Projetos de Pesquisa

 

Foto de perfil

Antônio Pedro Ricomini Filho

Ciências da Saúde

Odontologia
  • cariogenicidade do leite humano e bovino e seu efeito na desmineralização do esmalte
  • A ausência de consenso na literatura sobre a cariogenicidade do leite humano e bovino é devido à falta de estudos com delineamentos experimentais capazes de mostrar o potencial cariogênico de cada tipo de leite. Por possuir maior concentração de lactose, o leite humano (7%) é considerado mais cariogênico que o leite bovino (4,5%), no entanto, não há estudo controlado que avaliou a exposição intermitente do biofilme aos diferentes tipos de leite. Em acréscimo, a associação entre exposição prolongada ao leite humano e a incidência de cárie em crianças maiores que 12 meses é suportada por estudo que apresentam fatores de confundimento, como sacarose na dieta, o que impossibilita estabelecer relação de causa-efeito. Com base no exposto, a presente proposta é composta por três estudos. Estudo 1: avaliar o potencial cariogênico do leite humano e do leite bovino em estudo in situ de curta duração. Será realizado um estudo cruzado e duplo cego, no qual 8 voluntários (n=8) utilizarão um dispositivo palatino contendo blocos de esmalte bovino com dureza de superfície (DS) conhecida, os quais serão cobertos por uma placa teste formada in vitro. Em cada fase experimental, os biofilmes serão expostos por 5 min a uma das soluções avaliadas: (i) NaCl 0,9%; (ii) leite bovino; (iii) lactose 4,5%; (iv) sacarose 4,5%; (v) leite humano; (vi) lactose 7%; (vii) sacarose 7%. Ao final será avaliada a perda mineral pela porcentagem de perda DS (%PDS). Estudo 2: avaliar o potencial cariogênico do leite humano e do leite bovino durante a formação do biofilme em estudo in vitro. Sobre blocos de esmalte bovino serão formados biofilmes cariogênicos de S. mutans, os quais serão expostos de maneira intermitente (8x/dia/3 min) a uma das soluções avaliadas (n=12): (i) NaCl 0,9%; (ii) leite humano; (iii) leite bovino; (iv) lactose 7%; (v) lactose 4,5%; e (vi) sacarose 10%. Ao final, serão avaliados a perda mineral (%PDS), composição e organização dos biofilmes. Estudo 3: avaliar o potencial cariogênico da lactose quando associada a sacarose em estudo in vitro. Sobre blocos de esmalte bovino serão formados biofilmes cariogênicos de S. mutans, os quais serão expostos (n=12) à solução de lactose 7% ou NaCl 0,9% associados a frequência de exposição à sacarose 10% (0, 4 ou 8x/dia/3min). Ao final, serão avaliados a perda mineral (%PDS), composição e organização dos biofilmes. Os resultados serão estatisticamente analisados considerando os diferentes delineamentos apresentados.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Pereira das Neves Neto

Ciências Biológicas

Morfologia
  • identificação e caracterização de microvesículas nos flagelos de trichomonas vaginalis: implicações na biologia do parasito e interação com hospedeiro
  • O protista flagelado Trichomonas vaginalis é o agente etiológico da tricomoníase humana, infecção sexualmente transmissível que pode provocar complicações gestacionais, maior predisposição ao HIV, câncer de próstata e de colo de útero. Embora T. vaginalis seja reconhecido como um dos mais comuns agentes infecciosos em todo o planeta, os processos envolvidos na interação tricomonas-célula hospedeira ainda não foram totalmente esclarecidos. Nosso principal interesse é identificar novos fatores que possam contribuir para a patogenicidade de T. vaginalis. Dentro desse contexto, sabe-se que em outros modelos celulares, incluindo mamíferos, os flagelos funcionam como antenas celulares, recebendo sinais do ambiente e, subsequentemente, ativando vias de sinalização cruciais para a homeostase e diferenciação celular. Os flagelos também são capazes de enviar sinais químicos para o meio extracelular através da liberação de microvesículas (MVs), vesículas extracelulares que se originam por brotamento direto da membrana plasmática. Estudos com a alga verde Chlamydomonas mostraram que as MVs flagelares são enriquecidas em tetraspaninas (TSPs) e proteínas da maquinaria ESCRT (Endosomal Sorting Complex Required for Transport). Evidências recentes em outros organismos sugerem que MVs podem exercer papel crucial na comunicação e sinalização intercelular, e no transporte e reciclagem de proteínas na membrana dos flagelos. Esses achados abrem promissoras frentes de pesquisas dedicadas a identificar a presença de MVs nos flagelos de protistas patogênicos e compreender a participação dessas vesículas nos mecanismos envolvidos durante a interação com o hospedeiro. Portanto, os estudos referentes às MVs flagelares estão ganhando maior importância devido ao papel dos flagelos como uma estrutura essencial para o envio de informações. Entretanto, apesar da motilidade e ultraestrutura dos cinco flagelos de T. vaginalis serem bem caracterizados, pouco se sabe a respeito dos seus aspectos moleculares e possíveis funções sensoriais. Além disso, ainda não se sabe se os flagelos de T. vaginalis secretariam MVs. Desse modo, o presente projeto tem como objetivo lançar mão de diferentes abordagens experimentais nos níveis celular, bioquímico e molecular, visando identificar e caracterizar a presença de MVs flagelares em T. vaginalis, com ênfase nas suas possíveis participações na comunicação parasito-parasito e na interação com células hospedeiras. Para caracterizar morfologicamente a presença de MVs nos flagelos de T. vaginalis, parasitos mantidos em cultura axênica e durante interação com células hospedeiras serão analisados por diferentes técnicas avançadas de microscopia eletrônica. Para identificar proteínas relacionadas às funções sensoriais dos flagelos e encontrar possíveis marcadores específicos de MVs flagelares, propomos obter uma fração purificada de flagelos e de MVs flagelares e determinar sua composição proteica por espectrometria de massa MudPIT. Para investigar o papel funcional das MVs flagelares na comunicação intercelular e na patogenicidade, propomos realizar experimentos de coincubação das MVs flagelares de T. vaginalis com outros parasitos e células hospedeiras. Serão utilizados marcadores fluorescentes para rastrear a transferência intercelular de vesículas, além de ensaios de adesão e citotoxicidade. Além disso, pretendemos obter parasitos Knockdown para TSP6 e VPS32 (ortólogo de ESCRT-III) para examinar o papel de TSPs e proteínas do complexo ESCRT na formação e composição das MVs flagelares de T. vaginalis. Sendo assim, o presente projeto visa contribuir de maneira significativa para desvendar as estratégias envolvidas na patogenicidade de T. vaginalis, gerando informações pertinentes que poderão auxiliar para descoberta de novos alvos terapêuticos e para o desenvolvimento de tratamentos alternativos para a doença. A descoberta de MVs flagelares em T. vaginalis e seu possível papel na comunicação intercelular e citotoxicidade terá impacto direto nos estudos e na compreensão sobre os mecanismos de interação parasito-hospedeiro em outros microorganismos flagelados.
  • Fundação Oswaldo Cruz - PE - Brasil
  • 15/05/2019-31/05/2022
Foto de perfil

