-se evidenciar o grande crescimento das relações entre o estudo do envolvimento de padrões anormais de modificações em histonas e o desenvolvimento do câncer, estimulado, em grande parte, pela aprovação do vorinostate (SAHA), em 2006, pelo FDA dos Estados Unidos, para o tratamento de linfoma cutâneo de células T. Este composto é um inibidor de histona desacetilases (HDAC) e atua na modulação da expressão gênica, importante na diferenciação celular. Até o momento apenas três inibidores de HDAC foram aprovados pelo FDA para o tratamento de diferentes tipos de câncer, validando esta enzima como alvo terapêutico para o tratamento de tumores. A despeito da diversidade dos inibidores de HDAC descritos na literatura, torna-se urgente e necessária a busca por novos protótipos que atuem neste alvo validado de forma efetiva, que sejam estruturalmente simples e acessíveis e que apresentem baixo perfil de efeitos adversos, podendo se traduzir em alternativas terapêuticas para a quimioterapia do câncer. Neste contexto, o Laboratório de Avaliação e Síntese de Substâncias Bioativas (LASSBio) do Instituto de Ciências Biomédicas da UFRJ vem realizando estudos que envolvem o desenvolvimento de novos protótipos candidatos a fármacos de diferentes classes terapêuticas, explorando a expertise de nosso grupo de pesquisas na preparação de substâncias bioativas apresentando a subunidade N-acilidrazona (NAH) com diferentes padrões de funcionalização. Então, os objetivos desta proposta consistem na identificação de novos protótipos antitumorais inibidores de histona desacetilases humanas planejados a partir da estrutura do produto natural tricostatina A, antibiótico fungistático que foi posteriormente caracterizado como inibidor não-seletivo de histona desacetilases. A gênese dos compostos N-cilidrazônicos aril-hidroxâmicos propostos envolveu o uso da estratégia do bioisoterismo clássico, pela troca da subunidade cetona gama,delta-insaturada presente no produto natural pela subunidade N-acilidrazona (NAH), já descrita como uma estrutura privilegiada. Os compostos NAH planejados serão sintetizados e avaliados como inibidores de diferentes isoformas de histonas desacetilases humanas, e caracterizados como candidatos a protótipos antitumorais.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Marques

Ciências Humanas

Educação
  • domínios e padrões da comunidade epistemológica qv: convergências e particularidades ao ensino da química verde
  • O presente projeto constitui-se em uma proposta de pesquisa, teórica e empírica, sobre os fundamentos da Química Verde (QV) e sua inserção no ensino de química e na formação do químico, especialmente professores. Busca-se analisar produções científicas e relatos de experiências, disponíveis na literatura da área da Química, da Educação e da Educação Científica, produzidos pela Comunidade Epistemológica QV, caracterizando e problematizando as convergências e particularidades em seus domínios e padrões, bem como as ressonâncias destes ao/no ensino da QV em cursos de Química no país. Associando-se às várias trabalhos de nosso Grupo de Pesquisa (GIEQ/UFSC), o presente estudo se localiza nas discussões temáticas envolvendo os doze princípios da QV; aos princípios da prevenção, precaução, da incerteza científica e dos postulados termodinâmicos, os quais tem o fito de contribuir com a construção de um quadro teórico-metodológico a esse respeito e, principalmente, apoiar o ensino da QV. No âmbito do tema desse Projeto convergem ainda outros estudos investigativos de componentes do Grupo, cuja natureza e objetivos se associam à melhoria da educação científica que se somam aos esforços societários em prol da sustentabilidade ambiental
  • Universidade Federal de Santa Catarina - SC - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Martinez Huitle

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • degradação oxidativa de lignina e outros produtos/renováveis por abordagem eletroquímica para a produção de produtos de alto valor agregado
  • Este projeto faz parte do LABORATÓRIO DE ELETROQUÍMICA APLICADA E AMBIENTAL DO INSTITUTO DE QUÍMICA da Universidade Federal do Rio Grande do Norte para desenvolver novos processos para reações anódicas visando aplicar as técnicas eletroquímicas para a eletrossíntese orgânica utilizando ânodos ativos e não ativos para produção produtos de alto valor agregado. Métodos eletroquímicos e eletrossintéticos fazem parte do repertório das abordagens de síntese orgânica. No entanto, nenhum interesse significativo foi dado quando compostos tóxicos são tratados para serem eliminados de ecossistemas diferentes usando tecnologias eletroquímicas. Mas, mudando os estoques de ração e os recursos naturais começam a desempenhar um papel mais crucial, as metodologias eletrossintéticas não serão apenas de interesse ecológico, mas também de importância econômica. Além disso, eletroquímica é ensinada principalmente por químicos físicos ou analíticos, o que parece criar uma barreira natural para aplicações orgânicas preparativas. No caso da eletroquímica para o meio ambiente, os métodos de degradação devem minimizar os efeitos nocivos da alta toxicidade e dos poluentes persistentes. Esta aplicação tem alto poder de oxidação para mineralizar esses compostos ou oxidá-los para moléculas com menor toxicidade; Assim, a eletroquímica pode desempenhar um papel importante na redução da poluição, particularmente no desenvolvimento de novos tratamentos alternativos com alta eficiência, capacidade e seletividade para a degradação de poluentes. Além disso, os materiais eletrocatalíticos costumavam desempenhar um papel muito importante na eficiência do processo eletroquímico, porque estes promovem uma conversão eficiente ou combustão de compostos orgânicos. No entanto, em muitos casos, a degradação de poluentes favorece a produção de vários intermediários, e estes poderiam ter um alto valor agregado. Nesse contexto, esse projeto de 12 traças significa desenvolver processos eletroquímicos ecologicamente corretos que permitem obter percepções notáveis ​​sobre eletrodos e eletrólitos, que permitem estender a janela eletroquímica e / ou novos caminhos de reação, levando a novos conceitos eletro-orgânicos e outras aplicações. por uma metodologia sintética sustentável com a posterior transferência de tecnologia para sua aplicação no Brasil. O desafio social deste projeto indica a necessidade de os países se tornarem uma "Economia Verde", com o uso de recursos sustentáveis. Para atingir este objetivo, é necessário o desenvolvimento de novas tecnologias. Neste contexto, o presente projeto também visa desenvolver tecnologias eco-sustentáveis ​​para reações anódicas. Este projeto apresenta quatro alvos principais: (1) O estudo da aplicação eletrossíntese orgânica por conversões anódicas para a produção de produtos de alto valor agregado, (2) A investigação do papel desempenhado pelo material eletrocatalítico (ânodos ativos e não ativos) na eletrossíntese orgânica, (3) Degradação oxidativa da lignina e de outras energias renováveis ​​(terebintina e glicerol) por oxidantes gerados electroquimicamente em ânodos de diamante dopado com boro (DDB) e, (4) A transferência de tecnologia para sua aplicação no Brasil como alternativa de tecnologia verde para a produção de combustíveis e outros produtos de alto valor agregado. O sucesso deste projeto requer uma abordagem multidisciplinar envolvendo diferentes áreas científicas e tecnológicas, como química, engenharia química, engenharia de ciência dos materiais, química orgânica e ciências ambientais. A interação interdisciplinar com outros especialistas e exigências da indústria irá melhorar a qualidade dos resultados obtidos e a experiência de pesquisadores brasileiros para alcançar uma posição de maturidade em sua carreira com o contato com um especialista na área como o Prof. Dr. Siegfried Waldvogel (JOHANNES GUTENBERG-UNIVERSITÄT MAINZ). Consequentemente, a implementação deste projeto fortalecerá a colaboração científica nacional e internacional entre os grupos de pesquisa deste projeto e os pesquisadores europeus envolvidos. Finalmente, este projeto será executado por um estudante de doutorado que terá a oportunidade de desenvolver pesquisas científicas de alta qualidade. Sua inserção nesta equipe acadêmica proporcionará o desenvolvimento do pensamento crítico e a capacidade de análise e interpretação da literatura científica, bem como a consolidação do ponto de vista científico do candidato. Assim, acima de tudo, este projeto visa também transferir e desenvolver pesquisas científicas de alta qualidade para a região Nordeste do Brasil, contribuindo com a formação de recursos humanos qualificados.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Olarte Vega