Antônio Pereira Magalhães Junior

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • registros de impactos do rompimento da barragem de fundão nos sistemas hidrogeomorfológicos da bacia do alto-médio rio doce – mg, brasil
  • O rompimento da barragem de rejeitos de Fundão (Samarco), no município de Mariana (estado de Minas Gerais), no dia 05 de novembro de 2015, levou ao que tem sido considerado o maior desastre ambiental da história do Brasil. Cerca de 60 bilhões de litros de rejeitos liquefeitos foram lançados nos cursos d’água, impactando de forma aguda a dinâmica hidrossedimentológica na bacia do Alto-Médio Rio Doce e, consequentemente, o quadro geomorfológico e ecológico dos ambientes fluviais. Uma parte significativa dos sedimentos mobilizados pelo rompimento permanece nos fundos dos vales fluviais afetados, enquanto outra vem sendo remobilizada paulatinamente pelos processos pluviais e fluviais, e permanece no sistema por tempo impreciso. Entretanto, pouco se sabe ainda sobre quais foram as efetivas transformações em termos de processos, materiais e formas ao longo dos sistemas ambientais da bacia. Assim, o presente projeto visa investigar os registros de impactos do rompimento da barragem de Fundão nos sistemas hidrogeomorfológicos da bacia do Alto-Médio Rio Doce, decorrentes da grande quantidade de material liberado. Para tanto, a pesquisa contará com análises de imagens de satélite, levantamentos de campo para estudos hidrológicos, geomorfométricos e das transformações morfológicas nos ambientes de fundo de vale, caracterização e análise comparativa de sedimentos depositados nos períodos pré e pós-desastre, análises de turbidez (sedimentos em suspensão), além de estudos dos impactos em tributários diversos dos eixos de drenagem diretamente afetados. Espera-se contribuir para o entendimento da capacidade dos cursos d’água da região de se reajustarem e atingirem condições de salubridade ambiental e, assim, para a proposição de medidas eficazes de recuperação de cursos d’água, áreas úmidas e nascentes afetados pelo desastre. Os registros das alterações poderão ser propostos como indicadores de impactos do rompimento da barragem no sistema hidrogeomorfológico regional.
  • Universidade Federal de Minas Gerais - MG - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Riul Jr

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • interfaces condutoras e “self-healing”
  • Este projeto visa a fabricação de nanoestruturas híbridas baseadas em polímeros (alguns condutores e outros autorregeneráveis), óxidos de grafeno reduzido (rGOs) e nanopartículas metálicas para a formação de interfaces condutoras auto-regeneráveis (self-healing). É atraente do ponto de vista tecnológico, pois a próxima geração de eletrônicos implantáveis e flexíveis exigirá malheabilidade, fácil processamento, controle de espessura e diferentes funcionalidades. Neste contexto, a técnica de automontagem por adsorção física (LbL, do inglês layer-by-layer) oferece uma maneira elegante para a construção de nanoestruturas com espessura e morfologia controladas, permitindo a integração de diferentes materiais (nanotubos, nanopartículas, nanofolhas, polímeros, enzimas, DNA, etc.) para formação de filmes ultrafinos em superfícies não convencionais como plásticos e fibras, contribuindo para redução significativa de peso e espessura no desenvolvimento de dispositivos flexíveis. A propriedade de regeneração (self-healing) de alguns polímeros será explorada para o aumento da vida útil de dispositivos, e o controle de rugosidade em filmes LbL é um ponto atraente para o controle de molhabilidade das superfícies. Estudaremos as propriedades de regeneração e condução, pensando no controle de molhabilidade dessas interfaces para o desenvolvimento futuro de dispositivos flexíveis e regeneráveis que poderão ser aplicados tanto no desenvolvimento de sensores quanto na conversão e armazenamento de energia.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Roazzi

Ciências Humanas

Psicologia
  • o efeito do uso ritual da ayahuasca na redução de danos em adicçao: avaliando a segurança e eficácia terapêutica
  • Diversas evidências apontam para a importante influência terapêutica da Ayahuasca, um psicoativo vegetal não adictivo de origem indígena, em uma variedade de condições de saúde mental nas quais destacamos o transtorno de dependência de drogas. Além disso, destaca-se o importante papel do ritual da Ayahuasca como propulsor de experiências místico-espirituais que promovem melhorias no processamento cognitivo e afetivo, no qual participantes de longo prazo de religiões ayahuasqueiras relatam melhora da qualidade geral de vida. A redução de riscos e danos (RD) é uma perspectiva que foca no usuário de drogas, atrelado no tripé com a sociedade e a substância consumida no qual a consciência e o autocuidado são elementos fundamentais. O estado de consciência propiciado pela Ayahuasca, conhecido ritualmente como “burracheira”, permite uma psicointegração da personalidade com características psicológicas e neurofisiológicas de realce no processamento emocional, sensorial e cognitivo. Esta psicointegração, que possibilita melhorias psicológicas relacionadas à redução de danos em casos de adicção, apresenta importantes particularidades ainda pouco exploradas. O presente projeto propõe uma caracterização longitudinal psicológica detalhada da experiência e autoexperiência da ayahuasca em sujeitos experimentais voluntários de sessões de Ayahuasca na UDV diagnosticados com o Transtorno de Dependência de Drogas (DSM V). No estudo 1 será realizado levantamento ex-post-facto com voluntários ex-usuários de drogas que passaram reduzir danos a partir da Ayahuasca. No estudo 2, voluntários participantes do programa estadual ATITUDE (Atenção Integral aos Usuários de Drogas e seus familiares – PE) serão convidados participar de sessões de Ayahuasca na União do Vegetal (UDV) como complementação de suas atitudes de redução de danos a partir do programa. No estudo 3, voluntários saudáveis com experiencia em psicodélicos clássicos, ex-dependentes, participarão de um estudo duplo-cego cruzado e randomizado, controlado por placebo para avaliar os efeitos agudos na eletroencefalografia eliciados pela ayahuasca. Os voluntários responderão a testes psicológicos e entrevistas anteriormente às sessões, imediatamente após cada sessão e longitudinalmente por até, no mínimo, um ano após o início das sessões rituais de ayahuasca. Serão coletados dados sobre personalidade, consumo de psicoativos, saúde mental, severidade de adicção, funções executivas, autoconsciência, misticismo e espiritualidade e fenomenologia cognitiva das práticas de redução de danos surgidas com a participação nos rituais. Técnicas qualitativas e quantitativas para análises multidimensionais, análise de grafos, descrição comportamental serão empregadas para comparar conteúdos psicológicos e comportamentos entre os grupos. Com base na literatura, serão avaliadas as seguintes hipóteses: 1) Usuários de drogas passam a reduzir danos após frequentarem rituais de ayahuasca; 2) A complementação com Ayahuasca é eficaz para promoção da RD do uso de drogas em participantes do programa ATITUDE; 3) A Ayahuasca eleva a autoconsciência, habilidade de visualização de imagens mentais e promove experiência mística; 4) O ritual de Ayahuasca promove melhorias longitudinais na saúde mental, no processamento emocional e cognitivo e na personalidade dos sujeitos voluntários da pesquisa; 5) A estrutura semântica do relato autoconsciente é caracterizada por grafos de palavras mais conectados em sujeitos que tomam Ayahuasca; 6) Há uma correlação positiva entre a participação em rituais de Ayahuasca e o aumento das práticas de redução de danos e autocuidado. 7) A ayahuasca induz uma ativação cortical, com redução da potência de ondas lentas (delta, teta e alfa) e aumento da sincronização de ondas rápidas (beta-3 e gama). A corroboração ou falsificação destas hipóteses através dos estudos propostos irá permitir um avanço considerável na compreensão da relação entre o efeito antiadictivo da Ayahuasca e as práticas de RD, permitindo a formulação de políticas públicas eficazes, eficientes e de baixo custo.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Roberto Lucena de Araújo