Ciências Exatas e da Terra

Ciência da Computação
  • sistemas concorrentes: semântica, provas e modelos declarativos
  • Os sistemas concorrentes e distribuídos têm mudado substancialmente com o advento de fenômenos tais como redes sociais, computação em nuvem e sistemas móveis. Além disso, fenômenos biológicos têm inspirado novos modelos de computação e têm aumentado a necessidade de desenvolver métodos computacionais para favorecer a experimentação in-silico ao invés da experimentação in-vitro, permitindo predizer com maior precisão o comportamento desses sistemas. Em trabalhos prévios, mostramos como arcabouços computacionais (cálculos de processos) e lógicos (sistemas de prova) permitem especificar e verificar sistemas distribuídos compartilhando informação, como em redes sociais; e sistemas bioquímicos, como redes de regulação genética. Para isso, desenvolvemos uma ampla gama de técnicas de argumentação (sistemas de prova, equivalências comportamentais, semânticas simbólicas, depuração declarativa) junto com ferramentas (simulação, verificação automática e provas mecanizadas) que permitiram estudar formalmente os sistemas de interesse. O presente projeto visa propor novas técnicas de argumentação, no topo dos arcabouços desenvolvidos anteriormente, e demostrar a sua relevância em uma nova área de aplicação. Mais concretamente: - D1. Semântica. Visamos propor uma semântica baseada em jogos que nos permita quantificar o uso de recursos em uma prova e utilizar todo o ferramental de teoria de jogos para analisar e estudar os diferentes sistemas de interesse do projeto. - D2. Meta-Logical frameworks. Utilizaremos as propriedades refletivas da lógica de reescrita(RL) para especificar, de uma forma geral, propriedades lógicas (e.g., a relação de consequência lógica) e computacionais (e.g., fluxo de informação, mobilidade de agentes, etc.) como meta-teoremas da RL e prova-las automaticamente. - D3. Provas certificadas. Do ponto de vista teórico, proporemos arcabouços que permitam simplificar a tarefa de definir lógicas objetos (OL, o sistema a ser analisado), e lógicas de especificação (SL, e.g. a lógica linear) na lógica do assistente de provas (Coq, Cálculo de Construções). Do ponto de vista prático, visamos: implementar essa arquitetura e desenvolver as táticas necessárias para automatizar a prova de propriedades da OL; e produzir certificados (verificáveis em Coq) a partir dos procedimentos propostos em D2. - D4. Aplicações. A partir dos nossos modelos biológicos, logramos estabelecer parcerias com grupos de pesquisa interessados em utilizar arcabouços lógicos para formalizar sistemas de decisão médica. Utilizaremos as ferramentas teóricas e práticas desenvolvidas neste projeto para contribuir no estudo e entendimento desses sistemas.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Pereira das Neves Bolonha

Ciências Sociais Aplicadas

Direito
  • atuação das agências reguladoras e a deferência institucional: interpenetração, deliberação e decisão
  • A presente pesquisa tem como objeto a atuação do Poder Executivo e da Administração Pública em relação às demais instituições de poder do Estado. O problema abordado envolve o nível de interação – diálogo - institucional e de capacidade de deferência que as instituições possuem, quanto às interpretações e decisões que ocorrem no âmbito das agências reguladoras. Tal cenário de interação é o tópico crucial a ser analisado em nossa realidade institucional uma vez que atrai não apenas reflexões teóricas, mas sobretudo práticas. Ao analisar o objeto de pesquisa - a Administração Pública -, percebe-se que essas interações e o potencial de deferência entre ela e as demais instâncias de poder é determinante para o resultado eficiente dos preceitos constitucionais estabelecidos, sobretudo se pensarmos em situações excepcionais vivenciadas na realidade estatal. Desse modo, é necessário o desenvolvimento de um estudo que compreenda de forma mais detalhada os procedimentos adotados pelas agências reguladoras, para compreender se podem apresentar resultados deliberativos satisfatórios e se esse desempenho fundamentaria uma regulação digna de deferência, propiciando um ambiente jurídico mais estável. A partir dessa análise, busca-se responder a pergunta se as instâncias que tem o potencial de controle (judiciário e legislativo) da atuação da Administração Pública devem orientar sua atividade a partir da inserção de mecanismos de deferência às interpretações e decisões emanadas da Administração Pública, uma vez que o processo decisional desenvolvido no âmbito das agência satisfaz os parâmetros democráticos. Pelo exposto não se imagina uma entrega total de poderes a essa instituição, mas, outrossim, o desenvolvimento de uma sensibilidade para com a capacidade dessas instituições da Administração Pública em responder de forma mais célere, acertada e precisa aos problemas não previstos pelo legislador em razão de sua expertise técnica e de sua posição institucional estratégica. Ao sustentar essa análise, a pesquisa parte de um marco teórico institucionalista que trata das questões teóricas do Estado Administrativo, da atuação deferencial das instituições e da superação do império da lei por meio da abnegação do direito – permitindo compreender a razão de se destacar o Poder Executivo e da Administração Pública de modo analítico, bem como, porque a análise institucional pretendida se desdobra em uma maior valorização das interpretações e decisões realizadas no âmbito da Administração Pública, requerendo maior deferência das demais instituições. Este marco teórico parte da análise das reflexões do teórico Adrian Vermeule, em particular de sua última tese relativa ao law’s abnegation tratando acerca realidade da abnegação do direito vivenciada pela comunidade jurídico-política sob a perspectiva administrativa estatal, verificando na deferência institucional, sobretudo do Judiciário a chave para melhor diálogo das instituições e a manutenção da estabilidade democrática estatal.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Saraiva Gonçalves