Ciências Biológicas

Genética
  • análise funcional do gene baalc na leucemia promielocítica aguda
  • Algumas evidências sugerem que o aumento de expressão do gene Brain And Acute Leukemia Cytoplasmic (BAALC) está associado à imaturidade celular e resistência a quimioterápica em vários tumores humanos. Entretanto, sua função biológica ainda não está completamente esclarecida. É importante ressaltar que este gene foi recentemente associado a um pior desfecho clínico em pacientes com leucemias agudas, incluindo a leucemia promielocítica aguda (LPA) (Lucena-Araujo et al., Blood Adv. 2017 Sep 15;1(21):1807-1814). Esta leucemia é reconhecida como o primeiro modelo de doença genética adquirida tratada com uma droga específica, o ácido all-trans retinóico (ATRA), o qual, associado com quimioterapia, induz diferenciação terminal seguida de apoptose das células leucêmicas. Contudo, cerca de 20% a 30% dos pacientes apresentam resistência ao tratamento ou evoluem para o óbito ainda durante a fase de indução (mortalidade precoce). É teoricamente possível que a expressão desbalanceada do gene BAALC em blastos leucêmicos de LPA possa está associado com resistência ao tratamento e, de certa forma, relacionado com a fisiopatogenia da doença. Desta forma, o presente projeto tem como proposta determinar o significado funcional (in vitro) do gene BAALC em linhagem celular específica de LPA (NB4) e sua contrapartida resistente à ação diferenciadora do ATRA (NB4R2), avaliando proliferação, apoptose induzida por drogas e taxa de diferenciação celular induzida pelo ATRA.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Rodrigues Fernandes

Ciências Agrárias

Agronomia
  • bioacessibilidade de elementos potencialmente tóxicos e remediação de áreas degradadas pela mineração com uso de biocarvão ativado
  • A exploração mineral tem grande importância para o desenvolvimento econômico, é essencial para atender as exigências da sociedade, no entanto é uma das atividades que causa maior impacto ambiental. No estado do Pará esta atividade é intensa, cuja exportação atingiu 11,8 bilhões de dólares em 2013, o que sugere extensas áreas em exploração e com diversos minérios. A produção de material estéril e rejeito, geralmente são ricos em elementos potencialmente tóxicos (EPTs), que são depositados no solo ocupando grandes áreas. Este material não apresenta condições para o bom crescimento de plantas, não protegendo o ambiente da lixiviação e do processo erosivo, o que tem levado a contaminação de extensas áreas contiguas ou não e de recursos hídricos. Outra atividade que tem causado impactos negativos ao ambiente e a saúde pública é a produção de resíduos orgânicos nos centros urbanos ou em áreas de produção pela agroindústria, devido disposição inadequada ou o uso indevido. No estado do Pará os resíduos do beneficiamento do açaí (caroço), da castanha do Brasil e do coco verde são exemplos de desperdício e dano ao ambiente pela falta de tratamento e o uso adequado, o que tem levado a deposição nas ruas e canais dos centros urbanos e rurais, principalmente os grandes centros urbanos como Belém. Os resíduos orgânicos podem ser melhor aproveitados se convertidos em material mais recalcitrante e mais concentrado em substâncias orgânicas, como os biocarvões, os quais apresentam alta capacidade de adsorver potenciais poluentes do solo, se tornando fundamentais para reduzir os efeitos ambientais negativos causados pelos EPTs. Além disso poderão se constituir em potenciais condicionadores de solos, melhorando a capacidade para recuperação de áreas degradadas, inclusive pel exploração mineral. Esta proposta será composta por 7 experimentos, com 9 objetivos específicos: 1. Determinar as concentrações totais de elementos potencialmente tóxicos da área de exploração de ouro de Cachoeira do Piriá; 2. Estudar o efeito do biocarvão e do biocarvão ativado com P, oriundo do beneficiamento do açaí, sobre a disponibilidade de EPTs no solo, fertilidade do solo e crescimento e potencial fitoextrator da Ipomoea asarifolia; 3. Estudar o efeito do biocarvão e do biocarvão ativado com P, oriundo do beneficiamento de resíduos da castanha-do-Brasil e palmiste de óleo de palma, sobre a disponibilidade de EPTs no solo, crescimento e potencial fitoextrator Solanum paniculatum; 4. Estudar o efeito do biocarvão e do biocarvão ativado com N, oriundo do beneficiamento da casca do coco verde, sobre a disponibilidade de EPTs no solo, fertilidade do solo e crescimento e potencial fitoextrator da Ipomoea asarifolia; 5. Determinar as características físico-químicas do biocarvão de resíduos do coco e avaliar o potencial na sorção de íons de N (NO3-; NH4+ e NO2-) no solo; 6. Avaliar a capacidade máxima de adsorção/ desorção de EPTs pelos biocarvões do açaí, resíduos de castanha-do-Brasil, palmiste de óleo de palma e casca de coco verde; 7. Determinar a bioacessibilidade e fracionar o solo multicontaminado, depois de tratado com biocarvões. Como resultados mais importantes esperam-se: conhecer as características físico-quimicas dos biocarvões e biocarvões enriquecidos com P e N, e assim melhorar o aproveitamento, potencializando suas capacidades de remediação de áreas contaminadas por EPTs; conhecer as estruturas capazes de sorver e dessorver EPTs; capacidade de fornecer elementos essenciais importantes ao metabolismo vegetal, principalmente N e P, de forma lenta e progressiva. Tais resultados irão subsidiar ações de prevenção e de redução da quantidade de poluentes nos centros urbanos da região e resíduos da agroindústria, possibilitando um menor risco à saúde humana e ao ambiente e proporcionar a revegetação de áreas de exploração mineral contaminadas por EPTs.
  • Universidade Federal Rural da Amazônia - PA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antônio Sales Oliveira Coelho