Ciências Biológicas

Bioquímica
  • secreção das proteínas s100b e apoe em modelos in vivo da doença de alzheimer
  • INTRODUÇÃO. A demência, devido ao aumento de expectativa de vida, é um problema social e econômico grave no mundo. A doença de Alzheimer (DA) é responsável pela maioria dos casos, mas a causa, em 95% desses casos, permanece desconhecida. O peptídeo beta-amiloide (beta-A), derivado da proteína percursora amiloide (PPA) neuronal, é apontado como responsável por muitas alterações neuroquímicas e pela deposição extracelular (placas senis) observadas nos pacientes. No entanto, antes do aumento e/ou deposição beta-A, a presença do hipometabolismo da glicose sinaliza o início do processo neurodegenerativo e a redução da captação da glicose medida por FDG-PET, (18F-fluorodeoxyglucose positron emission tomography) é considerada um marcador precoce, já que pode preceder em décadas a doença. Nosso grupo trabalha com a ideia sustentada por evidencias de que a disfunção astroglial precede as alterações neuronais e isso é fundamental para entender a intervenção terapêutica (Lichtenstein et al, 2010, Front Aging Neurosci. 2:142). Temos usado um modelo de demência com injeção intracerebroventricular de estreptozotocina (STZ), que causa nas primeiras semanas alterações astrogliais e hipometabolismo da glicose (dos Santos et al, 2018, J Alzheimer’s Dis. 61:237) e meses mais tarde provoca alterações no citoesqueleto neuronal (emaranhados neurofibrilares) e a deposição amiloide, que caracteriza a doença de Alzheimer (Knzenovic et al, 2015, J Neural Transm. 122:577). Duas proteínas astrogliais secretadas S100B e a ApoE, que exibem uma estreita relação com o metabolismo da glicose e também com o metabolismo do peptídeo beta-A, têm sido apontadas como possíveis marcadores e mesmo como elementos ativos na patogenia do Alzheimer. OBJETIVOS E HIPÓTESE DE TRABALHO. O objetivo geral é avaliar alterações na expressão e secreção das proteínas S100B e ApoE, no hipocampo, na fase pré-amiloide, em dois modelos in vivo de demência com STZ em ratos Wistar e camundongos transgênicos (Tg2576), que superexpressam a proteína PPA, com a finalidade de acelerar o processo degenerativo (Plaschke et al, 2010, J Alzheimers Dis. 19:691). Além disso, avaliaremos o possível papel neuroprotetor da exendina-4, um agonista do GLP-1 (glucagon-like peptide 1), que reverte dano cognitivo e as alterações de barreira hematoencefálica em ratos diabéticos (Zanotto et al, 2017, Mol Neurobiol. 54:2154). A secreção será avaliada em fatias hipocampais e em culturas primárias de astrócitos expostas diretamente ao STZ. A nossa hipótese de trabalho é que alterações na secreção destas proteínas, nesta fase de hipometabolismo da glicose (pré-amiloide), “marquem” e talvez estejam ligadas às alterações posteriores causadas pelo βA. Investigaremos outras proteínas e alterações hipocampais: peptídeo beta-A 40-42, RAGE - o receptor de S100B, LRP1 – o receptor de ApoE, a neurotrofina BDNF e o metabolismo da glicose). Os objetivos específicos incluem: (a) Avaliar o déficit cognitivo nesses modelos de demência, através de tarefas em labirinto aquático de Morris e reconhecimento de objeto, em 1, 4 ou 16 semanas após a administração de STZ; (b) Avaliar a secreção e conteúdo das proteínas S100B e ApoE em fatias hipocampais, nos modelos de demência, em 1, 4 ou 16 semanas após a administração de STZ; (c) Avaliar o conteúdo liquórico das proteínas S100B e ApoE; (d) Investigar as possíveis alterações hipocampais no conteúdo de peptídeo beta amiloide 40/42, dos receptores RAGE e LRP1 e conteúdo de BDNF; (e) Investigar o metabolismo glicose através a captação com deoxiglicose, a resistência à insulina através da fosforilação na Ser 307 do IRS-1 e o conteúdo de proteínas O-GlcNAciladas; (f) Avaliar o possível efeito neuroprotetor da Exendina-4 em ratos Wistar, na 4ª e 16ª semanas após o STZ; (g) Avaliar o efeito in vitro da exendina-4 sobre a secreção de S100B e ApoE em fatias hipocampais de ratos expostos ou não ao STZ, nos diferentes tempos; (h) Estudar a secreção das proteínas S100B e ApoE, em culturas de astrócitos expostas ao STZ ou exendina-4; (i) Estudar as vias de sinalização possivelmente envolvidas na secreção de S100B e ApoE, particularmente PKA, MAPK e PI3K/Akt, em fatias hipocampais e culturas de astrócitos, usando inibidores específicos. METODOLOGIA. (i) Ratos Wistar (Biotério Bioquímica da UFRGS) e camundongos Tg2576 adultos (The Jackson Laboratory) serão usados para induzir os modelos de demência e ratos neonatos para culturas de astrócitos; (ii) Fatias hipocampais e cultura de astrócitos serão usadas para os ensaios de secreção da ApoE e S100B; (iii) Captação de glicose em fatias hipocampais e cultura de astrócitos usando [2,3-3H]deoxi-D-glucose; (iv) As proteínas S100B, ApoE e beta-A serão quantificados por ELISA, enquanto as demais proteínas (incluindo a fosforilação do IRS-1 e conteúdo de proteínas O-GlcNAciladas) serão analisadas por Western blotting. VIABILIDADE E CONTRIBUIÇÕES. O projeto conta com apoio e infraestrutura da UFRGS, envolve 21 pesquisadores e servirá de apoio para 2 teses de doutorado e 2 dissertações de mestrado, que serão associadas a produção de, pelo menos, 6 publicações em periódicos internacionais no tema. Além disso, o projeto congrega 2 instituições de pesquisa no País e a colaboração de 2 pesquisadores no exterior, de modo a favorecer o intercâmbio. Esperamos contribuir ao entendimento do papel astroglial, particularmente das proteínas ApoE e S100B, na patogenia da DA. Enfatizamos que a proposta é de investigar a secreção destas proteínas na fase pré-amiloide da doença, caracterizada pelo hipometabolismo da glicose, portanto, avaliando o papel destas proteínas como marcadores precoces no processo degenerativo da DA e/ou marcadores para avaliar estratégias terapêuticas nesta fase inicial da doença. Os resultados também contribuirão para avaliar o uso exendina-4 na proteção contra o déficit cognitivo no modelo de demência.
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Scapim