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • construção de um polariscópio de transmissão automatizado para aplicação em problemas em engenharia mecânica, física básica e odontologia.
  • A luz desempenha no cotidiano das pessoas um papel crucial. Em primeiro lugar, sem ela não haveria vida dentro do seu significado atual, além de ser praticamente impossível pensar em situações do dia a dia que não haja o seu emprego, desde o lazer até aplicações nos mais diversos setores da saúde. Vê-se também claramente o papel da luz em tecnologias que visam enfrentar os desafios mundiais nas áreas de energia, educação, agricultura, comunicação e saúde. Trata-se, portanto, de uma disciplina obrigatória na formação de qualquer profissional, independente da área de formação. Tão relevante é o assunto que o ano de 2015 foi eleito pela UNESCO o Ano Internacional da Luz, a fim de promover uma conscientização mundial acerca dos impactos promovidos pelo desenvolvimento da ótica e das suas aplicações nos mais diversos setores da vida. Dentro das engenharias é notório o uso da luz como recurso na geração de energia utilizando placas solares e transmissão de informação em fibras óticas, por exemplo. No entanto, antes de chegar em aplicações comerciais e de impacto direto, é importante enxergar a luz como uma ferramenta de análise prática que ajuda na compreensão de fenômenos importantes na formação de engenheiros, que muitas vezes carecem de percepção real acerca de assuntos tão trabalhados no domínio teórico. Dentro das engenharias civil e mecânica, o estudo de esforços causados por tensões de compressão, tração e cisalhamento, com certeza se insere dentro deste contexto. É possível correlacionar os efeitos destes esforços, presentes em diversas estruturas (máquinas, pontes, prédios, etc.), com a luz que interage com o meio onde eles se manifestam, trata-se do fenômeno conhecido como fotoelasticidade. A fotoelasticidade é um método de análise de tensões já bastante conhecido em mecânica. A técnica é muito consolidada e sua formulação teórica encontra-se bem explicada em diversos livros-texto. A primeira descrição data de 1931, por Coker e Filon, seguida da expansão do método para duas e três dimensões por Oppel em 1936. Até os dias atuais, a fotoelasticidade tem encontrado aplicação desde a análise de tensões em estruturas de vidro em obras de arte, passando pela biomecânica em ortopedia e odontologia, até investigação mais recente das tensões em estacas helicoidais em fundações. Em síntese, fotoelasticidade pode ser definida como uma propriedade que se manifesta em alguns sólidos transparentes que apresentam anisotropia, tornando-se duplamente refrativos (birrefringência), quando sujeitos a tensões, isso significa que passam a existir dois índices de refração distintos no material. Ao serem atravessados por luz polarizada, a luz é dividida em duas frentes de onda que viajam com velocidades distintas, cada uma orientada ao longo dos eixos ordinário e extraordinário. Na maioria dos materiais os índices de refração permanecem constantes, no entanto dentro do vidro e de materiais plásticos, por exemplo, o índice de refração é uma função das tensões aplicadas. A diferença de caminho entre as duas frentes de onda está relacionada com a diferença entre os índices de refração do material que, por sua vez, dependem do comprimento de onda da luz. Como consequência, as ondas luminosas interferem destrutiva ou construtivamente gerando um espectro de cores que manifesta a distribuição das tensões dentro do material. Para a análise fotoelástica, existem no mercado diversos equipamentos conhecidos como polariscópios com custos diversificados, dependendo do grau de precisão envolvida no equipamento. Porém, para cada aplicação existe uma customização adequada que permite extrair o máximo de informação do sistema estudado. Este projeto tem como objetivo iniciar o estudo de técnicas de fotoelasticidade no Departamento de Engenharia Mecânica do Centro de Tecnologia da UFPI. Trata-se de uma proposta extremamente viável e de grande importância para diferentes centros da UFPI, pois se insere perfeitamente na linha de pesquisa dos grupos abaixo: Laboratório de Mecânica Computacional (LAMEC), coordenado pela Prof. Dra. Simone dos Santos Hoefel. Os métodos numéricos utilizados pelo grupo, tais como Métodos dos Elementos Finitos (MEF) e de contorno (MEC), já encontram uma forte intersecção com a análise de fotoelasticidade, sendo, portanto, uma importante ferramenta experimental na investigação das teorias e análises computacionais desenvolvidas pelo LAMEC. Laboratório de Fenômenos de Não-Equilíbrio do Departamento de Física da UFPI, coordenado pelo professor Dr. Valdemiro da Paz Brito. O grupo existe há pelo menos uma década atuando em sistemas de não-equilíbrio, com ênfase em processos de empacotamento, empilhamentos, avalanches e fragmentação; conta atualmente com a colaboração dos pesquisadores Dr. José Pimentel de Lima (UFPI) e Dr. Marcelo Gomes (UFPE). Nos últimos dois meses foram defendidas duas dissertações de mestrado no grupo, fato importante considerando que a pós-graduação é recente no departamento de física. Dentro desta área de atuação, pode-se explorar ainda mais os processos de empacotamentos de discos e fios em cavidades 2D. O grupo tem obtido relevantes resultados na área de mecânica estatística experimental e demonstra grande interesse na técnica . Departamento de Odontologia, aplicação da técnica na análise do acúmulo de tensões em próteses fixas sobre dentes ou em próteses parciais removíveis que impactam diretamente a reabilitação oral. Nesta etapa será necessário desenhar os moldes fotoelásticos para aplicação dos implantes. Laboratório didático na área de mecânica dos sólidos para fortalecer a formação do estudantes de engenharia. O Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Piauí é extremamente carente de laboratórios que complementem a formação do estudante. O sistema que será implementado neste projeto poderá servir de base para equipamentos úteis para o ensino de Mecânica e Resistência dos Materiais, disciplinas existentes em todos os cursos de engenharia da UFPI.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Salvio Mangrich

Ciências Exatas e da Terra

Química
  • materiais eletroativos baseados em "grafeno natural" modificados com polímeros condutores para o desenvolvimento de dispositivos armazenadores de energia
  • Este projeto de pesquisa trata da síntese e caracterização de materiais compósitos formados entre biochar, polímeros condutores e partículas óxido-metálicas. O biochar surge como um substituto aos derivados de carbono, trazendo vantagens de ser ambientalmente amigável e de baixo custo, contudo, mantendo a alta área superficial e auxiliando na manutenção da estabilidade dos processos redox dos materiais eletroativos. Conhecendo-se a demanda por materiais mais eficientes para armazenamento energético, os compósitos desenvolvidos a partir da combinação desses três componentes serão aplicados à construção de dispositivos supercapacitores, os quais são dispositivos de liberação rápida de energia.
  • Universidade Federal do Paraná - PR - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Sergio Araujo Fernandes

Ciências Sociais Aplicadas

Administração
  • regras e discricionariedade na atuação dos burocratas de nível de rua e sua influência no desempenho de políticas públicas no brasil
  • Este projeto de pesquisa pretende avaliar em que medida regras e discricionariedade na atuação dos burocratas de nível de rua influenciam no desempenho da implementação de policies nacionais, tomando as políticas de Saúde Pública e Meio Ambiente como estudos de casos. A contribuição conceitual do trabalho consiste no desenvolvimento de uma microanálise dos mecanismos da burocracia que podem contribuir para o sucesso ou o insucesso de políticas públicas, conciliando as perspectivas teóricas estrutural, de ação individual e relacional. Quanto à contribuição deste projeto para a gestão da administração pública brasileira, destaca-se seu potencial para oferecer soluções inovadoras para o processo decisório dos gestores públicos na implementação de policies. Para tanto, após coleta de dados através de pesquisa documental, entrevistas e survey, serão avaliados, mediante cross-case analysis, os efeitos de estruturas burocráticas, incentivos e interações dos burocratas implementadores no desempenho do Programa Saúde da Família e do Plano de Ação para a Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal, considerando a influência de fatores institucionais.
  • Universidade Federal da Bahia - BA - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Sergio Varela Junior

Ciências Agrárias

Medicina Veterinária
  • criopreservação espermática de brycon orbginyanus, visando a preservação em banco de germoplasma.
  • Os peixes migratórios do Brasil são conhecidos como peixes de piracema, entretanto a sobrepesca, mudanças nos cursos dos rios, urbanização e barragens estão entre as principais causas do declínio populacional destas espécies. Dentre estes peixes migratórios está a Piracanjuba, B. orbginyanus, ameaçada de extinção classificada como em estado de perigo (MMA, 2014). Visto o risco de extinção que possui e a valorização na produção animal (aquicultura) existe grande interesse que se priorize a conservação da espécie, assim como a sua variabilidade genética. A conservação de recursos genéticos possui duas estratégias bem estabelecidas, denominadas de conservações in situ e ex situ. A conservação in situ mantém o recurso genético protegido em seu local de origem enquanto a estratégia de conservação ex situ indica que o recurso genético será preservado fora da área de origem, como na criopreservação em bancos de germoplasma. Os bancos de germoplasma podem beneficiar do ponto de vista genético, a reposição de espécies ameaçadas de extinção, sobreexploradas ou ameaçadas de sobreexploração, além de poder ser utilizado para o melhoramento genético da espécie para a produção animal. O congelamento do esperma de peixes em nitrogênio líquido trata-se de uma técnica muito valiosa para a preservação do material genético que pode ser utilizado para assegurar que espécies ameaçadas de extinção, tenham sua variabilidade genética preservada. Para tanto, cada espécie exige um protocolo específico, pois os diluentes e crioprotetores usados podem ter toxicidades diferentes já que a composição bioquímica do plasma seminal varia amplamente entre as espécies devido às diferentes concentrações de lipídios, açúcares e proteinas responsáveis pelo metabolismo das células espermáticas. Existem diversos trabalhos que comprovam o sinergismo de crioprotetores penetrantes, como exemplo as amidas, metil formamida(MF), dimetilformamida(DMF) e dimetilacetamina(DMA), com outras substancias, porém isto ainda não foi testado para Piracanjuba. Antioxidantes adicionados nos meios de congelamento melhoram a qualidade espermática pós-descongelamento, uma vez que diminuem a ação das espécies reativas de oxigênio. O antioxidante 2,4-dinitrophenol (DNP) foi utilizado apenas no Pylodictis olivaris, onde foram observadas melhoras na qualidade seminal pós-descongelamento. Já a adição de ATP extracelular ainda não foi testada em peixes, mas em ratos e patos demonstraram aumento da qualidade das células criopreservadas. Devido isto, o objetivo é avaliar o efeito dos crioprotetores internos MF, DMF ou DMA, combinados com antioxidante DNP e ATP sobre fluidez de membrana, integridade de membrana, mitocôndria, rompimento celular, peroxidação lipídica, espécies reativas de oxigênio, motilidade e periodo de motilidade e outras avaliações de cinética nas células espermáticas de B. orbignyanus. O sêmen dos machos de B. Orbignyanus serão comprados de uma pisicultura, durante o período de reprodução da espécie (dezembro a fevereiro). Ao total serão comprados esperma de 20 machos, (n=20) sendo avaliados imediatamente após a compra a motilidade através de microscopia ótica em lâmina sob lamínula, sendo em seguida diluído na proporção 1:5 na solução diluente Beltsville Thawing Solution. O experimento será conduzido em 2 fases. Fase A. Após a diluição dos espermas no BTS, estes serão homogeneizados com os crioprotetores penetrantes MF, DMF, DMA, onde será testados cada um nas concentrações de 2, 4, 6, 8 e 10%, o tratamento controle será BTS com metilglicol 10%, sendo estes tratamentos congelados em paletas de 0,25 µl. Após 30 dias as palhetas serão descongeladas em banho maria por 8 segundos a 60 ºC sendo avaliado. A cinética espermática será analisada através do Computer-assisted semen analysis (CASA), motilidade total; motilidade progressiva; velocidade espermática média ao longo do trajeto; velocidade retilínea, velocidade curvilínea, distância média percorrida; distância curvilínea; distância retilínea; velocidade média do percurso; retilinearidade; linearidade; oscilação; deslocamento lateral da cabeça; frequência de batimento cruzado. O periodo de motilidade será avaliado no momento da ativação até a parada do movimento progressivo dos espermatozoides. Os danos na estrutura e funcionalidade das células serão analisadas através do parelho Attune Acoustic Focusing ® (Life Technologies) equipado com laser de 488nm e laser 405 nm. Sendo as populações de células espermáticas coradas com 16.2 mM de Hoechst 33342, e os eventos não espermáticos serão descartados por gráficos de dispersão-complexidade e Hoechst 33342 negativo, sendo analisada integridade de membrana (Sybr + Iodeto de propídio), fluidez de membrana (Merocianina 540+ Yo-pro), mitocôndria (Rhodamina 123+ Iodeto de propídio), EROs (DCF-DA + Iodeto de propídio) e peroxidação lipídica (BodyPi-C11). Fase B-Após a avaliação das amidas o crioprotetor penetrante que apresentar melhor resultado na fase A será combinado com acréscimo de DNP nas concentrações de 0,5; 1; 1,5; 2 e 2,5 µM, e ATP nas concentrações 1, 2 e 3 mM e estes serão testados também com o Metilglicol 10%. O congelamento, descongelamento e a avaliação serão conforme descrito na fase A. Após está duas etapas será feito a avaliação da taxa de fertilização e de eclosão para os melhores tratamentos encontrados no projeto, os procedimentos estão representados no fluxograma 1. Os dados dos experimentos serão submetidos á análise estatística de comparação de médias, considerando nível de significância de 5%, através do software Statistix 10.
  • Universidade Federal do Rio Grande - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Thomé