Ciências Agrárias

Agronomia
  • estudo genômico amplo associativo para a resistência de podridão no colmo causada por fusarium verticillioides em coleçao núcleo de milho tropical
  • O objetivo deste projeto é construir um mapa genético inédito com ampla cobertura genômica de resolução identificando genes e QTLs envolvidos à resistência Fusarium verticillioides em linhagens de milho tropical. Para isto, 480 linhagens de milho serão genotipadas com a plataforma Illumina iScan e painel Infinium iSelect HD Custom Genotyping BeadChips 50k. As linhagens serão avaliadas em três épocas no Maringá (PR) à resistência F. verticillioides. Os dados obtidos serão utilizados no mapeamento por desequilíbrio de ligação à referida doença. A genotipagem ampla destas linhagens tropicais permitirá a caracterização e identificação de um grupo informativo de SNPs e contribuirá com a validação de marcadores moleculares nos programas de melhoramento genético de milho do Brasil quanto à resistência de Fusarium verticillioides.
  • Universidade Estadual de Maringá - PR - Brasil
  • 01/06/2017-31/05/2020
Foto de perfil

Carlos Alberto Tomelin

Ciências Sociais Aplicadas

Turismo
  • a contribuição do design para a inovação de produtos nas destinações turísticas inteligentes sob o conceito das smart cities: um novo olhar para balneário camboriú
  • Este projeto apresenta as bases da proposta de pesquisa que visa recolher subsídios teóricos sobre as tendências do turismo nas cidades criativas para propor ações estratégicas de Design, que consigam construir uma metodologia de planejamento que oriente as ações para transformação do destino turístico cidade de Balneário Camboriú em uma destinação turística inteligente sob o conceito das smart cities, tornando a própria dinâmica da cidade no atrativo turístico. Para tanto, propõem-se uma metodologia quali-quanti pautada no Design thinking, a fim de realizar uma investigação participativa buscando soluções centradas nos usuários da cidade contando com a co-criação da comunidade na geração de possíveis soluções para os problemas que forem levantados. Além disso, a metodologia prevê a redução das incertezas das propostas testando-as através da gamificação das mesmas.
  • Universidade do Vale do Itajaí - SC - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Carlos Alberto Vieira de Azevedo