Engenharias

Engenharia Civil
  • nanobiorremediação em solos e águas subterrâneas contaminados com organoclorados e metais utilizando nanoferro de valência zero
  • O problema de poluição de solos e águas subterrâneas é comum a todos os países industrializados do planeta. Por muitos anos este tema foi deixado em segundo plano. Mas hoje sabe-se que solos e águas subterrâneas contaminadas é um problema de saúde pública, uma vez que se os contaminantes não forem retirados do sub-solo, os mesmos continuarão a chegar nos recursos hídricos superficiais. Países desenvolvidos, como Estados Unidos e Alemanha, vêm trabalhando neste tema há muitos anos. No entanto, países em desenvolvimento, como Brasil, este tema é insipiente e necessita de mais estudos para aplicação de tecnologias de descontaminação de solos e águas subterrâneas. No estado do RS o tema é abordado somente no caso de denúncias, segundo informações da área técnica do órgão ambiental estadual (FEPAM-RS). Novas tecnologias de remediação sustentáveis devem ser avaliadas para aplicação em casos reais. Uma tecnologia que nasceu nos anos 90 nos EUA e tem sido bastante estudada é a do uso da nanopartículas de ferro zero (nFeZ) para degradar contaminantes em solos e águas subterrâneas. No entanto, as questões envolvendo remediação de solos e águas subterrâneas são específicas de cada local, não sendo possível transferir diretamente conhecimentos adquiridos com solos sedimentares de climas temperados para solos residuais de clima tropical e subtropical. Este projeto tem como objetivo estudar a aplicação de nFeZ em solos contaminados com organoclorados e metais. A ideia principal do estudo é utilizar o nFeZ para reduzir o contaminante a concentração que os microrganismos consigam sobreviver e continuar o processo de degradação. Esta tecnologia é chamada de nanobioremedição. Os estudos serão realizados através de ensaios de laboratório e campo e terão a duração de 24 meses. O projeto será desenvolvido pelo grupo de Geotecnia Ambiental do RS, sediado na UPF, e terá parceiro nacional o Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil da UFRGS e parceiro internacional a University of Illinois at Chicago dos Estados Unidos. Pretende-se viabilizar o uso da técnica de nanobioremediação em solos residuais, a fim de permitir que os órgãos normativos possam considerar o uso desta nova tecnologia na descontaminação de solos e águas subterrâneas.
  • Universidade de Passo Fundo - RS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Vargas de Oliveira Figueira

Ciências Agrárias

Agronomia
  • silenciamento gênico por rna interferente (rnai) como estratégia de controle de pragas agrícolas: novas abordagens para lepidópteros
  • RNA de interferência (RNAi) é um mecanismo de regulação pós-transcricional, altamente conservado em eucariotos, que controla a expressão de genes em nível de mRNA, desencadeado por exposição a RNA em fita dupla (dsRNA) de sequência homóloga a um gene-alvo. A entrega de moléculas de dsRNA homólogas a genes essenciais de um organismo pode levar ao silenciamento gênico, que pode resultar em prejuízos para a sobrevivência da espécie afetada. RNAi representa uma estratégia de grande potencial de uso no controle de pragas agrícolas. Porém, a eficiência do RNAi para o controle de insetos-praga varia em função de alguns fatores, sendo os principais a espécie-alvo, os genes-alvos a serem silenciados e o modo de entrega do dsRNA. A entrega de dsRNA a pragas agrícolas pode ocorrer pela produção de plantas transgênicas expressando versões invertidas (hairpin) de genes-alvo que geram dsRNAs. Outras alternativas a serem investigadas incluem a aplicação de moléculas de dsRNA sintéticas ou ainda, o uso de bactérias geneticamente transformadas expressando dsRNA específicos. O uso de entrega oral por microrganismos (oral delivery by microbes) apresenta como vantagem o custo reduzido pela produção em escala, aliado a maior proteção das moléculas de dsRNA contra a degradação no ambiente e no inseto. O uso de RNAi no controle de pragas tem alcançado melhores resultados para espécies da ordem Coleoptera, enquanto que lepidópteros, tradicionalmente, apresentam maior recalcitrância para o silenciamento gênico, possivelmente devido à ação de ribonucleases e fatores do ambiente do trato digestório e da hemolinfa desses insetos. Nosso grupo de pesquisa tem investigado o uso de RNAi empregando dois modelos de insetos-praga lepidópteros: a traça do tomateiro (Tuta absoluta) (Lepidoptera: Gelechiidae) e a broca da cana-de-açúcar (Diatraea saccharalis) (Lepidoptera: Crambidae), no intuito de aprofundar o conhecimento dessa abordagem e desenvolver soluções de controle para estas duas importantes pragas agrícolas. Neste projeto, pretendemos utilizar os bancos de dados derivados do sequenciamento do transcritoma por RNA-seq dos diversos estágios de desenvolvimento dessas duas espécies de lepidópteros para assim, selecionar potenciais genes-alvo, cujo silenciamento reflita em prejuízos no desenvolvimento ou sobrevivência das larvas. A avaliação dos genes-alvo será conduzida empregando o crescimento das larvas em dieta artificial, e a entrega de dsRNA derivado de transcrição in vitro após clonagem dos fragmentos gênicos em vetor pGEM-T Easy, ou por clonagem no plasmídeo L4440 para expressão em Escherichia coli HT115 (DE3). Também serão buscados genes que codificam ribonucleases potencialmente responsáveis pela maior degradação de dsRNAs em lepidópteros. A partir dos genes que inflijam maiores danos aos insetos nos ensaios em dieta artificial, serão analisados diversos meios alternativos de entrega de dsRNA aos insetos mencionados. O método de entrega por meio do uso de microrganismos será avaliado, inicialmente, por aplicação de E. coli HT115 (DE3) L4440 em plantas mantidas em casa de vegetação. Também será avaliada a entrega de dsRNA por bactérias endofíticas geneticamente modificadas, que oferecem potencial de uso para colonizar o hospedeiro e produzir dsRNA. Para tal, essa bactéria será geneticamente modificada, por recombinação homóloga, com a finalidade de nocautear seu gene endógeno rnc, que codifica a enzima RNAseIII, visando reduzir a degradação do dsRNA, no hospedeiro bacteriano, pela ação dessa RNAseIII. Ao mesmo tempo, será inserido nesse gene um cassete de expressão constitutiva contendo uma sequência correspondente a determinado gene-alvo do inseto, clonada em ambos os sentidos, intercaladas por um espaçador e dirigida por promotor constitutivo, de forma a produzir dsRNA. Além deste método, a produção comercial de dsRNAs sintéticos tem apresentado custos decrescentes e competitivos. Logo, nesse projeto, pretende-se testar os efeitos desses dsRNAs sintéticos, entregues às larvas dos insetos via oral por meio de dieta artificial. Finalmente, genes-alvo cujo silenciamento resulte em efeitos inibitórios dos danos causados às plantas, serão empregados para gerar plantas transgênicas RNAi de cana-de-açúcar.
  • Universidade de São Paulo - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Victor Campos Coelho

Ciências Biológicas

Imunologia
  • não-resposta imunológica da terapia anti-hiv-1: aspectos imunofenotípicos celulares de inflamação crônica
  • Estima-se que existam cerca de 35,3 milhões de pessoas vivendo com o HIV-1 ao redor do mundo. A terapia antirretroviral consiste em combater a replicação do HIV, que caso prossiga descontrolada, causa diminuição no número de células T CD4+, instaurando o estado de imunodeficiência. Contudo, alguns pacientes não respondem imunologicamente de forma completa ao tratamento, não recuperando níveis adequados de linfócitos T CD4+ e, portanto, são definidos como não respondedores imunológicos e possuem um risco aumentado de desenvolverem complicações não relacionadas à AIDS. Pesquisas anteriores mostram que vias de morte celular programada (apoptose e piroptose) estão relacionadas com a perda de linfócitos T CD4+, levando a uma inflamação crônica que pode causar a exaustão do sistema imune, prejudicando a reconstituição dos números de células T CD4. Em cenários como esse de inflamação persistente, ocorre a proliferação de células supressoras derivadas da linhagem mieloide (MDSC na sigla em inglês, myeloid-derived suppressor cells), uma população heterogênea de células, incluindo macrófagos e células dendríticas, as quais suprimem a atividade de células T CD8+ citotóxicas. Dessa forma, as MDSCs poderiam ter relação com a resposta imunológica da terapia antirretroviral após a supressão da replicação viral. Com isso, a presente proposta de pesquisa procura recrutar indivíduos vivendo com o HIV-1 em tratamento e avaliar a frequência de MDSCs por meio da técnica de citometria de fluxo e avaliar se essas células poderiam ser um fator importante de predição da não-resposta imunológica da terapia antirretroviral através de testes e modelos estatísticos multivariados.
  • Universidade Federal de Pernambuco - PE - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Wilson Rodrigues da Cunha

Ciências Exatas e da Terra

Matemática
  • estabilidade e rigidez de hipersuperfícies cmc com bordo livre e soluções estáveis em variedades est\'aticas
  • O projeto trata do estudo de problemas matemáticos relacionados à Geometria Diferencial tais como: O problema de Steklov, o problema de Yamabe modificado, Estimativas de curvatura de ordem superior e soluções estáveis para o Laplaciano. Além disso o proponente pretende fazer visitas científicas no país e no exterior no sentido de buscar parecerias para aumentar seu potencial de pesquisa. O projeto ainda visa formação de recursos humanos com orientação de mestres e doutores em Geometria e compra de material bibliográfico para suprir a biblioteca do departamento de Matemática onde trabalha.
  • Universidade Federal do Piauí - PI - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Antonio Zelaquett Khoury

Ciências Exatas e da Terra

Física
  • acoplamento de modos spin-órbita em processos paramétricos
  • O projeto a ser desenvolvido em nosso laboratório envolve dois temas principais. O primeiro tema trata do conceito de não-separabilidade estrutural em vórtices óticos, um análogo clássico do emaranhamento quântico, e o segundo diz respeito à dinâmica de vórtices em processos óticos não-lineares. No primeiro tema pretendemos estudar o conceito de contextualidade nos modos spin-órbita de um laser, investigando a violação de desigualdades impostas por modelos clássicos das variáveis envolvidas. No segundo tema pretendemos estudar as regras de acoplamento entre modos spin-órbita em processos paramétricos óticos, com ênfase no controle do emaranhamento quântico entre modos com momento angular orbital.
  • Universidade Federal Fluminense - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aparecida Maria Catai

Ciências da Saúde

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • efeitos agudos da terapia fotobiomodulação no sistema aeróbio no diabetes mellitus tipo 2
  • Introdução: O Diabetes Mellitus tipo II (DM) é conhecido como uma desordem metabólica associada a complicações musculoesqueléticas, cardiorrespiratórias e vasculares que levam a redução da capacidade funcional e qualidade de vida. Efeitos positivos do uso da terapia por fotobiomodulação (FBM) nas respostas fisiológicas durante exercício físico têm sido observados em diferentes populações. No entanto, a influência do uso da FBM nas respostas aeróbias que impactariam a capacidade funcional no DM2, ainda carece de estudos.Objetivo: O objetivo principal deste projeto de pesquisa é avaliar os efeitos agudos da terapia por FBM no sistema aeróbio por meio do estudo integrado da oxigenação muscular, glicemia e lactacidemia em indivíduos com DM2 durante um protocolo de exercício de carga constante seguido por protocolo pseudorrandômico binário (PRBS). Métodos: O estudo será composto por 17 participantes com DM2, do gênero masculino, randomizados aleatoriamente em 6 condições experimentais com diferentes densidades de energias (em Joules, ou J) de terapia por FBM: Placebo (CP), 75J (C75), 150J (C150), 300J (C300), 450J (C450) e 600J (C600). O equipamento utilizado para FBM será composto por 50 diodos emissores de luz (LEDs) com comprimento de onda de 850 nm, potência de 75 mW para cada emissor e área do feixe do diodo de 0,20 cm². As aplicações da terapia por FBM serão seguidas por testes de exercício físico (carga constante e PRBS), de maneira a avaliar a influência da FBM na capacidade funcional e nas respostas metabólicas. Durantes os testes, serão coletadas a glicemia, o lactato, a oxigenação muscular, a pressão arterial e o consumo de oxigênio. Para verificar a normalidade da distribuição dos dados, será realizado o teste Shapiro-Wilk. Os dados serão analisados por testes estatísticos específicos (paramétricos ou não paramétricos) de acordo com a distribuição dos dados e suas respectivas variâncias. Serão utilizados, de acordo com a normalidade, ANOVA ou ANOVA on Ranks de medidas repetidas considerando todas as condições apresentadas ao longo deste projeto de pesquisa. O nível de significância adotado será de 5% para todos os testes. Resultados esperados: Espera-se encontrar melhora da resposta aeróbia nos indivíduos com DM2 após a aplicação da terapia por FMB. Além disso, espera-se esclarecer se há uma energia ótima da terapia por FBM para a melhora da resposta aeróbia e capacidade funcional. Desta forma, espera-se, futuramente, contribuir para o aprimoramento das prescrições de exercício físico em programas de reabilitação e/ou treinamento nesta população.
  • Universidade Federal de São Carlos - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aparecida Maria Neiva Vilaça