Ciências Agrárias

Engenharia Agrícola
  • peróxido de hidrogênio como atenuante do estresse salino no cultivo de gravioleira
  • A região semiárida do Nordeste Brasileiro apresenta condições edafoclimáticas propícias para exploração da gravioleira; no entanto, as águas disponíveis para irrigação são, na maioria das vezes, salinas, o que pode comprometer a produção; desta forma, torna-se imprescindível o desenvolvimento de tecnologias que viabilizem a aplicação dessas águas na irrigação destacando-se o uso de peroxido de hidrogênio na aclimatação das plantas ao estresse salino. Assim a presente proposta tem como objetivo avaliar o efeito da aplicação exógena de peróxido de hidrogênio como atenuante do estresse salino no crescimento, índices fisiológicos, bioquímicos e na produção de plantas enxertadas de gravioleira cv. Morada Nova. A pesquisa será desenvolvida sob condições de casa-de-vegetação, pertencente ao Centro de Tecnologia e Recursos Naturais da Universidade Federal de Campina Grande (CTRN/UFCG), localizada em Campina Grande, PB. A pesquisa será constituída de dois experimentos, em sucessão, sendo estudados, no primeiro, os efeitos do peróxido de hidrogênio aplicado na embebição das sementes e mediante pulverizações foliares na formação de mudas sob estresse salino. No segundo, será avaliado os efeitos das concentrações de peróxido de hidrogênio como atenuante do estresse salino pós-enxertia até a fase de produção da gravioleira. No primeiro experimento, será utilizado o delineamento experimental de blocos casualizados, em esquema fatorial 5 x 5 x 5, cujos tratamentos serão construídos pela combinação de três fatores: cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação – CEa (0,6; 1,2; 1,8; 2,4; 3,0 dS m-1), cinco concentrações de peróxido de hidrogênio (0; 10; 20; 30 e 40 µM), associados a cinco períodos de embebição das sementes (12. 24, 36, 48 e 60 horas), com quatro repetições e duas plantas por parcela. No segundo experimento, os tratamentos resultarão da combinação entre dois fatores: cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação (0,6; 1,2; 1,8; 2,4 e 3,0 dS m-1) associados a cinco concentrações de peróxido de hidrogênio (0; 10; 20; 30 e 40 µM); o delineamento experimental será em blocos inteiramente casualizados em arranjo fatorial 5 x 5, com quatro repetições, perfazendo o total de 100 unidades experimentais. Os níveis de salinidades da água (0,6; 1,2; 1,8; 2,4 e 3,0 dS m-1) serão preparados de modo a se ter uma proporção equivalente de 7:2:1, entre Na:Ca:Mg, respectivamente, a partir dos sais NaCl, CaCl2.2H2O e MgCl2.6H2O. Os efeitos dos diferentes tratamentos sobre a cultura da gravioleira, nos dois experimentos, serão avaliados mediante a mensuração das variáveis de crescimento: altura de planta, diâmetro de caule, número de folhas, área foliar, razão de área foliar, área foliar específica, e taxas de crescimento absoluto e relativo, e das variáveis fisiológicas referentes ao teor relativo de água, pigmentos fotossintéticos, trocas gasosas e fluorescência da clorofila a. Também serão avaliados a produção de fitomassas fresca e seca de caule, folhas e raiz, parte aérea e total, além da nutrição dos porta-enxertos, bem como sua qualidade através do índice de qualidade de Dickson (IQD) acrescentando-se, ainda, no segundo experimento, a determinação das variáveis de produção e seus componentes. Os dados coletados serão submetidos à análise de variância pelo teste F ao nível de 0,05 de probabilidade e, quando significativo, realizar-se-á análise de regressão polinomial linear e quadrática, utilizando-se do software estatístico SISVAR. Caso ocorra heterogeneidade nos dados, verificada através dos valores de coeficiente de variação, será realizada análise exploratória dos dados com transformação de dados em raiz de x.
  • Universidade Federal de Campina Grande - PB - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022