Ciências Humanas

Antropologia
  • transformações e traduções na amazônia indígena: cristianismo, escola, projetos e política
  • Este projeto tem dois objetivos principais. O primeiro é a produção de monografias antropológicas (incluindo 7 teses de doutorado e uma dissertação de mestrado) baseadas em pesquisa campo de longa duração entre 13 grupos indígenas das terras baixas sulamericanas (Wari’, Waiwai, Canela-Apanyekra, Yanomami-Ninam, Yanomami-Yanomam, Kaxinawá, Mbyá-Guarani, Kaingang, Ashanika, Ingarikó, Panara, Tupari, Asurini) tendo como tema as transformações socioculturais associadas ao contato intensivo com o universo não-indígena, com foco nas atividades tradutivas – linguísticas, rituais, políticas – que mediam essas transformações. O segundo objetivo do projeto é teórico. Nosso interesse é complexificar as idéias antropológicas vigentes sobre as chamadas transformações culturais, especialmente aquelas decorrentes do encontro entre índios e agentes não-indígenas, afastando-nos dos modelos baseados nas noções de hibridismo, hierarquia, dominância ou perda cultural. Sem deixar de reconhecer o desequilíbrio das estruturas de poder em jogo nesses encontros, nosso foco será voltado à agência indígena, mais especificamente às formas nativas de “contra-efetuação” (para utilizar a noção de Wagner, 2010, que se diferencia da noção de “resistência”) das forças externas de transformação, por meio da apreensão dos novos fenômenos, agentes e ações, a partir dos modelos pré-existentes de transformação e de relação com a alteridade, relacionados aos domínios do parentesco, do xamanismo e da guerra. Diante disso, propomos um modelo alternativo para pensar as transformações socioculturais que vem sendo desenvolvido a partir do estudo da experiência cristã entre os Wari’ e outros grupos nativos, e que tem se mostrado rentável em nossas pesquisas prévias de outras dimensões da socialidade contemporânea desses povos estudados, tais como a experiência com a educacão escolar, os grandes projetos, os auxílios governamentais, o dinheiro e a política partidárias. Esse modelo considera a possibilidade de alternância entre diferentes concepções do mundo e formas de sociabilidade que, embora afetem-se mutuamente, tendem a coexistir de modo relativamente autônomo em distintas configurações espaciais, temporais e linguísticas. A ênfase nos processos tradutivos, centrais em todos os domínios a serem estudados por nós - e possível dado o imperativo de aprendizado das línguas nativas por todos os pesquisadores -, responde pela originalidade de nosso projeto, pois possibilitará uma observação mais nuançada dos fenômenos, tornando visíveis os detalhes do trânsito entre as diferentes ontologias e configurações socioculturais A pesquisa, que envolve 7 alunos de doutorado e um aluno de mestrado do PPGAS/Museu Nacional sob a minha orientação, inclui ainda 5 pesquisadores-doutores vinculados ao Laboratório de Inovações Ameríndias (LinA), cadastrado no Diretório de grupos de pesquisa do CNPq e por mim coordenado. Encontra-se também estreitamente relacionada aos projetos individuais e coletivos que venho desenvolvendo, desde 2008, no contexto de minha Bolsa de Produtividade em Pesquisa, do Edital Universal do CNPq e da Bolsa Cientista do Nosso Estado da Faperj. Para a visualização da localização geográfica e eixos temáticos das pesquisas em curso no LInA, acesse: http://prezi.com/60beqcognkgn/?utm_campaign=share&utm_medium=copy
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Aparecida Santana de Souza Chiari

Ciências Humanas

Educação
  • celular e educação matemática: o que podem as tecnologias digitais móveis?
  • Este projeto tem por objetivo explorar e analisar possibilidades de uso do celular em aulas de matemática, em distintos níveis e processos educativos. Com isso pretende-se compreender, dentro do paradigma de pesquisa qualitativa, como esse dispositivo tecnológico pode entrar na sala de aula de matemática, rompendo uma dicotomia entre o uso naturalizado em atividades diárias e contextos externos à sala de aula e o pouco explorado uso pedagógico. A concepção teórica na qual este estudo irá se apoiar entende que o conhecimento é produzido por coletivos formados por humanos e mídias, uma vez que conhecemos com as mídias, sejam elas a oralidade, a escrita ou as linguagens multimodais, hoje potencializadas com a Internet. Os procedimentos metodológicos adotados irão se basear em entrevistas e intervenções pedagógicas com a produção e desenvolvimento de atividades matemáticas para exploração com o celular na educação básica e superior. A análise de dados será ancorada nos princípios da terceira geração da Teoria da Atividade, entendendo a atividade humana como um fenômeno complexo e dinâmico, constituído por sujeitos, instrumentos culturais mediadores, objeto, regras, comunidade e divisão de trabalho. A atividade humana vista dessa forma constitui a unidade mínima para análise, contempla diferentes vozes, é investigada com base em sua própria historicidade e busca movimentos expansivos a partir de contradições internas provocadas no sistema em atividade. Com a realização desta pesquisa, esperamos investigar formas de trazer o aluno para o papel de produtor de conteúdo matemático digital a partir do uso e da exploração dos recursos disponíveis para o celular bem como entender como esse dispositivo pode ser utilizado a favor do ensino de matemática.
  • Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - MS - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022
Foto de perfil

Archimedes Perez Filho

Ciências Exatas e da Terra

Geociências
  • evolução da paisagem e geocronologia das cobertura superficiais em baixos terraços fluviais no médio curso do rio grande, oeste da bahia
  • A presente proposta de pesquisa está alicerçada na aplicação da abordagem geomorfológica (compartimentação do relevo, estrutura superficial da paisagem e morfodinâmica), enfatizando discussões sobre gênese e evolução espaço-temporal dos terraços fluviais. A pesquisa busca compreender a dinâmica das coberturas superficiais (material de origem dos solos) considerando fundamental a caracterização da estrutura superficial da paisagem para recompor hiatos temporais e genéticos referentes à evolução dos terraços e coberturas superficiais a eles associadas. Neste contexto, o recurso metodológico adotado como condutor desta proposta está pautado no método sistêmico, buscando assim integrar resultados obtidos por meio de datações absolutas, resultantes da aplicação do método da Luminescência Opticamente Estimulada (LOE) e de análises morfoestratigráficas dos materiais envolvidos. Assim sendo, esta pesquisa busca aprofundar a compreensão da espacialização dos níveis de terraços fluviais e dinâmica lateral e vertical do canal fluvial ao longo do médio curso do Rio Grande (BA) e correlaciona-los com resultados já obtidos em demais áreas do território brasileiro. Assim, por meio da metodologia aplicada, será possível verificar sequências deposicionais, correlacionando às pulsações climáticas holocênicas ocorridas em condições tropicais quentes e secas no Oeste baiano. Em virtude da abrangência da análise proposta, será possível identificar elementos sincrônicos e diacrônicos na gênese das formas estudadas, e analisar as particularidades das dinâmicas ambientais regionais/locais atuando em momentos distintos.
  • Universidade Estadual de Campinas - SP - Brasil
  • 18/02/2019-28/02/2022